Base de dados : LILACS
Pesquisa : I01.880.792 [Categoria DeCS]
Referências encontradas : 694 [refinar]
Mostrando: 1 .. 10   no formato [Detalhado]

página 1 de 70 ir para página                         

  1 / 694 LILACS  
              next record last record
seleciona
para imprimir
Id: biblio-1026790
Autor: Oliveira, Fátima Bayma de(org); Kasznar, Istvan Karoly(org).
Título: Saúde, previdência e assistência social: políticas públicas para fortalecimento da cidadania / Health, welfare and social assistance: public policies to strengthen citizenship.
Fonte: Rio de Janeiro; E-papers;FGV; 2015. 284 p. graf., mapa, tabs..
Idioma: pt.
Resumo: A reunião, nesta publicação, de analistas acreditados tem o objetivo de gerar uma crítica rigorosa quanto às condições do setor de saúde, explorando os diversos aspectos que o caracterizam e que dão forma aos processos de suas complexas organizações.
Descritores: Serviço Social
Participação da Comunidade
Políticas Públicas de Saúde
-Brasil
Limites: Seres Humanos
Responsável: BR1273.1 - Biblioteca de História das Ciências e da Saúde
BR1273.1


  2 / 694 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: biblio-974828
Autor: Falcão, Sérgio da Cunha; França, Inácia Sátiro Xavier de.
Título: Morbidade e mortalidade em pessoas com deficiência na previdência social do brasil / Morbilidad y mortalidad en personas con discapacidad en la previsión social de brasil / Morbidity and mortality in disabled persons of the social security in brazil
Fonte: Ciênc. cuid. saúde;15(2):242-249, Abr.-Jun. 2016. tab.
Idioma: pt.
Resumo: RESUMO Objetivou-se descrever a prevalência das doenças e coeficiente de mortalidade encontrados nas pessoas com deficiência que recebem o benefício assistencial da Lei Orgânica de Assistência Social do Brasil. Estudo descritivo, documental, com abordagem quantitativa, realizado no Sistema Único de Informações de Benefícios do Ministério da Previdência Social, envolvendo os benefícios concedidos que estavam, em outubro de 2012, ativos, suspensos, ou cessados por óbito ou outros motivos. Os dados foram obtidos utilizando-se um formulário. Entre os mais de dois milhões de pessoas com benefícios ativos, as mais frequentes doenças foram 30,2% mentais, 11,4% neurológicas e 5,6% congênitas. Nas pessoas com benefícios cessados por óbito, as doenças com maior prevalência foram: neoplasias (13,2%); doenças mentais (11,2%); doenças do aparelho circulatório (10,6%). O coeficiente de mortalidade foi de 141 óbitos por cada mil pessoas com deficiência com benefício assistencial em manutenção. As doenças mentais e as neoplasias predominam nas pessoas com benefícios ativos e cessados por óbito, respectivamente. O coeficiente de mortalidade nas pessoas com deficiência que recebem o benefício é 22 vezes maior que o da população brasileira.

RESUMEN El objetivo del estudio fue describir la prevalencia de las enfermedades y el coeficiente de mortalidad encontrados en las personas con discapacidad que reciben el beneficio asistencial de la Ley Orgánica de Asistencia Social de Brasil. Estudio descriptivo, documental, con enfoque cuantitativo, realizado en el Sistema Único de Informaciones de Beneficios del Ministerio de la Previsión Social, involucrando los beneficios concedidos que estaban, en octubre de 2012, activos, suspensos, o cesados por fallecimiento u otros motivos. Los datos fueron obtenidos utilizándose un formulario. Entre los más de dos millones de personas con beneficios activos, las enfermedades más frecuentes fueron: 30,2% mentales, 11,4% neurológicas y 5,6% congénitas. En las personas con beneficios cesados por fallecimiento, las enfermedades con mayor prevalencia fueron: neoplasias (13,2%); enfermedades mentales (11,2%); enfermedades del sistema circulatorio (10,6%). El coeficiente de mortalidad fue de 141 óbitos por cada mil personas con discapacidad con el beneficio asistencial en mantenimiento. Las enfermedades mentales y las neoplasias predominan en las personas con beneficios activos y cesados por óbito, respectivamente. El coeficiente de mortalidad en las personas con discapacidad que reciben el beneficio es 22 veces mayor que el de la población brasileña.

