Base de dados : LILACS
Pesquisa : I01.198.240.856.350.390 [Categoria DeCS]
Referências encontradas : 204 [refinar]
Mostrando: 1 .. 10   no formato [Detalhado]

página 1 de 21 ir para página                         

  1 / 204 LILACS  
              next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Texto completo
Id: biblio-1288551
Autor: Lopes, Emmanuel Dias de Sousa; D´Elboux, Maria José.
Título: Violência contra a pessoa idosa no município de Campinas, São Paulo, nos últimos 11 anos: uma análise temporal / Violence against old people in the city of Campinas, São Paulo, in the last 11 years: a temporal analysis
Fonte: Rev. bras. geriatr. gerontol. (Online);24(6):e200320, 2021. tab, graf.
Idioma: en; pt.
Projeto: CAPES.
Resumo: Resumo Objetivo Analisar as notificações dos casos de violência contra a pessoa idosa, no período de 2009 a 2019, através de dados obtidos no Sistema de Notificação de Violência (SISNOV) no município de Campinas, Estado de São Paulo, Brasil. Método Trata-se de uma pesquisa epidemiológica de abordagem quantitativa, descritiva e tendência temporal. Para as análises das notificações seguiu-se a observação das informações de acordo com as variáveis sociodemográficas, característica da violência e de seu agressor; e no tocante a análise temporal anual: faixa etária, tipos de violência, meio de agressão e sexo do autor. Resultados 1.217 idosos sofreram agressões, sendo que deste total (69,5%) eram do sexo feminino, com predomínio na faixa etária entre 60 a 69 anos (35,8%), viúvas (37,7%) e de cor branca (64,4%). O tipo mais prevalente de violência foi a negligência (33,1%), sendo a residência (92.9%) o local de maior ocorrência. O principal autor das agressões era do sexo masculino (55,6%), o meio utilizado para praticá-la foi a força corporal (24,4%). A análise de tendência temporal evidenciou aumento de: faixa etária: 60-69 anos, violência física, meios utilizados para a sua prática: força corporal, objetos e envenenamento, e sexo do agressor: ambos. Conclusão Os resultados obtidos foram ao encontro de outras pesquisas, indicando uma tendência no perfil das vítimas e agressão, salienta-se ainda a importância desse grupo conhecer os seus direitos e serem incentivados a realizar as denúncias, bem como os profissionais de saúde, para que se elaborem políticas públicas cada vez mais eficazes para o enfrentamento dessa questão.

Abstract Objective To analyze the notifications of cases of violence against old people in the period from 2009 to 2019 using data obtained from the Violence Notification System (SISNOV) in the city of Campinas, State of São Paulo, Brazil. Method This is an epidemiological research with a quantitative, descriptive approach and temporal trend. For the analysis of the notifications, information was observed according to the sociodemographic variables characteristic of violence and its aggressor, and according to the annual temporal analysis: age group, types of violence, means of aggression, and gender of the author. Results 1,217 old people suffered aggression, (69.5%) of which were female, with a predominance of the age group between 60 and 69 years (35.8%), widows (37.7%), and whites (64.4%). The most prevalent type of violence was neglect (33.1%), with the residence (92.9%) being the place of greatest occurrence. Most of the aggressors were male (55.6%), and the way to do it was with body strength (24.4%). The temporal trend analysis showed an increase in the age group: 60-69 years, physical violence, means used for that - body strength, objects, and poisoning -, and gender of the aggressor - both. Conclusion The results obtained were in line with other studies, indicating a trend in the profile of victims and aggression, and it is important for this group to know their rights and be encouraged to make complaints, as well as health professionals so that increasingly effective public policies are developed to address this issue.
Descritores: Saúde do Idoso
Violência Doméstica
Abuso de Idosos
Sistemas de Informação em Saúde
Limites: Humanos
Masculino
Feminino
Idoso
Idoso de 80 Anos ou mais
Responsável: BR1421.1 - Centro de Referência e Documentação sobre o Envelhecimento


