Base de dados : LILACS
Pesquisa : H02.403.840 [Categoria DeCS]
Referências encontradas : 565 [refinar]
Mostrando: 1 .. 10   no formato [Detalhado]

página 1 de 57 ir para página                         

  1 / 565 LILACS  
              next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: biblio-1039744
Autor: Malerbi, Fernando Korn; Carneiro, Adriano Biondi Monteiro; Katz, Marcelo; Lottenberg, Claudio Luiz.
Título: Retinal exams requested at Primary Care Unit: indications, results and alternative strategies of evaluation / Exames de retina solicitados em Unidades Básicas de Saúde: indicações, resultados e estratégias alternativas de avaliação
Fonte: Einstein (Säo Paulo);18:eGS4913, 2020. tab, graf.
Idioma: en.
Resumo: ABSTRACT Objective To evaluate indications, results and strategy of retinal exams requested at Primary Care Units. Methods A retrospective study that analyzed the indications and results of retinal exams, in the modalities clinical dilated fundus exams and color fundus photographs. In the following situations, patients were considered eligible for color fundus photographs if visual acuity was normal and ocular symptoms were absent: diabetes mellitus and/or hypertension, in use of drugs with potential retinal toxicity, diagnosis or suspicion of glaucoma, stable and asymptomatic retinopathies, except myopia greater than -3.00 diopters. Results A total of 1,729 patients were evaluated (66% female, age 63.5±15.5 years), and 1,190 underwent clinical dilated fundus exam and 539 underwent color fundus photographs. Diabetes was present in 32.2%. The main indications were diabetes (23.7%) and glaucoma evaluation (23.5%). In 3.4% of patients there was no apparent indication. The main results were a large cup/disc ratio (30.7%) and diabetic retinopathy (13.2%). Exam was normal in 9.6%, detected peripheral changes in 7% and could not be performed in 1%. Considering patients eligible for fundus photographs (22.4%), more than half underwent clinical dilated fundus exams. Conclusion Regarding exam modality, there were no important differences in the distribution of indications or diagnosis. Color fundus photograph is compatible with telemedicine and more cost-effective, and could be considered the strategy of choice in some scenarios. Since there are no clear guidelines for retinal exams indications or the modality of choice, this study may contribute to such standardization, in order to optimize public health resources.

RESUMO Objetivo Avaliar as indicações, os resultados e a estratégia de exames de retina solicitados em Unidades Básicas de Saúde. Métodos Estudo retrospectivo no qual foram analisados as indicações e os resultados de exames de retina, nas modalidades mapeamento de retina e retinografia. Em casos de boa acuidade visual e sintomas oculares ausentes, foram considerados elegíveis para avaliação por retinografia: pacientes com diabetes mellitus e/ou hipertensão arterial sistêmica, em uso de medicação com potencial toxicidade retiniana, diagnóstico ou suspeita de glaucoma, e retinopatias estáveis e assintomáticas, exceto miopia maior que -3,00 dioptrias. Resultados Foram avaliados 1.729 pacientes (66% do sexo feminino, idade 63,5±15,5 anos). Destes, 1.190 realizaram mapeamento de retina e 539 realizaram retinografia. Diabetes estava presente em 32,2%. As principais indicações para solicitação do exame foram diabetes (23,7%) e investigação de glaucoma (23,5%). Em 3,4%, não havia indicação aparente. Os principais resultados foram aumento da escavação papilar (30,7%) e retinopatia diabética (13,2%). O exame foi normal em 9,6%; detectou alterações periféricas em 7%; e sua realização foi impossível em 1%. Dos pacientes elegíveis para retinografia (22,4%), mais da metade foi submetida ao mapeamento de retina. Conclusão Não houve diferenças importantes nas distribuições de indicações ou diagnósticos em relação à modalidade de exame. A retinografia, compatível com telemedicina e mais custo-efetiva, pode ser considerada a modalidade de escolha em determinadas situações. Na ausência de consenso quanto às indicações para a solicitação de exames da retina ou sua modalidade, este estudo pode contribuir para tal padronização, de modo a otimizar recursos do sistema público de saúde.
Descritores: Atenção Primária à Saúde/estatística & dados numéricos
Retina
Doenças Retinianas/diagnóstico
Técnicas de Diagnóstico Oftalmológico/economia
-Exame Físico
Fotografação
Acuidade Visual
Estudos Retrospectivos
Telemedicina
Retinopatia Diabética/diagnóstico
Fundo de Olho
Pessoa de Meia-Idade
Limites: Humanos
Masculino
Feminino
Idoso
Tipo de Publ: Estudo de Avaliação
Responsável: BR1.1 - BIREME


