Base de dados : LILACS
Pesquisa : I01.240.600.650 [Categoria DeCS]
Referências encontradas : 54 [refinar]
Mostrando: 1 .. 10   no formato [Detalhado]

página 1 de 6 ir para página                

  1 / 54 LILACS  
              next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: lil-530309
Autor: Baigún, Claudio R. M; Colautti, Darío C; Grosman, Fabian.
Título: Assessment of condition in pejerrey Odontesthes bonariensis (Atheriniformes: Atherinopsidae) populations: which index works best?
Fonte: Neotrop. ichthyol;7(3):439-446, Sept. 2009. mapas, tab, graf.
Idioma: en.
Resumo: The pejerrey Odontesthes bonariensis is the most important target species in temperate freshwater fisheries of Argentina, and assessment of condition has been a regular practice and common diagnostic tool. Most pejerrey fishery studies have used Fulton's (K) index, without testing whether underlying assumptions or requirements were met. We analyzed and contrasted the applicability of K, Kn and Wr indices to assess condition status in several pejerrey populations inhabiting Pampean lakes. Our results showed that whereas Wr and Kn displayed significant condition changes across length at some study lakes, Kn portrayed a small range of variation. We also noted that pejerrey maximum length and size structure strongly varied among populations probably due to the characteristics of trophic niche changes through lifespan, depending on lake limnological characteristics and zooplankton availability. We conclude that the K index should be disregarded in those cases where populations show allometric growth and size ranges strongly vary. In turn, the Kn index appears to be only appropriate for regular within population assessment, being difficult to apply when comparisons between populations are needed and when they exhibit different weight-length relationship slopes. Finally, the Wr index should be strongly preferred if the objective is to perform comparisons between pejerrey populations, particularly when population structure is not well known, stocking has been used for population recovery, lakes are strongly supported by limnological changes, data are limited to only one or few samplings and metaphoetesis is suspected in pejerrey populations.(AU)

O peixe-rei Odontesthes bonariensis é a espécie mais importante na pesca de água doce da região temperada da Argentina, e a avaliação de sua condição corpórea tem sido uma prática normal e uma ferramenta de diagnóstico bastante utilizada. Grande parte dos estudos sobre a pesca do peixe-rei utiliza o índice de Fulton (K), sem testar se seus pressupostos são atendidos. Nós analisamos e comparamos a aplicabilidade dos índices K, Kn e Wr para a avaliação do fator de condição em várias populações de peixe-rei em lagos dos Pampas. Nossos resultados mostram que, enquanto o Wr e o Kn dependeram significativamente do comprimento corporal em alguns lagos, o Kn apresentou uma pequena amplitude de variação. Foi também notado que o comprimento máximo e a estrutura de tamanho variaram fortemente entre populações, provavelmente devido às mudanças ontogenéticas no nicho trófico, dependendo das características limnológicas e da disponibilidade de zooplâncton. Concluímos que o índice K deve ser desconsiderado nos casos em que as populações apresentam variações alométricas marcantes no crescimento e na amplitude de tamanhos. O índice Kn parece ser apropriado apenas para avaliações de uma única população, não sendo apropriado para comparações entre populações quando elas exibem diferentes inclinações na relação peso-comprimento. Finalmente, o índice Wr é recomendado se o objetivo for fazer comparações entre populações de peixe-rei, particularmente quando a estrutura populacional não é bem conhecida, a estocagem tenha sido usada para a recuperação populacional, os lagos apresentam grandes variações limnológicas, os dados se limitam a uma ou poucas amostras e suspeita-se da ocorrência de mudanças ontogenéticas na dieta.(AU)
Descritores: Controle da População
Peixes/anatomia & histologia
-Recursos Hídricos
Adipócitos
Limites: Animais
Responsável: BR68.1 - Biblioteca Virginie Buff D'Ápice


