Base de dados : LILACS
Pesquisa : I02.594 [Categoria DeCS]
Referências encontradas : 314 [refinar]
Mostrando: 1 .. 10   no formato [Detalhado]

página 1 de 32 ir para página                         

  1 / 314 LILACS  
              next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Saúde Pública
Texto completo
Id: biblio-890225
Autor: Malta, Fernanda Siqueira; Costa, Eduarda Marques da; Magrini, Alessandra.
Título: Índice de vulnerabilidade socioambiental: uma proposta metodológica utilizando o caso do Rio de Janeiro, Brasil / Socio-environmental vulnerability index: a methodological proposal based on the case of Rio de Janeiro, Brazil
Fonte: Ciênc. Saúde Colet;22(12):3933-3944, Dez. 2017. graf.
Idioma: pt.
Resumo: Resumo O termo vulnerabilidade tem sido utilizado com mais frequência, visando uma melhor compreensão acerca dos diferentes grupos populacionais, suas especificidades e necessidades. O objetivo deste estudo foi identificar, caracterizar e analisar populações em situação de vulnerabilidade socioambiental no município do Rio de Janeiro, consolidando indicadores sociais, econômicos, ambientais, de saúde e de segurança pública, em um índice de síntese - o Índice de Vulnerabilidade Socioambiental. A metodologia foi baseada em análise multicritério de apoio à decisão integrada a um Sistema de Informação Geográfica. As fontes de dados utilizadas foram o Censo Demográfico do IBGE-2010, Fundação Geo-Rio e Instituto de Segurança Pública do estado do Rio de Janeiro. Os resultados demonstram que a vulnerabilidade socioambiental no Rio de Janeiro é agravada por situações de risco e degradação ambiental. Estes aspectos são acentuados pelo adensamento das áreas faveladas, onde os estratos mais vulneráveis residem, em um processo de exclusão ambiental e urbana. O estudo permite localizar espacialmente áreas mais vulneráveis, enfatizando a importância destas ferramentas para guiar alocação de recursos, formulação e implementação de políticas públicas mais adequadas.

Abstract The term vulnerability has been more frequently used in several studies, striving to better understand the specificities and needs of different population groups. The scope of this study was to identify, characterize and analyze populations in situations of socio-environmental vulnerability in Rio de Janeiro city, consolidating social, economic, environmental, health and public security indicators in a synthesis index - the Socio-Environmental Vulnerability Index. The data sources used were the IBGE-2010 Demographic Census, the Geo-Rio Foundation and the Public Security Institute of the state of Rio de Janeiro. The methodology integrated Multicriteria Decision Analysis into a Geographic Information System. According to our results, the socio-environmental vulnerability in Rio de Janeiro city is aggravated by risk situations and environmental degradation. Those aspects are accentuated by the population density in shantytown areas, where the most disadvantaged strata exist in a process of environmental and urban exclusion. The study makes it possible to locate spatially vulnerable areas, emphasizing the importance of these tools to guide resource allocation, formulation and implementation of more effective public policies.
Descritores: Política Pública
Saúde Ambiental
Populações Vulneráveis
-Fatores Socioeconômicos
Brasil
Áreas de Pobreza
Técnicas de Apoio para a Decisão
Determinação de Necessidades de Cuidados de Saúde
Alocação de Recursos
Sistemas de Informação Geográfica
Limites: Humanos
Responsável: BR1.1 - BIREME


