Base de dados : LILACS
Pesquisa : L01.313.500.875.500 [Categoria DeCS]
Referências encontradas : 6 [refinar]
Mostrando: 1 .. 6   no formato [Detalhado]

página 1 de 1

  1 / 6 LILACS  
              next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: biblio-840553
Autor: Ferreira, Maria Cristina; Valentini, Felipe; Damásio, Bruno Figueiredo; Mourão, Luciana; Porto, Juliana Barreiros; Chinelato, Renata Silva de Carvalho; Novaes, Vladimir Pinto; Pereira, Michelle Morelo.
Título: Evidências adicionais de validade da UWES-9 em amostras brasileiras / Additional validity evidences of UWES-9 in Brazilian samples / Evidencias adicionales de validez de la UWES-9 en muestras brasileñas
Fonte: Estud. psicol. (Natal);21(4):435-445, out.-dez. 2016. tab.
Idioma: pt.
Resumo: Resumo O engajamento no trabalho consiste em um estado motivacional positivo manifesto em sentimentos de vigor, absorção e dedicação ao trabalho. Para avaliá-lo, foi desenvolvida a Escala de Engajamento no Trabalho de Utrecht. O presente trabalho reuniu evidências de validade da versão reduzida da escala (UWES-9) por meio de análises de estrutura interna, de invariância por gênero e setor de trabalho (público ou privado), e de relações com variáveis externas. A amostra foi composta por 2.897 trabalhadores de ambos os sexos (57,3% do sexo feminino), com média de idade de 32,8. Os modelos indicaram que a estrutura unidimensional obteve melhor ajuste e que os parâmetros dos itens não foram significativamente enviesados pelo sexo, setor e tempo de trabalho. A escala apresentou correlações positivas fortes com sentimentos positivos associados ao trabalho. As propriedades psicométricas do instrumento recomendam seu uso futuro em investigações destinadas a avaliar o engajamento no trabalho em amostras brasileiras.

Abstract Work engagement is a positive motivational state which is expressed in vigor, absorption and dedication feelings toward work. The Utrecht Work Engagement Scale was developed to measure this phenomenon. The present work collected validity evidence for the reduced scale (UWES-9) concerning its internal structure, gender and work sector (public and private) invariance and relationships with external variables. The sample consisted of 2,897 employees from both genders (57.3% were female), mean age equal to 32.8. The models indicated a unidimensional structure fit to the data, and the items parameters were not significantly biased due to gender, work sector, and job tenure. The scale showed positive strong correlations with positive feelings toward work. The psychometric properties of the scale recommend its future adoption in researchers about work engagement in Brazilian samples.

Resumen El engagement en el trabajo es un estado de motivación positiva expresado en sentimientos de vigor, absorción y dedicación al trabajo. La Escala de Engagement en el Trabajo fue desarrollada para evaluar este constructo. El presente trabajo presentó evidencias de validez de la escala reducida (UWES-9) acerca de su estructura interna, invariancia de género y sector del trabajo (público y privado) y relaciones con variables externas. La muestra fue compuesta por 2.897 trabajadores (57,3% mujeres), con una edad media de 32,8 años. Los modelos indicaron que la estructura de una dimensión se ajustó a los datos, y los parámetros de los ítems no fueron significativamente influenciados por las variables género, sector de trabajo y tiempo de trabajo. La escala mostró correlaciones positivas fuertes con sentimientos positivos acerca del trabajo. Las propiedades psicométricas de la escala recomiendan su uso futuro en investigaciones acerca del engagement en el trabajo en muestras brasileñas.
Descritores: Comportamento Social
Trabalho/psicologia
Brasil
Cultura Organizacional
-Interpretação Estatística de Dados
Curadoria de Dados
Limites: Seres Humanos
Masculino
Feminino
Adolescente
Adulto
Meia-Idade
Idoso
Responsável: BR1274.1 - Biblioteca Central Zila Mamede


