Base de dados : LILACS
Pesquisa : H02.403.600.500 [Categoria DeCS]
Referências encontradas : 7 [refinar]
Mostrando: 1 .. 7   no formato [Detalhado]

página 1 de 1

  1 / 7 LILACS  
              next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: biblio-1148402
Autor: Morrisa, Anna María; Oyarzún, Patricia; Rivera, Sebastián.
Título: Recomendaciones para la atención fonoaudiológica en las áreas de audiología y otoneurología en contexto COVID-19: una revisión narrativa / Recommendations for audiologist assistance in the areas of audiology and otoneurology in context COVID-19: a narrative review
Fonte: Rev. chil. fonoaudiol. (En línea);19:1-9, nov. 2020.
Idioma: es.
Resumo: La pandemia por el virus SARS-CoV-2 causante de la enfermedad COVID-19 se ha expandido rápidamente a nivel mundial. Las autoridades de salud pública han recomendado limitar las prestaciones de salud no esenciales, buscando el equilibrio entre el riesgo del retraso en el tratamiento y la potencial exposición al virus. En la mayoría de las prestaciones en las áreas de audiología y otoneurología no es posible cumplir con el distanciamiento físico recomendado y la duración de la atención puede superar los 45 minutos, factores que aumentan el riesgo de contagio para el profesional. El objetivo de la presente revisión es describir la evidencia actual sobre las recomendaciones de atención para las áreas de audiología y otoneurología en contexto COVID-19. Además de la búsqueda de artículos científicos en diversas bases de datos, se revisaron las recomendaciones emitidas por las principales asociaciones en el área. La información obtenida se organizó considerando cuatro aspectos clínicos relevantes: prestaciones, procedimientos, elementos de protección personal y limpieza de equipamiento e insumos. La evidencia científica y las sugerencias de las asociaciones están en constante actualización y algunos temas se han desarrollado escasamente. Sin embargo, las recomendaciones coinciden en priorizar la atención a distancia, extremar el uso de elementos de protección personal, implementar protocolos de higiene de manos y limpieza de equipos e insumos. También, se sugiere incorporar estrategias de comunicación alternativas al lenguaje oral con las personas con hipoacusia para facilitar la discriminación de la palabra.

The COVID-19 pandemic caused by the SARS-CoV-2 virus has rapidly spread worldwide. Public health authorities have recommended limiting non-essential healthcare, in search of a balance between the risk of delaying treatment and the potential exposure to the virus. Most services in the audiology and otoneurologyareas can easily exceed 45 minutes and it is not possible to keep the recommended physical distancing. Both factors increase the risk of professionals being infected. Therefore, the purpose of this review is to describe the current evidence about recommendations in audiology and otoneurology care in the context of COVID-19. In addition to the search of scientific articles in various databases, recommendations issued by the mainassociations in the area were consulted. The information was gathered considering four relevant clinical aspects: health careservices, procedures, personal protective equipment and the cleaning of equipment and supplies. Scientific evidence and suggestions made by associations are being constantly updated, and therefore there is limited content on some topics. However, the recommendations agree on prioritizing remote health care, increasing the use of personal protective equipment, implementing protocols for hand hygiene and for the cleaning of equipment and supplies. The incorporation communication strategies other than oral language to interact with people with hearing lossto facilitate speech discrimination is also recommended.
Descritores: Pneumonia Viral/prevenção & controle
Audiologia/normas
Infecções por Coronavirus/prevenção & controle
Fonoaudiologia/normas
Neuro-Otologia/normas
-Testes de Função Vestibular/métodos
Testes de Função Vestibular/normas
Higiene
Audiologia/métodos
Controle de Infecções
Fonoaudiologia/métodos
Pandemias/prevenção & controle
Neuro-Otologia/métodos
Equipamento de Proteção Individual
Betacoronavirus
Limites: Humanos
Tipo de Publ: Revisão
Responsável: CL1.1 - Biblioteca Central


