Base de dados : LILACS
Pesquisa : J03.160 [Categoria DeCS]
Referências encontradas : 789 [refinar]
Mostrando: 1 .. 10   no formato [Detalhado]

página 1 de 79 ir para página                         

  1 / 789 LILACS  
              next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Saúde Pública
Texto completo
Id: biblio-890244
Autor: Pedraza, Dixis Figueroa.
Título: Hospitalização por doenças infecciosas, parasitismo e evolução nutricional de crianças atendidas em creches públicas / Hospitalization for infectious diseases, parasitism and nutritional evolution of children attended in public child day care centers
Fonte: Ciênc. Saúde Colet;22(12):4105-4114, Dez. 2017. tab.
Idioma: pt.
Resumo: Resumo O objetivo deste artigo é analisar a influência das hospitalizações por doenças infecciosas (diarreia e pneumonia) e do parasitismo na evolução nutricional, ao longo de um ano, entre crianças assistidas em creches públicas municipais. Mães de crianças de uma coorte responderam sobre a hospitalização por diarreia e pneumonia, assim como em relação ao parasitismo, durante o período de um ano de frequência à creche. Medidas antropométricas foram tomadas em cada visita. Usou-se modelo ajustado para examinar a relação entre a experiência de processos infecciosos e os desfechos do crescimento (peso e estatura). Numa amostra de 269 crianças monitoradas no período de 12 meses, a hospitalização por pneumonia e a infecção parasitária estiveram associadas com o crescimento desacelerado do peso e da estatura. Infecções parasitárias e pneumonia associaram-se ao comprometimento do crescimento em termos de peso e estatura.

Abstract The scope of this article is to analyze the influence of hospitalizations by infectious diseases (diarrhea and pneumonia) and parasitism in nutritional evolution, over the period of a year, among children enrolled in municipal public day care centers. Mothers of children in a cohort were asked about previous hospitalization due to diarrhea and pneumonia, as well as in relation to the elimination of worms, during the period of one year of attendance at day care centers. Anthropometrics were measured at each visit. An adjusted model to examine the relationship between infections experienced and growth outcomes (weight and height) was applied. In a subset analysis of 269 children followed up at every visit over the course of 12 months, hospitalization due to pneumonia and parasite infection were associated with decelerated growth in weight and height. Parasitic infection and pneumonia were associated with growth impairment in terms of weight and height.
Descritores: Doenças Parasitárias/epidemiologia
Creches
Doenças Transmissíveis/epidemiologia
Hospitalização/estatística & dados numéricos
-Doenças Parasitárias
Pneumonia/complicações
Pneumonia/epidemiologia
Estatura
Peso Corporal
Brasil/epidemiologia
Doenças Transmissíveis/complicações
Seguimentos
Diarreia/epidemiologia
Transtornos do Crescimento/etiologia
Transtornos do Crescimento/epidemiologia
Limites: Humanos
Masculino
Feminino
Lactente
Pré-Escolar
Responsável: BR1.1 - BIREME