  2 / 6 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Texto completo
Id: biblio-879650
Autor: Harzheim, Erno; Oliveira, Mônica Maria Celestina de; Agostinho, Milena Rodrigues; Hauser, Lisiane; Stein, Airton Tetelbom; Gonçalves, Marcelo Rodrigues; Trindade, Thiago Gomes da; Berra, Silvina; Duncan, Bruce Bartholow; Starfield, Barbara.
Título: Validação do instrumento de avaliação da atenção primária à saúde: PCATool-Brasil adultos / Validation of the Primary Care Assessment Tool: PCATool-Brazil for adults / Validación del instrumento para la evaluación de la atención primaria de salud: PCATool-Brasil adultos
Fonte: Rev. bras. med. fam. comunidade;8(29):274-284, out./dez. 2013. tab.
Idioma: pt.
Resumo: Objetivo: traduzir e adaptar o PCATool versão usuários adultos ao contexto brasileiro e avaliar sua validade e fidedignidade. Métodos: Foi realizado um estudo transversal no qual foram entrevistados 2.404 usuários adultos residentes nas áreas adscritas da rede pública dos serviços de Atenção Primária à Saúde (APS) em Porto Alegre e usuários vinculados a um plano de autogestão. O processo de validação constituiu-se de tradução e tradução reversa, adaptação, validade de conteúdo, validade fatorial e fidedignidade. Resultados: Na análise fatorial, foram considerados 12 fatores que explicaram 50,83% da variação total. Assim, foram reconhecidos os seguintes atributos da APS: acesso - acessibilidade e utilização, longitudinalidade, coordenação - coordenação do cuidado e sistemas de informação, integralidade - serviços disponíveis e serviços prestados, enfoque familiar e orientação comunitária. Para a consistência interna, foi obtido alfa de Cronbach variando de 0,15 a 0,90. A estabilidade temporal não foi verificada para coordenação do cuidado (p<0,05), coordenação de sistema de informação (p<0,05) e integralidade de serviços prestados (p<0,05). Na razão êxito da escala, todos os componentes/atributos apresentaram valores próximos de 100%, à exceção do componente sistema de informação. Conclusões: os resultados indicaram que o PCATool-Brasil possui adequada validade e fidedignidade, podendo constituir-se em instrumento nacional de avaliação da APS para usuários adultos.

Objective: to translate and adapt the PCATool version for adult users to the Brazilian context and assess its validity and reliability. Methods: We conducted a cross-sectional study of 2404 adult users living in areas covered from public services Primary Care in Porto Alegre, and users of a self- management plan. We performed translation, reverse translation and adaptation of the instrument as well as its assessment in respect of content validity, factorial validity and reliability. Results: In the factor analysis were considered 12 factors that explained 50.83% of the total variation. In this way were recognized the attributes of Primary Care: access - accessibility and utilization; longitudinality; coordination - coordination of care and systems of information; comprehensiveness - services available and services provided; family orientation; and community orientation. In terms of internal consistency the values of Cronbach's alpha ranged from 0.15 to 0.90. The stability over time was not observed for coordination of care (p<0.05), coordination information of system (p<0.05) and comprehensiveness of services provided (p<0.05). The scaling success rate was close to 100% for all attributes, except to coordination of information system. Conclusions: the results indicated that the PCATool-Brazil has adequate validity and reliability, and it can act as a national instrument for the assessment of Primary Care from the perspective of adult users.

Objetivo: traducir y adaptar el PCATool versión usuarios adultos al contexto brasileño y evaluar su validez y fiabilidad. Métodos: Se realizó un estudio transversal en el cual se encuestaron a 2404 usuarios adultos residentes en áreas adscritas a la red pública de servicios de Atención Primaria de Salud (APS) en Porto Alegre y a otros usuarios vinculados a un seguro de salud de auto-gestión. El proceso de validación consistió en traducción y traducción reversa, adaptación, validez de contenido, validez factorial y fiabilidad. Resultados: En el análisis factorial se consideraron 12 factores que explicaron 50,83% de la variación total. Así, se reconocieron los siguientes atributos de la APS: acceso - accesibilidad y utilización, longitudinalidad, coordinación - coordinación del cuidado y sistemas de información, integralidad - servicios disponibles y servicios prestados, enfoque familiar y orientación comunitaria. Para la consistencia interna se obtuvo un alfa de Cronbach oscilando entre 0,15 y 0,90. La estabilidad temporal no se verificó para la coordinación del cuidado (p<0,05), la coordinación del sistema de información (p<0,05) y la integralidad de servicios prestados (p<0,05). En la razón de éxito de la escala todos los componentes/atributos presentaron valores próximos al 100%, con excepción del componente sistema de información. Conclusiones: los resultados indicaron que el PCATool-Brasil tiene una adecuada validez y fiabilidad, pudiendo constituirse en herramienta nacional para la evaluación de la APS en usuarios adultos.
Descritores: Atenção Primária à Saúde
Curadoria de Dados
Pesquisa sobre Serviços de Saúde
-Sistema Único de Saúde
Responsável: BR408.1 - Biblioteca da Faculdade de Medicina - BFM


