Base de dados : LILACS
Pesquisa : J01.637.215.800 [Categoria DeCS]
Referências encontradas : 68 [refinar]
Mostrando: 1 .. 10   no formato [Detalhado]

página 1 de 7 ir para página                  

  1 / 68 LILACS  
              next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Id: biblio-1246861
Autor: Brasil. Ministério da Saúde. Secretaria de Poíticas de Saúde. Departamento de Atenção Básica. Área Técnica de Dermatologia Sanitária.
Título: Equipamento e material / ?
Fonte: In: Brasil. Ministério da Saúde. Secretaria de Políticas de Saúde. Manual de adaptações de palmilhas e calçados. Brasília, Brasil. Ministério da Saúde, 2002. p.58. (Série J. Cadernos de ReabilitaçAo em Hanseniase, 1).
Idioma: pt.
Descritores: Anestesia
Hanseníase/reabilitação
Hanseníase/tratamento farmacológico
Ortopedia
/anatomia & histologia
/patologia
Sapatos
Responsável: BR191.1 - Biblioteca e Centro de Documentação Luiza Keffer
[{"text": "BR191.1", "_a": "WC335.602.1", "_b": "B736m"}]


  2 / 68 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Id: biblio-1246860
Autor: Brasil. Ministério da Saúde. Secretaria de Poíticas de Saúde. Departamento de Atenção Básica. Área Técnica de Dermatologia Sanitária.
Título: Modificações de calçados / ?
Fonte: In: Brasil. Ministério da Saúde. Secretaria de Políticas de Saúde. Manual de adaptações de palmilhas e calçados. Brasília, Brasil. Ministério da Saúde, 2002. p.55-57, ilus. (Série J. Cadernos de ReabilitaçAo em Hanseniase, 1).
Idioma: pt.
Descritores: Anestesia
Hanseníase/reabilitação
Hanseníase/tratamento farmacológico
Ortopedia
/anatomia & histologia
/patologia
Sapatos
Responsável: BR191.1 - Biblioteca e Centro de Documentação Luiza Keffer
[{"text": "BR191.1", "_a": "WC335.602.1", "_b": "B736m"}]


  3 / 68 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Id: biblio-1246859
Autor: Brasil. Ministério da Saúde. Secretaria de Poíticas de Saúde. Departamento de Atenção Básica. Área Técnica de Dermatologia Sanitária.
Título: Adaptação e fabricação de órteses do pé / ?
Fonte: In: Brasil. Ministério da Saúde. Secretaria de Políticas de Saúde. Manual de adaptações de palmilhas e calçados. Brasília, Brasil. Ministério da Saúde, 2002. p.33-54, ilus, tab. (Série J. Cadernos de ReabilitaçAo em Hanseniase, 1).
Idioma: pt.
Descritores: Anestesia
Hanseníase/reabilitação
Hanseníase/tratamento farmacológico
Ortopedia
/anatomia & histologia
/patologia
Sapatos
Responsável: BR191.1 - Biblioteca e Centro de Documentação Luiza Keffer
[{"text": "BR191.1", "_a": "WC335.602.1", "_b": "B736m"}]


  4 / 68 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Id: biblio-1246858
Autor: Brasil. Ministerio da Saude. Secretaria de Politicas de Saude. Departamento de Atencao Basica. Area Tecnica de Dermatologia Sanitaria.
Título: Achados, riscos e indicações / ?
Fonte: In: Brasil. Ministério da Saúde. Secretaria de Políticas de Saúde. Manual de adaptações de palmilhas e calçados. Brasília, Brasil. Ministério da Saúde, 2002. p.29-32, ilus, tab. (Série J. Cadernos de ReabilitaçAo em Hanseniase, 1).
Idioma: pt.
Descritores: Anestesia
Hanseníase/reabilitação
Hanseníase/tratamento farmacológico
Ortopedia
/anatomia & histologia
/patologia
Sapatos
Responsável: BR191.1 - Biblioteca e Centro de Documentação Luiza Keffer
[{"text": "BR191.1", "_a": "WC335.602.1", "_b": "B736m"}]


