Base de dados : LILACS
Pesquisa : H01.158.100.656.469 [Categoria DeCS]
Referências encontradas : 38 [refinar]
Mostrando: 1 .. 10   no formato [Detalhado]

página 1 de 4 ir para página            

  1 / 38 LILACS  
              next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: biblio-1230464
Autor: Nogueira, Maria Esther Salles.
Título: Eritema nodoso hansênico: análise comparativa do quadro histopatológico pelas técnicas de rotina e imunofluorescência / ?.
Fonte: Bauru; s.n; 199l. 108 p. ilus.
Idioma: pt.
Tese: Apresentada a Universidade de Sao Paulo. Faculdade de Odontologia de Bauru para obtenção do grau de Master.
Resumo: O ENH é um episódio reacional verificado em pacientes multibacilíferos cuja etiologia tem sido associada aos IC. Os dados histopatológicos da lesao bem como a demostraçao de IC em vasos com vasculite serviram de base para o conceito de que o ENH seria uma manisfestaçao clínica da reaçao de ARTHUS. Contudo, a dificuldade de reproduçao dos trabalhos que demostraram imunoglobinas e complemento em parede de vasos e/ou extravascularmente em lesoes de ENH, tem lançado dúvidas na participaçao de IC na patogênese desta reaçao. Na presente investigaçao, o estudo da reaçao de ENH empregando elemento para detecçao de IC através da técnica de imunofluorescência em associaçao com técnicas histopatológicas rotineiras, teve por finalidade avaliar a participaçao dos IC neste quadro reacional. Para a realizaçao deste estudo foram analisadas 34 biópsias, das quais 25 apresentaram quadro histopatológico reacional compatível com ENH e 09 quadro nao reacionais, Este material foi submetido à imunofluorescência direta, empregando antisoros rotineiramente utilizados para detecçao do IC
Descritores: Eritema Nodoso
Hanseníase/fisiopatologia
Hanseníase/imunologia
Histologia Comparada
Patologia
Responsável: BR191.1 - Biblioteca e Centro de Documentação Luiza Keffer
[{"text": "BR191.1", "_a": "WC335.102.60", "_b": "N869e"}]


  2 / 38 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Id: lil-434335
Autor: Prado, Kleber Dias do.
Título: Estudo da resposta histológica tardia em pacientes portadores de hepatite viral C crônica tratados com interferon em monoterapia ou combinado com ribavirina / Study of late histological response in chronic hepatitis C patients treated with interferon alone or in combination with ribavirin.
Fonte: São Paulo; s.n; 2005. 78 p. tab, graf.
Idioma: pt.
Tese: Apresentada a São Paulo(Estado) Secretaria da Saúde. Coordenadoria de Controle de Doenças. Programa de Pós-Graduação em Ciências para obtenção do grau de Mestre.
Resumo: Introdução: A resposta virológica é o principal parâmetro de avaliação do tratamento da hepatite C crônica. Entretanto, a hepatite C crônica é doença fibrosante progressiva, que pode levar à cirrose, doença hepática terminal e carcinoma hepatocelular. O tratamento atualmente recomendado baseia-se no uso de interferon associado à ribavirina. Postula-se que, além de ação antiviral, o interferon apresenta ação antifibrogênica. Objetivos: Avaliar a evolução da fibrose e da atividade inflamatória em pacientes portadores de hepatite C crônica tratados com interferon-alfa associado ou não a ribavirina. Métodos: Estudo de série de casos, retrospectivo, baseado em revisão de prontuários e revisão de biópsias hepáticas por patologista do Instituto de Infectologia Emílio Ribas. Foram incluídos pacientes tratados por, no mínimo, 6 meses com interferon convencional ou peguilado, associado ou não à ribavirina, sem resposta virológica sustentada e que possuíssem biópsias hepáticas pré e pós-tratamento. Foram excluídos pacientes portadores de outras hepatopatias crônicas, co-infecções com HIV ou HBV e imunodeprimidos. A avaliação histológica incluiu: 1- Evolução do estágio de fibrose e do grau de atividade inflamatória. 2- Determinação da taxa de progressão anual de fibrose antes e após o tratamento. Resultados: Foram incluídos 75 pacientes. Cinquenta e sete pacientes (76%) não apresentaram progressão da fibrose após o tratamento versus 6 (8%) antes do tratamento. Dezoito (24%) tiveram progressão da fibrose após versus 69 (92%) antes do tratamento. Encontrou-se associação estatística entre tratamento e não-progressão da fibrose (p<0,001). A taxa de progressão anual média de fibrose caiu significativamente após o tratamento (p=0,036). A atividade inflamatória melhorou em 19 (25,3%) pacientes. Conclusões: 1- A significativa proporção de pacientes que não apresentouprogressão da fibrose, associada à significativa redução da taxa de progressão de fibrose após o tratamento, apóia a hipótese de ação antifibrogênica do interferon, associado ou não à ribavirina, em pacientes que continuamvirêmicos. 2- Houve evidência de atividade anti-inflamatória do tratamento para um percentual de pacientes biopsiados seis meses ou mais após o tratamento
Descritores: Fibrose
Hepatite C Crônica
Histologia Comparada
Histologia Comparada/estatística & dados numéricos
Interferon-alfa
Resultado do Tratamento
Ribavirina
Responsável: BR91.2 - Centro de Documentação
BR91.2; W4, P896e, 2005


