Base de dados : LILACS
Pesquisa : G11.427.410.568.800 [Categoria DeCS]
Referências encontradas : 424 [refinar]
Mostrando: 1 .. 10   no formato [Detalhado]

página 1 de 43 ir para página                         

  1 / 424 LILACS  
              next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: biblio-1143625
Autor: Minghelli, Beatriz; Jesus, Catarina; Martins, Ilvanda; Jesus, Joana.
Título: Triathlon-related musculoskeletal injuries: a study on a Portuguese Triathlon Championship
Fonte: Rev. Assoc. Med. Bras. (1992);66(11):1536-1541, Nov. 2020. tab, graf.
Idioma: en.
Projeto: FCT - Foundation for Science and Technology.
Resumo: SUMMARY BACKGROUND: A triathlon consists of 3 modalities: swimming, cycling and running. Its higher training frequency, the environmental factors and extrinsic factors (technique and equipment) may lead to injuries. This study aimed to determine injury epidemiology in triathletes, as well as their type, location, mechanism of injury, and risk factors. METHODS: The sample was constituted of 174 triathletes who participated in the Triathlon Club Portuguese Championship, being 131 (75.3%) male, aged 18 to 70 years old (36.09±11.03). The measurement instrument was a questionnaire concerning the characterization of the population and aspects related to the modality and injuries. RESULTS: One hundred and twenty (69%) athletes reported one injury since the beginning of their practice, and 95 (54.6%) had an injury in the previous year, with a total of 130 injuries. There were 2.39 injuries per 1,000 hours of triathlon training. The most common injuries were muscle contusion (31.5%) and inflammatory injuries (19.2%), located in the knee (22.3%) and the leg (18.5%). Overtraining (43.1%) was the mechanism that led to the highest occurrence of injuries. Fourteen (10.8%) injuries occurred during swimming, 23 (17.7%) during cycling, and 93 (71.5%) during running. No statistical significance was observed between the risk factors analyzed and the occurrence of injuries. CONCLUSIONS: Triathlon practice is associated with a high prevalence of injuries, being contusions, knee, and overtraining the most common type, location, and mechanism of injury respectively. It is necessary to create injury prevention strategies, including specific training and suitable materials for use by athletes.

RESUMO INTRODUÇÃO: O triatlo é constituído por três modalidades: natação, ciclismo e corrida. Uma maior frequência de treinamento, fatores ambientais e fatores extrínsecos (técnica e equipamento) podem levar a lesões. O objetivo deste estudo foi determinar a epidemiologia de lesões em triatletas, bem como seu tipo, localização, mecanismo de lesão e fatores de risco. MÉTODOS: A amostra foi constituída por 174 triatletas que participaram do Campeonato Português de Clubes de Triatlo, sendo 131 (75,3%) do sexo masculino, com idades entre 18 e 70 anos (36,09 ± 11,03). O instrumento de medida foi um questionário referente à caracterização da população e aspectos relacionados à modalidade e lesões. RESULTADOS: Cento e vinte (69%) atletas referiram ter tido uma lesão desde que iniciaram a sua prática e 95 (54,6%) sofreram uma lesão no último ano, totalizando 130 lesões. Verificaram-se 2,39 lesões por 1.000 horas de treinamento em triatlo. As lesões mais comuns incluíram contusão muscular (31,5%) e lesões inflamatórias (19,2%), localizadas no joelho (22,3%) e na perna (18,5%). O excesso de treinamento (43,1%) foi o mecanismo que levou à maior ocorrência de lesões. Quatorze (10,8%) lesões ocorreram durante a prática de natação, 23 (17,7%) durante o ciclismo e 93 (71,5%) durante a corrida. Não foi observada significância estatística entre os fatores de risco analisados com a ocorrência de lesões. CONCLUSÕES: A prática de triatlo esteve associada a uma alta prevalência de lesões, sendo a contusão, o joelho e o excesso de treinamento, o tipo, a localização e o mecanismo mais comuns de lesão. É necessário criar estratégias de prevenção de lesões, incluindo treinamento específico e adequação do material utilizado pelo atleta.
Descritores: Traumatismos em Atletas/etiologia
Traumatismos em Atletas/epidemiologia
-Portugal/epidemiologia
Corrida
Natação
Ciclismo
Músculo Esquelético
Pessoa de Meia-Idade
Limites: Humanos
Masculino
Feminino
Adolescente
Adulto
Idoso
Adulto Jovem
Responsável: BR1.1 - BIREME


