Base de dados : LILACS
Pesquisa : HP1.007.262 [Categoria DeCS]
Referências encontradas : 2275 [refinar]
Mostrando: 1 .. 10   no formato [Detalhado]

página 1 de 228 ir para página                         

  1 / 2275 LILACS  
              next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Texto completo
Id: biblio-966679
Autor: Souza, Elisângela Muniz de; Lima, Ana Dalla Santana; Almeida Neto, Omar Pereira de; Garcia, Fernanda Souza e Silva; Cunha, Cristiane Martins.
Título: Measurement of psycho-emotional constructs and self-management in health of patients with cancer / Mensuração de constructos psicoemocionais e de autogestão em saúde em pacientes com câncer
Fonte: Biosci. j. (Online);34(2):423-434, mar./apr. 2018. tab.
Idioma: en.
Resumo: The present study aimed measure self-esteem, anxiety and depression and activation scores in individuals with cancer; compare these scores according to whether or not chemotherapy was performed and verify the influence of these constructs in the self-management in health. This study is a Cross-sectional study with a quantitative approach, performed at the outpatient clinic of a school hospital. The instrument was answered by adult patients, diagnosed with cancer for at least 6 months and in outpatient follow-up. We used the Pearson correlation test and the Student t test in order to evaluate the variables of interest. The level of significance was 0.05. Seventy patients participated in the study; forty six of them were women. The average age was 50.17 years (SD = 11.26) and the average of the education level in years was 8.27 (SD = 3.73). The most prevalent cancer was the breast cancer. The average score obtained by the instruments were: 32.71 (SD = 4.64) for self-esteem; 6.07 (SD = 3.84) for anxiety; 4.90 (SD = 3.76) for depression and 64.24 (SD = 15.21) for activation. We observed weak correlations of these constructs with activation (p <0.05) and that the use of chemotherapy did not interfere with the score of these measures (p> 0.05). The education level presented a weak correlation with the measure of activation (r = 0.240, p <0.05), and comorbidities presented weak correlation with the measure of self-esteem (r = -0.274, p <0.05). In conclusion, the cancer patients presented high selfesteem, low anxiety and depression symptoms and high activation. There is a weak relationship between measures evaluated and the self-management in health.

O presente estudo objetivou mensurar os escores de autoestima, ansiedade e depressão e de ativação em indivíduos com câncer, comparar esses escores segundo a realização ou não de quimioterapia e verificar a influência desses constructos na autogestão em saúde. É um estudo transversal com abordagem quantitativa, realizado no ambulatório de um hospital Universitário. Pacientes adultos, com diagnóstico de câncer, há pelo menos 6 meses e em acompanhamento ambulatorial, responderam os Instrumentos. Utilizamos testes de correlação de Pearson e t de student para avaliar as variáveis de interesse. Nível de significância de 0,05. Participaram 70 pacientes, sendo 46 mulheres. A idade média foi 50,17 anos (DP=11,26) e o tempo médio de escolaridade foi 8,27 anos (DP=3,73). O tipo de câncer mais prevalente foi o de mama. Os escores médios obtidos pelos instrumentos foram: 32,71 (DP=4,64) para autoestima, 6,07 (DP=3,84) para ansiedade, 4,90 (DP=3,76) para depressão e de 64,24 (DP=15,21) para ativação. Verificamos correlações fracas desses constructos com ativação (p<0,05) e que a realização ou não de quimioterapia não interferiu com as pontuações dessas medidas (p>0,05). A escolaridade apresentou correlação fraca com a medida de ativação (r=0,240, p<0,05), e o número de comorbidades apresentou correlação de magnitude fraca com a medida de autoestima (r= -0,274, p<0,05). Concluímos que os pacientes com câncer apresentaram autoestima elevada, sintomas de ansiedade e depressão baixos e ativação elevado. Há uma relação fraca entre as medidas avaliadas com a autogestão em saúde.
Descritores: Ansiedade
Pacientes
Depressão
Neoplasias
-Autocuidado
Autoimagem
Responsável: BR396.1 - Biblioteca Central


