Base de dados : LILACS
Pesquisa : I02.233.332 [Categoria DeCS]
Referências encontradas : 7403 [refinar]
Mostrando: 1 .. 10   no formato [Detalhado]

página 1 de 741 ir para página                         

  1 / 7403 LILACS  
              next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Marcon, Sônia Silva
Texto completo
Id: lil-450742
Autor: Pedro, Karina Santo; Marcon, Sonia Silva.
Título: Perfil e vivência dos cuidadores informais de doentes crônicos assistidos pelo NEPAAF - Núcleo de estudos, pesquisa, assistência e apoio à família / Profile and life experience of informal caretakers of patients with chronic disease. An exploratory study
Fonte: Online braz. j. nurs. (Online);6(0), jan. 2007. ilus.
Idioma: pt.
Resumo: Estudo descritivo-exploratório, de natureza qualiquantitativa realizado junto a famílias de pacientes crônicos assistidos em um projeto de assistência domiciliar. Foi desenvolvido com o objetivo de caracterizar o cuidador destes pacientes, conhecer a opinião destes sobre o significado do cuidado, suas expectativas e conhecimentos sobre a doença. Os resultados revelam que todos os cuidadores são do sexo feminino, não possuem vínculo empregatício, que eles se sentem hábeis no processo de cuidar e que os tipos de cuidado mais freqüentemente desenvolvidos são para manutenção da vida e recuperação da saúde. Para essas pessoas, cuidado significa amor, ajuda, paciência, renúncia, retribuição e obrigação (filial e conjugal). Assumir o papel de cuidador faz as pessoas se sentirem felizes, satisfeitas, úteis e privilegiadas por Deus; porém algumas se sentem tristes por falta de reconhecimento e revoltadas pela situação imposta pela doença. As maiores dificuldades relatadas são relativas às condições financeiras, sobrecarga física e teimosia do doente.

This is an exploratory descriptive study of quali-quantitative nature accomplished with families of chronic patients attended in a project of home assistance, developed with the objective of characterizing their caretakers, to know their opinion on the meaning of caretaking, their expectations, and knowledge on the disease. The results reveal that all of the caretakers are female who do not possess contract of employment, that they are skilled in the caretaking process, and that the types of care more frequently developed are of life maintenance and recovery of health. For them, care means love, assistance, patience, renouncement, retribution and obligation (filial and matrimonial). Taking over the caretaker's role makes people feel happy, satisfied, useful and privileged by God. However, some of them feel sad for the lack of recognition, and with some resentment due to the situation imposed by the disease. The greatest difficulties are regarding financial conditions, physical overload and obstinacy of the patient.
Descritores: Cuidadores
Pacientes Domiciliares
Assistência Domiciliar
Educação em Saúde
-Família
Cuidadores
Limites: Humanos
Feminino
Adulto
Pessoa de Meia-Idade
Tipo de Publ: Estudo Comparativo
Responsável: BR1342.1 - Biblioteca da Escola de Enfermagem BENF


  2 / 7403 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Texto completo
Id: lil-769050
Autor: Mahecha Angulo, Myriam; Vásquez Mendoza, Evelyn María; Leonilde Galindo, Magda.
Título: Educación en salud y seguridad para los comités paritarios de seguridad y salud en el trabajo / Health and safety education for joint occupational health and safety committees
Fonte: Av. enferm;33(3):343-351, set.-dic. 2015.
Idioma: es.
Resumo: Objetivo: Construir una propuesta para desarrollar el proceso educativo en salud y seguridad dirigida a los Comités Paritarios de Seguridad y Salud en el Trabajo (COPASST). Metodología: Estudio cualitativo, descriptivo, en el que se aplicó una entrevista en profundidad a 32 COPASST activos. Cada entrevista se transcribió e interpretó a partir de la verificación con los participantes, la búsqueda de enunciados significativos, la organización en grupos de temas, la descripción en forma exhaustiva y la validación con los participantes. La información se ubicó en las categorías planeación, organización, desarrollo, evaluación y retroalimentación, obteniéndose las siguientes categorías emergentes: responsables de la gestión de los procesos; planeación, sitio y frecuencia de las sesiones educativas; temas tratados; modalidad de las sesiones; participación/desarrollo de las sesiones; comprensión de los temas; aplicabilidad a la cotidianidad y al entorno laboral, aplicabilidad para la vida personal/laboral y para la organización. Resultados: A partir de las categorías emergentes y de acuerdo al marco conceptual sobre educación en salud de adultos y en salud y seguridad para los trabajadores, se construyó una propuesta metodológica participativa para el desarrollo de los procesos educativos con los COPASST. Conclusiones: De acuerdo con lo manifestado por los integrantes de los COPASST, los procesos educativos en salud y seguridad, tal como se desarrollan en la actualidad, no les permiten alcanzar las competencias necesarias para cumplir sus funciones, por lo que carecen de importancia.