  2 / 789 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: biblio-1152236
Autor: Ferreira, Arthur Luiz de Campos; Carvalho, Fernanda Ferreira de; Nihei, Oscar Kenji; Nascimento, Isalina Ansilieiro; Shimabuku Junior, Reinaldo Santos; Fernandes, Rene Diomar; Moreira, Neide Martins.
Título: Prevalence of intestinal parasites in children from public preschool in the Triple Border Brazil, Argentina, and Paraguay / Prevalência de parasitos intestinais em crianças de pré-escolas públicas na Tríplice Fronteira Brasil, Argentina e Paraguai
Fonte: ABCS health sci;46:e021205, 09 fev. 2021. tab.
Idioma: en.
Resumo: INTRODUCTION: The prevalence of parasitosis in children from Brazilian border cities is unknown. OBJECTIVE: To identify the prevalence of intestinal parasites in children from public pre-school on the Brazilian border and their socioeconomic and health profile. METHODS:: Fecal samples were obtained from 178 children from public early childhood educational center (CMEI) in Brazilian border municipalities in Foz do Iguaçu, Brazil. Samples were processed by Hoffman sedimentation and zinc sulfate centrifugation and flotation methods. A questionnaire was administered to children´s parents or guardians regarding parasitic diseases, socioeconomic status, and sanitary habits. RESULTS: The prevalence of intestinal parasites was 26.9% (n=48). A high prevalence of Giardia duodenalis was found (16.3%), followed by Endolimax nana (8.4%), Enterobius vermiculares (1.7%), Ascaris lumbricoides, and Entamoeba coli (0.5%). Forty-seven children (26.4%) presented monoparasitism. The percentage of parasitosis was significantly higher among male children (33.7% - p<0.036) who exhibited weight loss (50.0%), were from low-income families (35.4% - p=0.05), and had mothers with a low education (54.0% - p=0.0001). The highest percentage of Giardia was in children who exhibited weight loss (42.9% - p<0.05) and had mothers with low education (35.0% - p=0.0001). Multivariate analysis indicated that in the variable gender (male gender), weight loss and low maternal education contributed to the variability of parasitosis in children from the surveyed MCEC. CONCLUSION: The higher prevalence of Giardia was due to child and family variables. The detection of Enterobius vermiculares and Ascaris lumbricoides, despite the low frequency, indicates the need for better basic sanitation policies.

INTRODUÇÃO: A prevalência de parasitoses em crianças de municípios brasileiros de fronteira é desconhecida. OBJETIVO: Identificar a prevalência de parasitos intestinais em crianças de pré-escola pública de fronteira brasileira e seu perfil socioeconômico e sanitário. MÉTODOS: Foram obtidas amostras fecais de 178 crianças de Centro Municipal de Educação Infantil (CMEI) de Foz do Iguaçu, Brasil. As amostras foram processadas pelos métodos de sedimentação de Hoffman e centrifugação e flutuação no sulfato de zinco. Foi aplicado questionário aos pais ou responsáveis, referente a doenças parasitárias, nível socioeconômico e hábitos sanitários. RESULTADOS: A prevalência de parasitos intestinais foi de 26,9% (n=48). Houve maior prevalência de Giardia duodenalis (16,3%), seguido por Endolimax nana (8,4%), Enterobius vermiculares (1,7%), Ascaris lumbricoides e Entamoeba coli (0,5%). 47 (26,4%) crianças apresentaram monoparasitismo. O percentual de parasitose foi significantemente maior nas crianças do sexo masculino (33,7% - p<0,036), perda de peso (50,0%), famílias de baixa renda (35,4% - p=0,05) e mães com baixa escolaridade (54,0% - p=0,0001), enquanto, o maior percentual de Giardia foi em crianças com perda de peso (42,9% - p<0,05) e mães com baixa escolaridade (35,0% - p=0,0001). Análise multivariada indicou que na variável gênero (sexo masculino), perda de peso e baixa escolaridade das mães refletem parte da variabilidade da condição de parasitado das crianças dos CMEI pesquisados. CONCLUSÃO: Presença de maior prevalência de Giardia foi decorrente de variáveis da criança e da família e a detecção de Enterobius vermiculares e Ascaris lumbricoides, apesar da baixa frequência, indica necessidade de melhores políticas de saneamento básico.
Descritores: Parasitos
Doenças Parasitárias/epidemiologia
Áreas de Fronteira
Brasil
Creches
Saúde da Criança
-Higiene dos Alimentos/estatística & dados numéricos
Estudos Transversais
Giardíase
Saúde na Fronteira
Higiene das Mãos/estatística & dados numéricos
Limites: Humanos
Masculino
Feminino
Pré-Escolar
Responsável: BR1342.1 - Biblioteca da Escola de Enfermagem BENF