  5 / 68 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Id: biblio-1246857
Autor: Brasil. Ministerio da Saude. Secretaria de Politicas de Saude. Departamento de Atencao Basica. Area Tecnica de Dermatologia Sanitaria.
Título: Avaliação do pé / ?
Fonte: In: Brasil. Ministério da Saúde. Secretaria de Políticas de Saúde. Manual de adaptações de palmilhas e calçados. Brasília, Brasil. Ministério da Saúde, 2002. p.19-28, ilus. (Série J. Cadernos de ReabilitaçAo em Hanseniase, 1).
Idioma: pt.
Descritores: Anestesia
Fenômenos Biomecânicos
Hanseníase/reabilitação
Hanseníase/tratamento farmacológico
Ortopedia
/anatomia & histologia
/patologia
Sapatos
Responsável: BR191.1 - Biblioteca e Centro de Documentação Luiza Keffer
[{"text": "BR191.1", "_a": "WC335.602.1", "_b": "B736m"}]


  6 / 68 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Id: biblio-1238980
Autor: Brasil. Ministério da Saúde. Secretaria de Políticas de Saúde. Departamento de Atenção Básica. Área Técnica de Dermatologia Sanitária.
Título: Manual de adaptações de palmilhas e calçados / ?.
Fonte: Brasília; Ministério da Saúde; 2002. 58 p. ilus, tab. (Série J. Cadernos de Reabilitação em Hanseníase; n.1, 1).
Idioma: pt.
Descritores: Fenômenos Biomecânicos
Hanseníase/reabilitação
Ortopedia
/anatomia & histologia
/patologia
Sapatos
Úlcera do Pé
Responsável: BR191.1 - Biblioteca e Centro de Documentação Luiza Keffer
[{"text": "BR191.1", "_a": "WC335.602.1", "_b": "B736m"}]


  7 / 68 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: biblio-829529
Autor: López-López, Daniel; Expósito-Casabella, Yésica; Losa-Iglesias, Marta; Bengoa-Vallejo, Ricardo Becerro de; Saleta-Canosa, Jesús Luis; Alonso-Tajes, Francisco.
Título: Impact of shoe size in a sample of elderly individuals / Impacto do tamanho do calçado em uma amostra de idosos
Fonte: Rev. Assoc. Med. Bras. (1992);62(8):789-794, Nov. 2016. tab, graf.
Idioma: en.
Resumo: Summary Introduction: The use of an improper shoe size is common in older people and is believed to have a detrimental effect on the quality of life related to foot health. The objective is to describe and compare, in a sample of participants, the impact of shoes that fit properly or improperly, as well as analyze the scores related to foot health and health overall. Method: A sample of 64 participants, with a mean age of 75.3±7.9 years, attended an outpatient center where self-report data was recorded, the measurements of the size of the feet and footwear were determined and the scores compared between the group that wears the correct size of shoes and another group of individuals who do not wear the correct size of shoes, using the Spanish version of the Foot Health Status Questionnaire. Results: The group wearing an improper shoe size showed poorer quality of life regarding overall health and specifically foot health. Differences between groups were evaluated using a t-test for independent samples resulting statistically significant (p<0.05) for the dimension of pain, function, footwear, overall foot health, and social function. Conclusion: Inadequate shoe size has a significant negative impact on quality of life related to foot health. The degree of negative impact seems to be associated with age, sex, and body mass index (BMI).