  2 / 204 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: biblio-1287948
Autor: Sousa, Rute Costa Régis de; Araújo-Monteiro, Gleicy Karine Nascimento de; Souto, Rafaella Queiroga; Santos, Renata Clemente dos; Leal, Cláudia Quézia Amado Monteiro; Nascimento, Neyce de Matos.
Título: Interventions to prevent elder abuse in the community: a mixed-methods systematic review / Intervenções para prevenir o abuso de idosos na comunidade: uma revisão sistemática de métodos mistos / Intervenciones para prevenir el abuso de personas mayores en la comunidad: una revisión sistemática de métodos mixtos
Fonte: Rev. Esc. Enferm. USP;55:e3677, 2021. tab, graf.
Idioma: en.
Resumo: ABSTRACT Objective: To identify the interventions proposed in the literature aimed at preventing elder abuse among community-residing elders. Method: This was a mixed-methods systematic review that followed the Preferred Reporting Items for Systematic Review and Meta-analysis Protocols checklist. The protocol of this systematic review was registered in the International Prospective Register of Systematic Reviews. We included studies published between January 2004 and December 2019 in the databases: LILACS, IBECS, CUMED, CINAHL, MEDLINE and SciELO. The methodological quality of each study included was performed using the Mixed Methods Appraisal Tool. Results: Seven studies formed the final sample. Two groups emerged after the analyses: the primary level intervention group, which used health education and coexisting elder abuse groups; and the secondary intervention level, focused mostly on the mental health care of victims of elder abuse. Conclusion: There is still a shortage of intervention studies to prevent elder abuse. All the studies selected had a positive outcome, and all interventions can be implemented in nursing care practice.

RESUMO Objetivo: Identificar na literatura as intervenções propostas para prevenir maus-tratos a idosos residentes na comunidade. Método: Revisão sistemática mista conduzida de acordo com a recomendação PRISMA (Preferred Reporting Items for Systematic Review and Meta-analysis). O protocolo desta revisão sistemática foi registrado no International Prospective Register of Systematic Reviews. Foram incluídos estudos publicados entre janeiro de 2004 e dezembro de 2019 nas bases de dados: LILACS, IBECS, CUMED, CINAHL, MEDLINE e SciELO. Para avaliar a qualidade metodológica de cada estudo incluído, foi utilizada a Ferramenta para Análise de Métodos Mistos. Resultados: Sete estudos formaram a amostra final. Após as análises, emergiram dois grupos, o grupo de intervenção de nível primário, onde foi utilizada educação em saúde e grupos de abuso de idosos coexistentes; e o grupo de intervenção de nível secundário, focado principalmente na atenção à saúde mental dos idosos vítimas de abuso. Conclusão: Estudos de intervenção para prevenir o abuso de idosos ainda são escassos. Todos os estudos selecionados tiveram resultado positivo, e todas as intervenções podem ser implementadas na prática assistencial de enfermagem.

RESUMEN Objetivo: Identificar las intervenciones propuestas en la literatura dirigidas a prevenir el maltrato a personas mayores residentes en la comunidad. Método: Revisión sistemática de métodos mixtos realizada de acuerdo con la recomendación PRISMA (Preferred Reporting Items for Systematic Review and Meta-analysis). El protocolo para esta revisión sistemática se registró en el International Prospective Register of Systematic Reviews. Se incluyeron los estudios publicados entre enero de 2004 y diciembre de 2019 en las bases de datos: LILACS, IBECS, CUMED, CINAHL, MEDLINE y SciELO. Para evaluar la calidad metodológica de cada estudio incluido, se utilizó la Herramienta de Análisis de Métodos Mixtos. Resultados: Siete estudios formaron la muestra final. Después del análisis, surgieron dos grupos, el grupo de intervención de nivel primario, donde se utilizó educación para la salud y grupos de abuso de las personas mayores coexistentes; y el grupo de intervención de nivel secundario, enfocado principalmente en la atención de salud mental de personas mayores víctimas de abuso. Conclusión: Los estudios de intervención para prevenir el maltrato a las personas mayores aún son escasos. Todos los estudios seleccionados tuvieron resultados positivos y todas las intervenciones se pueden implementar en la práctica del cuidado de enfermería.
Descritores: Abuso de Idosos
Enfermagem Geriátrica
-Violência
Revisão Sistemática
Responsável: BR41.1 - Biblioteca Wanda de Aguiar Horta