  3 / 38 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: biblio-933119
Autor: Prado, Kleber Dias do.
Título: Estudo da resposta histológica tardia em pacientes portadores de hepatite viral C crônica tratados com interferon em monoterapia ou combinado com ribavirina.
Fonte: São Paulo; s.n; 2005. 78 p. tab, graf.
Idioma: pt.
Tese: Apresentada a São Paulo(Estado) Secretaria da Saúde. Coordenadoria de Controle de Doenças. Programa de Pós-Graduação em Ciências para obtenção do grau de Mestre.
Resumo: Introdução: A resposta virológica é o principal parâmetro de avaliação do tratamento da hepatite C crônica. Entretanto, a hepatite C crônica é doença fibrosante progressiva, que pode levar à cirrose, doença hepática terminal e carcinoma hepatocelular. O tratamento atualmente recomendado baseia-se no uso de interferon associado à ribavirina. Postula-se que, além de ação antiviral, o interferon apresenta ação antifibrogênica. Objetivos: Avaliar a evolução da fibrose e da atividade inflamatória em pacientes portadores de hepatite C crônica tratados com interferon-alfa associado ou não a ribavirina. Métodos: Estudo de série de casos, retrospectivo, baseado em revisão de prontuários e revisão de biópsias hepáticas por patologista do Instituto de Infectologia Emílio Ribas. Foram incluídos pacientes tratados por, no mínimo, 6 meses com interferon convencional ou peguilado, associado ou não à ribavirina, sem resposta virológica sustentada e que possuíssem biópsias hepáticas pré e pós-tratamento. Foram excluídos pacientes portadores de outras hepatopatias crônicas, co-infecções com HIV ou HBV e imunodeprimidos. A avaliação histológica incluiu: 1- Evolução do estágio de fibrose e do grau de atividade inflamatória. 2- Determinação da taxa de progressão anual de fibrose antes e após o tratamento. Resultados: Foram incluídos 75 pacientes. Cinquenta e sete pacientes (76%) não apresentaram progressão da fibrose após o tratamento versus 6 (8%) antes do tratamento. Dezoito (24%) tiveram progressão da fibrose após versus 69 (92%) antes do tratamento. Encontrou-se associação estatística entre tratamento e não-progressão da fibrose (p<0,001). A taxa de progressão anual média de fibrose caiu significativamente após o tratamento (p=0,036). A atividade inflamatória melhorou em 19 (25,3%) pacientes. Conclusões: 1- A significativa proporção de pacientes que não apresentouprogressão da fibrose, associada à significativa redução da taxa de progressão de fibrose após o ...
Descritores: Fibrose
Hepatite C Crônica
Histologia Comparada
Histologia Comparada/estatística & dados numéricos
Interferon-alfa
Ribavirina
Resultado do Tratamento
Responsável: BR91.2 - Centro de Documentação
BR91.2; W4, P896e, 2005