  3 / 789 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Saúde Pública
Texto completo
Id: biblio-890304
Autor: Pedraza, Dixis Figueroa.
Título: Perfil antropométrico de crianças segundo a estrutura das creches / Anthropometric profile of children in accordance with the structure of daycare centers
Fonte: Ciênc. Saúde Colet;22(4):1361-1371, Abr. 2017. tab.
Idioma: pt.
Resumo: Resumo O artigo tem por objetivos avaliar a estrutura de creches públicas e o perfil antropométrico de crianças do município de Campina Grande, Paraíba. Estudo transversal que envolveu 793 crianças assistidas em creches. Contemplaram-se informações para caracterizar as creches (estrutura relacionada à capacidade de atendimento à demanda e à de processamento da alimentação escolar, regime de acolhida, zona de localização) e o estado antropométrico das crianças (Estatura/Idade, Peso/Estatura). Menores escores-Z de Estatura/Idade e Peso/Estatura apresentaram-se nas crianças que frequentavam creches com maior número de crianças por funcionário, em regimes de acolhida de tempo parcial e localizadas na zona rural. As crianças que conviviam em salas de aula e em salas de descanso com maior número de crianças apresentaram, também, menores escores-Z de Estatura/Idade. Constatam-se problemas na estrutura das creches relacionados à capacidade de recursos humanos para prestar atenção às crianças e aos modos de convivência (aglomeração), os quais podem marcar diferenças no estado nutricional. Por sua vez, a frequência à creche em tempo integral e a urbanização predispõem positivamente o crescimento das crianças.

Abstract The scope of this article is to evaluate the structure of public daycare centers and the anthropometric profile of children in the city of Campina Grande in the State of Paraíba, Brazil. It is a cross-sectional study that involved 793 children attended in daycare centers. Information to describe the daycare centers were included (structure related to the capacity of demand and the processing power of school meals, reception system of children, location area) and the anthropometric status of the children (Height/Age, Weight/Height). The mean Z-scores for Height/Age and Weight/Height were lower among children from daycare centers with a greater number of children per employee, attended on a part time basis and located in the rural zone. The Z-scores for Height/Age were also lower among children who studied in classrooms and were housed in rest rooms with a greater density of children. Problems were detected in the structure of daycare centers with respect to the capacity of human resources to look after the children and the ways of living together (coexistence), which can make a difference in the nutritional status of the children. For its part, full-time daycare attendance and urbanization predispose children positively to growth.
Descritores: Creches/estatística & dados numéricos
Estado Nutricional
Crescimento/fisiologia
-População Rural
População Urbana
Urbanização
Estatura/fisiologia
Peso Corporal/fisiologia
Brasil
Antropometria
Estudos Transversais
Limites: Humanos
Pré-Escolar
Responsável: BR1.1 - BIREME


  4 / 789 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Saúde Pública
Texto completo
Id: biblio-974714
Autor: Pedraza, Dixis Figueroa; Araujo, Erika Morganna Neves de; Santos, George Luís Dias dos; Chaves, Leticia Rangel Mayer; Lima, Zilka Nanes.
Título: Factores asociados a las concentraciones de hemoglobina en preescolares / Factors associated with concentrations of hemoglobin in preschoolers
Fonte: Ciênc. Saúde Colet;23(11):3637-3647, Oct. 2018. tab.
Idioma: es.
Resumo: Resumen El presente estudio buscó identificar en niños preescolares la asociación de las concentraciones de hemoglobina con características socio-ambientales, maternas, biológico-nutricionales y las condiciones de salud; así como con las concentraciones séricas de zinc y retinol. Estudio transversal con muestra de 335 individuos, representativa de los niños de jardines infantiles del municipio de Campina Grande, Paraíba. En los 294 niños estudiados, el modelo ajustado mostró menores concentraciones de hemoglobina en casos de tipo de casa diferente de ladrillo; ausencia de red de escoto; colecta no pública de la basura; no tratamiento del agua para beber; dificultades maternas para leer, escribir o hacer cuentas; edad entre 9-24 meses; peso/edad < - 2 escore Z y problemas de salud en los últimos 15 días, bien como en casos de bajas concentraciones séricas de zinc y retinol. La multicausalidad de concentraciones inferiores de hemoglobina comprendió condiciones socio-ambientales y características materno-infantiles que refuerzan la importancia de medidas que prioricen los niños de menor edad, de madres con menor nivel educacional y con prejuicios en su peso, estado de salud y condición nutricional de otros micronutrientes importantes en el crecimiento.