  3 / 204 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: biblio-991137
Autor: Amaral, Ana Karênina de Freitas Jordão do; Moreira, Maria Adelaide Silva Paredes; Coler, Maria Adriana; Alves, Maria do Socorro Costa Feitosa; Mendes, Felismina Rosa Parreira; Silva, Antonia Oliveira.
Título: Violência e maus tratos contra a pessoa idosa: representações sociais de jovens, adultos e idosos / Violence and abuse against the elderly: social representations of young people, adults and the elderly / Violencia y maltrato contra la persona mayor: representaciones sociales de jóvenes, adultos y ancianos
Fonte: Rev. enferm. UERJ;26:e31645, jan.-dez. 2018. ilus.
Idioma: pt.
Resumo: Objetivo: analisar as representações sociais sobre violência e maus tratos contra a pessoa idosa, construídas por jovens, adultos e idosos. Método estudo exploratório de abordagem qualitativa, utilizando o aporte teórico das representações sociais, realizado com 150 participantes, escolhidos aleatoriamente, no período de março/setembro de 2015. Dados foram coletados por entrevista semiestruturada utilizando estímulos indutores: violência e maus tratos contra pessoa idosa. O material empírico foi organizado em dois corpora e processados com o auxílio do software IRaMuTeQ ®. Os dados processados apontaram para o estimulo violência três classes semânticas; para maus tratos , duas classes. O projeto foi aprovado em Comitê de ética e pesquisa (protocolo 0516/14). Resultados jovens falam de tipos de violência; adultos falam sobre contravenções relacionadas; idosos associam dimensões de cunho afetivo. Conclusão espera-se que os achados contribuam para dimensionamento de ações educativas-protetivas para efetivação de políticas públicas ao idoso.

Objective: to examine social representations constructed by young people, adults and the elderly regarding violence and abuse against older people. Method this exploratory, qualitative study used social representations theory in the period from March to September 2015 with 150 randomly chosen participants. Data were collected by semi-structured interview using two stimulus-terms: violence and abuse against elderly persons. The empirical material was organized into two corpuses and processed with IRaMuTeQ® software. The processed data pointed to three semantic classes for the stimulus-term violence, and two for the stimulus-term abuse. The project was approved by the research ethics committee (Protocol 0516/14). Results younger participants mentioned types of violence; adults talked about violence-related offenses; and the elderly associated violence and abuse with dimensions of affect. Conclusion it is hoped that the findings will contribute to scaling educational and protective actions for effective application of policies for the elderly.

Objetivo analizar las representaciones sociales sobre violencia y maltrato contra la persona mayor, construidas por jóvenes, adultos y ancianos. Método estudio exploratorio de enfoque cualitativo, utilizando el aporte teórico de las representaciones sociales, realizado con 150 participantes, elegidos al azar, en el período de marzo / septiembre de 2015. Los datos fueron recolectados por entrevista semiestructurada utilizando estímulos inductores: violencia y maltrato contra el anciano. El material empírico fue organizado en dos corpus y procesado con la ayuda del software IRaMuTeQ®. Los datos procesados apuntaron hacia el estímulo violencia, tres clases semánticas; hacia maltratos, dos clases. El proyecto fue aprobado en el Comité de ética e investigación (protocolo 0516/14). Resultados jóvenes hablan sobre tipos de violencia; los adultos hablan sobre contravenciones relacionadas; los ancianos asocian dimensiones de carácter afectivo. Conclusión se espera que los hallazgos contribuyan a dimensionar acciones educativas-protectoras para volver efectivas las políticas públicas en cuanto al anciano.
Descritores: Saúde do Idoso
Abuso de Idosos
Conflito Familiar
-Violência
Idoso/psicologia
Limites: Humanos
Masculino
Feminino
Adolescente
Adulto
Pessoa de Meia-Idade
Idoso
Idoso de 80 Anos ou mais
Responsável: BR1366.1 - Biblioteca Biomédica B - CB/B (Odontologia e Enfermagem)