  2 / 424 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: biblio-888046
Autor: Winter, Simone de Campos Neitzke; Macedo, Rafael Michel de; Francisco, Júlio Cesar; Santos, Paula Costa; Lopes, Ana Paula Sarraff; Meira, Leanderson Franco de; Carvalho, Katherine A. Teixeira de; Faria Neto, José Rocha; Macedo, Ana Carolina Brandt de; Guarita-Souza, Luiz César.
Título: Impact of a High-Intensity Training on Ventricular Function in Rats After Acute Myocardial Infarction / Repercussão do Treinamento de Alta Intensidade sobre a Função Ventricular de Ratos após Infarto Agudo do Miocárdio
Fonte: Arq. bras. cardiol;110(4):373-380, Apr. 2018. tab, graf.
Idioma: en.
Resumo: Abstract Background: Physical exercise should be part of the treatment of post-acute myocardial infarction (AMI) patients. Objective: To evaluate the effects of two training prescription models (continuous x interval) and its impact on ventricular function in rats after AMI with normal ventricular function. Methods: Forty Wistar rats were evaluated by echocardiography 21 days after the AMI. Those with LVEF = 50% (n = 29) were included in the study and randomized to control group (CG n = 10), continuous training group (CTG n = 9) or interval training group (ITG, n = 10). Then, a swimming test with control of lactate production was performed. Based on its result, the lactate threshold (LT) was established to define the training intensities. After six weeks, the animals were reassessed by echocardiography and lactate production. Outcome measures were end-diastolic diameter (EDD), end-systolic diameter (ESD), left ventricular ejection fraction (LVEF, %) lactate at rest, lactate without overload, and lactate with 12g and 13.5g of additional load. Group comparisons of quantitative variables of the study were performed by one-factor analysis of variance (ANOVA). The Newman-Keuls test was used for multiple comparisons of the groups. Within-group comparisons of dependent variables between the two training protocols were performed by Student's t-test. Normality of the variables was tested by the Shapiro-Wilks test. Values of p < 0.05 indicated statistical significance. Results: EDD, ESD, and LVEF before and after the training period were similar in within-group comparisons. However, EDD was significantly different (p=0.008) in the CG. Significant differences were found for L12g (p=0.002) and L13.5g (p = 0.032) in the ITG, and for L12g (p = 0.014) in the CG. No differences were found in the echocardiographic parameters between the groups. Significant differences were found in lactate without overload (p = 0.016) and L12 (p = 0.031) in the second assessment compared with the first, and between the groups - ITG vs. CG (p = 0.019) and CTG vs. CG (p = 0.035). Conclusion: Both methods produced a training effect without altering ventricular function.

Resumo Fundamento: O exercício físico deve fazer parte do tratamento de pacientes pós-infarto agudo do miocárdio (IAM). Objetivo: Avaliar os efeitos de treinamento produzidos por dois modelos distintos (contínuo x intervalado) e sua repercussão sobre a função ventricular de ratos pós-IAM com função ventricular normal. Métodos: Quarenta ratos Wistar pós-IAM foram avaliados ecocardiograficamente 21 dias após o evento. Aqueles com FEVE = 50% (n = 29) foram incluídos e randomizados: controle (GC n = 10), treinamento contínuo (GTC n = 9) e treinamento intervalado (GTI n = 10). Após, foi realizado um teste de natação com controle de lactato. A partir do resultado foi definido o limiar de lactato (LL) para determinar as intensidades do treinamento. Após seis semanas, foram reavaliados com ecocardiografia e controle de lactato. Como desfecho, foram avaliados: diâmetros diastólico e sistólico final (DDF, DSF, mL), fração de ejeção do ventrículo esquerdo (FEVE, %), lactato de repouso, livre de carga (LC), lactato com 12 g e 13,5 g de carga adicional. Para a comparação dos grupos em relação às variáveis quantitativas do estudo, foi considerado o modelo de análise da variância com um fator (ANOVA). Nas comparações múltiplas dos grupos foi usado o teste de Newman-Keuls. Na comparação entre as duas avaliações, dentro de cada grupo, foi usado o teste t de Student para amostras dependentes. A condição de normalidade das variáveis foi avaliada pelo teste de Shapiro-Wilks. Valores de p < 0,05 indicaram significância estatística. Resultados: Com relação à análise intragrupos, entre o período pré- e pós-treinamento foi identificado semelhança para DDF, DSF, FEVE, porém o GC apresentou diferença significativa para a variável DDF (p = 0,008). Houve diferença do GTI para L12g (p = 0,002) e L13,5g (p = 0,032) e para o GTC na variável L12g (p = 0,014). Não houve diferença para as variáveis ecocardiográficas entre os grupos. Houve diferença nas variáveis LC e L12g na segunda avaliação (p = 0,016 e p = 0,031, respectivamente) e entre os grupos: GTI vs. GC (p = 0,019) e GTC vs. GC (p = 0,035). Conclusão: Os dois métodos produziram efeito de treinamento sem alterar a função ventricular.
Descritores: Condicionamento Físico Animal/métodos
Função Ventricular Esquerda/fisiologia
Treinamento Intervalado de Alta Intensidade/métodos
Infarto do Miocárdio/fisiopatologia
-Valores de Referência
Volume Sistólico/fisiologia
Natação/fisiologia
Sístole/fisiologia
Fatores de Tempo
Ecocardiografia
Distribuição Aleatória
Resultado do Tratamento
Ratos Wistar
Ácido Láctico/sangue
Diástole/fisiologia
Teste de Esforço/métodos
Infarto do Miocárdio/diagnóstico por imagem
Limites: Animais
Masculino
Tipo de Publ: Estudo Comparativo
Estudo de Avaliação
Responsável: BR1.1 - BIREME


