Base de dados : LILACS
Pesquisa : I03.946.225 [Categoria DeCS]
Referências encontradas : 47 [refinar]
Mostrando: 1 .. 10   no formato [Detalhado]

página 1 de 5 ir para página              

  1 / 47 LILACS  
              next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: biblio-1092384
Autor: Sela, Vilma Meurer; Gonzalez, Lauro; Christopoulos, Tania P.
Título: Construção da agenda de inclusão financeira à luz da Teoria Ator-Rede / Construcción de la agenda de inclusión financiera a la luz de la teoría actor-red / Construction of the financial inclusion agenda in light of the actor-network theory
Fonte: Rev. adm. pública (Online);54(1):162-180, jan.-fev. 2020. graf.
Idioma: pt.
Resumo: Resumo Este artigo procurou compreender a atuação dos atores no processo de construção social da agenda de inclusão financeira no Brasil, utilizando a Teoria Ator-Rede (TAR) como lente teórica, visto que a formação da agenda pode ser compreendida como um contínuo processo de associações que envolve diferentes mediadores. Os dados foram coletados por meio de entrevistas semiestruturadas com representantes das instituições envolvidas no processo de construção da agenda em tela, bem como de fontes documentais. A dinâmica do processo de construção da agenda de inclusão financeira foi analisada considerando os quatro momentos da translação (problematização, atração de interesses, recrutamento e mobilização) apresentados na literatura pertinente. Verificou-se que a agenda de inclusão financeira no Brasil é fruto de um processo incremental, que contou com a atuação de uma ampla gama de atores (do governo, do mercado, fomentadores e estudiosos e internacionais) e que foi influenciada por alguns elementos não humanos, destacando-se o Banco Central do Brasil (BCB) como ator focal do processo.

Resumen Este artículo se propuso comprender el papel de los actores en el proceso de construcción social de la agenda de inclusión financiera en Brasil, utilizando la teoría del actor-red (TAR) como lente teórica, ya que la formación de la agenda puede entenderse como un proceso continuo de asociaciones que involucra a diferentes mediadores. Los datos se recolectaron a través de entrevistas semiestructuradas con representantes de las instituciones involucradas en el proceso de construcción de la agenda en cuestión, así como de fuentes documentales. Se analizó la dinámica del proceso de construcción de la agenda de inclusión financiera considerando los cuatro momentos de la traducción (problematización, participación, enrolamiento y movilización) presentados en la literatura relevante. Se comprobó que la agenda de inclusión financiera en Brasil es el resultado de un proceso incremental, al que asistieron una amplia gama de actores (gobierno, mercado, desarrolladores y académicos, así como internacionales) y que fue influenciada por algunos elementos no humanos, entre los que se destaca el Banco Central do Brasil (BCB) como el actor central del proceso.

Abstract This article adopts the perspective of the actor-network theory to understand the role of the actors in the process of social construction of the financial inclusion agenda, considering that agenda-setting can be seen as a continuous process of associations that involves different mediators. Data were collected through semi-structured interviews with representatives of the institutions involved in the process of agenda-setting examined, as well as from documentary sources. The dynamics of the process of developing the financial inclusion agenda were analyzed considering the four moments (problematization, interessement, enrolment, and mobilization) presented in the relevant literature. The research found out that the financial inclusion agenda in Brazil is the result of an incremental process, which was attended by a wide range of actors (government, market, developers and scholars, and also international actors) and it was influenced by some non-human elements, among which the Central Bank of Brazil (BCB) stands out as the focal actor of the process.
Descritores: Admissão e Escalonamento de Pessoal
Política Financeira
Administração Financeira
-Política Pública
Limites: Humanos
Masculino
Feminino
Tipo de Publ: Entrevista
Responsável: BR67.1 - CIR - Biblioteca - Centro de Informação e Referência


