Base de dados : LILACS
Pesquisa : J01.256 [Categoria DeCS]
Referências encontradas : 1394 [refinar]
Mostrando: 1 .. 10   no formato [Detalhado]

página 1 de 140 ir para página                         

  1 / 1394 LILACS  
              next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Amaral, Dario Dantas do
Texto completo
Id: lil-574664
Autor: Santos, João Ubiratan M. dos; Amaral, Dário Dantas do; Gorayebe, Inocêncio de Sousa; Bastos, Maria de Nazaré do C; Secco, Ricardo de S; Costa Neto, Salustiano Vilar; Costa, Denise Cristina Torres.
Título: Vegetação da área de proteção ambiental Jabotitiua-Jatium. Município de Viseu, Pará, Brasil / Vegetation of the Jabotitiua-Jatium Protected Environmental Area, municipality of Viseu, Pará, Brazil
Fonte: Acta amaz;33(3):431-444, 2003. ilus, mapas, tab.
Idioma: pt.
Resumo: A Área de Proteção Ambiental Jabotitiua-Jatium, localiza-se no município de Viseu, Nordeste do Pará, ocupando uma área de 14.25 ha, sendo criada através da lei municipal n.º 002/98, de 07 de abril de 1998, visando a proteção de um trecho representativo e preservado do litoral paraense, abrigando um espetacular ninhal de guarás (Eudocimus ruber L.), ave costeira que encontra-se na lista oficial da fauna em extinção no Brasil. Objetivando auxiliar o plano de manejo ambiental desta APA, o estudo em questão identificou quatro tipos de ambientes, classificados em Mangue, Campo Natural, Floresta Mista com Palmeiras e Restinga. Utilizando-se a metodologia da Avaliação Ecológica Rápida (AER), foi identificado um total de 141 espécies, representantes de 61 famílias. O maior número de espécies corresponde à Floresta Mista com Palmeiras, apresentando 66 representantes, e a menor representatividade diz respeito ao mangue, com apenas quatro espécies. Fabaceae (15), Cyperaceae (10) e Rubiaceae (10), destacaram-se em número de espécies, correspondendo, juntas, a 24,82 por cento do total das espécies registradas. As ervas representam a maioria (48) quanto a forma de vida, seguida dos arbustos (38), árvores (34), Lianas (13), estipe (5) e epífitos (3).

The Jabotitiua-Jatium Protected Area comprises 14.25 ha in the Municipal District of Viseu in northeast Pará. The area was established by municipal law 002/98 on 7 April 1998 in order to protect a representative sample of coastal Amazonia, including an important nesting site of the endangered scarlet ibis (Eudocimus ruber L.). The objective of this study was to provide floristic information useful for developing a management plan for the area. Four habitat types were found to occur in the area: mangrove, savanna?, mixed palm-forest, and sandy coastal. A Rapid Ecological Assessment (AER) of the area identified 141 species of angiosperms in 61 families. The mixed palm-forest, with 66 species, is the most species-rich habitat. Only four species occur in the mangrove, the most depauperate habitat. The three dominant families are the Fabaceae (15 spp.), Cyperaceae (10 spp.), and Rubiaceae (10 spp.), which, combined, account for 24.82 percent of the total species occurring in the protected area. Forty-eight species are terrestrial herbs, 38 shrubs, 34 trees, 13 lianas, 5 stem, and 3 epiphytes.
Descritores: Agricultura Florestal
Ecossistema Amazônico
Conservação dos Recursos Naturais
Avaliação Momentânea Ecológica
Responsável: BR6.1 - BCS - Biblioteca de Ciências da Saúde


