Base de dados : LILACS
Pesquisa : I01.198.240.856.350.750 [Categoria DeCS]
Referências encontradas : 377 [refinar]
Mostrando: 1 .. 10   no formato [Detalhado]

página 1 de 38 ir para página                         

  1 / 377 LILACS  
              next record last record
seleciona
para imprimir
Texto completo
Id: lil-667445
Autor: Centro Paraguayo de Estudios de Población.
Título: Encuesta Nacional de Demografía y Salud Sexual y Reproductiva 2004: resumen de datos sobre la violencia hacia la mujer / National Demographic and Reproductive Health 2004: summary of data on violence against women.
Fonte: Asunción; CEPEP; 2005. 30 p. graf.
Idioma: es.
Resumo: Este resumen de los datos sobre la violencia intrafamiliar de la ENDSSR presenta los hallazgos para las mujeres de Paraguay. Los resultados se dividen en tres temas principales: las experiencias de violencia durante la niñez; la violación y abuso sexual; la violencia de pareja.
Descritores: Maus-Tratos Conjugais
Maus-Tratos Infantis
Delitos Sexuais
Violência contra a Mulher
-Paraguai
Limites: Seres Humanos
Feminino
Responsável: PY57 - Centro de Información
PY57; 05.04.03, C33385e


  2 / 377 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Texto completo
Id: lil-667435
Autor: Centro Paraguayo de Estudios de Población.
Título: Nuevos aportes al estudio de la violencia contra las mujeres en Paraguay: análisis de la Encuesta Nacional de Demografía y Salud Sexual y Reproductiva 2008 / New contributions to the study of violence against women in Paraguay: analysis of the National Demographic and Reproductive Health 2008.
Fonte: Asunción; CEPEP; 2012. 80 p. tab, graf.
Idioma: es.
Resumo: El presente material, es un aporte más en el esfuerzo por contar con información actualizada y relevante, relacionada con las prinicpales características de la violencia basada en género en Paraguay.
Descritores: Maus-Tratos Conjugais
Saúde Mental
Violência Doméstica
Delitos Sexuais
Violência contra a Mulher
-Paraguai
Limites: Seres Humanos
Responsável: PY57 - Centro de Información
PY57; 05.04.03, C33385n


  3 / 377 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Id: lil-267121
Autor: Cubilla, Dilma; Rubín, Gloria.
Título: Abuso de alcohol y drogas, su relación con la violencia y maltrato en la mujer.
Fonte: Asunción; Fundación Kuña Aty; jun. 1998. 30 p. tab, graf.
Idioma: es; en.
Resumo: Investiga los antecedentes y los casos de la relación del abuso del alcohol y drogas con la violencia y maltrato a la mujer, desarrollando las caracterïsiticas de la población atendida, tipo de problemas planteados, incidencia del abuso del consumo de alcohol en la violencia, de a coinocer los servicios ofrecidos por la Fundación y presenta las conclusiones y recomendaciones
Descritores: Maus-Tratos Conjugais/diagnóstico
Maus-Tratos Conjugais/psicologia
Maus-Tratos Conjugais/reabilitação
Maus-Tratos Conjugais/estatística & dados numéricos
Mulheres Agredidas/psicologia
Mulheres Agredidas/estatística & dados numéricos
Alcoolismo/psicologia
Violência Doméstica/estatística & dados numéricos
Violência Doméstica/prevenção & controle
Violência Doméstica/psicologia
-Paraguai
Responsável: PY40.1 - Biblioteca
Py616.86


  4 / 377 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Id: lil-267120
Autor: Cubilla Moreno, Dilma.
Título: Perfil psicológico de los hijos/as de las usuarias de la Fundación Kuña Aty.
Fonte: Asunción; Fundación Kuña Aty; 1999. 46 p. tab.
Idioma: es; en.
Resumo: Investigación que da a conocer aspectos de la conducta de los/as hijos de las mujeres usuarias de los servicios que presta Kuña Aty, con el propósito de elaborar estrategias técnicas para la atención integral de los/as mismos/as, la población estudiada son niños y niñas que crecen en un ambiente de violencia doméstica o sufren algún tipo de maltrato, el registro de datos comienza desde el momento que sus madres acuden a denunciar la violencia que sufren por parte de sus parejas
Descritores: Psicologia
Maus-Tratos Conjugais/estatística & dados numéricos
Comportamento
Maus-Tratos Infantis/estatística & dados numéricos
-Paraguai
Responsável: PY40.1 - Biblioteca
Py130


