Base de dados : LILACS
Pesquisa : G07.203.650.240 [Categoria DeCS]
Referências encontradas : 3843 [refinar]
Mostrando: 1 .. 10   no formato [Detalhado]

página 1 de 385 ir para página                         

  1 / 3843 LILACS  
              next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: lil-393857
Autor: Walker, Ilse.
Título: The food spectrum of the cardinal - tetra (Paracheirodon axelrodi, Characidae) in its natural habitat
Fonte: Acta amaz;34(1):69-73, 2004. tab.
Idioma: en.
Projeto: UFAM; . INPA. Project Piaba.
Resumo: O cardinal (Paracheirodon axelrodi) é o peixe ornamental comercializado com maior intensidade na Bacia do Rio Negro (Estado do Amazonas, Brasil). Análise do conteúdo estomacal de peixes capturados nos seus habitats naturais mostra, que o cardinal é essencialmente um predador, alimentando-se da mesofauna que está colonizando a liteira submersa, arbustos submersos, raízes flutuantes e plantas aquáticas. As presas principais são microcrustáceos e larvas de quironomídeos (Chironomidae, Diptera), enquanto ingestão de algas é pouco freqüente. Considera-se que o tamanho relativamente pequeno de cardinais capturados nos ambientes naturais é devido as migrações anuais que acompanham os ciclos anuais de enchente e vazante, e não à falta de recursos; já que é conhecido de ambientes parecidos de outros rios da região, que estes substratos aquáticos são densamente colonizados pela mesofauna. Cardinais criados em cativeiros tem taxas de crescimento mais altas e são de tamanho maiores.
Descritores: Chironomidae
Dieta
Dípteros
Peixes
Responsável: BR6.1 - BCS - Biblioteca de Ciências da Saúde


  2 / 3843 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: lil-393866
Autor: Claro-Júnior, Luiz; Ferreira, Efrem; Zuanon, Jansen; Araujo-Lima, Carlos.
Título: O efeito da floresta alagada na alimentação de três espécies de peixes onívoros em lagos de várzea da Amazônia Central, Brasil / Effects of flooded forest in the diet of three fish species in floodplain lakes of Central Amazon, Brazil
Fonte: Acta amaz;34(1):133-137, 2004. ilus, tab, graf.
Idioma: pt.
Resumo: As enchentes anuais dos rios na Amazônia alagam extensas áreas de floresta conhecidas como várzeas ou igapós. Estas áreas têm papel importante na vida dos peixes da região, pois são fontes de alimento e de abrigo. Acreditamos que o desmatamento destas áreas ocasiona prejuízos à ictiofauna principalmente pela diminuição da quantidade e diversidade de alimento disponível. O estudo da relação entre a quantidade de floresta e a dieta de Parauchenipterus galeatus (Auchenipteridae, Siluriformes), Mylossoma duriventre (Characidae, Characiformes)e Triportheus elongatus (Characidae, Characiformes)permitiu registrar pela primeira vez a influência direta da floresta alagada na ecologia alimentar de peixes na Amazônia Central.
Descritores: Lagos
Ecossistema Amazônico
Conservação dos Recursos Naturais
Dieta
Áreas Alagadas
Peixes
Responsável: BR6.1 - BCS - Biblioteca de Ciências da Saúde


