Base de dados : LILACS
Pesquisa : H02.229.782 [Categoria DeCS]
Referências encontradas : 1347 [refinar]
Mostrando: 1 .. 10   no formato [Detalhado]

página 1 de 135 ir para página                         

  1 / 1347 LILACS  
              next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: biblio-1129772
Autor: Santos, Rawanderson dos; Porto, Wagnner José Nascimento; Moraes, Anna Amélia de Paula; Wanderley, Flaviana Santos.
Título: Risk factors and prevalence of enteroparasitic diseases in shellfish pickers from a lake area in the Northeast of Brazil / Fatores de risco e prevalência de enteroparasitoses em marisqueiras de uma região lagunar no Nordeste do Brasil
Fonte: ABCS health sci;45:e020024, 02 jun 2020. tab.
Idioma: en.
Resumo: INTRODUCTION: Intestinal parasitosis are a public health problem worldwide. There are several risk factors and a high association with some specific labor activities. OBJECTIVE: The present study assessed the risk factors and prevalence of enteroparasitic diseases in shellfish pickers from one district of Maceió, Alagoas state, Brazil. METHODS: Crosssectional study of 41 female shellfish pickers including parasitological tests in fecal samples and a questionnaire with objective and subjective questions. Sand samples from their working environment were also analyzed. RESULTS: At least one species of parasite was found in 19.51% of the fecal samples. Pathogenic species of Giardia lamblia, Trichuris trichiura, Schistosoma mansoni, Ascaris lumbricoides, Enterobius vermicularis, from the Ancylostomatidae family, and non-pathogenic species of Entamoeba coli were found. Polyparasitism was diagnosed in 37.5% of the positive samples. A total of 57.14% of sand samples contained hookworm larvae. Regarding the risk factor, low educational level was statistically associated to the presence of parasites (p<0.05). CONCLUSION: Greater investment in basic education is needed to increase the knowledge about preventive measures against parasitic diseases and the promotion food-handling courses in order to change existing inadequate habits in the community. Basic sanitation is also essential in preventing environmental contamination.

INTRODUÇÃO: As parasitoses intestinais representam um problema de saúde pública mundial. Estão associados inúmeros fatores de risco, bem como atividades laborais específicas. OBJETIVO: O presente estudo avaliou os fatores de risco e a prevalência de enteroparasitoses em marisqueiras de um bairro da cidade de Maceió, Alagoas, Brasil. MÉTODOS: Procedeu-se um estudo de corte transversal, sendo 41 marisqueiras avaliadas mediante exame parasitológico de fezes e questionário contendo questões discursivas e de múltipla escolha. Foram analisadas também amostras de areia do ambiente de trabalho das mesmas. RESULTADOS: A positividade para pelo menos uma espécie de parasito nas fezes foi de 19,51%. Foram encontradas as espécies patogênicas Giardia lamblia, Trichuris trichiura, Schistosoma mansoni, Ascaris lumbricoides, Enterobius vermicularis e da família Ancylostomatidae, e a espécie não patogênica, Entamoeba coli. Poliparasitismo foi diagnosticado em 37,5% dos exames positivos. Um total de 57,14% das amostras de areia continha larvas de ancilostomatídeos. Em relação aos fatores de risco, a baixa escolaridade foi estatisticamente associada à presença de parasitas (p<0,05). CONCLUSÃO: É necessário maior investimento na educação básica para aprimorar o conhecimento das formas de prevenção das parasitoses e a promoção de cursos de boas práticas de manipulação de alimentos, a fim de modificar hábitos errôneos já incorporados na comunidade. O saneamento básico também é fundamental para evitar contaminação ambiental.
Descritores: Doenças Parasitárias/epidemiologia
Frutos do Mar/parasitologia
Fatores de Risco
Crustáceos/parasitologia
Pesqueiros
Moluscos/parasitologia
-Parasitos
Doenças Parasitárias/transmissão
Perfil de Saúde
Higiene dos Alimentos
Saneamento
Higiene
Estudos Transversais
Parasitologia de Alimentos
Poluição Ambiental
Limites: Humanos
Feminino
Adulto
Pessoa de Meia-Idade
Responsável: BR1342.1 - Biblioteca da Escola de Enfermagem BENF


