Base de dados : LILACS
Pesquisa : G16.500.285 [Categoria DeCS]
Referências encontradas : 162 [refinar]
Mostrando: 1 .. 10   no formato [Detalhado]

página 1 de 17 ir para página                         

  1 / 162 LILACS  
              next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: biblio-1121042
Autor: García-Pérez, Josue; García-Lopez, Alan; Carrillo-Ovalle, Leonel; Solares-Cortez, Nicolás; López-Bran, Rubén.
Título: Florecimiento algal nocivo de Pyrodinium bahamense en diciembre 2018 en la costa del Pacífico de Guatemala / Harmful algal bloom of Pyrodinium bahamense in December 2018 in the Pacific coast of Guatemala
Fonte: Cienc. tecnol. salud;7(1):137-142, 2020. ilus.
Idioma: es.
Resumo: Los florecimientos algales nocivos (FAN) son eventos naturales que ocurren cuando una o más especies de microalgas proliferan en concentraciones que pueden causar daño a los organismos acuáticos y a seres humanos que los consuman. En las últimas décadas, se ha registrado a nivel mundial un aumento de eventos de mortalidad alarmante de organismos acuáticos e intoxicaciones en seres humanos causadas por toxinas producidas por microalgas. En Guatemala existe escasa información sobre eventos FAN, no obstante, en diciembre de 2018 ocurrió un FAN en la costa Pacífico de Guatemala. La Comisión Nacional para la Vigilancia y el Control de la Marea Roja Tóxica recolectó muestras biológicas e identificó la presencia de 3,000 cel/L del dinoflagelado Pyrodinium bahamense. El bioensayo en ratón de las muestras, indica concentraciones de saxitoxina de 8,236 UR/100 g y 6,559 UR/100 g, para los días 20 y 27 de diciembre, respectivamente. Estas concentraciones no han sido reportadas previamente en Guatemala, y pueden ser potencialmente tóxicas para la salud pública. Se recomienda mantener un monitoreo de FAN para prevenir impactos negativos en la salud pública y ambiental.

Harmful algal blooms (HABs) are natural events that occur when one or more species of microalgae proliferate at concentrations that can cause damage to aquatic organisms and to those who consume them. In Guatemala very little information exists on HAB events, although in December 2018 has occurred a HABs at the Pacific Coast of Guatemala. A biological sample were collected by the National Commission for Surveillance and Control of Toxic Red Tide. The samples showed 3,000 cel/L of the dinoflagellate Pyrodinium bahamense. During the bioassay for saxitoxin, the concentrations reached 8,236 MU/100 g and 6,559 MU/100 g, for December 20th and 27th, respectively. These concentrations has not been reported previously for Guatemala, and could be a risk in the public health. This result emphasizes the importance of maintaining the HABS monitoring program to prevent negative impact on public environmental health.
Descritores: Dinoflagelados
Proliferação Nociva de Algas
Microalgas/crescimento & desenvolvimento
-Fitoplâncton
Saxitoxina/envenenamento
Saúde Ambiental
Vigilância
Eutrofização
Limites: Humanos
Responsável: GT49.1


  2 / 162 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: biblio-1121037
Autor: Rodas-Pernillo, Evelyn; Vasquez-Moscoso, Camila A; García, Ovidio F.
Título: Dinámica del consumo y aporte de nutrientes de fitoplancton, dominado por Microcystis sp. (Cyanophyceae) del lago de Amatitlán / Dynamics of the consumption and nutrient supply of phytoplankton, dominated by Microcystis sp. (Cyanophyceae) of Lake Amatitlán
Fonte: Cienc. tecnol. salud;7(1):129-136, 2020. ilus.
Idioma: es.
Resumo: El impacto antrópico cercano al lago de Amatitlán ha generado niveles altos de eutrofización que conllevan cambios en la dinámica del ecosistema. Uno de ellos es la proliferación de cianobacterias del género Microcystis que pueden llegar a ser perjudiciales para la fauna y flora de lugar e incluso para los seres humanos. Se presenta el caso de cultivo de un consorcio de fitoplancton, tomado directamente del lago y llevado al laboratorio en condiciones controladas, para medir su consumo y aporte de nitrógeno y fósforo, además de los cambios en los factores fisicoquímicos y la biomasa. Se observó la presencia de diatomeas del genero Nitszchia y cianobacterias como Dolichospermum, con una marcada dominancia de Microcystis sp. Se analizó el porcentaje de cambio en la concentración de nutrientes. Los resultados indican que hubo un aumento en las concentraciones de amonio, nitrato y nitrógeno inorgánico disuelto, mientras que disminuyó el nitrógeno total, el fósforo total y los ortofosfatos. Esto indica que hay aporte de nitrógeno inorgánico, consumo de fósforo y nitrógeno orgánico. El fósforo parece ser el nutriente limitante, ya que, al consumirse en un 90 % la biomasa empieza a decrecer.