  2 / 2275 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Texto completo
Texto completo
Texto completo
Id: biblio-965560
Autor: Lima, Diogo Almeida.
Título: Reconstrução total de pálpebra inferior com associação dos retalhos de Hughes e Destro / Total lower eyelid reconstruction with the combined use of the Hughes and Destro flaps
Fonte: Rev. bras. cir. plást;33(3):364-373, jul.-set. 2018. ilus, tab.
Idioma: en; pt.
Resumo: Introdução: A neoplasia de pálpebra inferior é uma doença frequente. O carcinoma basocelular, o espinocelular e o melanoma são responsáveis por 5 a 10% de todos os cânceres de pele. A reconstrução total da pálpebra inferior após exérese de neoplasia cujo defeito envolva mais que 50% da pálpebra é um desafio. A literatura mostra alternativas discordantes quanto ao melhor método de reconstrução nessas situações, sendo a maioria dos trabalhos composta por relatos de casos, levando à inconsistência nas evidências apresentadas. Método: Avaliar retrospectivamente, por meio da coleta de dados em prontuários, os resultados funcionais alcançados pelo autor nos pacientes submetidos à reconstrução total de pálpebra inferior após ressecção de neoplasia entre maio de 2012 e maio de 2016, na Santa Casa de Passos, com a associação do retalho miotarsoconjuntival de Hughes para reconstrução da lamela interna e do retalho de avanço de pele VY de Destro para reconstituir a lamela externa. Resultados: Foram operados 13 pacientes, com média de idade de 72,61 anos. O carcinoma basocelular foi responsável pela maioria das lesões com 11 casos. Nenhum paciente apresentou comorbidade nas áreas doadoras dos retalhos. A simetria contralateral e o fechamento palpebral foram observados em 12 casos, sendo um caso de ectrópio tratado com sucesso, não sendo identificados outros problemas funcionais. Conclusão: A associação do retalho miotarsoconjuntival de Hughes e retalho de Destro é uma alternativa valiosa para a reconstrução total da pálpebra inferior, visto conseguirmos um resultado funcional e estético favorável com tecidos doadores semelhantes aos ressecados.

Introduction: Lower eyelid cancers are common. Basal cell carcinoma, squamous cell carcinoma, and melanoma are responsible for 5 to 10% of all skin cancers. Complete reconstruction after excision of a tumor that creates a defect involving more than 50% of the eyelid is a challenge. Reports vary regarding the best method of reconstruction, and most available literature is in the form of case reports, leading to inconsistency in the evidence presented. Methods: This retrospective study examined the medical records to evaluate the functional results achieved by the author in patients who underwent total lower eyelid reconstruction after cancer resection between May 2012 and May 2016. The Hughes myotarsoconjunctival flap was used for reconstruction of the internal lamella, and the Destro VY skin advancement flap was used for the external lamella. Results: Of 13 patients with a mean age of 72.61 years, basal cell carcinoma accounted for 11 cases. No comorbidity was observed in the flap donor areas. Contralateral symmetry and palpebral closure were achieved in 12 cases; 1 case of ectropion was successfully treated, but no other functional problems were identified. Conclusion: The combined use of the Hughes flap and Destro flap is a valuable alternative for total reconstruction of the lower eyelid and can achieve favorable functional and aesthetic outcomes with donor tissue, similar to that of resected tissue.
Descritores: Retalhos Cirúrgicos/cirurgia
Carcinoma Basocelular/cirurgia
Transplante de Córnea/métodos
Procedimentos Cirúrgicos Reconstrutivos/métodos
Neoplasias Palpebrais/cirurgia
Pálpebras/cirurgia
-Pacientes
Retalhos Cirúrgicos
Ferimentos e Lesões
Carcinoma Basocelular
Registros Médicos
Transplante de Córnea
Procedimentos Cirúrgicos Reconstrutivos
Estética
Neoplasias Palpebrais
Pálpebras
Limites: Seres Humanos
Masculino
Feminino
Meia-Idade
Idoso
Tipo de Publ: Estudo Comparativo
Revisão
Responsável: BR32.1 - Serviço de Biblioteca e Informação Biomédica


  3 / 2275 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Texto completo
Texto completo
Texto completo
Id: biblio-965551
Autor: Chi, Anny; Lange, Angela; Guimarães, Marcus Vinicius Thomé Nóra; Santos, Celso Bilynkievycz dos.
Título: Prevenção e tratamento de equimose, edema e fibrose no pré, trans e pós-operatório de cirurgias plásticas / Prevention and treatment of ecchymosis, edema, and fibrosis in the pre-, trans-, and postoperative periods of plastic surgery
Fonte: Rev. bras. cir. plást;33(3):343-354, jul.-set. 2018. ilus, tab.
Idioma: en; pt.
Resumo: Introdução: A fibrose, o edema intenso e a equimose são as intercorrências que representam um grande desafio ao fisioterapeuta dermatofuncional no pós-operatório de cirurgia plástica de lipoaspiração e abdominoplastia. O objetivo é propor uma abordagem inédita desde o pré, trans e pós-operatório para prevenir e minimizar as fibroses, edema intenso e equimoses, acelerando a recuperação do paciente e reduzindo o número de sessões. Método: Ensaio clínico controlado, composto por 20 pacientes do sexo feminino, com idade entre 18 e 56 anos, divididos em dois grupos: 10 no grupo controle (GC) e 10 no grupo experimental (GE), que apresentavam indicação cirúrgica de abdominoplastia ou lipoaspiração abdominal, associadas ou não, e que se encontravam com no mínimo 7 dias de pré-operatório. Os dois grupos foram avaliados no pré-operatório. O GC recebeu atendimento somente a partir do 4º dia de pós-operatório, enquanto que o grupo GE recebeu atendimento durante o pré, trans e pós-operatório. Resultados: O grupo experimental apresentou uma média menor do número de sessões (p = 0,0032), perimetria menor no 4º dia de pós-operatório (p < 0,05) nos pontos antômicos: sulco inframamário e crista ilíaca, média menor na resolução da fibrose (p = 0,0058) e média menor na resolução da equimose (p = 0,0002) em relação ao grupo controle. Conclusão: Pode-se concluir com este estudo inédito que o tratamento no pré, trans e pós-operatório reduz o edema, a formação de equimose e principalmente a formação de fibrose no pós-operatório. Também diminui o número de sessões fisioterapêuticas e acelera o restabelecimento do paciente no pós-operatório das cirurgias abdominais.