  3 / 3843 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: biblio-1135641
Autor: Brandolt, Inácio M. C; Maurique, Ana Paula; Damboriarena, Pedro A; Trost, Maria Elisa; Pozzobon, Ricardo; Anjos, Bruno L.
Título: Gastric disorders of cattle in western Rio Grande do Sul State, Brazil / Distúrbios gástricos de bovinos no Oeste do Rio Grande do Sul
Fonte: Pesqui. vet. bras = Braz. j. vet. res;40(6):417-425, June 2020. tab, ilus.
Idioma: en.
Resumo: A retrospective study of gastric disorders in autopsied cattle in the Western region of Rio Grande do Sul State, was performed. The exam reports of bovine necropsy of the Veterinary Pathology Laboratory, Unipampa, were analyzed in the period from 2010 to 2018. All cases in which death was primarily caused by disturbance in the gastric chambers were included. During the period evaluated, 141 cattle were necropsied. Of those, 25 had gastric disorders. Of those, 53% had alterations in the rumen, followed by abomasum (17%), involvement of two chambers (13%) and reticulum (9%). Most cases corresponded to beef cattle raised in an extensive system and most them for calf production and fattening with an average age of approximately three years. The cases occurred in farms of four different municipalities. Bullous bloat by excessive Trifolium repens ingestion was the gastric disturbance with the highest number of dead cattle observed in this study, especially in irrigated áreas of livestock farms. Cases such as lactic acidosis, ruminal alkalosis due to excessive urea ingestion and Baccharis coridifolia poisoning were also important gastric disturbances in necropsied cattle, associated especially with poor management and period of scarcity of good quality fodder. Cases of Clostridium perfringens infection were also observed in young cattle suggesting that it is an important infectious agent in the evaluated cattle herds, also showing failures in vaccination of the herds. As observed, gastric disturbances in cattle in the western region of Rio Grande do Sul have several causes. Metabolic/toxic and infectious disturbances were important causes of mortality in the herds, inducing considerable economic losses. Based on this study, it is clear that the majority of outbreaks or isolated cases occurred due to errors in the management of the properties and the vast majority of them could have been avoided with improvements in the technical qualification of the workers and simple adjustments in the farming methods. It is also emphasized the importance of the conclusive diagnosis to control these disorders, once after the orientation to the producers, was observed significant decrease in cattle losses in the farms.(AU)

Foi realizado estudo retrospectivo dos distúrbios gástricos em bovinos necropsiados na região Oeste do Rio Grande do Sul. Foram analisados os relatórios de exame de necropsia de bovinos do Laboratório de Patologia Veterinária (LPV) da Universidade Federal do Pampa (Unipampa), Rio Grande do Sul, no período de 2010 a 2018. Foram incluídos todos os casos nos quais a morte foi causada primariamente pelo distúrbio nas câmaras gástricas. De um total de 141 bovinos necropsiados, 25 corresponderam a distúrbios gástricos. Dentre esses, 53% apresentaram alterações no rúmen, seguido de abomaso 17%, acometimento concomitante de duas câmaras 13% e retículo 9%. A maioria dos casos ocorreram em bovinos de corte criados em sistema extensivo e a maioria destinados à produção de bezerros e engorda com média de idade de aproximadamente três anos. Os casos ocorreram em propriedades rurais de quatro municípios da região Oeste do estado. O timpanismo bolhoso por ingestão excessiva de Trifolium repens foi o distúrbio gástrico com maior número de bovinos mortos observados nesse estudo, especialmente em propriedades com criação de animais em áreas de irrigação. Casos como acidose láctica, alcalose ruminal por intoxicação por ureia e intoxicação por Baccharis coridifolia também foram importantes distúrbios gástricos nos bovinos necropsiados e percebeu-se sua associação a falhas no manejo e à época de escassez de forragem de boa qualidade. Foram observados ainda casos de infecção por Clostridium perfringens em bovinos jovens o que sugere também tratar-se de um importante agente infeccioso nos rebanhos bovinos avaliados, demonstrando ainda falhas na vacinação dos rebanhos. Conforme observado, diversos são os distúrbios gástricos em bovinos na região Oeste do Rio Grande do Sul, tendo como importantes causas de mortalidades os distúrbios metabólicos/tóxicos e infecciosos, induzindo consideráveis perdas econômicas. Com base nesse levantamento, percebe-se que a maioria dos surtos ou casos isolados estudados ocorreram por erros no manejo nas propriedades e, na sua grande maioria, poderiam ter sido evitados com especialização da mão de obra e ajustes simples. Ressalta-se ainda a importância do diagnóstico conclusivo para controle desses distúrbios, uma vez que, após a orientação aos produtores, observou-se significativa diminuição das perdas de bovinos nas propriedades.(AU)
Descritores: Doenças dos Bovinos
Gastroenteropatias/etiologia
Gastroenteropatias/patologia
Gastroenteropatias/veterinária
Gastroenteropatias/epidemiologia
-Intoxicação por Plantas/veterinária
Infecções por Clostridium/veterinária
Dieta/veterinária
Limites: Animais
Bovinos
Responsável: BR68.1 - Biblioteca Virginie Buff D'Ápice