  3 / 424 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: biblio-1134758
Autor: Bahia, Cristiano de Sant Anna; Reis, Indiara Sousa; Santos, Caique Oliveira; Lima, José Fernandes Maciel; Quinaud, Ricardo Teixeira; Galatti, Larissa Rafaela.
Título: Jogos escolares da rede pública do estado da bahia: análise das edições 2009 a 2017 / Bahia state public schools championship: analysis of editions from 2009 to 2017
Fonte: J. Phys. Educ. (Maringá);31:e3120, 2020. tab, graf.
Idioma: pt.
Resumo: RESUMO A partir da análise documental de 210 relatórios dos Jogos Escolares da Rede Pública da Bahia (JERP), este estudo teve por objetivo descrever a evolução histórica do JERP de 2009 a 2017, considerando as modalidades comuns e inovadoras ofertadas, número de escolares, número de escolas, número de professores e recursos financeiros descentralizados. Verificamos que as modalidades inovadoras foram numericamente superiores às modalidades comuns e apresentaram maior diversificação das práticas esportivas; o número de escolares, escolas e professores na primeira etapa dos jogos (dentro das escolas) foi superior a terceira etapa (regional), além de aumentar ao longo dos anos em ambas as etapas; e que o valor financeiro descentralizado tendeu a crescer no período histórico analisado. Concluímos que o JERP se apresenta como uma oportunidade dos alunos vivenciarem diferentes modalidades esportivas, entretanto esta oportunidade é ressaltada apenas na primeira etapa. Em relação aos recursos financeiros descentralizados para o JERP, parece não haver planejamento prévio com relação a proporção destes recursos e a proporção de escolares participantes deste programa. Sugerimos maior concentração de recursos em competições locais do que estaduais, uma vez que atendem mais crianças e jovens e favorecem a valorização da diversificação de modalidades e respeito à cultura esportiva local.

ABSTRACT Based on the documentary analysis of 210 reports of the Scholars Games of the Bahia State Public System (JERP), this study aimed to describe the historical evolution of the JERP from 2009 to 2017 considering the common and innovative modalities offered, number of school children, number of schools , number of teachers and decentralized financial resources. It was verified that the innovative modalities were numerically superior to the common modalities and presented a greater diversification of the sports practices; the number of students, schools, and teachers in the games' first stage (inside of the schools) was superior to the third stage (regional), besides increase over the years in both stages; and that the decentralized financial value tended to grow in the historical period analyzed. It is concluded that the JERP presents itself as an opportunity for students to experience different sports modalities, however this opportunity is highlighted only in the first stage. Regarding the decentralized financial resources for the JERP, there seems to be no prior planning regarding the proportion of these resources and the proportion of students participating in this program. We suggest a higher concentration of resources in local rather than state competitions, since the local competitions serve more children and young people and support the modalities diversification and respect to the local sports culture.
Descritores: Avaliação de Programas e Projetos de Saúde/estatística & dados numéricos
Jogos Recreativos
-Educação Física e Treinamento/métodos
Recreação
Corrida/educação
Futebol/educação
Esportes/educação
Natação/educação
Atletismo/educação
Basquetebol/educação
Esportes com Raquete/educação
Artes Marciais/educação
Dança/educação
Recursos Financeiros em Saúde
Voleibol/educação
Esportes Juvenis/educação
Tipo de Publ: Estudo de Avaliação
Responsável: BR513.1 - Biblioteca Central


  4 / 424 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Texto completo
Id: biblio-1099169
Autor: de Souza de Oliveira, Rônisson; Peralta, Nelissa.
Título: «O rio comanda a vida¼: Aprendizagem do nado em uma comunidade ribeirinha do Amazonas / «The river commands life¼: Learning how to swim in a riverside village in the Amazon / «El río manda la vida¼: aprender a nadar en una comunidad ribereña en el Amazonas
Fonte: Rev. latinoam. cienc. soc. niñez juv;18(1):66-92, ene.-jun. 2020. graf.
Idioma: pt.
Resumo: Resumo (analítico) O objetivo deste artigo é descrever os processos e significados envolvidos na aprendizagem do nado entre crianças ribeirinhas do médio rio Solimões. A pesquisa questiona os métodos de aprendizagem e o que aprender a nadar representa em termos de construção da pessoa. Assim, recorremos a um estudo exploratório, com abordagem qualitativa e estudo de caso. Realizamos registros fotográficos, entrevistas semiestruturadas e observação participante. As crianças aprendem a nadar por meio de brincadeiras, em espaços específicos nas beiras dos rios, no período de inundação. Aprender a nadar lhes permite circular de forma autônoma nos espaços comunitários e lhes torna aptos a participar também do mundo da pesca. Concluímos que a natação é fundamental para a formação da pessoa, construção e afirmação da territorialidade do grupo.