Introduction: Fibrosis, intense edema, and ecchymosis are complications that represent a great challenge to dermatofunctional physiotherapists in the postoperative period of liposuction and abdominoplasty. Here we aimed to propose a new approach in the pre-, trans-, and postoperative periods to prevent and minimize fibrosis, intense edema, and ecchymosis, thereby expediting the patient's recovery and reducing the number of required physiotherapy sessions. Method: This controlled clinical trial included 20 female patients aged 18-56 years who were divided into the control group (CG; n = 10) and experimental group (EG; n = 10). All were scheduled to undergo abdominoplasty or abdominal liposuction at least 7 days after enrollment. The two groups were evaluated preoperatively. The CG received care only from the 4th postoperative day, while the EG received care during the pre-, trans-, and postoperative periods. Results: The EG required fewer mean physiotherapy sessions (p = 0.0032) and had lower perimetry values on the 4th postoperative day (p < 0.05) in the inframammary groove and iliac crest, lower mean resolution of fibrosis (p = 0.0058), and lower mean resolution of ecchymosis (p = 0.0002) compared to the CG. Conclusion: The findings of this unprecedented study indicate that treatment in the pre-, trans-, and postoperative periods reduces edema, ecchymosis, and fibrosis formation in the postoperative period. It also decreases the number of required physiotherapy sessions and accelerates patient recovery from abdominal plastic surgery.
Descritores: Fibrose/cirurgia
Fibrose/complicações
Lipectomia/métodos
Procedimentos Cirúrgicos Reconstrutivos/métodos
Equimose/cirurgia
Equimose/complicações
Edema/cirurgia
Edema/complicações
-Pacientes
Complicações Pós-Operatórias
Fibrose
Lipectomia
Modalidades de Fisioterapia
Equimose
Edema
Complicações Intraoperatórias
Limites: Seres Humanos
Feminino
Adolescente
Adulto
Meia-Idade
Tipo de Publ: Relatos de Casos
Estudo Comparativo
Revisão
Ensaio Clínico
Estudos de Avaliação
Responsável: BR32.1 - Serviço de Biblioteca e Informação Biomédica


  4 / 2275 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Texto completo
Texto completo
Texto completo
Id: biblio-965543
Autor: Rosa, Simone Corrêa; Macedo, Jefferson Lessa Soares de; Freitas, Flávio Gondim; Ferreira, João Luiz Darques; Canedo, Lucas Ribeiro; Casulari, Luiz Augusto.
Título: Abdominoplastia em pacientes pós-bariátricos: perfil antropométrico, comorbidades e complicações / Abdominoplasty in gastric bypass patients: anthropometric profile, comorbidities, and complications
Fonte: Rev. bras. cir. plást;33(3):333-342, jul.-set. 2018. ilus, tab.
Idioma: en; pt.
Resumo: Introdução: Os pacientes submetidos à gastroplastia apresentam importante perda de peso e a cirurgia plástica representa um importante meio de tratamento do excesso de pele. Método: Estudo prospectivo foi realizado em pacientes submetidos à abdominoplastia pós-gastroplastia no período de janeiro de 2011 a dezembro de 2016 em hospital público. As variáveis analisadas foram: IMC (Índice de Massa Corporal) antes da gastroplastia e antes da cirurgia plástica, perda de peso, peso do retalho retirado, comorbidades e complicações. Resultados: 107 pacientes que realizaram abdominoplastia foram incluídos. Média de idade foi 41 anos. O IMC médio antes da cirurgia plástica foi 27,6 ± 3,7 Kg/m2. Perda de peso médio foi 47,7 ± 17,3 Kg. O IMC máximo antes da gastroplastia foi 45,5 ± 7,5 Kg/m2 e o IMC foi 18,6 ± 9,3 Kg/m2. Comorbidades presentes antes da plástica foram: hipertensão arterial (11,1%), artropatia (4,6%), diabete melito (5,6%) e síndrome metabólica (5,6%). Catorze (13,1%) pacientes realizaram herniorrafia durante a abdominoplastia. A taxa de complicações foi 31,5%. O peso antes da gastroplastia, IMC antes da gastroplastia, perda de peso médio, comorbidades, peso do retalho do abdome e IMC > 20Kg/m2 foram fatores associados significativamente a complicações pós-operatórias. Conclusões: A gastroplastia em Y de Roux foi uma terapêutica efetiva na resolução de comorbidades em obesos. Comorbidades, peso antes da gastroplastia, perda de peso médio, quantidade de tecido retirado do abdome e IMC > 20Kg/m2 levaram significativamente a mais complicações em pacientes pósbariátricos submetidos à abdominoplastia. A cirurgia plástica é importante no cuidado integral ao paciente obeso e otimizou os resultados alcançados com a cirurgia bariátrica.