  2 / 47 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Texto completo
Id: biblio-1116762
Autor: Conselho Nacional de Secretários de Saúde (Brasil).
Título: Os desafios da gestão do trabalho nas secretarias estaduais de saúde no Brasil / The challenges of work management in the state health departments in Brazil.
Fonte: Brasília; CONASS; 2019. 101 p. (CONASS documenta, 32).
Idioma: pt.
Resumo: A gestão do trabalho é o foco deste livro, que apresenta um diagnóstico sobre o funcionamento dos Setores de Gestão do Trabalho das Secretarias Estaduais de Saúde no Brasil, sendo a relevância deste trabalho ressaltada pela perspectiva de fortalecer a capacidade de gestão desses setores analisados. Ao apresentar os resultados da pesquisa realizada, os autores optaram pela descrição detalhada dos achados tendo em vista que eles podem ser usados para reflexão e análise das equipes estaduais, servindo de subsídio para impulsionar o aprimoramento da gestão do trabalho e, consequentemente, do serviço assistencial. Resultado de convênio assinado entre o Ministério da Saúde e a Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN), esta publicação faz parte de um conjunto de produtos acordado entre as citadas instituições no âmbito do Projeto de Apoio ao Desenvolvimento Institucional e Fortalecimento das Estruturas de Gestão do Trabalho das Secretarias Estaduais de Saúde. O ponto de partida do projeto consistiu em compreender o funcionamento e as fragilidades dos setores que têm como atribuição a gestão do trabalho. A realização deste projeto reforça a parceria entre o Departamento de Gestão do Trabalho em Saúde (DEGTS) da Secretaria de Gestão do Trabalho e da Educação na Saúde (SGTES) do Ministério da Saúde com o Observatório de Recursos Humanos, com o Departamento de Saúde Coletiva e com o Núcleo de Estudos em Saúde Coletiva da UFRN. Considerando que é de reponsabilidade do DEGTS propor, incentivar, acompanhar e elaborar políticas de gestão e planejamento e regulação do trabalho em saúde, esperamos que este trabalho não alcance apenas as secretarias estaduais de saúde com este projeto, pois acreditamos que os desafios apresentados para a gestão do trabalho estadual são compartilhados com as gestões das secretarias municipais de saúde.
Descritores: Admissão e Escalonamento de Pessoal/organização & administração
Administração em Saúde Pública/estatística & dados numéricos
Conselhos de Saúde/organização & administração
Gestor de Saúde
Planejamento
-Brasil
Limites: Humanos
Masculino
Feminino
Responsável: BR1.1 - BIREME


  3 / 47 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Id: lil-86618
Autor: Bezerra, Ana Lúcia Queiroz.
Título: Educaçäo continuada na assistência de enfermagem: relato de experiências; enfermeira adaptaçäo da recém-admitida / Education continuing in the assistance nursing: report of experience nurse-adaptation of newly-contracted
Fonte: In: Anon. Anais do Primeiro Ciclo de Debates sobre Assistência de Enfermagem. s.l, s.n, 1988. p.109-13.
Idioma: pt.
Conferência: Apresentado em: Ciclo de Debates sobre Assistência de Enfermagem, 1, Säo Paulo, 29-31 out. 1988.
Descritores: Educação Continuada em Enfermagem
Cuidados de Enfermagem
Admissão e Escalonamento de Pessoal
-Recursos Humanos de Enfermagem no Hospital
Responsável: BR21.1 - Biblioteca J Baeta Vianna- Campus Saúde UFMG
BR21.1/WY3*CIEN


  4 / 47 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: lil-597098
Autor: Rossetti, Ana Cristina; Gaidzinski, Raquel Rapone.
Título: Estimating the nursing staff required in a new hospital / Estimativa do quadro de pessoal de enfermagem em um novo hospital / Estimación de personal de enfermería en un hospital nuevo
Fonte: Rev. latinoam. enferm;19(4):1011-1017, July-Aug. 2011. tab.
Idioma: en.
Resumo: Opening a new hospital poses a complex and consequential set of challenges. One of these challenges is to estimate the nursing staff. The aim of this article is to report the entire process adopted to estimate the required nursing staff for a new Hospital in Brazil. The nursing staff was projected according to the Brazilian Federal Nursing Council (Cofen). We applied an equation to estimate nursing staff and compared the results with two other existing hospitals. A significant difference (p<0.05) was observed when comparing the Nurse-License Practice Nurse ratio recommended by Cofen between the new Hospital and other hospitals. This statistical difference is mostly due to reduced nurse staff in intensive care units. Almost one year after the hospital opened its doors, it is necessary to review nursing staff hours with the real information to reinforce the expenditure on these personnel and to evaluate the decisions made so far.