  2 / 1347 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Texto completo
Texto completo
Id: biblio-1123576
Autor: Moniz, Marcela de Abreu; Souza, Ingrid da Silva; Bastos, Mayara Pacheco da Conceição; Pacheco, Raila Neumann; Linhares, Layla Correa; Dias, Rayara Mozer.
Título: Interface entre saneamento ambiental e saúde: estudo participante com estudantes de enfermagem / Interfaz entre saneamiento ambiental y salud: estudio participante con estudiantes de enfermería / Interface between environmental sanitation and health: participant study with nursing students
Fonte: Online braz. j. nurs. (Online);18(1), mar. 2019. ilus.
Idioma: en; es; pt.
Resumo: OBJETIVO: descrever a percepção de graduandos de enfermagem sobre a interface do saneamento ambiental com a saúde humana. MÉTODO: Empregou-se o estudo participante, a técnica World Café e a análise temática de conteúdo. Participaram 23 graduandos de enfermagem da Universidade Federal Fluminense, campus Rio das Ostras, no período de agosto de 2017 a maio de 2018. RESULTADOS: A percepção limitada dos participantes sobre as dimensões físicas, biológicas, toxicológicas, sociais e políticas que envolvem a relação saneamento-saúde revela uma formação dedicada ainda ao modelo biomédico e despolitizada das questões socioambientais que repercutem na saúde. CONCLUSÃO: Constatou-se a importância da educação ambiental centrada nos estudantes e em metodologias ativas de aprendizagem, com vistas ao pensamento crítico e à formação de competências dos futuros enfermeiros para a realização de ações que reduzam as condições de riscos à saúde relacionadas ao saneamento ambiental.

OBJETIVO: describir la percepción que los graduandos de enfermería tienen sobre la interfaz del saneamiento ambiental con la salud humana. MÉTODO: Se utilizó el estudio participante, la técnica World Café y el análisis temático de contenido. Participaron 23 graduandos de enfermería de la Universidad Federal Fluminense, campus Rio de las Ostras, en el período de agosto de 2017 a mayo de 2018. RESULTADOS: La percepción limitada de los participantes sobre las dimensiones físicas, biológicas, toxicológicas, sociales y políticas que envuelven la relación saneamiento-salud revela una formación que se dedica, todavía, al modelo biomédico, despolitizada de las cuestiones socioambientales que repercuten en la salud. CONCLUSIÓN: Se constató la importancia de la educación ambiental centralizada en los estudiantes y en las metodologías activas de aprendizaje, objetivando el pensamiento crítico y la formación de competencias en los futuros enfermeros para que ellos puedan realizar acciones que reduzcan las condiciones de riesgos a su salud relacionadas al saneamiento ambiental.

AIM: describe the perception of nursing students on the interface of environmental sanitation with human health. METHOD: The participating study, World Café technique and thematic content analysis were employed. Twenty-three nursing students from Fluminense Federal University, Rio das Ostras campus, participated from August 2017 to May 2018. RESULTS: The participants' limited perception of the physical, biological, toxicological, social and political dimensions that involve the sanitation-health relationship reveals a training dedicated to the biomedical and depoliticized model of socio-environmental issues that impact health. CONCLUSION: The importance of student-centered environmental education and active learning methodologies for critical thinking and skills training of future nurses for actions aimed at reducing health risks related to environmental sanitation was observed.
Descritores: Estudantes de Enfermagem
Saneamento
Bacharelado em Enfermagem
-Enfermagem em Saúde Pública
Educação em Saúde Ambiental
Riscos Ambientais
Risco à Saúde Humana
Direito Sanitário
Política Ambiental
Promoção da Saúde
Limites: Humanos
Responsável: BR1342.1 - Biblioteca da Escola de Enfermagem BENF


