Base de dados : LILACS
Pesquisa : I01.198.240.856.350.390 [Categoria DeCS]
Referências encontradas : 174 [refinar]
Mostrando: 1 .. 10   no formato [Detalhado]

página 1 de 18 ir para página                         

  1 / 174 LILACS  
              next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: biblio-960788
Autor: Hirt, Maiara Carmosina; Costa, Marta Cocco da; Arboit, Jaqueline; Leite, Marinês Tambara; Hesler, Lilian Zielke; Silva, Ethel Bastos da.
Título: Representações sociais da violência contra mulheres rurais para um grupo de idosas / Representaciones sociales de la violencia contra mujeres rurales para un grupo de ancianas / Social representations of violence against women for a group of rural elderly
Fonte: Rev. gaúch. enferm;38(4):e68209, 2017.
Idioma: pt.
Resumo: Resumo OBJETIVO Compreender as representações sociais da violência contra mulheres rurais, na perspectiva de idosas, considerando geração e gênero como influência nesse agravo. MÉTODOS Estudo qualitativo, fundamentado na Teoria das Representações Sociais. Realizado com 12 mulheres rurais idosas de um município do Rio Grande do Sul em julho e agosto de 2013.Os dados obtidos por meio de técnica projetiva e entrevistas semiestruturadas foram analisados através do referencial das Representações Sociais e análise de conteúdo. RESULTADOS De um lado, as idosas representam a violência como distante, ancorada em atos extremos de agressão. Por outro, a representam como presente em suas relações, mostrando-se vulneráveis à dominação dos homens no contexto de vida e trabalho. CONCLUSÕES Revelou-se a invisibilidade da violência contra mulheres idosas no contexto rural, onde a figura masculina se sobrepõe à feminina.

Resumen OBJETIVO Comprender las representaciones sociales de la violencia contra mujeres rurales, en la perspectiva de ancianas, teniendo en cuenta generación y género como influencia en ese agravio. MÉTODOS Estudio cualitativo, basado en la teoría de la Representación Social. Realizado con 12 mujeres rurales ancianas, en una ciudad en Rio Grande do Sul en julio y agosto de 2013. Los datos obtenidos por medio de técnica proyectiva y entrevistas semiestructuradas fueron analizados a través del referencial de las Representaciones Sociales y análisis de contenido. RESULTADOS Por un lado, las ancianas representan la violencia como distante, anclada en actos extremos de agresión. Por otro, la representan como presente en sus relaciones, mostrándose vulnerables a la dominación de los hombres en el contexto de vida y trabajo. CONCLUSIÓN Se reveló la invisibilidad de la violencia contra las mujeres mayores en el medio rural, donde la figura masculina se superpone a la hembra.

Abstract OBJECTIVE Understand the social representations of violence against rural women, from the perspective of the elderly, considering how the generation and gender influence this aggravation. METHODS Qualitative study, based on the Theory of Social Representations.It was carried out with 12 elderly rural women from a city of Rio Grande do Sul, in July and August of 2013. The data obtained through a projective technique and semi-structured interviews has been analyzed through the reference of the Social Representations and content analysis. RESULTS On one hand, the elderly represent violence as distant distress, anchored in extreme acts of aggression. On the other hand, they represent it as present in their relationships, showing themselves vulnerable to the domination of men in the context of life and work. CONCLUSIONS It was revealed the invisibility of violence against elderly women in the rural context, where the male figure overlaps with the female.
Descritores: População Rural
Violência de Gênero
-Brasil
Pesquisa Qualitativa
Maus-Tratos ao Idoso/psicologia
Meia-Idade
Modelos Teóricos
Limites: Seres Humanos
Feminino
Idoso
Responsável: BR1.1 - BIREME


  2 / 174 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: biblio-960846
Autor: Oliveira, Kênnia Stephanie Morais; Carvalho, Francisca Patrícia Barreto de; Oliveira, Lucídio Clebeson de; Simpson, Clélia Albino; Silva, Fernanda Thâmara Lima da; Martins, Ana Géssica Costa.
Título: Violência contra idosos: concepções dos profissionais de enfermagem acerca da detecção e prevenção / Violencia contra ancianos: conceptos de profesionales de enfermería sobre la detección y prevención / Violence against the elderly: the conceptions of nursing professionals regarding detection and prevention
Fonte: Rev. gaúch. enferm;39:e57462, 2018.
Idioma: pt.
Resumo: Resumo OBJETIVO Analisar as concepções dos profissionais de enfermagem atuantes em Unidades Básicas de Saúde quanto à detecção e prevenção de idosos violentados. MÉTODOS Estudo descritivo, exploratório, qualitativo. Realizado em duas UBS, Mossoró/RN, utilizando roteiro de entrevista semiestruturada, em março a agosto de 2013. Amostra composta por quatro enfermeiros e seis técnicos de enfermagem. Realizada análise de conteúdo. RESULTADOS Identificaram-se 4 categorias: Estratégias utilizadas para identificar a violência contra o idoso; Tipos de violências contra o idoso; Conduta utilizada após constatação de uma suspeita de violência; SUS e a problemática da violência contra o idoso. Muitos profissionais reconhecem/desconfiam dos possíveis casos, entretanto, não sabem como proceder. A dimensão do problema exige que sejam realizadas intervenções pragmáticas no meio clínico e no contexto social. CONCLUSÕES Há necessidade de educação permanente para profissionais e maior comunicação entre as instâncias responsáveis pela denúncia e acolhimento.