  2 / 565 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: biblio-1133767
Autor: Valerio Netto, Antonio.
Título: Application of blended care as a mechanism of action in the construction of digital therapeutics / Aplicação do cuidado híbrido como mecanismo de ação na construção de uma terapêutica digital
Fonte: Einstein (Säo Paulo);18:eMD5640, 2020. graf.
Idioma: en.
Resumo: ABSTRACT The article describes the use of blended care as a mechanism of action in the construction of a therapy that uses digital means to improve and support current clinical treatments. The so-called digital therapeutics provides evidence-based therapeutic interventions for patients, who are guided by software to prevent, manage, or treat a medical disorder or disease. They are used independently or together with drugs, devices, or other therapies to optimize patient care and health outcomes. They are similar to popular wellness applications, but with one key difference: they focus on providing clinical results. Broadly speaking, they are evidence-based behavioral treatments delivered online, which can increase accessibility of health care and its efficacy. It is a combination of activities involving face-to-face care and digital care, aiming to provide follow-up of patients' performance in their self-care. Regarding blended care, digital therapeutics acts as an extension of physical care. They are complementary, regardless of the proportion used of each, in the care process of the assisted individual. It works as a bridge between the traditional provision of face-to-face care and eHealth solutions.

RESUMO O artigo descreve o emprego do cuidado híbrido como mecanismo de ação na construção de uma terapêutica que utiliza os meios digitais para aprimorar e apoiar os tratamentos médicos atuais. A chamada terapêutica digital fornece intervenções terapêuticas baseadas em evidências para pacientes, que são orientados por software para prevenir, gerenciar ou tratar um distúrbio ou doença médica. São usados independentemente ou em conjunto com medicamentos, dispositivos ou outras terapias para otimizar o atendimento ao paciente e os resultados de saúde. São semelhantes aos populares aplicativos de bem-estar, mas com uma diferença fundamental: concentram-se no fornecimento de resultados clínicos. Em linhas gerais, são tratamentos comportamentais baseados em evidências entregues online, que podem aumentar a acessibilidade e a eficácia dos cuidados de saúde. Trata-se da junção de atividades envolvendo o atendimento presencial e o cuidado digital, com o objetivo de prover um acompanhamento do desempenho do paciente em seu autocuidado. Sobre o cuidado híbrido, a terapêutica digital atua como extensão do atendimento físico. São complementares, não importando a proporção do uso de cada um, no processo de cuidado do indivíduo assistido. Funciona como uma ponte entre a prestação tradicional de assistência presencial e as soluções de Saúde Digital.
Descritores: Autocuidado
Terapêutica
Telemedicina
-Tecnologia sem Fio
Aplicativos Móveis
Smartphone
Limites: Humanos
Responsável: BR1.1 - BIREME