  2 / 1394 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Abreu, Raimunda Liege Souza de
Texto completo
Id: lil-574668
Autor: Hanada, Rogério Eiji; Sales-Campos, Ceci; Abreu, Raimunda Liége Souza de; Pfenning, Ludwig.
Título: Fungos emboloradores e manchadores de madeira em toras estocadas em indústrias madeireiras no município de Manaus, Amazonas, Brasil / Mould and stain fungi in logs stored in wood industries of Manaus, Amazonas, Brazil
Fonte: Acta amaz;33(3):483-488, 2003. graf, tab.
Idioma: pt.
Resumo: Visando conhecer a diversidade e a incidência de fungos emboloradores e manchadores de madeira da região Amazônica, foi realizado um levantamento em 12 espécies florestais, estocadas em quatro indústrias madeireiras de Manaus. De cada espécie florestal selecionaram-se cinco toras, das quais retiraram-se amostras de onde procedeu-se isolamento dos fungos. Foram isolados 106 fungos associados às essências florestais, representados por nove gêneros e por dezesseis espécies. Paecilomyces variotii e Lasiodiplodia theobromae foram as espécies fúngicas mais freqüentemente associadas às espécies florestais. Ceiba pentandra e Hura crepitans foram as essências florestais que apresentaram maior diversidade de fungos, com sete espécies cada uma. Hymeneae courbaril foi a que apresentou menor diversidade de fungo, com apenas uma espécie.

In order to know a diversity and incidence of wood mould and wood stain fungi from Amazonian wood, the survey and identification of these kinds of fungi were carried out in twelve wood species from four wood industries of Manaus, Amazonas. Five logs were randomly selected. Wood samples were prepared and transported to the Wood Pathology Laboratory at the Forest Product Research Center of the National Institute for Amazonian Research, where the isolation and identification of the fungi were conducted. One hundred and six fungi associated to the wood species were isolated, represented by nine genera and sixteen fungi species. Paecilomyces variotti and Lasiodiplodia theobromae were the more representative fungi, associated with ten and seven wood species respectively. Ceiba pentandra e Hura crepitans were the wood species with highest diversity of fungi, with seven species each. Hymenae courbaril was the wood that presented the lowest diversity of fungi, with only one fungus.
Descritores: Madeira
Ecossistema Amazônico
Conservação dos Recursos Naturais
Biodiversidade
Fungos
Responsável: BR6.1 - BCS - Biblioteca de Ciências da Saúde


  3 / 1394 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: biblio-1039498
Autor: Martinelli, Suellen Secchi; Cavalli, Suzi Barletto.
Título: Alimentação saudável e sustentável: uma revisão narrativa sobre desafios e perspectivas / Healthy and sustainable diet: a narrative review of the challenges and perspectives
Fonte: Ciênc. Saúde Colet;24(11):4251-4262, nov. 2019. graf.
Idioma: pt.
Resumo: Resumo Parte-se do princípio que um sistema alimentar insustentável não é capaz de produzir alimentos saudáveis para o consumo. A alimentação só pode ser considerada saudável se for também sustentável, devendo ultrapassar a perspectiva nutricional. Assim, realizou-se uma revisão narrativa de literatura acerca de sistemas alimentares saudáveis e sustentáveis, englobando aspectos de produção, processamento, comercialização e consumo, visando levantar seus desafios e perspectivas de consolidação. A alimentação saudável e sustentável deve estar relacionada à produção de alimentos que protejam a biodiversidade e promovam o consumo variado, resgatando alimentos, preparações e hábitos culturais tradicionais. Deve ser acessível e disponível a todos, em quantidade e qualidade, baseada em alimentos produzidos e processados na região, por agricultores familiares, de maneira agroecológica, fundamentada na comercialização justa, aproximando a produção do consumo. Além disso, deve ser isento de contaminantes físicos, biológicos ou químicos que causem malefícios a todos os envolvidos, de maneira aguda ou crônica.

Abstract Based on the principle that a non-sustainable food system is not capable of producing healthy food for consumption, food can only be considered healthy if it is also sustainable, going beyond the nutritional perspective. Therefore, a narrative review of the scientific literature on the sustainable and health food system was conducted, regarding aspects of production, processing, marketing and consumption, seeking to pinpoint the challenges and perspectives for its consolidation. Food systems needs to be related to a food production and consumption system which protects biodiversity and promote a diverse consumption, bringing back traditional dishes and preparation techniques. It should also be accessible and available for everyone, both in quantity and in quality, based on food that is locally produced by family farmers through agroecology and founded on fair trade, bringing production and consumption closer together. In addition, it must be free from physical, biological or chemical contaminants that cause damage to everyone involved, whether it be an isolated incident or chronically.
Descritores: Abastecimento de Alimentos
Dieta Saudável
-Conservação dos Recursos Naturais
Biodiversidade
Limites: Humanos
Tipo de Publ: Revisão
Responsável: BR1.1 - BIREME