Objetivo: Criar uma proposta para desenvolver o processo educativo em comités paritários de saúde e segurança destinados à segurança e saúde no trabalho (COPASST). Metodologia: Estudo qualitativo, descritivo, em que a informação foi obtida através da aplicação da entrevista em profundidade a 32 COPASST ativos. Cada entrevista foi transcrita e interpretada a partir da verificação com os participantes, a busca de afirmações significativas, a organização em grupos de temas, a descrição exaustiva e validação com os participantes. A informação foi localizada nas categorias planejamento, organização, desenvolvimento, avaliação e feedback, produzindo as seguintes categorias emergentes: gerentes de processos; planejamento, local e frequência de realização das sessões educativas; tópicos; modalidade das sessões; participação/desenvolvimento das sessões; compreensão das questões; aplicabilidade à vida diária e ambiente de trabalho; aplicabilidade para a vida pessoal/profissional e para a organização. Resultados: A partir das categorias emergentes e de acordo com o quadro conceptual de educação em saúde do adulto e saúde e segurança para os trabalhadores, uma metodologia participativa para o desenvolvimento de processos educativos com COPASST foi construída. Conclusões: De acordo com a declaração dos membros dos COPASST, os processos educativos em saúde e segurança, tal como desenvolvida no presente, excluí-los de alcançar as competências necessária para desempenhar as suas funções, por tanto são irrelevantes.

Objective: To build a proposal to develop the educational process in health and safety joint committees aimed at safety and health at work (COPASST). Methodology: Qualitative, descriptive study in which an in-depth interview to 32 COPASST assets was made. Each interview was transcribed and interpreted by applying check with participants, finding meaningful statements, organizing groups of subjects, exhaustive description and validation with participants. The information was placed in the categories planning, organization, development, evaluation and feedback, emerging the following categories: responsible for processes management; planning, place and frequency of educational sessions; topics; format of sessions; involving/development of sessions; understanding of the issues; applicability to daily life and work environment; applicability to personal/professional life and to the organization. Results: From emerging categories and according to the conceptual framework on adult health education and health and safety for workers, a participatory methodology for the development of educational processes with COPASST was built. Conclusions: According to the statement by the members of the COPASST, educational processes in health and safety, as they are developed at present, preclude them from achieving necessary competences to perform its functions, thus they are irrelevant.
Descritores: Grupo Associado
Segurança
Trabalho
Saúde do Adulto
Educação em Saúde
Saúde do Trabalhador
-Ambiente de Trabalho
Limites: Humanos
Tipo de Publ: Estudo Observacional
Responsável: CO136.1 - Biblioteca


  3 / 7403 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Texto completo
Id: lil-791098
Autor: Mathioni Mertins, Simone; Bernat Kolankiewicz, Adriane Cristina; Schmidt Piovesan Rosanelli, Cleci de Lourdes; Loro, Marli Maria; Poli, Gilmar; Winkelmann, Eliane Roseli; Minello Pannebecker, Jeferson.
Título: Prevalência de fatores de risco em pacientes com infarto agudo do miocárdio / Prevalence of risk factors in patients with acute myocardial infarction
Fonte: Av. enferm;34(1):30-38, ene.-abr. 2016. tab.
Idioma: pt.
Resumo: Objetivo: Identificar a prevalência de fatores de risco em pacientes com infarto agudo do miocárdio, internados em uma Unidade de Terapia Intensiva Coronariana de um hospital da região noroeste do estado do Rio Grande do Sul Brasil. Metodologia: Estudo quantitativo, descritivo e transversal, realizado no período compreendido entre 25 de abril a 25 de junho de 2012 com 48 pacientes. As variáveis de interesse para este estudo foram as condições sociodemográficas, dados antropométricos, hábitos alimentares e fatores de risco cardiovascular. Resultados: A idade média foi de 59,9 ± 11,55 anos, com predominância do sexo masculino (81,3%), de cor branca (83,3%), casados (70,8%), ensino fundamental incompleto (72,9%), aposentados (37,5%), renda menor que três salários mínimos (58,3%) e procedentes da região urbana (72,9%). A prevalência dos fatores de risco se distribuiu da seguinte forma: sedentarismo (91,7%), hipertensão arterial sistêmica (63,8%), estresse (50%), circunferência abdominal alterada (50%), história familiar (43,7%), tabagismo (41,7%), sobrepeso (35,5%), obesidade (33,4%), dislipidemia (23%), diabetes mellitus (20,8%) e consumo de álcool (12,5%). Conclusões: Os dados apresentados mostram a elevada prevalência de fatores de risco em pacientes que tiveram infarto agudo do miocárdio e nos direcionam a entender o papel da educação em saúde como estratégia para reduzir as causas de morbimortalidade, além de propor ações de cuidado e autocuidado e mudanças nos hábitos de vida.