  3 / 565 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: biblio-1142872
Autor: Accorsi, Tarso Augusto Duenhas; Amicis, Karine De; Brígido, Alexandra Régia Dantas; Belfort, Deborah de Sá Pereira; Habrum, Fábio Cetinic; Scarpanti, Fernando Garcia; Magalhães, Iuri Resedá; Silva Filho, José Roberto de Oliveira; Sampaio, Leon Pablo Cartaxo; Lira, Maria Tereza Sampaio de Sousa; Morbeck, Renata Albaladejo; Pedrotti, Carlos Henrique Sartorato; Cordioli, Eduardo.
Título: Assessment of patients with acute respiratory symptoms during the COVID-19 pandemic by Telemedicine: clinical features and impact on referral / Avaliação de pacientes com sintomas respiratórios agudos durante a pandemia de COVID-19 via Telemedicina: características clínicas e impacto no encaminhamento
Fonte: Einstein (Säo Paulo);18:eAO6106, 2020. tab.
Idioma: en.
Resumo: ABSTRACT Objective: To characterize variables associated with referral to the emergency department following Telemedicine consultation during the COVID-19 pandemic. Methods: Cross-sectional retrospective study conducted between March and May 2020, with a sample of 500 adult patients. The inclusion criterion was the manifestation of respiratory symptoms, regardless of type. Results: The mean age of patients was 34.7±10.5 years, and 59% were women. Most patients (62.6%) perceived their own health status as malaise and some (41.4%) self-diagnosed COVID-19. Cough (74.4%), rhinorrhea (65.6%), sore throat (38.6%) and sneezing (20.6%) were the most common infection-related symptoms. Overall, 29.4% and 16% of patients reported dyspnea and chest pain, respectively. The Roth score was calculated for a sizeable number of patients (67.6%) and was normal, moderately altered or severely altered in 83.5%, 10.7% and 5.6% of patients, respectively. The percentage of suspected COVID-19 cases was 67.6%. Of these, 75% were managed remotely and only one quarter referred for emergency assessment. Conclusion: Telemedicine assessment is associated with reclassification of patient's subjective impression, better inspection of coronavirus disease 2019 and identification of risk patients. Referral is therefore optimized to avoid inappropriate in-person assessment, and low-risk patients can be properly guided. Telemedicine should be implemented in the health care system as a cost-effective strategy for initial assessment of acute patients.

RESUMO Objetivo: Caracterizar as variáveis associadas ao encaminhamento à emergência após consulta de Telemedicina durante a pandemia de COVID-19. Métodos: Estudo transversal e retrospectivo, realizado entre março e maio de 2020, com amostra de 500 pacientes adultos. O critério de inclusão foi apresentação de sintomas respiratórios, independente do tipo. Resultados: A média de idade dos pacientes foi de 34,7±10,5 anos, e 59% eram do sexo feminino. A maioria dos pacientes (62,6%) se classificou subjetivamente como tendo um mal-estar, e alguns (41,4%) autodiagnosticaram COVID-19. Tosse (74,4%), rinorreia (65,6%), dor de garganta (38,6%) e espirros (20,6%) foram os sintomas mais comuns relacionados à infecção. Dispneia e dor torácica foram relatados por 29,4% e 16% dos pacientes, respectivamente. Foi calculado o escore de Roth de um número considerável de pacientes (67,6%), obtendo resultado normal em 83,5%, moderadamente alterado em 10,7% e grave em 5,6%. A percentagem de casos suspeitos de COVID-19 foi de 67,6%, e 75% desses foram gerenciados remotamente, com apenas um quarto sendo encaminhado para avaliação imediata na emergência. Conclusão: A avaliação da Telemedicina está associada à reclassificação da impressão subjetiva do paciente, melhor inspeção da COVI-19 e identificação de pacientes de risco. O encaminhamento é otimizado, para evitar avaliação presencial inadequada, e permite que os pacientes de baixo risco sejam orientados de forma apropriada. A Telemedicina deve ser implementada no sistema de saúde como estratégia com boa relação custo-efetividade para a avaliação inicial de pacientes agudos.
Descritores: Telemedicina
COVID-19/tratamento farmacológico
-Encaminhamento e Consulta
Estudos Transversais
Estudos Retrospectivos
Pandemias
SARS-CoV-2
Pessoa de Meia-Idade
Limites: Humanos
Masculino
Feminino
Adulto
Adulto Jovem
Responsável: BR1.1 - BIREME


