Base de dados : LILACS
Pesquisa : K01.752.566.479.119 [Categoria DeCS]
Referências encontradas : 17 [refinar]
Mostrando: 1 .. 10   no formato [Detalhado]

página 1 de 2 ir para página        

  1 / 17 LILACS  
              next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Saúde Pública
Texto completo
Id: lil-535302
Autor: Fortes, Paulo Antonio de Carvalho.
Título: Bioeticistas brasileiros e os princípios da universalidade e da integralidade no SUS / Bioeticistas brasileros y los principios de la universalidad y de la integración en el SUS / Brazilian bioethicists and the principles of universality and integrality in the National Health System
Fonte: Rev. saúde pública = J. public health;43(6):1054-1058, dez. 2009.
Idioma: pt.
Resumo: OBJETIVO: Compreender os sentidos que bioeticistas brasileiros atribuem aos princípios da universalidade e da integralidade no sistema público de saúde brasileiro. PROCEDIMENTOS METODOLÓGICOS: Estudo exploratório qualitativo, realizado com 20 professores universitários de bioética atuantes no campo das ciências da saúde, com funções de diretores e ex-diretores da Sociedade Brasileira de Bioética e de diretorias regionais, no período de julho de 2007 a julho de 2008. Foram realizadas entrevistas semi-estruturadas, com perguntas abertas, sendo realizada análise de conteúdo. ANÁLISE DE RESULTADOS: Quanto ao princípio da universalidade de acesso dos cidadãos brasileiros a um sistema público, as manifestações dos entrevistados se posicionaram majoritariamente em prol de sua manutenção. Todavia, quanto ao princípio da integralidade, as divergências foram manifestas, ensejando a maioria em restringi-lo. CONCLUSÕES: Os bioeticistas relatam pluralismo de valores morais e dificuldades em decidir moralmente sobre o que seria um sistema de saúde justo.

OBJECTIVE: To understand the meanings attributed by Brazilian bioethicists to the principles of universality and integrality in the Brazilian public health system. METHODOLOGICAL PROCEDURES: A qualitative and exploratory research was carried out with 20 Bioethics professors in the field of public health from July 2007 to July 2008. Participants were directors and former directors of the Brazilian Bioethics Society and of its local departments. Semi-structured interviews with open questions were conducted and followed by content analysis. ANALYSIS OF RESULTS: With regard to the principle of the universal access of Brazilians to the public system, most of interviewees were in favor of maintaining it. However, there were divergences of the principle of integrality, with the majority being inclined to restrict it. CONCLUSIONS: Bioethicists hold a plurality of moral values and difficulties to morally decide on what would be a fair health system.

OBJETIVO: Comprender los sentidos que los bioeticistas brasileros atribuyen a los principios de la universalidad y de la integración en el sistema público de salud brasilero. PROCEDIMIENTOS METODOLÓGICOS: Estudio exploratorio cualitativo, realizado con 20 profesores universitarios de bioética actuantes en el campo de las ciencias de la salud, con funciones de directores y exdirectores de la Sociedad Brasilera de Bioética y de directorias regionales, en el período de julio de 2007 a julio de 2008. Fueron realizadas entrevistas semi-estructuradas, con preguntas abiertas, siendo realizado análisis de contenido. ANÁLISIS DE RESULTADOS: Con respecto al principio de la universalidad de acceso de los ciudadanos brasileros a un sistema público, las manifestaciones de los entrevistados se ubicaron mayoritariamente en pro de su mantenimiento. Aún así, con relación al principio de la integración, las divergencias fueron manifestadas, deseando la mayoría en restringirlo. CONCLUSIONES: Los bioeticistas relatan pluralismo de valores morales y dificultades en decidir moralmente sobre lo que sería un sistema de salud justo.
Descritores: Assistência Integral à Saúde
Eticistas
Acesso aos Serviços de Saúde
Programas Nacionais de Saúde
-Brasil
Docentes
Política de Saúde
Pesquisa Qualitativa
Limites: Seres Humanos
Tipo de Publ: Research Support, Non-U.S. Gov't
Responsável: BR1.1 - BIREME