Objetivo: Identificar la prevalencia de factores de riesgo en pacientes con infarto agudo de miocardio, ingresados en una Unidad Coronaria de Cuidados Intensivos de un hospital de la región noroeste del estado de Rio Grande do Sul/Brasil. Metodología: Estudio cuantitativo, descriptivo y transversal, realizado durante el período comprendido entre el 25 de abril y el 25 de junio de 2012 con 48 pacientes. Las variables de interés para este estudio fueron las condiciones sociodemográficas, datos antropométricos, hábitos dietéticos y factores de riesgo cardiovascular. Resultados: La edad media fue de 59,9 ± 11,55 años, con predominio del sexo masculino (81,3%), color blanco (83,3%), casados (70,8%), enseñanza básica incompleta (72,9%), jubilados (37,5%), con ingresos de menos de tres salarios mínimos (58,3%) y procedentes de la región urbana (72,9%). La prevalencia de los factores de riesgo se distribuyó de la siguiente manera: sedentarismo (91,7%), hipertensión arterial sistémica (63,8%), estrés (50%), circunferencia abdominal modificada (50%), antecedentes familiares (43,7%), tabaquismo (41,7%), sobrepeso (35,5%), obesidad (33,4%), dislipidemia (23%), diabetes mellitus (20,8%) y consumo de alcohol (12,5%). Conclusiones: Los datos presentados muestran la alta prevalencia de factores de riesgo en pacientes que sufrieron infarto agudo de miocardio y nos motivan a entender el rol de la educación en salud como una estrategia para reducir las causas de morbilidad y mortalidad, además de proponer acciones de atención y autoatención, y cambios en los hábitos de vida.

Objective: To identify the prevalence of risk factors in patients with acute myocardial infarction, treated in a Coronary Intensive Care Unit of a hospital in the northwestern region at the state of Rio Grande do Sul/Brazil. Methodology: Quantitative, descriptive and cross-sectional study, performed in the period from April 25 to June 25, 2012, with 48 patients. The variables of interest for this study were sociodemographic conditions, anthropometric data, dietary habits and cardiovascular risk factors. Results: The mean age was 59,9 ± 11,55 years, with predominance of males (81.3%), white skin (83.3%), married (70.8%), incomplete elementary school (72.9%), retired (37.5%), income less than three minimum wages (58.3%), and from the urban area (72.9%). The prevalence of risk factors was distributed as follows: sedentary lifestyle (91.7%), systemic arterial hypertension (63.8%), stress (50%), change in waist circumference (50%), family background (43.7%), smoking (41.7%), overweight (35.5%), obesity (33.4%), dyslipidemia (23%), diabetes mellitus (20.8%), and alcohol consumption (12.5%). Conclusions: Data shows the high prevalence of risk factors in patients who had acute myocardial infarction and leads us to understand the role of health education as a strategy to reduce the causes of morbidity and mortality, in addition to proposing care and self-care actions along with changes in lifestyle habits.
Descritores: Educação em Saúde
Fatores de Risco
Unidades de Terapia Intensiva
Infarto do Miocárdio
-Consumo de Bebidas Alcoólicas
Fumar
Circunferência Abdominal
Comportamento Sedentário
Limites: Humanos
Tipo de Publ: Estudo Observacional
Responsável: CO136.1 - Biblioteca


  4 / 7403 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Texto completo
Id: lil-726761 LILACS-Express
Autor: de Sousa Carvalho, AmâncioAntónio; da Costa Rodrigues, Vítor Manuel; Simões de Carvalho, Graça.
Título: Práticas de educaçãoem saúde de estudantes de enfermagem e de outros cursos de ensino superior / Health education practices of nursing students and of other higher education courses
Fonte: Av. enferm;32(1):92-101, ene.-jun. 2014.
Idioma: pt.
Resumo: As práticas de Educaçãoem Saúdesão influenciadas pela abordagem que cada profissional adota, uma vez que implicam um diferente relacionamento com o utente, moldando a forma como se desenvolvem. Objetivo: Caracterizar as práticas de Educaçãoem Saúde dos estudantes de três cursos de enfermagem e de outros quatro cursos de ensino superior ligados ao sector da saúde (Medicina) e ao setor da educação (Professores do Ensino Básico, Educadores de Infância e de Serviço Social). Metodologia: Estudo descritivo-correlacional e transversal, de abordagem quantitativa, onde participaram 709 estudantes (62,6% do universo), dos 1° e 4° anos, que preencheram um questionáriodesenvolvido e validado para o efeito. Resultados: Apenas 40,9% dos estudantes assinalaram terem realizado experiênciaprática durante o curso, principalmente os do 4° ano. A maior parte faz Educaçãoem SaúdeMuitas vezes (41,7%), especialmente Saúde infantil (23,1%). Estudantes com conceito Abrangente de Promoção da Saúdedesenvolvem esta atividade com maior frequência do que os de conceito Reducionista ou Misto. Os estudantes dos três cursos de enfermagem praticam educaçãoem saúdecom mais frequência e em áreas mais diversificadas do que os colegas dos outros cursos. As caraterísticas das práticas de educaçãoem saúdeparecem ser influenciadas pelas variáveis Curso, Ano e Tipo de conceito de Promoção da Saúde. Os resultados obtidos poderão contribuir para melhorar o desempenho docente e as práticas de Educaçãoem Saúde.