ABSTRACT The aim of this study is to describe the morbidity and mortality of disabled persons who receive the Benefit of Continued Provision of the Organic Law on Social Assistance of Brazil. Descriptive study documentary with a quantitative approach, performed in the Single System Benefits Information of the Ministry of Social Welfare, involving any benefits that were, in October 2012, active, suspended, or terminated by death or other reasons. The data were obtained using a form. Among the more than two million people with active benefits, the most common disorders were mental (30.2 %), neurological (11.4%) and congenital (5.6%). In people with benefits terminated by death, disease with the highest prevalence were: neoplasms (13.2%), mental disorders (11.2%), diseases of the circulatory system (10.6%). The mortality rate was 141 deaths per thousand disabled people with assistance benefit for maintenance. Mental illnesses and cancers are prevalent in people with active benefits and terminated by death, respectively. The mortality rate among people with disabilities receiving the benefit is 22 times larger than that of the Brazilian population.
Descritores: Morbidade
Mortalidade
Pessoas com Deficiência
-Previdência Social
Serviço Social
Limites: Seres Humanos
Tipo de Publ: Relatos de Casos
Responsável: BR513.1 - Biblioteca Central


  3 / 694 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: lil-778193
Autor: Cronemberger, Izabel Herika Gomes Matias; Teixeira, Solange Maria.
Título: O sistema de proteção social brasileiro, política de assistência social e a atenção à família / The Brazilian social protection system, social welfare policy and attention to family
Fonte: Pensando fam;19(2):132-147, dez. 2015.
Idioma: pt.
Resumo: A Constituição Federal de 1988 reconhece, de fato, os direitos sociais, sendo considerado o maior avanço na institucionalidade da proteção social. Mesmo assim, manteve-se a contradição básica entre proteger a família e/ou tratá-la como fonte de proteção social natural e responsável pelos seus membros. No entanto, a definição do que é família não se manteve estável ao longo da história, já que o destaque à família nuclear mostra-se relativamente atual e que, em outros momentos históricos, a educação primária não cabia necessariamente à família. Levando em conta tais aspectos, este trabalho tem como objetivo, discutir o modo como a Política de Assistência Social insere-se no sistema de proteção social brasileiro e o lugar da família no conjunto de políticas, em especial na assistência social, destacando os avanços, os limites e as contradições no modo de atenção a ela. Para tanto, realiza-se revisão de literatura, bibliográfica e normativa e apresenta alguns dos achados em resultados de pesquisa em nível de Programa de Pós Graduação Latu-Sensu. Aponta-se avanços nas normativas da Política de Assistência, no que tange à proteção à matricialidade sociofamiliar, porém acentuados recuos que podem comprometer o lócus protetivo das famílias em situação de vulnerabilidade.(AU)

The Federal Constitution of 1988 recognizes, in fact, social rights, and is considered the biggest breakthrough in institutions of social protection. Still, it remained the basic contradiction between protecting the family and / or treat it as a source of natural protection and social responsibility by its members. However, the definition of what family has not remained stable throughout history, as the emphasis on the nuclear family proves to be relatively current and in other historical moments, primary education does not necessarily fit the family. Taking into account these aspects, this paper aims to discuss how the Social Assistance Policy is part of the Brazilian social protection system and the place of the family in the set of policies, especially in social work, highlighting the advances, the limits and contradictions in the mode attention to it. For that carried out literature review, literature and normative and presents some of the findings in search results at the level of Postgraduate LatuSensu Program. Points to advances in the normative Assistance Policy, the need to protect the social and familial matricialidade, but significant decreases that can compromise the protective locus of families in vulnerable situations.(AU)
Descritores: Política Pública
Serviço Social
Família
Tipo de Publ: Revisão
Responsável: BR1.1 - BIREME


