Base de dados : LILACS
Pesquisa : L01.313.500.750.300.361 [Categoria DeCS]
Referências encontradas : 314 [refinar]
Mostrando: 1 .. 10   no formato [Detalhado]

página 1 de 32 ir para página                         

  1 / 314 LILACS  
              next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Carvalho, Werther Brunow de
Rugolo, Lígia Maria Suppo de Souza
Procianoy, Renato Soibelmann
Texto completo
Id: biblio-985139
Autor: Padrini-Andrade, Lucio; Balda, Rita de Cássia Xavier; Areco, Kelsy Catherina Nema; Bandiera-Paiva, Paulo; Nunes, Marynéa do Vale; Marba, Sérgio Tadeu Martins; Carvalho, Werther Brunow de; Rugolo, Ligia Maria Suppo de Souza; Almeida, João Henrique Carvalho de; Procianoy, Renato Soibelmann; Duarte, José Luiz Muniz Bandeira; Rego, Maria Albertina Santiago; Ferreira, Daniela Marques de Lima Mota; Alves Filho, Navantino; Guinsburg, Ruth; Diniz, Edna Maria de Albuquerque; Santos, Juliana Paula Ferraz dos; Testoni, Daniela; Silva, Nathalia Moura de Mello e; Gonzales, Maria Rafaela Conde; Silva, Regina Vieira Cavalcante da; Meneses, Jucille; Gonçalves-Ferri, Walusa Assad; Perussi-e-Silva, Ricardo; Bomfim, Olga.
Título: Evaluation of usability of a neonatal health information system according to the user's perception / Avaliação da usabilidade de um sistema de informação em saúde neonatal segundo a percepção do usuário
Fonte: Rev. Paul. Pediatr. (Ed. Port., Online);37(1):90-96, Jan.-Mar. 2019. tab.
Idioma: en.
Resumo: ABSTRACT Objective: To measure the level of satisfaction regarding the usability of a neonatal health information system and identify if demographic factors can influence the usability of a health information system. Methods: A cross-sectional, exploratory study was carried out with a convenience sample of 50 users of the Brazilian Neonatal Research Network. The instrument chosen for the usability evaluation was the System Usability Scale between February and March 2017. The statistical analysis of the collected variables was carried out in order to describe the sample, to quantify the level of satisfaction of the users and to identify the variables associated with the level of satisfaction. Results: The female gender represented 75% of the sample. The mean age was 52.8 years; 58% had a doctoral degree, average time of graduation was 17 years, with area of practice in medicine (neonatology), with intermediate knowledge in computer science (74%) and mean system use time of 52 months. Regarding usability, 94% rated the system as "good", "excellent" or "better than imaginable". The usability of the system was not associated with age, gender, education, profession, area of practice, knowledge in computer science and time of system use. Conclusion: The level of satisfaction of the computerized health system user was considered good. No demographic factors were associated with the satisfaction of the users.

RESUMO Objetivo: Mensurar o grau de satisfação de profissionais de saúde quanto à usabilidade de um sistema de informação em saúde neonatal e identificar os fatores que podem influenciar na satisfação do usuário frente à usabilidade. Métodos: Estudo transversal e exploratório realizado com 50 profissionais de saúde integrantes dos centros da Rede Brasileira de Pesquisas Neonatais. Para avaliação da usabilidade foi utilizado o instrumento System Usability Scale entre fevereiro e março de 2017. Realizou-se a análise estatística descritiva e inferencial das variáveis coletadas, com a finalidade de descrever a amostra, quantificar o grau de satisfação dos usuários e identificar as variáveis associadas ao grau de satisfação do usuário em relação à usabilidade. Resultados: Da população avaliada, 75% era do sexo feminino, com idade média 52,8 anos, 58% com pós-graduação (doutorado); tempo médio da última formação de 17 anos; área de atuação em medicina (neonatologia), grau intermediário de conhecimento em informática e tempo de utilização média do sistema de 52 meses. Quanto à usabilidade, 94% avaliaram o sistema como "bom", "excelente" ou "melhor impossível". A usabilidade do sistema não foi associada a idade, sexo, escolaridade, profissão, área de atuação, nível de conhecimento em informática e tempo de uso do sistema. Conclusões: O grau de satisfação do usuário do sistema informatizado de saúde foi considerado bom. Não foram identificados fatores demográficos que influenciassem sua avaliação.
Descritores: Atitude do Pessoal de Saúde
Saúde do Lactente/normas
-Conhecimentos em Informática/estatística & dados numéricos
Brasil
Estudos Transversais
Inquéritos e Questionários
Sistemas de Informação em Saúde/normas
Sistemas de Informação em Saúde/estatística & dados numéricos
/estatística & dados numéricos
AMERICAN NURSES' ASSOCIATIONABELSON MURINE LEUKEMIA VIRUS/estatística & dados numéricos
Pesquisa sobre Serviços de Saúde
Meia-Idade
Neonatologia/métodos
Neonatologia/normas
Responsável: BR1.1 - BIREME