  4 / 565 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: biblio-1286285
Autor: Accorsi, Tarso Augusto Duenhas; Brigido, Alexandra Régia Dantas; De Amicis, Karine; Belfort, Deborah de Sá Pereira; Habrum, Fábio Cetinic; Scarpanti, Fernando Garcia; Magalhães, Iuri Resedá; Silva Filho, José Roberto de Oliveira; Sampaio, Leon Pablo Cartaxo; Lira, Maria Tereza Sampaio de Sousa; Morbeck, Renata Albaladejo; Pedrotti, Carlos Henrique Sartorato; Racy, Fábio de Castro Jorge; Cordioli, Eduardo.
Título: Clinical features of a series of patients in life-threatening situations at a COVID-19 pandemic field hospital, evaluated by teleconsultation: evidence for Telemedicine expansion / Características clínicas de uma série de pacientes críticos em um hospital de campanha durante a pandemia da COVID-19 avaliados por teleinterconsulta: evidência para expansão da Telemedicina
Fonte: Einstein (Säo Paulo);19:eCE6370, 2021. tab.
Idioma: en.
Descritores: Telemedicina
Consulta Remota
COVID-19
-Pandemias
SARS-CoV-2
Unidades Móveis de Saúde
Limites: Humanos
Tipo de Publ: Carta
Responsável: BR1.1 - BIREME


  5 / 565 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Texto completo
Texto completo
Texto completo
Id: biblio-1117108
Autor: Organización Panamericana de la Salud.
Título: Saúde digital: uma estratégia para manter a assistência à saúde de pessoas que vivem com doenças não transmissíveis durante a pandemia de COVID-19 / Salud digital: una estrategia de continuidad asistencial para personas con enfermedades no transmisibles durante la COVID-19 / Digital health: a strategy to maintain health care for people living with noncommunicable diseases during COVID-19.
Fonte: Washington; Organización Panamericana de la Salud; 11 ago. 2020. 9 p. tab. (OPS/EIH/IS/COVID-19/20-0015).
Idioma: en; es; pt.
Símbolo: OPS/EIH/IS/COVID-19/20-0015.
Resumo: As doenças não transmissíveis (DNTs) são a principal causa de morte e incapacidade em todo o mundo. O controle eficaz dessas doenças crônicas depende em grande parte de serviços continuados, responsivos, acessíveis e de qualidade, além de engajamento e autocontrole satisfatórios por parte dos pacientes. A saúde digital, em especial as teleconsultas médicas, os prontuários eletrônicos e as prescrições eletrônicas, já demonstrou ser vantajosa para assegurar a continuidade da assistência, principalmente quando os serviços são interrompidos, além do monitoramento e da avaliação de intervenções em DNTs.

Las enfermedades no transmisibles (ENT) son la primera causa de muerte y discapacidad en el mundo. El tratamiento eficaz de estos trastornos crónicos depende en gran medida de la continuidad de unos servicios receptivos, accesibles y de calidad, así como de la participación de los pacientes y su autocuidado. Está comprobado que la salud digital ­en particular la telemedicina y las historias clínicas y recetas electrónicas­ es ventajosa para resguardar la continuidad de la atención, especialmente cuando hay alteraciones de los servicios, además de facilitar el seguimiento y evaluación de las intervenciones contra las ENT.

Noncommunicable diseases (NCDs) are the main cause of death and disability worldwide. Effective management of these chronic conditions depends largely on continuous, responsive, accessible, and quality services and successful patient engagement and self-management. Digital health, and in particular telemedicine visits, electronic records, and electronic prescriptions, have already demonstrated having advantages in successfully ensuring continuity of care, especially when services are disrupted, as well as monitoring and evaluating interventions for NCDs.
Descritores: Telemedicina/métodos
Telemedicina/organização & administração
Pandemias/prevenção & controle
Gestão da Informação em Saúde/organização & administração
Doenças não Transmissíveis/prevenção & controle
-Fatores de Risco
Controle de Infecções/organização & administração
Responsável: BR1.1 - BIREME