The anthropic impact near lake Amatitlán has generated high levels of eutrophication that lead to changes in ecosystem dynamics. One of them is the proliferation of cyanobacteria of the genus Microcystis that can be harmful to the fauna and flora of the place and even to humans. The case of cultivation of a phytoplankton consortium, taken directly from the lake and taken to the laboratory under controlled conditions, to measure its consumption and contribution of nitrogen and phosphorus, in addition to changes in physicochemical factors and biomass is presented. The presence of diatoms of the genus Nitszchia and cyanobacteria such as Dolichospermum was detected, with a marked dominance of Microcystis sp. The percentage change in nutrient concentration was analyzed. The results indicated that there was an increase in the amounts of dissolved inorganic ammonium, nitrate and nitrogen, while total nitrogen, total phosphorus and orthophosphates decreased. This indicates that there is contribution of inorganic nitrogen, consumption of phosphorus and organic nitrogen. Phosphorus seems to be the limiting nutrient, since, when consumed by 90 %, biomass begins to decrease.
Descritores: Lagos/análise
Cianobactérias
Microcystis
-Fósforo/análise
Fitoplâncton
Eutrofização
Nitrogênio/análise
Limites: Humanos
Responsável: GT49.1


  3 / 162 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Saúde Pública
Texto completo
Id: biblio-974747
Autor: Quevedo, Claudia Maria Gomes; Paganini, Wanderley Silva.
Título: A disponibilização de fósforo nas águas pelo uso de detergentes em pó: aspectos ambientais e de Saúde Pública / Phosphorus delivered to surface waters resulting from the use of powder detergents: environmental and public health aspects
Fonte: Ciênc. Saúde Colet;23(11):3891-3902, Oct. 2018. tab, graf.
Idioma: pt.
Resumo: Resumo Este artigo aborda a interface social e ambiental da presença de fósforo nas águas de abastecimento, dimensionando os impactos ocasionados pelo uso de detergentes fosfatados em pó sobre a qualidade e a disponibilidade dos recursos hídricos, no tocante à ocorrência da eutrofização. Com base em dados a respeito da formulação e consumo dos produtos comercializados no Brasil, relata a evolução do assunto e apresenta o retrato da situação atual. Indica que os detergentes brasileiros possuem, hoje, baixa concentração de fósforo, de forma que representam um reduzido risco de impacto sobre o nível trófico das águas. Pontua, entretanto, a necessidade de ajustar o conteúdo da legislação à prática do mercado e de aprimorar as políticas públicas relacionadas com a educação ambiental. Mediante um processo efetivo de comunicação e educação, será possível conscientizar a população acerca do assunto, contribuindo para a manutenção do controle dessa importante fonte de fósforo no meio ambiente e para o aumento da disponibilidade hídrica, por meio da prevenção dos processos de eutrofização.