Abstract This study sought to identify the association between the concentration of hemoglobin and socio-environmental, maternal, biological-nutritional and health condition characteristics in preschool children; as well as the serum concentrations of zinc and retinol. It involved a cross-sectional study with 335 individuals, a representative sample of children enrolled in child day care centers in the city of Campina Grande, Paraíba. In the 294 children studied, the adjusted model showed lower concentrations of hemoglobin when the house was not made of bricks; there was no sewerage system; no public garbage collection; no treatment of drinking water; maternal difficulties for reading, writing and making calculations; age between 9 - 24 months; weight/age < - 2 score Z and health problems in the last 15 days, as well as in cases of lower serum concentrations of zinc and retinol. The multicausality of lower hemoglobin levels included socio-environmental conditions and child-maternal characteristics that reinforce the importance of measures that prioritize the younger children of mothers with lower education levels and prejudiced in weight, health and nutritional status of other important micronutrients for growth.
Descritores: Vitamina A
Zinco/sangue
Estado Nutricional
Mães/estatística & dados numéricos
-Peso Corporal
Brasil
Hemoglobinas/metabolismo
Creches
Nível de Saúde
Estudos Transversais
Fatores de Risco
Escolaridade
Limites: Humanos
Masculino
Feminino
Adulto
Responsável: BR1.1 - BIREME


  5 / 789 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Saúde Pública
Texto completo
Id: biblio-974784
Autor: Souza, Camila Alves Nogueira de; Longo-Silva, Giovana; Menezes, Risia Cristina Egito; Araujo, Alyne da Costa; Toloni, Maysa Helena de Aguiar; Oliveira, Maria Alice de Araújo.
Título: Adequação nutricional e desperdício de alimentos em Centros de Educação Infantil / Nutritional adequacy and food waste in Early Childhood Education Centers
Fonte: Ciênc. Saúde Colet;23(12):4177-4188, Dec. 2018. tab.
Idioma: pt.
Resumo: Resumo Analisar aspectos quantitativos e qualitativos da alimentação escolar constitui-se de etapa primordial para fazer do Programa Nacional de Alimentação Escolar (PNAE) um espaço efetivo para a promoção da alimentação saudável e formação de sujeitos de direitos. O objetivo deste estudo foi avaliar a adequação nutricional das refeições servidas e consumidas e quantificar o desperdício de alimentos em Centros de Educação Infantil de Maceió/AL. Foram analisadas por três dias não consecutivos, pelo método de pesagem direta, as refeições de 359 crianças (17 e 63 meses). O desperdício de alimentos foi determinado pelo índice de resto-ingestão e o valor nutricional das refeições servidas e consumidas foram comparadas com os valores de referência do PNAE para energia, carboidrato, proteína, lipídio, vitaminas A e C, ferro, cálcio, zinco, magnésio e fibra. Dos 85 alimentos/preparações presentes no cardápio, 58 (68%) apresentaram percentual de resto-ingestão, superior a 10%. As refeições servidas e consumidas atenderam aproximadamente 50% do recomendado para energia e macronutrientes. A diferença entre as médias dos nutrientes ofertados e consumidos foi estatisticamente significante (p < 0,05) para fibra, vitamina A, vitamina C, cálcio, ferro e zinco.