  4 / 694 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: lil-573358
Autor: Carvalho, Regimênia Maria Braga de; Vargas, Angelo.
Título: O contexto histórico das políticas públicas de lazer no Brasil / The historical context of public policy for leisure in Brazil
Fonte: Licere (Online);13(4), dez. 2010.
Idioma: pt.
Resumo: Tratar o lazer como elemento essencial para o desenvolvimento social é algo que vem sendo defendido como uma ideia que expressa a garantia de direitos. Historicamente, o lazer compôs a rotina social dos indivíduos, tanto que os registros de tais fatos remontam à Idade Antiga. Porém, ressalta-se que ao longo da história, o lazer foi analogamente tratado como ócio. Com o advento da Revolução Industrial tornou-se mais evidente a relação com a produtividade na sociedade capitalista e a necessidade de descanso e tempo livre. A partir daí, a relevância do lazer como agente minimizador de acidentes de trabalho e desgastes de natureza profissional consolidou-se nos setores de produção públicos e privados. Nesse sentido, este artigo enfatiza o marco histórico do lazer no setor de produção industrial desde o século XIX até o presente. No Brasil o fortalecimento da construção de uma política para o lazer se dá através do SESC e do SESI.

Treating leisure as an essential element for social development is something that has been seen as an idea which expresses the guarantee of human rights. Historically, leisure composed the social routine of individuals, given that records of such events remote to ancient Rome and Greece. However, it is clear that leisure was historically understood in its essence as a characterization of idleness. With the Industrial Revolution, the relationship between productivity in a capitalist society and the need for rest and leisure time became more evident. Since then, leisure was established as a relevant agent for minimizing working accidents and other professional drawbacks in public and private sectors of production. Thus, this article emphasizes the historic milestone in leisure in the segment of industrial production since the 19th century to the present. In Brazil, the strengthening of building a policy for leisure is brought up by the SESC and SESI.
Descritores: Política
Qualidade de Vida
Descanso
Serviço Social
Fatores Socioeconômicos/história
Participação da Comunidade
Cultura
Equilíbrio Trabalho-Vida
Direitos Socioeconômicos
História
Indústrias
Atividades de Lazer
Limites: Seres Humanos
Tipo de Publ: Artigo Histórico
Responsável: BR21.1 - Biblioteca J Baeta Vianna- Campus Saúde UFMG


  5 / 694 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: biblio-1025437
Autor: Seibert, Deise; Mangini, Fernanda da Rosa Nunes; Kocourek, Sheila.
Título: Alta social como dispositivo de proteção integral na saúde: contribuições do serviço social / Social high as a device of integral protection in health: contributions of the social work
Fonte: Barbarói;(53):272-290, 2019.
Idioma: pt.
Resumo: No processo de alta social, as demandas e necessidades referentes ao processo de saúde e doença são apreendidas a partir das expressões da questão social. A alta social é tomada aqui como um dispositivo de proteção e atenção integral aos usuários, na perspectiva do SUS e, também, de ampliação e consolidação da cidadania, ela está ancorada no projeto ético-político do Serviço Social. Busca-se analisar a alta social sob um viés histórico e teórico, tendo como referência o Serviço Social de um Hospital Escola, no centro do Rio Grande do Sul, no qual constatou-se que a reinternação ocorria com frequência. Mediante a realização de um projeto de intervenção que concebe a alta social como um procedimento desenvolvido pelo Serviço Social, verificou-se resistências, sobretudo pelo modelo biomédico ainda hegemônico, que desconsidera, em parte, aspectos que compõe o cotidiano dos sujeitos.(AU)