  3 / 6 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Id: biblio-941557
Autor: Brasil. Ministério da Saúde. Fundação Oswaldo Cruz. Instituto Oswaldo Cruz.
Título: I Seminário sobre Gestão e Curadoria de Coleções Zoológicas da Fiocruz.
Fonte: Rio de Janeiro; FIOCRUZ/VPPLR/IOC/Corbã; 2011. 51 p.
Idioma: pt.
Descritores: Curadoria de Dados/métodos
Curadoria de Dados/normas
Curadoria de Dados
Zoologia/classificação
Responsável: BR1719.1 - Biblioteca do CPqRR
BR1719.1; 570.74, B823s, 2011. 017469


  4 / 6 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Id: lil-766535
Autor: Brasil. Ministério da Saúde. Fundação Oswaldo Cruz. Instituto Oswaldo Cruz.
Título: I Seminário sobre Gestão e Curadoria de Coleções Zoológicas da Fiocruz / I Seminar on Management and Curator of Zoological Collections of Fiocruz.
Fonte: Rio de Janeiro; FIOCRUZ/VPPLR/IOC/Corbã; 2011. 51 p.
Idioma: pt.
Descritores: Curadoria de Dados/métodos
Curadoria de Dados/normas
Curadoria de Dados
Zoologia/classificação
Responsável: BR1719.1 - Biblioteca do CPqRR


  5 / 6 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Texto completo
Id: lil-741349
Autor: Cancian, Maythê de Lima; Leonardi, Mauricio Saadi; Mosca, Mariane Martins; Guerra, Lucas Offenbecker; Hengeltraub, Simone Fanan; Leonardi, Gislaine Ricci.
Título: Safety assessment of cosmetic products, with emphasis on the ocular area: regulatory aspects and validation processes
Fonte: Braz. j. pharm. sci;50(4):667-676, Oct-Dec/2014.
Idioma: en.
Resumo: Before marketing a cosmetic product, a series of biological assays, such as ocular irritation tests, must be conducted in order to prove that the product is safe. However, a few scientific articles mention the discussion and evolution of cosmetic products testing performed in the eyes area. The aim of this study was to review the available literature on the evolution of tests carried out with cosmetics, in the ocular area, as well as to describe the methodologies that have been used and that are currently accepted. In Brazil, tests performed on animals are still allowed. However, the international laws strongly recommend the use of alternative methods for evaluating the risk of cosmetic ingredients and products. Regulatory requirements involving the registration of these products also request safety support of them in human beings. To perform ocular tests in human beings, it is necessary to involve an ophthalmologist for conducting clinical protocols. These protocols signed by the expert physician are sent to the National Health Surveillance Agency in order to endorse the product manufacturer concerning its safety. The safety support of a cosmetic product is very important, taking into account that the consumer has free access to these products of widespread use in today's society.

Com o objetivo de comprovar que um produto cosmético é seguro, antes que este seja colocado no mercado, este deve passar por uma série de ensaios biológicos, que avaliem sua segurança, como, por exemplo, os testes de irritação ocular. Porém, poucos artigos científicos trazem a discussão e a evolução sobre os testes de produtos cosméticos realizados na área dos olhos. O objetivo desse trabalho foi realizar uma revisão bibliográfica sobre a evolução dos testes realizados com cosméticos, na região ocular, bem como descrever as metodologias que já foram utilizadas e as que são aceitas atualmente. No Brasil, são ainda permitidos testes em animais, entretanto, as legislações internacionais indicam fortemente a utilização de métodos alternativos para avaliação de risco de ingredientes e produtos cosméticos. As exigências regulatórias que envolvem o registro desses produtos solicitam também a comprovação de segurança destes produtos em serem humanos. Para a realização dos testes oculares em humanos, é necessário o envolvimento de um oftalmologista na condução de protocolos clínicos. Esses protocolos assinados pelo médico especialista são enviados à Agencia Nacional de Vigilância Sanitária, a fim de respaldar o fabricante do produto sobre a segurança do mesmo. A comprovação da segurança de um produto cosmético é bastante importante, considerando-se o livre acesso aos consumidores e o amplo uso desses produtos na sociedade atual.
Descritores: Controle e Fiscalização de Cosméticos
Estabilidade de Cosméticos
Tecnologia de Cosméticos
Produtos para Áreas dos Olhos
-Aditivos em Cosméticos
Curadoria de Dados
Responsável: BR1.1 - BIREME


