Base de dados : LILACS
Pesquisa : I03.450.642.287 [Categoria DeCS]
Referências encontradas : 280 [refinar]
Mostrando: 1 .. 10   no formato [Detalhado]

página 1 de 28 ir para página                         

  1 / 280 LILACS  
              next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Texto completo
Id: biblio-1128208
Autor: Machado, Caroline S; Menezes, Luana P.
Título: A dança e as alterações fisiológicas no organismo humano: um estudo de revisão / Dance and physiological Changes in the human organism: A review study
Fonte: Rev. bras. ciênc. mov;2(28):39-58, abr.-jun. 2020. ilus.
Idioma: pt.
Resumo: A busca pela saúde e longevidade atrai cada vez mais olhares da comunidade científica. Há diversas formas de se conseguir alterações fisiológicas que previnam doenças ou colaborem para modificar estados patológicos já existentes no organismo humano. Atividades diferenciadas, como é o caso da dança, têm sido um recurso utilizado na busca da prevenção de doenças e de agravos, devido à proporção terapêutica e à ação sistêmica que aquela exerce, aliada ao seu baixo custo, em com paração com outros recursos de tratamento multidisciplinar. Este artigo trata-se de uma Pesquisa Bibliográfica na modalidade revisão integrativa da literatura, tendo como objetivo, conhecer e demonstrar o que vem sendo publicado na comunidade científica sobre o impacto do exercício da dança na fisiologia humana. Como método, utilizou-se as bases de dados: PUBMED, SCIELO, LILACS, com os seguintes descritores associados: "dança, lterações fisiológicas e terapia através da dança", "dança e terapia através da dança", "dança e alterações fisiológicas", "alterações fisiológicas e terapia através da dança", tendo como critérios de inclusão do material utilizado: artigos originais, disponíveis na íntegra, publicados nas línguas portuguesa, inglesa e espanhola, entre os anos de 2013 a 2018, e que estejam relacionados com as modificações fisiológicas através da dança. Como resultados da busca englobando estas combinações, foram encontrados 2.643 artigos, e destes, foram selecionados para estudo 47 artigos. Conclui-se pelos estudos revisados e organizados no quadro sinóptico, que na relação entre a fisiologia e a dança, há diversas alterações positivas no organismo humano obtidas através da dança, seja como coadjuvante em tratamento, ou seja como fator de prevenção...(AU)

The search for health and longevity attracts more and more views from the scientific community. There are several ways to achieve physiological changes that prevent diseases or collabo rate to modify pathologicalstates already existing in the human body. Differentiated activities as in the case of dance have been a resource used in the search for prevention oficial deseases and aggravation, due to t he therapeutic proportion and systemic action, as well as the low cost compaired to other multidiscip linary treatment resources. This article is about a bibliographical research in the integrative literature review modality, with the aiming to know and demonstrate what has been published in the scientific comm unity about the impact of dance exercise on human physiology. As a method, the following databases were used: PUBMED, SCIELO, LILACS, with the following associated descriptors: "dance, physiological chan ges and therapy through dance", "dance and therapy through dance" and "dance and physiological ch anges" , "Physiological changes and therapy through dance", with the following inclusion criteria: original articles, available in full mode, published in Portuguese, English and Spanish languages, between the years 2013 to 2018, and that have been related to the physiological changes through the dance. As search results encompassing these combinations were found 2.643 articles, and seleções for study 4 7 articles. It was conclude from the reviewed studies that were organized in the synoptic table, that the relationship between physiology and dance, there are several positive changes in the human organism obtained through dance, either as an adjunct in treatment, or as a prevention factor...(AU)
Descritores: Fisiologia
Terapêutica
Exercício Físico
Saúde
Terapia através da Dança
Dança
PubMed
LILACS
Literatura
Longevidade
-Patologia
Doença
Limites: Humanos
Masculino
Feminino
Tipo de Publ: Revisão
Revisão Sistemática
Responsável: BR1552.1 - Biblioteca Central