  2 / 17 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: lil-541162
Autor: Fortes, Paulo Antônio de Carvalho.
Título: A equidade no sistema de saúde na visão de bioeticistas brasileiros / Equity in the health system according to brazilian bioethicists
Fonte: Rev. Assoc. Med. Bras. (1992);56(1):47-50, 2010.
Idioma: pt.
Resumo: OBJETIVO: Conhecer a atribuição de significado dada por bioeticistas brasileiros quanto à equidade no sistema de saúde. MÉTODOS: Pesquisa qualitativa, exploratória. Entre julho de 2007 e julho de 2008, foram entrevistados 20 bioeticistas, dirigentes e ex-dirigentes da Sociedade Brasileira de Bioética e de suas regionais (2005-2008). O tratamento dos dados foi realizado por análise de discurso. RESULTADOS: Os discursos levaram ao estabelecimento das seguintes ideias centrais: tratar desigualmente os desiguais conforme suas necessidades; equidade e desigualdades compensadas; equidade e maximização dos benefícios; equidade e mérito social; equidade e direitos. CONCLUSÃO: Os resultados da pesquisa evidenciam a existência entre os bioeticistas pesquisados de uma diversidade de interpretações sobre equidade no sistema de saúde, reforçando a noção de que é difícil, no mundo contemporâneo, decidir sobre o que seria um sistema justo e equânime.

OBJECTIVE: To understand the meaning assigned to ethical thought that should guide Brazilian bioethicists regarding the equity of a Health System. METHODS: Between July 2007 and July 2008, 20 bioethicists, directors and former directors of the 'Sociedade Brasileira de Bioética' (Bioethics Brazilian Society) and their regional administrations were interviewed. RESULTS: Discourse analysis led to definition of these main points: To treat the unequals unequally according to their needs; Compensate equity and inequalities; Distributive justice and maximization of benefits; Justice and social merit and Justice and rights. CONCLUSION: Research results disclose a pluralism of values that jeopardizes determination of moral equity in the health system., Exhausting dialogues among all interested parties are necessary to reach a possible consensus.
Descritores: Eticistas
Acesso aos Serviços de Saúde
Programas Nacionais de Saúde
-Brasil
Política de Saúde
Justiça Social
Limites: Seres Humanos
Responsável: BR1.1 - BIREME


  3 / 17 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: biblio-970354
Autor: Sierra, Manuel.
Título: La composición multidisciplinaria, pluralista y capacitada como factores clave en el funcionamiento de un comité de ética en investigación biomédica / The multidisciplinary composition, pluralist and capacitated as key factors in the functioning of an ethics committeein biomedical research
Fonte: Rev. méd. hondur;85(3/4):134-135, jul.-dic. 2017.
Idioma: es.
Descritores: Bioética/educação
Eticistas
Comitês de Ética em Pesquisa/legislação & jurisprudência
Limites: Seres Humanos
Responsável: HN1.1 - Biblioteca Médica Nacional


  4 / 17 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Miziara, Ivan Dieb
Texto completo
Id: biblio-958266
Autor: Miziara, Ivan Dieb; Miziara, Carmen Silvia Molleis Galego.
Título: Edmund Pellegrino: moralidade médica e a teoria do consenso moral / Edmund Pellegrino: medical morality and moral consensus theory / Edmund Pellegrino: moralidad médica y la teoría del consenso moral
Fonte: Rev. bioét. (Impr.);26(2):183-188, abr.-jun. 2018.
Idioma: pt.
Resumo: Resumo Os autores apresentam e comentam as ideias de Edmund Pellegrino, bioeticista nascido em New Jersey, Estados Unidos, acerca da existência de moralidade interna à medicina, relacionada ao fim inerente à arte médica, ou seja, a cura do paciente, assim como a moralidade externa à medicina, que diz respeito a todos os outros aspectos da atividade médica cujo propósito final não seja a cura do paciente. Apresentam também os comentários de outros eticistas, contra ou a favor dos argumentos apresentados por Pellegrino, e comparam aspectos da referida moralidade externa à teoria do consenso moral desenvolvida anteriormente pelos autores.