  6 / 565 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Texto completo
Id: biblio-1282274
Autor: Lovo, Javier.
Título: Telemedicina: Oportunidades en atención primaria / Telemedicine: Opportunities in primary care / Telemedicina: Oportunidades na atenção primária
Fonte: Rev. bras. med. fam. comunidade;16(43):2552, 20210126.
Idioma: es.
Resumo: la telemedicina encarna la unión entre tecnología y medicina puestas al servicio de la persona. El avance de las nuevas herramientas para la información y comunicación han tenido su impacto en todas las áreas de la medicina. Particularmente en la medicina de familia, abre múltiples oportunidades en áreas como: teleconsulta, telemonitoreo de enfermedades crónicas, teleatención de problemas cutáneos, teleatención al niño, teleatención en embarazo y puerperio, teleatención mental, teleprevención, telerehabilitación, así como posibilidades en formación, referencia, interconsulta y atención domiciliar. La telemedicina no puede ser un sustituto, sino un poderoso acompañante de la atención médica, que permita brindar los servicios integrales que la especialidad ofrece a su población.

Telemedicine incorporates the union between technology and medicine being at the service of the person. The advancement of new information and communication tools has had an impact in all areas of medicine. Particularly in family medicine, it opens several opportunities in services such as: teleconsultation, telemonitoring for chronic diseases, telecare for skin problems, telecare for children, telecare for pregnancy and the puerperium, telecare for mental health, teleprevention, telerehabilitation, in addition to training possibilities, referral, consultation and home care. Telemedicine cannot be a substitute, but a powerful companion for medical care, allowing us to provide the integral services that the specialty offers to its population

A telemedicina incorpora a união entre tecnologia e medicina posta ao serviço da pessoa. O avanço de novas ferramentas de informação e comunicação teve um impacto em todas as áreas da medicina. Particularmente na medicina de família, abre várias oportunidades em áreas como: teleconsulta, telemonitoramento de doenças crônicas, telecare para problemas de pele, telecare para crianças, telecare para gravidez e puerpério, telecare mental, teleprevenção, telerebilitação, além de possibilidades de treinamento, encaminhamento, interconsulta e atendimento domiciliar. A telemedicina não pode ser um substituto, mas um companheiro poderoso para os cuidados médicos, o que permite fornecer os serviços abrangentes que a especialidade oferece à sua população
Descritores: Atenção Primária à Saúde
Telemedicina
Medicina de Família e Comunidade
Coordenador Clínico de Telessaúde
Responsável: BR408.1 - Biblioteca da Faculdade de Medicina - BFM


  7 / 565 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Texto completo
Texto completo
Texto completo
Id: biblio-1117686
Autor: Souza, Jeane Barros de; Conceição, Vander Monteiro da; Araújo, Jeferson Santos; Bitencourt, Júlia Valéria de Oliveira Vargas; Silva Filho, Cláudio Claudino da; Rossetto, Maíra.
Título: Câncer em tempos de COVID-19: repercussões na vida de mulheres em tratamento oncológico / Cancer in time of COVID-19: repercussions in the lives of women undergoing oncological treatment / Cáncer en los tiempos de COVID-19: repercusiones em la vida de las mujeres sometidas a tratamiento oncológico
Fonte: Rev. enferm. UERJ;28:e51821, jan.-dez. 2020.
Idioma: en; pt.
Resumo: Objetivo: compreender a vivência do enfrentamento e repercussões da COVID-19, na percepção de mulheres em tratamento oncológico. Método: estudo qualitativo, do tipo ação-participante, fundamentado no Itinerário de Pesquisa de Paulo Freire, que possui três fases: Investigação Temática; Codificação e Descodificação; Desvelamento Crítico. Foi realizado Círculo de Cultura virtual, com a participação de 12 mulheres em tratamento do câncer de mama, de diferentes localidades do Brasil. Resultados: no Círculo de Cultura virtual discutiram dois temas: desafios no enfrentamento do câncer e da COVID-19; aprendizados gerados nessa vivência, considerando um renascimento das próprias cinzas. Considerações finais: o momento pandêmico tem instigado reflexões sobre o viver. Assim, as mulheres em tratamento oncológico e também em restrição social puderam expressar seus sentimentos, descobrindo e redescobrindo fragilidades e fortalezas para ressignificar e crescer como seres, em uma sociedade, que pode e deve articular estratégias para promoção da saúde.