  3 / 1347 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: biblio-1120182
Autor: Lara Massara, Cristiano.
Título: Modernos conceitos (conceptos) no controle da ascaridíase com enfoque no tratamento / Modern concepts in the control of ascariasis with focus on treatment
Fonte: Salud(i)ciencia (Impresa) = Salud(i)ciencia (En linea);15(6):966-971, nov. 2007. tab..
Idioma: es.
Resumo: Infection with Ascaris lumbricoides constitutes the most common helminthic disease worldwide. This fact by itself demonstrates the public health importance of this infection. Furthermore, children of ages between 5 and 10 years constitute the most infected group. Many of these individuals present a delay on physical and mental development in case of light and moderate infections. Patients with heavy infections may present clinical manifestations of different severity including death. One of the most important barriers in the control of this disease is related to its geographic distribution. Most of the infections occur in sub-tropical and tropical regions, where most developing countries are located. Furthermore, the total number of infected individuals is raising and unfortunately, the effects of treatment are not long-lasting or permanent. Therefore, efficient strategies which combine this treatment, which is cheap, save and effective, with sanitation and health education in order to achieve longlasting positive results through infrastructural development and increased awareness of the population and its leaders is needed to achieve better control of these diseases.

A ascaridíase é a infecção (infección) mais comum entre as helmintoses. Este fato (hecho) já é suficiente para mostrar a importância desta doença (de esa enfermedad) para a saúde pública. O grupo mais infectado são (son) escolares entre 5 e 10 anos. Estes indivíduos apresentam atraso no desenvolvimento cognitivo e físico ao longo (a lo largo) da vida, se infectados com cargas baixas (bajas) ou médias. Em caso de infecção com cargas altas, este fato se agrava, apresentando sintomas clínicos que podem ser graves e levar até (hasta ocasionar) a morte. Como o número absoluto dos infectados está aumentando, especialmente em áreas tropicais e subtropicais, onde (donde) se encontram (se ubican) a maioria (mayoría) dos países em desenvolvimento, um dos (uno de los) pilares para conter (contener) esta endemia é o tratamento. Infelizmente os efeitos só do tratamento não são (no son) permanentes. Por isso, são necessárias estratégias eficazes para combinar este tratamento eficiente, barato e seguro com saneamento e educação em saúde, para obter (obtener) resultados positivos permanentes através de desenvolvimento da infra-estrutura e conscientização (concientización) da população e de seus líderes
Descritores: Ascaríase
Educação em Saúde
Ascaris lumbricoides
Controle
Infecções
-Saneamento
Responsável: AR392.1 - Biblioteca


  4 / 1347 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: lil-512853
Autor: Rivas, R. J. E; Anselmi Cabra, E; Cabana, R. M; Barrionuevo, P; Diaz, C. F; Acosta, D. A.
Título: Experiencia en la Provincia de Santa Fe: ante la emergencia, solidaridad / Experiences in Santa Fe Province: solidarity after a natural catastrophe
Fonte: Med. infant;10(3):161-164, sept. 2003. tab, ilus, graf.
Idioma: es.
Descritores: Inundações
Serviço Social
Enfermagem Primária
Emergências em Desastres/políticas
Saneamento
Responsável: AR94.1 - Centro de Información Pediatrica