  4 / 38 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Id: biblio-1018798
Autor: González Escobar, María Cristina.
Título: Histología comparada de dientes primarios y su relación con áreas de odontopediatria / Comparative histology of primary teeth and its relation to areas of pediatric dentistry.
Fonte: Asunción; s.e; 20020800. 55 p. ilus.
Idioma: es.
Resumo: Los dientes temporarios se forman durante la etapa intrauterina de desarrollo con excepción del segundo molar, que comienza la mineralización de la corona en la vida postnatal. La característica de formarse durante la vida intrauterina les confiere condiciones particulares, ya que se hallan menos influidos por los factores ambientales. Por su forma, estructuras y funciones, los dientes temporarios tienen numerosas analogías con los permanentes. Sin embargo, un examen exhaustivo sobre su morfología, constitución y evolución señala diferencias que explicas su caracter transitorio. Se mencionan particularidades de tipo embriológico, anatómico, histológico y fisiológico. El conocimiento histológico, así como las características generales de los dientes temporarios, clarifica y ayuda a comprender mejor su comportamiento en la boca; de esta manera podemos aplicar técnicas clínicas exactas y adecuadas a la morfología presente en los mismo, en los procedimientos de odontopediatría. El éxito clínico depende del conocimiento acabado de las características microscópicas aplicadas a los procedimientos ejecutados. Este trabajo complementa el anterior, tejidos dentarios, y trae como objetivo servir de orientación al profesional y al estudiante de odontología. El avance de las técnicas de microscopía electrónica hace posible una cantidad de nuevos datos que me sirvieron para esta elaboración.
Descritores: Dente Decíduo
Histologia Comparada/educação
Odontologia
Odontopediatria
Limites: Humanos
Tipo de Publ: Revisão
Responsável: PY8.1 - Biblioteca
PY8.1; 617.6, G71h


  5 / 38 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Id: lil-57576
Autor: George, Luiz Ludovico; Alves, Carlos Elvas Rodrigues; Castro, Rodrigo Roque Lesqueves de.
Título: Histologia comparada / Comparative histology.
Fonte: s.l; Roca; 1985. 293 p. ilus.
Idioma: pt.
Descritores: Histologia Comparada
Responsável: BR1.1 - BIREME
BR1.1/1104.00; BR32.1; QL807 G348h 1985


  6 / 38 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Chile
Texto completo
Id: lil-728288
Autor: She, Qiusheng; An, Zhenqiang; Xia, Chengqiang; Kong, Yunfei; Chen, Enxiang.
Título: Study on comparative histology of retinas in Ctenopharyngodon idella, Cynops orientalis, Bufo bufo gargarizans, Gekko japonicus, and Columba livia / Estudio histológico comparado de la retina en Ctenopharyngodon idella, Cynops orientalis, Bufo bufo gargarizans, Gekko japonicus, y Columba livia
Fonte: Int. j. morphol;32(3):918-922, Sept. 2014. ilus.
Idioma: en.
Resumo: The objective of this study was to explore the relationship between the retinal structure and its life adaptation to the environment of Ctenopharyngodon idella, Cynops orientalis, Bufo bufo gargarizans, Gekko japonicus and Columba livia . Measuring retinal thickness of each layer, the nuclei layer, and the diameter of each nuclear layer of the five animals, the statistical data analysis shows that: the nuclei layers of five animals are all 4, and their structures can be divided to 10 layers when observing with optical microscope. The retinal thickness of Ctenopharyngodon idella was 190.49 mm, Cynops orientalis was 173.07 µm, and the Bufo bufo gargarizans was 195.06 µm, Gekko japonicus was 224.32 µm and Columba livia was 174.10 µm. The number of retinal inner nuclear layers of Bufo bufo gargarizans and Gekko japonicus and Columba livia are more than their outer nuclear layers, on the contrary, retinal inner nuclear layers of Ctenopharyngodon idella and Cynops orientalis are less than their outer nuclear layers. The rod and cone layer of retina of Cynops orientalis were more advanced, but their nerve fiber layer (NFL) degraded highly, revealing a strong photosensitivity but a low visual sensitivity; to Columba livia , their NFL of retina are highly developed, so as their vision. The different structures and functions of the retina of Ctenopharyngodon idella, Cynops orientalis, Bufo bufo gargarizans, Gekko japonicus and Columba livia correspond with their behavioral characteristics and the living environment's change from aquatic to amphibious to land.