Abstract The authors present and comment on the ideas of Edmund Pellegrino, a bioethics specialist born in New Jersey, USA, regarding the existence of a morality intrinsic to medicine, related to the inherent goal of the medical art, that is, the cure of the patient, as well as the existence of a morality external to medicine, which concerns all other aspects of medical activity whose ultimate purpose is not the cure of the patient. The authors also present the comments of other ethicists, for or against the arguments presented by Pellegrino, and compare aspects of this external morality to the moral consensus theory previously developed by the authors.

Resumen Los autores presentan y comentan las ideas de Edmund Pellegrino, bioeticista nacido en New Jersey, Estados Unidos, acerca de la existencia de una moralidad interna de la medicina, relacionada con el fin inherente al arte médico, es decir, la cura del paciente, así como sobre la existencia de una moralidad externa a la medicina, que se relaciona con todos los demás aspectos de la actividad médica, cuyo propósito final no sea la cura del paciente. Presentan también los comentarios de otros eticistas, en contra o a favor de los argumentos presentados por Pellegrino, y comparan aspectos de la mencionada moralidad externa con la teoría del consenso moral desarrollada anteriormente por los autores.
Descritores: Bioética
Eticistas
Ética Médica
Medicina
Princípios Morais
Limites: Seres Humanos
Masculino
Feminino
Responsável: BR1.1 - BIREME


  5 / 17 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: biblio-963937
Autor: Grinberg, Max.
Título: Bioética e imagem cardiovascular / Bioethics and cardiovascular imaging
Fonte: ABC., imagem cardiovasc;31(4), Out.- Dez. 2018.
Idioma: pt.
Descritores: Bioética/tendências
Diagnóstico por Imagem/ética
Ética Médica/história
-Cardiologia/educação
Ética Clínica/educação
Eticistas
Medicina Defensiva/métodos
Educação Médica/ética
Inovação
Medicina/métodos
Limites: Seres Humanos
Tipo de Publ: Editorial
Responsável: BR44.1 - Serviço de Biblioteca, Documentação Científica e Didática Prof. Dr. Luiz Venere Décourt


  6 / 17 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Carmona, Maria José Carvalho
Id: biblio-847816
Autor: Vieira, Joaquim Edson; Rios, Isabel Cristina; Takaoka, Flávio.
Título: Anestesia e bioética / Anesthesia and bioethics.-1
Fonte: São Paulo; Atheneu; 2017. 43-49 p.
Idioma: pt.
Descritores: Anestesia/efeitos adversos
Anestesia/história
Anestesia/estatística & dados numéricos
Morte Encefálica/diagnóstico
Eticistas/legislação & jurisprudência
Transplantes/cirurgia
-Doadores Vivos/legislação & jurisprudência
Obtenção de Tecidos e Órgãos/métodos
Limites: Seres Humanos
Tipo de Publ: Livros de Texto
Responsável: BR44.1 - Serviço de Biblioteca, Documentação Científica e Didática Prof. Dr. Luiz Venere Décourt