  2 / 54 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Texto completo
Id: biblio-1026311
Autor: Cataplan, Dariane, Cristina; Costa, Esther Dias da; Cunha, Graziela Ribeiro da; Pimpão, Claudia Turra.
Título: Impacto do programa de esterilização cirúrgica na população de cães e gatos do município de São José dos Pinhais ­ PR* / Impact of surgical sterilization program in the population of dogs and cats of the municipality in São José dos Pinhais ­ PR
Fonte: Rev. bras. ciênc. vet;21(4):178-182, out.-dez.2014. il..
Idioma: pt.
Resumo: O objetivo deste trabalho foi avaliar a interferência do programa de esterilização cirúrgica na taxa de natalidade de gatas e cadelas, no período de julho de 2011 a julho de 2012, no município de São José dos Pinhais/PR, com base em estimativas populacionais de cães e gatos realizadas por amostragem. Para estimar o número de cães e gatos do município, foram utilizados dados do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística e resultados de trabalhos anteriores sobre as proporções de animais : ser humano, encontradas nas estimativas populacionais realizadas nos anos de 2006 e 2011. O número de esterilizações cirúrgicas realizadas no período foi obtido junto à Secretaria Municipal de Meio Ambiente do município e os resultados analisados por meio de estatística descritiva. A população estimada foi de 58.376 e 98.000 cães e 11.675 e 18.000 gatos em 2006 e 2011, respectivamente. Foram esterilizados no período um total de 935 animais, sendo 672/935 (71,87%) cães e 263/935 (28,12%) gatos, representando 672/98.000 (0,68%) e 263/18.000 (1,46%) da população total estimada. Dentre os cães, 543/672 (80,2%) eram fêmeas e 129/672 (19,2%) machos e dos gatos, 174/263 (66,16%) eram fêmeas e 89/263 (33,84%) machos. Calcula-se que foram evitados com as esterilizações das fêmeas o total de 4.803 novos filhotes (impacto de 2,86% sob o número total de cães e 11,60% sob o número total de gatos domiciliados e semi-domiciliados estimados em 2011). Diante dos resultados, observa-se a necessidade de ações de conscientização à guarda responsável de animais e adesão ao programa de esterilização.

The objective of this study was to evaluate the interference of the program for surgical sterilization in the birth rate of cats and dogs, from July 2011 to July 2012, in São José dos Pinhais/PR, based on population estimates dogs and cats carried out at random. To estimate the number of dogs and cats in the municipality, we used data from the Brazilian Institute of Geography and Statistics and results of previous work on the proportions of animals: human, found in the population estimates made in the years 2006 and 2011 the number of surgical sterilizations performed in the period was obtained from the Municipal Secretariat of Environment of the municipality and the results analyzed using descriptive statistics. The estimated population was 58.376 and 98.000 dogs and 11.675 cats and 18.000 in 2006 and 2011, respectively. A total of 935 animals were sterilized during the period, with 672/935 (71,87%) dogs and 263/935 (28,12%) cats, representing 672/98.000 (0,68%) and 263/18.000 (1,46%) of the total estimated population. Among the dogs, 543/672 (80,2%) were females and 129/672 (19,2%) males and cats, 174/263 (66,16%) were females and 89/263 (33,84%) males. It is estimated that were prevented by the sterilization of females total 4.803 new pups (2,86% impact on the total number of dogs and 11,60% in the total number of cats and semi-resident residing estimated in 2011). Given the results, there is a need for awareness actions to responsible pet keeping and adherence to sterilization program.
Descritores: Castração
Amostragem
-Controle da População
Limites: Animais
Responsável: BR409.1 - Biblioteca


  3 / 54 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Texto completo
Id: biblio-1026111
Autor: Cataplan, Dariane, Cristina; Costa, Esther Dias da; Cunha, Graziela Ribeiro da; Pimpão, Claudia Turra.
Título: Impacto do programa de esterilização cirúrgica na população de cães e gatos do município de São José dos Pinhais ­ PR / Impact of surgical sterilization program in the population of dogs and cats of the municipality in São José dos Pinhais ­ PR Dari
Fonte: Rev. bras. ciênc. vet;21(4):178-182, out.-dez.2014. il..
Idioma: pt.
Resumo: O objetivo deste trabalho foi avaliar a interferência do programa de esterilização cirúrgica na taxa de natalidade de gatas e cadelas, no período de julho de 2011 a julho de 2012, no município de São José dos Pinhais/PR, com base em estimativas populacionais de cães e gatos realizadas por amostragem. Para estimar o número de cães e gatos do município, foram utilizados dados do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística e resultados de trabalhos anteriores sobre as proporções de animais : ser humano, encontradas nas estimativas populacionais realizadas nos anos de 2006 e 2011. O número de esterilizações cirúrgicas realizadas no período foi obtido junto à Secretaria Municipal de Meio Ambiente do município e os resultados analisados por meio de estatística descritiva. A população estimada foi de 58.376 e 98.000 cães e 11.675 e 18.000 gatos em 2006 e 2011, respectivamente. Foram esterilizados no período um total de 935 animais, sendo 672/935 (71,87%) cães e 263/935 (28,12%) gatos, representando 672/98.000 (0,68%) e 263/18.000 (1,46%) da população total estimada. Dentre os cães, 543/672 (80,2%) eram fêmeas e 129/672 (19,2%) machos e dos gatos, 174/263 (66,16%) eram fêmeas e 89/263 (33,84%) machos. Calcula-se que foram evitados com as esterilizações das fêmeas o total de 4.803 novos filhotes (impacto de 2,86% sob o número total de cães e 11,60% sob o número total de gatos domiciliados e semi-domiciliados estimados em 2011). Diante dos resultados, observa-se a necessidade de ações de conscientização à guarda responsável de animais e adesão ao programa de esterilização.