Resumo Introdução: o uso de sapatos com tamanhos inadequados é comum em pessoas idosas e acredita-se resultar em efeito negativo sobre a qualidade de vida relacionada à saúde do pé. O objetivo é descrever e comparar o impacto de uma amostra de participantes usando calçados de tamanho adequado e indivíduos com calçados de tamanho inadequado, e as pontuações relacionadas com a saúde do pé e geral. Método: de uma amostra de 64 participantes, com idade média de 75,3±7,9, de um centro ambulatorial, dados de autorrelato foram registrados e medidas do tamanho dos pés e dos calçados foram determinadas. Os escores foram comparados pelo Foot Health Status Questionnaire, na versão em espanhol, entre os grupos que usavam sapatos de tamanhos corretos e incorretos. Resultados: o grupo que utilizava sapatos inadequados mostrou pior qualidade de vida relacionada à saúde geral e no pé. Diferenças entre os grupos foram avaliadas utilizando o teste t para amostras independentes, sendo estatisticamente significativas (p<0,05) para dimensão da dor, função, calçados, saúde geral, do pé e função social. Conclusão: o uso de calçado inadequado tem um impacto negativo significativo sobre a qualidade de vida relacionada à saúde do pé. O grau de impacto negativo parece estar associado com idade, sexo e índice de massa corpórea (IMC).
Descritores: Qualidade de Vida
Sapatos
Nível de Saúde
/anatomia & histologia
-Tamanho do Órgão
Dor/diagnóstico
Fatores Socioeconômicos
Espanha
Índice de Massa Corporal
Distribuição de Qui-Quadrado
Fatores Sexuais
Análise Multivariada
Inquéritos e Questionários
Doenças do Pé/diagnóstico
Limites: Humanos
Masculino
Feminino
Idoso
Idoso de 80 Anos ou mais
Tipo de Publ: Estudo Observacional
Responsável: BR1.1 - BIREME


  8 / 68 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: biblio-956461
Autor: López-López, Daniel; Marañon-Medina, Javier; Losa-Iglesias, Marta Elena; Calvo-Lobo, César; Rodríguez-Sanz, David; Palomo-López, Patricia; Vallejo, Ricardo Becerro de Bengoa.
Título: The influence of heel height related on quality of life on the foot in a sample of women
Fonte: Rev. Assoc. Med. Bras. (1992);64(4):324-329, Apr. 2018. tab.
Idioma: en.
Resumo: SUMMARY Many women have worn high-heel shoes (HHS) at some point in their lives and many wear them on a daily basis, with higher prevalence between 39% and 78% observed in institutional and clinical settings. The purpose of this study was to describe and compare the scores obtained with regard to foot health and health in general in a sample of women that use HHS as opposed to a sample of women without HHS with normalized reference values. A sample of 120 participants with a mean age of 41.94 ± 13.912 came to a health center where self-reported data were registered. The subjects with and without HHS were determined and the scores obtained were compared in the Foot Health Status Questionnaire (FHSQ). This questionnaire is made of 13 questions that assess 4 health domains of the feet, namely pain, function, general health and footwear. The women in the HHS group showed a worse quality of life related to health in general and to foot health specifically. Differences between the two groups were evaluated by means of a t-test for independent samples, showing statistical significance (P<0.01). Women with HHS present a negative impact on the quality of life related to foot health.

RESUMO Muitas mulheres usaram sapatos de salto alto (SSA) em algum momento de suas vidas e muitas usam diariamente, com maior prevalência entre 39% e 78%, observadas em contextos institucionais e clínicos. O objetivo deste estudo foi descrever e comparar os escores obtidos em relação à saúde dos pés e à saúde em geral em uma amostra de mulheres que utilizam SSA em oposição a uma amostra de mulheres sem SSA com valores de referência normalizados. Uma amostra de 120 participantes com idade média de 41,94 ± 13,912 chegou a um centro de saúde onde os dados autorrelatados foram registrados, os informantes com e sem SSA foram determinados e os escores obtidos foram comparados no Foot Health Status Questionnaire (FHSQ). Esse documento tem 13 questões que avaliam quatro domínios de saúde dos pés, nomeadamente dor, função, saúde geral e calçado. As mulheres do grupo SSA apresentaram pior qualidade de vida relacionada à saúde em geral e à saúde dos pés, especificamente. As diferenças entre os dois grupos foram avaliadas por meio de um teste t para amostras independentes, mostrando significância estatística (P <0,01). As mulheres com SSA apresentam um impacto negativo na qualidade de vida relacionada à saúde dos pés.
Descritores: Qualidade de Vida
Sapatos/efeitos adversos
Doenças do Pé/etiologia
-Valores de Referência
Estudos Transversais
Inquéritos e Questionários
Fatores de Risco
Estatísticas não Paramétricas
Doenças do Pé/fisiopatologia
Pessoa de Meia-Idade
Limites: Humanos
Feminino
Adolescente
Adulto
Idoso
Adulto Jovem
Responsável: BR1.1 - BIREME