Resumen OBJETIVO Analizar los conceptos de enfermeros activos en unidades básicas de la salud sobre la detección y prevención del maltrato hacia personas ancianas. MÉTODOS Estudio exploratorio, descriptivo y cualitativo, realizado en dos UBS, en Mossoro/RN, por medio de entrevistas semiestructuradas entre marzo y agosto de 2013. Se realizó el estudio con cuatro enfermeros y seis técnicos de enfermería. Se llevó a cabo el análisis de contenido. RESULTADOS El análisis se divide en 4 categorías: Estrategias utilizadas para identificar la violencia contra ancianos; Tipos de violencia contra personas mayores; Acción utilizada luego de detectarse la violencia; y SUS y el tema de la violencia contra ancianos. Muchos profesionales reconocen/desconfían de los posibles casos, sin embargo, no saben cómo proceder. La magnitud del problema requiere de intervenciones pragmáticas que se lleven a cabo en el ámbito clínico y en el contexto social. CONSIDERACIONES FINALES Existe la necesidad de una educación continua para profesionales y una mayor comunicación entre los organismos responsables de la queja y acogida.

Abstract OBJECTIVE To analyze the conceptions of the nursing professionals working in Basic Health Units regarding the detection and prevention of violence against the elderly. METHODS Descriptive, exploratory, qualitative study. Performed in two BHUs in Mossoró/RN, using a semi-structured interview script, from March to August of 2013. Sample composed of four nurses and six nursing technicians. The content analysis, pre-analysis, material exploration, and treatment of results were performed. RESULTS Four categories were identified: Strategies used to identify violence against the elderly; Types of violence against the elderly; Conduct used after finding a suspicion of violence; SUS and the problem of violence against the elderly. Many professionals recognize/distrust possible cases, however, they do not know how to proceed. The dimension of the problem requires that pragmatic interventions be performed in the clinical setting and in the social context. FINAL CONSIDERATIONS There is a need for continuing education for professionals and greater communication between the bodies responsible for reporting and embracement.
Descritores: Enfermeiras e Enfermeiros/psicologia
Auxiliares de Enfermagem/psicologia
-Relações Profissional-Paciente
Delitos Sexuais/legislação & jurisprudência
Delitos Sexuais/prevenção & controle
Delitos Sexuais/psicologia
Violência/legislação & jurisprudência
Violência/prevenção & controle
Violência/psicologia
Violência/estatística & dados numéricos
Brasil
Atitude do Pessoal de Saúde
Violência Doméstica/legislação & jurisprudência
Violência Doméstica/prevenção & controle
Violência Doméstica/psicologia
Violência Doméstica/estatística & dados numéricos
Notificação Compulsória
Pesquisa Qualitativa
Maus-Tratos ao Idoso/diagnóstico
Maus-Tratos ao Idoso/legislação & jurisprudência
Maus-Tratos ao Idoso/psicologia
Maus-Tratos ao Idoso/estatística & dados numéricos
Visita Domiciliar
Meia-Idade
Programas Nacionais de Saúde
Relações Enfermeiro-Paciente
Limites: Seres Humanos
Masculino
Feminino
Adulto
Idoso
Idoso de 80 Anos ou mais
Tipo de Publ: Estudo Multicêntrico
Responsável: BR1.1 - BIREME