The objective of this study was to evaluate the interference of the program for surgical sterilization in the birth rate of cats and dogs, from July 2011 to July 2012, in São José dos Pinhais/PR, based on population estimates dogs and cats carried out at random. To estimate the number of dogs and cats in the municipality, we used data from the Brazilian Institute of Geography and Statistics and results of previous work on the proportions of animals: human, found in the population estimates made in the years 2006 and 2011 the number of surgical sterilizations performed in the period was obtained from the Municipal Secretariat of Environment of the municipality and the results analyzed using descriptive statistics. The estimated population was 58.376 and 98.000 dogs and 11.675 cats and 18.000 in 2006 and 2011, respectively. A total of 935 animals were sterilized during the period, with 672/935 (71,87%) dogs and 263/935 (28,12%) cats, representing 672/98.000 (0,68%) and 263/18.000 (1,46%) of the total estimated population. Among the dogs, 543/672 (80,2%) were females and 129/672 (19,2%) males and cats, 174/263 (66,16%) were females and 89/263 (33,84%) males. It is estimated that were prevented by the sterilization of females total 4.803 new pups (2,86% impact on the total number of dogs and 11,60% in the total number of cats and semi-resident residing estimated in 2011). Given the results, there is a need for awareness actions to responsible pet keeping and adherence to sterilization program.
Descritores: Castração
Amostragem
-Controle da População
Limites: Animais
Responsável: BR409.1 - Biblioteca


  4 / 54 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Texto completo
Id: biblio-1022251
Autor: Catapan, Dariane Cristina; Costa, Esther Dias da; Cunha, Graziele Ribeiro da; Pimpão, Cláudia Terra.
Título: Impacto do programa de esterilização cirúrgica na população de cães e gatos do município de São José dos Pinhais ­ PR / Impact of surgical sterilization program in the population of dogs and cats of the municipality in São José dos Pinhais ­ PR
Fonte: Rev. bras. ciênc. vet;21(4):178-182, out.-dez.2014. il..
Idioma: pt.
Resumo: O objetivo deste trabalho foi avaliar a interferência do programa de esterilização cirúrgica na taxa de natalidade de gatas e cadelas, no período de julho de 2011 a julho de 2012, no município de São José dos Pinhais/PR, com base em estimativas populacionais de cães e gatos realizadas por amostragem. Para estimar o número de cães e gatos do município, foram utilizados dados do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística e resultados de trabalhos anteriores sobre as proporções de animais : ser humano, encontradas nas estimativas populacionais realizadas nos anos de 2006 e 2011. O número de esterilizações cirúrgicas realizadas no período foi obtido junto à Secretaria Municipal de Meio Ambiente do município e os resultados analisados por meio de estatística descritiva. A população estimada foi de 58.376 e 98.000 cães e 11.675 e 18.000 gatos em 2006 e 2011, respectivamente. Foram esterilizados no período um total de 935 animais, sendo 672/935 (71,87%) cães e 263/935 (28,12%) gatos, representando 672/98.000 (0,68%) e 263/18.000 (1,46%) da população total estimada. Dentre os cães, 543/672 (80,2%) eram fêmeas e 129/672 (19,2%) machos e dos gatos, 174/263 (66,16%) eram fêmeas e 89/263 (33,84%) machos. Calcula-se que foram evitados com as esterilizações das fêmeas o total de 4.803 novos filhotes (impacto de 2,86% sob o número total de cães e 11,60% sob o número total de gatos domiciliados e semi-domiciliados estimados em 2011). Diante dos resultados, observa-se a necessidade de ações de conscientização à guarda responsável de animais e adesão ao programa de esterilização.

