Base de dados : LILACS
Pesquisa : H02.229 [Categoria DeCS]
Referências encontradas : 1974 [refinar]
Mostrando: 1 .. 10   no formato [Detalhado]

página 1 de 198 ir para página                         

  1 / 1974 LILACS  
              next record last record
seleciona
para imprimir
Minayo, Maria Cecília de Souza
Texto completo
Id: lil-318922
Autor: Minayo, Maria Cecília de Souza(org); Miranda, Ary Carvalho de(org).
Título: Saúde e ambiente sustentável: estreitando nós / Health and Sustainable Environment - Closing Ties.
Fonte: Rio de Janeiro; FIOCRUZ; 2002. 343 p. ilus.
Idioma: pt.
Descritores: Saúde Ambiental
-Qualidade de Vida
Riscos Ambientais
Meio Ambiente
57453
Limites: Seres Humanos
Responsável: BR599.1 - Coordenação Geral de Documentação e Informação (CGDI)
BR599.1; WA30, M663s, 2002,MT; BR599.1; WA30, M663s, 2002, e.2,AGE; BR1273.1; BR526.1; R363.7, M663s


  2 / 1974 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Texto completo
Id: biblio-981953
Autor: Floss, Mayara; Barros, Enrique Falceto.
Título: Saúde planetária: conclamação para a ação dos médicos de família de todo o mundo / Planetary health: a call to action of family doctors from around the world / Salud planetaria: Llamada a la acción de los médicos de familia de todo el mundo
Fonte: Rev. bras. med. fam. comunidade;14(41):e1992, fev. 2019.
Idioma: pt.
Resumo: A WONCA, em conjunto com a Planetary Health Alliance, lançou uma conclamação para a ação dos MFCs do mundo pela saúde planetária. Este comentário discute os efeitos das mudanças ambientais e a conclamação em relação o papel do médico de família na perspectiva da saúde planetária.

WONCA, with the Planetary Health Alliance, issued a declaration calling family doctors of the world to act on planetary health. This commentary discusses environmental changes and the call in relation to the role of the family doctor in the perspective of planetary health.

WONCA, junto con la Planetary Health Alliance, lanzó un llamamiento a la acción de los medicos de familia del mundo por la salud planetaria. Este comentario discute los efectos de los cambios ambientales y el llamamiento y el papel del médico de familia en la perspectiva de la salud planetaria.
Descritores: Mudança Climática
Saúde Ambiental
Medicina de Família e Comunidade
Responsável: BR408.1 - Biblioteca da Faculdade de Medicina - BFM


  3 / 1974 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: biblio-1014576
Autor: Guimarães, Vanessa; Bahiense, Laura; Infante, Eduardo; Zamberlan, Fabio Luiz.
Título: Elaboração e análise de indicadores sociais para o apoio à tomada de decisão no processo de despoluição da Baía de Guanabara / Elaboration and analysis of social indicators as an instrument to support decision making in the process of depollution of the Guanabara Bay
Fonte: Saúde Soc;28(2):310-325, abr.-jun. 2019. tab, graf.
Idioma: pt.
Projeto: Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq).
Resumo: Resumo Apesar dos esforços de despoluição desde os anos 1990, não houve percepção, por parte da opinião pública, de que houve evolução do deteriorado quadro social da região da bacia da Baía de Guanabara (RJ). A importância dos indicadores sociais emerge em um momento em que se faz necessário prestar contas à população quanto aos investimentos e resultados obtidos, direcionar as ações às questões sociais e locais em situação de maior urgência e acompanhar os resultados para a identificação de ajustes nas ações para o alcance de melhores resultados. A atual agenda de discussão das questões sociais do entorno da baía configurou a base para a elaboração de um sistema de indicadores sociais. Três bacias hidrográficas em processo de despoluição também foram estudadas, com foco em suas abordagens quanto às questões sociais. Um modelo teórico de indicadores foi elaborado e testado em um recorte da bacia da Baía de Guanabara, por intermédio da utilização de dados públicos disponíveis. O modelo se mostrou ferramenta útil para uma abordagem holística da bacia ao informar sobre o melhor direcionamento de ações de despoluição para resultados mais efetivos em ambas as questões, sociais e ambientais.