  2 / 280 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: biblio-1116974
Autor: Simas, Joseani Paulini Neves; Macara, Ana; Melo, Sebastião Iberes Lopes.
Título: Sintomas de Transtorno Alimentar e Satisfação com Imagem Corporal em Bailarinos Profissionais de Dança Contemporânea / Symptoms of Eating Disorders and Satisfaction With Body Image in Contemporary Dancing Professional Dancers
Fonte: Rev. méd. Minas Gerais;30:e-3004, 2020.
Idioma: pt.
Resumo: INTRODUÇÃO: Na dança contemporânea os bailarinos se apresentam com uma diversidade de aparência corporal, podendo estar contribuindo com uma imagem corporal e com menos sintomas de transtornos alimentares. OBJETIVOS: verificar a prevalência de sintomas de transtorno alimentar em bailarinos profissionais brasileiros de dança contemporânea de ambos os gêneros, bem como averiguar possíveis associações com a satisfação com a imagem corporal. MÉTODOS: participaram do estudo 76 bailarinos com média de idade 26.72 (+/-6.88) anos de companhias de dança contemporâneas brasileiras. Foi utilizado um questionário multidimensional contendo questões sobre informações gerais e da prática, características físicas , imagem corporal e transtorno alimentar . Os dados foram analisados através da estatística descritiva e inferencial não paramétrica. RESULTADOS: os bailarinos de dança contemporânea possuem um IMC dentro da referência de normalidade. A maioria dos bailarinos encontra-se satisfeitos com a imagem corporal e diferenças significativas indicaram diferenças entre os gêneros, onde os homens estão mais satisfeitos com a imagem corporal do que as mulheres. Tem-se uma prevalência de presença sintomas para transtornos alimentares de 14,5%, e as mulheres são mais propensas a desenvolver sintomas de transtornos alimentares do que os homens. CONCLUSÃO: os bailarinos de dança contemporânea, apresentaram uma prevalência significativa de presença de sintomas de transtornos alimentares, e que o gênero pode levar a percepções diferenciadas: os bailarinos estão mais satisfeitos com a imagem corporal do que as bailarinas, mas as bailarinas são mais vulneráveis aos sintomas de transtornos alimentares do que os bailarinos. (AU)

Introduction: In contemporary dance the dancers present with a diversity of body appearance, being able to be contributing with a body image and with less symptoms of eating disorders. Objectives: to verify the prevalence of eating disorder symptoms in Brazilian contemporary dance dancers of both genders, as well as to investigate possible associations with satisfaction with body image. Methods: 76 professional dancers with a mean age of 26.72 (+/- 6.88) years of Brazilian contemporary dance companies participated in the study. A multidimensional questionnaire containing questions about general and practice information, physical characteristics, body image and eating disorder was used. The data were analyzed through the statistical descriptive and non-parametric inferential. Results: Contemporary dance dancers have a BMI within the normal range. Most dancers are satisfied with body image and significant differences indicate differences between genders, where men are more satisfied with body image than women. It has a prevalence of presence symptoms for eating disorders of 14.5%, and women are more likely to develop symptoms of eating disorders than men. Conclusion: contemporary dance dancers had a significant prevalence of eating disorders symptoms, and that gender may lead to different perceptions: dancers are more satisfied with body image than dancers, but dancers are more vulnerable to symptoms of eating disorders than the dancers. (AU)
Descritores: Imagem Corporal
Transtornos da Alimentação e da Ingestão de Alimentos/epidemiologia
Dança
-Índice de Massa Corporal
Prevalência
Estudos Transversais
Distribuição por Sexo
Aparência Física
Correlação de Dados
Limites: Humanos
Masculino
Feminino
Adulto
Responsável: BR1561.1 - Biblioteca Virtual AMMG


