Base de dados : LILACS
Pesquisa : I01.880.853.996.535.550 [Categoria DeCS]
Referências encontradas : 865 [refinar]
Mostrando: 1 .. 10   no formato [Detalhado]

página 1 de 87 ir para página                         

  1 / 865 LILACS  
              next record last record
seleciona
para imprimir
Texto completo
Texto completo
Id: biblio-1104004
Autor: Blumenfeld, A; Chiarelli, J; Knopoff, E.
Título: Tuberculosis en Área Programática del Hospital General de Agudos Parmenio Piñero: 1° semestre 2017 / Tuberculosis in the Programmatic Area of the Acute General Hospital Parmenio Piñero: First half 2017.
Fonte: Buenos Aires; GCBA. Gerencia Operativa de Epidemiología; 4 ago. 2017. a) f: 16 l:22 p. graf, mapas. (Boletín Epidemiológico Semanal: Ciudad Autónoma de Buenos Aires, 2, 50).
Idioma: es.
Resumo: La tuberculosis (TBC) es una enfermedad infecciosa que compromete habitualmente el sistema respiratorio, y con menor frecuencia otros aparatos. A nivel mundial representa la segunda causa infecciosa de muerte después del HIV, y en Argentina se notificaron 429 muertes en 2015. La ciudad de Buenos Aires presenta la tercera tasa de notificación de TBC más alta del país, luego de Salta y Jujuy, y dentro de CABA las comunas con mayor incidencia de TBC son la 7 y la 8, aportando una porción significativa del territorio total del área programática del Hospital Piñero. El grupo colaborativo de tuberculosis del Hospital Piñero y su área programática es un colectivo multidisciplinario de profesionales que se desempeñan en el hospital o en centros de salud, compuesto por médicos, enfermeros, trabajadoras sociales, bioquímicos, farmacéuticos y psicólogos. El trabajo en red posibilita compartir objetivos comunes, intercambiar recursos, información y experiencias de trabajo, con la finalidad de articular el proceso de atención y cuidado de las personas con tuberculosis y sus contactos familiares e institucionales. Se analizaron casos de tuberculosis (todas las localizaciones, pulmonar, extrapulmonar o ambas), confirmada bacteriológicamente o no, que iniciaron tratamiento en el Hospital Piñero y/o CeSAC del AP, o aquellos con residencia en el AP del Hospital Piñero que fueron asistidos en otras instituciones. Las fuentes de información utilizadas fueron el SNVS (Módulo C2 para datos 2015-2016; Módulo TBC para datos 2017). Para la realización de los mapas se utilizó además datos suministrados por la Gerencia Operativa de Epidemiología, que corresponden a individuos residentes en el AP del Piñero que fueron asistidos en otras instituciones. (AU)
Descritores: Tuberculose/classificação
Tuberculose/prevenção & controle
Tuberculose/transmissão
Tuberculose/epidemiologia
Área Programática de Saúde/estatística & dados numéricos
Centros de Saúde
Áreas de Pobreza
Estudos Epidemiológicos
Notificação de Doenças
Hospitais Municipais/estatística & dados numéricos
Limites: Humanos
Masculino
Feminino
Lactente
Pré-Escolar
Criança
Adolescente
Adulto
Pessoa de Meia-Idade
Tipo de Publ: Relatório Técnico
Responsável: AR494.1 - Centro de Documentación en Salud
AR494.1; CEDOS


  2 / 865 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: biblio-947727
Autor: Laura, Eduardo; González, Mariana; Vacchino, Marta; Lioncavallo, Pamela; Panis, Karina; Paz, Marcos; Dosso, Nicolás.
Título: Estudio de riesgos de cáncer en barrios de la ciudad de Bahía Blanca entre 1989 al 2002 / Cancer risk analysis in several neighborhoods in Bahía Blanca city in the period 1989-2002
Fonte: Rev. Asoc. Med. Bahía Blanca;20(2):38-46, abril-junio 2010.
Idioma: es.
Resumo: El objetivo de esta investigación fue determinar si la incidencia de cáncer ocurrida en las áreas cercanas al Polo Petroquímico fue mayor a la observada en el resto de la ciudad de Bahía Blanca. En mayo de 2005, debido a temores expresados por los vecinos de dichas áreas, nuestro Registro de Tumores fue convocado para llevar a cabo un estudio que aportara información calificada respecto a esta posible situación. Se calcularon y compararon las Tasas de Incidencia (razón entre el número de casos nuevos de cáncer y la población total por 100.000) en los períodos 1989-1992; 1993-1997; 1998-2002, utilizando métodos de ajuste directo e indirecto. No se encontraron diferencias estadísticamente significativas en la ocurrencia de tumores entre los barrios presumiblemente afectados y el resto de la ciudad, cuando se utilizaron técnicas directas. Utilizando técnicas de comparación indirectas se observó que el cáncer de pulmón en varones fue significativamente mayor en Ingeniero White. Esta situación podría estar vinculada con un mayor consumo de tabaco.