Practices in Health Education are influenced by the approach that each professional adopts, since they imply a different relationship with the user, shaping the way the approaches develop. Objective: To characterize the Health Education practices of students from three nursing courses and four other higher education courses related to health sector (Medicine) and education (Basic Education Teachers, Childhood Educators and Social Services). Methodology: A descriptive-correlational and cross-sectional study with a quantitative approach, where 709 students participated (62.6 % of the universe), of the 1st and 4th years, who completed a questionnaire developed and validated for this purpose. Results: Only 40.9 % of students indicated they had conducted practical experience during the course, especially the 4th year students. Most of them developed Health Education Often (41.7 %), especially Child health (23.1 %). Students with Broad concept of Health Promotion developed this activity more frequently than the concept Reductionist or Mixed. Students of the three nursing courses practiced health education more often and in more diverse areas than their colleagues from other courses.

Las prácticas de educación para la salud están influenciadas por el enfoque profesional que cada uno adopta, lo que implica una relación diferente con el usuario de acuerdo a cómo se desarrollan. Objetivo: Caracterizar las prácticas de Educación para la Salud de los estudiantes en tres cursos de enfermería y cuatro cursos de la educación superior, vinculados al sector de la salud (medicina) y al sector de la educación (maestros, educadores niños y servicios sociales). Metodología: Estudio descriptivo-correlacional y transversal con un enfoque cuantitativo; involucró a 709 estudiantes del 1° y del 4° grados que diligenciaron un cuestionario, el cual fue validado. Resultados: Sólo el 40,9% de los estudiantes informa haber tenido experiencia práctica durante el curso, sobre todo los de 4° grado. La mayoría reporta que realizó acciones de Educación para la Salud Muchas veces (41,7%), especialmente Salud infantil (23,1%). Los estudiantes manejaban un concepto Global de la Promoción de la Salud; realizaban prácticas de educación en salud con mayor frecuencia de los que tienen un concepto Reduccionista o Mixto. Los estudiantes de enfermería desarrollaron esta actividad con más frecuencia y en áreas más diversas que los de otros cursos. Las características de la práctica de la Educación para la Salud parecen estar influenciados por las variables Curso, Año y Tipo de concepto de Promoción de la Salud. Los resultados obtenidos contribuyen a mejorar el desempeño de los docentes y las prácticas de la educación para la salud.
Descritores: Estudantes
Educação em Saúde
Enfermagem
Educação Superior
Limites: Humanos
Tipo de Publ: Estudo Observacional
Responsável: CO136.1 - Biblioteca


  5 / 7403 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Spíndola, Thelma
Texto completo
Texto completo
Id: biblio-1119781
Autor: Araújo, Agatha Soares de Barros de; Spindola, Thelma; Sousa, Karen Silva de; Araújo, Alan Barboza de; Martins, Elizabeth Rose Costa.
Título: Práticas de cuidado com a saúde sexual de jovens universitárias / Sexual health care practices of university Young people / Prácticas de cuidado con la salud sexual de jóvenes universitarios
Fonte: Rev. Pesqui. (Univ. Fed. Estado Rio J., Online);12:1215-1220, jan.-dez. 2020. tab, graf.
Idioma: en; pt.
Resumo: Objetivo: Analisar as práticas de cuidado com a saúde sexual de estudantes universitárias e a vulnerabilidade às infecções sexualmente transmissíveis e agravos de saúde. Método: trata-se de estudo descritivo, quantitativo, realizado com uma amostra de 123 universitárias do Rio de Janeiro. Aplicou-se um questionário e os dados foram organizados em planilha do software Excel. Os achados foram analisados com aplicação da estatística descritiva. Resultados: as jovens iniciaram a vida sexual entre 16 e 18 anos; praticavam sempre sexo seguro, apenas 5,6% já usou preservativo feminino; tinham parceiros fixos; faziam uso de preservativo com esses parceiros e fizeram o exame ginecológico recentemente. Conclusão: no grupo investigado existe um quantitativo expressivo de jovens assumindo um comportamento de risco. Os profissionais de saúde e a enfermagem tem um importante papel na educação em saúde dos jovens, com estímulo para o autocuidado e cuidado com a saúde sexual e reprodutiva