  4 / 1394 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: lil-393866
Autor: Claro-Júnior, Luiz; Ferreira, Efrem; Zuanon, Jansen; Araujo-Lima, Carlos.
Título: O efeito da floresta alagada na alimentação de três espécies de peixes onívoros em lagos de várzea da Amazônia Central, Brasil / Effects of flooded forest in the diet of three fish species in floodplain lakes of Central Amazon, Brazil
Fonte: Acta amaz;34(1):133-137, 2004. ilus, tab, graf.
Idioma: pt.
Resumo: As enchentes anuais dos rios na Amazônia alagam extensas áreas de floresta conhecidas como várzeas ou igapós. Estas áreas têm papel importante na vida dos peixes da região, pois são fontes de alimento e de abrigo. Acreditamos que o desmatamento destas áreas ocasiona prejuízos à ictiofauna principalmente pela diminuição da quantidade e diversidade de alimento disponível. O estudo da relação entre a quantidade de floresta e a dieta de Parauchenipterus galeatus (Auchenipteridae, Siluriformes), Mylossoma duriventre (Characidae, Characiformes)e Triportheus elongatus (Characidae, Characiformes)permitiu registrar pela primeira vez a influência direta da floresta alagada na ecologia alimentar de peixes na Amazônia Central.
Descritores: Lagos
Ecossistema Amazônico
Conservação dos Recursos Naturais
Dieta
Áreas Alagadas
Peixes
Responsável: BR6.1 - BCS - Biblioteca de Ciências da Saúde


  5 / 1394 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: lil-394089
Autor: Medina, Gabriel.
Título: Ocupação cabocla e extrativismo madeireiro no alto capim: uma estratégia de reprodução camponesa / Caboclo occupation and timber extractivism at upper capim river: a peasant reproduction strategy
Fonte: Acta amaz;34(2):309-318, 2004. tab, graf.
Idioma: pt.
Resumo: Com o avanço da atividade madeireira através da Bacia Amazônica, comunidades localizadas ao longo das fronteiras madeireiras passam a ter oportunidade de vender os direitos de extração da madeira de suas áreas. O valor localmente percebido e as decisões das populações locais sobre a forma de uso de seus recursos contrastam fortemente com as visões globalmente construídas sobre o valor da floresta tropical. Este valor local é baseado em representações que consideram a importância local dos produtos florestais e no contexto em que estas representações são construídas. Para explorar esta temática, o artigo começa com uma reconstrução do histórico de uma comunidade cabocla enfocando nas dinâmicas de uso da floresta. Para os comunitários, a madeira sempre representou uma herança que poderia ser gasta ao longo do tempo. A madeira foi o principal produto da floresta com valor de mercado e, até recentemente, sua extração não reduziu significativamente o acesso aos outros produtos florestais. A madeira, então, foi vista como uma herança com valor de troca e uso não conflituoso. Quatro fatores sócio-econômicos influenciaram a continuidade das vendas de madeira mesmo quando as perdas no consumo de produtos não madeireiros ficaram evidentes: 1) relações paternalistas entre os compradores da madeira e os caboclos; 2) dificuldades de gestão comum dos recursos; 3) especialização na extração de madeira e dependência de produtos externos e; 4) crescente envolvimento no mercado que demandou maior quantidade de dinheiro para suprir novas necessidades.
Descritores: Ecossistema Amazônico
Conservação dos Recursos Naturais
Indústrias Extrativas e de Processamento
Responsável: BR6.1 - BCS - Biblioteca de Ciências da Saúde