  2 / 7 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Lavinsky, Luiz
Texto completo
Id: biblio-1132582
Autor: Salmito, Márcio Cavalcante; Maia, Francisco Carlos Zuma e; Gretes, Mário Edvin; Venosa, Alessandra; Ganança, Fernando Freitas; Ganança, Maurício Malavasi; Mezzalira, Raquel; Bittar, Roseli Saraiva Moreira; Gasperin, Alexandre Camilotti; Pires, Anna Paula Batista de Ávila; Ramos, Bernardo Faria; Bertoldo, César; Ferreira Jr, Cícero; Real, Danilo; Guimarães, Humberto Afonso; Oiticica, Jeanne; Lavinsky, Joel; Lopes, Karen Carvalho; Duarte, Juliana Antoniolli; Morganti, Lígia Oliveira Gonçalves; Santos, Lisandra Megumi Arima dos; Joffily, Lúcia; Lavinsky, Luíz; Santos, Mônica Alcantara de Oliveira; Mano, Patrícia Mauro; Araújo, Pedro Ivo Machado Pires de; Mangabeira Albernaz, Pedro Luís; Cal, Renato; Dorigueto, Ricardo Schaffeln; Guimarães, Rita de Cássia Cassou; Carvalho, Rogério Castro Borges de.
Título: Neurotology: definitions and evidence-based therapies - Results of the I Brazilian Forum of Neurotology / Otoneurologia: definições e terapias baseadas em evidências - Resultados do I Fórum Brasileiro de Otoneurologia
Fonte: Braz. j. otorhinolaryngol. (Impr.);86(2):139-148, March-Apr. 2020. graf.
Idioma: en.
Resumo: Abstract Introduction: Neurotology is a rapidly expanding field of knowledge. The study of the vestibular system has advanced so much that even basic definitions, such as the meaning of vestibular symptoms, have only recently been standardized. Objective: To present a review of the main subjects of neurotology, including concepts, diagnosis and treatment of Neurotology, defining current scientific evidence to facilitate decision-making and to point out the most evidence-lacking areas to stimulate further new research. Methods: This text is the result of the I Brazilian Forum of Neurotology, which brought together the foremost Brazilian researchers in this area for a literature review. In all, there will be three review papers to be published. This first review will address definitions and therapies, the second one will address diagnostic tools, and the third will define the main diseases diagnoses. Each author performed a bibliographic search in the LILACS, SciELO, PubMed and MEDLINE databases on a given subject. The text was then submitted to the other Forum participants for a period of 30 days for analysis. A special chapter, on the definition of vestibular symptoms, was translated by an official translation service, and equally submitted to the other stages of the process. There was then a in-person meeting in which all the texts were orally presented, and there was a discussion among the participants to define a consensual text for each chapter. The consensual texts were then submitted to a final review by four professors of neurotology disciplines from three Brazilian universities and finally concluded. Based on the full text, available on the website of the Brazilian Association of Otorhinolaryngology and Cervical-Facial Surgery, this summary version was written as a review article. Result: The text presents the official translation into Portuguese of the definition of vestibular symptoms proposed by the Bárány Society and brings together the main scientific evidence for each of the main existing therapies for neurotological diseases. Conclusion: This text rationally grouped the main topics of knowledge regarding the definitions and therapies of Neurotology, allowing the reader a broad view of the approach of neurotological patients based on scientific evidence and national experience, which should assist them in clinical decision-making, and show the most evidence-lacking topics to stimulate further study.

Resumo Introdução: A otoneurologia é uma área de conhecimento que tem se expandido muito rapidamente. O estudo do sistema vestibular tem avançado tanto que mesmo definições básicas, como o significado dos sintomas vestibulares, foram apenas recentemente padronizadas. Objetivo: Apresentar uma revisão dos principais assuntos da otoneurologia, inclusive conceitos, diagnóstico e tratamento da otoneurologia, definir a evidência científica atual para facilitar a tomada de decisões e demonstrar as áreas mais carentes de evidência para estimular novas pesquisas. Método: Este texto é fruto do I Fórum Brasileiro de Otoneurologia, que reuniu os principais pesquisadores brasileiros dessa área para uma revisão da literatura. Serão feitos três trabalhos de revisão a serem publicados. Este primeiro abordou as definições e as terapias, o segundo abordará as ferramentas diagnósticas e o terceiro definirá os principais diagnósticos. Cada autor fez um levantamento bibliográfico na base de dados da Lilacs, SciELO, Pubmed e Medline de um determinado assunto. O seu texto foi então submetido aos demais participantes do Fórum por 30 dias para análise. Um capítulo especial, da definição dos sintomas vestibulares, foi traduzido por serviço de tradução oficial e igualmente submetido às demais etapas do processo. Houve então uma reunião presencial em que todos os textos foram apresentados oralmente e houve uma discussão entre os participantes para a definição de um texto consensual para cada capítulo. Os textos consensuais foram então submetidos a uma revisão final por quatro professores de otoneurologia de três universidades brasileiras e, por fim, finalizado. A partir do texto completo, publicado no site da Associação Brasileira de Otorrinolaringologia e Cirurgia Cérvico-Facial, foi escrita esta versão-resumo como artigo de revisão. Resultado: O texto apresenta a tradução oficial para o português da definição dos sintomas vestibulares propostos pela Barany Society e agrupa as principais evidências científicas para cada um das principais terapias existentes para as doenças otoneurológicas. Conclusão: Este texto agrupou de forma racional os principais tópicos de conhecimento a respeito das definições e terapias da otoneurologia, permite ao leitor uma visão ampla da abordagem dos pacientes otoneurológicos baseada em evidências científicas e experiência nacional, que deverá auxiliá-lo na tomada de decisões clínicas, e mostra os assuntos mais carentes de evidência para estimular novos estudos.
Descritores: Doenças Vestibulares/diagnóstico
Doenças Vestibulares/terapia
Medicina Baseada em Evidências
-Sociedades Médicas
Doença Aguda
Doença Crônica
Neuro-Otologia
Limites: Humanos
Tipo de Publ: Revisão
Responsável: BR1.1 - BIREME