  5 / 1347 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo SciELO Saúde Pública
Texto completo
Id: biblio-843747
Autor: Raupp, Ludimila; Fávaro, Thatiana Regina; Cunha, Geraldo Marcelo; Santos, Ricardo Ventura.
Título: Condições de saneamento e desigualdades de cor/raça no Brasil urbano: uma análise com foco na população indígena com base no Censo Demográfico de 2010 / Sanitation and racial inequality conditions in urban Brazil: an analysis focused on the indigenous population based on the 2010 Population Census
Fonte: Rev. bras. epidemiol;20(1):1-15, Jan.-Mar. 2017. tab.
Idioma: pt.
Projeto: Fundação Carlos Chagas Filho de Amparo à Pesquisa do Estado do Rio de Janeiro.
Resumo: RESUMO: Objetivo: Os objetivos deste estudo foram analisar e descrever a presença da infraestrutura de saneamento básico nas áreas urbanas do Brasil, contrastando os perfis dos domicílios indígenas com os de não indígenas. Métodos: Trata-se de um estudo transversal com base nos microdados do Censo 2010. As análises foram baseadas em estatísticas descritivas (prevalências) e na construção de modelos de regressão logística múltipla (ajustados por covariáveis socioeconômicas e demográficas). Estimaram-se as razões de chance para a associação entre as variáveis explicativas (covariáveis) e de desfecho (abastecimento de água, esgotamento sanitário, coleta de lixo e saneamento adequado). O nível de significância estatística estabelecido foi de 5%. Resultados: Entre os serviços analisados, o esgotamento sanitário mostrou-se o mais precário. Em relação à cor ou raça, os domicílios com responsáveis indígenas apresentaram as menores frequências de presença de infraestrutura sanitária no Brasil Urbano. Os resultados das regressões ajustadas mostraram que, em geral, os domicílios indígenas se encontram em desvantagem quando comparados aos de outras categorias de cor ou raça, especialmente quanto à presença do serviço de coleta de lixo. Essas desigualdades foram de maior magnitude nas regiões Sul e Centro-Oeste. Conclusão: As análises deste estudo não somente confirmam o perfil de precárias condições de infraestrutura de saneamento básico dos domicílios indígenas em área urbana, como também evidenciam a persistência de iniquidades associadas à cor ou raça no país.

ABSTRACT: Objective: The aims of this study were to analyze and describe the presence and infrastructure of basic sanitation in the urban areas of Brazil, contrasting indigenous with non-indigenous households. Methods: A cross-sectional study based on microdata from the 2010 Census was conducted. The analyses were based on descriptive statistics (prevalence) and the construction of multiple logistic regression models (adjusted by socioeconomic and demographic covariates). The odds ratios were estimated for the association between the explanatory variables (covariates) and the outcome variables (water supply, sewage, garbage collection, and adequate sanitation). The statistical significance level established was 5%. Results: Among the analyzed services, sewage proved to be the most precarious. Regarding race or color, indigenous households presented the lowest rate of sanitary infrastructure in Urban Brazil. The adjusted regression showed that, in general, indigenous households were at a disadvantage when compared to other categories of race or color, especially in terms of the presence of garbage collection services. These inequalities were much more pronounced in the South and Southeastern regions. Conclusion: The analyses of this study not only confirm the profile of poor conditions and infrastructure of the basic sanitation of indigenous households in urban areas, but also demonstrate the persistence of inequalities associated with race or color in the country.
Descritores: Índios Sul-Americanos
Saneamento/normas
Saneamento/estatística & dados numéricos
-Fatores Socioeconômicos
População Urbana
Brasil
Características da Família
Estudos Transversais
Censos
Limites: Humanos
Masculino
Feminino
Responsável: BR1.1 - BIREME


  6 / 1347 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: lil-695257
Autor: Lima, Ivana Cristina Vieira de; Pedrosa, Nathália Lima; Aguiar, Larissa de Fátima Pontes; Galvão, Marli Teresinha Gimeniz.
Título: Demandas de cuidado domiciliar da criança nascida exposta ao HIV na ótica da teoria ambientalista / Demandas de cuidados en casa del niño nacido expuesto al VIH en la óptica de la teoría ambientalista / Demands of home care of children born exposed to HIV in the perspective of the environmental theory
Fonte: Rev. gaúch. enferm;34(3):64-71, set. 2013. tab.
Idioma: pt.
Resumo: Objetivou-se identificar as demandas de cuidado domiciliar da criança nascida exposta ao HIV, sob a perspectiva da teoria ambientalista. Trata-se de estudo qualitativo exploratório-descritivo realizado de janeiro a abril de 2011. Participaram dez mães infectadas pelo HIV, com crianças nascidas expostas ao vírus, em Fortaleza, Ceará. Constituíram-se como instrumentos de coleta de dados: câmera fotográfica descartável e digital e formulários para captação de informações em saúde associadas ao ambiente domiciliar. Os resultados foram contextualizados de acordo com a teoria e organizados em categorias: "vulnerabilidades associadas à estrutura física da moradia"; "ar intradomiciliar e peridomiciliar impuro"; "água utilizada para consumo"; "rede de esgoto e saneamento"; "iluminação e ventilação da residência". Conclui-se que o ambiente domiciliar oferece condições ambientais desfavoráveis para a criança. Urge a realização de intervenções focalizadas no ambiente domiciliar, para promover a saúde da criança nascida exposta ao HIV.