Abstract (analytical) The authors describe the processes and meanings involved in learning how to swim among children who live next to the river in the Middle Amazon River region. The research investigates swimming techniques and what they mean for the construction of a person. The authors carried out an exploratory study with a qualitative approach and a case study design. Semi-structured interviews and participant observation techniques were used. Results show that children learn to swim through games in specific spaces near the river, especially during the rainy season. Developing their swimming techniques allows them to circulate autonomously in the community, develop their strength and participate in the world of fishing. The authors conclude that swimming is a skill that has very high relevance for children who live along the river and is fundamental for the formation of a person and the construction and affirmation of the territoriality of the group.

Resumen (analítico) Este artículo tiene como objetivo describir los procesos y significados involucrados en el aprendizaje del nado entre los niños ribereños del medio río Amazonas. La pregunta de investigación cuestiona las modalidades de aprendizaje de natación y qué significa para la construcción de la persona. Para responderla, recurrimos a un estudio de tipo exploratorio, con enfoque cualitativo y diseño de estudio de caso. Aplicamos la entrevista semiestructurada y la observación participante. Los niños aprenden a nadar por medio de juegos, especialmente en el período de inundación. Desarrollar las técnicas de natación les permite circular de forma autónoma en la comunidad y los vuelve aptos a participar también del mundo de la pesca. Concluimos que nadar es fundamental para la formación de la persona, así como la construcción y afirmación de la territorialidad del grupo.
Descritores: Natação
Ecossistema Amazônico
Aprendizagem
-Jogos e Brinquedos
Rios
Responsável: CO335.1 - Centro de Estudios Avanzados en Niñez y Juventud de la Alianza CINDE


  5 / 424 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: biblio-1131466
Autor: Lima, F. C. S; Teixeira, A. A. C; Silva, S. B; Silva, W. E; Melo, I. M. F; Soares, A. F.
Título: Ação do estanozolol sobre a histologia renal e hepática em ratos treinados com natação / [Stanozolol action on renal and hepatic histology in swimming trained rats]
Fonte: Arq. bras. med. vet. zootec. (Online);72(4):1295-1304, July-Aug. 2020. tab, graf, ilus.
Idioma: pt.
Resumo: No presente estudo, foram analisados os efeitos do estanozolol, associado ou não à atividade física, sobre o hemograma, o peso ponderal, a ingestão líquida e sólida, a urinálise, a expressão do VEGF-A renal e o glicogênio hepático, além da histopatologia hepática e renal em ratos Wistar. Foram utilizados 32 ratos Wistar, machos, jovens, separados em quatro grupos: GC (grupo controle); GCE (grupo controle-exercício); GT (grupo tratamento-esteroide); GTE (grupo tratamento-esteroide-exercício). Os animais dos grupos GT e GTE (n=16) foram submetidos a injeções subcutâneas, cinco dias/semana, durante 30 dias, na concentração de 5mg/kg de estanozolol diluído em 1mL de óleo de gergelim, utilizado como veículo. A natação foi definida como exercício físico. Houve aumento no peso dos animais submetidos ao estanozolol e ao exercício a partir da terceira semana de uso e aumento da excreção urinária a partir da quinta semana; os demais parâmetros da urinálise foram semelhantes entre os grupos. O uso de estanozolol associado ou não à atividade física promoveu redução da expressão do VEGF-A nos rins e do glicogênio hepático, além de alterações histopatológicas nesses órgãos. Quanto à hematologia, houve uma diminuição dos leucócitos no GTE em relação aos grupos GT e GCE. Quanto aos linfócitos, houve um aumento no GT e uma diminuição no GTE, e, em relação ao número de plaquetas, houve diminuição no GTE quando comparado ao GT e ao GCE Assim, conclui-se que estanozolol na dose de 5,0mg/kg causa alterações renais e hepáticas em ratos Wistar, podendo levar à falência dos rins e do fígado.(AU)

The goal of this study was to determine the effect of stanozolol (ST) on kidney and liver of Wistar rats. Thirty-two male animals were divided into the following four groups: control group (CG); Control group-exercise (GCE); Group-steroid treatment (GT); Group treatment-steroid-exercise (GTE). Swimming was defined as exercise. The animals GT and GTE was submitted to subcutaneous injections, five days/week for 30 days, at a concentration of 5mg/kg ST diluted in 1mL/kg of sesame oil. The results showed an increase in weight gain in all animals submitted to ST and exercise from the 3rd week of use and increase in urinary excretion from the 5th week and the other urinalysis parameters were similar. The ST associated or not with physical activity reduced VEGF-A expression in the kidneys and hepatic glycogen, as well as histopathological changes in these organs. Regarding hematology, there was a decrease in leukocytes in the GTE. As for lymphocytes there was an increase in GT and a decrease in GTE, and in relation to the number of platelets, there was a decrease in GTE. In conclusion, the administration of stanozolol at 5.0mg/kg caused a structural change of kidney and liver in treated animals.(AU)
Descritores: Estanozolol/administração & dosagem
Natação
Rim/anatomia & histologia
Fígado/efeitos dos fármacos
-Ratos Wistar/fisiologia
Anabolizantes/administração & dosagem
Testes de Função Renal/veterinária
Limites: Animais
Ratos
Responsável: BR68.1 - Biblioteca Virginie Buff D'Ápice