The aim of this research work was to determine whether the incidence of cancer in the areas close to the Petrochemical Complex was higher compared with that observed in the rest of Bahía Blanca city. Therefore, due to the fears expressed by the residents of that area, in May 2005 the Tumor Record office was asked to carry out a study in order to supply qualified information on this possible situation. Incidence rates were calculated and compared (ratio between the number of new cancer cases and total population by 100,000) for the periods 1989-1992; 1993-1997; 1998-2002 using direct and indirect adjustment methods. No statistically significant differences were found in tumor occurrence in the allegedly affected neighborhoods and the rest of the city when direct techniques were used. When using indirect comparison techniques, it was observed that lung cancer was significantly higher in males living near the Petrochemical Complex (at Ingeniero White town) Such situation could be related to smoking habits in male population.
Descritores: Impactos na Saúde
Neoplasias
-Áreas de Pobreza
Comportamentos de Risco à Saúde
Localizações Geográficas
Limites: Humanos
Tipo de Publ: Relatos de Casos
Responsável: AR393.1 - Centro de Información y Documentación Dr H. Urquiola


  3 / 865 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Id: lil-540445
Autor: Pinotti, Jose Aristodemo; Sebbe, Emilio(coord); Dellatorre, Maria Cecilia Cordeiro(coord); Sato, Augusta; Chiarella, Filomena; Morais Filho, Mozart; Santos, Otilia Dora S. dos.
Título: Projeto Favela / Poverty areas Project.
Fonte: São Paulo; s.n; jan. 1989. [26] p. ilus, tab, mapas.
Idioma: pt.
Resumo: "O desenvolvimento econômico brasileiro, ao longo de sua história, levou à intensa urbanização do país, porém uma urbanização desordenada em que massas de migrantes se fixaram na periferia das grandes cidades, em locais sem infra-estrutura social. Hoje, várias áreas do município de São Paulo apresentam altos índices de crescimento demográfico sem o correspondente acompanhamento de benefícios urbanos em saneamento básico, lazer, educação e assistência médica (foto 1 e 2). O resgate da dívida social acumulada é um desafio para a administração pública do país"
Descritores: Perfis Sanitários
Promoção da Saúde
Serviços de Saúde da Criança
Áreas de Pobreza
Responsável: BR91.2 - Centro de Documentação
BR91.2; WA300, P657p


  4 / 865 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Id: lil-519550
Autor: São Paulo (Estado). Secretaria da Saúde. Assessoria Especial de Atenção à Saúde Comunitária.
Título: Projeto favela / Poverty areas project.
Fonte: São Paulo; s.n; set. 1992. 23 p. tab.
Idioma: pt.
Projeto: São Paulo(Estado). Secretaria da Saúde. Projeto Favela.
Descritores: Assistência à Saúde
Perfis Sanitários
Serviços de Saúde da Criança
Áreas de Pobreza
-Promoção da Saúde
Responsável: BR91.2 - Centro de Documentação
BR91.2; WA300, S239pr, 1992