  3 / 174 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Rodrigues, Rosalina Aparecida Paterzani
Texto completo
Id: biblio-976951
Autor: Santos, Ana Maria Ribeiro dos; Nolêto, Regina Dulce da Silva; Rodrigues, Rosalina Aparecida Partezani; Andrade, Elaine Maria Leite Rangel; Bonfim, Elisiane Gomes; Rodrigues, Tatyanne Silva.
Título: Economic-financial and patrimonial elder abuse: a documentary study / Violencia económica, financiera y patrimonial contra la persona mayor: estudio documental / Violência econômico-financeira e patrimonial contra o idoso: estudo documental
Fonte: Rev. Esc. Enferm. USP;53:e03417, 2019. tab, graf.
Idioma: en; pt.
Resumo: ABSTRACT Objective: To analyze economic-financial and patrimonial cases of elder abuse, recorded in the specialized police station for security and protection of the elderly of a capital city in the northeast region of Brazil. Method: A cross-sectional study was carried out with data extracted from police reports and inquiries recorded in the abovementioned police station. Descriptive and inferential statistics were carried out by means of Pearson's chi-square test or Fisher's exact test, and multivariate logistic regression. Results: The sample was made up of 555 police reports. The data showed that financial abuse presented a prevalence of 58.9%, and that older elderly people (67.9%), men (70.4%), and single (75.0%) presented a higher percentage of financial abuse compared with other types of violence, often occurring in public places, with 3.1 more chances of occurrence than at the elderly's home. Regarding aggressors, women (73.5%), without suspicion of alcohol use (66.4%), and non-family members committed more financial abuse, evidencing 2.97 more chances of practicing it. Conclusion: In the period studied, financial abuse increased in its magnitude when compared with other types of violence, a fact that justifies researching the theme in order to prevent it.

RESUMEN Objetivo: Analizar los casos de violencia económica, financiera y patrimonial contra la persona mayor registrados en la Comisaría de Seguridad y Protección al Anciano de una capital del Nordeste brasileño. Método: Estudio transversal, cuyos datos fueron extraídos de Atestados Policiales e investigaciones registrados en la mencionada Comisaría. Se llevó a cabo la estadística descriptiva e inferencial, mediante la prueba del Chi cuadrado de Pearson o la prueba exacta de Fisher y regresión logística multivariada. Resultados: La muestra estuvo constituida de 555 Atestados Policiales. Los datos revelaron que la violencia financiera presentó prevalencia del 58,9% y que el anciano mayor (67,9%), del sexo masculino (70,4%) y soltero (75,0%) presentó mayor porcentual de violencia financiera en comparación con los otros tipos, ocurriendo especialmente en sitio público, con 3,1 más probabilidades de suceso que en la residencia en la que vive el añoso. Con respecto al agresor, el sexo femenino (73,5%), sin registro de sospecha de uso de alcohol (66,4%) y no familiar cometió más violencia financiera, evidenciándose 2,97 más probabilidades de practicarla. Conclusión: En el período estudiado, la violencia financiera presentó aumento de la magnitud cuando comparada con otras violencias, hecho que justifica la investigación del tema en el sentido de su prevención.

RESUMO Objetivo: Analisar os casos de violência econômico-financeira e patrimonial contra o idoso registrados na Delegacia de Segurança e Proteção ao Idoso de uma capital do Nordeste. Método: Estudo transversal, cujos dados foram extraídos de Boletins de Ocorrência e inquéritos policiais registrados na referida Delegacia. Realizaram-se estatística descritiva e inferencial, por meio do teste do qui-quadrado de Pearson ou do teste exato de Fisher e regressão logística multivariada. Resultados: A amostra foi constituída por 555 Boletins de Ocorrência. Os dados revelaram que a violência financeira apresentou prevalência de 58,9%, e que o idoso mais velho (67,9%), do sexo masculino (70,4%) e solteiro (75,0%) apresentou maior percentual de violência financeira em comparação com os outros tipos, ocorrendo principalmente em local público, com 3,1 mais chances de ocorrência do que na residência em que o idoso vive. Em relação ao agressor, o sexo feminino (73,5%), sem registro de suspeita de uso de álcool (66,4%) e não familiar cometeu mais violência financeira, evidenciando 2,97 mais chances de praticá-la. Conclusão: No período estudado, a violência financeira apresentou aumento da magnitude quando comparada a outras violências, fato que justifica a investigação do tema no sentido de sua prevenção.
Descritores: Violência
Idoso
Maus-Tratos ao Idoso
-Violência Doméstica
Enfermagem Geriátrica
Limites: Seres Humanos
Masculino
Feminino
Meia-Idade
Idoso
Idoso de 80 Anos ou mais
Responsável: BR41.1 - Biblioteca Wanda de Aguiar Horta


  4 / 174 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: biblio-961125
Autor: Carmona-Torres, Juan Manuel; Carvalhal-Silva, Rosa María; Viera-Mendes, Maria Helena; Recio-Andrade, Beatriz; Goergen, Thomas; Rodríguez-Borrego, María Aurora.
Título: Elder abuse within the family environment in the Azores Islands / Maus-tratos no ambiente familiar contra idosos nas Ilhas dos Açores / Maltrato en el entorno familiar a las personas mayores en las Islas Azores
Fonte: Rev. latinoam. enferm. (Online);25:e2932, 2017. tab.
Idioma: en.
Resumo: ABSTRACT Objectives: to dimension abuse against vulnerable adults within the family and community environment in the Azores Islands, identify risk factors for abuse and describe the profile of an abused elder. Method: descriptive cross-sectional study. Random sampling. The instruments used were: clinical histories of the users, Mini-Mental State Examination, Index of Independence in Basic Activities of Daily Living, Family APGAR Scale, Elder Abuse Suspicion Index and Social Work Assessment Form. Descriptive statistical analysis was used for qualitative and quantitative variables and multiple logistic regression was used to identify factors associated with elder mistreatment. Results: abuse suspicion was identified in 24.5% of elderly participants. Psychological abuse was the most common type of abuse and sons were the main abusers. Conclusion: being a woman and belonging to a dysfunctional family is associated with an increased risk of becoming a victim of abuse; the high level of domestic violence against the elderly in the Azores Islands is in line with the rest of Portugal.