Abstract Analyzing quantitative and qualitative aspects of school meals represents the initial stage to ensure that the National School Food Program (PNAE) is an effective space for the promotion of healthy eating habits and establishing individual rights. The objective of this study was to evaluate the nutritional adequacy of meals served and consumed, as well as quantifying food waste in Child Daycare Centers in Maceió, in the state of Alagoas. All meals served and consumed by 359 children (aged 17 to 63 months) were analyzed by the direct weighing method for three non-consecutive days in all institutions. Food waste was determined by the leftover factor and the nutritional value of meals served and consumed was compared to the PNAE reference values regarding energy, carbohydrates, protein, lipids, vitamins A and C, iron, calcium, zinc, magnesium and fiber. Of the 85 meals/preparations featured on the menu, 58 (68%) revealed a high leftover percentage; in excess of 10%. The meals served and consumed met approximately 50% of the recommended energy and macronutrient values. The difference between the averages of the nutrients offered and consumed was statistically significant (p < 0.05) for fiber, vitamin A, vitamin C, calcium, iron and zinc.
Descritores: Resíduos/estatística & dados numéricos
Comportamento Alimentar
Serviços de Alimentação
Valor Nutritivo
-Instituições Acadêmicas
Ingestão de Energia
Nutrientes/administração & dosagem
Creches
Promoção da Saúde/métodos
Limites: Humanos
Masculino
Feminino
Lactente
Pré-Escolar
Responsável: BR1.1 - BIREME


  6 / 789 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Texto completo
Texto completo
Id: biblio-880102
Autor: Haidvogl, M; Lehner, E; Resch, D.
Título: Tratamiento homeopático de niños discapacitados. Revisión de una serie de 40 casos / Homeopathic treatment of disabled children. Review of a series of 40 cases
Fonte: Homeopatia Méx;86(708):28-38, 2017.
Idioma: es.
Resumo: Se presentan los resultados de un total de 55 consultas para dar atención a 40 casos de niños de una escuela y guardería. Los medicamentos se seleccionaron mediante repertorización computarizada y se verificaron frente al tipo constitucional de los niños. El resultado se evaluó en referencia a síntomas blanco preseleccionados. De los 40 niños, 18 respondieron bien a todos los síntomas blanco; 11 mostraron mejoría en algunos síntomas blanco; siete no respondieron al tratamiento, y en cuatro no se evaluó el resultado. Los niños con daño orgánico cerebral, autismo y síndromes definidos respondieron bien. Aquellos cuyo impedimento se debió a una privación social, generalmente fallaron a la respuesta. Las respuestas mayores fueron un incremento en el impulso y mejoría en el comportamiento hiperactivo y agresivo, los cuales permitieron a los niños beneficiarse más de su educación. También mejoraron síntomas físicos como la enuresis y el tartamudeo.
Descritores: Repertorização Computadorizada
Síndrome de Down
Homeopatia
-Creches
Limites: Humanos
Tipo de Publ: Relatos de Casos
Responsável: BR1.1 - BIREME


  7 / 789 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: lil-742096
Autor: Sarubbi Junior, Vicente; Muylaert, Camila Junqueira; Gallo, Sophia Motta; Gallo, Paulo Rogério.
Título: In the context of a daycare center: nursing and their representations of child care as an educational act / En el contexto de la guardería: enfermería y sus representaciones de cuidado infantil como un acto educativo / No contexto da creche: a enfermagem e suas representações do cuidado à criança como ato educativo
Fonte: Rev. Esc. Enferm. USP;48(spe2):46-52, 12/2014. tab.
Idioma: en; pt.
Resumo: This study aimed to analyze the social representations in the professionals of technical staff, who work with children at USP daycare centers. Eight professionals of the nursing field underwent a semi-structured interview. The interviews were recorded and transcribed in their entirety and the content of the discourse was subjected to thematic-categorical analysis. The categories were transformed into variables and processed by the software Classification Hiérarchique Classificatoire et Cohésitive (CHIC®) and analyzed by the hierarchical similarity tree. The results indicate that actions to promote health are reported as educational and transformative, in which health care gains new meaning through contextualized conceptions in the field of child education. We conclude that professionals attribute new meanings to their practices in the health care environment of daycare centers as their representations shifts from the logic of the biomedical field to a logic of educational care. In this sense, they perceive themselves as being challenged to establish an interaction with the children in terms of their activities related to the promotion of health and in an educational act.