Abstract Despite the efforts in the depollution since the 1990s, evolution of the damaged social scenario in the region of the watershed of the Guanabara Bay is not perceived by the public opinion. The importance of social indicators emerges in a moment in which rendering account to the population regarding investiments and results obtained, orienting actions for emergency social and local issues and monitoring results for identification of adjustments to the actions for the achievement of better results is necessary. The current agenda for debating social issues of the region of the bay represented the basis for the creation of a system of social indicators. Three watersheds in depollution process were also studied, focusing on their approaches regarding social issues. A theoretical model of indicators was developed and tested in a draft of the Guanabara Bay watershed, using the public data available. The model proved to be a useful tool for an holistic approach of the bay by providing information on the better orientation of depollution actions for more effective results in both social and environmental issues.
Descritores: Bacias Hidrográficas
Saúde Ambiental
Purificação da Água
Indicadores Sociais
Responsável: BR67.1 - CIR - Biblioteca - Centro de Informação e Referência


  4 / 1974 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Texto completo
Id: lil-476052
Autor: Periago, Mirta Roses; Galvão, Luiz Augusto; Corvalán, Carlos; Finkelman, Jacobo.
Título: Saúde ambiental na América Latina e no Caribe: numa encruzilhada / Environmental health in Latin America and the Caribbean: at the crossroads
Fonte: Saúde Soc;16(3):14-19, sep.-dic. 2007. ilus.
Idioma: pt.
Resumo: É inegável que a discussão sobre saúde, meio ambiente e desenvolvimento sustentável tem progredido muito em décadas recentes. Contudo, ganhos globais não têm sido distribuídos de maneira uniforme, deixando grandes grupos populacionais excluídos, com conseqüências negativas à saúde. Também estamos começando a reconhecer problemas globais emergentes que causam impactos locais significativos, principalmente em populações pobres, tanto em áreas rurais como urbanas. A saúde ambiental está numa encruzilhada, em que novos modelos e parcerias são necessários. Este artigo explora essas questões especificamente em relação aos países latino-americanos e caribenhos.

There has been undeniable progress in addressing health, environment and sustainable development in recent decades. Yet, global gains have not been distributed equally, leaving major populations groups excluded, with negative consequences to health. We are also beginning to recognize emerging global problems with significant local impacts, mostly in impoverished populations, both in rural and urban settings. Environmental health is at the crossroads, where new models and partnerships are required. This paper explores these issues with specific reference to the Latin American and Caribbean countries.
Descritores: Iniquidade Social
Riscos Ambientais
Saúde Ambiental
-América Latina
Índias Ocidentais
Responsável: BR67.1 - CIR - Biblioteca - Centro de Informação e Referência


  5 / 1974 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Cardoso, Telma Abdalla de Oliveira
Texto completo
Id: biblio-1017343
Autor: Navarro, Marli Brito Moreira de Albuquerque; Ardions, José Pereira; Soares, Bernardo Elias Correa; Cardoso, Telma Abdalla de Oliveira.
Título: A crise ambiental e a dimensão cognitiva e analítica da biossegurança / The environmental crisis and the cognitive and analytical scope of biosafety
Fonte: Ciênc. cogn;21(1):23-32, mar. 2016.
Idioma: pt.
Resumo: O artigo discute as intercessões das políticas públicas de saúde voltadas para os equacionamentos da questão ambiental e da contribuição da biossegurança como campo transversal. Sistematiza conteúdos debatidos em evento científico sobre biossegurança, ambiente e saúde, onde foram apresentadas reflexões advindas das atividades de pesquisa e ensino,realizadas por profissionais do campo da Saúde Pública. Agrega análises sobre os fundamentos da complexidade para compreensão das intercessões apresentadas entre ambiente,saúde, sociedade e risco. Destaca a perspectiva dos desafios permanentes para o campo da biossegurança no sentido de favorecer as ações voltadas para sustentabilidade, considerando a prioridade dos ambientes saudáveis, da saúde