  4 / 3843 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Mello, Débora Falleiros de
Texto completo
Texto completo
Id: biblio-1129820
Autor: Saldan, Paula Chuproski; Mello, Débora Falleiros de.
Título: A observação participante para avaliação de práticas alimentares de crianças desnutridas menores de dois anos / The role of participant observation for evaluating feeding practices of malnourished children under two years old / La observación participante en la evaluación de prácticas alimentarias de niños malnutridos menores de dos años
Fonte: Rev. baiana saúde pública;42(2), 01/06/2018.
Idioma: pt.
Resumo: Objetivou-se descrever a utilização da observação participante (OP) para análise da alimentação de crianças desnutridas menores de dois anos. Foram analisados na íntegra oito diários de campo (DC) para identificar como a OP auxilia na avaliação das práticas alimentares de crianças dessa faixa etária. Os resultados foram agrupados nos seguintes temas: "A entrada em campo"; "O diário de campo: antes, durante e após as observações"; "A observação das práticas alimentares das crianças"; e "A observação que ultrapassa as práticas alimentares das crianças". Verificou-se in loco quais os alimentos preparados, oferecidos e consumidos pela criança, quem preparava, horários e locais das refeições, aspectos de higiene, interações mãe-criança, cuidados dispensados às crianças, situação social e redes de suporte das famílias. A OP revelou aspectos para além da alimentação como ato biológico e ampliou o entendimento sobre a situação da criança frente ao problema de saúde.

This study describes the use of participant observation to analyze the feeding of malnourished children under two years old. Eight field diaries were fully analyzed to identify the usefulness of this tool to evaluate feeding practices of children in this age group. The results were grouped according to the following themes: "Entry into the field"; "The field diary: before, during and after observations"; "Observing the children's feeding practices"; "Observing beyond the children's feeding practices". The kinds of foods prepared, offered and consumed by the child were recorded in loco, as well as who prepared food, the time and places where the meals occurred, hygiene aspects, mother-child interactions, daily childcare and families' social situation and support network. Participant observation revealed aspects beyond feeding as a biological act and improved the understanding of the children's health situation.

Se describió la utilización de observación participante (OP) para evaluar la alimentación de niños malnutridos menores de dos años. Se analizaron ocho diarios de campo (DC) para identificar cómo la OP auxilia en la evaluación de prácticas alimentarias de niños en este grupo de edad. Los resultados se agruparon en: Entrada en campo; El diario de campo: antes, durante y después de las observaciones; Observación de las prácticas alimentarias; y Observación que va más allá de las prácticas alimentarias. Se verificó in loco los alimentos preparados, ofrecidos y consumidos por el niño, quién los preparaba, los horarios y locales de las comidas, los aspectos de higiene, las interacciones madre-niño, los cuidados dispensados, la situación social y las redes de soporte de las familias. La OP reveló aspectos más allá de la alimentación como un acto biológico y amplió la comprensión sobre la situación del niño ante el problema de salud.
Descritores: Transtornos da Nutrição do Lactente
Desnutrição
Dieta
Lactente
Limites: Humanos
Lactente
Tipo de Publ: Relatos de Casos
Responsável: BR15.1 - Biblioteca de Ciências Biomédicas