  2 / 314 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Texto completo
Id: biblio-1050655
Autor: Ribeiro, Manoella Soares Schmidt Pinto.
Título: Regulação assistencial e atenção primária à saúde: impactos do médico de família e comunidade como regulador de vagas ambulatoriais no Sistema Nacional de Regulação (SISREG) no município do Rio de Janeiro / Assistance regulation and primary health care: impacts of the family doctor as a regulation of outpatient vacancies in the National Regulation System (SISREG) in the city of Rio de Janeiro.
Fonte: Rio de Janeiro; s.n; 2019. 26 f p.
Idioma: pt.
Resumo: A atenção básica, após a implantação do SUS, principalmente por meio da Estratégia de Saúde da Família (ESF), atingiu importantes avanços no país. A partir da descentralização, o responsável técnico da unidade básica de saúde (UBS) assumiu a regulação de vaga do paciente para os outros níveis de atenção por meio do SISREG, quando necessário. O novo sistema em questão trouxe pontos positivos como centralização das vagas em plataforma única, além da possibilidade de acompanhamento, classificação por prioridade e risco, e melhor referenciamento do paciente. Entretanto, também apresenta pontos negativos, como a demora na regulação de acordo com tipo de encaminhamento e disponibilização de número de vagas, referenciamentos a outras áreas programáticas entre outros. A presença do médico de família como regulador de vagas objetiva diminuir encaminhamentos desnecessários por meio da resolubilidade na unidade, disponibilizando maior número de vagas á pacientes que realmente necessitam, diminuindo tempo de espera e reduzindo custos. Com isso, houve fortalecimento dos princípios de acessibilidade, longitudinalidade, abrangência das ações e coordenação do cuidado pela atenção primária

The basic attention, after the implantation of the SUS, mainly through the Family Health Strategy, reached important advances in the country. After the decentralization, the UBS Technical Officer became responsible for regulating the patient's vacancy to the other levels of care through the SISREG, when necessary. The new system in matter brought positive points, such as centralization of vacancies in a single platform, besides the possibility of keeping a follow-up, classification by priority and risk, and better reference of the patient. However, it also presents negative points, such as delay in regulation, referencing to other program areas, among others. The presence of the family doctor as a vacancy regulator aims to reduce unnecessary referrals through the unit's resilience, providing a greater number of vacancies to patients who really need them, thereby reducing the waiting time and reducing costs
Descritores: Médicos de Família
Atenção Primária à Saúde
Sistema Único de Saúde
Brasil
Estratégia Saúde da Família
Sistemas de Informação em Saúde
Limites: Seres Humanos
Tipo de Publ: Revisão
Responsável: BR433.1 - CB/C - Biblioteca Biomédica C
BR433.1; 614.2(81), R484