El objetivo de la investigación estudio fue analizar las representaciones sociales de los técnicos profesionales que trabajan en los centro de atención infantil de la Universidad de São Paulo (USP). Ocho profesionales de enfermería fueron entrevistados mediante un semi-estructurada guión. Las entrevistas fueron grabadas y transcritas y sometidas al análisis de contenido temático-categorial. Las categorías se transformaron en variables procesadas por hiérarchique Classificatoire et Cohesiva software Clasificación (CHIC®) y analizados por similitud árbol jerárquico (clúster de múltiples niveles). Los resultados indican que las acciones sobre promoción de la salud se reportan como educativo y transformador, en que la atención de la salud adquiere nuevos significados a través de concepciones contextualizadas en el campo de la educación infantil. Llegamos a la conclusión de que los profesionales atribuyen nuevos significados a sus prácticas en el ámbito sanitario de los centro de atención infantil sus representaciones turnos desde la lógica del campo de la biomedicina a la lógica de la atención educativa. En este sentido, los propios que perciben al ser desafiados a establecerse una interacción con los niños en términos de sus actividades relacionadas con la promoción de la salud y en un acto educativo.

O estudo teve como objetivo analisar as representações sociais dos profissionais das equipes técnicas que trabalham nas creches da Universidade de São Paulo (USP). Foram entrevistados oito profissionais da área de enfermagem com o uso de um roteiro semiestruturado. As entrevistas foram gravadas e transcritas na íntegra e o conteúdo submetido à análise de conteúdo temático-categorial. As categorias foram transformadas em variáveis, processadas pelo software Classification Hiérarchique Classificatoire et Cohésitive (CHIC®) e analisadas pela árvore hierárquica de similaridade (cluster multinível). Os resultados indicam que as ações acerca da promoção à saúde são relatadas como educativas e transformadoras, em que o cuidado em saúde ganha novos significados por meio de concepções contextualizadas no campo da educação infantil. Conclui-se que os profissionais ressignificam suas práticas de cuidado em saúde no ambiente das creches em que as representações transitam da lógica biomédica do cuidar para uma lógica educativa do cuidado. Neste sentido, se percebem desafiados na interação que estabelecem com as crianças acerca de sua atuação vinculada à promoção da saúde e ao ato de educar.
Descritores: Cuidado da Criança
Creches
Enfermagem
Promoção da Saúde
-Universidades
Educação Infantil
Estudos Transversais
Assistência à Saúde
Pesquisa Qualitativa
Limites: Humanos
Feminino
Adulto
Pessoa de Meia-Idade
Tipo de Publ: Relatos de Casos
Responsável: BR41.1 - Biblioteca Wanda de Aguiar Horta


  8 / 789 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Roazzi, Antonio
Texto completo
Id: biblio-1143578
Autor: Santos, Ingrid Michélle de Souza; Roazzi, Antonio; Melo, Monilly Ramos Araujo.
Título: Consciencia fonológica y funciones ejecutivas: asociaciones con escolaridad y edad / Phonological Awareness and Executive Functions: associations with schooling and age / Consciência fonológica e funções executivas: associações com escolaridade e idade
Fonte: Psicol. esc. educ;24:e212628, 2020. tab.
Idioma: pt.
Resumo: Tanto a consciência fonológica como as funções executivas se desenvolvem gradualmente e progridem com o avanço da escolaridade. Tais especificidades nos incentivam a investigá-las em crianças no início da escolarização. O objetivo deste estudo foi explorar as associações entre os dois grupos de competências, tomando-se a idade e a escolaridade como covariantes. Participaram 152 crianças de ambos os sexos, egressas de escolas públicas do maternal e do pré-escolar. Foram aplicados os seguintes instrumentos: Escala de maturidade Mental Columbia (CMMS), Teste de Habilidades Preditoras da Leitura (THPL), Teste de Trilhas para Pré-escolares (TT-P) e a Tarefa Stroop Dia e Noite. Os resultados apontaram para correlações de fracas a moderadas entre faixa etária e os componentes das funções executivas. Já em relação à consciência fonológica, verificamos correlações de magnitude fraca, mas estatisticamente significativa. Concluímos a favor da influência da idade e da escolaridade sobre a consciência fonológica e as funções executivas.