  5 / 3843 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Chor, Dóra
Texto completo
Id: biblio-1055831
Autor: Pires, Raphaela Kistenmacker; Luft, Vivian Cristine; Araújo, Marina Campos; Bandoni, Daniel; Molina, Maria del Carmen; Chor, Dora; Cardoso, Letícia de Oliveira.
Título: Análise crítica do índice de qualidade da dieta revisado para a população brasileira (IQD-R): aplicação no ELSA-Brasil / Critical analysis of the revised diet quality index for the Brazilian population (DQI-R): its application in ELSA-Brasil
Fonte: Ciênc. Saúde Colet;25(2):703-713, Feb. 2020. tab, graf.
Idioma: pt.
Resumo: Resumo O objetivo deste estudo foi analisar criticamente a aplicação do Índice de Qualidade da Dieta - Revisado (IQD-R), explicitar facilidades e dificuldades em seu cálculo, sugerir adaptações e comparar sua distribuição segundo variáveis sociodemográficas entre os 15.105 servidores públicos participantes do Estudo Longitudinal de Saúde do Adulto, no período de 2008 a 2010. O consumo alimentar foi aferido com base em Questionário de Frequência Alimentar e o IQD-R foi estimado de quatro maneiras: original; ponderado para frequência de consumo de frutas e hortaliças; modificado considerando leguminosas separado dos demais vegetais e adaptado abrangendo as duas alterações anteriores. Os resultados indicaram que independentemente da adaptação realizada, as mulheres, os indivíduos com mais de 65 anos e os indivíduos de menor escolaridade apresentaram escores médios mais altos indicando dieta de melhor qualidade. Acredita-se que as adaptações propostas podem ser úteis para estudos futuros que apliquem o IQD-R.

Abstract The scope of this study was to conduct a critical analysis of the application of the Brazilian Healthy Eating Index - Revised (BHEI-R), to explain the ease and difficulties in its calculation, to suggest adaptations and to compare its distribution. This was done in accordance with sociodemographic variables among the 15,105 public servants participating in the Longitudinal Study of Adult Health from 2008 to 2010. Food consumption was assessed based on a Food Frequency Questionnaire and BHEI-R was estimated in four ways: original; weighted for frequency of consumption of fruits and vegetables; modified considering legumes separated from other vegetables, and adapted covering the two previous changes. The results indicated that irrespective of the adaptation performed, women, individuals over 65 years of age and individuals with lower schooling had higher mean scores indicating a better quality diet. It is believed that the proposed adaptations may be useful for future studies that apply BHEI-R.
Descritores: Dieta/estatística & dados numéricos
Comportamento Alimentar
Dieta Saudável
-Verduras
Brasil
Fatores Sexuais
Estudos Longitudinais
Fatores Etários
Dieta/normas
Frutas
Pessoa de Meia-Idade
Limites: Humanos
Masculino
Feminino
Adulto
Idoso
Responsável: BR1.1 - BIREME


  6 / 3843 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: biblio-1055829
Autor: Silva, Jaqueline Aragoni da; Silva, Kelly Samara da; Silva, Mônica Costa; Silveira, Pablo Magno da; Duca, Giovâni Firpo Del; Benedet, Jucemar; Nahas, Markus Vinicius.
Título: Consumo de frutas e verduras por adolescentes catarinenses ao longo de uma década / Fruit and vegetable consumption over a decade among adolescents in the State of Santa Catarina, Brazil
Fonte: Ciênc. Saúde Colet;25(2):613-621, Feb. 2020. tab, graf.
Idioma: pt.
Resumo: Resumo Compreender mudanças no consumo de frutas e verduras por adolescentes é importante para criação de ações de saúde pública. O objetivo deste artigo é investigar mudanças, em dez anos, no consumo diário de frutas e verduras por adolescentes, de acordo com sexo, idade e área de moradia. Estudo de painel (análise secundária) da pesquisa "Estilo de vida e comportamentos de risco de jovens catarinenses". Adolescentes (15-19 anos) de escolas estaduais, em 2001 (n = 5.028) e 2011 (n = 6.529), responderam questionário sobre consumo de frutas e verduras e aspectos sociodemográficos. Estatística descritiva e regressão logística (2001 vs 2011), estratificada para sexo, idade e área de moradia. Houve diminuição no consumo diário de frutas (39,1% e 16,6%) e de verduras (40,1% e 20,6%). Diferentes prevalências são observadas de acordo com subgrupos, principalmente entre moças. A chance para consumo diário de verduras entre rapazes e adolescentes de área rural continuou a mesma. A diminuição na prevalência do consumo diário de frutas e verduras por adolescentes catarinenses de 15 a 19 anos aponta necessidade de criação de estratégias para reversão deste cenário.