  3 / 314 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: lil-565101
Autor: Chehuen Neto, José Antônio; Soares, Gustavo Mattos Teixeira; Delgado, Áureo Augusto de Almeida; Lima, Juliana Vieira; Beligoli, Driely de Amorim; Mello, Cristiana Silva de.
Título: Informações em saúde e a população: a relação médico-paciente e as repercussões no tratamento / Population and health information: impact on treatment and doctor-patient relationship
Fonte: HU rev;36(1), jan.-mar. 2010.
Idioma: pt.
Resumo: O amplo desenvolvimento dos meios de informação e o maior acesso pela população abrem, atualmente, um novo campo na relação médico-paciente. O objetivo deste estudo foi avaliar a busca de informações sobresaúde e doença pelo paciente e suas possíveis repercussões no tratamento da sua enfermidade e na relação médico-paciente. Trata-se de um estudo descritivo, com aplicação de um questionário composto de 10 questões objetivas e discursivas a 494 habitantes de Juiz de Fora, MG, em junho de 2009. Entre os participantes, 64% são do sexo feminino. A maioria (57,30%) tem entre 18 e 27 anos, 31,57% apresentam ensino superior, 24,70% têm renda familiar mensal entre mil e dois mil reais. O atendimento de 43,90% é feito pelo SUS e 96,21% já pesquisaram, ao menos uma vez, informações em saúde. O interesse pelo tema e por prevenção de doenças (54,69%) é a principal motivação à pesquisa. A fonte de obtenção de informação foi a internet (74,61%) e 50,00% compartilham com o médico as informações adquiridas, sendo a prevenção em saúde (43,10%) e o tratamento proposto (42,10%) os principais temas compartilhados, 47,66% já obtiveram informações contraditórias às do médico, e, caso enfrentassem essa situação, 58,00% procurariam uma segunda opinião médica. Os participantes que não conhecem fontes especializadas em informações de saúde totalizaram 62,00% e 89,00% gostariam que o médico as indicasse. A maioria dos pacientes desconhece fontes especializadas e apresenta dificuldades na interpretação da linguagem médico-científica. O profissional de saúde deve conhecer fontes confiáveis e com linguagem de fácil interpretação para indicá-las ao paciente.

The great development of the information media and greater access of the population to this source of information have opened a new in the doctor-patient relationship. This study aimed to assess the searchfor information on health and disease, conducted by patients, and its possible impact on disease treatment and doctor-patient relationship. A questionnaire composed of 10 questions was administered to 494 inhabitants of Juiz de Fora, MG, Brazil, in June, 2009. 64% of the participants were females. Most (57.3%) were in the 18-27 years age range. 31.57% had finished higher education. 24.7% had a monthly family income between one thousand and two thousand reais. 43.9% had their medical care at the Sistema Único de Saúde ? SUS. 96.21% had sought health information at least once. Interest in the health and disease prevention issue (54.69%) is the main motivation driving the search for information. The internet was the main source (74.61%) of information.50% shared the information obtained with their doctors, health prevention (43.1%) and the proposed treatment (42.1%) being the main shared issues. 47.66% obtained information that was in disagreement with that provided by the doctor. Under such circumstances, 58% would look for a second medical opinion. 62% were not aware of health information specialized sources, and 89% would like the doctor to indicate them. Most patients are not aware of specialized sources and find it difficult to interpret the medical-scientific language. Health professionals must know reliable sources, with user-friendly language, to indicate them to their patients.
Descritores: Relações Médico-Paciente
Sistemas de Informação em Saúde
-Participação do Paciente
Acesso à Informação
Comunicação em Saúde
Tipo de Publ: Relatos de Casos
Responsável: BR378.1 - Biblioteca Central


  4 / 314 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Texto completo
Id: biblio-969054
Autor: Perú. Ministerio de Salud; .Instituto Nacional de Salud.
Título: Directiva administrativa para el registro de la pertenencia étnica en el sistema de información de salud / Administrative directive for the registration of ethnicity in the health information system.
Fonte: Lima; Perú. Ministerio de Salud; 20171100. 10 p p. ilus..
Idioma: es.
Resumo: La directiva contiene la finalidad y justificación técnica, objetivos, ámbito de aplicación, base legal y disposiciones generales y específicas para el registro de la pertenencia étnica en el sistema de información de salud.
Descritores: Origem Étnica e Saúde
Sistemas de Informação em Saúde
-Guias como Assunto
Responsável: PE18.1 - Biblioteca Central