Abstract This article addresses the social and environmental aspects related to the presence of phosphorus in surface water bodies, assessing the impacts caused by the utilization of powder detergents on the quality and availability of water resources, with particular respect to the occurrence of eutrophication. Based on data concerning the composition and consumption of the products currently sold in Brazil, the evolution of this phenomenon leading to the current situation is reported. Indications are that Brazilian detergents have a low phosphorus content, thus it is possible to infer that these products offer a small risk of impacting the trophic levels of surface waters. There is, however, a need to adjust the content of legislation to market practices, as well as improve public policies related to environmental education. By means of an intensive process of communication and education, awareness about the issue can be raised, keeping this major source of phosphorus in the environment under control and contributing to the increase in the availability of water, through the prevention of eutrophication processes.
Descritores: Fósforo/análise
Monitoramento Ambiental/métodos
Saúde Pública
Detergentes/química
-Poluentes Químicos da Água/análise
Brasil
Eutrofização
Limites: Humanos
Responsável: BR1.1 - BIREME


  4 / 162 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: lil-781404
Autor: Paes, T A S V; Costa, I A S; Silva, A P C; Eskinazi-Sant'Anna, E M.
Título: Can microcystins affect zooplankton structure community in tropical eutrophic reservoirs? / Microcistinas podem afetar a estrutura da comunidade zooplanctônica em reservatórios eutróficos tropicais?
Fonte: Braz. j. biol;76(2):450-460, Apr.-June 2016. tab, graf.
Idioma: en.
Projeto: CNPq.
Resumo: Abstract The aim of our study was to assess whether cyanotoxins (microcystins) can affect the composition of the zooplankton community, leading to domination of microzooplankton forms (protozoans and rotifers). Temporal variations in concentrations of microcystins and zooplankton biomass were analyzed in three eutrophic reservoirs in the semi-arid northeast region of Brazil. The concentration of microcystins in water proved to be correlated with the cyanobacterial biovolume, indicating the contributions from colonial forms such as Microcystis in the production of cyanotoxins. At the community level, the total biomass of zooplankton was not correlated with the concentration of microcystin (r2 = 0.00; P > 0.001), but in a population-level analysis, the biomass of rotifers and cladocerans showed a weak positive correlation. Cyclopoid copepods, which are considered to be relatively inefficient in ingesting cyanobacteria, were negatively correlated (r2 = – 0.01; P > 0.01) with the concentration of cyanotoxins. Surprisingly, the biomass of calanoid copepods was positively correlated with the microcystin concentration (r2 = 0.44; P > 0.001). The results indicate that allelopathic control mechanisms (negative effects of microcystin on zooplankton biomass) do not seem to substantially affect the composition of mesozooplankton, which showed a constant and high biomass compared to the microzooplankton (rotifers). These results may be important to better understand the trophic interactions between zooplankton and cyanobacteria and the potential effects of allelopathic compounds on zooplankton.

Resumo Com o objetivo de avaliar se as cianotoxinas (microcistinas) podem afetar a composição da comunidade zooplanctônica, levando à dominância de formas microzooplanctônicas (protozoários e rotiferos), as variações nas concentrações de microcistina e a biomassa do zooplâncton foram analisadas em três reservatórios eutróficos na região semi-árida do nordeste brasileiro. A concentração de microcistinas na água esteve correlacionada com o biovolume de cianobactérias, indicando a contribuição de formas coloniais como Microcystis na produção de cianotoxinas. A nível de comunidade, a biomassa total do zooplâncton não apresentou correlacão com a concentração de microcistina (r2 = 0.00; P > 0.001), mas em uma análise a nível de populações, a biomassa de rotíferos e cladóceros apresentou uma fraca correlação positiva. Copépodos Cyclopoida, os quais são considerados relativamente ineficientes na ingestão de cianobactérias, estiveram negativamente correlacionados com a concentração de microcistinas (r2 = - 0.01; P > 0.01). Surpreendentemente, a biomassa de copépodos Calanoida foi positivamente correlacionada com a concentração de cianotoxinas (r2 = 0.44; P > 0.001). Os resultados indicam que mecanismos de controle alelopáticos (efeitos negativos da microcistina sobre o zooplâncton) parecem não afetar substancialmente a composição do mesozooplâncton, que apresentou uma alta e constante biomassa, quando comparada à biomassa do microzooplâncton (rotíferos). Esses resultados podem ser importantes para um melhor entendimento das interações tróficas entre o zooplâncton e cianobactérias, e do efeito potencial de compostos alelopáticos sobre o zooplâncton.
Descritores: Rotíferos/fisiologia
Zooplâncton/fisiologia
Cianobactérias/fisiologia
Copépodes/fisiologia
Microcistinas/análise
Microcistinas/metabolismo
-Toxinas Bacterianas/análise
Toxinas Bacterianas/metabolismo
Brasil
Estatística como Assunto
Fosfoproteínas Fosfatases/antagonistas & inibidores
Biomassa
Microcystis/fisiologia
Inibidores Enzimáticos/análise
Inibidores Enzimáticos/metabolismo
Eutrofização/fisiologia
Limites: Animais
Responsável: BR1.1 - BIREME