  4 / 204 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Texto completo
Texto completo
Texto completo
Id: biblio-1283781
Autor: Pampolim, Gracielle; Costa Leite, Franciele Marabotti.
Título: Análisis de la violencia de repetición hacia el adulto mayor en un estado brasileño / Analysis of Repeated Violence Against Older Adults in a Brazilian State / Análisis de la violencia de repetición hacia el adulto mayor en un estado brasileño
Fonte: Aquichan;21(1):e2118, Abr. 8, 2021.
Idioma: en.
Resumo: Objetivo: identificar a frequência de violência de repetição notificada contra a pessoa idosa e sua associação com características da vítima, do agressor e da agressão. Materiais e métodos: estudo transversal, a partir de dados registrados no Sistema de Informação de Agravos e Notificação sobre a violência interpessoal de repetição perpetrada contra a pessoa idosa no Espírito Santo, Brasil, entre 2011 e 2018. Os dados foram analisados por meio da regressão múltipla de Poisson com variância robusta. Resultados: a frequência de violência de repetição foi de 50,1 % (IC 95 %: 47,7-52,6). Ter 80 anos ou mais, apresentar deficiências ou transtornos e ter sido violentado por parceiro(a) e/ou filho(a) estiveram associados ao agravo em ambos os sexos. Em homens idosos, a violência foi mais frequentemente perpetrada por dois ou mais agressores e durante o dia, enquanto mulheres idosas foram mais frequentemente agredidas em zonas urbanas. Conclusões: a alta frequência da violência de repetição e as associações com as características estudadas refletem a necessidade de atenção à pessoa idosa com deficiências ou transtornos e aos possíveis sinais de sobrecarga de cuidadores familiares que podem resultar em situações de violência. Ações que visem à detecção precoce e à adequada assistência às vítimas e aos agressores são importantes para evitar a cronicidade do agravo.

Objetivo: identificar la frecuencia de violencia de repetición notificada hacia el adulto mayor y su asociación con características de la víctima, el agresor y la agresión. Materiales y métodos: estudio transversal, desde dados registrados en el Sistema de Información de Agravios y Notificación acerca de la violencia interpersonal de repetición perpetrada hacia el adulto mayor en Espírito Santo, Brasil, entre el 2011 y el 2018. Se analizaron los datos por medio de la regresión múltiple de Poisson con variancia robusta. Resultados: la frecuencia de violencia de repetición fue de 50,1 % (IC 95 %: 47,7-52,6). Tener 80 años o más, presentar discapacidades o trastornos y haber sido violentado por compañero(a) y/o hijo(a) estuvieron asociados con el agravo en ambos sexos. En hombres mayores, la violencia fue más frecuentemente perpetrada por dos o más agresores y durante el día, mientras que mujeres mayores fueron más agredidas en zonas urbanas. Conclusiones: la alta frecuencia de la violencia de repetición y las asociaciones con las características estudiadas evidencian la necesidad de atención al adulto mayor con discapacidad o trastornos y las posibles señales de sobrecarga de cuidadores familiares que pueden resultar en situaciones de violencia. Acciones que tienen el propósito de detectar de forma temprana y brindar adecuada asistencia a las víctimas y a los agresores son importantes para evitar la cronicidad del agravo.

Objective: To identify notified cases of repeated violence against older adults and its association with the characteristics of the victims, of the aggressor, and the aggression. Materials and methods: A cross-sectional study was conducted based on data recorded in the Information System for Notifiable Health Problems on interpersonal repeated violence perpetrated against older adults between 2011 and 2018 in Espírito Santo, Brazil. The data were analyzed employing Poisson multiple regression with robust variance. Results: The frequency of repeated violence was 50.1 % (95 % CI: 47.7-52.6). Being 80 years old or more, presenting disabilities or disorders, and having suffered violence by partners and/or children were associated with this condition in both genders. In aged men, violence was more frequently perpetrated by two or more aggressors and during the day, whereas aged women were more frequently assaulted in urban areas. Conclusion: The high frequency of repeated violence and the associations with the characteristics studied reflect the need for care to older adults with disabilities or disorders and the possible signs of burden in family caregivers that may result in situations of violence. Actions aimed at early detection and adequate assistance to the victims and to the aggressors are important to avoid the chronicity of the condition.
Descritores: Violência
Notificação de Abuso
Abuso de Idosos
Monitoramento Epidemiológico
Reincidência
Tipo de Publ: Artigo Clássico
Responsável: CO243.1 - Biblioteca Octavio Arizmendi Posada