  5 / 314 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Cuba
Texto completo
Id: biblio-891152
Autor: Vidal Ledo, María Josefina; Pujals Victoria, Nayra Irene; Álvarez Lauzarique, María Esther.
Título: Satisfacción con la formación del profesional en Sistemas de Información en Salud / Satisfaction with the professional training in health information systems
Fonte: Educ. med. super;31(1):48-60, ene.-mar. 2017. graf, tab.
Idioma: es.
Resumo: Introducción: el Sistema Nacional de Salud (SNS), mantiene un enfoque estratégico y programático en su trabajo que requiere de un flujo constante de información para la toma de decisiones. La formación de licenciados en Sistemas de Información en Salud con perfil amplio, garantiza el desempeño en los servicios que permitan sistemas de información que integren, validen, presenten y analicen información de interés, fiable, veraz y oportuna para la toma de decisiones. Objetivo: valorar la satisfacción con la formación del profesional en Sistemas de Información en Salud. Métodos: se aplicaron métodos teóricos, herramientas y técnicas cualitativas y cuantitativas para la obtención de información. Se determinó una muestra con un diseño estratificado bietápico considerando las provincias como conglomerados y los servicios en que se encuentra ubicado el personal graduado como estrato. Se aplicó una encuesta a 286 seleccionados: empleadores y empleados graduados en las primeras cinco cohortes de la carrera. Resultados: se obtuvo respuesta de 79 empleadores y 132 empleados; lo que representó el 73,8 por ciento de las personas contactadas. Correspondió el 62,6 por ciento a Servicios de Registros Médicos y Estadísticas de Salud, el 24,6 por ciento en entidades de información científico-técnica y el 12,8 por ciento en el área de Informática, lo cual se corresponde con la política de ubicación, según fuentes de formación. Se pudo apreciar que existe un alto grado de satisfacción con el desempeño según las competencias del personal graduado en Licenciatura en Sistemas de Información en Salud(AU)

Introduction: The national health system maintains a strategic and programmatic approach in its work that requires a constant flow of information for decision making. The training of graduates in Health Information Systems with a broad profile guarantees their performance in the services that allow information systems that integrate, validate, present and analyze information of interest, that is reliable, truthful and timely for decision making. Objective: To assess the satisfaction with the training of Health Information Systems graduates. Methods: Theoretical methods, qualitative and quantitative techniques and tools were used to obtain information. A sample was determined with a stratified two-stage design considering the provinces as clusters and the services as stratum, in which the graduated personnel are located. A survey was conducted on 286 selected employees who graduated in the first five cohorts of the major. Results: A response was obtained from 79 employers and 132 employees, which represented the 73.8 percent of the contacted people. 62.6 percent corresponded to medical records and health statistics services; 24.6 percent in scientific and technical information entities; and 12.8 percent in the IT area, which is consistent with the location policy, by training sources. It was possible to appreciate that there is a high degree of satisfaction with the performance according to the competences of the personnel graduated with the Health Information Systems degree(AU)
Descritores: Capacitação Profissional
Gestão da Informação em Saúde/métodos
Sistemas de Informação em Saúde
Responsável: CU1.1 - Biblioteca Médica Nacional


  6 / 314 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Saúde Pública
Texto completo
Id: lil-795343
Autor: Silva Júnior, Sérgio Henrique Almeida da; Mota, Jurema Corrêa da; Silva, Raulino Sabino da; Campos, Mônica Rodrigues; Schramm, Joyce Mendes de Andrade.
Título: Descrição dos registros repetidos no Sistema de Informação de Agravos de Notificação, Brasil, 2008-2009 / Description of duplicate records held on the Notifiable Diseases Information System, Brazil, 2008-2009 / Descripción de los registros duplicados en el Sistema de Información de Enfermedades de Declaración Obligatoria, Brasil, 2008-2009
Fonte: Epidemiol. serv. saúde;25(3):487-498, jul.-set. 2016. tab, graf.
Idioma: pt.
Projeto: Ministério da Saúde, por intermédio de seu Departamento de Ciência e Tecnologia e Insumos Estratégicos (Decit/MS).
Resumo: OBJETIVO: descrever a proporção de registros repetidos no Sistema de Informação de Agravos de Notificação do Brasil, em 2008 e 2009. MÉTODOS: para identificação de registros repetidos de casos de dengue, hanseníase, leishmaniose visceral (LV) e leishmaniose tegumentar americana (LTA), meningites e tuberculose, utilizou-se o aplicativo Reclink III(r); calculou-se a proporção dos registros repetidos segundo macrorregiões, Unidades da Federação e categorias de porte populacional do município. RESULTADOS: LV e meningites apresentaram maiores proporções de registros repetidos (5,3% e 3,6%, respectivamente) e hanseníase a menor (0,7%); proporções mais elevadas foram observadas no Rio Grande do Norte (6,8% para LV; 5,1% para hanseníase), Rio de Janeiro (2,5% para tuberculose; 4,9% para meningites) e Goiás (2,0% para dengue; 7,2% para meningites). CONCLUSÃO: a macrorregião Nordeste concentrou maior proporção de registros repetidos para quatro das seis doenças estudadas; à exceção da dengue, o percentual de repetição foi menor nos municipios mais populosos.