The objective of this study was to evaluate the interference of the program for surgical sterilization in the birth rate of cats and dogs, from July 2011 to July 2012, in São José dos Pinhais/PR, based on population estimates dogs and cats carried out at random. To estimate the number of dogs and cats in the municipality, we used data from the Brazilian Institute of Geography and Statistics and results of previous work on the proportions of animals: human, found in the population estimates made in the years 2006 and 2011 the number of surgical sterilizations performed in the period was obtained from the Municipal Secretariat of Environment of the municipality and the results analyzed using descriptive statistics. The estimated population was 58.376 and 98.000 dogs and 11.675 cats and 18.000 in 2006 and 2011, respectively. A total of 935 animals were sterilized during the period, with 672/935 (71,87%) dogs and 263/935 (28,12%) cats, representing 672/98.000 (0,68%) and 263/18.000 (1,46%) of the total estimated population. Among the dogs, 543/672 (80,2%) were females and 129/672 (19,2%) males and cats, 174/263 (66,16%) were females and 89/263 (33,84%) males. It is estimated that were prevented by the sterilization of females total 4.803 new pups (2,86% impact on the total number of dogs and 11,60% in the total number of cats and semi-resident residing estimated in 2011). Given the results, there is a need for awareness actions to responsible pet keeping and adherence to sterilization program. .
Descritores: Castração
Gatos
Esterilização
Cães
-Amostragem
Controle da População
Limites: Animais
Responsável: BR409.1 - Biblioteca


  5 / 54 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: biblio-973429
Autor: Junga Kim, Claire.
Título: The assisted reproductive technology subsidy in Korea: criticism from a perspective of reproductive responsibility / El subsidio para la tecnología de reproducción asistida en Corea: crítica desde una perspectiva de responsabilidad reproductiva / A subvenção tecnológica de reprodução assistida na Coreia: uma crítica a partir de uma perspectiva de responsabilidade reprodutiva
Fonte: Acta bioeth;24(2):245-252, Dec. 2018.
Idioma: en.
Resumo: The Korean government's new policy of subsidizing assisted reproductive technology (ART) fees to increase the birth rate reflects a lack of concern for future generations and their quality of life. It seems wrong to treat the future child as just a number that contributes to achieving the target birth rate, or as a mere means of solving a problem facing the current generation. However, when one tries to articulate the shortcomings of this new policy, one realizes that the ontological arguments surrounding this issue, namely the non-identity problem is complex. I propose the concept of reproductive responsibility as a response to the possible life. This concept presupposes a relationship between the reproductive agent and the possible new life. Since the concept draws the normative standard from that relationship, it resolves the non-identity problem and makes it possible to criticize the new policy of subsidizing ART.

La nueva política del gobierno de Corea de proporcionar subsidio para los costos de la tecnología de reproducción asistida (TRA), para incrementar el número de nacimientos, refleja falta de preocupación por las futuras generaciones y su calidad de vida. Parece equivocado tratar a un niño futuro como un número que contribuye a lograr la frecuencia de nacimientos objetivo, como un mero medio para resolver un problema que enfrenta la generación presente. Sin embargo, cuando uno trata de articular las deficiencias de esta nueva política, se da cuenta de que los argumentos ontológicos sobre el tema son complejos, principalmente el problema de falta de identidad. Propongo el concepto de "responsabilidad reproductiva" como respuesta a la posible vida. Este concepto presupone una relación entre el agente reproductivo y la posibilidad de nueva vida. Debido a que el concepto extrae su normatividad de esta relación, se resuelve el problema de falta de identidad y hace posible criticar la nueva política de proporcionar subsidio a TRA.

A nova política de governo coreano de subsidiar a tecnologia de reprodução assistida (ART) para aumentar a taxa de natalidade reflete uma falta de preocupação com a geração futura e sua qualidade de vida. Parece errado tratar a futura criança como apenas um número que contribui para atingir a meta de taxa de natalidade, ou como um mero meio de resolver um problema que enfrentam a atual geração. No entanto, quando tenta-se articular as deficiências desta nova política, percebe-se que os argumentos ontológicos em torno desta questão, ou seja o problema da não-identidade é complexo. Eu proponho o conceito de responsabilidade reprodutiva como uma resposta para a vida possível. Este conceito pressupõe uma relação entre o agente reprodutivo e a possível nova vida. Uma vez que o conceito desenha um padrão normativo desta relação, ele resolve o problema da não-identidade e torna possível criticar a nova política de subsidiar ART.
Descritores: Técnicas Reprodutivas
Políticas Públicas de Saúde
Financiamento Governamental
-Controle da População
Direitos Sexuais e Reprodutivos
República da Coreia
Limites: Seres Humanos
Responsável: CL58.1 - Biblioteca