Introduction: Patients who undergo vertical-banded gastroplasty- Roux-en-Y gastric bypass (VBG-RYGB) have significant weight loss, and abdominoplasty (AP) is an effective corrective surgery for removing excess skin. Methods: A prospective study conducted from January 2011 to December 2016 in a public hospital evaluated patients who underwent AP after VBG-RYGB. The analyzed variables were body mass index (BMI) before VBG-RYGB, BMI before AP, weight loss, weight of the excised abdominal flap, comorbidities, and complications. Results: For this study, 107 patients who underwent AP were included. The patients' mean age was 41 years; BMI before AP, 27.6 ± 3.7 kg/m2; and mean weight loss, 47.7 ± 17.3 kg. The maximum BMI before bariatric surgery was 45.5 ± 7.5 kg/m2, and the difference between the maximum BMI before VBG-RYGB and before corrective surgery was 18.6 ± 9.3 kg/m2. The comorbidities observed before VBG-RYGB were arterial hypertension (11.1%), arthropathy (4.6%), diabetes mellitus (5.6%), and metabolic syndrome (5.6%). Fourteen patients (13.1%) underwent herniorrhaphy during AP. The overall complication rate was 31.5%. Weight before VBGRYGB, BMI before VBG-RYGB, mean weight loss, comorbidities, abdominal flap weight, and BMI of >20 kg/m2 were significantly associated with postoperative complications. Conclusions: VBGRYGB was an effective approach to reduce comorbidities in obese patients. Comorbidities, weight before VBG-RYGB, mean weight loss, amount of tissue removed from the abdomen, and BMI of >20 kg/m2 significantly increased the complication rate in the gastric bypass patients who underwent AP. Furthermore, AP is fundamental for the comprehensive care of obese patients and has optimized the results achieved with VBG-RYGB.
Descritores: Procedimentos Cirúrgicos Operatórios/métodos
Gastroplastia/métodos
Antropometria/métodos
Procedimentos Cirúrgicos Reconstrutivos/métodos
Cirurgia Bariátrica/métodos
Cirurgia Bariátrica/estatística & dados numéricos
Abdominoplastia/métodos
-Pacientes
Cuidados Pós-Operatórios
Complicações Pós-Operatórias
Obesidade Mórbida
Gastroplastia
Perda de Peso
Comorbidade
Procedimentos Cirúrgicos Reconstrutivos
Cirurgia Bariátrica
Abdominoplastia
Obesidade
Limites: Seres Humanos
Tipo de Publ: Estudo Comparativo
Revisão
Ensaio Clínico
Estudos de Avaliação
Responsável: BR32.1 - Serviço de Biblioteca e Informação Biomédica


  5 / 2275 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Texto completo
Texto completo
Texto completo
Id: biblio-965628
Autor: Leite, José Renato Nahlous Ferreira; Fernandes, Erika Lopes; Takassi, Guilherme Ferreira; Oliveira, Andrea Fernandes de; Ferreira, Lydia Masako.
Título: Gestação e queimadura: experiência de unidade de queimaduras em Hospital Universitário / Pregnancy and burns: experience of a university hospital burn unit
Fonte: Rev. bras. cir. plást;33(3):423-427, jul.-set. 2018. ilus.
Idioma: en; pt.
Resumo: Introdução: A incidência de queimaduras em gestantes não é bem estabelecida na literatura mundial, mas estima-se que varie entre 3% e 7%. Os cuidados da gestante queimada representam um grande desafio com impacto significante nos resultados e prognóstico materno-fetais. Relato de Caso: No presente estudo relatamos dois casos de gestantes vítimas de queimaduras que foram tratadas na unidade de tratamento de queimaduras na Escola Paulista de Medicina da Universidade Federal de São Paulo (EPM/UNIFESP), uma no primeiro trimestre e a outra no terceiro trimestre. Conclusão: Em ambos os casos, as gestantes receberam tratamento especializado para queimaduras em conjunto com acompanhamento clínico da equipe da obstetrícia, com boa evolução materno-fetal.

Introduction: The incidence of burns involving pregnant women is not well established in the literature, but is estimated to be between 3% and 7%. The management of burns in pregnancy represents a great challenge with significant impact on outcomes and maternal-fetal prognosis. Case Report: In the present study, we report two cases of pregnant burn victims who were treated in the burn unit in the Paulista School of Medicine, Federal University of São Paulo (EPM/UNIFESP). One patient was treated in the first trimester and the other in the third trimester. Conclusion: In both cases, the pregnant women received specialized treatment for burns in conjunction with clinical follow-up by the obstetrics team, with good maternal-fetal outcomes.
Descritores: Complicações na Gravidez/cirurgia
Procedimentos Cirúrgicos Operatórios/métodos
Procedimentos Cirúrgicos Operatórios/reabilitação
Transplante/métodos
Ferimentos e Lesões
Hipovolemia/diagnóstico
Feto/cirurgia
-Pacientes
Unidades de Queimados
Gravidez
Gravidez de Alto Risco
Limites: Seres Humanos
Feminino
Adulto
Tipo de Publ: Relatos de Casos
Responsável: BR32.1 - Serviço de Biblioteca e Informação Biomédica