  3 / 280 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: biblio-1009862
Autor: Schmidek, Helena Cristina Medeiros Vieira; Schmidek, Werner Robert; Pedrão, Luiz Jorge.
Título: A vivência da corporeidade por pessoas com deficiência visual por meio da Biodanza / Bodily experience through Biodanza in people with visual impairment / La vivencia de corporeidad en personas con deficiencia visual a través de la Biodanza
Fonte: Rev. enferm. UERJ;27:e39714, jan.-dez. 2019.
Idioma: pt.
Resumo: Objetivo: refletir sobre a vivência da corporeidade por pessoas portadoras de deficiência visual. Conteúdo: são poucas as oportunidades oferecidas às pessoas portadoras de deficiência visual de experimentar o seu corpo em movimento, experienciar sua corporeidade, num mundo onde a conexão com o corpo está cada vez mais se distanciando no dia-a-dia. O método utilizado é trazido, principalmente, por Rolando Toro Araneda, no tocante à importância de ambientes pedagógicos, como a Biodanza, para que a vivência da corporeidade seja resgatada. Conclusão: este processo reflexivo permitiu considerar, que a prática da Biodanza pelas pessoas em questão, contribui no resgate da sua corporeidade, por possibilitar a ampliação de seus repertórios motores através da dança e de um reaprendizado emocional através da vivência. Oferece contribuição à enfermagem, uma vez que amplia o leque de possibilidades para a expansão do olhar empático do enfermeiro para essas questões, em sua prática profissional.

Objective: to reflect on body experience in people with sight loss. Content: people with visual impairment are offered few opportunities to experience their body in motion and to experience their corporality, in a world where connection with the body is increasingly distant in daily life. The method used was drawn mainly from Rolando Toro Araneda, as regards the importance of teaching environments, such as Biodanza, for the experience of corporality to be restored. Conclusion: this reflective process made it possible to assert that, for the people in question, the practice of Biodanza contributed to restoring their corporality by enabling their motor repertoires to be expanded through dance and an emotional relearning through lived experience. It offers a contribution to nursing, since it broadens the range of possibilities for expanding nurses' empathetic regard to these issues as they practice their profession.

Objetivo: reflexionar sobre la vivencia de corporeidad en personas portadoras de deficiencia visual. Contenido: son pocas las oportunidades ofrecidas a las personas portadoras de deficiencia visual de tener la experiencia de su cuerpo en movimiento, de su corporeidad, en un mundo donde la conexión con el cuerpo está alejándose cada vez más en el cotidiano. El método usado lo aporta, principalmente, Rolando Toro Araneda, en lo que se refiere a la importancia de ambientes pedagógicos, como la Biodanza, para rescatar la vivencia de corporeidad. Conclusión: este proceso reflexivo permitió considerar que la práctica de Biodanza por las personas en cuestión, contribuye para el rescate de la corporeidad por posibilitar la ampliación de sus repertorios motores a través de la danza y de un reaprendizaje emocional a través de la vivencia. Contribuye también a la enfermería, ya que amplía el abanico de posibilidades para la expansión de la mirada empática del enfermero a esas cuestiones, en su práctica profesional.
Descritores: Terapias Complementares
Terapias Complementares/psicologia
Relações Metafísicas Mente-Corpo
Pessoas com Deficiência Visual
Terapia através da Dança
-Transtornos da Visão
Sistema Único de Saúde
Terapias Complementares/métodos
Dança
Limites: Humanos
Masculino
Feminino
Responsável: BR1366.1 - Biblioteca Biomédica B - CB/B (Odontologia e Enfermagem)