Abrir um novo hospital é desafio complexo e passível de consequências. Um desses desafios é estimar o quadro de pessoal de enfermagem. O objetivo deste artigo foi relatar o processo adotado para estimar o quadro de pessoal de enfermagem em um novo hospital, no Brasil. O quadro de enfermagem desse hospital foi projetado segundo o método recomendado pelo Conselho Federal de Enfermagem (COFEN). Os resultados foram comparados com o dimensionamento de dois hospitais semelhantes, já em funcionamento. Houve diferença significativa (p<0,05) quando se comparou a relação enfermeiro/técnico/auxiliar de enfermagem, recomendada pelo COFEN, nos três hospitais. Essa diferença, estatisticamente significante, foi decorrente do reduzido quadro de enfermeiros, nas unidades de terapia intensiva. Após um ano de sua inauguração, foi necessário rever o quadro de enfermagem projetado, considerando as informações reais para justificar o custo do pessoal de enfermagem e avaliar as decisões tomadas até o momento.

Abrir un nuevo hospital es un asunto complejo y sujeto a consecuencias. Uno de los desafíos es estimar el personal de enfermería. El objetivo de este trabajo es describir el proceso adoptado para estimar el personal de enfermería en un hospital nuevo en Brasil. El número de enfermeras del nuevo Hospital fue calculado de acuerdo con el método recomendado por el Consejo Federal de Enfermería de Brasil (Cofen). Los resultados se compararon con dos hospitales similares, ya en funcionamiento. Se encontró una diferencia significativa (p <0,05) con respecto a la relación entre enfermeras y auxiliares de enfermería recomendado por Cofen en los tres hospitales. Esta diferencia estadística se debe principalmente al menor número de enfermeras en las unidades de cuidados intensivos. Casi dos años después de su apertura es necesario revisar el número de enfermeras teniendo en cuenta la información real para justificar el coste de personal y evaluar las decisiones adoptadas hasta el momento.
Descritores: Recursos Humanos de Enfermagem no Hospital/organização & administração
Admissão e Escalonamento de Pessoal/organização & administração
Limites: Humanos
Responsável: BR1.1 - BIREME


  5 / 47 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo SciELO Brasil
Castilho, Valéria
Texto completo
Texto completo
Texto completo
Id: lil-470853
Autor: Telles, Sandra Cristina Ribeiro; Castilho, Valéria.
Título: Staff cost in direct nursing care at an intensive care unit / Costo de los profesionales en la atención directa de enfermería en la unidad de cuidados intensivos / Custo de pessoal na assistência direta de enfermagem em unidade de terapia intensiva
Fonte: Rev. latinoam. enferm;15(5):1005-1009, set.-out. 2007. graf.
Idioma: en; es; pt.
Resumo: This quantitative case study aimed to learn and analyze the personnel cost in nursing direct care in the intensive care unit. We opted to use a therapeutic intervention score index, TISS-28, for the analysis of the indirect gravity of patients and the dimension of the nursing staff working time. Evaluating the cost by a gravity score presented to be a logical and relatively simple method to allocate costs per patient in the intensive care unit. In this exploratory and descriptive study, the average TISS-28 per patient was 31 points, requiring a daily expenditure of care hours of R$ 298.69. It was evidenced in this study that personnel costs are variable since there are patients with different complexities. Therefore is possible to estimate the nursing staff cost by assessing its work load.

Con este estudio de caso con aproximación cuantitativa, pretendemos conocer y analizar el costo de los profesionales en la atención directa de enfermería en una unidad de cuidados intensivos. Optamos por la utilización de un índice de intervenciones terapéuticas, TISS-28, para análisis de la gravedad indirecta de los pacientes y dimensionamiento del tiempo de trabajo del equipo de enfermería. Al indagar el costo como un índice de gravedad éste se mostró un método lógico y relativamente sencillo de presupuestar costos por paciente en la unidad de cuidados intensivos. En este estudio, el TISS-28 promedio por paciente fue de 31 puntos, lo que demandó un costo diario de R$ 298,69 de horas de atención de enfermería. En este trabajo, se identificó que el costo de los profesionales es variable, pues existen pacientes con diversas complejidades y muy diferentes, siendo posible, por medio de la evaluación de la carga de trabajo del equipo de enfermería, establecer estimativas individuales de su costo.