  5 / 204 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: biblio-1254577
Autor: Silva, Gisely Azevedo da; Benito, Linconl Agudo Oliveira.
Título: Denúncias de violência financeira contra idosos no Brasil: 2011-2018 / Complaints of financial violence against the elderly in Brazil: 2011-2018 / Informes de violencia financiera contra las personas mayores en Brasil: 2011- 2018
Fonte: REVISA (Online);10(2):432-445, 2021.
Idioma: pt.
Resumo: Objetivo: Analisar a violência financeira contra idosos no Brasil nos anos de 2011 a 2018. Método: Pesquisa exploratória, descritiva, comparativa e quantitativa. Os dados foram adquiridos junto ao "Disque Direitos Humanos - Disque 100 do Ministério da Mulher, da Família e dos Direitos Humanos" (MMFDH). Os dados adquiridos foram organizados no software Microsoft Excel 2016® for Windows®, sendo implementada análise estatística descritiva. Resultados: Foi identificado o universo de 119.440 registros com média e desvio-padrão (14.930±5.249,3). A região Nordeste (NE) registrou a maior preponderância com 39,1% (n=46.711) e o estado de Minas Gerais (MG) registrou a maior preponderância com 10,4% (n=12.458). Retenção de salário/bens foi o crime com a maior preponderância registrando 65,3% (n=77.955) e subtração/invalidação/ocultação e documentos a menor com 0,9% (n=1.055). Considerações finais: Foi verificado aumento na frequência de registros de denúncias de violência contra o idoso no recorte histórico e geográfico analisados.

Objective: To analyze financial violence against the elderly in Brazil from 2011 to 2018. Method: Exploratory, descriptive, comparative and quantitative research. The data were acquired from the "Dial Human Rights - Dial 100 of the Ministry of Women, Family and Human Rights" (MMFDH). The acquired data were organized in Microsoft Excel 2016® for Windows® software, and descriptive statistical analysis was implemented. Results: The universe of 119.440 records with mean and standard deviation (14,930±5,249.3) was identified. The Northeast Region (NE) registered the greatest preponderance with 39.1% (n=46.711) and the state of Minas Gerais (MG) registered the greatest preponderance with 10.4% (n=12.458). Withholding of wages/goods was the crime with the highest preponderance registering 65.3% (n=77.955) and the smallest subtraction/invalidation/concealment and documents with 0.9% (n=1.055). Final considerations: There was an increase in the frequency of records of reports of violence against the elderly in the analyzed historical and geographic context.

Objetivo: Analizar la violencia financiera contra las personas mayores en Brasil de 2011 a 2018. Método: Investigación exploratoria, descriptiva, comparativa y cuantitativa. Los datos fueron adquiridos del "Dial de Derechos Humanos - Dial 100 del Ministerio de la Mujer, la Familia y los Derechos Humanos" (MMFDH). Los datos adquiridos se organizaron en el software Microsoft Excel 2016® para Windows® y se implementó un análisis estadístico descriptivo. Resultados: Se identificó el universo de 119,440 registros con media y desviación estándar (14,930 ± 5,249,3). La Región Nordeste (NE) registró la mayor preponderancia con 39,1% (n=46.711) y el estado de Minas Gerais (MG) registró la mayor preponderancia con 10,4% (n=12.458). La retención de salarios/bienes fue el delito con mayor preponderancia registrando 65.3% (n=77.955) y la menor resta/invalidación/ocultación y documentos con 0.9% (n=1.055). Consideraciones finales: Hubo un aumento en la frecuencia de registros de denuncias de violencia contra el adulto mayor en el contexto histórico y geográfico analizado.
Descritores: Abuso de Idosos
-Salários e Benefícios
Brasil
Limites: Humanos
Responsável: BR2040.1 - Biblioteca Central


  6 / 204 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Texto completo
Texto completo
Id: biblio-1129120
Autor: Brasil. Ministério da Saúde. Conselho Nacional de Saúde..
Título: Estatuto do Idoso / Statute of the Elderly.
Fonte: Brasília; Ministério da Saúde; 2017. 70 p. (Série E. Legislação de Saúde).
Idioma: pt.
Resumo: A população brasileira está envelhecendo, um reflexo, dentre outros fatores, do aumento da expectativa de vida devido aos avanços que o sistema de saúde vem conquistando. Segundo o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), a população com 60 anos ou mais no País corresponde a 8,6% da população total (cerca de 14 milhões, dados do Censo de 2000). Projeções demográficas indicam que este número poderá ultrapassar, nos próximos 25 anos, a marca dos 30 milhões. O Estatuto do Idoso representa um grande avanço da legislação brasileira iniciado com a promulgação da Constituição de 1988. Elaborado com intensa participação das entidades de defesa dos interesses das pessoas idosas, ampliou em muito a resposta do Estado e da sociedade às suas necessidades. Trata dos mais variados aspectos, abrangendo desde direitos fundamentais até o estabelecimento de penas para os crimes mais comuns cometidos contra essas pessoas. A ação de disseminar as informações sobre os direitos constitucionais é parte integrante da Agenda de Compromisso dos gestores federais, estaduais e municipais do Sistema Único de Saúde (SUS), a qual engloba esforços para mobilização de todos na estratégia de efetivar no País um "Pacto pela Vida". Dentre as ações programadas em defesa dos direitos dos usuários está a edição de relevantes publicações direcionadas ao público em geral, aos Conselhos de Saúde, às instâncias públicas responsáveis e aos movimentos atuantes na defesa da vida
Descritores: Direitos dos Idosos/legislação & jurisprudência
Saúde do Idoso
Abuso de Idosos/legislação & jurisprudência
Serviços de Saúde para Idosos/legislação & jurisprudência
Limites: Humanos
Idoso
Idoso de 80 Anos ou mais
Tipo de Publ: GOVERNMENT PUBLICATIONS
Responsável: BR1.1 - BIREME