  5 / 162 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: biblio-888831
Autor: Tessarolli, L P; Bagatini, I L; Bianchini-Júnior, I; Vieira, A A H.
Título: Bacterial degradation of dissolved organic matter released by Planktothrix agardhii (Cyanobacteria) / Degradação bacteriana da matéria orgânica dissolvida liberada por Planktothrix agardhii (Cyanobacteria)
Fonte: Braz. j. biol;78(1):108-116, Feb. 2018. tab, graf.
Idioma: en.
Resumo: Abstract Although Planktothrix agardhii often produces toxic blooms in eutrophic water bodies around the world, little is known about the fate of the organic matter released by these abundant Cyanobacteria. Thus, this study focused in estimating the bacterial consumption of the DOC and DON (dissolved organic carbon and dissolved organic nitrogen, respectively) produced by axenic P. agardhii cultures and identifying some of the bacterial OTUs (operational taxonomic units) involved in the process. Both P. agardhii and bacterial inocula were sampled from the eutrophic Barra Bonita Reservoir (SP, Brazil). Two distinct carbon degradation phases were observed: during the first three days, higher degradation coefficients were calculated, which were followed by a slower degradation phase. The maximum value observed for particulate bacterial carbon (POC) was 11.9 mg L-1, which consisted of 62.5% of the total available DOC, and its mineralization coefficient was 0.477 day-1 (t½ = 1.45 days). A similar pattern of degradation was observed for DON, although the coefficients were slightly different. Changes in the OTUs patterns were observed during the different steps of the degradation. The main OTUs were related to the classes Alphaproteobacteria (8 OTUs), Betaproteobacteria (2 OTUs) and Gammaproteobacteria (3 OTUs). The genus Acinetobacter was the only identified organism that occurred during the whole process. Bacterial richness was higher at the slower degradation phase, which could be related to the small amounts of DOM (dissolved organic matter) available, particularly carbon. The kinetics of the bacterial degradation of P. agardhii-originated DOM suggests minimal loss of DOM from the Barra Bonita reservoir.

Resumo Embora Planktothrix agardhii frequentemente forme florações tóxicas em corpos d'água pelo mundo, pouco ainda se sabe sobre o destino da matéria orgânica liberada por essa abundante Cyanobacteria. Assim, este estudo foi focado na estimativa do consumo bacteriano do carbono orgânico dissolvido (DOC) e nitrogênio orgânico dissolvido (DON) produzido por culturas axênicas de P. agardhii e identificação de algumas das unidades taxonômicas operacionais (OTUs) bacterianas envolvidas no processo. Ambos a linhagem de P. agardhii e o inóculo bacteriano foram amostrados do reservatório eutrófico de Barra Bonita (SP, Brasil). Foram observadas duas fases distintas da degradação do DOC: durante os três primeiros dias, coeficientes mais altos de degradação foram calculados, que foram então seguidos por uma fase mais lenta da degradação do carbono. O valor máximo calculado para o carbono bacteriano particulado (POC) foi de 11,9 mgL-1, o que equivale a aproximadamente 62,5% do DOC disponível para consumo, e o seu coeficiente de mineralização foi de 0,477 dia-1 (t1/2 = 1,45 dias). Um padrão similar de degradação foi observado para DON, embora os coeficientes sejam ligeiramente diferentes. Foram observadas mudanças nos padrões de OTUs durante os diferentes passos da degradação. As principais OTUs foram relacionadas às classes Alphaproteobacteria (8 OTUs), Betaproteobacteria (2 OTUs) e Gammaproteobacteria (3 OTUs). O gênero Acinetobacter foi o único organismo identificado que ocorreu durante todo o processo. A maior riqueza bacteriana foi observada durante a fase lenta de degradação, o que pode estar relacionado às pequenas quantidades de matéria orgânica dissovida (DOM) disponíveis, particularmente o carbono. A cinética da degradação bacteriana da MOD de P. agardhii, quando comparada ao tempo de retenção do reservatório, sugere que existe uma perda mínima após sua liberação em Barra Bonita.
Descritores: Carbono/metabolismo
Cianobactérias/metabolismo
Cianobactérias/química
Proteobactérias/metabolismo
Substâncias Húmicas/análise
Nitrogênio/metabolismo
-Biodegradação Ambiental
Carbono/análise
Eutrofização
Nitrogênio/análise
Responsável: BR1.1 - BIREME


