Base de dados : LILACS
Pesquisa : K01.752.400.900 [Categoria DeCS]
Referências encontradas : 75 [refinar]
Mostrando: 1 .. 10   no formato [Detalhado]

página 1 de 8 ir para página                    

  1 / 75 LILACS  
              next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Texto completo
Texto completo
Texto completo
Id: biblio-1116094
Autor: Oliveira, Samara Gonçalves de; Pacheco, Sandra Teixeira de Araújo; Nunes, Michelle Darezzo Rodrigues; Caldas, Célia Pereira; Cunha, Adriana Loureiro da; Peres, Patrícia Lima Pereira.
Título: Aspectos bioéticos dos cuidados em saúde às pessoas idosas ao fim da vida / Bioethical aspects of health care provided to older adults at the end of their lives / Aspectos bioéticos de los cuidados de salud a adultos mayores en el final de la vida
Fonte: Rev. enferm. UERJ;28:e47321, jan.-dez. 2020.
Idioma: en; pt.
Resumo: Objetivo: analisar a produção científica nacional e internacional, buscando as interfaces existentes entre os princípios bioéticos e os cuidados em saúde prestados ao fim da vida às pessoas idosas. Método: revisão integrativa, cuja busca ocorreu entre outubro e novembro de 2019 nas bases de dados Medline via Pubmed, Lilacs e Scopus com os descritores: "Palliative Care", "Aged" e "Bioethics" de 2014-2019. Resultados: a partir dos artigos selecionados, emergiram as seguintes categorias: condutas terapêuticas frente aos cuidados ao fim da vida; tomada de decisão nos cuidados ao fim da vida; e desafios nos cuidados ao fim da vida. Conclusão: destaca-se a relevância dos profissionais manterem o compromisso com a pessoa idosa e sua família de forma a considerar suas subjetividades e preferências e os instrumentalizar para que os cuidados sejam pautados em princípios bioéticos, para assim proporcionar um processo de morte e de morrer com dignidade.

Objective: to examine the Brazilian and international scientific production for connections between bioethical principles and the health care provided to older adults at the end of their lives. Method: between October and November 2019 this integrative review searched the Medline (Pubmed), Lilacs, and Scopus databases using the descriptors: "Palliative Care", "Aged", and "Bioethics" for the period 2014-2019. Results: the following categories emerged from the selected articles: therapeutic conducted with regard to end-of-life care; decision making on end-of-life care; and challenges in end-of-life care. Conclusion: of particular importance is for health professionals to uphold their commitment to older adults and their families, consider their subjectivities and preferences, and empower and equip them so that care is guided by bioethical principles in order to assure a dignified process of dying and death.

Objetivo: examinar la producción científica brasileña e internacional en busca de conexiones entre los principios bioéticos y la atención médica brindada a los adultos mayores al final de sus vidas. Método: entre octubre y noviembre de 2019, esta revisión integradora buscó en las bases de datos Medline (Pubmed), Lilacs y Scopus utilizando los descriptores: "Cuidados paliativos", "Envejecido" y "Bioética" para el período 2014-2019. Resultados: las siguientes categorías surgieron de los artículos seleccionados: terapéutico realizado con respecto a la atención al final de la vida; toma de decisiones sobre la atención al final de la vida; y desafíos en la atención al final de la vida. Conclusión: es de particular importancia que los profesionales de la salud mantengan su compromiso con los adultos mayores y sus familias, consideren sus subjetividades y preferencias, y los empoderen y equipen para que la atención se guíe por principios bioéticos para asegurar un proceso digno de muerte y muerte.
Descritores: Atitude do Pessoal de Saúde
Cuidados Paliativos na Terminalidade da Vida/ética
Temas Bioéticos
Pessoalidade
Morte
-Relações Profissional-Família/ética
Relações Profissional-Paciente/ética
Atitude Frente a Morte
Valor da Vida
Limites: Humanos
Idoso
Idoso de 80 Anos ou mais
Tipo de Publ: Revisão
Responsável: BR1366.1 - Biblioteca Biomédica B - CB/B (Odontologia e Enfermagem)