  6 / 54 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Texto completo
Id: biblio-1000082
Autor: Catapan, Dariane Cristina; Villanova Junior, José Ademar; Weber, Saulo Henrique; Mangrich, Rita Maria Venancio; Szczypkovski, Aron Diego; Catapan, Anderson; Pimpão, Cláudia Turra.
Título: Percepção e atitudes do ser humano sobre guarda responsável, zoonoses, controle populacional e cães em vias públicas / Perception and attitudes of the sample population on responsible custody, zoonosis and stray dogs
Fonte: Rev. bras. ciênc. vet;22(2):92-98, abr.-jun.2015. il..
Idioma: pt.
Resumo: O presente trabalho teve por objetivo avaliar a percepção sobre guarda responsável, zoonoses, controle populacional de cães e gatos e a situação de cães de rua, de uma amostra de pessoas pertencentes à Pontifícia Universidade Católica do Paraná. Para isso foram enviados questionários online com 22 perguntas. Participaram dessa pesquisa 239 pessoas, a maioria do sexo feminino, com faixa etária entre 25 e 35 anos, com ensino superior completo, residentes principalmente em Curitiba/PR. Possuíam cão ou gato como animal de estimação, 57% dos respondentes, e em relação à quantidade de animais por respondente, o número médio de cães foi de 2,62 ± 1,35 e gatos de 1,56 ± 1,07. Tanto proprietários de cães como gatos, afirmaram praticar com regularidade a vacinação, administração de vermífugos e atendimento veterinário de seus animais. O acesso dos cães à rua foi realizado com coleira e guia por 50,53% dos respondentes. Em relação à zoonose, 62% afirmaram saber o que é e conseguiram citar um exemplo. Sobre a presença de animal solto no seu bairro, 78% dos respondentes afirmaram que sim, 49% observaram que há cães de rua que são mantidos por alguém e 71% afirmaram que o responsável pelo controle desses animais deve ser o governo e a sociedade. Diante das respostas obtidas, foi possível identificar que essa amostra populacional reconheceu seis tipos de zoonoses, percebeu a importância da guarda responsável de cães e gatos e afirmou que não haja um único responsável pelos cães de rua.

This study aimed to evaluate the perception of responsible custody, zoonosis, population control of cats and dogs and the situation of stray dogs in a sample of people belonging to the Pontifical Catholic University of Paraná. For this online questionnaires with 22 questions was sent. 239 people participated in this survey, the majority were female, aged between 25-35 years with complete living mainly in Curitiba / PR higher education. They had a dog or cat as a pet, 57% of respondents, and relative to the amount of animals responding by, the average number of dogs was 2.62 ± 1.35 and 1.56 ± 1.07 for cats. Both dog owners like cats, practicing regularly said vaccination administration of wormers and vet care for their animals. The access of the street dogs was held with collar and leash by 50.53% of respondents. Regarding zoonosis, 62% claimed to know what it is and managed to cite an example. About the presence of loose animals in your neighborhood, 78% of respondents said yes, 49% noted that there stray dogs that are kept by someone, and 71% stated that the responsibility for controlling these animals should be the government and society. Given the responses, we found that this sample population recognized six types of zoonosis, realized the importance of responsible dog guard and cats and stated that there is no single responsible for stray dogs.
Descritores: Controle da População
-Saúde Pública
Educação
Limites: Seres Humanos
Responsável: BR409.1 - Biblioteca