  4 / 280 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Texto completo
Id: biblio-1128282
Autor: Oliveira, Viviane Maria Moraes de; Lopes, Juliana Siqueira.
Título: Motivação para a prática de balé clássico por mulheres adultas / Motivation for classic ballet practice by adult women
Fonte: Rev. bras. ativ. fís. saúde;25:1-6, set. 2020. tab.
Idioma: pt.
Resumo: A motivação para a prática de qualquer exercício físico é a base determinante para conhecer a escolha da modalidade, adesão e a desistência da mesma. O objetivo deste estudo foi identificar os fatores que levam a mulher adulta a escolher o balé clássico enquanto atividade física, bem como verificar se existe associação significativa entre as dimensões motivacionais para a prática do balé segundo o tempo de prática e grupo de idades. Foi aplicado o questionário Inventário de Motivação à Prática Regular de Atividade Física em 42 mulheres que iniciaram a prática do balé clássico após os 18 anos de idade, e que praticam a modalidade em escolas de danças na cidade de Caruaru, Pernambuco. As mulheres optaram pelo balé clássico por diversos motivos, sendo os principais deles prazer e sociabilidade. Além disso, a competitividade foi um fator motivacional que se destacou entre as participantes mais jovens

The motivation to practice any exercise is the determining basis for knowing the choice of the modality, adherence and the withdrawal from it. The aim of this study was to identify the factors that lead adult women to choose classical ballet as a physical activity. As well as checking if there is a significant association between the motivational dimensions for the practice of ballet according to the time of practice and age group. The Motivation Inventory Questionnaire for Regular Physical Activity was applied to 42 women who started classical ballet after 18 years of age, and who practice the modality in dance schools in the city of Caruaru, Pernambuco. Women opted for classical ballet for several reasons, the main ones being pleasure and sociability, in addition competitiveness was a motivational factor that stood out among the younger participants
Descritores: Dança
Motivação
Atividade Motora
Responsável: BR12.1 - Biblioteca Setorial da Ciências da Saúde


  5 / 280 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: lil-790071
Autor: Ghisi, Juan Pablo; Ghioldi, Marcelo.
Título: Instrucción Ortopédica de Posgrado - IOP - Imágenes. Presentación del caso / Post-graduate Orthopedic Instruction - Images. Case report
Fonte: Rev. Asoc. Argent. Ortop. Traumatol;81(2):151-152, 2016.
Idioma: es.
Descritores: Dança/lesões
Fraturas Ósseas
Ílio/lesões
Limites: Adolescente
Responsável: AR337.1 - Biblioteca A.A.O.T.


  6 / 280 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: biblio-835459
Autor: Lencina, Omar.
Título: Carta al Editor. Fractura por avulsion de la espina iliaca anterosuperior. Rev. Asoc. Argent. Ortop. Traumatol 81 (3) 236-8, 2016 / Letter to the Editor
Fonte: Rev. Asoc. Argent. Ortop. Traumatol;81(4):320-320, 2016.
Idioma: es.
Descritores: Dança/lesões
Dor
Fraturas Ósseas
Ílio/lesões
Ílio
Pelve/lesões
Limites: Feminino
Adolescente
Tipo de Publ: Carta
Responsável: AR337.1 - Biblioteca A.A.O.T.


  7 / 280 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: biblio-842499
Autor: Ghisi, Juan Pablo; Ghioldi, Marcelo.
Título: Instrucción Ortopédica de Posgrado - IOP - Imágenes / Post-graduate Orthopedic Instruction - Images
Fonte: Rev. Asoc. Argent. Ortop. Traumatol;81(3):236-238, set. 2016. ilus.
Idioma: es.
Descritores: Dor
Pelve/lesões
Dança/lesões
Fraturas Ósseas
Ílio/lesões
Ílio/diagnóstico por imagem
Limites: Feminino
Adolescente
Responsável: AR337.1 - Biblioteca A.A.O.T.