The present paper discusses the common grounds of health public policies and the actual environmental issue, pointing to the contribution of biosafety as a parallel discipline enlightenment. It's systematizes contents presented at scientific meetings on biosafety, environment and health and originated from teaching ideas and research concepts by public health professionals. Thoughts on the basics of the complex theory are joined to further understand the main common topics between environment, health, society and risk.Perspectives to the field of biosafety point out to the challenges of enhancing sustainable actions while considering the maintenance of health and keeping environments healthy as a priority
Descritores: Saúde Ambiental
Saúde Pública
Conservação dos Recursos Naturais
Meio Ambiente
Políticas Públicas de Saúde
-Exposição Ocupacional
Planejamento em Saúde
Política de Saúde
Limites: Seres Humanos
Responsável: BR2474.1 - Biblioteca


  6 / 1974 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Id: lil-135684
Autor: Bahia. Secretaria de Estado de Saúde; .Bahia. Secretaria de Estado de Cultura. Instituto de Radiodifusão Educativa da Bahia.
Título: Saúde ambiental / Environmental health.
Fonte: Salvador; SESAB: IRDEB; 1992. 18 p. ilus. (Saúde, 6).
Idioma: pt.
Projeto: Secretaria da Saúde do Estado da Bahia. Projeto Nordeste - BA.
Descritores: Meio Ambiente
Educação/métodos
Saúde Ambiental
Limites: Seres Humanos
Responsável: BR599.1 - Coordenação Geral de Documentação e Informação (CGDI)
BR599.1


  7 / 1974 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: biblio-906355
Autor: Neto, Arthur Kolling; Anjos, Gabriel Macêdo dos; Brandolff, Rhaiane de Santana; Goés, Tamires Pereira; Silva, Julia Ferreira da.
Título: Fatores relacionados à saúde pública e ao saneamento básico em comunidade rural de Barreiras, Bahia, Brasil / Factors related to public health and basic sanitation in rural community of Barreiras, Bahia, Brasil / Factores relacionados a la salud pública y al saneamiento básico en comunidad rural de Barreras, Bahia, Brasil
Fonte: Rev. baiana saúde pública;41(3):https://doi.org/10.22278/2318-2660.2017.v41.n3.a2079, jul. 2017.
Idioma: pt.
Resumo: Nas comunidades rurais, os serviços de saneamento básico são precários, afetando a qualidade de vida da população. O objetivo deste trabalho foi realizar um levantamento sobre os serviços de saneamento prestados pelo município, com identificação do perfil socioeconômico e das condições sanitárias e sua interferência na vida dos moradores da comunidade Riachinho, zona rural de Barreiras, Bahia, Brasil. A pesquisa foi realizada entre setembro e dezembro de 2014, em 20 domicílios, numa amostragem aleatória simples. O diagnóstico foi realizado por meio de um questionário estruturado, englobando vulnerabilidade financeira da família, destino dos efluentes domésticos e dos resíduos sólidos, abastecimento de água, hábitos de higiene e condições de saúde da população. Os dados levantados foram sintetizados em tabelas, utilizando da estatística descritiva para descrição deles. Foi verificado que os serviços de saneamento prestados pelo município eram deficientes: intermitência no fornecimento de água, irregularidade na frequência da coleta de lixo, falta de infraestrutura das vias, ausência de limpeza pública, falta de posto de saúde, esgoto doméstico lançado nas ruas. Concluiu-se que os serviços de saneamento são precários, afetando negativamente na qualidade de vida da população e contribuindo para a proliferação de vetores, trazendo agravantes para a saúde dos moradores.

In rural communities, basic sanitation services are precarious, affecting the quality of life of the population. The objective of this study was to carry out a survey on the sanitation services provided by the municipality, with identification of the socioeconomic profile, sanitary conditions and their interference in the life of the residents in Riachinho community, rural area of Barreiras, Bahia, Brasil. The research was carried out between September and December 2014, in 20 domiciles, in a simple random sampling. The diagnosis was performed by means of a structured questionnaire comprising family financial vulnerability, final destination of domestic effluents and solid waste, water supply, hygiene habits and health conditions of the population. The collected data were synthesized in tables, using the descriptive statistics to describe the data. It was verified that the sanitation services provided by the municipality were deficient: intermittent water supply, irregularity in the frequency of garbage collection, lack of streets' infrastructure, lack of public cleaning, lack of health facilities, domestic sewage thrown in the streets. In conclusion, sanitation services are precarious, adversely affecting the quality of life of the population and contributing to the proliferation of vectors, which aggravate the health of the residents.