  2 / 314 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Saúde Pública
Texto completo
Id: biblio-890228
Autor: Catanante, Guilherme Vinicius; Hirooka, Lucila Brandão; Porto, Hélio Souza; Bava, Maria do Carmo Gullaci Guimarães Caccia.
Título: Participação social na Atenção Primária à Saúde em direção à Agenda 2030 / Social participation in Primary Health Care towards the 2030 Agenda
Fonte: Ciênc. Saúde Colet;22(12):3965-3974, Dez. 2017. tab.
Idioma: pt.
Resumo: Resumo A escuta à sociedade é referência ética para responder às suas necessidades e aspirações legítimas. Tendo como pressupostos a participação social e o direito à cidade, partes da Agenda 2030, buscou-se valorizar a vocalização dos usuários que avaliaram os serviços de Atenção Primária e seus atributos. O presente estudo descritivo e de corte transversal valeu-se de dados de avaliação ministerial nacional, dela recortando região com 323 equipes de 80 municípios paulistas e 1272 usuários ouvidos pelos autores. Estes eram, na maioria, do sexo feminino, maiores de 51 anos, de baixa renda e escolaridade, evocando desafios do envelhecimento populacional e da seletividade assistencial. Do total, 93% distavam até 20 minutos do serviço de saúde, e a abertura aos sábados (43%) e à noite (38%) facilitariam o acesso. Eram recebidos sem agendamento 60% deles, e 62% não consideravam o serviço capacitado para urgências. Receberam visita dos Agentes Comunitários 85%, e de outros profissionais 40%, sugerindo diferenças na incorporação do território ao processo de produção do cuidado. Alinhando-se à Política Nacional de Atenção Básica e ao preconizado pelas conferências internacionais, valorizou-se a participação social como uma forma de enfrentamento dos múltiplos aspectos presentes na construção da saúde universal.

Abstract Listening to society is an ethical reference to respond to its legitimate needs and aspirations. Considering as presuppositions the social participation and the right to the city, which are part of the 2030 Agenda, this study sought to recognize the voice of users that evaluated PHC services and their attributes. This descriptive and cross-sectional study used national ministerial evaluation data, outlining a region with 323 teams in 80 municipalities in the state of São Paulo and 1,272 users heard by authors. Users were mostly female, over 51 years old, with low income and schooling, eliciting challenges to population aging and selective care. Around 93% were 20 minutes away from health services and opening on Saturdays (43%) and at night (38%) would facilitate access. Some 60% were received without scheduling and 62% did not consider services prepared for urgent care. Some 85% received Community Health Workers and 40% other professionals, suggesting disparities in the incorporation of the territory to the care production process. In line with National Primary Health Care Policy and what is recommended by international conferences, social participation was recognized as a way to address the multiple aspects in the construction of universal health.
Descritores: Atenção Primária à Saúde
Atenção Primária à Saúde/organização & administração
Disparidades em Assistência à Saúde/estatística & dados numéricos
Política de Saúde
-Brasil
Estudos Transversais
Agentes Comunitários de Saúde/organização & administração
Determinação de Necessidades de Cuidados de Saúde
Pessoa de Meia-Idade
Limites: Humanos
Masculino
Feminino
Adolescente
Adulto
Adulto Jovem
Responsável: BR1.1 - BIREME


  3 / 314 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Saúde Pública
Rigotto, Raquel Maria
Texto completo
Id: biblio-890591
Autor: Pontes, Andrezza Graziella Veríssimo; Rigotto, Raquel Maria; Silva, Jennifer Vale.
Título: Necessidades de saúde de camponeses em conflito ambiental frente à instalação de Perímetros Irrigados / Health needs of the rural population in environmental conflict due to the installation of Irrigated Perimeters
Fonte: Ciênc. Saúde Colet;23(5):1375-1386, Mai. 2018. tab.
Idioma: pt.
Resumo: Resumo As transformações no cenário agrícola brasileiro vêm reconfigurando os modos de vida no campo, com repercussões sobre a saúde da população camponesa. Objetiva-se analisar necessidades de saúde de camponeses, identificadas por um coletivo de atores da universidade, Sistema Único de Saúde e movimentos sociais. Pesquisa-ação, cujo grupo foi constituído por agentes comunitários de saúde, trabalhadores de Centro de Referência em Saúde do Trabalhador, professor universitário e representantes de movimentos sociais. Realizaram-se entrevistas semiestruturadas, visitas em campo, oficinas e seminários. A categorização temática evidenciou cinco conjuntos de necessidades de saúde: de revisão do modelo de desenvolvimento agrário, de boas condições de vida, de mobilização social, de evitar uso de agrotóxicos e de atuação do SUS. O diálogo de saberes e a troca de experiência potencializaram o reconhecimento de necessidades de saúde que requerem ações intersetoriais. As necessidades de saúde devem ser compreendidas no contexto dos territórios em que os sujeitos individuais e coletivos se inserem, reconhecendo-se a complexidade das questões sociais, econômicas, culturais e ambientais.

