Base de dados : LILACS
Pesquisa : H01.158.273.540.859 [Categoria DeCS]
Referências encontradas : 105 [refinar]
Mostrando: 1 .. 10   no formato [Detalhado]

página 1 de 11 ir para página                         

  1 / 105 LILACS  
              next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: biblio-1052690
Autor: Lemos, Andreza Salvio.
Título: Hepatite E em pacientes imunocomprometidos e imunossuprimidos / Hepatitis E in immunocompromised and immunosuppressed patients.
Fonte: Rio de Janeiro; s.n; 2019. xvi, 115 p. ilus.
Idioma: pt.
Tese: Apresentada a Instituto Oswaldo Cruz para obtenção do grau de Doutor.
Resumo: O vírus da hepatite E (HEV) é o agente etiológico de hepatite humana mais recentemente descrito no Brasil, sendo responsável por hepatite crônica e cirrose em indivíduos imunocomprometidos. Como grupos imunossuprimidos relevantes, temos os doentes renais crônicos dependentes de hemodiálise (HD), um grupo cada vez maior e mais exposto a infecções por HEV. Além destes pacientes HD, temos os transplantados renais, um grupo também crescente no Brasil, para o qual o tacrolimo é incluído como protocolo imunossupressor e conhecido por estimular a replicação do HEV em receptores de órgãos. Assim, entender a influência da terapia com tacrolimo na prevalência de infecção por HEV em pacientes transplantados renais é fundamental para a adoção de medidas preventivas específicas. No entanto, dados consistentes não estão disponíveis sobre estas prevalências de HEV em populações imunocomprometidas no Brasil. Assim, a prevalência de HEV foi investigada em amostras de soro de 280 pacientes HIV positivos do Rio de Janeiro e em amostras de plasma de 286 pacientes HD do sudeste e nordeste do Brasil, 316 transplantados renais do Centro-Oeste em colaboração com a Universidade Federal de Goiás e em 50 doadores de sangue do HEMORIO. Além disso, 50 pacientes transplantados renais foram acompanhados durante 01 ano (t= 0, 3, 6, 9, 12 meses) após o transplante e início da imunossupressão, totalizando em 250 amostras de plasma. Todas as amostras foram analisadas quanto a presença de anticorpos anti-HEV IgG e à detecção de RNA genômico do HEV (HEV-RNA). A soroprevalência encontrada entre os pacientes em hemodiálise foi de 24,48%, considerada média em relação a pacientes HD descritos na literatura e alta em relação à população geral

Fatores como baixa renda familiar e longos períodos em hemodiálise representaram tendências em relação à presença de anticorpos anti-HEV IgG. Além disso, níveis mais baixos de fosfato foram associados como fatores de risco para positividade para anti-HEV IgG. No grupo de transplantados do Centro-Oeste, a soroprevalência encontrada foi de 2,5% sem diferenças epidemiológicas relevantes entre os grupos anti-HEV positivo e negativo e sem fatores de risco associados. No grupo de transplantados renais acompanhados por um ano, foi encontrada prevalência de 16% (8/50) no primeiro momento da coleta (t = 1 mês) e prevalência de 20% (10/50) no último momento do estudo (t = 12 meses), sugerindo a conversão de dois pacientes no intervalo de 1 ano após o transplante. Finalmente, entre os doadores de sangue a prevalência foi de 6% (3/50). Entre pacientes HIV positivos, a prevalência encontrada foi de 0%, neste grupo o HEV-RNA foi detectado em 3,6% dos pacientes, enquanto esta detecção não ocorreu nos outros grupos estudados. Esses resultados mostram como a prevalência do HEV pode variar de acordo com a região estudada e com o grupo estudado, sendo especialmente importante entre pacientes dependentes de hemodiálise e transplantados. Além disso, nossos resultados justificam e reforçam o monitoramento constante e a aplicação de medidas preventivas destes grupos e de doadores de sangue, cujas bolsas poderão ser aplicadas em pacientes de risco para o desenvolvimento de hepatite E crônica. (AU)
Descritores: Virologia
Epidemiologia
Hepatite E
Limites: Seres Humanos
Responsável: BR15.1 - Biblioteca de Ciências Biomédicas
BR15.1


  2 / 105 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: lil-742334
Autor: Barclay, Fernando.
Título: La sociedad transparente / The transparent society
Fonte: Artrosc. (B. Aires);21(4):i-i, dic. 2014.
Idioma: es.
Descritores: Biografia como Assunto
Infecção
Médicos
Síndrome de Imunodeficiência Adquirida
Virologia
Tipo de Publ: Editorial
Responsável: AR337.1 - Biblioteca A.A.O.T.