  9 / 68 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Chile
Texto completo
Id: lil-772277
Autor: Flores H, Corina; Díaz M, León; Luz, Verónica; Rodríguez S, Pascual; Páramo, Daniel.
Título: Evaluación cuantitativa de la satisfacción laboral en personal directivo y operativo de empresas de calzado y cuero usuarios del IMSS, como modelo de atención / Quantitative evaluation of job satisfaction in leather and footwear workers affiliated to the IMSS as model attention
Fonte: Cienc. Trab;17(54):202-206, dic. 2015. tab.
Idioma: es.
Resumo: INTRODUCCIÓN: La satisfacción laboral está determinada por factores propios del trabajador en conjunto con variables del trabajo, esto es, por elementos intrínsecos y extrínsecos; la ausencia de uso no necesariamente determina la presencia de otros. OBJETIVO: La finalidad de este estudio fue evaluar la satisfacción laboral del personal con giros distintos. MATERIALES Y MÉTODOS: El diseño del estudio fue transversal comparativo, teniendo como unidad de muestreo a los trabajadores de dos empresas: una de calzado y otra de cuero, ambas ubicadas en la ciudad de León, Guanajuato, México, y cuyos trabajadores están adscritos al IMSS como proceso de atención. Para identificar el grado y tipo de satisfacción laboral en los trabajadores y directivos de dos empresas manufactureras, una de calzado (n = 51) y otra de curtiduría (n = 24), se aplicó una Escala de Satisfacción Laboral. Estos trabajadores pertenecen al Subsistema de salud adheridos al IMSS. RESULTADOS: Se compararon los resultados entre las submuestras y con los valores estandarizados. La mayoría de los factores de satisfacción identificados en este estudio estuvieron relacionados con el contenido del trabajo y se corresponden con características de las tareas (identidad, interés, variedad, significatividad). Así, atendiendo a la teoría bifactorial de Herzberg. CONCLUSIÓN Y DISCUSIÓN: En cuanto a los factores de contexto de trabajo, llamados higiénicos, únicamente el factor "ambiente social" o relaciones interpersonales destacaron entre los más mencionados. Los grupos mencionados arriba no sienten insatisfacción en el proceso de atención en los servicios de salud, de hecho ven el subsistema al que pertenecen como una ventaja en caso de un accidente en lo personal y familiar. Al evaluarse la satisfacción laboral general (de los dos grupos) se observa que existe una satisfacción general buena de acuerdo con el puntaje estandarizado. Específicamente la satisfacción intrínseca se mostró más elevada (p ≤ 0.001) en la empresa de cuero (puntaje promedio de 35.45 ± 2.87) que en la de calzado (34.67 ± 2.49).

INTRODUCTION: Job satisfaction is determinated by own worker's factors related to different variables either intrinsinc and extrinsic elements that belong to their own job. The absence of one of them not necessarily determines the presence of other. OBJECTIVE: To assess job satisfaction in two different companies: leather products and footwear. METHODS AND MATERIALS: A comparative cross-sectional study was realized with sampling units including workers of two companies: leather products and footwear, in León, Guanajuato, México. All workers were affiliated to the IMSS for health care. Job satisfaction scale was applied to identify the level and type of job satisfaction among workers and managers: leather products (n = 24) and footwear (n = 51). RESULTS: The results of subsamples and standardized values were compared. Most satisfaction factors were related to job contents and features to corresponding tasks (identity, interest, variety, meaningfulness). Thus, based on the two-factor theory of Herzberg. CONCLUSION AND DISCUSSION: About the work context factors, called hygienic factors only "social environment" or related highlighted more among the most frequently mentioned. The groups mentioned did not feel dissatisfaction in the process of care in health services in fact the feeling is like an advantage in case of accident to themselves or their families. When evaluating the general job satisfaction in both groups, we observed a good overall satisfaction according to the standardized score. Specifically, the intrinsic satisfaction was higher (p ≤ 0.001) in leather workers (average score 35.45 ± 2.87) than in the footwear workers (34.67 ± 2.49).
Descritores: Satisfação no Emprego
Categorias de Trabalhadores/psicologia
-Sapatos
Previdência Social
Estudos Transversais
Saúde do Trabalhador
Eficiência Organizacional
México
Limites: Humanos
Masculino
Feminino
Adulto
Tipo de Publ: Estudo Comparativo
Responsável: CL1.1 - Biblioteca Central