Abstract The transformations in the Brazilian agricultural scenario have reconfigured lifestyles in the countryside, with repercussions on the health of the rural population. The scope of this paper is to analyze health needs of farmers, identified by a collective of university actors, the Unified Health System and social movements. It is action-research, with a group comprised of community health workers, workers in a Reference Center in Occupational Health, a university professor and representatives of social movements. Semi-structured interviews and field visits were conducted, as well as workshops and seminars. The thematic categorization revealed five health need groupings: the need for revision of the agrarian development model; the need for good living conditions; the need for social mobilization; the need to avoid the use of pesticides; and the need for action of the Unified Health System (SUS). The dialogue of knowledge and exchange of experience elicited the recognition of health needs that require intersectoral action. Health needs must be understood in the context of the territories to which the individuals and groups belong, acknowledging the complexity of social, economic, cultural and environmental issues.
Descritores: Saúde da População Rural
Saúde do Trabalhador
Fazendeiros
-Praguicidas/toxicidade
População Rural
Condições Sociais
Brasil
Entrevistas como Assunto
Agentes Comunitários de Saúde/organização & administração
Determinação de Necessidades de Cuidados de Saúde
Agricultura
Irrigação Agrícola
Necessidades e Demandas de Serviços de Saúde
Estilo de Vida
Programas Nacionais de Saúde/organização & administração
Limites: Humanos
Responsável: BR1.1 - BIREME


  4 / 314 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Texto completo
Id: biblio-1150790
Autor: Perú. Ministerio de Salud. Dirección General de Promoción de la Salud.
Título: Evaluación de necesidades para la implementación del Convenio Marco de la OMS para el Control del Tabaco en Perú FCTC / Needs assessment for the implementation of the Framework Convention WHO Snuff Control in Peru FCTC.
Fonte: Lima; Perú. Ministerio de Salud. Dirección General de Promoción de la Salud; May. 2015. 56 p. ilus.
Idioma: es.
Resumo: Contiene una visión general detallada del estado de implementación de los artículos sustantivos del tratado. Asimismo, identifica los vacíos que puedan existir y las áreas donde se necesitan nuevas medidas para garantizar la plena conformidad con las disposiciones del tratado, teniendo en cuenta, además, la orientación proporcionada en las directrices para la implementación del CMCT adoptadas por la COP, en cada caso. Esto es seguido por recomendaciones específicas para cada área en particular
Descritores: Tabagismo
Determinação de Necessidades de Cuidados de Saúde
Uso de Tabaco
Implementação de Plano de Saúde
Tipo de Publ: Estudo de Avaliação
Responsável: PE18.1 - Biblioteca Central