  6 / 424 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Texto completo
Id: biblio-1128198
Autor: Ribas, Nathalie Y. P. C; Lara, Simone; Graup, Susane.
Título: Alinhamento postural e saúde musculoesquelética de praticantes adultos de natação / Postural alignment and musculoskeletal health of swimming adults
Fonte: Rev. bras. ciênc. mov;2(28):172-182, abr.-jun. 2020. tab, graf.
Idioma: pt.
Resumo: O presente estudo tem como objetivo avaliar o alinhamento post ural e a saúde musculoesquelética de praticantes adultos de natação de Uruguaiana-RS. Trata-se de um estudo transversal, descritivo diagnóstico, quantitativo. Foram incluídos 30 praticantes de natação e coletados dados de: massa corporal e estatura para cálculo do IMC (Índice de Massa Corporal), força/resistência abdominal, mobilidade/flexibilidade lombar, fotogrametria para obter ângulos sagitais da coluna vertebral (torácico e lombar) e possíveis fatores associados, com um questionário. Na análise univariada analisou-se as médias, o desvio padrão, as frequências absolutas e relativas em cada uma das variáveis estudadas, seguidas pelo cálculo do intervalo de confiança de 95% (IC95%). Para a análise bivariada, foi utilizado o teste Qui-Quadrado, no qual cada variável independente foi associada às variáveis dependentes dicotomizadas ("desvio lombar" e "desvio torácico"), sendo considerada significância de 0,05. A maioria dos avaliados apresentou excesso de peso (70%) e dor nas costas (83,3%), desvios nos ângulos lombar (60%) e torácico (66,7%). Verificou-se valores aumentados em 33,3% na lordose lombar e em 63,3% na cifose torácica nesta amostra. Houve associação significativa com os desvios no ângulo lo m bar apenas com IMC (p=0,034), prática em outra atividade física (p=0,049) e flexibilidade (p =0 ,0 47). Apenas o tempo diário na postura em pé apresentou associação significativa com a frequência de desvio sagital torácico (p=0,049). Os praticantes de natação, em sua maioria, relataram sentir dor nas co stas, m as não houve associação significativa com o alinhamento sagital dos avaliados. A hipercifose torácica, encontrada em mais da metade desta amostra, foi a alteração sagital mais comum nesta pesquisa e teve associação significativa com o tempo que os indivíduos passam em pé no seu dia-a-dia...(AU)

The aim of this study is to evaluate postural alignment and musculoskeletal health of adults who practice swimming in Uruguaiana-RS. It is a quantitative and descriptive diagnostic study . Were included 30 participants and collected data about: body mass and height to calculate BMI (Bo dy Mass Index), abdominal strength/endurance, lumbar mobility/flexibility, photogrammetry to acquire the sagittal angles of the spine (thoracic and lumbar) and questionnaire to identify possible asso ciated factors. In univariate analyses were analyzed mean and standard deviations as absolute and relative frequencies (ratios) for each variable, preceded by the calculus of 95% confidence interval (95% CI). For a biv ariate analysis, used the Chi-Square Test, and it was possible to use a parameter of significance o f 0 ,05 . T he majority of the subjects presented overweight (70%) and back pain (83.3%), as well as dev iat io n s in lumbar (60%) and thoracic angles (66.7%). It was possible to verify increased values in 33.3% on lum bar lordosis and 63.3% in thoracic kyphosis in this sample. There was only significant association wit h t he deviations in the lumbar angle only the BMI (p = 0.034), the practice in other physical activity (p = 0.049) and flexibility (p = 0.047). Considering the thoracic angle, only the daily time in standing posture presented a significant association with the frequencies of sagittal deviation (p = 0.049). Most swim m ers reported feeling back pain, but there was no significant association with sagit tal align m en t. Th oracic kyphosis was present in more than half of this sample and was the most common sagittal alteration in this study, having a significant association with the time individuals spend in standing posture daily...(AU)
Descritores: Escoliose
Coluna Vertebral
Natação
Fotogrametria
Exercício Físico
Índice de Massa Corporal
Distribuição de Qui-Quadrado
Inquéritos e Questionários
Dor nas Costas
Cifose
Lordose
-Maleabilidade
Limites: Humanos
Adulto
Pessoa de Meia-Idade
Tipo de Publ: Estudo de Avaliação
Responsável: BR1552.1 - Biblioteca Central