  6 / 2275 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Texto completo
Texto completo
Texto completo
Id: biblio-965621
Autor: Oliveira, Francisco Felipe Góis de; Fernandes, Mariana; Giacoia, Ana Maria Nogueira; Saldanha, Osvaldo; Menegazzo, Marcos Ricardo; Cação, Eugênio Gonzalez; Saldanha, Osvaldo.
Título: Pioderma gangrenoso: um desafio para o cirurgião plástico / Pyoderma gangrenosum: a challenge for the plastic surgeon
Fonte: Rev. bras. cir. plást;33(3):414-418, jul.-set. 2018. ilus, tab.
Idioma: en; pt.
Resumo: Introdução: O pioderma gangrenoso (PG) corresponde a uma dermatose autoimune crônica e rara. Sua base etiológica ainda permanece pouco conhecida, sendo idiopático em 25 a 50% dos casos, nos demais está associado com doenças sistêmicas de fundo autoimune, tem uma incidência de 2 a 3 casos em 1 milhão de habitantes por ano. No Brasil, este índice é de 0,38 casos por 10.000 atendimentos, as mais acometidas são as mulheres entre a segunda e quinta década de vida. O quadro clínico é variável, sendo que a forma ulcerosa, que surge sobre uma cicatriz prévia, é a mais prevalente. Relato de Caso: Paciente do sexo feminino, 39 anos de idade, previamente hígida, foi submetida à mamoplastia redutora, evoluiu com úlcera necrótica em cicatriz vertical de mama esquerda. Realizado desbridamento de tecidos desvitalizados, prescrita antibioticoterapia, apresentando piora importante da lesão, sendo considerada a hipótese de PG. Iniciado tratamento com corticoterapia oral e tópica com remissão do quadro. Conclusões: O PG representa um desafio no diagnóstico e, geralmente, demonstra a dificuldade diagnóstica, podendo ser confundido com infecção do sítio cirúrgico.

Introduction: Pyoderma gangrenosum (PG) is a chronic and rare autoimmune dermatosis. Its etiology remains poorly understood, being idiopathic in 25 to 50% of cases; in others, it is associated with systemic diseases with autoimmune background and has an incidence of 2 to 3 cases per 1 million per year. In Brazil, the rate is 0.38 cases per 10,000 clinical visits, and women between the second and fifth decades of life are the most affected. The clinical presentation is variable, and the ulcerous form, which appears on a previous scar, is the most prevalent. Case Report: A 39-year-old, previously healthy female underwent reduction mammoplasty, and later developed a necrotic ulcer on a vertical left breast scar. Debridement of devitalized tissue was performed, with significant worsening despite antibiotic therapy. The appearance suggested PG. Treatment with oral and topical corticosteroids was then initiated with remission. Conclusions: PG represents a diagnostic challenge, and can be confused with surgical site infection.
Descritores: Pioderma Gangrenoso/cirurgia
-Oxigenoterapia/métodos
Pacientes
Ferimentos e Lesões/tratamento farmacológico
Mama/cirurgia
Mamoplastia
Pioderma Gangrenoso
Corticosteroides/uso terapêutico
Procedimentos Cirúrgicos Reconstrutivos/métodos
Antibacterianos/uso terapêutico
Limites: Seres Humanos
Feminino
Adulto
Tipo de Publ: Relatos de Casos
Responsável: BR32.1 - Serviço de Biblioteca e Informação Biomédica