  3 / 105 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Venezuela
Texto completo
Texto completo
Id: lil-746321
Autor: Guerrero, Emilse Y; Omaña, Betty; Rodríguez-Acosta, Alexis.
Título: Caso de intoxicación en Venezuela, por el uso de la planta de Estropajo o Tusa (Luffa  cylíndrica ) / Case of intoxication by the use of the loofah sponge or tusa (Luffa cylindrica) in Venezuela
Fonte: Rev. Inst. Nac. Hig;44(2):7-11, dic. 2013. graf, ilus.
Idioma: es.
Resumo: En algunas regiones del mundo, las plantas originan importantes problemas clínicos, causando gran morbilidad y mortalidad, principalmente después de la intoxicación no intencional. Este trabajo tiene como objetivo principal describir un caso clínico presentado en el Servicio de Toxicología Médica, Hospital “Doctor Leopoldo Manrique Terrero”, Caracas, Venezuela (2012), de una intoxicación con la planta de estropajo (Luffa  cylindrica), perteneciente a la familia de las Cucurbitáceas, usada inadecuadamente como instilación nasal. El análisis clínico otorrinolaringológico permitió evidenciar un cuadro agudo, grave con obstrucción de vías aéreas superiores, producido por el uso tópico de extracto de la planta de estropajo (Luffa  cylindrica), como medicamento nasal para tratar una sinusitis crónica. El paciente presentó 2 horas después de la instilación,  una disfonía,  con un intenso edema de úvula; se encontraba confundido, con cefalea, así como acentuada odinofagia y dificultad respiratoria. Tras la revisión de la literatura se permite plantear que se trata del primer caso referido o publicado de esta inusual intoxicación y daño de vías aéreas superiores ocasionado por esta planta. El paciente fue tratado con oxígeno (SOS), hidrocortisona y clorfeniramina recuperándose después de 48 h de tratamiento sintomático.

In some world regions, plants originate important clinical problems, causing significant morbidity and mortality, mainly after unintentional poisoning. This paper aims to describe a case seen at the Medical Toxicology Service, "Dr. Leopoldo Manrique Terrero " Hospital, Caracas, Venezuela (2012), which was a loofah plant poisoning (Luffa cylindrica), belonging to Cucurbitaceae family, used inappropriately as nasal instillation. The otorhinolaryngology clinical analysis demonstrated an acute, severe upper airway obstruction produced by the topical use of loofah (Luffa cylindrica) plant extract as nasal medication to treat chronic sinusitis. The patient developed 2 hours after instillation, a dysphonia, with intense uvula edema, confusion, headache and sore throat and accentuated respiratory distress. After literature review it is suggested that this is the first referred or published case in this unusual intoxication and upper airway damage caused by this plant. The patient was treated with oxygen (SOS), hydrocortisone and chlorpheniramine recovering after 48 h of symptomatic treatment.
Descritores: Plantas Tóxicas/classificação
Virologia
Edema/diagnóstico
-Sinusite
Luffa operculata
Saúde Pública
Limites: Seres Humanos
Masculino
Feminino
Meia-Idade
Tipo de Publ: Estudos de Avaliação
Responsável: VE9.1 - Biblioteca


  4 / 105 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Venezuela
Texto completo
Texto completo
Id: lil-746320
Autor: Instituto Nacional de Higiene "Rafael Rangel".
Título: [editorial]
Fonte: Rev. Inst. Nac. Hig;44(2):6-6, dic. 2013.
Idioma: es.
Descritores: Bacteriologia
Epidemiologia
Ciências da Saúde
Comunicação e Divulgação Científica
-Parasitologia
Farmacologia
Virologia
Bioquímica
Saúde Pública
Microbiologia
Micologia
Limites: Seres Humanos
Masculino
Feminino
Tipo de Publ: Editorial
Responsável: VE9.1 - Biblioteca