  5 / 865 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Id: lil-458446
Autor: Sato, Augusta(coord); Suetugo, Mauro Hatsuo(coord); Oliveira, Carline Rabelo de(coord); Brito, Edjane M. Torreão(coord); Silva, Lucia Helena da(coord); Nagashima, Maria Regina(coord).
Título: Avaliação do projeto favela: projeto 6 / Slum valuation project: project 6.
Fonte: São Paulo; s.n; mar. 1991. 60 p. ilus, tab, graf.
Idioma: pt.
Resumo: O desenvolvimento econômico brasileiro, ao longo de sua história, levou à intensa urbanização do país, porém uma urbanização desordenada em que massas de migrantes se fixaram na periferia das grandes cidades, cem locais sem infra-estrutura social. Hoje, várias áreas do município de São Paulo apresemtam latos índices de crescimento demogra´fico sem o correspondente acompanhamento de benefícios urbanos em saneamento básico, lazer, educação e assistência médica. Conforme o Censo das Favelas do Município de São Paulo - 1987 - Secretaria de Habitação do Município de São Paulo: "Favelas seriam um conjunto de unidades domiciliares construídas de madeira, zinco, lata, papelão ou mesmo alvenaria, em geral distribuidas desorganizadamente em terrenos cuja propriedade individuaal do lote não é legalizada para aqueles que os ocupam...
Descritores: AVALIACAO
Levantamentos Sanitários
Perfis Sanitários
Planejamento Sanitário
Saneamento Básico
Serviços de Saúde
Urbanização
Áreas de Pobreza
Responsável: BR91.2 - Centro de Documentação
BR91.2; WA300, S253a, 1991


  6 / 865 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Id: lil-458445
Autor: Haddad, Ricardo.
Título: Projeto Favela: fase II: conjuntos sanitários / Slum project: phase II: surveillance groupes.
Fonte: São Paulo; s.n; jul. 1991. [10] p. ilus.
Idioma: pt.
Resumo: Dando continuidade ao Projeto Favela (plano de melhoria das condições de vida nas favelas), onde já foram implantados os CADIs - Centro de Acompanhamento e Desenvolvimento Infantil - daremos início à segunda fase: a implantação dos Conjuntos Sanitários. As áreas faveladas se concentram na maioria das vezes em locais de topografia acidentada, onde ocorre o acúmulo de grandes quantidades de matéria orgânica devido ao lixo ali depositado ao longo dos anos. Esses fatores, aliados à ocupação desordenada e espontânea do solo, dificultam o acesso de veículos e máquinas, impedindo a implantação dos serviços de saneamento básico. A insalubridade consequente dos esgotos lançados a céu aberto, correndo lado a lado com a água utilizada para consumo e higiene, deixa um grande saldo de contaminações e doenças. Nossa proposta é a implantação de Conjuntos Sanitários em pontos estratégicos em que haverá um trabalho conjunto com as companhias concessionárias de saneamento (SABESP, etc), a fim de eliminar os fatos acima descritos. Paulatinamente serão desativados os coletores de esgotos a céu aberto, substituindo-os pelos coletores sanitários públicos, concomitante à substituição dos poços.
Descritores: Acessibilidade Arquitetônica
Levantamentos Sanitários
Perfis Sanitários
Planos e Programas de Saúde
Serviços de Saúde da Criança
Áreas de Pobreza
-Saúde Pública
Responsável: BR91.2 - Centro de Documentação
BR91.2; WA300, H126p, 1991


  7 / 865 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Id: lil-332868
Autor: Fernandes, Denise Aparecida; Sales, Zálcia Ulises.
Título: Laserterapia ilegal aplicada em faveleiros / Ilegal laserterapic apllyed at slums
Fonte: In: Marques, Maria Cristina; Diniz, Elizeu; Carvalho, Marisa Lima; Pereira, Sheila Duarte. Casos e fatos da vigilância sanitária sobre a saúde da sociedade. Säo Paulo, SOBRAVIME, 2002. p.393-401.
Idioma: pt.
Descritores: Áreas de Pobreza
Fiscalização e Controle de Instalações
Legislação como Assunto
-Vigilância Sanitária
Responsável: BR91.2 - Centro de Documentação
BR91.2; WA672, M357c, 2002


  8 / 865 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Id: lil-117205
Autor: Vargas, Eliane Portes, coord; Romeiro, Elizabeth de Andrade, coord.
Título: Práticas de educaçäo em saúde: programa de assistência integral à saúde da mulher / Education practices in health: programe of integral care to health woman.
Fonte: s.l; ENSP; 1992. 201 p. ilus, tab. (Panorama ENSP, 3).
Idioma: pt.
Descritores: Educação em Saúde
Serviços de Saúde da Mulher
-Brasil
Áreas de Pobreza
Educação Sexual
Responsável: BR526.1 - Biblioteca de Saúde Pública
BR526.1/614.07*E74p