Objective: to understand the experience of coping with COVID-19, as perceived by women undergoing cancer treatment. Method: qualitative, participatory action research based on the three phases of Paulo Freire's Research Itinerary: Thematic Investigation; Coding and Decoding; and Critical Unveiling. A Culture Circle was held online with 12 women from different places in Brazil undergoing breast cancer treatment. Results: in the virtual Culture Circle, they discussed two themes: challenges in coping with cancer and COVID-10; and learning generated in that experience, with a view to rebirth from their own ashes. Final considerations: the pandemic has prompted thinking about living. Accordingly, women undergoing cancer treatment and also under social restrictions were able to express their feelings, and in discovering and rediscovering weaknesses and strengths, to resignify themselves and to grow in a society that can and should deploy strategies for health promotion.

Objetivo: comprender la experiencia de afrontamiento del COVID-19, según la perciben las mujeres en tratamiento oncológico. Método: investigación-acción cualitativa y participativa basada en las tres fases del Itinerario de Investigación de Paulo Freire: Investigación Temática; Codificación y decodificación; y revelación crítica. Se realizó un Círculo Cultural en línea con 12 mujeres de diferentes lugares de Brazil sometidas a tratamiento contra el cáncer de mama. Resultados: en el Círculo de Cultura virtual se discutieron dos temas: desafíos en el afrontamiento del cáncer y COVID-10; y el aprendizaje generado en esa experiencia, con miras a renacer de sus propias cenizas. Consideraciones finales: la pandemia ha llevado a pensar en vivir. En consecuencia, las mujeres en tratamiento oncológico y también bajo restricciones sociales pudieron expresar sus sentimientos, y al descubrir y redescubrir debilidades y fortalezas, resignificarse y crecer en una sociedad que puede y debe desplegar estrategias de promoción de la salud.
Descritores: Neoplasias da Mama/psicologia
Adaptação Psicológica
Quarentena/psicologia
Infecções por Coronavirus/epidemiologia
Promoção da Saúde
Aprendizagem
-Brasil
Processo Saúde-Doença
Telemedicina
Pesquisa Qualitativa
Emoções
Acontecimentos que Mudam a Vida
Limites: Humanos
Feminino
Adulto
Pessoa de Meia-Idade
Responsável: BR1366.1 - Biblioteca Biomédica B - CB/B (Odontologia e Enfermagem)


  8 / 565 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Leäo, Beatriz de Faria
Texto completo
Id: lil-414468
Autor: Carneiro, Mauro Brandão; Leão, Beatriz de Faria; Pereira, Luiz Augusto.
Título: Documentação médica: guarda e manuseio dos prontuários médicos / Medical documentation: keeping and handling medical files
Fonte: Rev. Soc. Cardiol. Estado de Säo Paulo;12(6):832-844, nov.-dez. 2002.
Idioma: pt.
Resumo: Atualmente, realizam-se, no Brasil, mais de 360 milhões de consultas médicas por ano, que geram quantidade imensa de prontuários médicos. Pela legislação brasileira, médicos, clínicas e hospitais são obrigados a manter esses prontuários arquivados por pelo menosdez anos, podendo, a partir desse prazo, ser microfilmados e destruídos. A quantidade de espaço que esses arquivos em papel exigem está tornando os custos cada vez mais elevados. Alguns estabelecimentos tiveram que ampliar ou alugar dependências próprias para arquivo, ocasionando considerável aumento de custos com uma atividade que extrapola os objetivos de um hospital.A partir de agora, os prontuários médicos podem ser elaborados e arquivados com computador. E a guarda dos mesmos poderá ser permanente , sem ocupação de espaço físico. Para garantir a confidencialidade(segredo médico) e a integridade dos dados dos pacientes(uma vez inseridos um dado no sistema, ele não poderá ser alterado), o Conselho Federal de Medicina aprovou normas rígidas para a guarda e o manuseio desses documentos. O sistema de informação utilizado deverá garantir, entre outros requisitos, um rígido controle de acesso aos dados e plena capacidade de recuperação dos registros originais. Cuidados maiores são exigidos nos casos de transmissão de dados do prontuário via internet. Para que possam viabilizar tais transferências, os sistemas deverão incorporar a criptografia assimétrica por chaves(pública e privada), nos termos definidos pela ICP-Brasil(Infra-estrutura de Chaves Públicas Brasileira).A criptografia por chaves garante a autenticidade e a confidencialidade dos documentos eletrônicos, permitindo a transmissão segura pela rede. Certificado fornecido pelo Conselho Federal de Medicina garantirá o valor legal e probante dos prontuários eletrônicos. Os prontuários em suporte de papel que assim permanecem deverão ser armazenados por um período mínimo de vinte anos, contando a partir do último registro...
Descritores: Telemedicina
Legislação Médica
Sistemas Computadorizados de Registros Médicos
Responsável: BR44.1 - Serviço de Biblioteca, Documentação Científica e Didática Prof. Dr. Luiz Venere Décourt