La consciencia fonológica y las funciones ejecutivas se desarrollan gradualmente y progresan con el avance de la escolaridad. Tales especificidades nos incentiva a investigarlas en niños en el inicio de la escolarización. El objetivo de ese estudio fue explorar las asociaciones entre los dos grupos de competencias, volviéndose la edad y la escolaridad como covariantes. Participaron 152 niños de ambos sexos, egresas de escuelas públicas desde la escuela maternal y el jardín de infancia. Se aplicaron los siguientes instrumentos: Escala de madurez Mental Columbia (CMMS), Test de Habilidades Predictoras de la Lectura (THPL), Test de Trillas para Preescolares (TT-P) y la Tarea Stroop Día y Noche. Los resultados apuntaran para correlaciones de débeles a moderadas entre grupo de edad y los componentes de las funciones ejecutivas. Ya en relación a consciencia fonológica, comprobamos correlaciones de magnitud débil, pero estadísticamente significativa. Concluimos a favor de la influencia de la edad y de la escolaridad sobre la consciencia fonológica y las funciones ejecutivas.

Both phonological awareness and executive functions develop gradually and progress with the advance of schooling. Such specificities encourage us to investigate them in children at the beginning of schooling. The aim of this study was to explore the associations between the two skill groups, taking age and schooling as covariant. A total of 152 children of both sexes participated, they are from public nursery and pre-school. The following instruments were applied: Columbia Mental Maturity Scale (CMMS), Predictive Reading Skills Test (THPL), Pre-School Track Test (TT-P) and the Day and Night Stroop Task. The results pointed from weak to moderate correlations between age group and the components of executive functions. Regarding phonological awareness, we found correlations of weak magnitude, but statistically significant. We conclude in favor of the influence of age and schooling upon phonological awareness and executive functions.
Descritores: Transtornos da Articulação
Creches
Desenvolvimento Infantil
Responsável: BR27.1 - Biblioteca do Campus II


  9 / 789 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Lamounier, Joel Alves
Texto completo
Id: lil-353929
Autor: Lamounier, Joel Alves; Lana, Liana Mara Nunes; Lima, Luci Zatti; Lima, Luís José de.
Título: Estado nutricional de crianças em creches do município de Caparaó, em Minas Gerais / Nutritional status of children of day care centers in Caparaó, Minas Gerais state, Brazil
Fonte: Rev. méd. Minas Gerais;13(1):20-26, jan.-mar. 2003. tab.
Idioma: pt.
Resumo: O estudo avaliou as condiçöes nutricionais de 50 crianças, de idades entre quatro meses e oito anos, que frequentavam duas creches do município de Caparaó, Minas Gerais. Destas 17 eram da sede do munícipio e 33 do distrito de Alto Caparaó. Os parâmetros utilizados foram exame clínico, antropometria (peso, estatura, perímetro braquial, perímetro cefálico) e exame parasitológico de fezes. As famílias eram de baixa renda, sem as mínimas condiçöes de saneamento básico. Para classificaçäo do estado nutricional foram utilizados os critérios recomendados pela Organizaçäo Mundial da Saúde (OMS), sendo: desnutriçäo aguda índice peso/altura menor que -2 desvios padröes da média. Classificaçäo para formas de desnutriçäo: forma leve(-1 e -2 DP), moderada (-2 e -3 DP), grave (<-3DP). Nas análises, foram usadas as referências do NCHS e dos programas EPIINFO e DIAGNUTRI. A prevalência de desnutriçäo crônica forma leve foi de 46 por cento, forma moderada 16 por cento e forma grave 0 por cento. Os níveis de desnutriçäo crônica nesta amostra estudada säo superiores aos relatados para a regiäo sudeste do país. Näo foram detectados casos de desnutriçäo aguda. Portanto, açöes em saúde pública säo necessárias para reduzir as taxas de desnutriçäo infantil no município.
Descritores: Creches
Estado Nutricional
Criança
-Antropometria
Fezes
Exame Físico
Fatores Socioeconômicos
Transtornos da Nutrição Infantil
Limites: Humanos
Masculino
Feminino
Lactente
Pré-Escolar
Criança
Responsável: BR21.1 - Biblioteca J Baeta Vianna- Campus Saúde UFMG