OBJECTIVE: to describe the proportion of duplicate records held on the Brazilian Notifiable Diseases Information System, 2008-2009. METHODS: identification of duplicate records of dengue, leprosy, visceral leishmaniasis and cutaneous leishmaniasis, meningitis and tuberculosis was conducted using Reclink III(r); the proportion of duplicate records was calculated by geographical region, state and municipal population size categories. RESULTS: visceral leishmaniasis (VL) and meningitis had higher proportions of duplicate notification (5.3% and 3.6%, respectively) whilst leprosy had the lowest (0.7%); the states with highest repetitions were Rio Grande do Norte (VL 6.8% and leprosy 5.1%), Rio de Janeiro (tuberculosis 2.5% and meningitis 4.9%) and Goiás (dengue 2.0% and meningitis 7.2%). CONCLUSION: the Northeast region had the highest proportion of duplicate records for four of the six diseases analyzed; with the exception of dengue, percentage repetition was lower in municipalities with larger population size.

OBJETIVO: describir la proporción de registros duplicados en el Sistema de Información de Enfermedades de Declaración Obligatoria, 2008-2009. MÉTODOS: Usamos el aplicativo RecLink III(r) para la identificación de registros duplicados en casos de dengue, lepra, leishmaniasis visceral y mucocutánea, meningitis y tuberculosis; se calculó la proporción de duplicados según macro regiones, unidades federales e tamaño municipal. RESULTADOS: LV y meningitis mostraron la mayor proporción de duplicados (5,3% y 3,6%, respectivamente) y lepra la menor (0,7%); las regiones con más duplicados fueron RN (6,8% para LV y 5,1% para la lepra), RJ (2,5% para tuberculosis y 4,9% para meningitis) y GO (2,0% para dengue y 7,2% para meningitis). CONCLUSIÓN: se observó que la macro región Noreste concentro la mayor proporción de registros duplicados para cuatro de las seis enfermedades estudiadas; con excepción de dengue, el porcentaje de duplicaciones fue menor en los municipios más poblados.
Descritores: Registros de Doenças/estatística & dados numéricos
Doenças Transmissíveis
Notificação de Doenças
-Brasil
Estudos Ecológicos
Sistemas de Informação em Saúde
Limites: Seres Humanos
Masculino
Feminino
Tipo de Publ: Artigo Clássico
Responsável: BR1.1 - BIREME


  7 / 314 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: lil-778545
Autor: Silva, Suelem Santos; Oliveira, Valéria Conceição de; Ribeiro, Helen Cristiny Teodoro Couto; Alves, Tamara Gabriela Silva; Cavalcante, Ricardo Bezerra; Guimarães, Eliete Albano de Azevedo.
Título: Análise dos eventos adversos após aplicação de vacinas em Minas Gerais, 2011: um estudo transversal / Análisis de eventos adversos post-vacunación en Minas Gerais, Brasil, 2011: un estudio transversal / Analysis of adverse events following immunization in Minas Gerais, Brazil, 2011: a cross-sectional study
Fonte: Epidemiol. serv. saúde;25(1):45-54, jan.-mar. 2016. tab.
Idioma: pt.
Projeto: Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq)/Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovação (MCTI).
Resumo: OBJETIVO: analisar os principais eventos adversos pós-vacinação ocorridos no estado de Minas Gerais, Brasil, em 2011. MÉTODOS: estudo transversal, a partir de dados secundários do Sistema de Informação de Eventos Adversos Pós-Vacinação. RESULTADOS: foram observados 1.449 eventos no estado; mais da metade deles acometeu crianças menores de 1 ano (56,1%; OR=1,39; IC 95% 1,08;1,78); os maiores coeficientes de incidência por 100 mil doses aplicadas foram observados nas regiões Triângulo do Sul (36,3), Noroeste (25,7) e Sul (22,7); a vacina tetravalente apresentou a maior reatogenicidade (46,1%); o evento mais frequente foi o episódio hipotônico hiporresponsivo (15,9%); os eventos foram significativamente associados às vacinas inativadas (OR=4,08; IC95% 3,51;4,75); a maioria dos eventos notificados foi encerrada como 'indefinido' (58,9%). CONCLUSÃO: foram observados eventos em todas as regiões do estado, mais frequentes após a administração de vacinas inativadas e entre crianças menores de 1 ano.