  7 / 17 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: lil-774145
Autor: Pereira, Patricia Cristina Andrade.
Título: Tradutores-intérpretes de LIBRAS na Saúde: o que eles nos contam sobre questões éticas em suas práticas / Sing language medical interpreters what they tell us about ethical issues.
Fonte: São Paulo; s.n; 2014. 152 p. ilus.
Idioma: pt.
Tese: Apresentada a Universidade de São Paulo. Faculdade de Saúde Pública. Departamento de Prática de Saúde Pública para obtenção do grau de Doutor.
Resumo: O atendimento interlinguístico e intercultural de pacientes surdos nos contextos de saúde é tema pouco explorado pela literatura. A inserção de TILS-GI é um importante meio de viabilizá-lo, conforme previsto em lei. Objetivos: Identificar a atuação de TILS-GI em serviços de saúde, na mediação entre equipes falantes de português e pacientes surdos usuários de libras. Conhecer a percepção de TILS-GI sobre aspectos éticos relacionados à comunicação, autonomia e privacidade de pacientes surdos, tomados aqui como princípios éticos em saúde, conceitos teóricos e eixos de análise. Metodologia: Trata-se de pesquisa qualitativa, empírica, descritiva e de caráter exploratório baseada na análise dos eixos comunicação, autonomia e privacidade. Foram entrevistados 30 TILS-GI atuantes nas regiões metropolitanas de São Paulo e Rio de Janeiro. A análise dos resultados utilizou-se de depoimentos individuais a partir de situações vivenciadas ou hipotéticas. Resultados: Os TILS-GI entrevistados eram ad hoc. Não foram localizados profissionais empregados na saúde. A atuação deles na área foi pontual, esporádica, voluntária, informal e em situações de gravidade de saúde, temas sigilosos ou na falta de familiares acompanhantes. Ao que concerne ao eixo comunicação, os desafios da interpretação relacionam-se à falta de formação específica na área (jargão, desafios intermodais e interculturais), a não saberem lidar com questões de escopo da saúde e pela proximidade pessoal de muitos...

The intercultural and interlinguistic service to deaf patients in the health contexts is an overlooked topic by specialized literature. The insertion of the TILS-GI (Portuguese abbreviation for Translator Interpreter of Brazilian Sign Language and Interpreter-Guide) is an important means to enable such service as provided by law. Objectives: Identifying the performance of TILS-GI in health services in the mediation of Portuguese-speaking teams and deaf patients, users of Brazilian sign language. Bringing to light the perception of TILS-GI about ethical aspects related to the communication, autonomy and privacy of deaf patients, understood herein as heath ethical principles, theoretical concepts and guiding analytical themes. Methodology: This is a qualitative, empirical descriptive research, of exploratory character based on the themes of communication, autonomy and privacy. Thirty TILS-GI who work in the Greater São Paulo and Rio de Janeiro areas were interviewed. The instrument of sampling consisted of three parts. The result analyses used the individual testimonials based on hypothetical or lived experiences. Results: the TILS-GIs interviewed were ad hoc. No professional employed by the health department was located. Their performances in the area were eventual, sparse, volunteer, informal and sometimes in high risk situations, dealing with confidential topics and when in lack of family members. In the terms of the communication axis, the challenges...
Descritores: Acesso aos Serviços de Saúde
Pacientes
Pessoas com Deficiência Auditiva/psicologia
Linguagem de Sinais
-Comunicação
Eticistas
Autonomia Pessoal
Privacidade/psicologia
Limites: Seres Humanos
Responsável: BR67.1 - CIR - Biblioteca - Centro de Informação e Referência


  8 / 17 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: lil-768363
Autor: Fregnani, José Humberto Tavares Guerreiro; Carvalho, André Lopes; Paranhos, Flávio Rocha Lima; Viana, Luciano de Souza; Serrano, Sérgio Vicente; Cárcano, Flávio; Ferreira, João Fernando Monteiro; Zier, Sandra Solci; Gontijo, Pollyana Anício Magalhães; Stefanoff, Cláudio Gustavo; França, Paulo Henrique Condeixa; Bendati, Maria Mercedes de Almeida; Marodin, Gabriela; Venâncio, Jorge Alves de Almeida.
Título: Eticidade do uso de placebo em pesquisa clínica: proposta de algoritmos decisórios / Ethics of the use of placebos in clinical research: a proposal for decision-making algorithms
Fonte: Rev. bioét. (Impr.);23(3):456-467, set.-dez. 2015. tab, graf.
Idioma: es; en.
Resumo: O uso de placebo em pesquisa clínica tem sido motivo de debate nos últimos anos, sobretudo após a Associação Médica Mundial publicar, em 2002, nota de esclarecimento do parágrafo 29 da Declaração de Helsinki. O Brasil tem se destacado por sua posição firme e contrária ao uso flexível de placebo. Tanto o Conselho Federal de Medicina quanto o Conselho Nacional de Saúde editaram resoluções que normatizam seu uso no Brasil, de forma a não admiti-lo em caso da existência de um método terapêutico melhor. O presente artigo reforça essa posição e tem por objetivo descrever as diversas aplicações de placebo em pesquisa clínica, bem como trazer à luz a complexa decisão sobre a eticidade de seu uso. Além disso, os autores propõem uma reflexão acerca da utilização de placebo no âmbito da pesquisa, por meio de algoritmos decisórios baseados nas normativas éticas brasileiras...