Objective: To analyze the sexual health care practices of university students and the vulnerability to sexually transmitted infections and health problems. Method: this is a descriptive, quantitative study carried out with a sample of 123 university students from Rio de Janeiro. A questionnaire was applied, and the data was organized in Excel spreadsheet. The findings were analyzed using descriptive statistics. Results: Young women started their sexual life between 16 and 18 years of age; always practiced safe sex, only 5.6% already used a female condom; they had fixed partners; used condoms with these partners and had recently undergone a gynecological examination. Conclusion: in the investigated group there is an expressive quantitative of young people assuming a risk behavior. Health professionals and nursing have an important role in health education for young people, with a stimulus for self-care and care for sexual and reproductive health

Objetivo: Analizar las prácticas de cuidado con la salud sexual de los estudiantes universitarios y la vulnerabilidad a las infecciones de transmisión sexual y agravios de salud. Método: se trata de un estudio descriptivo, cuantitativo, realizado con una muestra de 123 universitarias de Río de Janeiro. Se aplicó un cuestionario y los datos se organizaron en la hoja de cálculo del software de Excel. Los hallazgos fueron analizados con aplicación de la estadística descriptiva. Resultados: Las jóvenes iniciaron la vida sexual entre 16 y 18 años; siempre practicaban sexo seguro, sólo el 5,6% ya usó preservativo femenino; tenían socios fijos; y que el uso de condones con estos socios y el examen ginecológico recientemente. Conclusión: en el grupo investigado existe un cuantitativo expresivo de jóvenes asumiendo un comportamiento de riesgo. Los profesionales de salud y la enfermería tienen un importante papel en la educación en salud de los jóvenes, con estímulo para el autocuidado y cuidado con la salud sexual y reproductiva
Descritores: Assunção de Riscos
Comportamento Sexual
Educação em Saúde
-Adulto Jovem
Limites: Humanos
Masculino
Feminino
Adolescente
Adulto
Responsável: BR1208.1 - BSEN - Biblioteca Setorial de Enfermagem e Nutrição


  6 / 7403 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Texto completo
Id: biblio-1119820
Autor: Melo, Fernando Antonio Parente de.
Título: Implantação de um núcleo de promoção da saúde no município de Exu-PE / Implementation of a health promotion center in the municipality of Exu-PE.
Fonte: Serra Talhada; s.n; 2017. 24 p.
Idioma: pt.
Tese: Apresentada a Escola de Governo em Saúde Pública de Pernambuco para obtenção do grau de Mestre.
Resumo: A Promoção da Saúde é usada como uma ferramenta do processo educativo aplicado ao trabalho que busca mudanças nas relações, nos processos de trabalho e nos atos de saúde e das pessoas. Este trabalho terá como objetivo propor a criação de um Núcleo de Promoção da Saúde no município de Exu-PE, adotado pela gestão municipal com a finalidade de melhorar o processo de trabalho através da reflexão das práticas de serviço dos profissionais de saúde e a identificação e definição de ações educativas, além da qualificação da atenção e da gestão por meio da formação e do desenvolvimento dos trabalhadores.Dentre as possibilidades de aplicação da proposta está o de fortalecer o controle social, a reorganização do Sistema Único de Saúde no âmbito municipal, a inserção dos usuários e trabalhadores como protagonistas do processo de trabalho e a produção de impactos na saúde coletiva e individual da população.A Implantação do Núcleo de Promoção da Saúde e, decorrente dele, as ações desenvolvidas, deverá ter o objetivo de buscar soluções para os problemas que surgirão e colocá-los em prática através de diversas abordagens, dando uma maior resolutividade para a Atenção Primaria, visando melhorar a assistência, integrar as equipes e melhorar os processos de trabalho e levando aos usuários um completo bem estar tanto individual e ou coletivo no âmbito social, cultural e econômico. (AU)
Descritores: Educação em Saúde
Promoção da Saúde
-Atenção Primária à Saúde
Sistema Único de Saúde
Pessoal de Saúde
Responsável: BR1903.1 - Biblioteca Nelson Chaves