  6 / 1394 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: biblio-1121045
Autor: Castillo Figueroa, Dennis; Sáenz Jíménez, Fausto.
Título: Experiencias de educación ambiental para la conservación del Cóndor Andino (Vultur Gryphus) en la Provincia del Guavio, Cundinamarca (Colombia) / Experiences of environmental education for the conservation of the Andean Condor (Vultur Gryphus) in the Province of Guavio, Cundinamarca (Colombia)
Fonte: Rev. luna azul;49(0):[90]-[108], 2019. ilus, graf.
Idioma: es.
Resumo: Introducción. El Cóndor Andino (Vultur gryphus) es una especie importante ecológica y culturalmente, sin embargo, varias amenazas lo han llevado a estar en peligro de extinción. En Colombia, desde el año 1989, se han llevado a cabo procesos de repoblación de la especie en varios núcleos a lo largo del país. La mayor parte de avistamientos de la especie se han realizado en localidades de la jurisdicción de Corpoguavio. Es necesario desarrollar actividades que muestren la relevancia que tiene el Cóndor Andino para establecer su vínculo con las comunidades de esta región. El presente trabajo es el resultado de un proyecto de educación ambiental realizado entre la Fundación Neotropical, Corpoguavio, docentes, jóvenes y niños de la provincia del Guavio (Cundinamarca). Objetivos. Identificar las ideas previas de los niños sobre el Cóndor Andino y sensibilizarlos acerca de su importancia para la provincia. Materiales y métodos. Se realizaron ocho talleres de educación ambiental dirigidos a 213 estudiantes de edades comprendidas entre los 5 hasta los 19 años. Las actividades estuvieron enfocadas en tres fases: 1) indagación de ideas previas de los niños acerca del Cóndor Andino, 2) explicación de la historia natural e importancia ecológica y cultural de la especie, 3) uso de juegos y actividades lúdicas como estrategias de aprendizaje. Resultados. Los talleres revelaron un gran desconocimiento acerca de los rasgos de historia de vida, la biología y las funciones ecológicas del Cóndor Andino. Conclusiones. Las acciones educativas pueden contribuir al cambio de actitudes, dando a conocer la importancia de las especies no solo dentro del ecosistema sino también en cuanto a los beneficios que proporcionan a las comunidades locales. Este trabajo brinda un marco metodológico para la ejecución de talleres de educación ambiental sobre el Cóndor Andino, el cual puede ser empleado en otras regiones del país en donde no se han llevado a cabo estas actividades.

Introduction: The Andean Condor (Vultur gryphus) is important species both culturally and ecologically, however, several threats have led it to be in danger of extinction. In Colombia reintroduction strategies for this species have been made in several nuclei throughout the country since 1989. Most sightings of the Andean Condor have been reported in places within the jurisdiction of Corpoguavio. It is necessary to conduct activities that show the relevance of the Andean Condor to establish its link with the communities in this region. This paper presents the results of an environmental education project carried out between Fundación Neotropical, Corpoguavio, teachers and children of the Municipality of Guavio (Cundinamarca). Objectives: To identify the children's previous ideas about the Andean Condor and sensitize them about its importance for the province. Materials and methods: Eight environmental education workshops were conducted for 213 students between 5 and 19 years old. The activities were focused on three phases: 1) inquiry of previous ideas of children about the Andean Condor; 2) explanation of the natural history, and ecological and cultural importance of this species; and 3) use of games and recreational activities as learning strategies. Results: The workshops revealed a great lack of knowledge about the life history features, biology and ecological functions of the Andean Condor. Conclusions: Educational actions can contribute to the change of attitudes, making the importance of species evident, not only within the ecosystem but also in terms of the benefits they provide to local communities. This paper provides a methodological framework to apply environmental education workshops about the Andean Condor, which can be used in other regions of the country where these activities have not been carried out.
Descritores: Educação em Saúde Ambiental
-Colômbia
Espécies em Perigo de Extinção
Conservação dos Recursos Naturais
Limites: Humanos
Tipo de Publ: Artigo Histórico
Responsável: CO54.1 - Centro de Biblioteca e Información Científica