Abstract Understanding the changes in the trends of fruit and vegetable consumption among adolescents is important in order to implement public health actions. The scope of this article is to investigate the changes over a ten-year period in the daily fruit and vegetable consumption among adolescents from Santa Catarina, according to sex, age and housing area. It is a secondary analysis of a panel survey entitled "Lifestyle and Risk Behavior of Adolescents in the State of Santa Catarina, Brazil (ComPAC)." Adolescents (15-19 years of age) of state schools in 2001 (n=5.028) and 2011 (n=6.529) answered a questionnaire about fruit and vegetable consumption as well as about sociodemographic aspects. Descriptive statistics and logistic regression were applied, according to sex, age and housing area. There was a decrease in daily fruit (39.1% and 16.6%) and vegetable (40.1% and 20.6%) consumption. Different prevalence levels were observed when analyzing subgroups, mainly among girls. From 2001 to 2011, daily vegetable consumption among boys and adolescents in rural areas remained the same. The decrease in daily consumption of fruit and vegetables among adolescents aged 15 to 19 in Santa Catarina highlights the need for the development of strategies to reverse this scenario.
Descritores: Verduras
Comportamento do Adolescente
Comportamento Alimentar
Frutas
-População Rural/estatística & dados numéricos
População Urbana/estatística & dados numéricos
Brasil
Fatores Sexuais
Estudos Transversais
Inquéritos e Questionários
Dieta/estatística & dados numéricos
Limites: Humanos
Masculino
Feminino
Adolescente
Adulto Jovem
Responsável: BR1.1 - BIREME


  7 / 3843 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Priore, Silvia Eloiza
Texto completo
Id: biblio-1055835
Autor: Carvalho, Carolina Abreu de; Fonseca, Poliana Cristina de Almeida; Nobre, Luciana Neri; Silva, Mariane Alves; Pessoa, Milene Cristine; Ribeiro, Andréia Queiroz; Priore, Silvia Eloiza; Franceschini, Sylvia.
Título: Fatores associados aos padrões alimentares no segundo semestre de vida / Factors associated with dietary patterns in the second half of life
Fonte: Ciênc. Saúde Colet;25(2):449-459, Feb. 2020. tab.
Idioma: pt.
Resumo: Resumo O objetivo deste artigo é identificar padrões alimentares de crianças com 6, 9 e 12 meses e sua associação com variáveis socioeconômicas, comportamentais, de nascimento e nutrição. Estudo transversal com crianças de uma coorte em Viçosa-MG, sendo 112 crianças com 6 meses, 149 com 9 meses e 117 com 12 meses. O consumo alimentar foi avaliado por um recordatório de 24 horas e os padrões extraídos por análise de agrupamentos. O leite materno foi identificado em pelo menos um padrão alimentar em todos os meses. Houve baixa participação de alimentos ultraprocessados nos padrões alimentares identificados. No 6º mês, crianças com menor renda familiar tiveram menos chance de pertencer ao padrão alimentar composto por fórmulas lácteas. Já o sobrepeso/obesidade foi 3,69 vezes maior em crianças que compunham o padrão 2 (fórmulas lácteas, verduras, legumes, carne bovina e pera). Aos 12 meses o déficit de estatura (RP = 3,28) e o uso de mamadeira (RP = 4,51) estiveram associados ao padrão alimentar composto por fórmulas lácteas e leite de vaca. Os padrões alimentares identificados refletiram a importante participação do leite materno na alimentação das crianças. Padrões alimentares com a presença de outros tipos de leite, foram associados a desvios nutricionais e uso de mamadeiras.