  9 / 565 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Texto completo
Id: biblio-1047215
Autor: Azevedo Junior, Renato.
Título: Teleatendimento, revolução com ética e segurança / Telemedical care, ethics and safety revolution
Fonte: Rev. Soc. Cardiol. Estado de Säo Paulo;29(4):362-364, out.-dez. 2019.
Idioma: pt.
Resumo: Atualmente, o teleatendimento ou teleconsulta é vedado pelo Código de Ética Médica brasileiro. O rápido e progressivo avanço de novas tecnologias de comunicação à distância, principalmente pela internet, abriu inúmeras possibilidades - tanto para médicos como para pacientes - de troca de informações e diálogos em forma de texto ou voz, inclusive de transmissão de imagens fixas e em movimento, em tempo real ou não. Esses avanços tecnológicos, incontestáveis e inevitáveis, obrigam a Ética Médica a uma adaptação aos novos tempos. Assim, o Conselho Federal de Medicina vem estudando uma resolução que tente disciplinar esse tipo de atendimento. O principal obstáculo para o teleatendimento é a necessidade de uma adequada relação médico-paciente e o estabelecimento de uma relação de confiança mútua, as quais se estabelecem na anamnese bem feita, na avaliação do paciente em seus aspectos bio-psico-social (inclusive de sua linguagem corporal) e num exame físico bem feito, o que só é possível no contato direto entre o médico e o doente

Telemedical care (distance medicine technology) is currently forbidden by the Brazilian Code of Medical Ethics. The fast-moving and progressive advancement of new distance communication technologies, especially over the Internet, has opened up numerous possibilities in clinical practice - for both doctors and patients - to exchange information in the form of text or voice, including the transmission of still or moving images, whether in real time or not. These undeniable and unavoidable technological advances are leading the Medical Ethics to adjust to the new times. Thus, the Brazilian Federal Council of Medicine has been giving particular attention to a resolution that attempts to discipline this type of care. The main obstacle to telemedical care is the need for an adequate doctor/patient relationship, with the establishment of mutual trust, which takes place in the anamnesis, in the patient's evaluation, in the bio-psycho-social aspects (including body language) as well as thorough physical examination, which is only possible in the direct contact between the doctor and the patient
Descritores: Segurança
Telemedicina
Ética Médica
-Relações Médico-Paciente
Desenvolvimento Tecnológico/métodos
Consulta Remota/métodos
Códigos de Ética
Responsável: BR44.1 - Serviço de Biblioteca, Documentação Científica e Didática Prof. Dr. Luiz Venere Décourt