El objetivo de este estudio fue explorar la relación entre las estructuras de la retina y su adaptación al medioambiente en Ctenopharyngodon idella, Cynops orientalis, Bufo bufo gargarizans,Gekko japonicus y Columba livia . La medición del espesor de cada capa de la retina, la capa nuclear y su diámetro en los cinco animales, mostró a través del análisis estadístico que las capas nucleares en todos ellos fueron 4, y sus estructuras se pueden dividir en 10 capas cuando se observan con el microscopio óptico. El espesor de la retina de Ctenopharyngodon idella fue 190,49 µm, de Cynops orientalis fue 173,07 µm, de Bufo bufo gargarizans fue 195,06 µm, de Gekko japonicus fue 224,32 µm y de Columba livia fue 174,10 µm. El número de capas nucleares internas de la retina de Bufo gargarizans, Gekko japonicus y Columba livia fue mayor que sus capas nucleares externas, mientras que las capas nucleares internas de Ctenopharyngodon idella y Cynops orientalis fueron menos que las capas nucleares externas. La capa de conos y bastones de la retina de Cynops orientalis fue más desarrollada, pero su capa de fibras nerviosas presentó una elevada degeneración, lo que muestra una gran fotosensibilidad, pero una sensibilidad visual baja. En Columba livia, la capa de fibras nerviosas de la retina estuvo muy desarrollada, y de esta manera, su visión. El grado de desarrollo de las diferentes estructuras y funciones de la retina de Ctenopharyngodon idella, Cynops orientalis, Bufo bufo gargarizans, Gekko japonicus y Columba livia está relacionada con sus características de comportamiento y el cambio de las condiciones de las vidas acuática y anfibia en la tierra.
Descritores: Columbidae/anatomia & histologia
Retina/anatomia & histologia
Salamandridae/anatomia & histologia
Bufo bufo/anatomia & histologia
Carpas/anatomia & histologia
Lagartos/anatomia & histologia
-Adaptação
Histologia Comparada
Limites: Animais
Responsável: CL1.1 - Biblioteca Central


  7 / 38 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Id: biblio-941270
Autor: Junqueira, Luiz C; Carneiro, Jose.
Título: Histologia básica.
Fonte: Rio de Janeiro; Guanabara Koogan; 2008. 524 p.
Idioma: pt.
Descritores: Histologia Comparada/métodos
Histologia/classificação
Limites: Masculino
Feminino
Humanos
Responsável: BR1719.1 - Biblioteca do CPqRR
BR1719.1; 611.018, J95h, 11 ed. / 2008. 014420


  8 / 38 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Id: biblio-935759
Autor: Junqueira, L. C(org); Carneiro, José(org).
Título: Histologia básica.
Fonte: Rio de Janeiro; Guanabara Koogan; 1995. 433 p.
Idioma: pt.
Descritores: Glândulas Endócrinas
Histologia Comparada
-Citoplasma
Trato Gastrointestinal
Limites: Masculino
Feminino
Humanos
Responsável: BR276.2 - Biblioteca Doutor Orlando Costa
BR276.2; 611.018, J95h, AG