Pretendeu-se com este estudo de caso, com abordagem quantitativa, conhecer e analisar o custo de pessoal na assistência direta de enfermagem em unidade de terapia intensiva. Optou-se pela utilização de um índice de intervenções terapêuticas, TISS-28, para análise da gravidade indireta dos pacientes e dimensionamento do tempo de trabalho da equipe de enfermagem. Evidenciou-se, neste trabalho, que o custo com pessoal é variável, pois há pacientes com complexidades bem diferentes, sendo possível, por meio da avaliação da carga de trabalho da equipe de enfermagem, estabelecer estimativas individuais de seu custo. Neste estudo o TISS-28 médio por paciente foi de 31 pontos, demandando custo diário de horas de assistência de enfermagem de R$ 298,69. Apurar o custo por um índice de gravidade mostrou-se método lógico e relativamente simples de alocação de custos por paciente em unidade de terapia intensiva.
Descritores: Custos Hospitalares
Unidades de Terapia Intensiva
Recursos Humanos de Enfermagem no Hospital/provisão & distribução
Admissão e Escalonamento de Pessoal/economia
-Brasil
Alocação de Custos
Unidades de Terapia Intensiva/economia
Cuidados de Enfermagem
Recursos Humanos de Enfermagem no Hospital/economia
Fatores de Tempo
Carga de Trabalho
Limites: Humanos
Responsável: BR26.1 - Biblioteca Central


  6 / 47 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Cunha, Isabel Cristina Kowal Olm
Texto completo
Id: lil-417762
Autor: Holanda, Flávia Lilalva de; Cunha, Isabel Cristina Kowal Olm.
Título: Tempo de permanência de enfermeiros em um hospital-escola e valores monetários despendidos nos processos de admissão, desligamento e provimento de novo profissional / Time of permanence of nurses at a school-hospital and expenses related to admission, resignation and hiring of a new professional
Fonte: Rev. latinoam. enferm;13(5):642-647, set.-out. 2005. tab.
Idioma: pt.
Resumo: Este estudo descritivo teve como objetivo conhecer o tempo de permanência dos enfermeiros numa instituição hospitalar e sua relação com o valor monetário em horas/salário, referente à admissão, à saída e ao provimento de novo enfermeiro. Foram analisados os registros de saída de 109 enfermeiros de um hospital na zona leste da cidade de São Paulo, no período de 2000 a 2002, fornecidos pelo Departamento de Recursos Humanos em 2003, bem como os valores monetários em horas/salário do pessoal envolvido no processo de seleção, admissão, treinamento e demissão. O estudo mostrou que o tempo de permanência do enfermeiro na instituição foi curto (média de 20 meses e mediana 18); 30,53 por cento dos enfermeiros deixaram o hospital com menos de 1 ano; o valor monetário médio para admissão e desligamento de enfermeiros foi de R$ 881,43 o tempo de permanência breve duplicou o custo para a contratação de novo profissional.
Descritores: Recursos Humanos de Enfermagem no Hospital
Admissão e Escalonamento de Pessoal/economia
Salários e Benefícios/economia
-Mobilidade Ocupacional
Limites: Humanos
Responsável: BR26.1 - Biblioteca Central