OBJETIVO: analizar los principales eventos adversos post-vacunación ocurridos en Minas Gerais, Brasil, en 2011. MÉTODOS: estudio transversal realizado a partir de datos secundarios obtenidos del Sistema de Información de Eventos Adversos Post-Vacunación. RESULTADOS: observamos 1.449 eventos en el estado; más de la mitad de ellos ocurrió en niños menores de un año (56,1%; OR=1,39; IC95% 1,08;1,78); las tasas de incidencia más altas por 100.000 dosis aplicadas se observaron en las regiones Triángulo del Sur (36,3), Noroeste (25,7) y Sur (22,7); la vacuna tetravalente presento la mayor reactogenicidad (46,1%) y el evento más frecuente fue el episodio de hipo respuesta hipotónica (15,9%), los eventos estuvieron significativamente asociados con las vacunas inactivadas (OR=4,08; IC95% 3,51;4,75); la mayor parte de los hechos denunciados se cerró como 'indefinido' (58,9%). CONCLUSIÓN: fueron observados eventos en todas las regiones del estado, fueron más frecuentes después de la administración de vacunas inactivadas y entre niños menores de 1 año.

OBJECTIVE: to analyze the main adverse events occurring following immunization in Minas Gerais State, Brazil, in 2011. METHODS: this is a cross-sectional study using secondary data from the Brazilian Information System on Adverse Events Following Immunization. RESULTS: 1,449 adverse events were found; more than half occurred in children under one year of age (56.1%; OR=1.39; 95%CI: 1.08;1.78); the highest rates per 100,000 doses administered were found in the Southern Triangle (36.3), Northwest (25.7) and Southern (22.7) areas of the state; tetravalent vaccine had the highest reactogenicity (46.1%) and hypotonic-hyporesponsive episode was the most frequent event (15.9%); events were significantly associated with inactivated vaccines (OR=4.08; 95%CI: 3.51;4.75); most of the reported events were closed as 'undefined' (58.9%). CONCLUSION: events were found in all regions of Minas Gerais state and were most frequent following administration of inactivated vaccines and among children under one year of age.
Descritores: Vacinas/efeitos adversos
Sistemas de Informação em Saúde
-Avaliação em Saúde
Estudos Transversais/métodos
Limites: Seres Humanos
Masculino
Feminino
Lactente
Pré-Escolar
Criança
Adolescente
Adulto
Meia-Idade
Tipo de Publ: Artigo Clássico
Responsável: BR1.1 - BIREME


  8 / 314 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Saúde Pública
Texto completo
Id: lil-772116
Autor: Oliveira, Max Moura de; Andrade, Silvânia Suely Caribé de Araújo; Dimech, George Santiago; Oliveira, João Carlos Guedes de; Malta, Deborah Carvalho; Rabello Neto, Dácio de Lyra; Moura, Lenildo de.
Título: Avaliação do Sistema de Informações sobre Nascidos Vivos. Brasil, 2006 a 2010 / Evaluación del Sistema de Información de Nacidos Vivos. Brasil, 2006 a 2010 / Evaluation of the National Information System on Live Births in Brazil, 2006-2010
Fonte: Epidemiol. serv. saúde;24(4):629-640, Out.-Dez. 2015. tab, graf.
Idioma: pt.
Projeto: Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq)/Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovação (MCTI).
Resumo: OBJETIVO: avaliar atributos e utilidade do Sistema de Informações sobre Nascidos Vivos (Sinasc), Brasil, 2006-2010. METÓDOS: avaliação baseada nas diretrizes do Guia de Avaliação dos Sistemas de Vigilância de Saúde Pública do Centers for Disease Control and Prevention/USA. RESULTADOS: das 23 variáveis avaliadas, 21 apresentaram completude superior a 90,0%; o percentual de completude de variáveis preenchidas em partos hospitalares foi 97,9%; não houve diferença entre as proporções de nascimentos segundo macrorregiões e sexo, na comparação com os dados do Censo Demográfico 2010. Foram recebidos em tempo oportuno 82,6% do volume de dados, em 2010; a razão entre nascidos vivos informados e estimados foi de 89,4% em 2006 e de 97,4% em 2010; dados do Sinasc eram utilizados em 22 indicadores de monitoramento. CONCLUSÃO: os atributos avaliados e a utilidade do Sinasc ratificam a qualidade e a importância das informações geradas pelo sistema para subsidiar políticas públicas de saúde materno-infantil.