  7 / 424 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Texto completo
Id: biblio-1127700
Autor: Franken, Marcos; Martins, Matheus Bolzan; Vargas, José Luciano Benites de; Brasil, Frederico Deponti; Freitas, Velton da Silva de.
Título: Relação entre parâmetros cinemáticos e de desempenho motor de crianças na natação / Relation between kinematic parameters and motor performance of children in swimming
Fonte: Rev. bras. ciênc. mov;2(28):129-135, abr.-jun. 2020. tab.
Idioma: pt.
Resumo: O objetivo deste estudo foi comparar e correlacionar parâmetros cinemáticos e de desempenho motor no nado crawl em crianças em diferentes níveis de aprendizagem.24 crianças n adado ras (1 8 do sexo masculino e seis do sexo feminino), com idade entre oito e dez anos participantes de um p ro jeto de extensão em natação escolar foram divididas entre três grupos iniciante, intermediário e av ançado que foram selecionadas de acordo com a avaliação do teste de desempenho motor (TDMNC). Foram avaliadas em uma repetição de 10m em máxima intensidade e a avaliação do TDMNC e dos parâmetros cinemáticos do nado crawl foram realizadas em conjunto. Os dados foram obtidos com uma câmera de vídeo (60 Hz - acoplada a um tripé na lateral da piscina, acima da linha da água) e um cronômetro. Foram registrados: TDMNC, frequência média de ciclos (FC), distância média percorrida por ciclo (DC), velocidade m édia de nado (VN), índice de nado (IN) e tempo para percorrer os 10m (T10). Comparações das variáveis entre os grupos foram realizadas e correlações entre as variáveis cinemáticas e o desem p enho n o TDMNC foram testadas com α de 5%. Os achados deste estudo indicam que as crianças do grupo de nível avançado apresentaram maiores valores de FC, DC, VN e IN quando comparadas às de nível iniciante e intermediário. Ainda, foram identificadas que o TDMNC e os parâmetro s cin em áti cos p o ssuem alt a correlação. O teste TDMNC parece ser viável para a aplicabilidade prática do profissional nas esco las e clubes de natação na avaliação da aprendizagem em crianças...(AU)

The objective of this study was to compare and correlate kinematic and motor performance parameters in the front crawl in children at different levels of learning. 24 swimming children (18 m ales and six females), aged between eight and ten years old, participating in an extension p roject in school swimming were divided into three beginner, intermediate and advanced groups who were selected according to evaluation of the motor performance test (MPTFC). They were evaluated in a 10m repetition at maximum intensity and the evaluation of the MPTFC and the kinematic parameters of the front crawl were performed together. Data were obtained with a video camera (60 Hz - coupled to a tripod on the side of the pool, above the water line) and a stopwatch. The following were recorded: MPTFC, strok e rate (SR), stroke length (SL), mean swimming speed (SS), swimming index (SI) and time to cover 10m (T10). Comparisons of variables between groups were made and correlations between kinematic v ariables and performance in MPTFC were tested with α of 5%. The findings of this study indicate that children in the advanced level group had higher values of SR, SL, SS and SI when compared to those at th e begin ning and intermediate levels. Also, it was dentified that the MPTFC and the kinematic parameters have high correlation. The MPTFC test seems to be feasible for the professional's practical applicability in schools and swimming clubs in the assessment of learning in children...(AU)
Descritores: Natação
Criança
-Fenômenos Biomecânicos
Água
Parâmetros
Atividade Motora
Limites: Humanos
Masculino
Feminino
Criança
Tipo de Publ: Estudo Comparativo
Responsável: BR1552.1 - Biblioteca Central