  6 / 162 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Texto completo
Id: biblio-1041254
Autor: Pivatto, Bianca Coccaro; Lima, Lena Azeredo de.
Título: Agreement between the nutritional status of schoolchildren and the perception of their guardians / Concordância entre o estado nutricional de escolares e a percepção de seus responsáveis
Fonte: Rev. Nutr. (Online);31(2):175-181, Mar.Apr. 2018. tab.
Idioma: en.
Resumo: ABSTRACT Objective Assess the correlation between classification of nutritional status of schoolchildren and the perception of their guardians. Methods A cross-sectional study with children aged 6-10 years from a public school in the South of Brazil. Weight and height of the schoolchildren were collected, and the guardians answered a questionnaire containing the range of silhouettes of Brazilian children. The perception through the scale of silhouettes was compared with the actual nutritional status. Kappa coefficient was used to check the consistency of actual and perceived perception. The prevalence ratio was calculated between perceived overweight and well-nourished children. Results A total of 236 guardians of schoolchildren were interviewed. The level of agreement between the nutritional status assessment of actual and perceived perception was weak (Kappa=0.32, p<0.001). As for the perception of nutritional status, 50.8% of the guardians scored the nutritional rating their children correctly, of which 42.0% of these children were overweight and 60.2% were well-nourished, p<0.05. The prevalence of guardians who underestimated the classification of the nutritional status was 21.6%, and underestimation of overweight children was 1.8 times greater than of well-nourished children. The overestimation of the nutritional status was 27.5%. The most prevalent nutritional status was well-nourished, followed by overweight. Conclusion The study showed that guardians do not have the correct perception of the nutritional status of the schoolchildren. Public interventions for health education must be conducted to reduce erroneous perceptions.

RESUMO Objetivo Este artigo tem por objetivo avaliar a concordância entre a classificação do estado nutricional de escolares e a percepção dos seus responsáveis. Métodos Foi realizado um estudo transversal com uma amostra de crianças de seis a dez anos de idade, matriculadas em uma escola pública do Sul do Brasil. Foram coletados peso e estatura dos escolares e aplicado aos responsáveis um questionário contendo a escala de silhuetas brasileira para crianças. A percepção por meio da escala de silhuetas foi comparada com o real estado nutricional. Utilizou-se o coeficiente Kappa para verificar a concordância da percepção real e percebida. Foi calculada a razão de prevalência entre a percepção de excesso de peso e a eutrofia. Resultados Foram entrevistados 236 responsáveis pelos escolares. O nível de concordância entre a avaliação do estado nutricional real e percebido foi fraco (Kappa= 0,32, p<0,001). Quanto à percepção do estado nutricional, 50,8% dos responsáveis acertaram a classificação nutricional de suas crianças, sendo que 42% delas apresentavam excesso de peso e 60,2% eram eutróficas, p<0,05. A prevalência de responsáveis que subestimaram a classificação do estado nutricional foi de 21,6%, sendo que naquelas com excesso de peso a subestimação foi de 1,8 vez maior em relação aos eutróficos. A superestimação do estado nutricional foi de 27,5%. O estado nutricional mais prevalente foi eutrofia, seguido de sobrepeso. Conclusão O estudo demonstrou que os responsáveis pelas crianças não tem a percepção correta do estado nutricional dos escolares. É importante realizar ações públicas de educação em saúde a fim de reduzir as percepções errôneas.
Descritores: Estado Nutricional
-Percepção
Imagem Corporal
Avaliação Nutricional
Criança
Sobrepeso
Eutrofização
Limites: Humanos
Masculino
Feminino
Criança
Tipo de Publ: Ensaio Clínico
Responsável: BR13.3 - Biblioteca das Faculdades de Odontologia e Nutrição