  2 / 75 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: biblio-1136438
Autor: Katz, Leila; Amorim, Melania Maria; Giordano, Juliana Camargo; Bastos, Maria Helena; Brilhante, Aline Veras Morais.
Título: Who is afraid of obstetric violence? / Quem tem medo da violência obstétrica?
Fonte: Rev. Bras. Saúde Mater. Infant. (Online);20(2):623-626, Apr.-June 2020.
Idioma: en.
Resumo: Abstract Despite being a relatively new term, obstetric violence is an old problem. In 2014, the World Health Organization declared: "Many women experience disrespectful and abusive treatment during childbirth in facilities worldwide. Such treatment not only violates the rights of women to respectful care, but can also threaten their rights to life, health, bodily integrity, and freedom from discrimination". This problem, named as "abuse", "disrespect" and/or "mistreatment" during childbirth, has been addressed in several studies. However, there has been no consensus on how to properly name this problem, although its typology has been well described. Considering the magnitude of this problem, it is essential to give the correct terminology to this important health and human rights issue. Naming it as obstetric violence and understanding it as gender-based violence will ensure appropriate interventions to avert this violation of women's rights.

Resumo Apesar de ser um termo relativamente novo, a violência obstétrica é um problema antigo. Em 2014, a Organização Mundial da Saúde declarou: "Muitas mulheres sofrem tratamento desrespeitoso e abusivo durante o parto em instalações de saúde em todo o mundo. Esse tratamento não só viola os direitos das mulheres a cuidados respeitosos, mas também pode ameaçar seus direitos à vida, saúde, integridade corporal e liberdade de discriminação". Esse problema, denominado "abuso", "desrespeito" e /ou "maus-tratos" durante o parto, foi abordado em vários estudos. No entanto, não houve consenso sobre como nomear adequadamente esse problema, embora sua tipologia tenha sido bem descrita. Considerando a magnitude desse problema, é essencial dar a terminologia correta para essa importante questão de saúde e direitos humanos. Nomear como violência obstétrica e entendê-la como violência baseada em gênero garantirá intervenções apropriadas para evitar essa violação dos direitos das mulheres.
Descritores: Direitos da Mulher
Desumanização
Parto
Violência contra a Mulher
Violência Obstétrica
Tocologia
-Valor da Vida
Violência de Gênero
Direitos Humanos
Limites: Humanos
Feminino
Gravidez
Responsável: BR663.1 - Biblioteca da Saúde da Mulher e da Criança


  3 / 75 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: biblio-1136426
Autor: Freitas-Júnior, Reginaldo Antônio de Oliveira.
Título: Avoidable maternal mortality as social injustice / Mortalidade materna evitável enquanto injustiça social
Fonte: Rev. Bras. Saúde Mater. Infant. (Online);20(2):607-614, Apr.-June 2020.
Idioma: en.
Resumo: Abstract Safe motherhood is not a reality for many women and maternal mortality persists as a severe public health problem. This paper aims to discuss avoidable maternal mortality beyond health issues emphasising on human rights violations and the multiple social repercussions on this complex phenomenon. From the human rights perspectives, avoidable maternal death can be characterized as violation of rights related to life, freedom and the person's safety, family life, equality and non-discrimination, as well as to the highest attainable standard of health and benefits from scientific progress. When reproductive health risks are faced by pregnant women, they are not restricted to inherent issues such as pregnancy but they reflecton issues strongly linked in the need of gender equality and empowerment for all women and girls, and avoidable maternal mortality should be understood by everyone as a serious injustice tha tdiscriminates women and violates their fundamental rights. The avoidable maternal death recharacterisation, beginning from health disadvantage to social injustice, should develop a collective critical awareness involving the population, giving visibility repercussions for the individual, the family and the population, as well as promoting new interdisciplinary possibilities in coping, sharing and focusing on social control in public policies.