RESUMO Objetivos: dimensionar os maus-tratos contra as pessoas idosas vulneráveis no ambiente familiar e comunitário nas Ilhas dos Açores, identificar fatores de risco para maus-tratos e definir o perfil do idoso maltratado. Método: estudo descritivo transversal. Amostragem aleatória. Os instrumentos utilizados foram: prontuários dos usuários, Mini Exame do Estado Mental, teste de autonomia para as Atividades Básicas da Vida Diária, Escala APGAR Familiar, Índice de Suspeição de Abuso no Idoso e Formulário de Avaliação de Trabalho Social. Análise estatística descritiva foi usada para as variáveis qualitativas e quantitativas e regressão logística múltipla foi usada para identificar os fatores associados aos maus-tratos. Resultados: suspeita de maus-tratos foi identificada em 24,5% dos idosos participantes. O abuso psicológico foi o tipo de maus-tratos mais comum e os responsáveis por esses maus-tratos foram principalmente os filhos. Conclusão: ser mulher e pertencer a uma família disfuncional está associado com uma maior probabilidade de sofrer maus-tratos; o alto nível de violência doméstica contra os idosos nas Ilhas dos Açores segue o mesmo padrão do resto de Portugal.

RESUMEN Objetivos: dimensionar el maltrato a personas mayores vulnerables en el entorno familiar y comunitario de las Islas Azores, identificar factores de riesgo de maltrato y definir el perfil del anciano maltratado. Método: estudio descriptivo de corte transversal. Muestreo aleatorio. Los instrumentos utilizados fueron: historias clínicas de los usuarios, Mini-Examen Cognitivo, test de autonomía para las Actividades Básicas de la Vida Diaria, Test de APGAR Familiar, Índice de Sospecha de Maltrato hacia Personas Mayores y Formulario de Evaluación de Trabajo Social. El análisis estadístico fue descriptivo para las variables cualitativas y cuantitativas y una regresión logística múltiple para identificar los factores asociados al maltrato. Resultados: se identificó sospecha de maltrato en el 24,5% de los ancianos participantes. El maltrato psicológico fue el tipo de maltrato más común y los desencadenantes de ese maltrato fueron principalmente los hijos. Conclusión: se asocia ser mujer y pertenecer a familia disfuncional con mayor probabilidad de padecer maltrato; el alto nivel de la violencia domestica a los ancianos en las Islas Azores sigue la línea que en el resto de Portugal.
Descritores: Violência Doméstica
Maus-Tratos ao Idoso
-Açores
Limites: Seres Humanos
Masculino
Feminino
Idoso
Responsável: BR1.1 - BIREME


  5 / 174 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Souza, Edinilsa Ramos de
Texto completo
Id: biblio-1014583
Autor: Poltronieri, Bruno Costa; Souza, Edinilsa Ramos de; Ribeiro, Adalgisa Peixoto.
Título: Violência no cuidado em instituições de longa permanência para idosos no Rio de Janeiro: percepções de gestores e profissionais / Violence in long-term care facilities for the elderly in Rio de Janeiro, Brazil: perceptions of managers and professionals
Fonte: Saúde Soc;28(2):215-226, abr.-jun. 2019.
Idioma: pt.
Resumo: Resumo No Brasil, instituições de longa permanência para idosos (Ilpi) são o principal equipamento prestador de cuidados prolongados para idosos em situação de vulnerabilidade social ou fragilidade de saúde. Este estudo buscou analisar as percepções de gestores e profissionais que atuam em nove Ilpi de diferentes regiões do estado do Rio de Janeiro acerca da institucionalização, das dificuldades para realizar os cuidados preconizados e de como melhorá-los. Foi feito um estudo qualitativo, que analisou 38 entrevistas semiestruturadas: nove com gestores e 29 com profissionais. Utilizou-se a técnica de análise de conteúdo temática, buscando compreender nos relatos quais são os principais desafios para garantir um cuidado atento e digno nessas instituições. Constatou-se que a violência é um grande obstáculo, que atua na contramão do cuidado preconizado. Ela manifesta-se de diferentes modos na realidade institucional: sob a forma de negligência e abandono antes da institucionalização, mas também no interior das Ilpi; nos preconceitos contra idosos; na visão negativa da velhice; na infantilização e despersonalização daqueles que acolhem; e no contexto macropolítico, pela ausência ou não cumprimento das ações previstas nas políticas públicas de atenção ao idoso ou na falta de legislações que atendam às suas necessidades. Políticas são necessárias e precisam ser implementadas. Para isso, deverá haver mais investimento, sobretudo na capacitação dos profissionais, para que os cuidados de longa duração sejam prestados dignamente à população idosa.