  8 / 280 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: biblio-977656
Autor: Borges, Eliane Gomes da Silva; Vale, Rodrigo Gomes de Souza; Pernambuco, Carlos Soares; Cader, Samaria Ali; Sá, Selma Pedra Chaves; Pinto, Francisco Miguel; Regazzi, Isabel Cristina Ribeiro; Knupp, Virginia Maria de Azevedo Oliveira; Dantas, Estélio Henrique Martin.
Título: Effects of dance on the postural balance, cognition and functional autonomy of older adults / Efectos del baile en el equilibrio postural, en la cognición y en la autonomía funcional de los ancianos / Efeitos da dança no equilíbrio postural, na cognição e na autonomia funcional de idosos
Fonte: Rev. bras. enferm;71(supl.5):2302-2309, 2018. tab, graf.
Idioma: en.
Resumo: ABSTRACT Objective: to evaluate the postural balance, cognition and functional autonomy of older adults with dementia, who are long-stay inpatients, subjected to ballroom dancing. Method: simple randomized clinical study. Older adult sample: control group (30) and experimental group (30). The groups were subjected to the protocol of functional autonomy for activities of daily living; to the assessment of cognition (mini-mental state examination); and to the analysis of postural balance (stabilometric and postural platforms). The analysis of variance with repeated measures for group and time factors, and Scheffé's post hoc test were used, with significance of p < 0.05. Results: For the mini-mental state examination, the control group presented a 24.27 mean, and the experimental 22.75. Functional autonomy for activities of daily living - experimental: 54.47 ± 7.24 (p < 0.0001) x control: 61.77 ± 8.47 (p = 0.011). Postural balance - experimental: X = 3.16 ± 3.44 (p = 0.02) x control = X = 6.30 ± 7.62 (p = 0.04). Conclusion: Ballroom dancing can be recommended for older adults to provide improvement in their balance and motor performance of the activities of daily living.

RESUMEN Objetivo: evaluar el equilibrio postural, la cognición y la autonomía funcional de los ancianos con demencia, institucionalizados de larga permanencia, sometidos al baile de salón. Método: estudio clínico aleatorizado simple. Muestra de ancianos: grupo control (30) y grupo experimental (30). Los grupos fueron sometidos al protocolo de autonomía funcional para actividades de la vida diaria, a la evaluación de la cognición (mini examen del estado mental), y el análisis del equilibrio postural (pedana estabilométrica y posturométrica). Se hizo el análisis de la varianza, con medidas repetidas en los factores grupo y tiempo, y el post hoc de Scheffé, con significancia p < 0,05. Resultados: El grupo control presentó en el mini examen del estado mental promedio de 24,27, y el experimental 22,75. Autonomía funcional para actividades de la vida diaria - experimental: 54,47 ± 7,24 (p<0,0001) × control: 61,77 ± 8,47 (p = 0,011). Equilibrio postural - experimental: X = 3,16 ± 3,44 (p = 0,02) × control = X = 6,30 ± 7,62 (p= 0,04). Conclusión: El baile de salón debe ser indicado para proporcionar una mejora en el equilibrio y el rendimiento motor en las actividades de la vida diaria de los ancianos.

RESUMO Objetivo: avaliar o equilíbrio postural, a cognição e a autonomia funcional de idosos com demência, institucionalizados de longa permanência, submetidos à dança de salão. Método: estudo clínico randomizado simples. Amostra de idosos: grupo controle (30) e grupo experimental (30). Os grupos foram submetidos ao protocolo de autonomia funcional para atividades da vida diária; à avaliação da cognição (miniexame do estado mental); e à análise do equilíbrio postural (pedana estabilométrica e posturométrica). Fez-se a análise de variância, com medidas repetidas nos fatores grupo e tempo, e o post hoc de Scheffé, com significância p < 0,05. Resultados: O grupo controle apresentou no miniexame do estado mental média de 24,27, e o experimental 22,75. Autonomia funcional para atividades da vida diária - experimental: 54,47 ± 7,24 (p < 0,0001) x controle: 61,77 ± 8,47 (p = 0,011). Equilíbrio postural - experimental: X = 3,16 ± 3,44 (p = 0,02) x controle = X = 6,30 ± 7,62 (p = 0,04). Conclusão: A dança de salão deve ser indicada para proporcionar melhora no equilíbrio e no desempenho motor nas atividades da vida diária de idosos.
Descritores: Autonomia Pessoal
Dança
Equilíbrio Postural/fisiologia
-Brasil
Atividades Cotidianas
Cognição/fisiologia
Limites: Humanos
Masculino
Feminino
Idoso
Idoso de 80 Anos ou mais
Tipo de Publ: Ensaio Clínico Controlado Aleatório
Responsável: BR1.1 - BIREME