Resumo A maternidade segura não é realidade para muitas mulheres e a mortalidade materna persiste como grave problema de saúde pública. Este artigo objetiva discutir a mortalidade materna evitável para além das questões sanitárias, com ênfase na violação dos direitos humanos e nas múltiplas repercussões sociais desse complexo fenômeno. Na perspectiva dos direitos humanos, a morte materna evitável pode ser caracterizada como violação de direitos relativos à vida, à liberdade e à segurança da pessoa, à vida familiar, à igualdade e a não discriminação, bem como ao mais alto padrão de saúde alcançável e aos benefícios do progresso científico. Quando os riscos à saúde reprodutiva enfrentados pelas gestantes não estão restritos às questões inerentes à gravidez, mas traduzem questões fortemente vinculadas à necessidade de igualdade de gênero e empoderamento de todas as mulheres e meninas, a mortalidade materna evitável deve ser entendida por todos como uma grave injustiça que exerce discriminação contra as mulheres e viola seus direitos fundamentais. A recaracterização da morte materna evitável, de desvantagem de saúde para injustiça social, deve fomentar o desenvolvimento de uma consciência crítica coletiva capaz de envolver toda a sociedade, dando visibilidade às repercussões individuais, familiares e sociais, e promover novas possibilidades interdisciplinares de enfrentamento, compartilhadas e focadas no controle social das políticas públicas.
Descritores: Direitos da Mulher
Mortalidade Materna
Violações dos Direitos Humanos
Direitos Humanos
-Valor da Vida
Limites: Humanos
Feminino
Gravidez
Responsável: BR663.1 - Biblioteca da Saúde da Mulher e da Criança


  4 / 75 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Texto completo
Id: biblio-1279519
Autor: Páez, Gustavo; López-Gabeiras, María del Pilar; Moreno-DAnna, Milagros.
Título: Alcance de la calidad de vida en atención médica / Quality of life reach in medical care / Alcance da qualidade de vida no atendimento médico
Fonte: Pers. bioet;24(1):14-27, ene.-jun. 2020. graf.
Idioma: es.
Resumo: Resumen La expresión calidad de vida tiene un uso cada vez más generalizado en la práctica biomédica, sobre todo en situaciones de final de la vida. La experiencia demuestra que, muchas veces, esa expresión se emplea con alcances muy diversos, en ocasiones contrapuestos. En el presente artículo se exponen los resultados de una revisión bibliográfica que muestra las diferentes posturas y se propone una delimitación del tema. El análisis compara los términos "calidad de vida", "dignidad humana" y "valor de la vida humana".

Abstract The term quality of life has increasingly widespread use in biomedical practice, especially in end-of-life situations. Experience shows that the expression is often used with very different -and sometimes conflicting- scopes. The present article presents the results of a literature review that show diverse positions, while delimitating the subject. The analysis compares the terms "quality of life," "human dignity," and "value of human life".

Resumo A expressão "qualidade de vida" tem um uso cada vez mais generalizado na prática biomédica, em especial em situações de final da vida. A experiência demonstra que, muitas vezes, essa expressão é empregada com alcances muito diversos, em ocasiões contrapostos. Neste artigo, são apresentados os resultados de uma revisão bibliográfica que mostra os diferentes posicionamentos e é proposta uma delimitação da temática. A análise compara as expressões "qualidade de vida", "dignidade humana" e "valor da vida humana".
Descritores: Qualidade de Vida
Valor da Vida
Respeito
Tipo de Publ: Revisão
Responsável: CO243.1 - Biblioteca Octavio Arizmendi Posada


  5 / 75 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: biblio-1247591
Autor: Vaira Navarro, Andrés.
Título: Dignidad, discapacidad, eugenesia. Cultura del descarte: Modernos estudios prenatales / Dignity, disability, eugenics. Discard Culture: Modern Prenatal Studies
Fonte: Inmanencia (San Martín, Prov. B. Aires);8(1):136-140, 2021.
Idioma: es.
Descritores: Diagnóstico Pré-Natal
Valor da Vida
Aborto
Eugenia (Ciência)
Tipo de Publ: Relatório Técnico
Responsável: AR392.1 - Biblioteca