En las comunidades rurales, los servicios de saneamiento básico son precarios, afectando la calidad de vida de la población. El objetivo de este trabajo fue realizar un levantamiento sobre los servicios de saneamiento prestados por el municipio, con identificación del perfil socioeconómico, condiciones sanitarias y su interferencia en la vida de los habitantes de la comunidad Riachinho, zona rural de Barreras, Bahia, Brasil. La investigación fue realizada entre septiembre y diciembre de 2014, en 20 domicilios, en un muestreo aleatorio simple. El diagnóstico fue realizado por medio de un cuestionario estructurado, englobando vulnerabilidad financiera de la familia, destino final de los efluentes domésticos y de los residuos sólidos, abastecimiento de agua, hábitos de higiene y condiciones de salud de la población. Los datos recogidos fueron sintetizados en tablas, utilizando la estadística descriptiva para describir los datos. Fue verificado que los servicios de saneamiento prestados por el municipio eran deficientes: intermitencia en la distribución de agua, irregularidad en la frecuencia de la recolección de la basura, falta de infraestructura de las vías, ausencia de limpieza pública, falta de puesto de salud, alcantarillado doméstico lanzado en las calles. Concluyóse que los servicios de saneamiento son precarios, afectando negativamente en la calidad de vida de la población y contribuyendo para la proliferación de vectores, trayendo agravantes para la salud de los habitantes.
Descritores: Qualidade de Vida
Saneamento Rural
Saúde Ambiental
Perfis Sanitários
Controle de Vetores
Limites: Seres Humanos
Tipo de Publ: Relatos de Casos
Responsável: BR15.1 - Biblioteca de Ciências Biomédicas


  8 / 1974 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Texto completo
Id: biblio-883301
Autor: Cohn-Berger, Gretchen(ccp); Quezada, Maura(ccp).
Título: Líquenes como bioindicadores de contaminación aérea en el corredor metropolitano de la ciudad de Guatemala / Lichens as bioindicators of air pollution in the metropolitan corridor Guatemala City
Fonte: Rev. cient. (Guatem.);26(1):[20]-[39], octubre 2016.
Idioma: es.
Resumo: El incremento en las sustancias tóxicas a la atmósfera en la ciudad de Guatemala ha generado un empeoramiento paulatino de la calidad del aire. Por lo tanto, es necesaria la incorporación de un sistema de monitoreo que sea económico y que permita determinar las áreas de la ciudad con altos índices de contaminación aérea, para posteriormente tomar medidas adecuadas para su mitigación. En este sentido, el presente estudio categorizó los niveles de contaminación aérea por medio del Índice de Pureza Atmosférica (IPA), complementado con coberturas de cada especie, el Factor de Clasificación Ambiental (ECF) y el cambio en la diversidad de líquenes en árboles de jacaranda en 32 puntos del corredor metropolitano en la ciudad de Guatemala. Los resultados reportan 16 familias, 23 géneros y 65 especies de líquenes, de las cuales 26 son nuevos registros para el país y 5 para la ciudad. Los valores de IPA variaron de 4.5 a 25.5 indicando homogeneidad en los índices de contaminación aérea a lo largo del corredor metropolitano. En los puntos P5 Instituto Normal para Señoritas Centro América (INCA) y P13 (Parroquia Santa Marta) se obtuvieron los menores valores de IPA por lo que son los puntos con mayor grado de contaminación aérea; y los puntos P28 (Universidad Francisco Marroquín) y P21 (Avenida las Américas 1) obtuvieron los mayores siendo las áreas menos contaminadas. La incorporación del valor de cobertura al IPA, permite categorizar las áreas a una escala más fina, dándole mayor peso a especies toxitolerantes y toxisensibles. Estos resultados evidencian que los líquenes pueden complementar mediciones físicoquímicas de contaminación aérea, especialmente en puntos en donde no se cuenta con equipo para ello y pueden indicar lugares con problemas ambientales que necesiten investigación instrumental, como los puntos P5 y P13. Así mismo, se proponen 10 especies foliosas de líquenes para ser utilizadas como indicadoras de contaminación aérea en futuras investigaciones. Palabras clave: Líquenes, Índice de Pureza Atmonsférica, Factor de Clasificación Ambiental, bioindicador,