  7 / 54 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Texto completo
Id: biblio-933197
Autor: Vieira, Adriana Maria Lopes(coord); Almeida, Aparecido Batista de; Magnabosco, Cristina; Ferreira, João Carlos Pinheiro; Carvalho, Jonas Lotufo Brant de; Gomes, Luciana Hardt; Reichmann, Maria de Lourdes; Paranhos, Noemia Tucunduva; Garcia, Rita de Cássia; Pacca Luna, Stélio Loureiro; Nunes, Vania de Fátima Plaza; Cabral, Viviane Benini.
Título: Programa de controle de populações de cães e gatos do Estado de São Paulo.
Fonte: São Paulo; s.n; out. 2006. 165 p. ilus, tab, graf. (BEPA, v.3, supl.5).
Idioma: pt.
Resumo: O convívio do ser humano com cães e gatos, um fenômeno de caráter global, remonta a milênios e configura-se como um dos mais estreitos e intensos vínculos entre espécies. A intensidade dessa relação repercute de forma importante sobre a saúde das pessoas e dos animais, impactando decisivamente o meio ambiente. Históricamente, o controle das zoonoses nasce no cerne da "revolução pasteuriana", quando a vacina contra a raiva é desenvolvida - abrindo novas perspectivas para a saúde pública. O avanço constante da investigação científica e o desenvolvimento das tecnologias na área da biociência, aliados ao surgimento de novos paradigmas de saúde e bem-estar social, permitiram à humanidade implementar mecanismos mais eficientes de controle de agravos. No entanto, mesmo estes devem ser periodicamente reavaliados. Esta nova visão...
Descritores: Programas Governamentais
Controle da População
Zoonoses
-Guias como Assunto
Promoção da Saúde
Limites: Animais
Gatos
Cães
Responsável: BR91.2 - Centro de Documentação
BR91.2; WA672, V658p, 2006; BR276.2; 616.993(815.6), S239p, ex.1


  8 / 54 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Coelho, Luiz Gonzaga Vaz
Texto completo
Texto completo
Id: biblio-915391
Autor: Cota, Bianca Della Croce Vieira; Lima, Karine Sampaio; Murad, André Márcio; Xavier, Marcelo Antônio Pascoal; Cabral, Mônica Maria Demas Álvares; Coelho, Luiz Gonzaga Vaz.
Título: Expression of the c-MET, HGF and VEGF biomarkers in intestinal and diffuse gastric cancer in the Brazilian population: a pilot study for the standardization of the quantitative PCR technique
Fonte: Appl. cancer res;37:1-8, 2017. tab, ilus.
Idioma: en.
Resumo: Background: Gastric carcinoma (GC) is the third leading cause of death among malignant tumors worldwide, causing approximately 900,000 deaths/year. Changes in oncogenes that encode tyrosine kinase receptors play an important role in the pathogenesis of GC. MET gene is a proto-oncogene that encodes a tyrosine kinase receptor c-MET and it is required for embryonic development and tissue repair. The hepatocyte growth factor (HGF) is the only known ligand for c-Met receptor. The MET oncogene activation suppresses apoptosis and promotes the survival, proliferation, migration, differentiation and angiogenesis of cells. Among the angiogenic factors, VEGF is the main regulator. Its biological function includes the promotion of endothelial cells mitosis to stimulate cells proliferation. These biomarkers expression in GC is relatively recent and population-based studies are required to define the expression pattern. The aim of this study was to determine qPCR technical standardization to evaluate quantitatively, in paraffin tissue samples, the presence of gene 23 expression of the MET, HGF and VEGF in diffuse and intestinal GC types. Methods: Twenty GC patients were studied, 10 patients were intestinal-type GC (average age 72.1 years) and 10 diffuse-type (average age 50.1 years). In all patients, tissue samples were analyzed from the tumor and distant areas of the tumor tissue. The relative expressions of the tumor markers c-Met, HGF and VEGF were performed by qPCR technique by comparing tumor and non-tumoral samples and they were normalized with the GAPDH constitutive gene. Statistical analysis was performed through T-test. Results: For c-Met, 18/20 (90%) patients expressed the marker and 9/20 (45%) overexpressed this gene, in which three were intestinal-type GC and six were diffuse-type GC. For HGF, only 7/20 (35%) patients expressed this gene and it was overexpressed in 4/20 (20%), in which two were intestinal-type GC and two were diffuse-type GC. For VEGF, 20/20 (100%) patients expressed this marker and in 12/20 (60%) were observed overexpression, in which eight patients had diffuse-type GC and four had intestinal-type GC. Conclusions: qPCR technique was standardized and suitable for expression analysis of the three biomarkers using paraffin embedded tissue samples. Further studies should be carried out to characterize the expression pattern of these biomarkers in GC in the Brazilian population (AU)
Descritores:
Biomarcadores Tumorais
Parafina
Controle da População
Proteínas Proto-Oncogênicas c-met
Proto-Oncogenes
Estômago
Neoplasias Gástricas/genética
Fator A de Crescimento do Endotélio Vascular
-Reação em Cadeia da Polimerase em Tempo Real
Limites: Seres Humanos
Masculino
Feminino
Responsável: BR30.1 - Biblioteca