  6 / 75 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Texto completo
Id: biblio-1251877
Autor: Lagos Beltrán, Giselle; Pérez-Luco Arenas, Ricardo.
Título: Cumplimiento de derechos infantiles en Chile: evaluación de profesionales de programas públicos / The fulfilment of children's rights in Chile: Evaluation of public program staff / Conformidade com os direitos da criança no Chile: Avaliação de profissionais de programas públicos
Fonte: Rev. latinoam. cienc. soc. niñez juv;19(1):63-84, ene.-abr. 2021. tab, graf.
Idioma: es.
Resumo: Resumen (analítico) Ante la escasez de evidencia, el objetivo general de este estudio fue describir y aplicar un instrumento propuesto para medir los derechos infantiles en Chile, desde el ejercicio cotidiano de operadores sociales que trabajan con infancia y adolescencia en centros educacionales, de salud, justicia o de desarrollo psicosocial. La muestra estuvo compuesta por 407 participantes (profesores, psicólogos, entre otros). El instrumento considera los cuatro principios fundamentales de la Convención de Derechos del Niño: no discriminación, interés superior, derecho a la vida, desarrollo, supervivencia y participación. Los resultados preliminares sugieren que existen diferencias estadísticamente significativas en el grado de cumplimiento de los derechos según el ámbito de desempeño. Se discute la consistencia in-terna del instrumento y su adaptación según ámbito, población atendida y aplicación en población infantil general y específica.

Abstract (analytical) Given the lack of evidence in this area, the general objective of this study was to describe and apply an instrument designed to measure children's rights in Chile based on the day to day practices of social operators who work with children and adolescents, in educational, health, justice and psychosocial development centers. The sample consisted of 407 participants (including teachers and psychologists). The instrument takes into account the four fundamental principles of the Convention on the Rights of the Child: non-discrimination; the best interest of the child; the right to life, development and survival; and the right to be heard. The preliminary results suggest that there are statistically significant differences in the degree of fulfillment of rights in relation to each fundamental principle. The internal consistency of the instrument, its adaptation to measure the fulfillment of each principle and the population that receive assistance are discussed, as well as application of the instrument with general and specific child populations.

Resumo (analítico) Dada a falta de evidências, o objetivo geral deste estudo foi descrever e aplicar um instrumento proposto para medir os direitos da criança no Chile, a partir da prática diária de operadores sociais que trabalham com crianças e adolescentes, em centros educacionais, de saúde, justiça ou desenvolvimento psicossocial. A amostra foi composta por 407 participantes (professores, psicólogos, entre outros). O instrumento considera os quatro princípios fundamentais da Convenção sobre os Direitos da Criança: Não discriminação; Interesse superior; Direito à vida, à sobrevivência e ao desenvolvimento; Participação. Os resultados preliminares sugerem que existem diferenças estatisticamente significativas no grau de cumprimento dos direitos de acordo com o âmbito de desempenho. Além disso, o trabalho discute a consistência interna do instrumento e sua adaptação segundo o campo, população atendida e aplicação em população infantil geral e específica.
Descritores: Mudança Social
Valor da Vida
Responsável: CO335.1 - Centro de Estudios Avanzados en Niñez y Juventud de la Alianza CINDE