The use of placebos in clinical research has been a matter of considerable debate in recent years, notably when the World Medical Association published, in 2002, a note of clarification for paragraph 29 of the Helsinki Declaration. Brazil is known for its strong opposition to the flexible use of placebos. Both the Federal Council of Medicine and the National Health Council have published resolutions regulating the use of placebos in Brazil, preventing their use if there is a more effective therapeutic method already in place. The present study reinforces that position and aims to describe the various uses of placebos in clinical research, as well as examining the complex decisions relating to the ethics of their use. Additionally, the authors propose a reflection on the use of placebos through decision-making algorithms based on Brazilian ethical standards...

El uso del placebo en la investigación clínica ha sido un tema de debate en los últimos años, sobre todo después de que la Asociación Médica Mundial publicara, en 2002, una nota aclaratoria del párrafo 29 de la Declaración de Helsinki. Brasil se ha destacado por su firme posición en contra de la utilización flexible del placebo. Tanto el Consejo Federal de Medicina como el Consejo Nacional de Salud editaron resoluciones que regulan el uso del placebo en Brasil, no admitiéndose su uso cuando existe un mejor método terapéutico. El presente artículo refuerza esa posición y tiene como objetivo describir diferentes usos del placebo en la investigación clínica, así como contribuir en la discusión sobre la ética de su uso. Además, los autores proponen una reflexión sobre el uso del placebo en la investigación a través de algoritmos para la toma de decisiones, los cuales se basan en las normativas éticas de Brasil...
Descritores: Algoritmos
Bioética
Ensaios Clínicos como Assunto
Técnicas de Apoio para a Decisão
Ética em Pesquisa
Placebos
-Eticistas
Declaração de Helsinki
Direitos Humanos
Metodologia
Limites: Seres Humanos
Masculino
Feminino
Responsável: BR67.1 - CIR - Biblioteca - Centro de Informação e Referência


  9 / 17 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: lil-750273
Autor: Pessini, Leo.
Título: En la cuna de la bioética: el encuentro de un credo con un imperativo y un principio / No berço da bioética: o encontro de um credo com um imperativo e um principio / In the cradle of bioethics: the encounter of a creed with an imperative and a beginning
Fonte: Rev. colomb. bioét;8(1):8-31, ene.-jun. 2013.
Idioma: es.
Resumo: Este artículo hace una incursión hacia los orígenes de la Bioética, rescatando, históricamente, tres protagonistas importantes. Uno más conocido y reconocido, Van Rensselaer Potter en los EUA y el otro completamente desconocido, del cual solo muy recientemente tuvimos noticia, en 1997, se trata del filósofo, teólogo, pastor y educador alemán Friz Jahr. Sabemos que la expresión Bioética fue utilizada por primera vez por Jahr, en Alemania, en 1926 y 1927 en un artículo publicado en la revista científica Kosmos intitulado “Bio-Ethik: Eine Umschau über die ethischen Beziehungen des Menschen zu Tier und Pflanze”. Jahr amplió el concepto del imperativo kantiano y propuso el Imperativo Bioético “respeta a todo ser vivo, como principio y fin en sí mismo y trátalo, si es posible, como tal”. El concepto de bioética de Jahr incluía, además del ser humano, a todas las formas de vida. El tercer protagonista en la fase inicial del surgimiento de la Bioética es Hans Jonas, filósofo judeo–alemán, que elaboraría el principio de la responsabilidad pensando y elaborando una ética frente al dominio creciente de la civilización técnico–científica. La expresión Bioética obtuvo el certificado de nacimiento y se consolida en los EUA durante los años 70 y después es “exportada” al mundo, a partir de los años 80 del siglo pasado, con los trabajos de Potter y la fundación del Instituto Kennedy de Bioética junto a la Georgetown University en Washington, DC.