  5 / 314 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Cuba
Texto completo
Texto completo
Id: biblio-1126858
Autor: Abreu Cervantes, Arleen; Noriega Fundora, Naida; Pérez Inerarity, Maydell.
Título: Diagnóstico de necesidades educativas para el envejecimiento activo en una comunidad / Diagnosis of educational needs for active aging in a community
Fonte: Rev. cuba. salud pública;46(2):e1164, abr.-jun. 2020. tab, graf.
Idioma: es.
Resumo: Introducción: El envejecimiento poblacional sigue siendo un desafío para las naciones, por lo que requiere de nuevas miradas a la atención de los adultos mayores para lograr un envejecimiento activo, generador de calidad de vida y bienestar. Objetivo: Diagnosticar las necesidades educativas para el envejecimiento activo de los adultos mayores del Reparto Universitario en Santa Clara. Métodos: Siguiendo un paradigma cualitativo se emplearon técnicas como grupo focal, entrevista semiestructurada y observación participante. Resultados: Las necesidades educativas de los adultos mayores están relacionadas con poca participación activa en espacios sociales, creencias y prejuicios sobre la vejez que configuran una representación negativa de esta etapa de la vida, la que se enfoca en la culminación del desarrollo, la inactividad, inadecuación de procesos autovalorativos como el autoconcepto y la autoestima. Estas representaciones se relacionan con la no aceptación del propio proceso envejecimiento; pobreza de conocimiento de temas importantes como el ocio y el tiempo libre; así como los efectos de los ejercicios físicos para la salud, pobreza de intereses y motivaciones que trasciendan el contexto familiar. Conclusiones: Los adultos mayores deben participar en espacios de interacción social, de autocuidado y de actividad física que favorezcan el desarrollo de nuevas motivaciones que trasciendan su contexto familiar. Por lo que se deben aprovechar las potencialidades que ofrecen los entornos en los que se desenvuelven y de esa manera propiciar el desarrollo de intervenciones educativas que estimulen el envejecimiento activo(AU)

Introduction: Population aging is still a challenge for the nations, and therefore requires new looks to the attention of older adults in order to achieve active aging, which is a generator of quality of life and well-being. Objective: To diagnose the educational needs for active aging of older adults in Universidad community in Santa Clara. Methods: Following a qualitative paradigm, there were used techniques such as focus group, semi-structured interviews and participant observation. Results: The educational needs of older adults are related with little active participation in social spaces, beliefs and prejudices about old age that constitute a negative representation of this stage of life, which focuses on the culmination of the development, inactivity, inadequacy of self-evaluation processes such as self-image and self-esteem. These representations are related to non-acceptance of the aging process itself; poverty of knowledge of important issues such as leisure and free time; as well as the effects of physical exercises for health, lack of interests and motivations that transcend the family context. Conclusions: Older adults should participate in spaces of social interaction, self-care and physical activity that foster the development of new motivations that transcend their family context. There must be taken advantage of the potential offered by the environments in which they operate and thus promote the development of educational interventions that encourage active aging(AU)
Descritores: Envelhecimento
Determinação de Necessidades de Cuidados de Saúde
-Cuba
Limites: Humanos
Masculino
Feminino
Idoso
Idoso de 80 Anos ou mais
Responsável: CU1.1 - Biblioteca Médica Nacional


  6 / 314 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Texto completo
Texto completo
Texto completo
Id: biblio-1128440
Autor: Uema, Roberta Tognollo Borotta; Rodrigues, Bruna Caroline; Rissi, Gabrieli Patrício; Felipin, Larissa Carolina Segantini; Higarashi, Ieda Harumi.
Título: Cuidado centrado na família em neonatologia: percepções dos profissionais e familiares / Family-centered care in neonatology: health workers' and families' perceptions / Atención centrada en la familia en neonatologia: percepciones de los profesionales y familiares
Fonte: Rev. enferm. UERJ;28:e45871, jan.-dez. 2020.
Idioma: en; pt.
Resumo: Objetivo: analisar, sob a ótica dos profissionais que atuam em unidade de terapia intensiva neonatal e dos pais das crianças internadas, o entendimento do cuidado centrado na família. Método: estudo quantitativo de abordagem descritiva, realizado em 2018 com 19 profissionais de enfermagem de um hospital de ensino na região noroeste do Paraná e nove familiares. Utilizaram-se dois questionários autoaplicáveis acerca do tema e os sujeitos foram abordados durante seu período de permanência na unidade. Os dados foram analisados por estatística descritiva. Pesquisa aprovada pelo comitê de ética em pesquisa da instituição. Resultados: a equipe demonstra acolhimento pela família, os pais sentem esse vínculo, porém nos momentos de tomada de decisão, esta ainda é centralizada no profissional de saúde. Conclusão: a percepção dos profissionais e dos familiares converge para o cuidado centrado na família, porém, de forma incipiente, desconhecendo seus demais desdobramentos e maneiras de colocá-lo em prática.