  9 / 54 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Texto completo
Id: biblio-912690
Autor: Rosenfield, Derek Andrew; Pizzutto, Cristiane Schilbach.
Título: Wildlife population control ­ reproductive physiology under the influence of contraceptive methods in mammalian wildlife, with emphasis on immunocontraception: the best choice? A literature review / Controle da população em animais selvagens ­ fisiologia reprodutiva sob a influência de métodos anticoncepcionais em animais mamíferos, com ênfase na imunocontracepção: a melhor escolha? Uma revisão da literatura
Fonte: Braz. J. Vet. Res. Anim. Sci. (Online);55(1):1-16, 2 abr. 2018. ilus, graf.
Idioma: en.
Resumo: Human-wildlife conflicts, a growing and sad reality worldwide, makes population control of wildlife and feral animals one of the biggest challenges in wildlife management, especially due to the rapidly expanding human population, and consequently the ever-diminishing natural habitats of animals. Human activities and the destruction of nature forcing wildlife to move inevitably into urban and agricultural areas, causing "conflicts", such as the risk of zoonosis and traffic accidents, as well as damage to crops in the search for food, whose losses reach millions of dollars. For decades, science has been engaged in extensive efforts to develop methods of "humane" population control methods, and many techniques are being employed in order to control wildlife population. In this article, we present an overview of applied contraceptive methods with simplified graphic demonstrations of their interactions with reproductive physiology, furthermore relating pro and contra of utilized antifertility agents. These are being compared to a set of desired characteristics for free-ranging wildlife for in-field applications, with emphasis on reversible immunocontraception ­ concluding, therefore, the reasons why this concept is becoming the most appropriate and promising for free-ranging wildlife.(AU)

Os conflitos Humanos-Animais Selvagens são uma realidade crescente e triste no mundo inteiro, tornando o controle populacional da fauna silvestre e animais ferais o maior desafio, principalmente diante do crescimento da população humana e, consequentemente, da diminuição dos habitats naturais dos animais. As atividades humanas e a destruição da natureza, forçam os animais de vida livre a se dirigirem para áreas urbanas e agrícolas, inevitavelmente, causando conflitos, como o risco de zoonoses, acidentes de trânsito, bem como danos às plantações, quando em busca de alimentos, cujo prejuízo chega a milhões de dólares. Durante décadas, a ciência esteve empenhada em esforços extensivos para desenvolver métodos de controle populacional "humano"; e muitas técnicas foram utilizadas, a fim de se realizar um controle populacional destes animais silvestres. Neste artigo será apresentada uma visão geral dos métodos anticoncepcionais aplicados, com demonstrações gráficas simplificadas de suas interações com a fisiologia reprodutiva, bem como relacionando os prós e os contras dos agentes antifertilidade empregados; também serão comparados com um conjunto de características desejadas para as aplicações em fauna a campo, com ênfase em imunocontracepção reversível, concluindo assim, com as razões do porque este conceito torna-se o mais apropriado e promissor para animais silvestres de vida livre.(AU)
Descritores: Animais Selvagens/fisiologia
Anticoncepção/veterinária
Controle da População/métodos
Fenômenos Reprodutivos Fisiológicos/efeitos dos fármacos
-Desequilíbrio Ecológico/prevenção & controle
Limites: Animais
Tipo de Publ: Revisão
Responsável: BR68.1 - Biblioteca Virginie Buff D'Ápice