In the process of social discharge, the demands and needs regarding the process of health and illness are apprehended from the expressions of the social question. Social standing is taken here as a protection device and integral attention to users, from the perspective of SUS and, also, of enlargement and consolidation of citizenship, it is anchored in the ethical-political project of Social Service. It seeks to analyze the social discharge under a historical and theoretical bias, having as reference the Social Service of a School Hospital, in the center of Rio Grande do Sul, where it was found that re-hospitalization occurred frequently. Through the implementation of an intervention project that conceives of social discharge as a procedure developed by the Social Service, resistance was verified, above all by the still hegemonic biomedical model, which partially disregards aspects that are part of daily life of citizens.(AU)
Descritores: Alta do Paciente
Serviço Social
Participação da Comunidade
-Vulnerabilidade Social
Limites: Seres Humanos
Tipo de Publ: Revisão
Responsável: BR1314.1 - Biblioteca Central


  6 / 694 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: biblio-1002893
Autor: Lodetti, Mariá Boeira; Machado, Yasmin Sauer; Maheirie, Kátia; Müller, Flora Lorena Branco; Nascimento, Caio Cezar.
Título: Psicologia social e cras: a experiência de uma oficina de fotografia como dispositivo ressignificador de sentidos / Social psychology and cras: the experience of a photography workshop as a resigner device of senses / Psicología social y “cras”: la experiencia de una oficina de fotografía como dispositivo resignificador de sentidos
Fonte: Psicol. rev. (Belo Horizonte);23(2):589-608, maio-ago. 2017.
Idioma: pt.
Resumo: Este trabalho compartilha a experiência de uma oficina realizada com jovens, em um Centro de Referência em Assistência Social (CRAS) da cidade de Florianópolis (Brasil), durante o ano de 2013. As oficinas tiveram como foco a linguagem fotográfica, a qual pôde fazer-se mediadora dos processos de significação e ressignificação dos sujeitos em relação ao território. As oficinas envolveram a apropriação de técnicas fotográficas e a discussão de questões ligadas à relação dos participantes com o território. As informações, examinadas por meio da análise de conteúdo, foram produzidas via observações registradas em diário de campo, material publicado em redes sociais e entrevistas com os sujeitos ao fim dos encontros da oficina. Os resultados apontam que a linguagem fotográfica se coloca como mediadora na criação de espaços de reflexão acerca de si e de seu contexto, estabelecendo relações capazes de aumentar suas potências de vida e de ampliação de perspectivas de futuro.

This work shares the experience of a workshop held with young people, in a Social Assistance Reference Center (CRAS) in the city of Florianópolis (Brazil), during the year 2013. The workshops focused on the photographic language, which can mediate the processes of signification and resignification of the subjects in regard with the territory. The workshops involved the appropriation of photographic techniques and the discussion of issues related to the relation of the participants with the territory. The information, analyzed through content analysis, was produced through observations recorded in field diary, material published in social networks and interviews with the subjects at the end of the workshop meetings. The results show that the photographic language is a mediator in the creation of spaces for reflection about oneself and its context, establishing relationships capable of increasing their potencies of life and expanding future perspectives.

Este trabajo comparte la experiencia de un taller realizado con jóvenes, en un Centro de Referencia en Asistencia Social (CRAS) de la ciudad de Florianópolis (Brasil), durante el año 2013. Los talleres tuvieron como foco el lenguaje fotográfico, el cual puede actuar como mediador de los procesos de significación y resignificación de los sujetos en relación al territorio. Los talleres involucraron la apropiación de técnicas fotográficas y la discusión de cuestiones vinculadas a la relación de los participantes con el territorio. Las informaciones, estudiadas por medio del análisis de contenido, fueron producidas a través de observaciones registradas en diario de campo, material publicado en redes sociales y entrevistas con los sujetos al final de los encuentros del taller. Los resultados muestran que el lenguaje fotográfico se coloca como mediador en la creación de espacios de reflexión acerca de sí y de su contexto, estableciendo relaciones capaces de aumentar sus potencias no sólo de vida sino también de ampliación de perspectivas de futuro.
Descritores: Psicologia Social
Serviço Social
-Semântica
Fotografias
Responsável: BR370.1 - Biblioteca Central