The increase of toxic substances into the atmosphere in Guatemala City has led to a progressive deterioration of the air quality. Therefore, it is necessary to incorporate an economic monitoring system that is able to identify the areas of the city with the highest levels of air pollution, and after that, be able to take the appropriate mitigation measures according to it. In this regard, this study categorized the levels of air pollution through the Index of Atmospheric Purity (IAP) complemented with coverage of each specie, the Environmental Classification Factor (ECF) and the change in diversity of lichens on Jacaranda trees in 32 points of metropolitan corridor of Guatemala City. The result reports 16 families, 23 genera and 65 species of lichens, whose 26 are new records for the country, and 5 for the city. IAP rate varied from 4.5 to 25.5, indicating that the metropolitan corridor is homogeneous regarding to high levels of air pollution. In points P5 (INCA) and P13 (Parish Church Parroquia Santa Marta) the lower rate of IAP were found, meaning that these are the points with the higher degree of air pollution; and points P28 (Marroquín University) and P21 (Avenida las Americas 1) obtained the highest degree, being the least polluted areas. The incorporation of the value of coverage to the IAP allows categorizing areas at a finer scale, giving more importance to toxitolerant and toxisensitive species. These results demonstrate that lichens can complement physical-chemical measurements of air pollution, especially in places where there is no equipment for it and it and therefore could indicate places with environmental problems that may need instrumental research, such as points P5 and P13. Furthermore, 10 micro lichen species are proposed to be used as air pollution indicators in future researches.
Descritores: Saúde Ambiental
Líquens
Tipo de Publ: Relatos de Casos
Responsável: GT5.3 - CEDOBF - Centro de Documentación y Biblioteca de Farmacia


  9 / 1974 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Texto completo
Id: biblio-879988
Autor: Pereira, Carlos Alexandre Rodrigues; Melo, Juliana Valéria de; Fernandes, André Luis Teixeira.
Título: A educação ambiental como estratégia da Atenção Primária à Saúde / Environmental education as Primary Health Care strategy / Educación ambiental como estrategia de la Atención Primaria de Salud
Fonte: Rev. bras. med. fam. comunidade;7(23):108-116, abr./jun. 2012. ilus, graf, tab.
Idioma: pt.
Resumo: A Educação Ambiental não deve discutir somente o meio ambiente físico, mas também deve contextualizar a saúde local, destacando os cuidados com a prevenção de doenças e gestão dos fatores ambientais deletérios a saúde. Objetivo: Este trabalho teve como objetivo avaliar a eficácia da Educação Ambiental como estratégia da Atenção Primária à Saúde (APS) num pequeno núcleo urbano isolado no Município de Uberaba. Método: Foi realizado um diagnóstico socioambiental no período de agosto/2009 a janeiro/2010 por meio da aplicação de questionário semiestruturado de pesquisa quantitativa e qualitativa sobre saúde, meio ambiente e desenvolvimento social. Com base nos resultados do diagnóstico, foram elaboradas atividades que envolveram reuniões, palestras e eventos culturais que discutiam os problemas verificados no diagnóstico. A avaliação da eficácia das intervenções foi realizada por meio da verificação de ações comunitárias que surgiram após as atividades. Resultados: Obteve-se a mobilização da Secretaria Municipal de Saúde quanto à qualidade da água de consumo humano e a mobilização comunitária na organização e enfrentamento dos problemas vivenciados, relacionados à educação, assistência médica e representação comunitária. Essas ações não se devem exclusivamente ao trabalho de educação realizado, mas foram motivadas e incentivadas por ele. Conclusão: Verifica-se que a Educação Ambiental é uma estratégia viável para a Atenção Primária à Saúde que pode ter alcance comunitário e trabalhar questões socioambientais que interferem na condição de saúde das pessoas.