  7 / 204 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: biblio-1155568
Autor: Dellatorre, Gerson; Haddad Jr, Vidal.
Título: New pandemic, old bugs: A case of cimicosis (Bed Bug) in a neglected elderly patient during the coronavirus disease quarantine
Fonte: Rev. Soc. Bras. Med. Trop;54:e07912020, 2021. graf.
Idioma: en.
Resumo: Abstract Bed bugs are hematophagous arthropods that can parasitize humans. During the coronavirus disease pandemic, there has been an increase in elderly neglect. A man in his 90s came to the hospital complaining of generalized pruritus. Despite being a dependent patient, he was left alone in a home by his relatives during the pandemic. Examination revealed inflammatory nodules in addition to a live bed bug crawling over his trunk. Identifying a bed bug during consultation is an uncommon feature that can help determine a particular diagnosis. As this case shows, the need for social isolation during pandemics can contribute to elder abuse and neglect.
Descritores: Percevejos-de-Cama
Quarentena
Coronavirus
Ectoparasitoses
-Infecções por Coronavirus
Abuso de Idosos
Pandemias
Limites: Humanos
Animais
Masculino
Idoso
Responsável: BR1.1 - BIREME


  8 / 204 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: biblio-1155266
Autor: Raposo, Matheus Farias; Soares, Jefferson da Silva; Araújo-Monteiro, Gleicy Karine Nascimento de; Santos, Renata Clemente dos; Braga, João Euclides Fernandes; Souto, Rafaella Queiroga; Brandão, Bárbara Maria Lopes da Silva.
Título: Risco para violência e qualidade de vida entre idosos da comunidade: estudo transversal / Risk of violence and quality of life among the elderly in the community: cross-sectional study
Fonte: Rev Rene (Online);22:e60966, 2021. tab.
Idioma: pt.
Resumo: RESUMO Objetivo analisar a relação entre o risco para violência e a qualidade de vida de idosos comunitários. Métodos estudo transversal, desenvolvido com 159 idosos cadastrados em equipes de saúde da família. Utilizaram-se instrumentos a seguir: Hwalek-Sengstock Elder Abuse Screening Test; World Health Organization Instrument to Evaluate Quality of Life. Resultados o risco para violência foi maior entre os idosos com baixa qualidade de vida mediante testes de associação (62,5%; p=0,380) e correlação (r=-0,244). Houve diferença estatisticamente significativa (p=0,013) entre qualidade de vida de grupos com e sem risco para violência, e a análise da regressão logística confirma que a alta qualidade de vida se configura como um fator protetivo à exposição do idoso a situações de abuso (Odds Ratio = 0,96; p=0,01). Conclusão observou-se relação inversamente proporcional entre a qualidade de vida e o risco para violência.

ABSTRACT Objective to analyze the relationship between the risk of violence and the quality of life of elderly community members. Methods a cross-sectional study, developed with 159 elderly people registered in family health teams. The following instruments were used: Hwalek-Sengstock Elder Abuse Screening Test; World Health Organization Instrument to Evaluate Quality of Life. Results the risk of violence was higher among the elderly with low quality of life through association tests (62.5%; p=0.380) and correlation (r=-0.244). There was a statistically significant difference (p=0.013) between quality of life of groups with and without risk for violence, and the analysis of logistic regression confirms that high quality of life is a protective factor for the exposure of the elderly to situations of abuse (Odds Ratio = 0.96; p=0.01). Conclusion there was an inverse relationship between quality of life and risk of violence.
Descritores: Qualidade de Vida
Violência
Idoso
Abuso de Idosos
Responsável: BR6.1 - BCS - Biblioteca de Ciências da Saúde