  7 / 75 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: lil-547739
Autor: Berger, Mauricio; Ortega, Francisco.
Título: Poblaciones expuestas a agrotóxicos: autoorganización ciudadana en la defensa de la vida y la salud, Ciudad de Córdoba, Argentina / Populations exposed to agrotoxics: citizens' self-organization in the defense of life and health, Córdoba City, Argentina
Fonte: Physis (Rio J.);20(1):119-143, 2010.
Idioma: es.
Resumo: El artículo presenta un adelanto de nuestro trabajo de investigación doctoral basado en la acción política del grupo de mujeres autodenominado "Madres de Barrio Ituzaingó Anexo", de la ciudad de Córdoba, Argentina. Desde fines de 2001, las integrantes de este colectivo se disponen a luchar por la vida, la salud y el ambiente ante un problema ambiental, que genera más de 200 casos entre enfermedades y muertes, en una población de 5.000 habitantes del barrio, principalmente a causa de las fumigaciones con agrotóxicos de los campos de soja colindantes a las viviendas. Las modalidades de autoorganización desplegadas por "las Madres" frente a la vulneración de derechos y ante la ineficacia y a veces abandono del estado en la protección de los afectados por la contaminación, hacen de esta práctica ciudadana un caso ejemplar para pensar la actualidad de las luchas por derechos. El artículo se estructura en tres secciones. En primer lugar, daremos cuenta de las elecciones metodológicas y conceptuales que enmarcan nuestras reflexiones: las contribuciones del pragmatismo (Dewey y Joas), el giro narrativo (Ricoeur) y discusiones contemporáneas en biopolítica (Agamben, Hardt y Negri, Virno). En segundo lugar, ponemos en común la lucha de las Madres de Barrio Ituzaingó Anexo y sus contextos. En tercer lugar describimos algunas escenas de la lucha de las Madres contra la fumigación con agrotóxicos, para lo cual introducimos tres nociones para pensar la autoorganización ciudadana: cuerpo, experiencia y narración. Las mismas serán consideradas aspectos clave de la práctica política en los que se juega el sentido de la misma como acción, como poder de hacer y decir de la ciudadanía que actúa en autodefensa. A través del ejercicio de sus capacidades afectivas, cognitivas y lingüísticas, estas ciudadanas generan aprendizajes, saberes prácticos y logros en la defensa de sus derechos, tarea no exenta de problemas y obstáculos en sus reclamos de justicia para...

This paper presents a preview of our doctoral research work, based in the political action of the groups selfdenominated "Madres de Barrio Ituzaingó Anexo" in the city of Córdoba, Argentina. Since late 2001, the members of this group started fighting for life, health and environment, in the context of an environmental problem that produces over 200 illnesses and deaths in a population of 5,000 habitants in the neigborghood, mainly caused by fumigations with agrotoxics in the soybean fields adjacent to the houses. The modes of self-organization displayed by "las Madres" against the infringement of their rights plus the inefficiency and also abandonment of the State in the protection of the ones affected by the pollution, made this citizenship practice an example to think about the struggle for rights. This paper is divided into three sections. First, we present the methodological and conceptual elections that frame our reflections: the contributions of pragmatism (Dewey and Joas), the narrative turn (Ricoeur) and contemporary discussions in biopolitics (Agamben, Hardt y Negri, Virno). Second, we join the fight of the Madres de Barrio Ituzaingó Anexo and their contexts. Third, we describe some scenes of the fight of the Madres against the fumigation with agrotoxics, and to that purpose we introduce three notions to think the citizen self-organization: body, experience, narrative. These will be considered key aspects of the political practice in which the sense of politics as action is played, as the power of making and speaking of the citizenship that acts in self-defense. Through the act of their affective, cognitive and linguistic capacities, these citizens create learnings, practical wisdoms and achievements in the defense of their rights, but they are not free from problems and obstacles in their claim for justice.
Descritores: Grupos de Risco
Agroquímicos
Contaminação Química
Participação da Comunidade
Ativismo Político
Direito à Saúde
-Argentina
Valor da Vida
Violações dos Direitos Humanos
Narrativa Pessoal
Mães
Limites: Humanos
Feminino
Tipo de Publ: Relatos de Casos
Responsável: BR433.1 - CB/C - Biblioteca Biomédica C


  8 / 75 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Texto completo
Id: lil-700506
Autor: Millán-Atenciano, Miguel Ángel; Tomás y Garrido, Gloria María.
Título: La fecundidad: rrimera realidad humana: una visión sobre la persona desde lévinas / Fertility: th fiirst human reality: a vision of the person according to levinas / A fecundidade:prrimeira realidade humana: uma visão sobre a pessoa a partir de lévinas
Fonte: Pers. bioet;17(2):187-196, jul.-dic. 2013.
Idioma: es.
Resumo: En este artículo se inicia un espacio de reflexión que tiene como centro la fecundidad, articulando para ello diversos campos de acción cuya fundamental referencia es la persona, lo que nos permite acceder al sentido relacional que se le otorga a la fecundidad desde el libro del Génesis. De esta manera, el ser humano se nos descubre como un ser para el otro, introduciéndonos en el planteamiento ético de Lévinas y, por extensión, en una reflexión sobre el sentido de la fecundidad como filiación y fraternidad, aspectos que muestran la existencia en la condición humana de una finalidad, dignidad, valor-bien y deber.