  10 / 565 LILACS  
              first record previous record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Texto completo
Id: lil-796511
Autor: Reggi, Silvio; Carvalho, Antônio Carlos.
Título: Importância da telemedicina e datrombólise pré-hospitalar / The importance of telemedicine and of pre-hospital thrombolysis
Fonte: Rev. Soc. Cardiol. Estado de Säo Paulo;26(2):86-92, abr.-jun.2016. tab, graf.
Idioma: pt.
Resumo: O infarto agudo do miocárdio com supradesnível de ST é uma das emergências cardiológicas mais exigentes para o sistema de saúde de qualquer país; em lugaressubdesenvolvidos as dificuldades são evidentemente maiores. A necessidade de o paciente chamar socorro rápido (atendimento pré-hospitalar) ou procurar atendimento, usualmente em hospitais gerais, e ser identificado pela clínica e ECG, ocasiona grande perda de tempo e demora na reperfusão miocárdica. Se a estrutura de atendimento não está organizada para definir trombólise ou angioplastiaimediata (e há necessidade de transferência), uma ou outra necessitando ser utilizada o mais precocemente possível, ocorrem atrasos adicionais e o paciente é grandementeprejudicado, não só com aumento do número de óbitos, mas também com grande comprometimento de VE.A trombólise pré-hospitalar e um sistema de tele-ECG (no Brasil, a maioria dos atendimentos de urgência em casa ou nos prontos-socorros gerais são feitos por não cardiologistas, com dificuldades na interpretação do ECG) são elementos importantes queajudam de forma indiscutível a melhorar resultados no infarto com supradesnível, desde que inseridos em uma rede de atendimento de infarto em que todos têm função bem definida, da rapidez em reconhecer a clínica, fazer e interpretar o ECG, definir a forma de reperfusãoe se há ou não necessidade e condições de transporte imediato. Quando utilizados de forma organizada e sistemática, portanto, ambos contribuem para melhorar o resultado dequalquer sistema de atendimento do infarto agudo do miocárdio com supradesnível de ST...

Myocardial infarction with ST segment elevation is one of the most demandingcardiological emergencies for the health system of any country; in underdeveloped countries, the difficulties are clearly even greater. The need for the patient to summon rapid first aid (pre-hospital care) or seek care,usually in general hospitals, and to be identified by the clinic and ECG, results in a significant loss of time and delay in myocardial reperfusion. If the emergency care structure is not organized to define thrombolysis or angioplasty immediately (and there is a need for transfer), with one or the other needing to be performed as early as possible, this can lead to additional delays, and the patient is placed at greater risk, not only due to theincrease in the number of deaths, but also due to significant impairment of LV.Pre-hospital thrombolysis and a tele-ECG system (in Brazil, most emergency care at home or in first aid departments is done by non-cardiologists, who have difficulty interpreting the ECG) are important procedures, which undeniably help to improve the results in cases of acute MI with ST segment elevation, provided they are included as part of anemergency care network for myocardial infarction in which everybody has a clearly-defined role, with rapid clinical recognition, performing and interpreting the ECG, defining the form of reperfusion, and whether or not the patient requires, or is in a fit condition for immediate transport. Therefore, when used in a systematic and organized way, both procedures canimprove the outcomes of any emergency care system for patients with acute myocardial infarction with ST segment elevation...
Descritores: Assistência Pré-Hospitalar/métodos
Eletrocardiografia/métodos
Infarto do Miocárdio/diagnóstico
Infarto do Miocárdio/terapia
Serviços Médicos de Emergência/métodos
Telemedicina/métodos
-Análise Multivariada
Prognóstico
Reperfusão Miocárdica/métodos
Resultado do Tratamento
Síndrome Coronariana Aguda/diagnóstico
Síndrome Coronariana Aguda/terapia
Terapia Trombolítica/métodos
Limites: Humanos
Tipo de Publ: Revisão
Responsável: BR44.1 - Serviço de Biblioteca, Documentação Científica e Didática Prof. Dr. Luiz Venere Décourt



página 1 de 57 ir para página                         
   


Refinar a pesquisa
  Base de dados : Formulário avançado   

    Pesquisar no campo  
1  
2
3
 
           



Search engine: iAH v2.6 powered by WWWISIS

BIREME/OPAS/OMS - Centro Latino-Americano e do Caribe de Informação em Ciências da Saúde