  9 / 204 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: biblio-1133837
Autor: Antequera, Isabela Granado; Lopes, Maria Carolina Barbosa Teixeira; Batista, Ruth Ester Assayag; Campanharo, Cassia Regina Vancini; Costa, Paula Cristina Pereira da; Okuno, Meiry Fernanda Pinto.
Título: Rastreamento de violência contra pessoas idosas: associação com estresse percebido e sintomas depressivos em idosos hospitalizados / Detección de violencia contra personas mayores: asociación con estrés percibido y síntomas depresivos en ancianos hospitalizados / Violence against elderly people screening: association with perceived stress and depressive symptoms in hospitalized elderly
Fonte: Esc. Anna Nery Rev. Enferm;25(2):e20200167, 2021. tab.
Idioma: pt.
Resumo: Resumo Objetivo Avaliar a prevalência e fatores associados à violência em idosos hospitalizados. Método Estudo transversal realizado com 100 idosos internados. Aplicaram-se os instrumentos: H-S/EAST, Escala de Estresse Percebido e Escala de Depressão Geriátrica. Utilizou-se análise descritiva para a caracterização sociodemográfica e clínica. Para associar a idade ao H-S/EAST foi utilizado o teste de Mann-Whitney; estresse percebido com o H-S/EAST foi utilizado o teste T, e sintomas depressivos com o H-S/EAST foi utilizado o teste da Razão Verossimilhança. Resultados A média de idade dos idosos foi 70,39 e 56,0%, houve risco aumentado para violação de direitos pessoais, características de vulnerabilidade e situações potencialmente abusivas. Os fatores associados ao risco aumentado para violação de direitos pessoais ou abuso direto nos idosos foram maior idade, apresentar estresse percebido e ter sintomas de depressão leve a severa. Conclusão e implicação para a prática Esses resultados mostram, portanto, a importância da observação atenta do idoso por parte do enfermeiro para permitir a identificação do risco para violência ou violação de direitos. O que possibilita estabelecer ações preventivas, coordenadas com a participação dos demais profissionais bem como o encaminhamento correto de cada situação, cumprimento do dever legal da profissão e do papel cidadão.

Resumen Objetivo Evaluar la prevalencia y los factores asociados a la violencia en los ancianos hospitalizados. Método estudio transversal con 100 ancianos hospitalizados. Se aplicaron los instrumentos: H-S / EAST, Escala de estrés percibido y Escala de depresión geriátrica. Se utilizó el análisis descriptivo para la caracterización sociodemográfica y clínica. Para asociar la edad con el H-S / EAST, se utilizó la prueba de Mann-Whitney; estrés percibido con el H-S / EAST se utilizó la prueba T; y los síntomas depresivos con el H-S / EAST se utilizó la prueba de relación de probabilidad. Resultados La edad promedio de los ancianos era de 70,39 y el 56,0%, había un mayor riesgo de violación de los derechos personales, características de vulnerabilidad y situaciones potencialmente abusivas. Los factores asociados con un mayor riesgo de violación de los derechos personales en los ancianos fueron la edad más avanzada, el estrés percibido y los síntomas de depresión de leve a severa. Conclusión e implicación para la práctica Estos resultados muestran, por lo tanto, la importancia de la observación cuidadosa de los ancianos por parte de la enfermera para permitir la identificación del riesgo de violencia o violación de los derechos. Esto permite establecer acciones preventivas, coordinadas con la participación de los demás profesionales, así como la derivación correcta de cada situación, el cumplimiento del deber legal de la profesión y el rol ciudadano.

Abstract Objective To assess the prevalence and factors associated with violence in hospitalized elderly. Method Cross-sectional study conducted with 100 hospitalized elderly. The following instruments were applied: H-S / EAST, Perceived Stress Scale and Geriatric Depression Scale. Descriptive analysis was used for the sociodemographic and clinic characteristics. To associate age with H-S / EAST, the Mann-Whitney test was used; perceived stress with H-S / EAST the T test was used; and depressive symptoms with H-S / EAST the Likelihood Ratio test was used. Results The average age of the elderly was 70.39 and 56.0%, there was an increased risk for violation of personal rights, characteristics of vulnerability and potentially abusive situations. The factors associated with increased risk for violation of personal rights or direct abuse in the elderly were older age, perceived stress and symptoms of mild to severe depression. Conclusion and implication for practice These results show, the importance of careful observation of the elderly by the nurse to allow the identification of risk for violence or violation of rights. This allows establishing preventive actions, coordinated with the participation of other professionals as well as the correct referral of each situation, compliance with the legal duty of the profession and the citizen role.
Descritores: Estresse Psicológico
Depressão/epidemiologia
Abuso de Idosos/estatística & dados numéricos
Hospitalização
-Prevalência
Estudos Transversais
Fatores de Risco
Vulnerabilidade Social
Limites: Humanos
Masculino
Feminino
Idoso
Responsável: BR442.1 - Biblioteca Setorial de Pós-Graduação