Se objetivó identificar las demandas de atención en el hogar de los niños nacidos expuestos al VIH en la perspectiva de la teoría ambientalista. Estudio cualitativo exploratorio-descriptivo realizado entre enero y abril de 2011. Participaron diez madres VIH-positivas con bebés expuestos al virus, en Fortaleza, Ceará. Fueron instrumentos de recolección de datos: cámara desechable y digital y formularios para capturar información sobre la salud asociada con el ambiente del hogar. Los resultados fueron contextualizados de acuerdo a la teoría y organizado en categorías: vulnerabilidades asociadas con la estructura física de la casa; aire intra y peridoméstico impuro; agua utilizada para el consumo; saneamiento y alcantarillado; iluminación y ventilación de la residencia. Se concluye que el hogar ofrece condiciones ambientales desfavorables para el niño. Hay necesidad de intervenciones específicas en el entorno del hogar para promover la salud de los niños nacidos expuestos al VIH.

The purpose of this study was to identify the demands of home care of children born exposed to HIV in the perspective of the environmental theory. It consists of an exploratory descriptive qualitative study, developed between January and April of 2011. Study participants were ten HIV-infected mothers with infants exposed to the virus, living in Fortaleza, Ceará. The data collection instruments included: a disposable digital camera and forms to obtain information on health associated with the home environment. Results were contextualized according to the theory and organized into the following categories: vulnerabilities associated with the physical structure of the house; contaminated intra and peridomestic air; unclean water used for drinking; sanitation and sewerage system; lighting and ventilation of the house. In conclusion, the home environment offers unfavorable environmental conditions for the child. Targeted interventions in the home environment are necessary so as to promote the health of children born exposed to HIV.
Descritores: Exposição Ambiental
Saúde da Família
Infecções por HIV/prevenção & controle
Necessidades e Demandas de Serviços de Saúde
Habitação
Cuidado do Lactente
Determinantes Sociais da Saúde
-Poluição do Ar em Ambientes Fechados/economia
Poluição do Ar em Ambientes Fechados/estatística & dados numéricos
Brasil
Exposição Ambiental/economia
Exposição Ambiental/estatística & dados numéricos
Saúde da Família/economia
Saúde da Família/estatística & dados numéricos
Infecções por HIV/congênito
Infecções por HIV/transmissão
Necessidades e Demandas de Serviços de Saúde/economia
Necessidades e Demandas de Serviços de Saúde/estatística & dados numéricos
Visita Domiciliar
Habitação/economia
Habitação/estatística & dados numéricos
Higiene/economia
Higiene/normas
Cuidado do Lactente/economia
Cuidado do Lactente/normas
Cuidado do Lactente/estatística & dados numéricos
Controle de Infecções
Transmissão Vertical de Doença Infecciosa
Modelos Teóricos
Fotografação
Pobreza
Complicações Infecciosas na Gravidez
Medição de Risco
Saneamento/economia
Saneamento/estatística & dados numéricos
Determinantes Sociais da Saúde/economia
Determinantes Sociais da Saúde/estatística & dados numéricos
Fatores Socioeconômicos
Poluição da Água/economia
Poluição da Água/estatística & dados numéricos
Abastecimento de Água/economia
Abastecimento de Água/estatística & dados numéricos
Limites: Adolescente
Adulto
Feminino
Humanos
Lactente
Masculino
Gravidez
Adulto Jovem
Responsável: BR1.1 - BIREME