  6 / 6 LILACS  
              first record previous record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: lil-732130
Autor: Damásio, Bruno Figueiredo; Freitas, Clarissa Pinto Pizarro de; Koller, Sílvia Helena.
Título: Occupational Self-Efficacy Scale - Short Form (OSS-SF): Adaptation and evidence of construct validity of the Brazilian version / Escala de Autoeficácia Ocupacional - Versão Breve (EAO - VB): adaptação e evidências de validade de construto da versão brasileira / Escala de Autoeficacia Ocupacional - Versión Breve (EAO-VB): adaptación y evidencias de validez de constructo de la versión brasilera
Fonte: Rev. bras. orientac. prof;15(1):65-74, jun. 2014. tab.
Idioma: en.
Resumo: This study aimed to adapt the Occupational Self-Efficacy Scale - Short Form (OSS-SF) to the Brazilian context. Participants were 514 professionals (86.4% women, mean age = 37.91 years, SD = 10.78). The sample was randomly split in two halves, and exploratory and confirmatory factor analyses were conducted to evaluate the factor structure of the Brazilian OSS-SF. Excellent goodness-of-fit indexes were achieved. Convergent validity was assessed using the Job-related Affective Well-being Scale and the Maslach Burnout Inventory. Correlations in the expected direction and magnitude were achieved. Further, significant differences were found in the levels of occupational self-efficacy among professionals who exhibited prevalence of job-related positive affect instead of job-related negative affect. The OSS-SF presented adequate psychometric properties, which suggests its usefulness in evaluating occupational self-efficacy in the Brazilian context.

Este estudo buscou adaptar a Escala de Autoeficácia Ocupacional - Versão Breve (EAO-VB) para o contexto brasileiro. Participaram do estudo 514 profissionais (86,4% mulheres, idade média 37,91 anos, DP = 10,78). A amostra foi aleatoriamente dividida em duas partes, e análises fatoriais exploratórias e confirmatórias foram conduzidas para avaliar a estrutura fatorial da EAO-VB. Excelentes índices de ajuste foram obtidos. A validade convergente foi testada utilizando a Escala de Bem-Estar Afetivo no trabalho (JAWS) e o Inventário Maslach de Burnout (MBI). Foram encontradas correlações de sentido e de magnitude esperadas. Diferenças significativas nos níveis de autoeficácia ocupacional foram encontradas entre os profissionais que apresentaram preponderância de afetos positivos ao invés de afetos negativos. A EAO-VB apresentou adequadas propriedades psicométricas, sugerindo a sua utilidade para avaliação da autoeficácia ocupacional no contexto brasileiro.

Este estudio buscó adaptar la Escala de Autoeficacia Ocupacional - Versión Breve (EAO-VB) para el contexto brasilero. Participaron del estudio 514 profesionales (86,4% mujeres, edad media 37,91 años, DP = 10,78). La muestra fue aleatoriamente dividida en dos partes, y los análisis factoriales exploratorios y confirmatorios fueron conducidos para evaluar la estructura factorial de la EAO-VB. Excelentes índices de ajuste fueron obtenidos. La validez convergente fue testeada utilizando la Escala de Bienestar Afectivo en el trabajo (JAWS) y el Inventario Maslach de Burnout (MBI). Fueron encontradas correlaciones de sentido y de magnitud esperadas. Diferencias significativas en los niveles de autoeficacia ocupacional fueron encontradas entre los profesionales que presentaron preponderancia de afectos positivos en vez de afectos negativos. La EAO-VB presentó adecuadas propiedades psicométricas, sugiriendo su utilidad para la evaluación de la autoeficacia ocupacional en el contexto brasilero.
Descritores: Curadoria de Dados
Análise Fatorial
Saúde do Trabalhador
Autoeficácia
Limites: Seres Humanos
Masculino
Feminino
Adulto
Meia-Idade
Responsável: BR85.1 - Biblioteca Dante Moreira Leite



página 1 de 1
   


Refinar a pesquisa
  Base de dados : Formulário avançado   

    Pesquisar no campo  
1  
2
3
 
           



Search engine: iAH v2.6 powered by WWWISIS

BIREME/OPAS/OMS - Centro Latino-Americano e do Caribe de Informação em Ciências da Saúde