  7 / 694 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: biblio-984881
Autor: Hall, Gabriela Girardi; Amador, Fernanda Spanier.
Título: Atividade e criação: a política de assistência social em permanente (re)construção pela análise micropolítica do trabalho / Activity and creation: the social assistance policy in permanent (re) construction by microanalysis of the work / Actividad y creación: la política de asistencia social en permanente (re) construcción por la microanálisis del trabajo
Fonte: Psicol. rev. (Belo Horizonte);23(1):500-519, jan. 2017.
Idioma: pt.
Resumo: As experiências junto ao campo da Assistência Social de Porto Alegre, durante o percurso de graduação em Psicologia, produziram inquietações, principalmente no que diz respeito aos modos de trabalhar nesse contexto. A fim de contribuir com o debate atual acerca das políticas públicas no país, neste escrito se propõe uma conversa com conceitos propostos pela Esquizoanálise e pela Ergologia, especialmente o de micropolítica e o de atividade, visando traçar um plano problemático referente à Política Nacional de Assistência Social. Com o olhar para a micropolítica do trabalho, investimos em uma análise da gestão do/no trabalho e apostamos na atividade dos trabalhadores como estratégia de criação e recriação constante de práticas coletivas que resistam à captura por modelos instituídos nos processos de trabalho

The experiences on the field of Social Assistance in Porto Alegre during the graduation in psychology, produced disquiets, mainly, with regard to the ways of working in that context. In order to contribute to the current debate about public policy in the country, is proposed in this written a dialogue between concepts proposed by Schizoanalysis and the Ergology, especially micropolitics and activity, aiming to trace a problematic plan of the Nacional Social Assistance Policy. With the focus on the micropolitics of the work, we invest in a management analysis of/at work and endue the activity of employees as a constant creation and reinvention strategy of collective practices that resist to the capture by established models in work processes

Los experimentos con el campo de la Asistencia Social de Porto Alegre, en el curso de graduación en psicología, produjeron inquietudes, sobre todo con respecto a las formas de trabajar en este contexto. Con el fin de contribuir al debate actual sobre la política pública en el país, este escrito propone una conversación con los conceptos propuestos por la Esquizoanálisis y la Ergología, especialmente la micropolítica y la actividad, dirigida a trazar un plan problemático relacionado con la Política Nacional del Asistencia Social. Con la mirada en las micropolíticas del trabajo, invertimos en una análisis de la gestión en el/del trabajo y apostamos en la actividad de los trabajadores como una estrategia de creación de y recreación constante de prácticas colectivas que resisten a ser capturadas por los modelos instituidos en los procesos de trabajo
Descritores: Serviço Social
Políticas Públicas de Saúde
Responsável: BR370.1 - Biblioteca Central


  8 / 694 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: biblio-955783
Autor: Oliveira, Nívia Lúcia de Andrade; Nascimento, Marília Noronha Costa do; Araújo, Rafaella Lopes; Paiva, Ilana Lemos de.
Título: Relato de experiência: a atuação do psicólogo no CRAS e sua contribuição para o fortalecimento dos direitos sociais / Experience report: the psychologist's performance and its contributions for the strengthening of social rights / Relato de experiencia: la actuación del psicólogo del CRAS y su contribución al fortalecimiento de los derechos sociales
Fonte: Psicol. rev. (Belo Horizonte);22(1):31-45, maio 2016.
Idioma: pt.
Resumo: Este relato tem como objetivo discutir as contribuições da Psicologia para a atuação no Centro de Referência de Assistência Social (CRAS), por meio de uma experiência de estágio curricular ancorada na perspectiva da Psicologia comunitária. Desenvolveu-se uma série de atividades: acolhimento; preenchimento de cadastro de famílias; estratégias de busca ativa: visitas domiciliares, mapeamento das redes socioassistencial e intersetorial, listagens dos beneficiários em descumprimento das condicionalidades do Programa Bolsa Família (PBF) e dos usuários do Programa de Erradicação do Trabalho Infantil (PETI); atividade socioeducativa; articulação com as redes socioassistencial e intersetorial; sistematização das informações. Assim, acredita-se que a atuação do psicólogo, por meio dessas ações, contribuiu para o fortalecimento da garantia de direitos da população atendida. Considera-se que a perspectiva teórica adotada potencializou a realização de um trabalho em consonância com as diretrizes da Política Nacional de Assistência Social (PNAS)