  7 / 2275 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: biblio-884472
Autor: Riveros Ríos, M.
Título: Aspectos bioéticos desde la visión personalista de la espiritualidad en el manejo de las personas en el área de la salud / Bioethical aspects from the personalist vision of spirituality in the management of people in the health area
Fonte: An. Fac. Cienc. Méd. (Asunción);50(1):25-50, ene-abr. 2017.
Idioma: es.
Resumo: Introducción: Por regla general todos los trabajadores de la salud han sido modelados por el paradigma científico de la modernidad que ha hecho una separación drástica entre cuerpo y mente y entre ser humano y naturaleza. Pero porque no se ha considerado en el abordaje de la espiritualidad en paciente sanos o con patologías que no necesariamente amenazan la vida? Esta interrogante debe darse respuesta tanto desde el punto de vista holístico y como parte de la ética del cuidado. No se puede separar al ser humano al cuidarlo solo en lo biológico o psicológico, el aspecto espiritual ha de ser abordado. Objetivos: Determinar qué aspectos de la Bioética están relacionados con la espiritualidad en el manejo de los pacientes. Paciente y Métodos: estudio cualitativo mediante Revisión sistemática de la literatura médica publicada en los siguientes buscadores: scielo, HINARI, pubmed, revisión de artículos publicados y manuales de Bioética y Espiritualidad, revisión de publicaciones en congreso, conferencias sobre Bioética y Espiritualidad. Resultados: El número total de artículos identificados fue de 101 (MEDLINE) y 135 (CINAHL). Después de tamizar, la recopilación de otros artículos que hablan sobre un aspecto de la espiritualidad, pero no el término en sí mismo (por ejemplo, la esperanza); la realización de búsquedas manuales en bibliografías o referido por sus compañeros que no se encuentran en la búsqueda de la literatura original, 58 artículos se consideraron pertinentes y se discuten aquí en el análisis temático. Los investigadores, que se sitúan en este campo, inevitablemente sugieren estudiar la espiritualidad desde una perspectiva más cualitativa, con el argumento de que porque la espiritualidad ha de ser experimentado que no se puede medir. Las palabras de McGrath encarnan la idea central de esta perspectiva, "conceptualmente, la espiritualidad no puede ser entendido como una entidad independiente que se mide y se registra. Los investigadores tienen que estar abiertos a la gran cantidad de formas en que los individuos construyen significado". Las necesidades espirituales de los pacientes de cuidados paliativos la naturaleza de la esperanza en los cuidados paliativos; herramientas y terapias relacionadas con la espiritualidad; efectos de la religión en los cuidados paliativos; y la espiritualidad y los profesionales de cuidados paliativos. En otros estudios se han informado que la espiritualidad y aspectos relacionados (por ejemplo, la oración, la meditación) han tenido un efecto positivo en: dolor crónico; psoriasis en pacientes que reciben fototerapia; función inmune; menos efectos adversos en pacientes cardíacos; mayor apoyo social y menos síntomas depresivos entre los pacientes geriátricos; aumento de la salud física y mental. Conclusión: existen evidencias para nada despreciables de que la espiritualidad tiene relación con el estado de salud y calidad de vida de las personas, que explorarlas, trabajarlas produce un bien en el ser persona del paciente, visto en su totalidad como ser digno en cualquier circunstancia, por tanto es ético tener que abordarlo adecuadamente

Introduction: As a general rule all health workers have been modeled by the scientific paradigm of modernity that has made a drastic separation between body and mind and between human and nature. But because it has not been considered in the approach of spirituality in healthy patients or with pathologies that do not necessarily threaten life? This question must be answered both holistically and as part of the ethics of care. It is not possible to separate the human being by taking care of it only in the biological or psychological, the spiritual aspect has to be approached. Objectives: To determine which aspects of bioethics are related to spirituality in the management of patients. Patient and Methods: qualitative study through Systematic Review of medical literature published in the following search engines: scielo, HINARI, pubmed, review of published articles and manuals Of Bioethics and Spirituality, review of publications in congress, conferences on Bioethics and Spirituality. Results: The total number of articles identified was 101 (MEDLINE) and 135 (CINAHL). After sifting, the compilation of other articles that speak about an aspect of spirituality, but not the term itself (eg, hope); The accomplishment of manual searches in bibliographies or referred by his companions that are not in the search of the original literature, 58 articles were considered pertinent and are discussed here in the thematic analysis. Researchers, who are in this field, inevitably suggest studying spirituality from a more qualitative perspective, arguing that because spirituality has to be experienced it can not be measured. McGrath's words embody the central idea of this perspective, "conceptually, spirituality can not be understood as an independent entity that is measured and recorded "Researchers have to be open to the myriad ways in which individuals construct meaning" the spiritual needs of palliative care patients the nature of hope in palliative care; Tools and therapies related to spirituality; Effects of religion on palliative care; And spirituality and palliative care professionals. Other studies have reported that spirituality and related aspects (eg, prayer, meditation) have had a positive effect on: chronic pain; Psoriasis in patients receiving phototherapy; Immune function; Fewer adverse effects in cardiac patients; Greater social support and fewer depressive symptoms among geriatric patients; Increased physical and mental health. Conclusion: there is no evidence that spirituality is related to the health and quality of life of people, to explore them, to work them produces a good in the person of the patient, seen in its totality as being worthy in any circumstance, So it is ethical to have to address it properly.
Descritores: Pacientes
Bioética
Pessoal de Saúde/ética
Espiritualidade
-Pacientes/psicologia
Qualidade de Vida
Tanatologia
Tipo de Publ: 57788
Responsável: BR1.1 - BIREME