OBJETIVO: evaluar los atributos y utilidad del Sistema de Información de Nacidos Vivos (SINASC), Brasil,2006-2010. MÉTODOS: esta evaluación se basó en las directrices de la Guía para Evaluación de Sistemas de Vigilancia de Salud Pública del Center for Disease Control and Prevention/USA. RESULTADOS: de las 23 variables evaluadas, 21 mostraron completitud superior al 90%; el porcentaje de completitud de las variables llenadas en los partos hospitalarios fue de 97,9%; no hubo diferencias en las proporciones de nacimientos de mujeres y hombres, cuando comparados con el censo de 2010; se recibió a tiempo 82,6% del volumen de datos en 2010; la proporción de nacidos vivos informados y estimados fue 89,4% en 2006 y 97,4% en 2010; se utilizó para la construcción de 22 indicadores de monitoreo de salud datos del Sinasc. CONCLUSIÓN: los atributos evaluados y la utilidad del Sinasc destacaron la calidad e importancia de la información generada por el sistema para subsidiar políticas públicas de salud materno-infantil.

OBJECTIVE: to analyze attributes and usefulness of the Live Birth Information System (Sinasc), Brazil, 2006-2010. METHODS: this evaluation was based on the Centers for Disease Control and Prevention Guidelines for Evaluating Public Health Surveillance Systems. RESULTS: 21 of the 23 variables analyzed showed completeness above 90.0%. 97.9% of hospital birth variables had complete data; no differences in the proportion of births were found with regard to macroregion and sex when compared to the 2010 census; 82.6% of data was received on time in 2010; the ratio between reported and estimated live births was 89.4% in 2006 and 97.4% in 2010; this system was used to build 22 health monitoring indicators. CONCLUSION: the aspects evaluated and usefulness of Sinasc confirm the quality and importance of the information it provides in serving as input for public policies on maternal and child health.
Descritores: Declaração de Nascimento
Nascimento Vivo
-Avaliação em Saúde
Brasil
Sistemas de Informação
Sistemas de Informação em Saúde
Limites: Seres Humanos
Masculino
Feminino
Recém-Nascido
Tipo de Publ: Artigo Clássico
Responsável: BR1.1 - BIREME


  9 / 314 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: lil-758718
Autor: Heidemann, Ivonete Teresinha Schülter Buss; Costa, Maria Fernanda Baeta Neves Alonso da; Hermida, Patrícia Madalena Vieira; Marçal, Cláudia Cossentino Bruck; Cypriano, Camilla Costa.
Título: Sistema de informação da atenção básica: potencialidades para a promoção da saúde / Primary care information system: potential for health promotion
Fonte: Acta paul. enferm;28(2):152-159, Mar-Apr/2015. tab.
Idioma: pt.
Projeto: Universal do Conselho Nacional de Tecnologia e Pesquisa – CNPQ.
Resumo: Discutir a utilização do Sistema de informação da Atenção Básica na perspectiva da promoção da saúde. Métodos Estudo descritivo quantitativo realizado em Unidades de Saúde da Família de 21 municípios da Grande Florianópolis. A coleta de dados ocorreu entre outubro de 2011 e julho de 2012, através de entrevista com profissionais da saúde, caracterizando o uso do Sistema de Informação da Atenção Básica. Resultados Todos os municípios pesquisados utilizam este Sistema de informação; dezenove (90,5%) utilizam as Fichas; enquanto oito municípios (38,1%) realizam todos os relatórios. Conclusão Os dados gerados por este sistema possibilitam o planejamento das ações de promoção da saúde pelas equipes. É necessário que haja discussões dos dados nas reuniões e reorganização das atividades na Atenção Básica...

To discuss the use of the Primary Care Information System from the perspective of health promotion. Methods A quantitative descriptive study conducted in Family Health Units of 21 municipalities of Florianópolis. Health care (public health) Data collection was conducted between October of 2011 and July of 2012, through interviews with health professionals, featuring the use of the Primary Care Information System. Results All municipalities surveyed use this information system; nineteen (90.5%) used flow sheets; while Sistemas de informação; Atenção eight municipalities (38.1%) used all of the reports. Conclusion The data generated by this system enables the planning of health promotion actions by the teams. There needs to be discussion of the data in the meetings and reorganization of primary care activities...
Descritores: Atenção Primária à Saúde
Promoção da Saúde
Saúde da Família
Sistemas de Informação em Saúde
-Análise Quantitativa
Epidemiologia Descritiva
Limites: Seres Humanos
Responsável: BR1.1 - BIREME