  9 / 280 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: lil-481926
Autor: Pe±a, Norberto; Leite, Carla.
Título: Prevalência e incidência de dor lombar entre bailarinos da Escola de Dança da Universidade Federal da Bahia / Prevalence and incidence of low back pain between dancers of the School of Dance at the Federal University of Bahia
Fonte: Rev. Ciênc. Méd. Biol. (Impr.) = J. med. biol. sci;3(1):30-34, jan.-jun. 2004. tab.
Idioma: pt.
Resumo: A prevalência de dor lombar (DL) na população geral tem sido estudada por vßrios autores, porém estes estudos não são freqüentes na área de arte e esportes. O objetivo do presente estudo foi estabelecer evidências da freqüência da dor lombar entre dançarinos da Escola da Dança da UFBA. A metodologia empregada contemplou um estudo transversal prospectivo para determinar a prevalência de DL, e um estudo de coorte para estabelecer a incidência de DL. Para estabelecer a prevalência, foram avaliadas quatro amostras consecutivas e, para o estudo de incidência, uma coorte de n=27 alunos foi acompanhada durante três anos. Os resultados revelaram que, de acordo com o estimador intervalar e com uma confiabilidade de 95 por cento, a prevalência de DL máxima foi de 47 por cento. A incidência oscilou entre 30,4 por cento e 40,7 por cento. Conclui-se que a prevalência de DL entre dançarinos parece não ser maior do que a da população geral. Os índices de incidência de DL indicariam uma freqüência endêmica leve a moderada de DL nesta população de dançarinos.
Descritores: Dança/lesões
Dor Lombar/epidemiologia
Limites: Humanos
Masculino
Feminino
Responsável: BR337.1 - Biblioteca


  10 / 280 LILACS  
              first record previous record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: lil-530621
Autor: Peña, Norberto; Mattar, Márcia; Leite, Carla; Lima, Joana; Teixeira, Jamille.
Título: Pode dançar provocar dor no joelho? / Can dance provoke knee pain?
Fonte: Rev. Ciênc. Méd. Biol. (Impr.) = J. med. biol. sci;6(3):311-315, set.-dez. 2007. tab.
Idioma: pt.
Resumo: A dor no joelho e uma das queixas mais freqüentes entre dançarinos. O objetivo deste trabalho foi estabelecer a prevalência e a incidência cumulativa de dor no joelho para melhor entender a relação entre dançar e o corpo do dançarino. Constituíram a amostra 47 alunos da Escola de Dança da UFBA. Para estabelecer a freqüência de dor no joelho foram escolhidos dois desenhos metodológicos: um estudo prospectivo, para estabelecer a prevalência, e um estudo de coorte, para verificar a incidência cumulativa da variável. Como resultado, verificou-se que a prevalência de dor no joelho entre 47 alunos foi de 31.9 por cento (15 alunos). A incidência representada manteve-se entre 13.3 por cento e 2.2 por cento, apresentando uma gradativa tendência à diminuição.
Descritores: Dança
Joelho/anormalidades
Prevalência
Limites: Humanos
Masculino
Feminino
Adulto
Responsável: BR337.1 - Biblioteca



página 1 de 28 ir para página                         
   


Refinar a pesquisa
  Base de dados : Formulário avançado   

    Pesquisar no campo  
1  
2
3
 
           



Search engine: iAH v2.6 powered by WWWISIS

BIREME/OPAS/OMS - Centro Latino-Americano e do Caribe de Informação em Ciências da Saúde