Este artigo faz uma incursão nas origens históricas da bioética resgatando historicamente três protagonistas importantes. Um mais conhecido e reconhecido, Van Rensselaer Potter nos EUA e o outro completamente desconhecido e que somente muito recentemente temos notícia, em 1997, trata-se do filósofo, teólogo, pastor e educador alemão Friz Jahr. Ficamos sabendo que A expressão Bioética, foi utilizada pela primeira vez por Jahr, na Alemanha, em 1926 e 1927 num artigo publicado na revista científica Kosmos intitulado “Bio-Ethik: Eine Umschau über die ethischen Beziehungen des Menschen zu Tier und Pflanze”. Jahr ampliou o conceito do imperativo Kantiano e propõe o Imperativo Bioético “respeite todo ser vivo, como princípio e fim em si mesmo e trate–o, se possível enquanto tal”. O conceito de bioética de Jahr inclui, além do ser humano, todas as formas de vida. O terceiro protagonista na fase inicial do surgimento da bioética e Hans Jonas, filósofo judeu-alemão, que vai elaborar o seu principio da responsabilidade, pensando e elaborando uma ética frente ao domínio crescente da civilização técnico–cientifica. A expressão Bioética ganhou certificado de nascimento e se consolida nos EUA durante os anos 70 e depois é “exportada” para o mundo, a partir dos anos 80 do século passado, a partir dos trabalhos de Potter e mais a fundação do Instituto Kennedy de Bioética (1971) junto à Georgetown University em Washington, DC.
Descritores: Bioética/história
Eticistas
Princípios Morais
Ética Baseada em Princípios
Religião
Responsável: CO120.1 - Biblioteca Juan Roa Vásquez


  10 / 17 LILACS  
              first record previous record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: lil-731772
Autor: Escobar López, María Teresa; Carrera Celis, César Alexis.
Título: Percepción sobre consentimiento informado en pacientes de cuatro diferentes áreas de atención en salud en Bogotá, Colombia / Perceptions of informed consent by patients from four areas of health care in Bogota, Colombia / Percepção de consentimento informado em pacientes de quatro áreas diferentes de cuidados de saúde em Bogotá Colombia
Fonte: Rev. latinoam. bioét;15(1):14-25, ene.-jun. 2015. ilus.
Idioma: es.
Resumo: El artículo presenta los principales resultados de la investigación "Percepción sobre consentimiento informado en pacientes de cuatro diferentes áreas de atención en salud en Bogotá, Colombia", realizada entre febrero de 2013 y enero de 2014. Poco se conoce sobre percepción de pacientes. Por tanto, se buscó determinar las percepciones y experiencias respecto del proceso de CI en pacientes de cuatro diferentes campos de atención en salud de Bogotá. El estudio se realizó en dos fases 1- revisión documental y 2- percepción, mediante un estudio descriptivo transversal, incluyendo, entre las categorías de análisis; percepción de información, comunicación, beneficios, riesgos de la atención y condiciones para la toma de decisiones. Se establece con el estudio que existen procedimientos verbales y escritos para informar y tomar consentimiento a los pacientes respecto a diferentes actividades clínicas en salud, pero los encuestados refieren problemas en el proceso en cuanto a percepción de la información, verbal y escrita, el ejercicio de la voluntad para decidir, comunicación, tiempo para llevar a cabo el proceso de relación profesional de la salud - paciente, trato diferencial de la información según procedimientos y especialidades en salud. Aunque se observa apropiación del tema por parte de los pacientes e instituciones, parece necesario seguir incorporando dinámicas institucionales y sociales para mejorar aspectos como tiempo de atención, cubrimiento, calidad y oportunidad en la atención e información-comunicación, cualificación del proceso de relación profesional paciente, incremento de la confianza, ejercicio de ciudadanía y participación en los procesos salud enfermedad.