Abstract In Brazil, long-term care institutions for the elderly (ILPI) are the main long-term care providers for the elderly in situations of social vulnerability or fragile health. This study sought to analyze the perceptions of care managers and professionals who work in eight ILPI in different regions of Rio de Janeiro state regarding the institutionalization, difficulties of performing recommended care and how to improve these. A qualitative study was carried out that analyzed 38 semi-structured interviews: nine with care managers and 29 with care professionals. A thematic content analysis technique was used in trying to understand in the reports what the main challenges are to guarantee attentive and dignified care in these institutions. Violence has been found to be a major obstacle, which acts contrary to the care advocated. It manifests itself in different ways within the institutional reality: in the form of neglect and abandonment before institutionalization, but also within ILPI themselves. It appears in prejudices against the elderly: in the negative view of old age, in the infantilization and depersonalization of those that receive them, in the macro-political context, and by the absence or non-fulfillment of actions foreseen in public policies of attention to the elderly or in the lack of legislation that attends to their needs. Policies are necessary and need to be implemented. To this end, there should be more investment, especially in the training of professionals, so that long-term care is provided to the elderly in a dignified manner.
Descritores: Política Pública
Violência
Vulnerabilidade Social
Maus-Tratos ao Idoso
Instituição de Longa Permanência para Idosos
Limites: Seres Humanos
Masculino
Feminino
Idoso
Idoso de 80 Anos ou mais
Responsável: BR67.1 - CIR - Biblioteca - Centro de Informação e Referência


  6 / 174 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Texto completo
Id: biblio-977758
Autor: Lopes, Emmanuel Dias de Sousa; Ferreira, Áurea Gonçalves; Pires, Carolina Gonçalves; Moraes, Márcia Cristina Souza de; D´Elboux, Maria José.
Título: Elder abuse in Brazil: an integrative review / Maus-tratos a idosos no Brasil: uma revisão integrativa
Fonte: Rev. bras. geriatr. gerontol. (Online);21(5):628-638, Sept.-Oct. 2018. tab.
Idioma: en; pt.
Resumo: Objective: the present study aimed to carry out an integrative review of literature on the scientific knowledge relating to the occurrence of elder abuse produced in Brazil between the years of 2013 to 2017. Method: a bibliographic survey was carried out through publications indexed in the Virtual Health Library (VHL) database: the Scientific Electronic Library Online (SCIELO), Latin American Literature in Health Sciences (LILACS) and the CAPES Portal of Periodicals (CAPES). The data collection instrument, created by the authors, included characteristics such as: year of publication, main journals, research design, topics covered, main areas of knowledge, sampling and study objectives. Results: 28 publications were analyzed. The main types of violence were psychological (28%), physical (28%), unspecified (16%), financial (12%), self-abandonment (8%), neglect and verbal violence (4%). The majority of the victims were female (64%), of unspecified gender (28%) and male (8%). Conclusion: the present integrative review found that the main violence suffered was psychological together with physical, with the elderly the main victims. The main place of maltreatment was in the home. The research also found that there are gaps in information about the reasons that triggered the aggressions. It is therefore necessary to investigate this subject further and carry out new studies that seek to identify these factors.

Objetivo: o presente estudo objetivou a realização de uma revisão integrativa da literatura sobre o conhecimento científico produzido no Brasil entre os anos de 2013 a 2017, enfatizando a ocorrência de maus-tratos contra idosos. Método: o levantamento bibliográfico foi realizado através de publicações indexadas na base de dados da Biblioteca Virtual de Saúde (BVS): Scientific Electronic Library Online (SCIELO), Literatura Latino-Americana em Ciências de Saúde (LILACS) e Portal de Periódicos CAPES (CAPES). O instrumento de coleta de dados, elaborado pelos autores, abrangeu características como: ano de publicação, principais periódicos, delineamento de pesquisa, temas abordados, principais áreas de conhecimento, amostragem e objetivos dos estudos. Resultados: foram analisadas 28 publicações. Os principais tipos de violência evidenciados foram: psicológica (28%), física (28%), não especificou (16%), financeira (12%), autoabandono (8%), negligência e violência verbal (4%), sendo o principal gênero da vítima do sexo feminino (64%), não especificou o gênero (28%) e do sexo masculino (8%). Conclusão: a presente revisão integrativa evidenciou que as principais violências sofridas foram à psicológica juntamente com a física, sendo as idosas as principais vítimas. O principal local de ocorrência de maus-tratos foi na própria residência. A pesquisa concluiu ainda que há lacunas de informação quanto aos motivos que desencadearam as agressões. Diante disso, faz-se necessária uma maior investigação nesse contexto e realização de novos estudos que busquem identificar esses fatores.
Descritores: Saúde do Idoso
Violência Doméstica
Maus-Tratos ao Idoso
Limites: Seres Humanos
Idoso
Idoso de 80 Anos ou mais
Responsável: BR1421.1 - Centro de Referência e Documentação sobre o Envelhecimento