  7 / 47 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Id: lil-754528
Autor: Morais, Joice Aparecida de; Silva, Juliana Marisa Teruel Silveira da; Haddad, Maria do Carmo Fernandez Lourenço; Pissinati, Paloma de Souza Cavalcante.
Título: Processo de contratação coletiva de trabalhadores em hospital público de média complexidade / Hiring process of collective public hospital workers in medium complexity
Fonte: Rev. enferm. Cent.-Oeste Min;4(2):1173-1184, maio-ago.2014.
Idioma: pt.
Resumo: Objetiva-se descrever o processo de contratação coletiva de trabalhadores em hospital público de médiacomplexidade. Trata-se de um estudo descritivo, de abordagem quantitativa. Utilizaram-se dados secundários obtidosem questionários aplicados para 259 funcionários no ato da contratação. A análise estatística descritiva foi realizada por meio do programa Statistical Package for the Social Sciences Statisticsn.19. A maioria dos servidores, 69,4%, pertencia à equipe de enfermagem. Os trabalhadores foram acolhidos e iniciaram o treinamento admissional, no qual foi abordado temas sobre normas da instituição e perfil dos pacientes. Para favorecer o desempenho das lideranças, várias ações de educação continuada foram ministradas aos enfermeiros dos diferentes turnos. Conclui-se que a contratação de um elevado número de profissionais gera repercussões gerenciais à instituição. Os gestores devem buscar estratégias facilitadoras para este processo, entre as quais se destacam o programa de acolhimento admissional e as ações de educação continuada realizadas no hospital de estudo.

It has been designed to describe the process of collective bargaining for workers in a public hospital of mediumcomplexity. This is a descriptive with a quantitative approach. We used secondary data obtained from questionnaires administered to 259 employees upon hiring. Descriptive statistical analysis was performed using the Statistical Package for the Social Sciences Statistics n. 19 program. Most servers, 69.4% belonged to the nursing staff. All workers were welcomed with an admission training that helped reduce the disparity of experiences of professionals. To enhance the performance of the leadership offered up actions for continuing education to nurses on different shifts.We conclude that the recruitment of a large number of professionals generates implications for the institution.Managers should seek strategies to facilitate this process, among which stand out the host program admission and actions continuing education conducted in the study hospital.

Ha sido diseñado para describir el proceso de la negociación colectiva para los trabajadores de un hospital público de mediana complejidad. Este es un estudio descriptivo, con abordaje cuantitativo. Utilizamos datos secundarios obtenidos de cuestionarios administrados a 259 empleados al ser contratados. Se realizó un análisis estadístico descriptivo utilizando el paquete estadístico para el programa Statistical Package for the Social Sciences Statisticsn.19. La mayoría de los servidores, 69,4%, pertenecían al personal de enfermería. Todos fueron recibidos con una formación admisión de que ayudó a reducir la disparidad de experiencias de los profesionales. Para mejorar la dirección ofreció acciones para la educación continua al personal de enfermería en los diferentes turnos. Se concluyó una contratación colectiva genera consecuencias para la institución. Los administradores deben buscar estrategias para facilitar, como la admisión y acciones de educación llevada a cabo en el hospital del estudio continuo programa de acogida.
Descritores: Admissão e Escalonamento de Pessoal
Enfermagem
Hospitais Estaduais
Pessoal de Saúde
Limites: Humanos
Masculino
Feminino
Adulto Jovem
Responsável: BR1259.1 - DIBIB - Divisão de Biblioteca


  8 / 47 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Campedelli, Maria Coeli
Id: lil-427182
Autor: Campedelli, Maria Coeli; Takito, Clarinda; Sancinetti, Tânia Regina; Benko, Maria Antonieta.
Título: Cálculo de pessoal de enfermagem: competência da enfermeira / The estimating of the nursing personel: attribution of the nurse
Fonte: Rev. bras. enferm;41(3/4):199-204, jul.-dez. 1988. tab.
Idioma: pt.
Resumo: As autoras analisam a problemática enfrentada pela Direção de Enfermagem de um hospital frente ao número de pessoal na prestação de assistência. Enfatizam que fómulas para o cálculo de pessoal devem ser utilizadas considerando: qualidade de assistência pretendida, assistência que os pacientes necessitam e características da Instituição. Cada hospital pooderá utilizar as fórmulas pré-estabelecidas, numa fase inicial, mas de acordo com o percentual de cuidados que os pacientes requeiram e mudanças que interfiram na assistência, os cálculos devem ser refeitos. Este trabalho pretende, de forma modesta, utilizando exemplos reais, fornecer subsídios para que os enfermeiros possam discutir junto à administração ou outros serviços que fazem interferência na sua área, o cálculo de pessoal de enfermagem, que é de sua competência.
Descritores: Administração de Recursos Humanos
Recursos Humanos de Enfermagem no Hospital
Supervisão de Enfermagem
-Absenteísmo
Admissão e Escalonamento de Pessoal
Seleção de Pessoal
Limites: Humanos
Responsável: BR21.1 - Biblioteca J Baeta Vianna- Campus Saúde UFMG