  3 / 7 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: biblio-847523
Autor: Binetti, AC; Castillo, M; Ricardo, MA.
Título: Estudio retrospectivo: tendencia diagnóstica y perfil epidemiológico en la consulta otoneurológica en pacientes pediátricos, Hospital Británico de Buenos Aires, 2013-2016 / Retrospective study: Diagnostic trend and epidemiological profile in neurootological consultations in pediatric patients, Hospital Británico de Buenos Aires, 2013-2016 / Estudo retrospectivo: tendência diagnóstica e perfil epidemiológico na consulta otoneurológica em pacientes pediátricos, Hospital Britânico de Buenos Aires, 2013-2016
Fonte: Med. U.P.B = Med. UPB;36(2):109-114, jul.-dic. 2017.
Idioma: es.
Resumo: Objetivo: los trastornos del equilibrio en la edad pediátrica muestran un desafío diagnóstico y terapéutico para pediatras y otorrinolaringólogos, dada la dificultad para la descripción de síntomas. En Latinoamérica son pocos los estudios sobre el perfil epidemiológico de los pacientes pediátricos valorados por trastornos del equilibrio. El presente trabajo pretende describir las tendencias en la presentación de patología vestibular en pacientes pediátricos valorados en los últimos tres años en el Hospital Británico de Buenos Aires. Metodología: estudio observacional, descriptivo, retrospectivo. Se revisaron las historias clínicas de menores de 16 años, quienes consultan por trastornos del equilibrio en el periodo 2013-2016. Resultados: el estudio mostró una media etaria de 9.07 años y se observa mayor número de consultas por pacientes del sexo femenino. Los principales síntomas de consulta fueron vértigo y mareo en mujeres y mareo en hombres. El principal diagnóstico en ambos sexos fue migraña vestibular. Tanto en hombres como en mujeres que tuvieron por síntoma de consulta vértigo, los diagnósticos finales fueron vértigo posicional paroxístico de la infancia y migraña vestibular. Conclusiones: en la población estudiada el síntoma que generó más consultas fue vértigo. Las consultas fueron en mayor número de niñas con una media de edad de 9.07 años para toda la población estudiada. El diagnóstico más frecuente tanto en niñas como en niños fue migraña vestibular.

Objective: Balance disorders in patients during pediatric ages are a diagnostic and therapeutic challenge for pediatricians and otorhinolaryngologists due to the difficulty of symptom description. In Latin America, there are few studies on the epidemiological profile of pediatric patients with balance disorders. The aim of this study is to describe the trends in vestibular pathology in pediatric patients seen over the last three years at Hospital Británico de Buenos Aires. Methodology: Observational, descriptive, retrospective study. We reviewed the medical history of patients under 16 who sought medical attention due to balance disorders from 2013 to 2016. Results: Study participants had a mean age of 9.07, of whom more patients were female. The main symptoms were vertigo and dizziness in girls and dizziness in boys. The main diagnosis for both girls and boys was vestibular migraine. For patients (both boys and girls) whose main symptom was vertigo, final diagnosis was infant paroxysmal positional vertigo and vestibular migraine. Conclusions: In the population studied, the symptom most commonly leading to seeking medical attention was vertigo. More girls sought medical attention than boys, and the mean age of the total population studied was 9.07. The most frequent diagnosis, both in girls and boys, was vestibular migraine.