  7 / 174 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: biblio-953398
Autor: Alencar Júnior, Fernando de Oliveira; Moraes, José Rodrigo de.
Título: Prevalência e fatores associados à violência contra idosos cometida por pessoas desconhecidas, Brasil, 2013 / Prevalencia y factores asociados a violencia contra ancianos cometida por personas desconocidas, Brasil, 2013 / Prevalence and factors associated with violence against elderly committed by strangers, Brazil, 2013
Fonte: Epidemiol. serv. saúde;27(2):e2017186, 2018. tab.
Idioma: pt.
Resumo: Objetivo: analisar a associação entre características sociodemográficas, comportamentais e de saúde e a prevalência de violência contra o idoso cometida por pessoa desconhecida. Métodos: estudo transversal, com dados da Pesquisa Nacional de Saúde 2013, sobre indivíduos com 60 anos ou mais de idade; utilizou-se o modelo log-linear de Poisson. Resultados: foram incluídos no estudo 11.143 idosos; a prevalência de violência por desconhecidos nos 12 meses anteriores à entrevista foi de 1,61 (IC95% 1,28;1,94); na análise multivariável, observou-se maior prevalência de violência cometida por desconhecidos entre idosos de 60 a 69 anos (RP=2,03; IC95% 1,02;4,06), com ensino superior comparativamente aos sem instrução (RP=4,00; IC95% 1,89;8,33), residentes no Centro-Oeste versus Sudeste (RP=2,00; IC95% 1,16;3,45) e em domicílios não cadastrados na Estratégia Saúde da Família (RP=1,57; IC95% 1,00;2,48). Conclusão: características sociodemográficas e macrorregião nacional de residência mostraram-se associadas à violência contra idosos cometida por pessoas desconhecidas.

Objetivo: analizar la asociación entre características sociodemográficas, comportamentales y de salud y la prevalencia de violencia contra ancianos cometida por desconocidos. Métodos: estudio transversal, con datos de la Encuesta Nacional de Salud 2013, sobre individuos con 60 años o más de edad; se utilizó el modelo log-lineal de Poisson. Resultados: se incluyeron 11.143 ancianos; la prevalencia de violencia por desconocidos en los 12 meses anteriores a la entrevista fue 1,61 (IC95% 1,28;1,94); en el análisis multivariable, se observó mayor prevalencia de violencia entre ancianos de 60 a 69 años (RP=2,03; IC95% 1,02;4,06), personas con enseñanza superior en comparación con los sin instrucción (RP=4,00; IC95% 1,89;8,33), residentes en el Centro-Oeste versus Sudeste (RP=2,00; IC95% 1,16;3,45) y en domicilios no registrados en la Estrategia Salud de la Familia (ESF) (RP=1,57; IC95% 1,00;2,48). Conclusión: las características sociodemográficas y la región de residencia se mostraron asociadas a la violencia contra los ancianos cometida por personas desconocidas.

Objective: to analyze the association between sociodemographic, behavioral and health characteristics and the prevalence of violence against the elderly committed by strangers. Methods: cross-sectional study with data from the 2013 National Health Survey on individuals aged 60 years and over; a log-linear Poisson model was used. Results: 11,143 elderly individuals were included in the study; the prevalence of violence committed by strangers in the 12 months prior to the interview was 1.61 (95%CI 1.28;1.94); in the multivariate analysis, a higher prevalence of violence committed by strangers was observed among elderly individuals aged 60-69 years (PR=2.03; 95%CI 1.02;4.06), with higher education degree compared to those without schooling (RP=4.00; 95%CI 1.89;8.33), residents of the Midwest versus Southeast (PR=2.00; 95%CI 1.16;3.45), and in households not registered in the Family Health Strategy (FHS) (PR=1.57; 95%CI 1.00;2.48). Conclusion: sociodemographic characteristics and region of residence were associated with violence against the elderly, committed by strangers.
Descritores: Envelhecimento
Maus-Tratos ao Idoso
-Modelos Lineares
Estudos Transversais
Limites: Seres Humanos
Masculino
Feminino
Idoso
Responsável: BR275.1 - Biblioteca