  7 / 7403 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: biblio-1029921
Autor: Villa, Eliana Aparecida; Salgado, Patrícia de Oliveira; Reis, Thaís Lima Santiago.
Título: Educação em saúde: (re)construindo o cuidado a crianças / Health education: (re)constructing children's care
Fonte: Rev. baiana enferm;21(2/3), 2007.
Idioma: pt.
Resumo: O artigo descreve um trabalho educativo junto a mulheres com trajetória de vida nas ruas. Inseridas em um projetode extensão da Escola de Enfermagem da UFMG, encontramos, em uma moradia provisória, algumas mulheresgrávidas e outras com bebês, sem condições para o cuidado. Considerando seu contexto de vida, percebemos ainterferência de vários fatores na conduta com as crianças. O objetivo deste relato de experiência, portanto, édescrever uma Oficina de Cuidados realizada junto a essas mulheres. Implementamos a Oficina educativa sobdois enfoques: a concepção metodológica da problematização de Paulo Freire e a compreensão da realidade devida nas ruas. Utilizando estratégias participativas, buscamos atender às necessidades da relação mãe-filho eintegrar as demais moradoras ao processo de atenção à criança. Trabalhamos os temas com base nas vivências econhecimentos das mulheres, propondo atividades práticas. Foi significativa a participação destas e concluímosque a educação não se resume a orientações, mas a uma ação prática e dialógica, que possibilite novas escolhasao sujeito.

The article describes a study about women with street-life trajectories. As part of an extension program by the NursingSchool of the UFMG university, we found a group of women living in a provisional shelter without the means to care fortheir children, some were pregnant and some had babies. Considering their life context, we noticed the interference ofvarious factors in their behavior with the children. The objective of this study is to describe a Care Workshop realizedwith the women. The educational workshop had two emphases: the methodological concepts of Paulo Freire, andunderstanding the reality of living in the street. Utilizing participative strategies, the study aimed to treat the motherchildneeds and to integrate the other women in the process of caring for their children. This was based on the women'sexperiences and knowledge, with practical activities. The participation of the women was significant, and we wereable to conclude that education cannot be limited to orientations, but to practical and informal activities that allow thesubjects to make new choices.

El artículo describe un trabajo educativo, junto a mujeres con trayectoria de vida en las calles. Insertas en un proyectode extensión de la Escuela de Enfermería de la UFMG, encontramos en una vivienda provisoria algunas mujeresembarazadas y otras con niños, sin condiciones para el cuidado. Considerando su contexto de vida, notamos la interferencia de varios factores en la conducta con los niños. Por lo tanto, el objetivo de este relato de experiencia es describir un Taller de Cuidados realizado junto a esas mujeres. Implementamos el Taller educativo bajo dos enfoques: la concepción metodológica de la problemática de Paulo Freire y la comprensión de la realidad de vida en las calles. Utilizando estrategias participativas, buscamos atender a las necesidades de la relación madre – hijo e integrar a las demás moradoras al proceso de atención al niño. Trabajamos los temas a partir de las vivencias y conocimientos de las mujeres, proponiendo actividades prácticas. La participación de éstas fue significativa y concluimos que laeducación no se resume a orientaciones, sino, a una acción práctica y dialógica, que posibilite al sujeto nuevas elecciones.
Descritores: Educação em Enfermagem
Educação em Saúde
Saúde Materno-Infantil
Saúde da Mulher
Limites: Humanos
Feminino
Tipo de Publ: Relatos de Casos
Responsável: BR342.1 - Biblioteca Universitária de Saúde


  8 / 7403 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: biblio-1029988
Autor: Gomes, Nadirlene Pereira; Santos, Márcio Roberto Coelho; Santana, Maria Teresa Brito Mariotti de; Paiva Filho, Ivan Mattos; Timerman, Sérgio; Moraes Junior, João Batista Moura Xavier.
Título: Projeto Viva Coração: relato de experiência / Heart Rescue Project: an experience report
Fonte: Rev. baiana enferm;30(4), 2016.
Idioma: pt.
Resumo: Objetivo: descrever a experiência do projeto Viva Coração na cidade de Salvador, Bahia, Brasil. Método: trata-sede um relato de experiência sobre o projeto Viva Coração desenvolvido pelo SAMU 192, no qual foi realizadotreinamento da população em reanimação cardiopulmonar e distribuição de aparelho de desfibrilação para espaçosde atendimento à saúde. Resultados: foram treinadas 6.287 pessoas vinculadas a cenários como: serviços de saúde,repartições públicas, estações de transbordo e ponto turístico. O conteúdo abordado nas atividades teórico-práticas,com duração de 4 horas, baseou-se nos protocolos de ressuscitação cardiorrespiratória da American Heart Association.Foram distribuídos 200 desfibriladores para as unidades de saúde participantes. Conclusões: a experiência favoreceuo treinamento da população para atuar em situações de parada cardiorrespiratória, conhecimento que amplia aschances de intervenção e sobrevida sem sequelas e poderá subsidiar novas capacitações.