  7 / 162 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Id: lil-500678
Autor: Aragão, Nísia K. C. V; Gomes, Cícero T. S; Lira, Giulliari A. S. T; Andrade, Carolina M.
Título: Estudo da comunidade fitoplanctônica no reservatório do Carpina-PE, com ênfase em Cyanobacteria / Study of the phytoplankton community with emphasis on Cyanobacteria, in Carpina-PE reservoir
Fonte: Rev. Inst. Adolfo Lutz;66(3):240-248, set.-dez. 2007. mapas, tab, graf.
Idioma: pt.
Resumo: Florações de Cyanobacteria são freqüentemente encontradas em reservatórios utilizados para abastecimento público, em decorrência dos processos de eutrofização. No presente trabalho, foram realizadas oito coletas de água de julho a novembro de 2006, com o objetivo de estudar a dinâmica da comunidade fitoplanctônica com ênfase em Cyanobacteria, no reservatório do Carpina-PE. Para o levantamento florístico, foram coletadas amostras vivas e preservadas em formalina a 2%, utilizando-se rede de plâncton com abertura de malha de 25m. Para as análises quantitativas, as amostras foram coletadas com frascos de boca larga, preservadas com formalina (2%), e quantificadas em câmaras de Utermõhl de 5mL. As análises fitoplanctônicas foram realizadas em microscópio invertido. Foram identificados 21 táxons distribuídos entre as seguintes divisões: Cyanobacteria (10spp.), Chlorophyta(6spp.), Chrysophyta (4spp.) e Euglenophyta (1spp.). Destes, 71,43% apresentaram-se como muito freqüentes, destacando-se as Cyanobacteria, com as maiores abundâncias. Quanto à densidade dasCyanobacteria, todas as amostras apresentaram valores acima de 100.000 cel.mL-1. De acordo com a OMS, o ambiente encontra-se em nível de alerta 2, indicando um altíssimo risco à saúde pública.
Descritores: Cianobactérias
Eutrofização
Fitoplâncton
Reservatórios de Água
Responsável: BR91.2 - Centro de Documentação


  8 / 162 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: lil-505702
Autor: Cutolo, Silvana Audrá; Piveli, Roque Passos; Oliveira, Alexandre Alves de; Fernandes, Lícia Natal; Moura, Elisabeth Mendes Martins de; Peternella, Francisca Alzira dos Santos; Pires, Maria Aparecida Faustino.
Título: Proteção de comunidade aquática em efluente tratado por tanques de estabilização de resíduos no rio São Lourenço em São Lourenço da Serra Vale do Ribeira: Estado de São Paulo / Aquatic community protection on treated effluent disposal from waste stabilization ponds on São Lourenço River in São Lourenço da Serra from Vale da Ribeira in the State of São Paulo / Protección de comunidad acuática en disposición de aguas residuales tratada de charcas de estabilización de desecho en del Río São Lourenço en São Lourenço da Serra de Gastos de la Orilla en el estado de San Paulo
Fonte: Mundo saúde (Impr.) = Mundo saude (Impr);32(3):308-316, jul.-set. 2008. mapas, tab, ilus.
Idioma: pt.
Resumo: O tratamento de esgotos de pequenas cidades por lagoas de estabilização é uma maneira simples, eficiente e de baixo custo. Os esgotos são uma fonte de contaminação das águas e solos e, conseqüentemente, contribuem para a transmissão de doenças, além de serem uma ameaça à preservação do meio ambiente. Surge a necessidade de investigar as condições dos efluentes lançados nos cursos de água. O presente trabalho tem como objetivo realizar uma investigação da qualidade das águas residuárias tratadas por lagoas de estabilização de uma estação de tratamento de esgoto localizadas no município de São Lourenço da Serra no Vale da Ribeira no Estado de São Paulo e verificar os riscos sanitários e a comunidade aquática no Rio São Lourenço da Serra. Foram realizadas amostragens para avaliar o conjunto de lagoas anaeróbia e facultativa da estação de tratamento de esgoto do Município de São Lourenço da Serra. Os parâmetros utilizados foram pH, temperatura do ar e da água, condições climáticas, demanda bioquímica de oxigênio e nitrogênio amoniacal, bactérias termotolerantes, pigmentos fotossintéticos e comunidade zooplanctônica. Verificou-se que os sistemas de lagoa anaeróbia e facultativa foram eficientes na produção de efluente e apresentou alguns valores de acordo com a Resolução Conama nº 357, que estabelecem os valores limites para lançamento em corpos d´água. O rio São Lourenço está localizado em uma área de proteção ambiental. Os dados são comparados aos limites estabelecidos na Classe 1 e 2 e demonstram processo de eutrofização, colocando em risco à biodiversidade aquática e a saúde da população.