  5 / 105 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Texto completo
Id: lil-764214
Autor: Mazzola, Jocimara Costa; Saito, Patrícia Keiko; Yamakawa, Roger Haruki; Watanabe, Maria Angélica Ehara; Silva Junior, Waldir Veríssimo da; Matta, Alessandra Cristina Gobbi; Borelli, Sueli Donizete.
Título: Prevalence of Torque teno virus in healthy donors of Paraná State, southern Brazil
Fonte: Rev. bras. hematol. hemoter;37(5):336-340, Sept.-Oct. 2015. tab.
Idioma: en.
Resumo: OBJECTIVE: To determine the prevalence of the Torque teno virus in healthy donors in the northern and northwestern regions of the state of Paraná, southern Brazil.METHODS: The Torque teno virus was detected by a nested polymerase chain reaction using a set of oligoprimers for the N22 region.RESULTS: The prevalence of the virus was 69% in 551 healthy blood donors in southern Brazil. There was no statistically significant difference between the presence of the virus and the variables gender, ethnicity and marital status. There was significant difference in the prevalence of the virus regarding the age of the donors (p-value = 0.024) with a higher incidence (74.7%) in 18- to 24-year-old donors.CONCLUSION: A high prevalence of Torque teno virus was observed in the population studied. Further studies are needed to elucidate the routes of contamination and the clinical implications of the virus in the healthy population.
Descritores: Virologia
Doadores de Sangue
Reação em Cadeia da Polimerase
Torque teno virus
Anelloviridae
Limites: Seres Humanos
Masculino
Feminino
Adolescente
Adulto
Meia-Idade
Responsável: BR408.1 - Biblioteca da Faculdade de Medicina - BFM


  6 / 105 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Id: biblio-1000876
Autor: Romero Cabello, Raúl; Romero Feregrino, Raúl; Romero Feregrino, Rodrigo.
Título: Microbiologia y parasitología humana: bases etiológicas de las enfermedades infecciosas y parasitarias / Microbiology and human parasitology: etiological bases of infectious and parasitic diseases.
Fonte: Buenos Aires; Médica Panamericana; 2018. 1257 p. ilus, tab, graf.
Idioma: es.
Descritores: Artrópodes
Bacteriologia
Doenças Parasitárias/etiologia
Doenças Transmissíveis/etiologia
Micologia
Microbiologia
Parasitologia
Virologia
Limites: Seres Humanos
Tipo de Publ: Manuais
Responsável: AR338.1 - Biblioteca
AR338.1; 576.8:616.96, R75. 07/5235


  7 / 105 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Id: biblio-942668
Autor: Taylor, MG.
Título: A brief history of virology, protozoology and helminthology at winches farm laboratories: 1924 - 1992.
Fonte: s.l; s.n; 1992. 42 p.
Idioma: en.
Descritores: Laboratórios/história
Virologia/história
Limites: Masculino
Feminino
Seres Humanos
Responsável: BR1719.1 - Biblioteca do CPqRR
BR1719.1; 616.9, T244b, 1992. 018416


  8 / 105 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Id: biblio-941750
Autor: Knipe, David M(edt); Howley, Peter M(edt).
Título: Fields virology.-v.2
Fonte: Philadelphia; Wolters Kluwer; 2007. 1551-3091 p.
Idioma: en.
Descritores: Virologia/classificação
Viroses/imunologia
Viroses/patologia
Limites: Masculino
Feminino
Seres Humanos
Responsável: BR1719.1 - Biblioteca do CPqRR
BR1719.1; 616.9, K69f, 5th. ed. / v. 2 / 2007. 000269


  9 / 105 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Id: biblio-941749
Autor: Knipe, David M(edt); Howley, Peter M(edt).
Título: Fields virology.-v.1
Fonte: Philadelphia; Wolters Kluwer; 2007. 1550 p.
Idioma: en.
Descritores: Virologia/classificação
Viroses/imunologia
Viroses/patologia
Limites: Masculino
Feminino
Seres Humanos
Responsável: BR1719.1 - Biblioteca do CPqRR
BR1719.1; 616.9, K69f, 5th. / Vol.1 / 2007. 000268


  10 / 105 LILACS  
              first record previous record
seleciona
para imprimir
Id: biblio-941248
Autor: Flint, S. Jane; Enquist, L W; Racaniello, V R; Skalka, A M.
Título: Principles of virology: Volume II: Pathogenesis and Control.
Fonte: Washington, DC; ASM Press; 2009. 419 p.
Idioma: en.
Descritores: Virologia/classificação
Virologia/instrumentação
Virologia/métodos
Limites: Masculino
Feminino
Seres Humanos
Responsável: BR1719.1 - Biblioteca do CPqRR
BR1719.1; 616.9, F623p V. II, 3rd ed / 2009. 014933



página 1 de 11 ir para página                         
   


Refinar a pesquisa
  Base de dados : Formulário avançado   

    Pesquisar no campo  
1  
2
3
 
           



Search engine: iAH v2.6 powered by WWWISIS

BIREME/OPAS/OMS - Centro Latino-Americano e do Caribe de Informação em Ciências da Saúde