  5 / 377 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Id: lil-264114
Autor: Paraguay. Comando de las Fuerzas Militares.
Título: Manual para el Instructor de Conscriptos.
Fonte: Asunción; Fondo de Población de las Naciones Unidas; feb. 1998. 147 p. ilus, tab.
Idioma: es; en.
Resumo: Destinado a los oficiales de las Fuerzas Armadas de la Nación y a los profesionales de la Sanidad Militar encargados de la instrucción de conscriptos en el área de Población y desarrollo, con énfasis en salud sexual y reproductiva
Descritores: Fenômenos Fisiológicos Reprodutivos e Urinários
Modelos Educacionais
Sexualidade
População
Reprodução
-Maus-Tratos Conjugais
Doenças Sexualmente Transmissíveis
Neoplasias dos Genitais Femininos
Neoplasias dos Genitais Masculinos
Planejamento Familiar
Síndrome de Imunodeficiência Adquirida
Violência Doméstica
Responsável: PY2.1 - Centro de Documentación
PY2.1/362.7/127


  6 / 377 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Id: biblio-1018430
Autor: Méndez Alcaráz, Patricia Mabel; Rojas Mendieta, Heremy Alexia; Sosa Vicezar, Lilian Rossana; Vera Barboza, Liz Carolina.
Título: Violencia hacia el personal de enfermería.
Fonte: Asunción; s.n; 2001. 52 p. tab, graf. (PY).
Idioma: es; en.
Tese: Apresentada a Escuela de Enfermería.UNA para obtenção do grau de Licenciado.
Símbolo: PY.
Resumo: Estudio descriptivo-prospectivo del personal de enfermería de la Cátedra de Clínica Quirúrgica del Hospital de Clínicas. Presenta las diversas formas de violencia hacia el personal de enfermería según la persepción de las mismas
Descritores: Recursos Humanos de Enfermagem no Hospital
Recursos Humanos de Enfermagem/educação
Recursos Humanos de Enfermagem/legislação & jurisprudência
Recursos Humanos de Enfermagem/normas
Recursos Humanos de Enfermagem/organização & administração
Recursos Humanos de Enfermagem/psicologia
Violência/classificação
-Maus-Tratos Conjugais
Responsável: PY1.3 - Biblioteca
10.73. 10.73; EN. EN


  7 / 377 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Id: biblio-1017831
Autor: Castillo, Marco; Melián, Mercedes; Tullo, Edgar; Galeano, Julio.
Título: Características de la violencia de pareja en el Paraguay / Characteristics of partner violence in Paraguay.
Fonte: Asunción; CEPEP; 2010. 19 p. graf.
Idioma: es.
Descritores: Delitos Sexuais
Maus-Tratos Conjugais
Violência contra a Mulher
-Paraguai
Limites: Feminino
Responsável: PY57 - Centro de Información
PY57; FE-05.04.03, C2784c. 913


  8 / 377 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Texto completo
Id: lil-782910
Autor: Mezzavilla, Raquel de Souza; Hasselmann, Maria Helena.
Título: Physical intimate partner violence and low birth weight in newborns from primary health care units of the city of Rio de Janeiro / Violência física entre parceiros íntimos e baixo peso ao nascer em recém nascidos atendidos em unidades básicas de saúde da cidade do Rio de Janeiro
Fonte: Rev. Nutr. (Online);29(3):357-366, mai.-jun. 2016. tab.
Idioma: en.
Projeto: Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; . Fundação Carlos Chagas Filho de Amparo à Pesquisa do Estado do Rio de Janeiro.
Resumo: ABSTRACT Objective To investigate the association between physical intimate partner violence and low birth weight. Methods This cross-sectional study included 604 children with approximately 30 days of age who visited four primary health care units in the city of Rio de Janeiro , Brazil, for the second dose of hepatitis B vaccine. Children with a birth weight below 2.500 g were considered underweight. Information regarding physical intimate partner violence was obtained by the Portuguese version of the Conflict Tactics Scale. The study investigated the 12 months prior to interview. Physical intimate partner violence was analyzed as a dichotomous variable and cumulatively. Associations between physical intimate partner violence and low birth weight were verified by logistic regression models based on crude and adjusted odds ratios and their respective 95% confidence intervals. Results Some (7.1%) babies were born underweight, and 33.6% of the mothers had been exposed to physical intimate partner violence. Physical intimate partner violence was significantly associated with low birth weight (OR=3.69; 95%CI=1.57-8.66). Notably, the odds of low birth weight increase with the severity of violence. Conclusion These findings draw attention to the consequences of physical intimate partner violence on the nutritional status of newborns and emphasize the need of greater attention during prenatal care to improve women's quality of life and to reduce the rate of low birth weight.