  7 / 1394 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: biblio-1135405
Autor: Brejão, Gabriel L; Teresa, Fabrício B; Gerhard, Pedro.
Título: When roads cross streams: fish assemblage responses to fluvial fragmentation in lowland Amazonian streams
Fonte: Neotrop. ichthyol;18(3):e200031, 2020. tab, graf, mapas.
Idioma: en.
Projeto: CNPq; . FAPESPA; . CNPq; . FAPESP.
Resumo: Roads affect biodiversity by increasing mortality rates, habitat loss, and natural landscape fragmentation. Poorly installed culverts can impound streams, changing the environmental conditions, and affecting aquatic communities. We evaluated the effects of road crossings on the taxonomic composition and functional structure of fish assemblages in lowland eastern Amazonian streams, Brazil. We tested the hypothesis that the presence of road-derived impoundments affects assemblage taxonomic and functional composition and structure. Two predictions were addressed: (1) Species and functional group composition will differ in impounded reaches in relation to lotic reaches; (2) Assemblages in downstream lotic reaches will be richer in species and functional groups in relation to upstream lotic and impoundment reaches. We sampled five streams crossed by roads presenting impoundment formation, conducted by visual census (day, dusk, and night) in 200 m line transects. Assemblage composition from lentic reaches was different from lotic reaches, and Shannon diversity from downstream reaches was different from upstream and impoundment, however, beta diversity partitioning between lotic reaches showed higher nestedness contribution, reinforcing the role of impoundment in limiting fish dispersal between lotic reaches. These results suggest that impoundments impose environmental and dispersal constraints to fish, affecting their longitudinal distribution in streams fragmented by roads.(AU)

Estradas afetam a biodiversidade aumentando as taxas de mortalidade, perda de hábitat e fragmentação. Cruzamentos mal instalados represam riachos, alterando as condições ambientais e afetando as comunidades aquáticas. Avaliamos os efeitos deste impacto sobre a estrutura taxonômica e funcional das assembleias de peixes em riachos da Amazônia Oriental, Brasil. Testamos a hipótese de que a presença dos alagados derivados de estradas afeta a composição e estrutura taxonômica e funcional das assembleias. Nossas predições foram: (1) A composição de espécies e grupos funcionais é diferente entre trechos alagados e lóticos; (2) Assembleias nos trechos à jusante serão mais ricas em espécies e grupos funcionais que os trechos à montante e alagados. Amostramos cinco riachos cruzados por estradas com formação de alagamentos por censo visual (dia, crepúsculo e noite) em transectos lineares de 200 m. A composição das assembleias dos trechos lênticos diferiu dos lóticos, e a diversidade de Shannon à jusante diferiu dos trechos montante e alagados, entretanto, nos lóticos, houve maior contribuição do aninhamento na partição da diversidade beta, reforçando o papel do represamento na limitação da dispersão de peixes entre estes. Sugerimos que os represamentos impõem restrições ambientais e de dispersão aos peixes, afetando sua distribuição longitudinal em riachos fragmentados por estradas.(AU)
Descritores: Estradas
Conservação dos Recursos Naturais
Peixes
-Rios
Limites: Animais
Responsável: BR68.1 - Biblioteca Virginie Buff D'Ápice


  8 / 1394 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Costa Rica
Texto completo
Id: biblio-1041891
Autor: Baruch, Zdravko; Nozawa, Shingo; Johnson, Erica; Yerena, Edgard.
Título: Ecosystem dynamics and services of a paired Neotropical montane forest and pine plantation / Dinámica y servicios del ecosistema en un bosque montano neotropical y un pinar sembrado
Fonte: Rev. biol. trop;67(1):24-35, Jan.-Mar. 2019. tab, graf.
Idioma: en.
Resumo: Abstract Montane forests are one of the most decimated of Neotropical biomes even though they provide a suite of valuable ecosystem services such as provision of water to lowland settlements and prevention of erosion and mudslides. In some instances, to restore these and other ecosystem services, degraded montane forests are replaced by exotic tree plantations, which cover sizeable areas in several countries. Despite their importance for assessment of ecological services and for intrinsic ecological value, comparative studies of paired native montane forest and conifer plantation are scarce along the Northern Andean Cordillera. Additionally, extrapolations are challenging because each pair of communities is highly site specific due to environmental setting, age and density of plantation, and reforestation species. Here, we assess and compare structure, biogeochemistry and ecosystem services provided by closely positioned native forest and pine plantation from a protected montane area in Venezuela. Soil nutrients and soil carbon content were 60 and 54 % respectively higher in the forest. As consequence of pine' growth form and leaf biochemistry, aboveground biomass and litter mass, as well as nutrient content and carbon stocks, were higher in the plantation. This results in the plantation storing 30 % more MgC ha-1 than the nearby forest. Canopy structure and litter properties influence the hydrology of both ecosystems through differences in rain throughfall. Most of the ecosystem services itemized are superior in the native forest, with exception that the younger plantation sequesters more carbon. An additional service provided by plantations might be that of ecological corridors that connect fragmented native forests. Our study, a specific case of nutrient and carbon cycling dynamics in paired montane forests and pine plantations, provides another set of data for the design of policy and management of considerable areas in the Neotropics with established conservation plantations.(AU)