  10 / 68 LILACS  
              first record previous record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Merighi, Miriam Aparecida Barbosa
Texto completo
Id: biblio-843633
Autor: Silva, Marcelo Henrique da; Jesus, Maria Cristina Pinto de; Oliveira, Deíse Moura de; Merighi, Miriam Aparecida Barbosa.
Título: Unna's boot: experience of care of people with venous ulcers / Bota de Unna: experiencia del cuidado de personas con úlcera varicosa / Bota de Unna: vivência do cuidado por pessoas com úlcera varicosa
Fonte: Rev. bras. enferm;70(2):349-356, Mar.-Apr. 2017.
Idioma: en.
Resumo: ABSTRACT Objective: to understand the experience of care of people with venous ulcers using an Unna's boot. Method: a qualitative study, based on the social phenomenology by Alfred Schütz, was carried out with 12 adults interviewed in 2015. The statements were analyzed and organized in thematic categories. Results: the following categories emerged: "Unna's boot annoyance versus wound improvement", "Difficulties for accessing care with the Unna's boot", "Care for healing and preventing recurrence", and "Receiving more attention from the healthcare professional". Conclusion: the experience of care of people using an Unna's boot revealed the annoyance caused by this device, which was overcome due to the wound improvement. However, access to care was compromised by the lack of structure at the service, frustrating the patients' expectations regarding wound healing. The issues of these people's intersubjective universe should be considered in the management of care of venous ulcers.

RESUMEN Objetivo: comprender la experiencia del cuidado de personas con úlcera varicosa utilizando la Bota de Unna. Método: estudio cualitativo, fundamentado en fenomenología social de Alfred Schütz, realizado con 12 adultos entrevistados en 2015. Testimonios analizados y organizados en categorías temáticas. Resultados: surgieron las categorías: "Incomodidad de la Bota de Unna versus mejora de la herida", "Dificultades para el acceso al cuidado con la Bota de Unna", "Cuidar para cicatrizar y prevenir recidivas" y "Recibir más atención del profesional de salud". Conclusión: la experiencia de cuidado de personas utilizando la Bota de Unna expresó la incomodidad del dispositivo, superado por la mejora de la herida. No obstante, el acceso al cuidado resultó comprometido por falta de estructura del servicio, frustrando expectativas de los participantes respecto a la cicatrización de la herida. Las cuestiones del universo intersubjetivo de estas personas deben considerarse en la gestión del cuidado de la úlcera varicosa.

RESUMO Objetivo: compreender a vivência de cuidado de pessoas com úlcera varicosa em uso da Bota de Unna. Método: estudo qualitativo fundamentado na fenomenologia social de Alfred Schütz, realizado com 12 adultos entrevistados em 2015. Os depoimentos foram analisados e organizados em categorias temáticas. Resultados: foram desveladas as categorias: "O incômodo da bota de Unna versus a melhora da ferida", "Dificuldades para o acesso ao cuidado com a Bota de Unna", "Cuidar para cicatrizar e prevenir recidivas" e "Receber mais atenção do profissional de saúde". Conclusão: a vivência de cuidado de pessoas em uso da Bota de Unna revelou o incômodo proporcionado por este dispositivo, superado pela melhora da ferida. Porém, o acesso ao cuidado foi comprometido pela falta de estrutura do serviço, frustrando as expectativas dos participantes em relação à cicatrização da ferida. As questões do universo intersubjetivo dessas pessoas devem ser consideradas na gestão do cuidado da úlcera varicosa.
Descritores: Sapatos/normas
Úlcera Varicosa/terapia
Cicatrização
Desenho de Equipamento/normas
-Sapatos/efeitos adversos
Pesquisa Qualitativa
Desenho de Equipamento/psicologia
/fisiopatologia
Pessoa de Meia-Idade
Responsável: BR1.1 - BIREME



página 1 de 7 ir para página                  
   


Refinar a pesquisa
  Base de dados : Formulário avançado   

    Pesquisar no campo  
1  
2
3
 
           



Search engine: iAH v2.6 powered by WWWISIS

BIREME/OPAS/OMS - Centro Latino-Americano e do Caribe de Informação em Ciências da Saúde