Objective: to examine family-centered care as seen by health personnel working in a neonatal intensive care unit and the parents of children hospitalized there. Method: this quantitative, descriptive study was conducted in 2018 with 19 nursing personnel at a teaching hospital in northwest Paraná State and nine family members. Two self-administered questionnaires on the topic were used, and study subjects were approached during their time at the unit. Data were analyzed using descriptive statistics. The study was approved by the institution's research ethics committee. Results: the team demonstrated acceptance by the family, and the parents felt that bond, although decision making still centered on the health professional. Conclusion: the health personnel's and patient relatives' perceptions converge to family-centered care, although in an incipient manner, and they are unaware of how it can be further developed and put into practice.

Objetivo: analizar la atención centrada en la familia como la ve el personal de salud que trabaja en una unidad de cuidados intensivos neonatales y los padres de los niños hospitalizados allí. Método: este estudio cuantitativo y descriptivo se realizó en 2018 con 19 miembros del personal de enfermería de un hospital universitario del noroeste del estado de Paraná y nueve familiares. Se utilizaron dos cuestionarios autoadministrados sobre el tema y se abordó a los sujetos de estudio durante su tiempo en la unidad. Los datos fueron analizados utilizando estadística descriptiva. El estudio fue aprobado por el comité de ética en investigación de la institución. Resultados: el equipo demostró aceptación por parte de la familia y los padres sintieron ese vínculo, aunque la toma de decisiones aún se centró en el profesional de la salud. Conclusión: las percepciones del personal de salud y familiares del paciente convergen hacia la atención centrada en la familia, aunque de manera incipiente, y desconocen cómo se puede desarrollar y poner en práctica.
Descritores: Relações Profissional-Família
Unidades de Terapia Intensiva Neonatal/organização & administração
Determinação de Necessidades de Cuidados de Saúde
Equipe de Enfermagem
-Pais/psicologia
Percepção
Brasil
Inquéritos e Questionários
Acolhimento
Lacunas da Prática Profissional
Hospitais Universitários
Limites: Humanos
Masculino
Feminino
Adulto
Pessoa de Meia-Idade
Responsável: BR1366.1 - Biblioteca Biomédica B - CB/B (Odontologia e Enfermagem)


  7 / 314 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: biblio-1132600
Autor: Daloğlu, Mustafa; Alimoğlu, Mustafa Kemal.
Título: What do otolaryngologists want to learn? An educational targeted needs assessment study / O que os otorrinolaringologistas querem aprender? Um estudo de avaliação das necessidades educacionais específicas
Fonte: Braz. j. otorhinolaryngol. (Impr.);86(3):287-293, May-June 2020. tab.
Idioma: en.
Resumo: Abstract Introduction: Targeted needs assessment which includes identifying the needs of learners is a key step of program development. However, this step is commonly underestimated in postgraduate medical education programs, including otolaryngology residency training. Determining the needs of otolaryngologists may help educators to design more purposeful continuing medical education training programs. Furthermore, needs of specialists may provide a clearer insight about effectiveness of the residency programs in that specialty. Objective: To determine training needs of otolaryngology specialists and to identify deficiencies in otolaryngology residency training programs. Methods: Seventy-eight otolaryngology specialists, who completed all data gathering forms properly, were included in this descriptive, cross-sectional study. Demographic data of the participants were collected. Training needs of the participants were determined in seven basic areas of otolaryngology via two-round Delphi method. The basic areas were otology-neurotology, rhinology, laryngology, head and neck surgery, pediatric otolaryngology, sleep disorders and facial plastic surgery. Additionally, we asked an open-ended question to investigate the reasons why the participants perceived themselves incompetent and undereducated, or why they needed further training in some of the basic otolaryngology areas. Results: Facial plastic surgery, otology-neurotology and head and neck surgery were the most cited training areas in the needs assessment. Training needs differed according to experience and place of work. Financial expectations, deficiencies in residency training, regression in knowledge and skills, and special interest were effective determinants on decisions of the participants while determining their training needs. Conclusion: Otolaryngologists need further training in some areas of their field due to different reasons. Determining these areas and reasons will help in designing more effective continuous medical education activities and residency training programs in otolaryngology.