  9 / 865 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: lil-291210
Autor: Ianni, Aurea Maria Zöllner.
Título: Saúde e meio ambiente na periferia da metrópole / Environment and health in the outskirts of the metropolis. São Paulo, Brazil
Fonte: Saúde Soc;9(1/2):97-109, jan.-dez. 2000.
Idioma: pt.
Resumo: A pesquisa capta as percepções que os setores populares da Capela do Socorro têm sobre saúde e meio ambiente, através de entrevistas abertas com roteiro semi-estruturado. Os moradores da periferia da cidade produzem e reproduzem conhecimentos e práticas sociais prórpias como recurso de preservação da vida, resultando na produção social do ambiente e da saúde. A condição de escassez faz com que os moradores criem estratégias próprias de conservação e preservação da vida, e o trabalho emerge como a ferramenta dessa produção social é a categoria trabalho que une ambiente e saúde para os setores populares da periferia da metrópole
Descritores: Meio Ambiente
Cidade Saudável
Saúde
-Trabalho
Conhecimentos, Atitudes e Prática em Saúde
Entrevistas como Assunto
Ecologia Humana
Áreas de Pobreza
Nível de Saúde
Condições Sociais
População Suburbana
Responsável: BR67.1 - CIR - Biblioteca - Centro de Informação e Referência


  10 / 865 LILACS  
              first record previous record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Adorno, Rubens de Camargo Ferreira
Texto completo
Id: lil-710453
Autor: Malvasi, Paulo Artur; Adorno, Rubens de Camargo Ferreira.
Título: A vulnerabilidade e a mente: conflitos simbólicos entre o diagnóstico institucional e a perspectiva de jovens em cumprimento de medida socioeducativa / Vulnerability and the mind: symbolic conflicts between institutional diagnosis and the perspective of young people serving social-educational measures
Fonte: Saúde Soc;23(1):30-41, Jan-Mar/2014.
Idioma: pt.
Projeto: Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior.
Resumo: Nas últimas duas décadas a utilização do termo vulnerabilidade foi expandida para diferentes campos de conhecimento e de intervenção. Neste artigo analisamos o uso da noção de vulnerabilidade no âmbito do sistema socioeducativo como um componente das relações de poder entre instituições de execução de medidas socioeducativas e jovens atendidos. Baseado em pesquisa etnográfica realizada na Região Metropolitana de São Paulo em 2009, 2010 e 2011, com a participação de 14 adolescentes em cumprimento de medidas socioeducativas, o texto analisa o conflito entre o relatório psicológico de um jovem e sua própria interpretação ao falar sobre os mesmos aspectos de sua vida. Discute também como o jovem, intrincado diferentemente por códigos distintos, enseja em sua própria existência conflitos simbólicos que têm escapado às práticas do sistema socioeducativo. O encontro da ideia de vulnerabilidade no relatório psicológico com a perspectiva da mente como atributo de um jovem configura-se um campo de disputas simbólicas entre visões da capacidade de autorregulação do indivíduo...

Over the last two decades, the use of the term vulnerability has been expanded to several knowledge and intervention fields. This article examines the use of the idea of vulnerability in the socio-educational system as a component of power relations between institutions performing educational measures and adolescents. Based on ethnographic research conducted in the metropolitan area of São Paulo in 2009, 2010 and 2011, with the participation of fourteen teenagers serving social-educational measures, the paper analyzes the conflict between the psychological report of a young man and his own interpretation when talking about the same aspects of his life. The article discusses how the adolescent, who is differently intricated by distinct codes, experiences a reality shock which has escaped socio-educational system practices in their own existence. The meeting of the idea of vulnerability in the psychological report with the perspective of the mind as an attribute of a young man, creates a field of symbolic disputes between visions of the individual's capacity for self-regulation...
Descritores: Adolescente
Antropologia Cultural
Apoio Social
Comportamento Social
Violência
Vulnerabilidade Social
Áreas de Pobreza
Limites: Humanos
Masculino
Feminino
Adolescente
Responsável: BR67.1 - CIR - Biblioteca - Centro de Informação e Referência



página 1 de 87 ir para página                         
   


Refinar a pesquisa
  Base de dados : Formulário avançado   

    Pesquisar no campo  
1  
2
3
 
           



Search engine: iAH v2.6 powered by WWWISIS

BIREME/OPAS/OMS - Centro Latino-Americano e do Caribe de Informação em Ciências da Saúde