  10 / 54 LILACS  
              first record previous record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: biblio-870418
Autor: Belo, Vinícius Silva.
Título: Dinâmica populacional de cães irrestritos: revisão sistemática da literatura e estudo de campo com capturas, marcações, esterilizações e recapturas / Population dynamics of unrestricted dogs: a systematic literature review and field study with catches, markings, sterilizations and recaptures.
Fonte: Rio de Janeiro; s.n; 2016. 103 p. ilus, map, tab.
Idioma: pt.
Tese: Apresentada a Escola Nacional de Saúde Pública Sergio Arouca para obtenção do grau de Doutor.
Resumo: O conhecimento sobre a estrutura das populações de cães errantes é essencial para o planejamento e monitoramento de diferentes estratégias de controle e de bem-estar animal. Na presente tese, por meio de uma revisão sistemática da literatura, analisamos os métodos já utilizados para se estimar a abundância de cães irrestritos e os padrões obtidos nos resultados. Vinte e seis estudos foram analisados. Sete das oito publicações que utilizaram contagens por meio de censos não consideraram as diferentes probabilidades de detecção dos animais; apenas um estudo utilizou métodos baseados em distâncias; doze executaram procedimentos de captura e recaptura com análises baseadas unicamente em modelos para populações fechadas e, em sua maioria, sem considerar heterogeneidades; e seis aplicaram métodos próprios com diferentes potencialidades e limitações. Susceptibilidades a vieses na condução dos estudos estiveram relacionados com a descrição ou execução inadequada dos procedimentos de captura ou visualização e com inadequações na identificação e registro dos cães. Assim, houve uma predominância de estimativas de abundância e de densidade de baixa validade. Os resultados estimados tiveram grande variabilidade e identificou-se um número maior de cães machos em todos os estudos. Além disso, executamos um estudo de campo que analisou a dinâmica populacional e a eficácia da esterilização de cães irrestritos no município de Divinópolis-MG. Para isto, utilizamos procedimentos de captura e recaptura, com métodos de análise baseados em populações abertas. Realizaram-se, a cada dois meses, durante 14 meses, capturas, marcações, liberações e recapturas de cães em duas regiões. Em uma destas, os animais foram também esterilizados. Estimou-se a presença de 148 fêmeas e 227 machos durante todo o período de estudo. A razão cão/homem média estimada foi de 1 cão para cada 42 e 51 seres humanos, nas áreas sem e com esterilização, respectivamente. Devido ao grande número de entradas de cães, atribuídas principalmente ao abandono, houve uma tendência de aumento do tamanho populacional em ambas as regiões. As taxas de sobrevivência foram baixas, porém, a mortalidade diminuiu com o decorrer do estudo. Houve maior entrada de machos na população, mas não se observaram diferenças na sobrevivência entre os gêneros. Nenhum dos parâmetros analisados apresentou diferença significativa entre as áreas, demonstrando que a esterilização não afetou a dinâmica populacional. Assim, foram produzidas informações relevantes e inéditas para o entendimento da dinâmica de populações caninas irrestritas e levantadas alternativas para o aprimoramento deste campo de estudos.

The understanding of the structure of stray dogs' populations is of extreme importance for the planning and monitoring of populational control strategies and animal welfare. The methods used to estimate the abundance of this group of dogs are more complex than the ones used with domiciled dogs. In this systematic review, we analyze the techniques and the results obtained in studies that seek to estimate the size of stray dogs' populations. Twenty-six studies were reviewed. Seven of the eight publications that take a simple count of the animal population did not consider the different probabilities of animal detection; only one study used methods based on distances; twelve relied on capture-recapture models for closed populations without consid-ering heterogeneities in capture probabilities; six studies applied their own methods with different potential and limitations. Potential sources of bias in the studies were related to the inad-equate description or implementation of animal capturing or viewing procedures and to inade-quacies in the identification and registration of dogs. Thus, there was a predominance of esti-mates with low validity. Abundance and density estimates carried high variability, and all studies identified a greater number of male dogs. In addition, we performed a field study analyzing the population dynamics and the effectiveness of the sterilization of unrestrained dogs in the city of Divinopolis-MG. For this, we used capture and recapture procedures with analytical methods based on open populations. The captures were performed in two regions, every two months, for 14 months. In one of these animals were also sterilized. We estimated the presence of 148 females and 227 males throughout the study period. The reason dog / human estimated an average of one dog for every 42 and 51 humans in areas with and without sterilization, respectively. Due to the large number of dogs entries, mainly attributed to the abandon, there was a trend of increase in the population size in both regions. Survival rates were low, however, mortality decreased during the study. There was a greater input of males in the population, but no difference in survival between the genders. None of the examined parameters showed a sig-nificant difference between the areas, demonstrating that sterilization did not affect population dynamics. Thus, our thesis produced relevant and unprecedented information for understanding the dynamics of unrestrained dog populations. Besides that, we raised alternatives to improve this field of study.
Descritores: Cães
Leishmaniose Visceral
Dinâmica Populacional
Raiva
Esterilização Reprodutiva
-Controle da População
Estratégias
Limites: Animais
Tipo de Publ: Estudos de Avaliação
Responsável: BR526.1 - Biblioteca de Saúde Pública
BR526.1; T616.959, B452d



página 1 de 6 ir para página                
   


Refinar a pesquisa
  Base de dados : Formulário avançado   

    Pesquisar no campo  
1  
2
3
 
           



Search engine: iAH v2.6 powered by WWWISIS

BIREME/OPAS/OMS - Centro Latino-Americano e do Caribe de Informação em Ciências da Saúde