  9 / 47 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Texto completo
Id: lil-500615
Autor: Ducci, Adriana Janzantte; Zanei, Suely Sueko Viski; Whitaker, Iveth Yamaguchi.
Título: Carga de trabalho de enfermagem para quantificar proporção profissional de enfermagem/paciente em UTI cardiológica / Nursing workload to verify nurse/patient ratio in a cardiology ICU / Carga de trabajo en enfermería para cuantificar la proporción profesional de enfermería/paciente en UCI cardiológica
Fonte: Rev. Esc. Enferm. USP;42(4), dez. 2008. graf, tab.
Idioma: en; pt.
Resumo: Trata-se de estudo descritivo, cujos objetivos foram comparar a carga de trabalho de enfermagem em unidade de pós-operatório de cirurgia cardíaca indicada pelo NAS, TISS-28 e NEMS, e também verificara proporção profissional de enfermagem por paciente existente na unidade e a proporção necessária, segundo os índices utilizados. Os dados foram coletados em um hospital-escola de outubro a novembro de 2004. A amostra, constituída de 55 pacientes, totalizou 283 medidas de carga de trabalho. A carga de trabalho mensurada pelo NAS (73,7 por cento) foi estatisticamente superior ao do TISS-28 (62,2 por cento) e ao do NEMS (59,7 por cento). A proporção média de profissionais de enfermagem por paciente, estimada pelo NAS (1,0:1), TISS-28 (0,8:1) e NEMS (0,8:1) foi inferior ao observado na unidade (1,2:1). Concluiu-se que o NAS quantificou maior carga de trabalho de enfermagem e apresentou uma relação profissional de enfermagem por paciente mais próxima ao observado na unidade estudada.

This is a descriptive study, aiming at comparing the nursing workload in a post-operatory heart surgery unit (UPOCC) using NAS, TISS-28 and NEMS, and verifying both the observed and recommended nursing staff-to-patient ratio according to the workload indexes used. Data collection happened in a University Hospital, from October to November, 2004. The sample included 55 patients, resulting in 283 nursing workload measurements. The nursing workload measured by NAS (73.7 percent) were statistically higher than TISS-28 (66.2 percent) and NEMS (59.7 percent). The average of nursing staff-to-patient ratio estimated by NAS (1:1), TISS-28 (0.8:1) and NEMS (0.8:1) were lower than the observed ratio in the unit (1.2:1). We concluded that NAS measured a higher nursing workload and showed a nursing staff-to-patient ratio similar to the results found in the unit studied.

Estudio descriptivo cuyos objetivos fueron comparar la carga laboral de enfermería en el servicio post-operatorio de cirugía cardiaca según el NAS, TISS-28 y NEMS, y verificar la proporción profesional de enfermeros por paciente existentes en la unidad, así como la proporción necesaria según los índices utilizados. Los datos fueron recolectados en un hospital-escuela de octubre a noviembre del 2004. La muestra constituida por 55 pacientes, totalizaron 283 medidas para la carga de trabajo. Esta variable fue medida por NAS (73.7 por ciento) siendo estadísticamente superior al TISS-28 (62.2 por ciento) y al NEMS (59.7 por ciento). La proporción promedio de profesionales de enfermería por paciente, estimado por el NAS (1.0:1), TISS-28 (0.8:1) y NEMS (0.8:1) fue inferior a lo observado en la unidad (1.2:1). Se concluyó que el NAS cuantificó mayor carga de trabajo de enfermería y presentó una relación profesional de enfermería/paciente con mayor cercanía a la observada en la unidad estudiada.
Descritores: Unidades de Cuidados Coronarianos
Admissão e Escalonamento de Pessoal
Enfermagem em Pós-Anestésico
Carga de Trabalho
-Período Pós-Operatório
Adulto Jovem
Limites: Adulto
Idoso
Idoso de 80 Anos ou mais
Feminino
Humanos
Masculino
Pessoa de Meia-Idade
Adulto Jovem
Responsável: BR1.1 - BIREME