Objetivo: os transtornos do equilíbrio na idade pediátrica mostram um desafio diagnóstico e terapêutico para os pediatras e otorrinolaringologistas, dada a dificuldade para a descrição de sintomas. Na América Latina são poucos os estudos sobre o perfil epidemiológico dos pacientes pediátricos valorados por transtornos do equilíbrio. O presente trabalho pretende descrever as tendências na apresentação de patologia vestibular nos pacientes pediátricos valorados nos últimos três anos no Hospital Britânico de Buenos Aires. Metodologia: estudo observacional, descritivo, retrospectivo. Se revisaram as histórias clínicas de menores de 16 anos, quem consultam por transtornos do equilíbrio no período 2013-2016. Resultados: o estudo mostrou uma média etária de 9.07 anos e se observa maior número de consultas por pacientes do sexo feminino. Os principais sintomas de consulta foram tontura e enjoo em mulheres e enjoo nos homens. O principal diagnóstico em ambos sexos foi a enxaqueca vestibular. Tanto nos homens quanto nas mulheres que tiveram por sintoma de consulta tontura, os diagnósticos finais foram tontura posicional paroxístico da infância e enxaqueca vestibular. Conclusões: na população estudada o sintoma que gerou mais consultas foi tontura. As consultas foram em maior número de meninas com uma idade média de 9.07 anos para toda a população estudada. O diagnóstico mais frequente tanto em meninas quanto em meninos foi enxaqueca vestibular.
Descritores: Neuro-Otologia
-Criança
Vertigem
Tontura
Otorrinolaringologistas
Tipo de Publ: Estudo Observacional
Estudo Clínico
Responsável: CO101 - Facultad de Medicina


  4 / 7 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: biblio-983901
Autor: Pimentel, Bianca Nunes; Silveira, Arieli Bastos da; Santos Filha, Valdete Alves Valentins dos.
Título: Aspectos otoneurológicos em Traumatismos Cranioencefálicos: série de casos / Otoneurological aspects in Traumatic Brain Injuries: series of cases
Fonte: Audiol., Commun. res;23:e1776, 2018. tab, graf.
Idioma: pt.
Projeto: CAPES.
Resumo: RESUMO Estudo retrospectivo, transversal e descritivo, aprovado pelo Comitê de Ética em Pesquisa (CEP), sob o número CAAE 16728013.0.0000.5346. Trata-se de uma série de casos que tem por objetivo investigar a presença de sintomas otoneurológicos e o equilíbrio postural de seis pacientes com tontura após traumatismo cranioencefálico (TCE). Foram submetidos a uma anamnese clínica e a avaliações: teste de organização sensorial por meio da posturografia dinâmica foam laser e provas oculomotoras e vestibulares da vectoeletronistagmografia computadorizada (VENG). Os dados foram analisados a partir dos valores de referência para cada avaliação. Na posturografia, observou-se que as maiores diferenças entre o valor obtido e o valor de referência foram nas posições VI, V e III, respectivamente. A análise sensorial indicou alteração, principalmente, nos sistemas de preferência visual e vestibular. Todos os pacientes avaliados apresentaram ao menos uma alteração nas provas da VENG. Cinco pacientes tiveram alteração na prova calórica e nenhum apresentou alteração na prova rotatória pendular decrescente, que avalia a compensação vestibular. Além das queixas vestibulares, quatro pacientes estavam em tratamento com psicotrópicos para depressão. Tais resultados ratificam a presença de alterações vestíbulo-oculares no pós-TCE, os quais devem receber atenção especial devido ao comprometimento central associado.