Abstract The aim of this paper is to identify eating patterns of children aged 6, 9 and 12 months and their association with socioeconomic, behavioral, birth and nutrition variables. Cross-sectional study with children from a cohort in Viçosa-MG, with 112 children at 6 months, 149 at 9 months and 117 at 12 months. Food intake was assessed by a 24-hour recall and patterns extracted by cluster analysis. Breast milk was identified in at least one dietary pattern every month. There was a low participation of ultra-processed foods in the identified dietary patterns. At month 6, children with lower family income were less likely to belong to the dietary pattern composed of milk formulas. Already overweight/obesity was 3.69 times higher in children who made up the pattern 2 (dairy formulas, vegetables, vegetables, beef and pear). At 12 months height deficit (PR = 3.28) and bottle use (PR = 4.51) were associated with the dietary pattern composed of milk formulas and cow's milk. The dietary patterns identified reflected the important participation of breast milk in children's diets. Dietary patterns with the presence of other types of milk were associated with nutritional deviations and bottle feeding.
Descritores: Alimentação Artificial/estatística & dados numéricos
Aleitamento Materno/estatística & dados numéricos
Dieta/estatística & dados numéricos
Comportamento Alimentar
-Fatores Socioeconômicos
Estudos Transversais
Estudos de Coortes
Fatores Etários
Leite
Fenômenos Fisiológicos da Nutrição do Lactente
Limites: Humanos
Animais
Lactente
Responsável: BR1.1 - BIREME


  8 / 3843 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Texto completo
Id: biblio-968968
Autor: Euclides, Valéria Pacheco Batista; Costa, Fernando Paim; Euclides Filho, Kepler; Montagner, Denise Baptaglin; Figueiredo, Geraldo Ramos.
Título: Biological and economic performance of genetic groups under different diets / Desempenho biológico e econômico de grupos genéticos sob diferentes dietas
Fonte: Biosci. j. (Online);34(6):1683-1692, nov.-dec. 2018. tab, graf.
Idioma: en.
Resumo: A grazing trial to evaluate biological and economic efficiencies for rearing young animals exclusively on pasture from weaning at 7 months of age, with average initial weight of 220 ± 12 kg, to slaughter was conducted from May 2006 to October 2007. Two levels of combined supplementation during the first dry period and four genetic groups (F1 Angus-Nellore; ½Braford-»Angus-»Nellore; ½Brahman-»Angus-»Nellore; and ⅝Charolais-⅜Nellore) were used following a 4 by 2 factorial arrangement and eight replications in a completely randomized design. During both dry periods, eight paddocks of deferredBrachiaria brizantha were utilized. During the first dry period, concentrated mix (CM) and protein-mineral mixture (PMM) were provided in quantities of 0.8% and 0.2% of body weight (BW), respectively, for 142 days. During the subsequent rainy period, the animals were transferred to eight guinea grass paddocks for 197 days. During the second dry period, the animals were allocated to the same eight palisade grass paddocks used during the previous dry season. Steers had received supplementary diet with the same CM used before at 0.8% of BW. Animals supplemented with CM gained more BW than those supplemented with PMM; however, during the rainy season, steers supplemented with PMM performed better than those receiving CM during the preceding dry period. Using concentrate since the first dry season is a risky option in economic terms, as only the Angus-Nellore group showed a positive but small gain.(AU)

O experimento foi conduzido de maio de 2016 a outubro de 2017 com o objetivo de avaliar as eficiências biológica e econômica de animais exclusivamente em pastos, da desmama ao abate. Foram avaliados dois níveis de suplementação alimentar combinados com quatro grupos genéticos durante o período seco: F1 Angus-Nelore; ½Braford-»Angus-»Nelore; ½Brahman-»Angus-»Nelore; e⅝Charolais-⅜Nelore, seguindo-se um arranjo fatorial 4 x 2 com oito repetições em delineamento completamente ao acaso. Durante os dois períodos secos avaliados, oito piquetes de Brachiaria brizantha diferida foram utilizados. No primeiro período seco, mistura concentrada (MC) e mistura mineral múltipla (MMM) foram fornecidas nas quantidades de 0,8 e 0,2% do peso vivo (PV), respectivamente, durante 142 dias. Durante a estação das águas subsequente, todos os animais foram transferidos para oito piquetes de Panicum maximum, por 197 dias. No segundo período seco, os animais foram alocados nos mesmos oito piquetes de braquiária utilizados no período seco anterior e receberam suplementação alimentar MC, no mesmo nível, 0,8% PV utilizado anteriormente. Animais suplementados com MC apresentaram maior ganho de peso que animais recebendo MMM; entretanto, durante o período chuvoso, estes animais apresentaram melhor desempenho que àqueles que receberam MC durante o período seco. Animais Angus-Nelore apresentaram desempenho superior aos demais cruzamentos, destacando-se a precocidade da raça em alcançar o ponto de abate. A utilização de suplemento concentrado desde a primeira seca após desmama é uma opção de risco econômico, uma vez que apenas o grupo genético Angus-Nelore apresentou pequeno incremento positivo de ganho.(AU)
Descritores: Brachiaria
Dieta
Animais
-Pastagens
Eficiência
Poaceae
Panicum
Responsável: BR396.1 - Biblioteca Central