This report aims to discuss the contributions of Psychology to the actions in Centro de Referência de Assistência Social (CRAS) from a curricular internship experience anchored in a Community Psychology perspective. A series of activities were developed: reception; filling out registration of families; screening strategies: home visits, mapping of social assistance and inter-sectoral networks, listings of beneficiaries in non-compliance with the conditions of the Programa Bolsa Família (PBF) and of the users of the Programa de Erradicação do Trabalho Infantil (PETI); socio-educational activity; conjunction with social assistance and inter-sectoral networks; systematization of information. Thus, it is believed that the psychologist's performance, through these actions, contributed to the strengthening of the guarantee of the rights of the population. It was observed that the adopted theoretical perspective has enhanced the performance of work in accordance with the guidelines of the Política Nacional de Assistência Social (PNAS

Este relato tiene como objetivo discutir las contribuciones da la Psicología para el trabajo en el Centro de Referencia de Asistencia Social (CRAS), a través de una experiencia de prácticas curriculares, apoyada en la perspectiva de la Psicología Comunitaria. Fueron desarrolladas diversas actividades: acogida; inscripción en el registro de las familias; estrategia de búsqueda activa; visitas a domicilio; mapeo de las redes de asistencia social e intersectorial; listado de los beneficiarios en incumplimiento de la condiciones del Programa Bolsa Família (PBF) y de los usuarios del Programa de Erradicación del Trabajo Infantil (PETI); actividades socioeducativas; articulación con las redes de asistencia social e intersectorial y sistematización de informaciones. Así, se cree que la actuación del psicólogo, por medio de estas acciones, contribuyó para el fortalecimiento de la garantía de los derechos da población asistida. Se considera que la perspectiva adoptada potenció la realización de un trabajo en consonancia con las directrices de la Política Nacional de Asistencia Social (PNAS
Descritores: Psicologia
Serviço Social
-Política Pública
Responsável: BR370.1 - Biblioteca Central


  9 / 694 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: biblio-1020246
Autor: Mota, Juliana Meireles; Guedes, Marconi Martins da Costa.
Título: O projeto clínico-assistencial e de formação do Instituto Raul Soares: posição de laço com a rede / The clinical-assistance and training project at the Raul Soares Institute: a bond position with the network / El proyecto clínico-asistencial y de formación del Instituto Raúl Soares: posición de vínculo con la red
Fonte: Psicol. rev. (Belo Horizonte);24(1):371-380, jan.-abr. 2018.
Idioma: pt.
Resumo: A proposta de um projeto clínico-assistencial e de formação para o Instituto Raul Soares está assentada em uma pergunta fundamental: qual a vocação clínica desta instituição, quais são os seus princípios operadores da clínica e das suas atividades assistenciais e como podemos transmitir essa vocação clínica aos nossos trabalhadores e parceiros de trabalho da rede de atenção psicossocial? É com base nessa pergunta que desenvolvemos este texto, expondo algumas ideias sobre como tem se dado a efetivação de um projeto clínico-assistencial e de formação de uma instituição de tratamento e ensino que privilegia uma posição de laço com a rede. O nosso orientador para o projeto institucional do IRS é a palavra, e a nossa causa, o laço com o território, com a rede, com a cidade, para a vida do sujeito falante.