  10 / 204 LILACS  
              first record previous record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Saúde Pública
Souza, Edinilsa Ramos de
Texto completo
Id: biblio-974807
Autor: Lino, Valéria Teresa Saraiva; Rodrigues, Nádia Cristina Pinheiro; Lima, Idenalva Silva de; Athie, Soraya; Souza, Edinilsa Ramos de.
Título: Prevalência e fatores associados ao abuso de cuidadores contra idosos dependentes: a face oculta da violência familiar / Prevalence and factors associated with caregiver abuse of elderly dependents: The hidden face of family violence
Fonte: Ciênc. Saúde Colet;24(1):87-96, ene. 2019. tab.
Idioma: pt.
Resumo: Resumo Realizou-se estudo transversal em Manguinhos, na cidade do Rio de Janeiro para identificar prevalência de violência de cuidadores contra idosos dependentes e fatores associados. Uma amostra de conveniência de 135 duplas foi avaliada. Testes estatísticos compararam os percentuais de violência, segundo as características do cuidador e do idoso e um modelo de regressão logística investigou a associação entre violência e as características de ambos. Mais de 30% dos cuidadores apresentaram indícios de abuso. Em relação aos cuidadores, elevados níveis de sobrecarga e problemas com álcool aumentaram em 11 e 3,8 vezes as chances de ocorrência de violência, respectivamente, quando comparados aos grupos de referência. Quanto aos idosos, homens e indivíduos com depressão tiveram chance 2,9 e 6,9 vezes maior de sofrerem maus tratos, em relação às mulheres e aos que não tinham depressão, respectivamente. A elevada prevalência de maus tratos por parte de cuidadores que apresentam altos níveis de sobrecarga, problemas relacionados ao álcool e que cuidam de idosos deprimidos requer a adoção de medidas de apoio familiar.

Abstract This cross-sectional study was carried out in Manguinhos, Rio de Janeiro, Brazil and aimed to identify the prevalence and factors associated with familial violence perpetrated by caregivers against elderly dependents. A sample of 135 pairs was evaluated using instruments to assess both caregivers (social support, alcoholism, burden, violence) and elders (depression, cognition, functional capacity). Statistical tests compared the percentages of reported violence according to the characteristics of caregiver and elders. A logistic regression model investigated the association between violence and caregiver/ elder characteristics. More than 30% of caregivers gave responses consistent with risk of elder abuse. Among them, high burden level and comorbid alcohol abuse increased the risk of violence by 11 and 3.8 times, respectively. Elderly men were 2.9 times more likely to be mistreated than elderly women, and depressed ones were 6.9 times more likely to report mistreatment than those without depression. Conclusion: We detected a high prevalence of caregiver violence against elderly dependents, with substantially greater risk among caregivers with high levels of burden, alcohol-related problems, and those caring for depressed elders. Family support strategies are needed to reduce domestic violence and protect elderly victims.
Descritores: Cuidadores/estatística & dados numéricos
Violência Doméstica/estatística & dados numéricos
Depressão/epidemiologia
Abuso de Idosos/estatística & dados numéricos
-Apoio Social
Brasil/epidemiologia
Modelos Logísticos
Fatores Sexuais
Prevalência
Estudos Transversais
Fatores de Risco
Alcoolismo/epidemiologia
Pessoa de Meia-Idade
Limites: Humanos
Masculino
Feminino
Adulto
Idoso
Idoso de 80 Anos ou mais
Responsável: BR1.1 - BIREME



página 1 de 21 ir para página                         
   


Refinar a pesquisa
  Base de dados : Formulário avançado   

    Pesquisar no campo  
1  
2
3
 
           



Search engine: iAH v2.6 powered by WWWISIS

BIREME/OPAS/OMS - Centro Latino-Americano e do Caribe de Informação em Ciências da Saúde