  8 / 2275 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Id: lil-683395
Autor: Doffini, Jean; Cubero, Daniel I.G; Giglio, Auro del.
Título: Estudo piloto da avaliação do grau de compreensão do termo de consentimento livre e esclarecido por pacientes partícipes em pesquisas oncológicas / Evaluation of understanding grade of the informed consent by subjects in oncology research: a pilot study
Fonte: RBM rev. bras. med;69(esp. 3), ago. 2012.
Idioma: pt.
Resumo: Introdução: Com o avanço da tecnologia na área da saúde, a pesquisa em seres humanos cresce a cada dia. O Termo de Consentimento Livre e Esclarecido (TCLE) é um documento que deve ser assinado obrigatoriamente por pacientes que aceitam participar de algum protocolo de pesquisa clínica. A sua compreensão é de extrema importância, nele devem estar contidas todas as informações sobre a pesquisa. Objetivos: Neste estudo avaliamos o grau de compreensão do TCLE pelos pacientes partícipes em pesquisas oncológicas. Avaliamos também os principais pontos e causas da não compreensão do TCLE e a compreensão do termo ?placebo?. Métodos: De janeiro até junho de 2012, todos os pacientes que vieram ao Centro de Estudos e Pesquisas em Hematologia e Oncologia (CEPHO) assinar um TCLE, para qualquer estudo em andamento, foram convidados a preencher dois questionários, sendo o primeiro referente a informações pessoais, motivos para participação na pesquisa e procedimentos de aplicação do TCLE e o segundo no qual o paciente teria que assinalar os itens que encontrou no TCLE. Dentre eles haviam itens falsos que foram usados como controle. Resultados: Um total de 23 pacientes participaram da pesquisa, o grau de compreensão dos pacientes foi de 72,4%, os assuntos menos entendidos foram as alternativas de tratamento para a doença e o termo ?placebo?. Conclusão: A compreensão do TCLE pelos pacientes foi considerada boa, mesmo com o fato de os TCLEs incluírem informações técnicas. Pelos achados deste trabalho se sugere que há necessidade de uma abordagem mais cuidadosa com algumas informações específicas, tais como o termo ?placebo? e as alternativas terapêuticas para a patologia em questão.
Descritores: Compreensão
Oncologia
Pacientes
Limites: Seres Humanos
Masculino
Feminino
Adulto
Meia-Idade
Responsável: BR12.1 - Biblioteca Setorial da Ciências da Saúde


  9 / 2275 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Chile
Texto completo
Id: biblio-1013801
Autor: Santos, Karla Thuany de O; Gomes, Fernanda Mirela A; Silva, Suellen Maiara E da; Silva, Aline Rafaelly A da; Pinho, Claudia Porto S.
Título: Sarcopenia en pacientes oncológicos en tratamiento Quimioterápico / Sarcopenia in oncological patients in chemotherapy Treatment
Fonte: Rev. chil. nutr;46(4):375-383, ago. 2019. tab.
Idioma: es.
Resumo: RESUMEN La sarcopenia se caracteriza por la tríada de reducción de masa muscular en asociación con reducción de la fuerza muscular y/o desempeño físico. Entre las enfermedades crónicas, el cáncer se configura como una condición relacionada al desarrollo de la sarcopenia, debido a la condición inflamatoria, al catabolismo proteico y a la inapetencia alimentaria atribuida a los diversos efectos colaterales del tratamiento de quimioterapia. Objetivo: Describir la prevalencia de sarcopenia en pacientes oncológicos en tratamiento quimioterapéutico. Método: Estudio transversal realizado con pacientes de ambos sexos, en un hospital universitario del nordeste brasileño. Se determinó la sarcopenia a través de la circunferencia muscular del brazo (percentil <10); fuerza de prensión palmar: <20 kg/f y < 30 kg/f para mujeres y hombres ancianos respectivamente, menor tercil: <28,7kg/f y <15,6 kg/f para hombres y mujeres adultas respectivamente y velocidad de marcha (<0.8 m/s). Se evaluaron las variables de asociación, como datos sociodemográficos, estilo de vida, clínico y antropométrico. Resultados: La muestra fue compuesta por 117 pacientes, con edad promedio 60,5 ±13,2 años con prevalencia del sexo femenino (el 59,8%). Se verificó una prevalencia de sarcopenia del 27,4%, y se observó que el 53,1% tenían sarcopenia severa. Los ancianos fueron los más sarcopénicos (p= 0,003). Se encontró también una asociación positiva con el estado nutricional (p<0,001). Conclusión: La prevalencia de la sarcopenia fue significativa y semejante a otros estados, siendo más prevalentes en los pacientes desnutridos y ancianos.

ABSTRACT Sarcopenia is characterized by the triad of reduced muscle mass in association with reduced muscle strength and / or physical performance. Among chronic diseases, cancer is a condition related to the development of sarcopenia because of, among other factors, inflammation, protein catabolism and loss of appetite attributed to the side effects of chemotherapy treatment. Objective: To describe the prevalence of sarcopenia in cancer patients undergoing chemotherapy. Method: A cross-sectional study was carried out with patients of both sexes, in a university hospital in Northeastern Brazil. Sarcopenia was determined by arm circumference (percentile <10); hand grip strength (<20 kg/f and <30 kg/f for women and men, respectively; lowest tertile: <28.7 kg/f and <15.6 kg/f for men and women, respectively) and gait velocity (<0.8 m/s). Sociodemographic, lifestyle, clinical and anthropometric variables were also evaluated. Results: The sample consisted of 117 patients (59.8% female), with a mean age of 60.5 ± 13.2 years. There was a prevalence of sarcopenia of 27.4% and 53.1% had severe sarcopenia. Sarcopenia was more common in older participants (p= 0.003). There was also a positive association with nutritional status (p<0.001). Conclusion: The prevalence of sarcopenia was significant and similar to other studies, being more prevalent in undernourished and elderly participants.
Descritores: Pacientes
Brasil
Tratamento Farmacológico
Força Muscular
Sarcopenia
Neoplasias
Limites: Seres Humanos
Tipo de Publ: Estudo Observacional
Responsável: CL334.1 - Biblioteca UBO