Resumo: Introdução: A avaliação de necessidades específicas, que inclui a identificação das necessidades dos alunos, é um passo fundamental no desenvolvimento de programas educacionais. No entanto, essa etapa costuma ser subestimada em programas de pós-graduação em educação médica, inclusive na residência em otorrinolaringologia. Determinar as necessidades dos otorrinolaringologistas pode ajudar os educadores a projetar programas mais direcionados de treinamento em educação médica continuada. Além disso, a análise das necessidades dos especialistas pode oferecer uma visão clara sobre a eficácia dos programas de residência nessa especialidade. Objetivo: Determinar as necessidades de treinamento de especialistas em otorrinolaringologia e identificar deficiências nos programas de residência em otorrinolaringologia. Método: Este estudo descritivo e transversal incluiu 78 especialistas em otorrinolaringologia que preencheram todos os formulários de coleta de dados adequadamente. Os dados demográficos dos participantes foram coletados. As necessidades de treinamento dos participantes foram determinadas em sete áreas básicas da otorrinolaringologia com o método Delphi em duas rodadas. As áreas básicas foram otologia/neurotologia, rinologia, laringologia, cirurgia de cabeça e pescoço, otorrinolaringologia pediátrica, distúrbios do sono e cirurgia plástica facial. Além disso, uma pergunta aberta foi usada para investigar os motivos pelos quais os participantes consideravam ter pouco conhecimento ou ser incapazes de atuar nessa área, ou por que precisavam de mais treinamento em algumas dessas áreas básicas. Resultados: Na avaliação das necessidades, cirurgia plástica facial, otologia-neurotologia e cirurgia de cabeça e pescoço foram as áreas de treinamento mais relatadas. As necessidades de treinamento variaram de acordo com a experiência e o local de trabalho. Expectativas financeiras, deficiências no treinamento durante a residência, regressão do conhecimento e habilidades, além de interesse especial, foram determinantes efetivos nas decisões dos participantes ao identificar suas necessidades de treinamento. Conclusão: Por diferentes motivos, os otorrinolaringologistas precisam de mais treinamento em algumas áreas. A determinação dessas áreas e motivos ajudará a planejar atividades de educação médica continuada e programas de treinamento em residência em otorrinolaringologia mais eficazes.
Descritores: Otolaringologia/educação
Determinação de Necessidades de Cuidados de Saúde/estatística & dados numéricos
Otorrinolaringologistas/educação
Internato e Residência/estatística & dados numéricos
-Estudos Transversais
Inquéritos e Questionários
Otorrinolaringologistas/estatística & dados numéricos
Limites: Humanos
Masculino
Feminino
Adulto
Pessoa de Meia-Idade
Idoso
Tipo de Publ: Estudo Comparativo
Responsável: BR1.1 - BIREME