RESUMO Objetivo Investigar a associação da violência física entre parceiros íntimos e a ocorrência de baixo peso ao nascer. Métodos Estudo seccional com 604 crianças com cerca de 30 dias que compareceram a quatro unidades de saúde do município do Rio de Janeiro, Brasil, para realização da segunda dose da vacina contra hepatite B. Crianças nascidas com peso inferior a 2,500 g foram consideradas baixo peso. Informações referentes à violência física entre parceiros íntimos foram obtidas por meio da versão em português do instrumento Conflict Tactics Scale. O período de tempo investigado referiu-se aos 12 meses anteriores à entrevista. A violência física entre parceiros íntimos foi analisada de maneira dicotômica e cumulativa. As associações entre violência física entre parceiros íntimos e baixo peso ao nascer foram verificadas via modelos de regressão logística, mediante estimativas de razões de chances brutas e ajustadas e seus respectivos intervalos de 95% de confiança. Resultados Nasceram com baixo peso 7,1% das crianças e foram expostas à violência física entre parceiros íntimos 33,6% das mulheres estudadas. A violência física entre parceiros íntimos foi significativamente associada com o baixo peso ao nascer (OR=3,69; IC95%=1,57-8,66). Destaca-se que à medida que a gravidade da violência cresce, aumentam também as chances de ocorrência para o baixo peso ao nascer. Conclusão Esses achados chamam a atenção para as consequências da violência física entre parceiros íntimos no estado nutricional do recém nato, e apontam para necessidade de maior atenção durante os cuidados do pré-natal, visando à melhoria da qualidade de vida da mulher assim como à diminuição de nascimentos de baixo peso.
Descritores: Maus-Tratos Conjugais/etnologia
Recém-Nascido de Baixo Peso
Violência por Parceiro Íntimo/estatística & dados numéricos
Limites: Seres Humanos
Masculino
Feminino
Recém-Nascido
Responsável: BR13.3 - Biblioteca das Faculdades de Odontologia e Nutrição


  9 / 377 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Souza, Ivis Emília de Oliveira
Tocantins, Florence Romijn
Texto completo
Id: lil-763281
Autor: Vieira, Letícia Becker; Souza, Ivis Emília de Oliveira; Tocantins, Florence Romijn; Pina-Roche, Florentina.
Título: Support to women who denounce experiences of violence based on her social network / Apoio à mulher que denuncia o vivido da violência a partir de sua rede social / Apoyo a la mujer que denuncia lo vivido de la violencia a partir de su red social
Fonte: Rev. latinoam. enferm. (Online);23(5):865-873, Sept.-Oct. 2015. graf.
Idioma: en.
Projeto: Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico.
Resumo: Objective: to analyze the possibilities of help/support through the mapping and acknowledgement of the social network of women who denounce experiences of violence at a Police Precinct for Women.Method: qualitative study based on the theoretical-methodological framework of Lia Sanicola's Social Network, through interviews with 19 women.Results: the analysis of the network maps evidenced that the primary social network was more present than the secondary on and, despite consisting of significant relations, it demonstrates limitations. The women access the secondary network occasionally in the violence problem and/or its repercussions in their life and health. The discrete presence of the health network in the composition of the social network was revealed and, when mentioned, the relation between the health professional and the woman was characterized as fragile.Conclusion: the importance of the social network relates to the creation of spaces of help/support for the women beyond the moment of the aggression, which accompany them throughout their process of emancipation from an experience annulled by violence, considering that each woman acts and makes decisions in the relational context when she is ready for it.