The paper presents the main results of the research: "Perception of informed consent in patients from four different areas of health care in Bogota, Colombia," conducted between February 2013 and January 2014. Therefore, we sought to determine the perceptions and experiences regarding the informed consent process in patients from four different fields of health care in the city of Bogotá. The study was conducted in two phases 1 - literature review and 2 - perception, a descriptive cross-sectional study , including Among the categories of analysis; collection of information, communication , benefits, risks and conditions of care for decision making. It is set that verbal and written procedures exist to inform and take permission to patients regarding different clinical activities in health, but respondents report problems in the process in terms of perception of information, verbal and written exercise the will to decide, communication, time to carry out the process of health professional relationship - patient, differential treatment of information according to procedures and health sciences. Although ownership of the subject is seen by patients and institutions, it seems necessary to continue incorporating institutional dynamics and social aspects to improve attention span , coverage , quality and timeliness of care and information - communication , process qualification professional patient relationship , increased confidence, exercise of citizenship and participation in health and disease processes.

O artigo apresenta os principais resultados da pesquisa: "Percepção do consentimento informado em pacientes a partir de quatro diferentes áreas de cuidados de saúde, em Bogotá, Colômbia", realizado entre fevereiro de 2013 e janeiro 2014 o consentimento informado (IC) é um processo. recente, lançado na década de cinqüenta, principalmente por demandas judiciais de pacientes. Hoje não parece plausível deixar relação paciente profissional excluindo CI , que tem problemas na aplicação e implementação e pouco se sabe sobre a percepção dos pacientes. Assim, buscou-se determinar as percepções e experiências sobre o processo de consentimento informado em pacientes provenientes de quatro diferentes campos de cuidados de saúde na cidade de Bogotá. O estudo foi realizado em duas fases - uma revisão de literatura e 2 - de percepção, um estudo descritivo transversal, incluindo, entre as categorias de análise; recolha de informação, comunicação, benefícios, riscos e condições de atendimento para a tomada de decisão. Está definido para estudar os procedimentos verbais e escritas que tem para informar e dar permissão para pacientes sobre diferentes atividades clínicas na área da saúde , mas os entrevistados relataram problemas no proceso em termos de percepção da informação, o exercício verbal e escrita a vontade para decidir, a comunicação, o tempo para realizar o processo de relação profissional de saúde - paciente , o tratamento diferenciado de informações de acordo com os procedimentos em ciências da saúde. Embora a propriedade do sujeito é visto pelos pacientes e instituições , parece necessário continuar incorporando dinâmica institucional e aspectos sociais para melhorar a atenção , a cobertura, qualidade e oportunidade do atendimento e informação-comunicação, processo de qualificação do relacionamento profissional paciente , o aumento da confiança , o exercício da cidadania e participação nos processos de saúde e doença.
Descritores: Bioética
Eticistas
Consentimento Livre e Esclarecido
Serviço de Acompanhamento de Pacientes
Percepção
Limites: Seres Humanos
Responsável: CO87 - Hemeroteca de la Universidad Militar Nueva Granada



página 1 de 2 ir para página        
   


Refinar a pesquisa
  Base de dados : Formulário avançado   

    Pesquisar no campo  
1  
2
3
 
           



Search engine: iAH v2.6 powered by WWWISIS

BIREME/OPAS/OMS - Centro Latino-Americano e do Caribe de Informação em Ciências da Saúde