Objective: the main objective of this study was to relate the experience of the Heart Rescue Project, in the city ofSalvador, Bahia state, in Brazil. Method: the report is about an experience with the Heart Rescue Project developedby SAMU 192, in which the population was trained in cardiopulmonary resuscitation. Also, through the projectwere distributed defibrillation equipments for health care spaces. Results: were trained 6,287 people linked to placeslike health services, public agencies, transfer stations and tourist sites. The addressed content, in the theoretical andpractical activities, was based on the American Heart Association protocols for cardiopulmonary resuscitation. Tothe health units that participated in the training, 200 defibrillators were distributed. Conclusions: the populationthat received the training was stimulated to act in situations of cardiac arrest. The knowledge imparted increasesthe probability of obtaining a survival without sequelae, therefore it is believed that this would help new courses oftraining

Objetivo: el estudio tuvo por objetivo describir la experiencia del proyecto Reanimación del Corazón en la ciudad deSalvador, estado de Bahía, en Brasil. Método: se trata de un relato de la experiencia sobre el proyecto Reanimación delCorazón desarrollado por el SAMU 192, en el cual fue realizado un entrenamiento de la población en reanimacióncardiopulmonar y se distribuyeron aparatos de desfibrilación para espacios de atención a la salud. Resultados: fueron entrenadas 6.287 personas vinculadas a escenarios como: servicios de salud, reparticiones públicas, estacionesde transbordo y puntos turísticos. El contenido abordado en las actividades teórico prácticas, con duración de4 horas, se basó en los protocolos de resucitación cardiorrespiratoria de la American Heart Association. Fuerondistribuidos 200 desfibriladores para las unidades de salud participantes. Conclusiones: la experiencia favoreció elentrenamiento de la población para actuar en situaciones de parada cardiorrespiratoria, conocimiento que amplíalas probabilidades de intervención y supervivencia sin secuelas, pudiendo así auxiliar nuevas capacitaciones.
Descritores: Educação em Saúde
Parada Cardíaca
Primeiros Socorros
Reanimação Cardiopulmonar
Limites: Humanos
Responsável: BR342.1 - Biblioteca Universitária de Saúde


  9 / 7403 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Meirelles, Betina Horner Schlindwein
Texto completo
Id: biblio-1029942
Autor: Hermida, Patrícia Madalena Vieira; Marçal, Cláudia Cossentino Bruck; Ebsen, Erika Simas; Heidemann, Ivonete Teresinha Schülter Buss; Meirelles, Betina Horner Schlindwein.
Título: Educação em saúde nas práticas do subsistema profissional de saúde / Health education in the practices of the health professional subsystem
Fonte: Rev. baiana enferm;30(2), 2016.
Idioma: pt.
Resumo: Objetivo: conhecer a educação em saúde nas práticas do subsistema profissional de saúde, na perspectiva de discentese docentes de pós-graduação. Método: pesquisa qualitativa, articulada com o referencial teórico metodológico dePaulo Freire, consistindo de três momentos realizados no Círculo de Cultura – investigação temática, codificação edescodificação – e de desvelamento crítico. Participaram 13 discentes e 3 docentes do Programa de Pós-Graduaçãoem Enfermagem de uma Universidade pública do Sul do Brasil. Resultados: foram desveladas dez temáticas emrelação à educação em saúde, agrupadas em dois temas: educação em saúde frente à dificuldade de articulação dossaberes na prática profissional; e educação e políticas públicas. Conclusão: nas práticas do subsistema profissionalde saúde, a educação em saúde, na perspectiva de discentes e docentes de pós-graduação, está vinculada àsdificuldades de articulação dos saberes e às fragilidades na relação com as políticas públicas.

Objective: to understand health education in the practices of the health professional subsystem under the perspectiveof students and teachers of a Graduate Program. Method: qualitative research, structured from the theoretical andmethodological framework of Paulo Freire, consisting of three dialectic moments held in the Culture Circles: thematicinvestigation; encoding and decoding; critical revelation. There was the participation of 13 students and threeteachers of the Graduate Program in Nursing of a public University in southern Brazil. Results: ten themes weredisclosed in relation to health education, grouped into two topics: the health education addressing difficulties ofarticulation of knowledge in professional practice; and education and public policies. Conclusions: in the subsystemhealth professional practices, health education, in the perspective graduate teachers and students, is linked thedifficulties in articulating knowledge and weaknesses in relation to public policies.