  10 / 2275 LILACS  
              first record previous record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Texto completo
Id: biblio-1024280
Autor: Araujo, Luize Bueno de; Braga, Douglas Martins; Kanashiro, Mirna Sayuri; Baccaro, Valmir Marcos; Souza, Cristiane D. A. de; Batista, Bruna Paulenas; Lourenço, Mariana A.
Título: Análise eletromiográfica dos músculos tibial anterior e sóleo em pacientes hemiparéticos nos ambientes aquático e terrestre / Electromyographic analysis of the anterior tibialis and soleus muscle in hemiparetic patients in the aquatic and land environment
Fonte: Rev. bras. ciênc. mov;27(3):106-121, Abr.-Jun. 2019. ilus.
Idioma: pt.
Resumo: O objetivo deste trabalho foi verificar a ativação dos músculos tibial anterior e sóleo em pacientes hemiparéticos e indivíduos hígidos, em bipedestação no ambiente aquático em comparação ao solo e verificar se há correlação entre ativação muscular e medidas funcionais. Trata-se de um estudo transversal, no qual foram incluídos 6 indivíduos hígidos no grupo controle (GC) e 6 hemiparéticos no grupo estudo (GE). Os participantes foram caracterizados por meio dos instrumentos Mini-Exame do Estado Mental (MEEM), Escala de Equilíbrio de Berg (EEB), Medida da Independência Funcional (MIF) e eletromiografia (EMG) de superfície dos músculos tibial anterior e sóleo em diferentes posturas de bipedestação, nos ambientes terrestre e aquático em dois níveis de imersão, sendo eles processo xifoide (PX) e crista ilíaca ântero superior (CIAS). Como resultados, o GE obteve pontuação média de 24±6,7 no MEEM, sem perdas cognitivas, 80,8±2,7 na MIF, com dependência modificada e independência completa e 48,5±7,1 na EEB, sem riscos de quedas. A EMG evidenciou maior ativação do músculo sóleo no GE quando comparado ao GC, bem como maior ativação no lado hemiparético quando comparado ao lado não afetado. Constatou-se uma correlação inversamente proporcional entre a EMG e a EEB no GE. Com esse estudo foi possível compreender o comportamento dos músculos tibial anterior e sóleo de indivíduos hemiparéticos no ambiente aquático quando comparado ao solo, em posturas comumente utilizadas na reabilitação aquática. Esse melhor entendimento pode possibilitar uma intervenção mais adequada, com repercussões na prática clínica e de atividade física realizadas no ambiente aquático com indivíduos hemiparéticos....(AU)

The purpose of this present trial was to evaluate the activation of the tibialis anterior and soleus muscles in hemiparetics and health individuals, in a standing position performed in aquatic environment and compared to activation of this muscles on the land and verify if there is correlation between muscular activation and functional measures. In this cross-sectional study were included six health individuals in the control group (CG) and six hemiparetics individuals in the experimental group (EG). Participants were characterized by Mini Mental State Exam (MMSE), Berg Balance Scale (BBS), Functional Independence Measure (FIM) and surface electromyography (EMG) of the tibialis anterior and soleus muscles in different stand positions in aquatic environment and on the land in a two-step immersion to the xiphoid process and anterior superior iliac spine. As a result, the EG obtained a mean score of 24 ± 6.7 in the MMSE, without cognitive losses, 80.8 ± 2.7 in the FIM, with modified dependence and complete independence, and 48.5 ± 7.1 in BBE, without risks of falls. The surface EMG showed greater activation of the soleus muscle in the EG when compared to the CG, as well as greater activation on the hemiparetic side when compared to the unaffected side. An inverse proportional relationship between surface EMG and BBE in the EG was found. With this study it was possible to understand the behavior of the tibialis anterior and soleus muscles in hemiparetic individuals in the aquatic environment when compared to land, in postures commonly used in aquatic rehabilitation. This better understanding may allow a more adequate intervention, with repercussions in clinical practice and physical activity performed in the aquatic environment with hemiparetic individuals....(AU)
Descritores: Paresia
Pacientes
Solo
Músculo Esquelético
Ambiente Aquático
Eletromiografia
-Educação Física e Treinamento
Limites: Seres Humanos
Masculino
Feminino
Adulto
Meia-Idade
Tipo de Publ: Estudo Observacional
Responsável: BR1552.1 - Biblioteca Central



página 1 de 228 ir para página                         
   


Refinar a pesquisa
  Base de dados : Formulário avançado   

    Pesquisar no campo  
1  
2
3
 
           



Search engine: iAH v2.6 powered by WWWISIS

BIREME/OPAS/OMS - Centro Latino-Americano e do Caribe de Informação em Ciências da Saúde