Objetivo: analisar as possibilidades de ajuda/apoio mediante o mapeamento e reconhecimento da rede social de mulheres que denunciam o vivido da violência, em uma Delegacia de Polícia para a Mulher.Método: estudo qualitativo, ancorado no referencial teórico-metodológico de Rede Social de Lia Sanicola, mediante entrevista junto a 19 mulheres.Resultados: a análise dos mapas de rede evidenciou a rede social primária mais presente que a rede secundária, no entanto, mesmo constituída por relações significativas, demonstra limitações. A rede secundária é acessada pelas mulheres em momentos pontuais da problemática da violência e/ou de suas repercussões em sua vida e saúde. Revelou-se a presença discreta dos serviços de saúde na composição da rede social e, quando mencionados, a relação profissional da saúde e da mulher foi caracterizada como frágil.Conclusão: a importância da rede social reside na criação de espaços de ajuda/apoio à mulher que transcenda o momento pontual da agressão, que a acompanhe em seu processo de emancipação de um viver anulado pela violência, compreendendo que cada mulher tem seu tempo para agir e tomar decisões no contexto relacional.

Objetivo: analizar las posibilidades de ayuda/apoyo mediante el mapeo y reconocimiento de la red social de mujeres que denuncian lo vivido de la violencia, en una Estación de Policía para la Mujer.Método: estudio cualitativo, ancorado en el referencial teórico-metodológico de Red Social de Lia Sanicola, mediante entrevista junto a 19 mujeres.Resultados: el análisis de los mapas de red evidenció la red social primaria más presente que la red secundaria. Sin embargo, aunque constituida por relaciones significativas, demuestra limitaciones. La red secundaria es accedida por las mujeres en momentos puntuales de la problemática de la violencia y/o de sus repercusiones en su vida y salud. Se reveló la presencia discreta de los servicios de salud en la composición de la red social y, cuando mencionados, la relación entre profesional de la salud y mujer fue caracterizada como frágil.Conclusión: la importancia de la red social reside en la creación de espacios de ayuda/apoyo a la mujer que va más allá del momento puntual de la agresión, que le acompañe en su proceso de emancipación de un vivir anulado por la violencia, comprendiendo que cada mujer tiene su tiempo para actuar y tomar decisiones en el contexto relacional.
Descritores: Apoio Social
Maus-Tratos Conjugais/terapia
Limites: Seres Humanos
Feminino
Adolescente
Adulto
Meia-Idade
Adulto Jovem
Tipo de Publ: Research Support, Non-U.S. Gov't
Responsável: BR1.1 - BIREME


  10 / 377 LILACS  
              first record previous record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Lopes, Regina Lúcia Mendonça
Texto completo
Id: lil-400171
Autor: Diniz, Normélia Maria Freire; Lopes, Regina Lúcia Mendonça; Couto, Telmara Menezes; Gomes, Nadirlene Pereira; Alves, Sandra Lúcia Belo; Oliveira, Jane Freitas de.
Título: Violência conjugal e suas implicações na prevenção de DST/HIV / Conjugal violence and its implication in STD/HIV prevention
Fonte: Rev. enferm. UERJ;11(1):80-84, 2003. graf.
Idioma: pt.
Projeto: Universidade Federal da Bahia. Escola de Enfermagem. Departamento de Enfermagem Comunitária. Grupo de Estudos Sobre Saúde da Mulher. Violência conjugal e suas implicações para prevenção de DSTs/HIV.
Resumo: Estudo quantitativo, realizado numa maternidade pública de Salvador, em 1999. Objetivou investigar a incidência da violência conjugal sofrida por mulheres e seu conhecimento sobre medidas preventivas de DST/HIV, analisando a implicação da violência no uso de tais medidas. Para coleta de dados, utilizou-se a entrevista com formulário, sendo a amostra composta por 157 mulheres. Destas, 86 por cento referiram sofrer violência conjugal. Do total, 94,90 por cento já ouviram falar sobre DST/HIV. Conclui-se que, na violência conjugal, as relações de gênero influenciam na adesão às medidas preventivas de DST/HIV, sendo um processo social cristalizado por relações desiguais entre os gêneros, determinando a violência de gênero.
Descritores: Maus-Tratos Conjugais
HIV
Doenças Sexualmente Transmissíveis/prevenção & controle
Saúde da Mulher
-Relações Interpessoais
Responsável: BR1366.1 - Biblioteca Biomédica B - CB/B (Odontologia e Enfermagem)



página 1 de 38 ir para página                         
   


Refinar a pesquisa
  Base de dados : Formulário avançado   

    Pesquisar no campo  
1  
2
3
 
           



Search engine: iAH v2.6 powered by WWWISIS

BIREME/OPAS/OMS - Centro Latino-Americano e do Caribe de Informação em Ciências da Saúde