  10 / 314 LILACS  
              first record previous record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: biblio-984259
Autor: Silva, Talita Ingrid Magalhães; Cavalcante, Ricardo Bezerra; Silva, Hugo Ricardo Moreira da; Santos, Regina Consolação; Guimarães, Eliete Albano de Azevedo; Pinheiro, Marta Macedo Kerr.
Título: DIFUSÃO DA INOVAÇÃO TECNOLÓGICA e-SUS AB: ACEITAÇÃO OU REJEIÇÃO? / DIFUSIÓN DE LA INNOVACIÓN TECNOLÓGICA e-SUS AB: ACEPTACIÓN O RECHAZO? / DIFFUSION OF THE TECHNOLOGICAL INNOVATION e-SUS AB: ACCEPTANCE OR REJECTION?
Fonte: Cogitare enferm;23(3):e55911, 2018. tab.
Idioma: pt.
Projeto: Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de Minas Gerais (FAPEMIG); . Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico.
Resumo: Objetivo: analisar a difusão da inovação tecnológica "estratégia e-SUS AB" em uma equipe de saúde da família do oeste de Minas Gerais. Método: estudo de caso único de abordagem qualitativa à luz da Teoria da Difusão da Inovação e do Modelo de Aceitação de Tecnologia. A coleta de dados compreendeu entrevista e observação direta do cotidiano de trabalho de uma equipe. Os dados foram sistematizados no software Atlas ti e analisados através da Análise de Conteúdo. Resultados: a inovação proporciona suporte no planejamento da assistência por dispor de dados individualizados, além de aprimorar o cotidiano de trabalho. Entretanto, sua difusão tem gerado, predominantemente, sobrecarga de trabalho e outras dificuldades que se conformam como limitadores de sua aceitação pelos profissionais de saúde. Conclusão: a difusão da estratégia e-SUS AB como uma inovação tecnológica tem apresentado situações potencializadoras de sua aceitação, porém predominaram situações que podem conduzir à sua rejeição.

Objetivo: analizar la difusión de la innovación tecnológica "estrategia e-SUS AB" en un equipo de salud de la familia del oeste de Minas Gerais. Método: estudio de caso único con enfoque cualitativo a la luz de la Teoría de Difusión de Innovaciones y del Modelo de Aceptación de Tecnología. Para recolectar los datos se llevaron a cabo entrevista y observación directa del trabajo cotidiano de un equipo. Los datos fueron sistematizados en el software Atlas ti y analizados a través del Análisis de Contenido. Resultados: la innovación provee apoyo en la planificación de la atención por disponer de datos individualizados, además de perfeccionar el trabajo cotidiano. Sin embargo, su difusión ha generado predominantemente sobrecarga de trabajo y otras dificultades que representan limitadores de su aceptación por los profesionales de salud. Conclusión: la difusión de la estrategia e-SUS AB como una innovación tecnológica ha presentado situaciones que potencializan su aceptación, pero predominaron situaciones que pueden llevar a su rechazo.

Objective: analyze the diffusion of the technological innovation "e-SUS AB strategy" in a Family health team in the West of Minas Gerais. Method: single case study with a qualitative approach in the light of the Innovation Diffusion Theory and the Technology Acceptance Model. The data collection included an interview and direct observation of a team's daily work. The data were systemized in the software Atlas ti and analyzed through Content Analysis. Results: the innovation supports the care planning because it makes individualized data available and improves the daily work. Nevertheless, its diffusion has predominantly produced a work overload and other difficulties that limit its acceptance by the health professionals. Conclusion: the diffusion of the e-SUS AB strategy as a technological innovation has presented situations that strengthen its acceptance, but situations that can lead to its rejection were predominant.
Descritores: Atenção Primária à Saúde
Informática Médica
Difusão de Inovações
Tecnologia da Informação
Sistemas de Informação em Saúde
Limites: Seres Humanos
Responsável: BR501.1 - Biblioteca de Ciências da Saúde / Sede Botânico



página 1 de 32 ir para página                         
   


Refinar a pesquisa
  Base de dados : Formulário avançado   

    Pesquisar no campo  
1  
2
3
 
           



Search engine: iAH v2.6 powered by WWWISIS

BIREME/OPAS/OMS - Centro Latino-Americano e do Caribe de Informação em Ciências da Saúde