Objetivo: conocer la educación en salud en las prácticas del subsistema profesional de salud, desde la perspectivade estudiantes y docentes de un Curso de Postgrado. Método: investigación cualitativa, articulada con el referencialteórico metodológico de Paulo Freire, constituido de tres momentos realizados en el círculo de la cultura: investigacióntemática; codificación y descodificación; y desvelamiento crítico. Participaron 13 estudiantes y tres profesores delPrograma de Postgrado en Enfermería de una Universidad pública en el sur de Brasil. Resultados: fueron dieztemáticas desveladas en relación con la educación en salud, agrupados en dos temas: la educación en salud frente adificultad de articulación de los saberes en la práctica profesional; y la educación y políticas públicas. Conclusiones:en las prácticas del subsistema profesional de salud, la educación en salud, en la perspectiva de discentes y docentesdel curso de postgrado, está vinculada a las dificultades de articulación del conocimiento y debilidades en la relacióncon las políticas públicas.
Descritores: Cultura
Educação em Saúde
Enfermagem
Promoção da Saúde
Limites: Humanos
Feminino
Tipo de Publ: Relatos de Casos
Responsável: BR342.1 - Biblioteca Universitária de Saúde


  10 / 7403 LILACS  
              first record previous record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: biblio-1029943
Autor: Teixeira, Elizabeth; Martins, Thayná Desireé Rodrigues; Miranda, Priscila Oliveira; Cabral, Blenda Gonçalves; Costa e Silva, Bruna Alessandra; Rodrigues, Lena Simone Sarmento.
Título: Tecnologia educacional sobre cuidados no pós-parto: construção e validação / Educational technology on potpartum care: development and validation
Fonte: Rev. baiana enferm;30(2), 2016.
Idioma: pt.
Resumo: Objetivo: construir e validar uma tecnologia educacional sobre cuidados no pós-parto. Método: estudo exploratório--metodológico realizado em cinco fases: exploração da realidade; revisão da literatura; construção da tecnologia;validação e revisão. Participaram 80 mulheres e 13 juízes-especialistas. Realizado em instituições de saúde de Belém.Os dados foram coletados entre 2013 e 2015. Foram utilizados formulários submetidos às análises estatísticas. Atecnologia desenvolvida foi do tipo álbum seriado intitulado “Cuidados no pós-parto”, constituída de dez tópicos:o que é o pós-parto; cuidados que se deve ter nesse período; mudanças que acontecem no corpo e na vidasexual; alimentação; exercícios físicos; o que é depressão pós-parto; higiene e planejamento familiar. Resultados: aavaliação pelos juízes revelou um índice de validade de conteúdo de 81,23%. Conclusão: a tecnologia educacional“Cuidados no pós-parto” mostrou-se válida quanto ao conteúdo, de acordo com os juízes-especialistas.

Objective: to develop and validate educational technology in relation to care in the postpartum period. Method:exploratory methodological study conducted in five phases: exploration of reality; literature review; constructiontechnology; validation and review. There was the participation of 80 women and 13 expert-judges, carrier out inhealth institutions of Belem. The data was collected between 2013 and 2015. The forms were submitted to statisticalanalysis. The technology developed was the flip-chart with the title “Postpartum care”, consisting of 10 topics: themeaning of postpartum; care that should be taken during this period; changes occurring in the body and in sex life;feeding; physical exercises; postpartum depression; hygiene and family planning. Results: the evaluation by the judgesrevealed an 81.23% content validity index. Conclusion: educational technology “postpartum care” proved to be validas to the content, according to the specialized judges.

Objetivo: desarrollar y validar la tecnología educativa en la atención en el período posparto. Método: estudiometodológico-exploratorio realizado en cinco fases: exploración de la realidad; revisión de la literatura; construcciónde la tecnología; validación y revisión. Participaron 80 mujeres y 13 jueces expertos. Realizado en institucionesde salud de Belén. Los datos fueron recogidos entre 2013 y 2015 y se utilizaron formularios enviados a análisisestadístico. La tecnología desarrollada fue el tipo álbum seriado titulado “atención posparto”, constando de dieztemas: que es el posparto; cuidados que se debe tener en este período; los cambios que ocurren en el cuerpo y enla vida sexual; alimentación; ejercicios físicos; que es la depresión posparto; higiene y la planificación familiar.Resultados: la evaluación por parte de los jueces mostró un índice de validez de contenido 81,23%. Conclusión: latecnología educativa “cuidados en el post-parto” se mostró ser válida en cuanto al contenido, de acuerdo con losjueces especialistas.
Descritores: Educação em Saúde
Enfermagem
Período Pós-Parto
Tecnologia Educacional
Limites: Humanos
Feminino
Tipo de Publ: Relatos de Casos
Responsável: BR342.1 - Biblioteca Universitária de Saúde



página 1 de 741 ir para página                         
   


Refinar a pesquisa
  Base de dados : Formulário avançado   

    Pesquisar no campo  
1  
2
3
 
           



Search engine: iAH v2.6 powered by WWWISIS

BIREME/OPAS/OMS - Centro Latino-Americano e do Caribe de Informação em Ciências da Saúde