  8 / 314 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Cuba
Texto completo
Id: lil-446810
Autor: Hernández Jiménez, Omaida Rosa; Gómez Juanola, Manolo; Moya Rodríguez, Mayra.
Título: Caracterización socioeconómica de los ancianos pertenecientes a 2 consultorios médicos del policlínico “San Diego de los Baños” / Socioeconomic characterization of the elderly from 2 family physicians' offices of “San Diego de los Baños” Polyclinic
Fonte: Rev. cuba. enferm;22(1), ene.-abr. 2006. tab.
Idioma: es.
Resumo: Se realizó un estudio transversal y descriptivo con el propósito de caracterizar desde el punto de vista socioeconómico a la población de 60 años y más de 2 consultorios médicos del policlínico "San Diego de los Baños", durante el mes de junio de 2004. El universo estuvo constituido por 164 personas y la muestra quedó conformada al azar por 80 ancianos. Se aplicó una encuesta para recoger los datos de interés. El 56,2 por ciento de los ancianos eran activos con superioridad en el sector rural y sexo masculino. La categoría ocupacional más común fue la de campesino con prevalencia en el grupo de edad de 60-79 años. El 50,0 por ciento de los ancianos recibían sus ingresos monetarios por concepto de su jubilación y predominaron las mujeres en la categoría de trabajadoras en relación con los hombres. El 67,5 por ciento de los ancianos tenían cubiertas sus necesidades básicas pero con pocas posibilidades de destinar recursos para la recreación y actividades de esparcimiento y sólo el 11,3 por ciento cubrían todas sus necesidades. Se puede concluir que si bien fue alto el porcentaje de ancianos que cubrían con sus ingresos sus necesidades básicas, sólo una minoría cubrían estas necesidades y otras necesarias para vivir con satisfacción, con independencia de que su procedencia fuera urbana o rural(AU)

He/she was carried out a traverse and descriptive study with the purpose of characterizing from the socioeconomic point of view to the 60 year-old population and more than 2 medical clinics of the policlínico San Diego of the Bathrooms", during the month of June of 2004. The universe was constituted by 164 people and the sample was conformed at random by 80 old men. A survey was applied to pick up the data of interest. 56,2 percent of the old men was active with superiority in the rural sector and masculine sex. The most common occupational category was that of peasant with prevalencia in the group of 60-79 year-old age. 50,0 percent of the old men received its monetary revenues for concept of its jubilation and the women prevailed in the category of workers in connection with the men. 67,5 percent of the old men had covered its basic necessities but with few possibilities of dedicating resources for the recreation and esparcimiento activities and 11,3 percent only covered all its necessities. You can conclude that although it was high the percentage of old men that you/they covered with their revenues their basic necessities, a minority only covered these necessities and other necessary ones to live with satisfaction, with independence that its origin was urban or rural(AU)
Descritores: Aposentadoria
Fatores Socioeconômicos
Consultórios Médicos
Emprego/métodos
-Epidemiologia Descritiva
Estudos Transversais
Determinação de Necessidades de Cuidados de Saúde/estatística & dados numéricos
Cuba
Limites: Humanos
Masculino
Feminino
Idoso
Responsável: CU1.1 - Biblioteca Médica Nacional


  9 / 314 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Mishima, Silvana Martins
Texto completo
Texto completo
Id: biblio-881251
Autor: Nery, Adriana Alves; Mishima, Silvana Martins.
Título: Necessidades de saúde na estratégia de Saúde da Família, no município de Jequié BA: embusca de uma tradução / Health needs in the context of the Family Health Program in the city of Jequié-BA: searching to understand
Fonte: Rev. bras. med. fam. comunidade;3(9):64-65, nov. 2007.
Idioma: pt.
Descritores: Saúde da Família
-Classificação
Continuidade da Assistência ao Paciente
Determinação de Necessidades de Cuidados de Saúde
Estratégia Saúde da Família
Necessidades e Demandas de Serviços de Saúde
Responsável: BR408.1 - Biblioteca da Faculdade de Medicina - BFM