  9 / 38 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: lil-691934
Autor: Souza, Philipi Coutinho de.
Título: Carcinogênese mamária experimental induzida pelo 7, 12, dimetilbenz (A) antraceno (DMBA): caracterização histopatológica comparada e identificação imunoistoquímica de células-tronco neoplásicas (CTNs) / Breast cancer neoplastic stem cells histology compared Sprague Dawley rats 7, 12 dimetilbenz (A) antracene.
Fonte: Campinas; s.n; jan. 2013. 119 p. ilus, tab, graf.
Idioma: pt.
Tese: Apresentada a Universidade Estadual de Campinas . Faculdade de Ciências Médicas para obtenção do grau de Mestre.
Resumo: O câncer de mama é a neoplasia maligna mais prevalente e a principal causa de óbito entre mulheres, no mundo. A despeito de avanços substanciais no entendimento da biologia da doença, nos métodos de detecção precoce, e em sua farmacoterapia, a sobrevida geral não se modificou significantemente nas últimas décadas. Portanto, pode se dizer que um dos deveres primordiais das Universidades Públicas engajadas com pesquisa básica e aplicadas consiste em contribuir para o desenvolvimento de novas estratégias de tratamento sistêmico desta neoplasia. Nesse contexto, um dos alvos estratégicos mais promissores no desenvolvimento de novos fármacos antineoplásicos é representado pela célula-tronco neoplásica (CTN). As CTNs têm sido associadas em inúmeros estudos à capacidade de algumas neoplasias malignas de resistir às principais modalidades terapêuticas antineoplásicas, especialmente à: radio-, quimio-, hormônio- e imunoterapias. Em resumo, na atualidade, a detecção de CTNs constitui uma ferramenta clínica bastante promissora enquanto alvo terapêutico, fator prognóstico e preditivo de resposta terapêutica. O objetivo deste trabalho foi descrever e discutir as potencialidades e limitações do modelo de carcinogênese mamária pelo DMBA, após reclassificação das neoplasias mamárias segundo os critérios diagnósticos da OMS (2003, 2012), subtipagem molecular e quantificação de imunomarcadores prognósticos, preditivos e de CTN. Após a aplicação do protocolo experimental de indução química pelo DMBA e a eutanásia dos animais controle e experimental, suas linhas mamárias (contendo ou não tumores) foram ressecadas e avaliadas quanto à morfologia e a imunoexpressão para marcadores de CTNs. Após 13 semanas, 100% dos animais desenvolveram neoplasias macroscópicas e histologicamente compatíveis com os critérios de avaliação indicados pela OMS.

Breast cancer is the most common malignancy and the leading cause of death from cancer among females worldwide. Despite all the research and all the progress, methods of early detection, and its pharmacotherapy, overall survival has not changed significantly in recent decades. Therefore, the Public University has been engaged in basic and applied research is too contributed to the development of new strategies for systemic treatment of this malignancy. In this context, one of the most promising strategic targets in the development of the anticancer drugs is represented by neoplastic stem cell (NSC). Neoplastic stem cell has been linked in various studies to the capacity of some malignancies to resist major antineoplastic therapeutic modalities, especially: radio-, chemo-, hormone- and immunotherapies. In summary, the detection of NSCs is a clinical tool very promising while therapeutic target and prognostic factor predictive of therapeutic response. The aim of this study was to describe and discuss the strengths and limitations of the model of mammary carcinogenesis by DMBA, after reclassification of breast cancer according to the diagnostic criteria of the WHO (2003, 2012), and quantification of molecular subtyping prognostic immunomarkers, predictive and NSC. After application of the experimental protocol of chemical induction by DMBA and euthanasia of experimental and control animals, the mammary lines (with or without tumors) were resected and evaluated the morphology and immunostaining for markers of NSCs. After 13 weeks, 100% of the animals developed macroscopic neoplasms and histologically consistent with the evaluation criteria of evaluation indicated by WHO. Tumors were classified as ductal carcinoma, papillary carcinoma, lobular carcinoma, myoepithelial carcinoma and phyllodes tumor, being the most common type, the ductal. Few immunohistochemical markers correlated with variable behavior biological.
Descritores: 9,ABDUCENS NERVE-DIMETIL-1,TEMEFOS-BENZANTRACENO
Neoplasias da Mama
Histologia Comparada/métodos
Células-Tronco Neoplásicas
-Neoplasias/diagnóstico
Ratos Sprague-Dawley
Limites: Animais
Ratos
Responsável: BR25.1 - Biblioteca