  8 / 174 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: biblio-991137
Autor: Amaral, Ana Karênina de Freitas Jordão do; Moreira, Maria Adelaide Silva Paredes; Coler, Maria Adriana; Alves, Maria do Socorro Costa Feitosa; Mendes, Felismina Rosa Parreira; Silva, Antonia Oliveira.
Título: Violência e maus tratos contra a pessoa idosa: representações sociais de jovens, adultos e idosos / Violence and abuse against the elderly: social representations of young people, adults and the elderly / Violencia y maltrato contra la persona mayor: representaciones sociales de jóvenes, adultos y ancianos
Fonte: Rev. enferm. UERJ;26:e31645, jan.-dez. 2018. ilus.
Idioma: pt.
Resumo: Objetivo: analisar as representações sociais sobre violência e maus tratos contra a pessoa idosa, construídas por jovens, adultos e idosos. Método estudo exploratório de abordagem qualitativa, utilizando o aporte teórico das representações sociais, realizado com 150 participantes, escolhidos aleatoriamente, no período de março/setembro de 2015. Dados foram coletados por entrevista semiestruturada utilizando estímulos indutores: violência e maus tratos contra pessoa idosa. O material empírico foi organizado em dois corpora e processados com o auxílio do software IRaMuTeQ ®. Os dados processados apontaram para o estimulo violência três classes semânticas; para maus tratos , duas classes. O projeto foi aprovado em Comitê de ética e pesquisa (protocolo 0516/14). Resultados jovens falam de tipos de violência; adultos falam sobre contravenções relacionadas; idosos associam dimensões de cunho afetivo. Conclusão espera-se que os achados contribuam para dimensionamento de ações educativas-protetivas para efetivação de políticas públicas ao idoso.

Objective: to examine social representations constructed by young people, adults and the elderly regarding violence and abuse against older people. Method this exploratory, qualitative study used social representations theory in the period from March to September 2015 with 150 randomly chosen participants. Data were collected by semi-structured interview using two stimulus-terms: violence and abuse against elderly persons. The empirical material was organized into two corpuses and processed with IRaMuTeQ® software. The processed data pointed to three semantic classes for the stimulus-term violence, and two for the stimulus-term abuse. The project was approved by the research ethics committee (Protocol 0516/14). Results younger participants mentioned types of violence; adults talked about violence-related offenses; and the elderly associated violence and abuse with dimensions of affect. Conclusion it is hoped that the findings will contribute to scaling educational and protective actions for effective application of policies for the elderly.

Objetivo analizar las representaciones sociales sobre violencia y maltrato contra la persona mayor, construidas por jóvenes, adultos y ancianos. Método estudio exploratorio de enfoque cualitativo, utilizando el aporte teórico de las representaciones sociales, realizado con 150 participantes, elegidos al azar, en el período de marzo / septiembre de 2015. Los datos fueron recolectados por entrevista semiestructurada utilizando estímulos inductores: violencia y maltrato contra el anciano. El material empírico fue organizado en dos corpus y procesado con la ayuda del software IRaMuTeQ®. Los datos procesados apuntaron hacia el estímulo violencia, tres clases semánticas; hacia maltratos, dos clases. El proyecto fue aprobado en el Comité de ética e investigación (protocolo 0516/14). Resultados jóvenes hablan sobre tipos de violencia; los adultos hablan sobre contravenciones relacionadas; los ancianos asocian dimensiones de carácter afectivo. Conclusión se espera que los hallazgos contribuyan a dimensionar acciones educativas-protectoras para volver efectivas las políticas públicas en cuanto al anciano.
Descritores: Saúde do Idoso
Maus-Tratos ao Idoso
Conflito Familiar
-Violência
Idoso/psicologia
Limites: Seres Humanos
Masculino
Feminino
Adolescente
Adulto
Meia-Idade
Idoso
Idoso de 80 Anos ou mais
Responsável: BR1366.1 - Biblioteca Biomédica B - CB/B (Odontologia e Enfermagem)


  9 / 174 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: biblio-970165
Autor: Diel, Marciane; Barbiani, Rosângela.
Título: Violência familiar contra a pessoa idosa: expressões do fenômeno e perspectivas para o seu enfrentamento / Family violence against the elderly: expressions of the phenomenon and perspectives for its confrontation
Fonte: Textos contextos (Porto Alegre);17(2):379-392, 2018.
Idioma: pt.
Resumo: Este artigo objetiva analisar as expressões da violência familiar contra a pessoa idosa e as perspectivas de seu enfrentamento, a partir de pesquisa realizada no Centro de Referência Especializado de Assistência Social (CREAS) de São Leopoldo, Rio Grande do Sul. Trata-se de estudo descritivo de abordagem quantitativa, do tipo documental, com aportes teóricos e metodológicos referenciados no paradigma dialético-crítico, sendo analisadas amostras de 65 prontuários no período de 2010 a 2014. Os resultados revelaram marcadores geracionais e de gênero significativos: as principais vítimas foram mulheres de idade avançada, viúvas, que, apesar de relativa autonomia econômica, dependiam de cuidados de saúde, a cargo de suas famílias, essas, por sua vez, as principais agressoras. Diante dessa realidade, que é social e cultural, as vias de enfrentamento no âmbito da Política de Assistência Social são complexas e nem sempre resolutivas, apesar de seus propósitos serem claros e enfáticos.