  10 / 789 LILACS  
              first record previous record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Timenetsky, Jorge
Texto completo
Id: biblio-1039197
Autor: Carvalho, Suzi P de; Almeida, Jéssica B de; Andrade, Yasmin M F S; Silva, Lucas S C da; Oliveira, Arianne C de; Nascimento, Flávia S; Campos, Guilherme B; Oliveira, Márcio V; Timenetsky, Jorge; Marques, Lucas M.
Título: Community-acquired methicillin-resistant Staphylococcus aureus carrying SCCmec type IV and V isolated from healthy children attending public daycares in northeastern Brazil
Fonte: Braz. j. infect. dis;21(4):464-467, July-Aug. 2017. tab.
Idioma: en.
Resumo: Abstract Nasal colonization with methicillin-resistant Staphylococcus aureus (MRSA) have increasingly been reported in healthy communities. This study aimed to assess the rate of S. aureus in general and MRSA in particular from nasal secretion of children in daycare centers in Vitória da Conquista, Brazil. The isolates were identified based on morphology, biochemical tests and by PCR. Detection of virulence genes, biofilm production, and susceptibility test by disk diffusion agar were performed. MRSA isolates were characterized by spa, SCCmec, and multilocus sequence typing (MLST). S. aureus were recovered from 70 (47.3%) of 148 children. Among the 11 MRSA strains (15.7%), two SCCmec types (IV and V) were detected. MLST identified four STs related to three clonal complexes (CC): 5, 45, and 398. Four spa types were found circulating in this setting. Resistance of S. aureus isolates to ampicillin, erythromycin, ciprofloxacin, clindamycin, and tetracycline was 80%, 32.8%, 7.1%, 7.1% and 4.3%, respectively. One isolate presented intermediate resistance to vancomycin detected by Etest methodology. All strains were biofilm producers. The virulence genes seb, sec, spa, and pvl were detected in some isolates. This study revealed a high rate of children carrying MRSA among healthy attendees in daycare centers in Vitória da Conquista, Brazil.
Descritores: Infecções Estafilocócicas/microbiologia
Creches
Nariz/microbiologia
-Infecções Comunitárias Adquiridas/microbiologia
Biofilmes/crescimento & desenvolvimento
Fatores de Virulência
Testes de Sensibilidade a Antimicrobianos por Disco-Difusão
Staphylococcus aureus Resistente à Meticilina/isolamento & purificação
Staphylococcus aureus Resistente à Meticilina/efeitos dos fármacos
Staphylococcus aureus Resistente à Meticilina/patogenicidade
Genótipo
Antibacterianos/farmacologia
Limites: Humanos
Masculino
Feminino
Lactente
Pré-Escolar
Criança
Responsável: BR1.1 - BIREME



página 1 de 79 ir para página                         
   


Refinar a pesquisa
  Base de dados : Formulário avançado   

    Pesquisar no campo  
1  
2
3
 
           



Search engine: iAH v2.6 powered by WWWISIS

BIREME/OPAS/OMS - Centro Latino-Americano e do Caribe de Informação em Ciências da Saúde