The proposal of a clinical-assistance and training project for the Raul Soares Institute (RSI) is based on a fundamental question: what is the clinical vocation of this institution, what are its principles, operating the clinic and its assistance activities and how we can transmit this clinic vocation to our employees and workmates within the psychosocial assistance network? It is based on this question that we have developed this work, unveiling some ideas about how the effectiveness of a clinical-assistance project and the formation of a treatment and teaching institution that privileges a position of bond with the network is being developed. Our guideline to the RSI’s institutional design is the speech, and our cause is the bond with the territory, with the network, the city, for the life of the speaking subject.

La propuesta de un proyecto clínico-asistencial y de formación para el Instituto Raul Soares está asentada en una pregunta fundamental: ¿cuál es la vocación clínica de esta institución, cuáles son sus principios operadores de la clínica y de sus actividades asistenciales y cómo podemos transmitir esta vocación clínica a nuestros trabajadores y socios de trabajo de la red de atención psicosocial? A partir de esta pregunta desarrollamos este texto, exponiendo algunas ideas sobre cómo se ha dado la efectivación de un proyecto clínico-asistencial y de formación de una institución de tratamiento y enseñanza que privilegia una posición de vínculo con la red. Nuestro orientador para el proyecto institucional del IRS es la palabra y nuestra causa el vínculo el territorio, con la red, con la ciudad, para la vida del sujeto hablante.
Descritores: Psiquiatria
Serviço Social
Assistência Centrada no Paciente
Responsável: BR370.1 - Biblioteca Central


  10 / 694 LILACS  
              first record previous record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: lil-666001
Autor: Morais, Normanda Araújo de; Koller, Silvia Helena.
Título: Um estudo com egressos de instituições para crianças em situação de rua: percepção acerca da situação atual de vida e do atendimento recebido / A study on street children who have left institutions: perceptions of current life situations and received treatment
Fonte: Estud. psicol. (Natal);17(3):405-412, set.-dez. 2012. tab.
Idioma: pt.
Resumo: Este artigo objetiva identificar a situação atual de vida de egressos de uma instituição de atendimento para crianças e adolescentes em situação de rua, a avaliação que fazem do momento atual de vida, bem como compreender a sua percepção acerca da referida instituição e do atendimento recebido. Participaram nove adolescentes do sexo masculino (18-20 anos). Utilizou-se uma entrevista semi-estruturada, a qual foi analisada a partir do procedimento de análise de conteúdo. Os resultados mostraram uma variedade de situações de vida. O momento atual de vida foi descrito como satisfatório e a instituição frequentada no passado também foi avaliada de forma positiva. Os resultados são discutidos à luz da trajetória de vinculação institucional (TVI), das modalidades de saída da rua descritas na literatura e da importância da vinculação educador - criança/adolescente. Implicações para as políticas públicas de atendimento a essa população são discutidas.

This article aims to identify the life situations of street children and adolescents after leaving care institutions; note how they evaluate their current life; and understand how they perceive the institution in which they stayed and the treatment they received there. Nine male adolescents participated (18-20 years old). A semi-structured interview script, evaluated through content analysis, was used. The results revealed a variety of life situations. The participants tended to describe their current life situation as satisfactory and they also positively evaluated the institution in which they stayed. The results are discussed in the context of Institutional Tie Trajectory (ITT); the modalities for leaving the streets as described in the literature; and the importance of the relationship between educator and child/adolescent. The implications for public policies treating this population are discussed.
Descritores: Psicologia Social
Política Pública
Criança
Jovens em Situação de Rua/psicologia
Abrigo
-Serviço Social
Brasil
Organizações
Entrevista
Pesquisa Qualitativa
Limites: Seres Humanos
Masculino
Adolescente
Adulto
Tipo de Publ: Entrevista
Responsável: BR1274.1 - Biblioteca Central Zila Mamede



página 1 de 70 ir para página                         
   


Refinar a pesquisa
  Base de dados : Formulário avançado   

    Pesquisar no campo  
1  
2
3
 
           



Search engine: iAH v2.6 powered by WWWISIS

BIREME/OPAS/OMS - Centro Latino-Americano e do Caribe de Informação em Ciências da Saúde