  7 / 1347 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: biblio-962000
Autor: García-Ubaque, César A; Vaca-Bohórquez, Martha L; García-Ubaque, Juan C.
Título: Factibilidad técnica y de salud pública de la recolección de aguas nieblas: estudio de caso / A case study regarding the technical and public health feasibility of collecting water from fog
Fonte: Rev. salud pública;15(3):366-373, mayo-jun. 2013. ilus, graf, tab.
Idioma: es.
Resumo: Objetivos Evaluación para consumo humano de la captación de aguas nieblas en el municipio de San Antonio (Cundinamarca). Método Se recolectó agua niebla mediante un prototipo de captador de 6 m², que se instaló en el área durante 53 días consecutivos y se analizó el agua recolectada para evaluar su viabilidad para consumo humano. Resultados El volumen promedio diario de captación en la zona fue de 43,26 L/día y los parámetros de potabilidad evaluados cumplen con los valores mínimos establecidos en el Reglamento de Agua Potable y Saneamiento Básico RAS 2000, con excepción del pH. Conclusión Esta alternativa para captación y uso de agua plantea opciones alternativas y puede escalarse para producir las cantidades necesarias en comunidades asentadas en zonas de baja precipitación, adicionalmente, la calidad del agua recolectada en esta zona es adecuada para consumo humano, por lo que mejora las condiciones de salud de la población. Se sugiere realizar una evaluación de factibilidad económica para su aplicación y sostenibilidad.(AU)

Objectives Evaluating the collection of water for human consumption from fog nets in San Antonio (Cundinamarca department). Method Water was collected from fog using a prototype 6 m²sensor unit which was installed In the area for 53 days; this water was analysed to assess its quality regarding human consumption. Results The collection area's average daily volume was 43.26 L/day and the parameters evaluated met the minimum values established by local regulations for drinking water (RAS 2000), except for pH. Conclusion This technique represents an alternative for obtaining water fit for human consumption and can be scaled-up to produce the quantity needed for communities living in low rainfall areas. It can thereby lead to improving such populations' health conditions. Its economic feasibility should thus be assessed regarding its implementation and sustainability.(AU)
Descritores: Água Potável
Abastecimento Rural de Água/métodos
Saneamento
Captação de Neblina/análise
-Colômbia
Tipo de Publ: Relatos de Casos
Responsável: BR1.1 - BIREME


  8 / 1347 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Saúde Pública
Texto completo
Id: biblio-1101589
Autor: Massa, Kaio Henrique Correa; Chiavegatto Filho, Alexandre Dias Porto.
Título: Saneamento básico e saúde autoavaliada nas capitais brasileiras: uma análise multinível / Basic sanitation and self-reported health in Brazilian capitals: a multilevel analysis
Fonte: Rev. bras. epidemiol;23:e200050, 2020. tab.
Idioma: pt.
Projeto: Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo.
Resumo: RESUMO: Objetivo: Analisar a associação entre os determinantes contextuais referentes ao saneamento básico e a autoavaliação de saúde nas capitais brasileiras. Métodos: Analisaram-se 27.017 adultos (≥ 18 anos) residentes nas 27 capitais brasileiras em 2013, utilizando dados da Pesquisa Nacional de Saúde (PNS). Ajustaram-se modelos multiníveis logísticos bayesianos para analisar a associação entre a autoavaliação de saúde e a cobertura dos serviços de saneamento básico (rede de esgoto, abastecimento de água e coleta de lixo), controlando a análise por fatores individuais (primeiro nível do modelo) e renda per capita da cidade de residência (segundo nível). Resultados: A maior cobertura de serviços de saneamento básico esteve consistentemente associada à melhor percepção da saúde, mesmo após o controle pelas características individuais e contextuais. Observou-se menor chance de autoavaliação ruim de saúde entre indivíduos que viviam em capitais com média (odds ratio - OR = 0,59; intervalo de confiança - IC95% = 0,57 - 0,61) e alta (OR = 0,61; IC95% = 0,57 - 0,66) cobertura da rede de coleta de esgoto; média (OR = 0,77; IC95% = 0,71 - 0,83) cobertura de serviço de abastecimento de água; e alta (OR = 0,78; IC95% = 0,69 - 0,89) proporção de coleta de lixo. Conclusão: A associação positiva entre melhores condições de saneamento básico e a autoavaliação da saúde, independentemente dos fatores individuais e das condições socioeconômicas do local de residência, confirma a necessidade de se considerar o saneamento básico na elaboração de políticas de saúde.