Resumen Los bosques montanos son uno de los biomas más devastados del Neotrópico aunque proporcionan valiosos servicios ecológicos al suministrar agua a los asentamientos humanos y proteger contra la erosión y los deslaves. En algunas instancias, para mantener esos servicios ecológicos, los bosques destruidos son reemplazados por plantaciones forestales en áreas considerables de varios países. Aunque existen unos pocos estudios comparativos en a lo largo del norte de la Cordillera Andina, las extrapolaciones son difíciles debido a que estos son altamente específicos debido al entorno ambiental, edad de las plantaciones, y a la especie de conífera dominante. Nosotros analizamos y comparamos la diversidad y estructura de la vegetación, la biogeoquímica y los servicios ecológicos proporcionados por un bosque montano y una plantación de pino adyacente en un área protegida de Venezuela. Los suelos del bosque nativo contienen 60 % más de nitrógeno y 54 % más de carbono que los de la plantación. Como consecuencia de la forma de vida de los pinos y de su composición foliar, la biomasa aérea y el contenido de nutrientes en la hojarasca seca son mayores en la plantación dando como resultado que la plantación contiene 30 % MgC ha-1 más que el bosque. La estructura del dosel influencia la hidrología de ambos ecosistemas mediante diferencias en la penetración del agua de lluvia. La mayoría de los servicios son de menor valor ecológico en la plantación de pino. Sin embargo, esta ofrece servicios que no existirían en su ausencia. En regiones montañosas, las plantaciones de coníferas fueron establecidas para mejorar la provisión de agua y estabilizar los suelos. Sin embargo, nuestros resultados sugieren que las plantaciones pueden proporcionar corredores ecológicos que conecten bosques nativos fragmentados. Nuestro estudio, al proveer un ejemplo adicional de dinámica ecológica comparada, expone las diferencias en servicios ecológicos proporcionados por un bosque montano y una plantación de pino y proporciona información para establecer políticas de conservación y manejo de recursos naturales en extensas áreas neotropicales.(AU)
Descritores: Política Pública
Cultivos Agrícolas
Florestas
Ecossistema
Conservação dos Recursos Naturais
-Venezuela
Responsável: BR1.1 - BIREME


  9 / 1394 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: lil-420237
Autor: Sanches, Fabio; Fisch, Gilberto.
Título: As possíveis alterações microclimáticas devido a formação do lago artificial da hidrelétrica de Tucuruí -PA / The possible impacts on the microclimate due to the artificial lake from Tucuruí's dam
Fonte: Acta amaz;35(1):41-50, 2005. ilus, tab, graf.
Idioma: pt.
Projeto: Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico.
Resumo: Existem muitas preocupações ecológicas do impacto que a construção de grandes lagos na Amazônia podem provocar, principalmente relacionadas ao microclima. Este estudo visa aumentar o conhecimento científico sobre a distribuição de chuvas antes e depois da formação do lago artificial da UHE Tucuruí-PA. Foram utilizados dados diários de precipitação dos períodos de 1972 a 1983 (pré-enchimento) e de 1984 a 1996 (pós-enchimento) para as cidades de Tucuruí e Marabá-PA. Comparando-se os totais mensais (pré e pós-enchimento), não se observam diferenças estatisticamente significantes (foram aplicados os testes de Fisher e Man-Whitney). Analisando-se a ocorrência de dias com precipitação superior a 5 e 25 mm.dia-1, também não se observam diferenças estatisticamente significativas. Há um leve aumento do número de dias com chuvas leves no final período sêco após a formação do lago, talvez devido a alta evaporação do lago artificial. Também não se observou modificações do início ou final da estação chuvosa.
Descritores: Chuva
Ecossistema Amazônico
Conservação dos Recursos Naturais
Estatística
Responsável: BR6.1 - BCS - Biblioteca de Ciências da Saúde