  10 / 47 LILACS  
              first record previous record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo SciELO Brasil
Anselmi, Maria Luiza
Texto completo
Texto completo
Id: lil-500597
Autor: Laus, Ana Maria; Anselmi, Maria Luiza.
Título: Ausência dos trabalhadores de enfermagem em um hospital escola / Absenteeism of nursing workers in a school hospital / Ausencias de trabajadores de enfermería en un hospital-escuela
Fonte: Rev. Esc. Enferm. USP;42(4), dez. 2008. tab.
Idioma: en; pt.
Resumo: As ausências da equipe de enfermagem preocupam os gerentes das instituições, uma vez que repercutem no quantitativo de recursos humanos, interferindo assim na qualidade da assistência prestada à clientela. Este estudo, descritivo e retrospectivo, identificou o percentual e os tipos de ausências previstas e não-previstas de trabalhadores de enfermagem em um hospital-escola, entre abril de 2001 e março de 2002. Os dados foram coletados a partir de consulta às escalas e relatórios de freqüência mensal junto ao Centro de Recursos Humanos. As ausências previstas alcançaram valores de 40 por cento para folgas semanais, 3,9 por cento para feriados e 9 por cento para férias. Os percentuais de ausências não-previstas para a categoria enfermeiro variaram de 0 a 46,3 por cento, com predominância de ausências por licenças-gestante e acidentes de trabalho. Para técnicos/auxiliares de enfermagem, os valores variaram de 0,5 por cento a 11,6 por cento e os tipos foram licenças-saúde e licenças médicas pelo Instituto Nacional de Seguridade Social.

Absenteeism in the nursing team worries the institutions' managers, because they reflect on the human resources quantitative aspects, interfering in the quality of healthcare provided to the clientele. This descriptive, retrospective study identified the percentage and the types of expected and non-expected absences of nursing workers in a school hospital, between April, 2001 and March, 2002. Data were collected by consultating the schedules and the monthly attendance reports in the Human Resources Center. Expected absences reached 40 percent for weekly days off, 3.9 percent for holidays and 9 percent for vacations. The percentage of non-expected absences for the nursing category varied from 0 to 46.3 percent, predominantly due to maternity leaves and occupational accidents. For nursing technicians and auxiliaries, percentages varied from 0.5 percent to 11.6 percent. In this case, the absences were due to sick and medical leaves approved by the National Institute of Social Security.

Las ausencias del equipo de enfermería preocupan a los gerentes institucionales, una vez que repercuten en la cantidad de recursos humanos, interfiriendo con la calidad de la asistencia ofrecida al cliente. Estudio, descriptivo y retrospectivo, identificó el porcentaje y los tipos de ausencias previstas y no previstas en trabajadores de enfermería de un hospital-escuela, entre abril del 2001 a marzo del 2002. Los datos recolectados a través de la consulta de los roles de trabajo e informes de presencia mensual en Recursos Humanos. Las ausencias previstas alcanzaron valores de 40 por ciento para descansos semanales, 3.9 por ciento para feriados y 9 por ciento para vacaciones. Los porcentajes de ausencias no previstas para la categoría enfermero variaron de 0 a 46.3 por ciento predominando las ausencias por licencia-gestante y accidentes de trabajo. Para técnicos/auxiliares de enfermería, los valores variaron de 0.5 por ciento a 11.6 por ciento y los tipos fueron licencia-salud y licencia médica según el Instituto Nacional de Seguro Social.
Descritores: Absenteísmo
Hospitais de Ensino
Recursos Humanos de Enfermagem no Hospital
Admissão e Escalonamento de Pessoal
-Unidades Hospitalares
Recursos Humanos de Enfermagem no Hospital/estatística & dados numéricos
Estudos Retrospectivos
Limites: Humanos
Responsável: BR1.1 - BIREME



página 1 de 5 ir para página              
   


Refinar a pesquisa
  Base de dados : Formulário avançado   

    Pesquisar no campo  
1  
2
3
 
           



Search engine: iAH v2.6 powered by WWWISIS

BIREME/OPAS/OMS - Centro Latino-Americano e do Caribe de Informação em Ciências da Saúde