  8 / 424 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: biblio-1138032
Autor: Andrade, Igor Rabelo de Sales; Nakachima, Luis Renato; Fernandes, Marcela; Fernandes, Carlos Henrique; Santos, João Baptista Gomes dos; Valente, Sandra Gomes.
Título: Assessment of the Effects of Swimming as a Postoperative Rehabilitation on Nerve Regeneration of Wistar Rats Submitted to Grafting of Autologous Nerves after Injury to the Sciatic Nerve / Avaliação dos efeitos da natação como reabilitação pós-operatória na regeneração nervosa de ratos da linhagem Wistar submetidos a enxerto de nervos autólogos após lesão do nervo ciático
Fonte: Rev. bras. ortop;55(3):323-328, May-June 2020. tab, graf.
Idioma: en.
Resumo: Abstract Objective To evaluate the effects of swimming on nerve regeneration after sciatic nerve injury in Wistar rats. Methods A total of 30 Wistar rats was divided into 3 groups: Sham + Nat group animals that were not submitted to graft surgery and were submitted to swimming (n = 10); Graft group: animals submitted to autologous sciatic nerve graft (n = 10); and Graft + Nat group: animals submitted to autologous sciatic nerve graft surgery and to swimming (n = 10). The results were analyzed on the software (GraphPad Software, San Diego, CA, USA). Results In the first evaluation, all sciatic functional index (SFI) values were similar (p = 0.609). Thirty days after the surgical procedure, we observed differences between all the comparisons: Sham + Nat (−34.64 ± 13.89) versus Graft (−145.9 ± 26.06); Sham + Nat versus Graft + Nat (−89.40 ± 7.501); Graft (−145.9 ± 26.06) versus Graft + Nat (−89.40 ± 7.501). In the measurements (60 and 90 days), there was no statistical difference between the Graft and Graft + Nat groups, with significantly lower values in relation to the control group (p < 0.001). The number of motor neurons presented differences in the comparisons between the Sham + Nat and Graft groups (647.1 ± 16.42 versus 563.4 ± 8.07; p < 0.05), and between the Sham + Nat and Graft + Nat groups (647.1 ± 16.42 versus 558.8 ± 14.79; p < 0.05). There was no difference between the Graft and Graft + Nat groups. Conclusion Animals submitted to the swimming protocol after the sciatic nerve grafting procedure did not present differences in the SFI values and motor neuron numbers when compared to the control group. Therefore, this type of protocol is not efficient for the rehabilitation of peripheral nerve lesions that require grafting. Therefore, further studies are needed.

Resumo Objetivo Avaliar os efeitos da natação na regeneração nervosa após a lesão do nervo ciático em ratos Wistar. Métodos Um total de 30 ratos Wistar foram divididos em 3 grupos: grupo Sham + Nat: animais que não foram submetidos à cirurgia de enxerto e foram submetidos à natação (n = 10); grupo Enxerto: animais que foram submetidos à cirurgia de enxerto autólogo de nervo ciático (n = 10); e grupo Enx + Nat: animais submetidos à cirurgia de enxerto autólogo de nervo ciático e à natação (n = 10). Os resultados foram analisados pelo software GraphPad Prism 5.0 (GraphPad Software, San Diego, CA, EUA). Resultados Na primeira avaliação, todos os valores do índice funcional do ciático (IFC) foram semelhantes (p = 0.609). Após 30 dias do procedimento cirúrgico, foram observadas diferenças entre todas as comparações: Sham + Nat (−34,64 ± 13,89) versus Enxerto (−145,9 ± 26,06), grupos Sham + Nat versus Enx + Nat (−89,40 ± 7,501), grupos Enxerto (−145,9 ± 26,06) versus Enx + Nat (−89,40 ± 7,501). Nas medidas (60 e 90 dias), não houve diferença estatística entre os grupos Enxerto e Enx + Nat, com valores significativamente menores em relação ao grupo controle (p < 0,001). O número de motoneurônios apresentou diferenças nas comparações entre os grupos Sham + Nat e Enxerto (647,1 ± 16,42 versus 563,4 ± 8,07; p < 0,05) e Sham + Nat e Enx + Nat (647,1 ± 16,42 versus 558,8 ± 14,79; p < 0,05), não havendo diferença entre os grupos Enxerto e Enx + Nat. Conclusão Os animais submetidos ao protocolo de natação após o procedimento de enxerto do nervo ciático não apresentaram diferenças nos valores de IFC e nos números de motoneurônios quando comparados com grupo controle. Portanto, este tipo de protocolo não é eficiente para reabilitação de lesões nervosas periféricas que necessitam de enxerto, sendo necessários novos estudos.
Descritores: Reabilitação
Nervo Isquiático
Procedimentos Cirúrgicos Operatórios
Natação
Ratos Wistar
Traumatismos dos Nervos Periféricos
Regeneração Nervosa
Limites: Animais
Ratos
Responsável: BR26.1 - Biblioteca Central


  9 / 424 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: lil-522393
Autor: Hoshiba, Márcio Aquio; Urbintati, Elisabeth Criscuolo.
Título: Respostas fisiológicas de estresse no matrinxã (Brycon amazonicus) após exercício físico intenso durante a captura / Physiological stress responses of matrinxã (Brycon amazonicus) after chasing
Fonte: Acta amaz;39(2):445-451, 2009. graf.
Idioma: pt.
Resumo: Para determinar as respostas de estresse do matrinxã após perseguição com puçá, juvenis (26,7±6,7 g) foram aclimatados em caixas plásticas e submetidos aos tratamentos: Controle (sem perseguição), Perseguição por 2 minutos, Perseguição por 5 minutos, Perseguição por 10 minutos (quatro repetições, N=8/tratamento). Amostras de sangue foram coletadas 15, 30 e 60 minutos após a perseguição para determinação do cortisol, glicose, sódio, cloreto, potássio, hematócrito, hemoglobina, número total de eritrócitos e osmolaridade. O perfil das respostas após o exercício físico dos peixes não mostrou as alterações típicas do estresse. Até 60 minutos após o estímulo, não ocorreram alterações nos níveis sanguíneos de cortisol, glicose e potássio nos peixes dos diferentes tratamentos. Os níveis de cloreto foram reduzidos 15 minutos após a natação forçada, enquanto os níveis do sódio mais baixos foram registrados 60 minutos depois. Houve redução da osmolaridade a partir dos 30 minutos após o estímulo, independente do tempo de perseguição. A natação forçada não interferiu nos indicadores hematológicos, corroborando os outros indicadores usados. Dessa forma, o exercício intenso dos peixes por até 10 minutos não foi estímulo suficiente para gerar respostas de estresse, sugerindo que o matrinxã é bastante resistente ao manejo de criação.