  10 / 314 LILACS  
              first record previous record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: biblio-1129811
Autor: Silveira, Andressa da; Neves, Eliane Tatsch; Zamberlan, Kellen Cervo; Pereira, Fernanda Portela; Arrué, Andrea Moreira; Pieszak, Greice Machado.
Título: A família de crianças/adolescentes hospitalizados: o grupo como estratégia de cuidado / Families of hospitalized children/adolescents: the group as a strategy of care / La familia de niños/adolescentes hospitalizados: el grupo como estrategia de cuidado
Fonte: Ciênc. cuid. saúde;11(2), 07-03-2013.
Idioma: pt.
Resumo: Com o advento do Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA - Brasil) na década de 1990, as instituições de saúde necessitaram se adequar à presença do familiar acompanhante da criança/adolescente na internação pediátrica. A presença da família neste espaço possibilita a articulação de ações educativas em saúde. Este artigo objetiva relatar a experiência do desenvolvimento de ações de educação em saúde com familiares cuidadores de crianças e adolescentes internados em um hospital do Sul do Brasil, utilizando o grupo como estratégia. O grupo de familiares vem sendo realizado desde julho de 2008, e entre as ações desenvolvidas destacam-se aquelas destinadas a facilitar a aproximação entre a equipe de enfermagem e os familiares cuidadores, instrumentalizar estes últimos para o cuidado domiciliar, oferecer-lhes suporte emocional e promover o cuidado centrado na família. Os assuntos são trazidos pelos familiares cuidadores e valorizados como temas geradores do debate, e assim, após a decodificação e recodificação temática, produzem novos conhecimentos em uma autêntica aliança de saberes. Resultados positivos têm sido apontados, tanto pelos cuidadores quanto pela equipe de enfermagem, denotando a importância da articulação de saberes no espaço grupal.

The Child and Adolescent Statute (ECA - Brazil) published in the 1990s determine that family caregivers of children/adolescents must be accepted in the pediatric hospital units. Thus, the presence of a family in this space, allows possible development of health education actions. This article aims to report the experience of developing health education activities with hospitalized children and adolescents' family caregivers, using the group as a strategy in a teaching hospital in southern Brazil. The family group meeting has been held since July 2008 and among the actions taken, it is highlighted the ones that facilitate the relationship between the nursing staff and family caregivers, the training to home care, offer of emotional support, and the promotion of family-centered care. The issues are brought by family caregivers and are, therefore, valued as generative themes of the debate and after the decoding and recoding issue, produce new knowledge in a genuine alliance of knowledge. Positive results are pointed out by caregivers and nursing staff, highlighting the articulation of knowledge in the group space.

Con el advenimiento del Estatuto del Niño y Adolescente (ECA - Brasil) en la década de 1990, las instituciones de salud necesitaron adaptarse a la presencia del familiar acompañante del niño/adolescente en la internación pediátrica. La presencia de la familia en este espacio posibilita la articulación de acciones educativas en salud. Este artículo tiene como objetivo relatar la experiencia del desarrollo de acciones de educación en salud con familiares cuidadores de niños y adolescentes internados en un hospital del Sur de Brasil, utilizando el grupo como estrategia. El grupo de familiares viene siendo realizado desde julio de 2008 y entre las acciones desarrolladas se destacan aquellas destinadas a facilitar el acercamiento entre el equipo de enfermería y los familiares cuidadores, instrumentalizar estos últimos para el cuidado domiciliario, ofrecerles apoyo emocional y promover el cuidado centrado en la familia. Los temas son traídos por los familiares cuidadores y valorados como generadores del debate y, así, después de la decodificación y recodificación temática, producen nuevos conocimientos en una verdadera alianza de saberes. Los resultados positivos han sido señalados, tanto por los cuidadores como por el equipo de enfermería, destacando la importancia de la articulación de saberes en el espacio del grupo.
Descritores: Núcleo Familiar
Criança Hospitalizada
-Enfermagem Pediátrica
Saúde da Criança
Educação em Saúde
Cuidadores
Determinação de Necessidades de Cuidados de Saúde
Promoção da Saúde
Hospitais Pediátricos
Relações Enfermeiro-Paciente
Cuidados de Enfermagem
Equipe de Enfermagem
Limites: Humanos
Masculino
Feminino
Tipo de Publ: Relatos de Casos
Responsável: BR513.1 - Biblioteca Central



página 1 de 32 ir para página                         
   


Refinar a pesquisa
  Base de dados : Formulário avançado   

    Pesquisar no campo  
1  
2
3
 
           



Search engine: iAH v2.6 powered by WWWISIS

BIREME/OPAS/OMS - Centro Latino-Americano e do Caribe de Informação em Ciências da Saúde