A space for reflection centered on fertility is initiated in this article by tying in several fields of action where the person is the fundamental reference. This gives a sense of the relational meaning of fertility from the Book of Genesis. In this way, the human being is shown as having responsibility for the other, introducing the reader to Levinas's ethical approach and, by extension, to reflection on the meaning of fertility as filiation and fraternity, aspects that show the existence of purpose, dignity, value- good and duty in the human condition.

Neste artigo, inicia-se um espaço de reflexão que tem como centro a fecundidade; articula, para isso, diversos campos de ação cuja fundamental referência é a pessoa, o que nos permite aceder ao sentido relacional que é outorgado à fecundidade a partir do livro de Gênesis. Dessa maneira, o ser humano é descoberto como um ser para o outro, o que nos introduz na proposição ética de Lévinas e, por extensão, em uma reflexão sobre o sentido da fecundidade como filiação e fraternidade, aspectos que mostram a existência, na condição humana, de uma finalidade, dignidade, valor-bem e dever.
Descritores: Bioética
Vida
Valor da Vida
Doações
Taxa de Fecundidade
Limites: Humanos
Tipo de Publ: Artigo Clássico
Responsável: CO243.1 - Biblioteca Octavio Arizmendi Posada


  9 / 75 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Texto completo
Id: lil-700511
Autor: Serrano-Ruiz-Calderón, José Miguel.
Título: Sobre la injustccia de la eutanasia. el uso de a compasión como máscara moral:: referencia a nuevos documentos bioéticos europeos / ON THE INJUSTICE Of EUTHANASIA. USING COMPASSION AS A MASK.: REFERENCE TO NEW EUROPEAN DOCUMENTS ON BIOETHICS / Sobre a injustiça da eutanásia. ouso da compaixão como máscara moral.: referênciia a novos documentos bioéticos europuss
Fonte: Pers. bioet;17(2):168-186, jul.-dic. 2013. ilus.
Idioma: es.
Resumo: La bioética no complaciente tiene el gran reto de responder a los argumentos que se esgrimen para que la eutanasia sea considerada un acto médico amparado por la ley. El artículo analiza la relación entre dignidad humana y sacralidad de la vida humana. El abandono de la dignidad por otras vías alternativas que se nos ofrecen supone renunciar a un principio que en su realización jurídica desde la Segunda Guerra Mundial ha cumplido una función muy notable. Por otra parte, desde una perspectiva deontológico-profesional, la novedad que se propone con la eutanasia y el suicidio médicamente asistido rompe una de las limitaciones de la acción médica que existe, al menos en la formulación teórica, desde el juramento hipocrático. Pretendemos también deconstruir el uso que se hace por algunos de la compasión; una utilización que tiene como efecto fortalecer la posición del individuo más fuerte. Este uso se observa fundamentalmente en la eutanasia e incluso en el aborto. La manipulación descrita, por otra parte, se constituye en el principal obstáculo para lograr el paso desde una medicina centrada exclusivamente en el curar hacia una medicina que admite que al final de la vida el objetivo principal de todo tratamiento es mejorar la calidad de la misma, o al menos tratar los síntomas que sea posible para lograr esa mejora.

The great challenge to non-accommodating bioethics is to respond to the argument that euthanasia should be considered a medical procedure protected by law. This article analyzes the relationship between human dignity and the sacredness of human life. The abandonment of dignity for other alternatives open to us implies renouncing a principle that, in its legal embodiment, has served a noble purpose since World War II. Moreover, from an ontological - professional perspective, the innovation proposed with euthanasia and medically-assisted suicide shatters one of the limitations to medical action that exists - at least theoretically - in the Hippocratic Oath. The authors also attempt to deconstruct the use of compassion as an argument on the part of some, the effect of which is to strengthen the position of the person who is stronger or fittest. This occurs primarily with euthanasia and even in abortion. The described manipulation also constitutes the main obstacle to the progression from medicine centered exclusively on curing towards medicine that acknowledges the primary objective of all end-of-life treatment as being to improve quality of life, or at least to achieve that improvement by treating symptoms when it is possible to do so.