  10 / 1394 LILACS  
              first record previous record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Texto completo
Id: biblio-1146425
Autor: Lima, Antônio Raphael Silva de; Lima, Ricardo Cordeiro de; Nepomuceno, Isabel Tavares Galindo; Nascimento, Hugo Henrique Costa do; Prata, Ana Paula do Nascimento; Silva, Rafael Ricardo Vasconcelos da.
Título: Influence of edge in the structure of the vegetation of an open ombrophilous forest in Alagoas / Influência da borda na estrutura da vegetação de uma floresta ombrófila aberta em Alagoas
Fonte: Biosci. j. (Online);36(2):591-601, 01-03-2020. tab, ilus, graf.
Idioma: en.
Resumo: Understanding the influence of fragmentation on the behavior of forest essential elements in different vegetation formations is fundamental for the definition of conservation strategies. In this study, the aim was to evaluate the influence of the edge environment on the phytosociological structure of a fragment of Open Ombrophylous Forest, in Rio Largo, Alagoas. Five transects of 10.0 x 100.0 m were subdivided into ten 10.0 x 10.0 m plots to collect the data. All tree individuals with Chest Height Circumference ≥ 15 cm were sampled, measured and later identified in the herbarium of the Institute of the Environment of Alagoas. For the analysis, the phytosociological parameters Shannon-Wiener diversity (H'), Pielou equability (J') were calculated after defined the successional classes and dispersion syndromes of the species sampled. The edge effect was analyzed by comparing the richness, diversity, equability and number of individuals in the interior and at the edge of the fragment, using the Venn diagram technique. There were 581 arboreal individuals, of which 434 were identified as belonging to 20 families, 24 genera and 30 morphospecies. Among the raised species, there were higher occurrences of early secondary (46.67%) and late (23.33%), as well as those of zoocoric dispersion (53.33%). The diversity was 2.89 nats/ind., and the Pielou (J') equability was 0.8497. The edge environment did not influence the establishment of species. This may have occurred due to the environmental characteristics of the open ombrophylous forest.

Compreender a influência da fragmentação sobre o comportamento das essências florestais em diferentes formações vegetacionais é fundamental para que se possa definir estratégias de conservação. Neste trabalho,objetivou-se de avaliar a influência do ambiente de borda sobre estrutura fitossociológica de um fragmento de Floresta Ombrófila Aberta, em Rio Largo, Alagoas. Para a coleta dos dados foram alocados cinco transectos de 10,0 x 100,0 m, subdivididos em dez parcelas de 10,0 x 10,0 m. Foram amostrados todos osindivíduos arbóreos com Circunferência à Altura do Peito ≥ 15 cm, que foram mensurados e posteriormente identificados no herbário do Instituto do Meio Ambiente de Alagoas. Para a análise foram calculados osparâmetros fitossociológicos, a diversidade de Shannon-Wiener (H'), a equabilidade de Pielou (J'), definidas as classes sucessionais e síndromes de dispersão das espécies amostradas. O efeito de borda foi analisado por meio de comparação da riqueza, diversidade, equabilidade e número de indivíduos no interior e na borda do fragmento, empregando-se a técnica diagrama de Venn. Foram registrados 581 indivíduos arbóreos, dos quais 434 foram identificados como pertencentes a 20 famílias, 24 gêneros e 30 morfoespécies. Entre as espécies levantadas, houve maior ocorrência de secundárias iniciais (46,67%) e tardias (23,33%), assim como de dispersão zoocórica (53,33%). A diversidade foi de 2,89 nats/ind., e a equabilidade de Pielou (J') foi de 0,8497. O ambiente de borda não influenciou no estabelecimento de espécies. Isso pode ter ocorrido em virtude das características da floresta ombrófila aberta.
Descritores: Brasil
Florestas
Conservação dos Recursos Naturais
Floresta Úmida
-Árvores
Ecossistema
Biodiversidade
Desenvolvimento Vegetal
Responsável: BR396.1 - Biblioteca Central



página 1 de 140 ir para página                         
   


Refinar a pesquisa
  Base de dados : Formulário avançado   

    Pesquisar no campo  
1  
2
3
 
           



Search engine: iAH v2.6 powered by WWWISIS

BIREME/OPAS/OMS - Centro Latino-Americano e do Caribe de Informação em Ciências da Saúde