ABSTRACT: Objective: This study aimed to analyze the association between the contextual determinants related to basic sanitation and self-reported health in Brazilian capitals. Methods: The sample consisted of 27,017 adults (≥18 years) residing in the 27 Brazilian capitals in 2013, from the National Health Survey (PNS). The association between self-reported health and sanitation (sewage system, water supply and garbage collection) was analyzed using Bayesian multilevel models, controlling for individual factors (first level of the model) and area-level socioeconomic characteristics (second level). Results: We found a consistent association between better self-reported health and better sanitation levels, even after controlling for individual and contextual characteristics. At the contextual level, lower odds of poor self-reported health was observed among those living in areas with medium (OR = 0.59, 95%CI 0.57 - 0.61) or high (OR = 0.61, 95%CI 0.57 - 0.66) sewage system level; medium (OR = 0.77, 95%CI 0.71 - 0.83) coverage of water supply; and high (OR = 0.78, 95%CI 0.69 - 0.89) garbage collection level. Conclusion: The positive association between better sanitation conditions and health, independently of the individual factors and the socioeconomic characteristics of the place of residence, confirms the need to consider sanitation in the planning of health policies.
Descritores: Saneamento/estatística & dados numéricos
Nível de Saúde
-Esgotos
Fatores Socioeconômicos
População Urbana
Brasil
Inquéritos Epidemiológicos
Análise Multinível
Autorrelato
Política de Saúde
Pessoa de Meia-Idade
Limites: Humanos
Masculino
Adolescente
Adulto
Adulto Jovem
Responsável: BR1.1 - BIREME


  9 / 1347 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: biblio-1096398
Autor: Guatemala. Ministerio de Salud Pública y Asistencia Social. Unidad de Gestión de Riesgos.
Título: Lineamientos para el manejo de cadáveres Coronavirus COVID- 19) / Guidelines for the management of corpses Coronavirus COVID- 19.
Fonte: Guatemala; MSPAS, Unidad de Gestion de Riesgos; 07 abr 2020. 28 p. graf.
Idioma: es.
Resumo: Establece los lineamientos a seguir durante en el proceso del manejo de cadáveres infectados con el Coronavirus COVID-19 en todo el territorio nacional. Describe procedimientos para servicios de salud y funerarias, en el trato de los cuerpos.
Descritores: Pneumonia Viral/mortalidade
Pneumonia Viral/prevenção & controle
Cadáver
Infecções por Coronavirus/mortalidade
Infecções por Coronavirus/prevenção & controle
Betacoronavirus
-Autopsia
Saneamento/métodos
Cemitérios/normas
Necrotério/métodos
Funerárias/normas
Guatemala/epidemiologia
Limites: Humanos
Masculino
Feminino
Responsável: GT5.1 - Biblioteca y Centro de Documentación Dr. Julio de León Méndez


  10 / 1347 LILACS  
              first record previous record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: lil-564831
Autor: Morales Soto, Nelson Raúl.
Título: Impacto de los desastres en la salud / Impact of disasters on health
Fonte: Diagnóstico (Perú);48(4):151-155, oct.-dic. 2009. tab.
Idioma: es.
Descritores: Efeitos de Desastres na Saúde
Doenças Transmissíveis
Epidemiologia
Mortalidade
Saneamento
Limites: Humanos
Masculino
Feminino
Tipo de Publ: Conferência de Consenso
Responsável: PE1.1 - Oficina Universitária de Biblioteca



página 1 de 135 ir para página                         
   


Refinar a pesquisa
  Base de dados : Formulário avançado   

    Pesquisar no campo  
1  
2
3
 
           



Search engine: iAH v2.6 powered by WWWISIS

BIREME/OPAS/OMS - Centro Latino-Americano e do Caribe de Informação em Ciências da Saúde