  9 / 3843 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: biblio-1089477
Autor: Pereira, Ingrid Freitas da Silva; Vale, Diôgo; Bezerra, Mariana Silva; Lima, Kenio Costa de; Roncalli, Angelo Giuseppe; Lyra, Clélia de Oliveira.
Título: Padrões alimentares de idosos no Brasil: Pesquisa Nacional de Saúde, 2013 / Dietary patterns of the elderly in Brazil: National Heath Survey, 2013
Fonte: Ciênc. Saúde Colet;25(3):1091-1102, mar. 2020. tab, graf.
Idioma: pt.
Resumo: Resumo Objetivou-se identificar padrões alimentares de idosos brasileiros e seus fatores associados. Estudo transversal realizado a partir de dados da Pesquisa Nacional de Saúde (PNS/2013) de 11.177 idosos, cujos padrões alimentares foram identificados a partir de análise de "cluster". Regressão de Poisson com variância robusta foi utilizada para a análise de fatores associados. A análise de "cluster" produziu 2 padrões alimentares, um saudável (55,4%), com maior consumo de verduras e legumes crus e cozidos, frango, frutas, sucos de frutas naturais e leite. E outro não saudável (44,6%), com maior consumo de carne vermelha e refrigerante ou suco artificial. As prevalências do padrão alimentar saudável foram maiores em idosos do sexo feminino (RP = 1,32; IC95% 1,25-1,40), cor/raça branca (RP = 1,09; IC95% 1,02-1,15), idosos com graduação ou pós-graduação (RP = 1,56; IC95% 1,41-1,72), residentes nas regiões Sudeste (RP = 1,54; IC95% 1,33-1,79) e Sul (RP = 1,51; IC95% 1,30-1,76), que não fumavam (RP = 1,19; IC95% 1,07-1,31) e que praticavam atividade física (RP = 1,24; IC95% 1,17-1,32). Esses resultados indicaram associação entre melhores condições sociais e hábitos de vida benéficos com o consumo de alimentos saudáveis, reforçando a hipótese da determinação social e da coexistência dos comportamentos de saúde.

Abstract The study sought to identify dietary patterns and associated factors of elderly Brazilians. It involved a cross-sectional study based on data from the National Health Survey ("PNS/2013") of 11,177 elderly individuals, whose dietary patterns were identified by cluster analysis. Poisson regression with robust variance was used for the analysis of associated factors. The cluster analysis produced 2 clusters of dietary patterns, one healthy (55.4%), with greater consumption of raw and cooked vegetables and legumes, chicken, fruits, natural fruit juices and milk. And an unhealthy cluster (44.6%), with greater consumption of red meat and soft drinks or artificial juices. The prevalence of the healthy dietary pattern was greater for females (PR = 1.32, 95% CI 1.25- 1.40), Caucasian (PR = 1.09, 95% CI 1.02-1.15), elderly individuals with graduate or post-graduate degree (PR=1.56, 95% CI 1.41-1.72), living in the Southeast (PR = 1.54, 95% CI, 1.33-1.79) and South (PR = 1.51, 95% CI 1.30-1.76), non-smokers (PR = 1.19, 95% CI, 1.07-1.31) and physically active (PR = 1.24, 95% CI, 1.17-1.32). These results indicated an association between better social conditions and beneficial life habits with the consumption of healthy foods, reinforcing the hypothesis of social determination and the coexistence of health behaviors.
Descritores: Dieta
Alimentos
-Brasil
Estudos Transversais
Inquéritos Epidemiológicos
Pessoa de Meia-Idade
Limites: Humanos
Masculino
Feminino
Idoso
Idoso de 80 Anos ou mais
Responsável: BR1.1 - BIREME