The treatment of sewer pipes of small cities using waste stabilization ponds is a simple, efficient, and low cost option. Sewer pipes are a fountain of water and ground contamination and consequently they contribute to diseases transmission, besides being a threat to the preservation of the environment. It is thus necessary to investigate the conditions of effluents going to water courses. The present work aims to carryout an investigation on the quality of residual waters treated by stabilization ponds of a sewer pipe treatment facility located in São Lourenço da Serra, Vale do Ribeira, State São Paulo and examine the sanitary risks and the local aquatic community. Samples were taken for evaluating theseveral anaerobic and facultative ponds of sewer pipe of the treatment facility of São Lourenço da Serra. Parameters used were pH, air and water temperature, climatic conditions, biochemical demand of oxygen and ammoniac nitrogen, thermo-tolerant bacteria, photosynthetic pigments and zooplanktonic community. We observed that the anaerobic and optional pond systems were efficient in the production of effluent and presentedvalues in accordance with the Resolution Conama nº 357, which establish limits for waste disposal in water sources. São Lourenço River is located in an area of environmental protection, and data were compared to limits established in Class 1 and 2 and demonstrate a process of euthrophization, putting in risk aquatic biodiversity and the health of the population.

El tratamiento de conductos de alcantarilla de pequeñas ciudades usando charcas de estabilización de desecho es una opción simple, eficiente, y de bajo coste. Los conductos de alcantarilla son una fuente de contaminación del agua y de la tierra y por consiguiente contribuyen a la transmisión de enfermedades, además de ser una amenaza a la preservación del ambiente. Es así necesario investigar las condiciones de aguas residuales que van a cursos acuáticos. El trabajo actual pretende realizar una investigación acerca de la calidad de aguas residuales tratadas por charcas de estabilización de una instalación de tratamiento de conductos de alcantarilla localizada en São Lourenço da Serra, Vale do Ribeira, estado São Paulo e examina los riesgos sanitarios y la comunidad acuática local. Se tomaran muestras para evaluar varias charcas anaerobias y facultativasdel conducto de alcantarilla de la instalación de tratamiento de Sã o Lourenço da Serra. Los parámetros usados fueran pH, aire y temperaturaacuática, condiciones climáticas, demanda bioquímica de oxígeno y nitrógeno amoniaco, bacterias termo-tolerantes, pigmentos fotosintéticos ycomunidad zooplanctónica. Observamos que los sistemas de charca anaerobios y opcionales fueran eficientes en la producción de aguas residuales y presentaron valores de acuerdo con la Resolución Conama nº 357, que establecen límites para la eliminación de deshechos en fuentes acuáticas. El Río São Lourenço está localizado en un área de protección ambiental, y los datos fueran comparados con los límites establecidos para las Clases 1 y 2 y muestran un proceso de eutrofización que pone en riesgo la biodiversidad acuática y la salud de la población.
Descritores: Águas Residuárias
-Biodiversidade
Eutrofização
Responsável: BR599.1 - Coordenação Geral de Documentação e Informação (CGDI)