ABSTRACT It is a retrospective, cross-sectional, descriptive, approved by Ethics Research Committee (ERC), under number CAAE 16728013.0.0000.5346. This is a series of cases that aims to investigate the presence of otoneurological symptoms and the postural balance of six patients with dizziness after Traumatic Brain Injury (TBI). Participants were submitted to a clinical anamnesis and the evaluations: Sensory Organization Test through Foam Laser Dynamic Posturography and oculomotor and vestibular tests of Computerized Vectoelectronystamography (VENG). The data were analyzed from the reference values for each evaluation. In posturography, it was observed that the greatest differences between the value obtained and the reference value were in positions VI, V and III, respectively. Sensory analysis indicated alteration mainly in the visual and vestibular preference systems. All the evaluated patients presented at least one alteration in the VENG tests. Five patients had alterations in the caloric test, and none presented alterations to the rotatory chair test (RCT), which evaluates the vestibular compensation. Considering vestibular complaints, four patients were on psychotropic treatment for depression. These results demonstrate the presence of vestibulo-ocular alterations in post-TBI, which should receive special attention due to associated central impairment.
Descritores: Vertigem
Neuro-Otologia
Lesões Encefálicas Traumáticas
Traumatismos Craniocerebrais/diagnóstico
-Testes de Função Vestibular
Nistagmo Patológico
Estudos Retrospectivos
Tontura/diagnóstico
Equilíbrio Postural
Limites: Humanos
Tipo de Publ: Relatos de Casos
Responsável: BR663.1 - Biblioteca da Saúde da Mulher e da Criança


  5 / 7 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: biblio-950638
Autor: Silva, Bárbara Melissa Pereira da; Didoné, Dayane Domeneghini; Sleifer, Pricila.
Título: Potencial evocado miogênico vestibular cervical em crianças e adolescentes sem queixas vestibulares / Cervical vestibular evoked myogenic potentials in children and adolescents without vestibular complaints
Fonte: Audiol., Commun. res;22:e1885, 2017. tab.
Idioma: pt.
Resumo: RESUMO Introdução O Potencial Evocado Miogênico Vestibular Cervical (cVEMP) tem se tornado uma medida fidedigna e complementar da avaliação vestibular. A investigação das alterações de ordem vestibular na população pediátrica é de grande importância, pois essas alterações podem acarretar uma série de repercussões ao longo do desenvolvimento. Objetivo: Avaliar e analisar as respostas do cVEMP em crianças e adolescentes e comparar esses achados entre gênero, idade e orelhas. Métodos Estudo transversal, constituído por 35 crianças e adolescentes, 18 do gênero feminino e 17 do masculino, de 7 a 18 anos de idade, possuindo limiares auditivos normais e sem queixas otoneurológicas. Todos realizaram avaliação auditiva periférica e cVEMP. Resultados Na análise, observou-se que a média das latências das ondas P1 e N1 foi, respectivamente, 15,92 ms e 24,32 ms, da amplitude de P1/N1 foi de 36.91 µv e a razão de simetria apresentou média de 22,95%. Não foram encontradas diferenças estatisticamente significativas na comparação de gênero e orelhas. O mesmo ocorreu no índice de assimetria que foi comparado entre os gêneros. Na comparação entre grupos de idade, também não foram evidenciadas diferenças estatisticamente significativas nas latências e amplitudes. Conclusão Foi possível mensurar valores para latência e amplitude das ondas P1 e N1, em crianças e adolescentes. Não houve diferença nas comparações entre as orelhas, gênero e faixa etária.

ABSTRACT Introduction The Cervical Vestibular Myogenic Evoked Potential (cVEMP) has become a reliable and complementary measure of vestibular assessment. The investigation of vestibular disorders in the pediatric population is of great importance because they can have a series of repercussions throughout development. Purpose To evaluate and analyze cVEMP responses in children and adolescents and compare them among gender, age, and ears. Methods A cross-sectional study with 35 children and adolescents, 18 females and 17 males, aged 7 to 18 years, with normal hearing thresholds and no otoneurological complaints. All of them underwent a peripheral auditory evaluation and cVEMP. Results In the analysis, it was observed that the mean latencies of P1 and N1 waves were, respectively, 15.92 ms and 24.32 ms, the amplitude P1/N1 of 36.91 µv and the symmetry ratio presented an average of 22.95%. No statistically significant differences were found comparing gender and ears. The same happened in the asymmetry index between genders. There were also no statistically significant differences in latencies and amplitudes. Conclusion It was possible to measure values for latency and the amplitude of P1 and N1 waves in children and adolescents. In the present study, there was no statistically significant difference in the comparisons among ears, gender, and age.
Descritores: Testes de Função Vestibular
Doenças Vestibulares/diagnóstico
Potenciais Evocados
Potenciais Evocados Miogênicos Vestibulares
-Limiar Auditivo
Estudos Transversais
Neuro-Otologia
Estudo Observacional
Limites: Humanos
Masculino
Feminino
Criança
Adolescente
Tipo de Publ: Artigo Clássico
Responsável: BR1.1 - BIREME