This study reports the stress responses of matrinxã after chasing. Juvenile fish (26.7±6.7 g) were adapted to 100L plastic boxes and submitted to the treatments: Control (no chasing), Chasing for 2 min, Chasing for 5 min, Chasing for 10 min (four boxes/treatment, 32 fish). Blood was drawn 15, 30 and 60 min after chasing to determine levels of cortisol, glucose, sodium, chloride, potassium, calcium, hematocrit, hemoglobin, erythrocytes number and osmolality. Matrinxã responses after forced swimming did not show the typical stress responses. There were no changes in blood cortisol, glucose, potassium and calcium levels in fish from any treatment until 60 min after chasing. Blood chloride levels were lower 15 min after chasing while the lowest levels of sodium were registered 60 min after the forced swimming. Osmolality dropped 30min after chasing, regardless the period of chasing. The intense swimming did not affect hematological indicators confirming the other physiological indicators. The results suggest that the intense swimming provoked by chasing up to 10 min was not intense enough to promote stress responses in matrinxã indicating that the species is very resistant to the farming handling.
Descritores: Natação
Hidrocortisona
Responsável: BR6.1 - BCS - Biblioteca de Ciências da Saúde


  10 / 424 LILACS  
              first record previous record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: biblio-838412
Autor: Nolasco, Rodrigo; Moreira, Linda D F; Bocalini, Danilo S; Fronza, Fernanda C A O; Marin, Rosangela Villa; Lazaretti-Castro, Marise.
Título: Effects of vitamin D supplementation on pulmonary function in postmenopausal women following an aquatic exercise program
Fonte: Arch. endocrinol. metab. (Online);61(1):28-35, Jan.-Feb. 2017. tab, graf.
Idioma: en.
Projeto: Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo.
Resumo: ABSTRACT Objective This study sought to investigate the effects of vitamin D supplementation and aquatic exercise on pulmonary function in postmenopausal women. Materials and methods This prospective and controlled study included 104 women (62 ± 6.5 years) divided into three groups: a control group lacking vitamin D and calcium supplementation which remained sedentary (CG; n = 17); a control group receiving vitamin D and calcium supplementation which remained sedentary (CDG, n = 33); and a group that completed aquatic exercises three times a week and received vitamin D and calcium supplementation (DTG, n = 54). Data before and after 6 months of the study were analyzed, including serum 25-hydroxyvitamin D (25(OH)D) and calcium concentrations, peak expiratory flow (PEF), forced vital capacity (FVC), and cirtometry. Results We observed significant increases in 25(OH)D concentrations in CDG (52.9 ± 2.4 to 69.1 ± 2.2; nmol/L; p < 0.0001) and DTG groups (55.5 ± 3 to 71.5 ± 3 nmol/L; p < 0.0001). PEF increased by 7 ± 2% (p = 0.0080) in CDG group and 11 ± 2% (p < 0.0001) in DTG group, whereas FVC increased by 7 ± 2% (p = 0.0016) in the CDG group and 10 ± 2% (p < 0.0001) in the DTG group, whereas CG had no changes in any of these parameters. The increment value of cirtometry in DTG group (+43 ± 3%) were significantly (p < 0.0001) higher than those in CG (−4 ± 8%) and CDG (+4 ± 9%) groups. Conclusion Our data suggest that vitamin D supplementation improves pulmonary function parameters in postmenopausal women.
Descritores: Natação/fisiologia
Vitamina D/administração & dosagem
Vitaminas/administração & dosagem
Pós-Menopausa/fisiologia
Suplementos Nutricionais
Teste de Esforço/métodos
-Espirometria
Pico do Fluxo Expiratório/fisiologia
Capacidade Vital/fisiologia
Estudos Prospectivos
Citometria de Fluxo
Limites: Humanos
Feminino
Pessoa de Meia-Idade
Tipo de Publ: Ensaio Clínico Controlado Aleatório
Responsável: BR1.1 - BIREME



página 1 de 43 ir para página                         
   


Refinar a pesquisa
  Base de dados : Formulário avançado   

    Pesquisar no campo  
1  
2
3
 
           



Search engine: iAH v2.6 powered by WWWISIS

BIREME/OPAS/OMS - Centro Latino-Americano e do Caribe de Informação em Ciências da Saúde