  10 / 38 LILACS  
              first record previous record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo SciELO Brasil
Barbieri, Cláudio Henrique
Texto completo
Texto completo
Id: lil-676847
Autor: Carneiro, Márcio de Oliveira; Barbieri, Cláudio Henrique; Barbieri Neto, José.
Título: O gel de plasma rico em plaquetas propicia a regeneração da cartilagem articular do joelho de ovelhas / Platelet-rich plasma gel promotes regeneration of articular cartilage in knees of sheeps
Fonte: Acta ortop. bras;21(2):80-86, mar.-abr. 2013. ilus, tab.
Idioma: pt.
Resumo: Objetivo: Avaliar a regeneração da cartilagem articular em defeitos osteocondrais do joelho induzidos pelo plasma rico em plaquetas (PRP) autógeno. Métodos: Defeitos osteocondrais produzidos no sulco troclear de ambos os joelhos de dez ovelhas foram preenchidos com PRP autógeno à direita e deixados vazios à esquerda. Avaliação macroscópica e histológica foram efetuadas 12 semanas mais tarde. Os resultados foram avaliados por um escore geral de ambas as avaliações macroscópica e histológica comparativamente entre os lados por meio do teste pareado de Wilcoxon. Resultados: o aspecto macroscópico não foi uniforme entre os animais, nem diferiu entre os joelhos direitos e esquerdos (p=0,03125); em nenhum caso o tecido regenerado se nivelou com a cartilagem normal circundante. Ao exame histológico, cartilagem aparentemente normal não foi detectada em nenhum joelho, mas uma cartilagem pouco diferenciada estava presente em sete joelhos direitos e em três joelhos esquerdos. Tecido fibrocartilaginoso estava presente nos joelhos restantes, com diferença significante no escore geral entre os joelhos direitos e esquerdos (p=0,0313). Conclusão: o PRP como usado neste estudo tem propriedades reparativas da cartilagem articular no joelho de ovelhas, principalmente por estimular a formação de tecido fibrocartilaginoso. Trabalho Experimental.

Objective: To assess the regeneration of osteochondral defects in the joint cartilage of the knee induced by autologous platelet-rich plasma (PRP). methods: osteochondral defects produced in the trochlear groove of both knees of ten sheep; defects of the right knees were filled with autologous PRP and the left knees were left unfilled. macroscopic and microscopic evaluation was carried out 12 week later. the results were evaluated by the total score of both macroscopic and microscopic evaluations comparing the two sides through the wilcoxon paired test. Results: macroscopic appearance was not uniform among animals, nor was it different between the right and left knees (p=0.3125), and in no case the regenerated tissue was equal to the normal surrounding cartilage. At histological examination, apparently normal cartilage was not detected in any knee, but a poorly differentiated cartilage was present in 7 right knees, compared to 3 left knees. Fibrocartilaginous tissue was present in most of the remaining knees, with a significant difference in the overall score between right and left knees (p=0.0313). conclusion: the pRp as used in this study has reparative properties of the joint cartilage of sheep knees, mostly by stimulating the formation of a fibrocartilaginous tissue. Laboratory Investigation.
Descritores: Géis
Histologia Comparada
Joelho/fisiopatologia
Osteocondrite/cirurgia
Osteocondrite/reabilitação
Plasma
Ovinos
Traumatismos do Nervo Troclear
Limites: Animais
Feminino
Responsável: BR734.1 - Biblioteca Central Cesar Lattes - BCCL



página 1 de 4 ir para página            
   


Refinar a pesquisa
  Base de dados : Formulário avançado   

    Pesquisar no campo  
1  
2
3
 
           



Search engine: iAH v2.6 powered by WWWISIS

BIREME/OPAS/OMS - Centro Latino-Americano e do Caribe de Informação em Ciências da Saúde