Environmental education should not only discuss the physical environment, but also contextualise the local health care with emphasis on the disease prevention and management of environmental factors detrimental to health. Objective: This paper aims highlight the strategic importance of environmental education for the work in Primary Health Care in an isolated small urban center in the city of Uberaba. Method: Socio-environmental diagnosis was made in the period of August/2009 January/2010 through the application of semi-structured questionnaire for quantitative and qualitative research on health, environment and social development. Based on the results of the diagnosis, were prepared activities involving meetings, lectures and cultural events that discussed the problems in diagnosis. The assessment of efficacy was performed by verifying community action that arose after the activities. Results: Obtained the mobilization of the Municipal Health on the quality of drinking water and the community mobilization for organization and dealing with problems experienced related to education, health care and community representation. These actions are not due exclusively to the work carried out education, but were motivated and encouraged by it. Conclusion: It appears that environmental education is a viable strategy for Primary Health Care to may have community outreach and working environmental issues that affect the health status of people.

La educación ambiental no sólo se debe discutir el medio ambiente físico, sino también contextualizar los servicios locales de salud con énfasis en la prevención de enfermedades y manejo de los factores ambientales perjudiciales para la salud. Objetivo: El presente trabajo pretende estudiar la importancia estratégica de la educación ambiental para el trabajo en Atención Primaria de Salud en un pequeño centro urbano en la ciudad de Uberaba. Método: Se realizó diagnóstico socio-ambiental en el período de Agosto/2009 hasta Enero/2010 con la aplicación de cuestionario semi-estructurado para la investigación cuantitativa y cualitativa sobre la salud, el medio ambiente y el desarrollo social. Basándose en los resultados del diagnóstico, se prepararon actividades relacionadas con reuniones, conferencias y eventos culturales que se discutieron los problemas en el diagnóstico. La evaluación de la eficacia se realizó mediante la verificación de la acción comunitaria que surgió después de las actividades. Resultado: Se obtuvo la movilización de la Salud Municipal para mejora de la calidad del agua potable y tambien obtuvo la movilización de la comunidad para organización y tratamiento de los problemas experimentados en relación con educación, la salud y la representación social. Estas acciones no se deben exclusivamente a la labor llevada a cabo por la educación, pero estaban motivados y animados por la misma. Conclusión: Hay encontrado que la educación ambiental es una estrategia viable para la Atención Primaria de Salud que puede alcanzar a la comunidad y trabajar las cuestiones ambientales que afectan el estado de salud de las personas de las personas.
Descritores: Atenção Primária à Saúde
Diagnóstico da Situação de Saúde em Grupos Específicos
Saúde Ambiental
Educação Ambiental
Prevenção de Doenças
-Diagnóstico da Situação de Saúde
Responsável: BR408.1 - Biblioteca da Faculdade de Medicina - BFM


  10 / 1974 LILACS  
              first record previous record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Texto completo
Id: lil-743253
Autor: Gonzales, Gustavo F; Steenland, Kyle.
Título: La salud ambiental en el Perú / Environmental health in Peru
Fonte: Rev. peru. med. exp. salud publica;31(2):398-399, abr.-jun. 2014. tab.
Idioma: es.
Descritores: Poluição da Água
Poluentes Atmosféricos
Material Particulado
Saúde Ambiental
-Peru
Limites: Seres Humanos
Tipo de Publ: Carta
Responsável: PE14.1 - Biblioteca de la Sede Central



página 1 de 198 ir para página                         
   


Refinar a pesquisa
  Base de dados : Formulário avançado   

    Pesquisar no campo  
1  
2
3
 
           



Search engine: iAH v2.6 powered by WWWISIS

BIREME/OPAS/OMS - Centro Latino-Americano e do Caribe de Informação em Ciências da Saúde