  10 / 3843 LILACS  
              first record previous record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: lil-512634
Autor: Yamamoto, Kedma Cristine; Soares, Maria Gercilia Mota; Freitas, Carlos Edwar de Carvalho.
Título: Alimentação de Triportheus angulatus (Spix & Agassiz, 1829) no lago Camaleão, Manaus, AM, Brasil / Feeding of Triportheus angulatus (Spix & Agassiz, 1829) in the Camaleão lake, Manaus, Amazonas state, Brazil
Fonte: Acta amaz;34(4):653-659, out.-dez. 2004. graf, mapas, tab.
Idioma: pt.
Projeto: Max-Planck-Institute für Limology. Working Group for Tropical Ecology.
Resumo: As inundações periódicas na Amazônia Central causam profundas modificações no meio ambiente. A alternância dos períodos de cheias e secas tem influência nos fatores bióticos e abióticos do meio aquático. Na enchente e na cheia é alta a oferta de alimentos, ampliando o espectro alimentar que é restrito na seca. As variáveis limnológicas também sofrem modificações. As concentrações de oxigênio têm variações sazonais e diárias, às vezes com períodos de hipoxia. Apesar dessas alterações, os lagos de várzea são habitados por muitas espécies de peixes e estão entre os ambientes de maior abundância e riqueza de peixes na Amazônia. A distribuição temporal e a alimentação de Triportheus angulatus (Spix & Agassiz, 1829) foi estudada em um lago de várzea da Amazônia Central para entender a influência das modificações hídricas sobre o tamanho dos indivíduos, a composição da dieta e a ingestão dos alimentos mesmo em condições de baixas concentrações de oxigênio. Na enchente predominam os indivíduos menores, enquanto que na cheia, vazante e seca os maiores. Houve mudança sazonal na composição da dieta que foi relacionada com a disponibilidade de alimentos no ambiente: na enchente os peixes ingerem principalmente insetos e zooplâncton; na cheia e vazante frutos e sementes, e na seca insetos. O consumo de alimento foi alto na enchente e cheia, decrescendo na vazante e atingindo as menores quantidades na seca. A atividade alimentar, no período estudado, não foi influenciada pelas baixas concentrações de oxigênio existentes no lago.

Periodical flooding cause strong modifications in Central Amazonian floodplain. Periodical rising and decreasing of the water level influences abiotic and biotic factors of the aquatic environments. During the flooding season, there is a high feed availability, in contrast with dry season in which feed availability is at the lowest level. Limnological parameters also change seasonally. Oxygen concentrations vary both daily and seasonally, sometimes even showing hypoxic conditions. Despite these alterations, floodplain lakes are inhabited by several fish species, having the most diverse and abundant fish fauna among the Amazonian environments. This study focused on Triportheus angulatus feeding in temporal distribution in order to understand the influences of hydrological changes on individual size, diet composition and feeding even in low oxygen concentrations. In rising waters season, small individuals are predominant while the decreasing and the dry seasons there are mostly larger ones. There is a seasonal change on diet composition and this is related to feed type that is more available: during the rising, fishes eat mainly insects and zooplankton; in the flood season and drying season, seeds and fruits are predominant, and at the dry season they eat mainly insects. Feed ingestion was higher in the rising waters and mostly in the flood, and it was lower in the drying season. Feeding activity was not related with oxygen concentrations.
Descritores: Ecossistema Amazônico
Dieta
Áreas Alagadas
Responsável: BR6.1 - BCS - Biblioteca de Ciências da Saúde



página 1 de 385 ir para página                         
   


Refinar a pesquisa
  Base de dados : Formulário avançado   

    Pesquisar no campo  
1  
2
3
 
           



Search engine: iAH v2.6 powered by WWWISIS

BIREME/OPAS/OMS - Centro Latino-Americano e do Caribe de Informação em Ciências da Saúde