This article aims to analyze the expressions of family violence against the elderly person and the perspectives of their confrontation, based on a research carried out at the Specialized Reference Center for Social Assistance (CREAS) in São Leopoldo, Rio Grande do Sul. It is a descriptive study of quantitative approach, of documentary type, with theoretical and methodological contributions referenced in the critical-dialectic paradigm. A sample of 65 medical records was analyzed in the period from 2010 to 2014. The results revealed significant generational and gender markers: the main victims were women of advanced age, widows who, despite relative economic autonomy, were dependent on health care, in charge of their families, these, in turn, the main aggressors. Faced with this reality, which is social and cultural, the ways of coping with social assistance policy are complex and not always decisive, even though its purposes are clear and emphatic.
Descritores: Idoso
Violência Doméstica
Maus-Tratos ao Idoso
Responsável: BR1323.1 - Biblioteca Central Irmão José Otão


  10 / 174 LILACS  
              first record previous record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: biblio-1000065
Autor: Garbin, Clea Adas Saliba; Teruel, Gabriela Peres; Saliba, Tânia Adas; Garbin, Artênio José Isper.
Título: Hidden violence against the institutionalized elderly / Violência oculta contra idosos institucionalizados
Fonte: Mundo saúde (Impr.) = Mundo saude (Impr);42(1):214-229, 2018. tab, graf.
Idioma: en; pt.
Resumo: The aim of this study was to investigate the occurrence of violent actions performed by caregivers against the institutionalized elderly. This cross-sectional study, deals with an analytical, qualitative, and quantitative research carried out with the caregivers of 38 elderly residents of long-term care facilities in the cities of São Paulo State, Brazil. A questionnaire based on the Caregiver Abuse Screen (CASE) was used. Only one trained researcher performed the study, and all ethical and legal aspects were respected. The quantitative data were analyzed by Epi-Info software, version 3.5.4, and Fisher's tests and ANOVA were applied. The qualitative data were analyzed by content categorization. Among the results, all the CASE's questions showed some affirmative answers, indicating the occurrence of violence, and only 21.1% of caregivers said that they had never committed any violent act. In that sense, the main caregivers actions were "to act in a coarse way" (21%) or "to do nothing that they were able to do for the elderly" (39.5%) to help seniors, aiming to obtain control of situations regarding their aggressiveness and behavior. Additionally, a majority (87%) of the caregivers realized that violence exists in the caregivers physical, psychosocial and negligence domains regarding the institutionalized elderly, mainly in hidden forms.

O objetivo deste estudo foi investigar a ocorrência de ações violentas realizadas por cuidadores contra idosos institucionalizados. Trata-se de um estudo transversal, de pesquisa analítica, qualitativa e quantitativa realizado com os 38 cuidadores de idosos residentes em unidades de longa permanência nas cidades do Estado de São Paulo. Utilizou-se um questionário baseado no Caregiver Abuses Screen (CASE). Apenas um pesquisador treinado realizou o estudo, e todos os aspectos éticos e legais foram respeitados. Os dados quantitativos foram analisados pelo software Epi-Info, versão 3.5.4, e os testes de Fisher e ANOVA foram aplicados. Os dados qualitativos foram analisados por categorização de conteúdo. Dentre os resultados, todas as questões do CASE mostraram algumas respostas afirmativas, indicando a ocorrência de violência, e apenas 21,1% dos cuidadores disseram que nunca haviam cometido nenhum ato violento. Nesse sentido, as principais ações dos cuidadores foram "agir de forma grosseira" (21%) ou "não fazer nada que pudessem fazer pelos idosos" (39,5%) para ajudar idosos, visando obter controle De situações de agressividade e comportamento. Além disso, a maioria (87%) dos cuidadores percebeu que existe violência nos domínios físico, psicossocial e de negligência dos cuidadores em relação aos idosos institucionalizados, principalmente em formas ocultas.
Descritores: Violência
Habitação para Idosos
Cuidadores
Maus-Tratos ao Idoso
Limites: Seres Humanos
Masculino
Feminino
Idoso
Responsável: BR599.1 - Coordenação Geral de Documentação e Informação (CGDI)



página 1 de 18 ir para página                         
   


Refinar a pesquisa
  Base de dados : Formulário avançado   

    Pesquisar no campo  
1  
2
3
 
           



Search engine: iAH v2.6 powered by WWWISIS

BIREME/OPAS/OMS - Centro Latino-Americano e do Caribe de Informação em Ciências da Saúde