A bioética não complacente tem o grande desafio de responder aos argumentos que se esgrimem para que a eutanásia seja considerada um ato médico amparado pela lei. Este artigo analisa a relação entre dignidade humana e sacralidade da vida humana. O abandono da dignidade por outras vias alternativas que nos são oferecidas supõe renunciar a um princípio que, em sua realização jurídica, desde a Segunda Guerra Mundial, tem cumprido uma função muito notável. Por outro lado, a partir de uma perspectiva deontológico-profissional, a novidade que se propõe com a eutanásia e o suicídio medicamente assistido quebra uma das limitações da ação médica que existe, ao menos na formulação teórica, a partir do juramento hipocrático. Pretendemos também desconstruir o uso que faz por alguns da compaixão; uma utilização que tem como efeito fortalecer a posição do indivíduo mais forte. Esse uso se observa fundamentalmente na eutanásia e, inclusive, no abordo. A manipulação descrita, por outro lado, constitui-se no principal obstáculo para conseguir a passagem de uma medicina centrada exclusivamente no curar a uma medicina que admite que, ao final da vida, o objetivo principal de todo tratamento é melhorar a qualidade de vida, ou pelo menos tratar os sintomas que seja possível para atingir essa melhoria.
Descritores: Bioética
Vida
Valor da Vida
Doações
Taxa de Fecundidade
Limites: Humanos
Tipo de Publ: Artigo Clássico
Responsável: CO243.1 - Biblioteca Octavio Arizmendi Posada


  10 / 75 LILACS  
              first record previous record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Texto completo
Id: biblio-1115066
Autor: Merchán-Price, Jorge.
Título: Eutanasia, matar y dejar morir. Desambiguación del concepto de eutanasia y consideraciones bioéticas esenciales / Euthanasia: To Kill or to Let Die. Concept Disambiguation and Essential Bioethical Considerations / Eutanásia, matar e deixar morrer. Desambiguação do conceito de eutanásia e considerações bioéticas essenciais
Fonte: Pers. bioet;23(2):207-223, jul.-dic. 2019. tab.
Idioma: es.
Resumo: Resumen El propósito de este artículo es desambiguar el concepto de "eutanasia", describir las conductas que equivocadamente son asociadas a ella, y diferenciar aquellas que no son eutanasia de aquella única que sí lo es. Además, se hacen las consideraciones bioéticas mínimas en relación con los términos de "eutanasia", "matar" y "dejar morir", y se discuten en pacientes conscientes e inconscientes.

Abstract The purpose of this original paper is to clarify the term "euthanasia", describing the varied conducts wrongly associated with it and distinguishing those that are not euthanasia from the only one that certainly is. Additionally, basic bioethical considerations are presented regarding the terms "euthanasia," "killing" and "letting die," and discussed in relation to conscious and unconscious patients.

Resumo O objetivo deste artigo é desambiguar o conceito de eutanásia, descrever as condutas que, de forma equivocada, são associadas a ele e diferenciar as que não são eutanásia daquela única que realmente é. Além disso, são feitas considerações bioéticas mínimas quanto aos termos "eutanásia", "matar" e "deixar morrer", os quais são discutidos com relação a pacientes conscientes e inconscientes.
Descritores: Eutanásia
Eutanásia Ativa
Valor da Vida
Ética
Jurisprudência
Limites: Humanos
Tipo de Publ: Artigo Clássico
Responsável: CO243.1 - Biblioteca Octavio Arizmendi Posada



página 1 de 8 ir para página                    
   


Refinar a pesquisa
  Base de dados : Formulário avançado   

    Pesquisar no campo  
1  
2
3
 
           



Search engine: iAH v2.6 powered by WWWISIS

BIREME/OPAS/OMS - Centro Latino-Americano e do Caribe de Informação em Ciências da Saúde