  6 / 7 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: lil-770209
Autor: Oliveira, Carlos Augusto Costa Pires de.
Título: New insights in otology and neuro-otology / Novas perspectivas em otologia e neurotologia
Fonte: Braz. j. otorhinolaryngol. (Impr.);81(6):579-580, Nov.-Dec. 2015.
Idioma: pt.
Descritores: Congressos como Assunto
Neuro-Otologia
Otolaringologia
-Educação Continuada
Limites: Humanos
Tipo de Publ: Editorial
Responsável: BR1.1 - BIREME


  7 / 7 LILACS  
              first record previous record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: lil-751331
Autor: Oda, Danielle Tyemi Massukawa; Ganança, Cristina Freitas.
Título: Posturografia dinâmica computadorizada na avaliação do equilíbrio corporal de indivíduos com disfunção vestibular / Computerized dynamic posturography in the assessment of body balance in individuals with vestibular dysfunction
Fonte: Audiol., Commun. res;20(2):89-95, Apr-Jun/2015. graf.
Idioma: pt.
Resumo: Objetivo Avaliar o equilíbrio corporal de pacientes portadores de disfunção vestibular, por meio da posturografia dinâmica computadorizada. Métodos Estudo com 116 indivíduos com disfunção vestibular periférica, com idades entre 22 anos e 6 meses e 94 anos e 1 mês. Foram submetidos à avaliação otoneurológica completa, avaliação otorrinolaringológica, além da posturografia dinâmica computadorizada com os testes de organização sensorial, controle motor e de adaptação. Resultados O teste de organização sensorial foi o mais sensível para detectar alterações do equilíbrio e a condição 4, em que os pacientes permanecem na posição ortostática, com os pés afastados e sobre os sensores da superfície de referência, com os olhos abertos; condição 5, na qual os pacientes continuam na posição com os olhos fechados e a condição 6, em que os pacientes mantém os olhos abertos e o campo visual sofre deslocamentos anteroposteriores. Nas três condições, a superfície de referência oscila com movimentos similares à gangorra e foram as que os participantes apresentaram maiores dificuldades. Houve maior ocorrência de quedas se compararmos ao risco de quedas, avaliado quando o paciente tem pontuação entre 60 e 69 no índice de equilíbrio, principalmente a partir da condição 4 do teste de organização sensorial e entre os idosos. As mulheres tiveram maior número de quedas durante os testes. Conclusão A posturografia dinâmica computadorizada detectou as alterações relacionadas ao equilíbrio corporal, auxiliando no diagnóstico das disfunções e complementando a avaliação vestibular. .

Purpose To evaluate the body balance of patients with vestibular dysfunction with computerized dynamic posturography. Methods Study of 116 individuals with peripheral vestibular dysfunction, aged 22 years and 6 months old to 94 years and 1 month old were subjected to a complete otoneurological assessment; computerized dynamic posturography with a sensory organization test, motor control test, and adaptation test; and an otolaryngological evaluation. Results The sensory organization test detected balance changes with the most sensitivity. Condition 4, during which the patients stood with their feet apart with them placed on the sensors of the reference surface and with their eyes open; condition 5, during which the patients remained in position with their eyes closed; condition 6, during which the patients kept their eyes open and their visual field underwent anterior-posterior displacement; and all three conditions when the reference surface moved in a see-saw manner were the conditions during which the participants had the greatest difficulties. The results showed patients with composite scores between 60 and 69, which indicated a higher occurrence of falls compared to the risk of falls, during condition 4 of the sensory organization test and among the elderly. Women had a higher number of falls during testing. Conclusion Computerized dynamic posturography, which concisely detected body balance changes, can be used in the diagnosis of vestibular disorders to complement vestibular assessments. .
Descritores: Equilíbrio Postural
Propriocepção
Transtornos das Sensações
Testes de Função Vestibular
-Envelhecimento
Tontura
Neuro-Otologia
Limites: Humanos
Adulto
Idoso de 80 Anos ou mais
Tipo de Publ: Artigo Clássico
Responsável: BR1.1 - BIREME



página 1 de 1
   


Refinar a pesquisa
  Base de dados : Formulário avançado   

    Pesquisar no campo  
1  
2
3
 
           



Search engine: iAH v2.6 powered by WWWISIS

BIREME/OPAS/OMS - Centro Latino-Americano e do Caribe de Informação em Ciências da Saúde