  9 / 162 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: lil-607982
Autor: Alves, Igor Charles Castor; El-Robrini, Maâmar; Santos, Maria de Lourdes Souza; Monteiro, Sury de Moura; Barbosa, Leandro Patrick Ferreira; Guimarães, José Tasso Felix.
Título: Qualidade das águas superficiais e avaliação do estado trófico do Rio Arari (Ilha de Marajó, norte do Brasil) / Surface water's quality and trophic status assessment in the Arari River (Marajo Island, Northern Brazil)
Fonte: Acta amaz;42(1):115-124, mar. 2012. ilus, tab.
Idioma: pt.
Resumo: A deterioração da qualidade da água pode ser causada tanto por resultado da pressão antrópica sobre os ambientes aquáticos em maiores escalas, como por fatores naturais em menores escalas, tal como ocorre em parte da bacia hidrográfica do Rio Arari (Ilha de Marajó, Pará). Este artigo teve como objetivo a avaliação da qualidade das águas superficiais e o estado trófico do Rio Arari, no trecho entre Santana e Cachoeira do Arari, considerando as variações temporais e espaciais de variáveis físicas, químicas e biológicas da água em dois períodos hidrológicos distintos de 2009: descarga máxima (abril e maio) e descarga mínima (setembro e novembro). Os Índices de Qualidade da Água (IQA) e Estado Trófico (IET) foram determinados simultaneamente em amostras de água superficial durante 12 horas consecutivas nas três estações de coleta ao longo do Rio Arari. Os valores do IQA variaram entre "Ruim" e "Regular", e estão provavelmente relacionadas aos elevados níveis de coliformes fecais, baixas concentrações de oxigênio dissolvido e pH ácido do Rio Arari. Conforme o IET, o rio pode ser classificado como supereutrófico e hipereutrófico, reflexo da grande disponibilidade de nutrientes (e.g. fósforo) e elevada biomassa fitoplanctônica em termos de clorofila a. O Rio Arari está sob um processo de eutrofização natural, visto que as fontes de contaminação antrópica ainda são incipientes, mas elas podem contribuir para um processo de longo prazo de eutrofização artificial.

The deterioration of the water quality may be caused either by the result of human pressure on aquatic environments in larger scales, or by natural factors in smaller scales, such as part of the Arari River basin (Marajó Island, Pará state, Brazil) .This work aimed to evaluate the surface water's quality and the trophic state of the Arari River, between Santana and Cachoeira do Arari localities, taking into account the seasonal and spatial variations of physical, chemical and biological parameters in two different hydrological periods in 2009: the maximum discharge (April to May) and minimum discharge (September to November). The Water Quality Index (WQI) and Trophic State Index (TSI) were determined simultaneously in water surface's samples collected during 12 consecutive hours in three stations along the Arari River. The WQI data ranged from "Poor" and "Regular" and are probably related to the high levels of fecal coliform, low concentrations of dissolved oxygen and acid pH of the Arari River. Regards the TSI, the river may be classified as "supereutrophic" and "hipereutrophic", indicating the wide availability of nutrients (e.g. phosphorus) and high phytoplankton biomass in terms of chlorophyll a content. The Arari River is under a natural eutrophication, since the sources of anthropic contamination are still incipient, although they may contribute to the long-term process of artificial eutrophication.
Descritores: Controle da Qualidade da Água
Eutrofização
Responsável: BR6.1 - BCS - Biblioteca de Ciências da Saúde


  10 / 162 LILACS  
              first record previous record
seleciona
para imprimir
Id: lil-228387
Autor: Moreno Azorero, Ricardo; Figueredo Grijalba, Rafael; Gonzàlez, Hugo.
Título: Nutriciòn: principios generales.
Fonte: Asunciòn; EFACIM-EDUNA; 1991. 128 p.
Idioma: es.
Descritores: Alimentos/classificação
Alimentos/normas
Alimentos/estatística & dados numéricos
Eutrofização
Metabolismo Energético/fisiologia
Nutrição Materna
Nutrição da Criança
Ciências da Nutrição/educação
Ciências da Nutrição/fisiologia
Responsável: PY2.1 - Centro de Documentación
SR 612.3 M815n



página 1 de 17 ir para página                         
   


Refinar a pesquisa
  Base de dados : Formulário avançado   

    Pesquisar no campo  
1  
2
3
 
           



Search engine: iAH v2.6 powered by WWWISIS

BIREME/OPAS/OMS - Centro Latino-Americano e do Caribe de Informação em Ciências da Saúde