Base de dados : LILACS
Pesquisa : M01.060.703 [Categoria DeCS]
Referências encontradas : 28869 [refinar]
Mostrando: 1 .. 10   no formato [Detalhado]

página 1 de 2887 ir para página                         

  1 / 28869 LILACS  
              next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Texto completo
Texto completo
Id: lil-735557
Autor: Schoeller, Soraia Dornelles; Pires, Fernanda Rosa de Oliveira; Deitos, Bruna Garcia; Santos, Silvia Maria Azevedo dos; Vargas, Mara Ambrosina de Oliveira; Silva, Kelly Maciel.
Título: Aspectos da (in)dependência funcional de pessoas adscritas a um centro de saúde / Aspects of functional (in) dependence of people ascribed to a health centre / Aspectos de la (in)dependencia funcional de personas registradas en un centro de salud
Fonte: Ciênc. cuid. saúde;12(1):47-55, jan.-mar. 2013. tab.
Idioma: en; pt.
Resumo: Estudo transversal, exploratório descritivo, realizado no período de março a julho de 2012, cujo objetivo foi investigar aspectos da independência funcional das pessoas adstritas a um centro de saúde de um distrito sanitário em Florianópolis. A amostra foi de 33 pessoas indicadas pela equipe da Estratégia de Saúde da Família como dependentes. Os dados foram coletados no domicílio por meio de formulário com perguntas sócio-demográficas e aplicação da escala denominada Medida de Independência Funcional, para verificação da medida de independência funcional. Para análise dos dados utilizou-se a estatística descritiva univariada. Os resultados demonstram que a população é feminina (55%), na faixa etária entre 60 e 79 anos. A totalidade das pessoas referiu dependência especialmente para locomoção, o que em alguns casos pode-se caracterizar como deficiência em função da presença de paresia. Conclui-se que a deficiência e a dependência estão correlacionadas, sendo importante a aplicação da Medida de Independência Funcional nos serviços de Atenção Primária a Saúde para o planejamento do cuidado às pessoas dependentes. O projeto foi aprovado pelo Comitê de Ética em Pesquisa - plataforma Brasil sob número 41129.

Cross-sectional, exploratory and descriptive study that was performed from March to July, 2012. Its aim was to investigate aspects of the functional independence from people ascribed to a health center, at a health district in Florianopolis. The sample consisted of 33 people nominated by the Family Health Strategy staff as dependents. Data was collected at home by using a questionnaire with socio-demographic questions and the application of the Functional Independence Mesure scale to verify the functional independence measure. For data analysis, it was used the univariate descriptive statistics. The results show the population is female (55%), aged between 60 and 79 years. The total number of persons reported dependence especially for locomotion, which in some cases it can be characterized as a disability due to the presence of paresis. It is concluded that disability and dependency are correlated, and it is important to implement the Functional Independence Measure in the services with Primary Health Care, to the planning of care for dependent persons. The project was approved by the Research Ethics Committee - platform Brazil under the number 41129.

Estudio transversal, exploratorio y descriptivo, realizado entre Marzo y Julio del 2012, cuyo objetivo fue investigar aspectos de la independencia funcional de las personas registradas en un centro de salud de un distrito sanitario en Florianópolis. La muestra fue de 33 personas indicadas por el equipe de la Estrategia Salud de la Familia como dependientes. Los datos fueron obtenidos en el domicílio, por medio de un formulario con preguntas socio-demográficas y la aplicación de la escala Medida de Independencia Funcional para la verificación de la medida de independencia funcional. Para el análisis de los datos se utilizó la estadística descriptiva univariada. Los resultados demuestran que la población es femenina (55%) y está en la franja etaria entre 60 y 79 años. La totalidad de las personas se refirió a la dependencia especialmente para la locomoción, lo que en algunos casos se puede caracterizar como deficiencia en función de la presencia de paresia. Se concluye que la deficiencia y la dependencia están correlacionadas, siendo importante la aplicación de la Medida de Independencia Funcional en los servicios de Atención Primaria para la Salud y para el planeamiento del cuidado de personas dependientes. El proyecto fue aprobado por el Comité de Ética en Investigación - plataforma Brasil bajo el número 41129.
Descritores: Atenção Primária à Saúde
Estudos Transversais
Pessoas com Deficiência
ESOPHAGEAL CYSTABDOMINAL NEOPLASMS
Limites: Humanos
Animais
Masculino
Feminino
Gravidez
Recém-Nascido
Lactente
Pré-Escolar
Criança
Adolescente
Adulto
Pessoa de Meia-Idade
Idoso
Responsável: BR21.1 - Biblioteca J Baeta Vianna- Campus Saúde UFMG


  2 / 28869 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: lil-761163
Autor: HEIDRICH, Daiane; DABOIT, Tatiane Caroline; STOPIGLIA, Cheila Denise Ottonelli; MAGAGNIN, Cibele Massotti; VETORATTO, Gerson; AMARO, Taís Guarienti; SCROFERNEKER, Maria Lúcia.
Título: Sixteen years o pityriasis versicolor in metropolitan area of Porto Alegre, Southern Brazil / Dezesseis anos de pitiríase versicolor na Região Metropolitana de Porto Alegre, Sul do Brasil
Fonte: Rev. Inst. Med. Trop. Säo Paulo;57(4):277-280, July-Aug. 2015. tab, ilus.
Idioma: en.
Resumo: SUMMARYPityriasis versicolor is the most common of the diseases caused by Malasseziayeasts. The aim of this study is to determine the prevalence of pityriasis versicolor and its etiological aspects in the metropolitan area of Porto Alegre, Brazil. A retrospective crosssectional study with data from patients of a reference hospital from 1996 to 2011 was performed. Collected data included: date, age, gender, ethnicity, anatomical region of lesion and the direct mycological examination results. Among the positive results in the direct mycological examination, 5.8% (2,239) were positive for pityriasis versicolor. The angular coefficient (B) was -0.3%/year, showing a decrease over the years. The disease was more prevalent in men (7.1% of men versus 5.1% of women that underwent the direct mycological examination); younger age (median 31 years old); "pardo" and black people (3.7% more than expected in the sample); trunk (73.44% of the affected anatomic sites). Lesions in rare sites (groin, genitals, legs, feet and hands) were also observed in this study. In conclusion, due to the decrease in the prevalence of pityriasis versicolor, long-term epidemiological studies in the metropolitan area of Porto Alegre, Brazil, are needed to continue the monitoring of this disease.

RESUMOPitiríase versicolor é a mais comum das doenças causadas pelas leveduras do gênero Malassezia. O objetivo do trabalho foi determinar a prevalência de pitiríase versicolor e seus aspectos etiológicos na região metropolitana de Porto Alegre, Brasil. Foi realizado um estudo retrospectivo transversal com dados de pacientes de hospital de referência entre 1996 a 2011. Os dados coletados foram: data, idade, gênero, etnia, local anatômico da lesão e resultados do exame micológico direto. Dentre os resultados positivos do exame micológico direto, 5,8% (2.239) foram positivos para pitiríase versicolor. O coeficiente angular (B) foi -0,3%/ ano, mostrando uma diminuição ao longo dos anos. A doença foi mais prevalente em homens (7,1% dos homens versus 5,1% das mulheres que se submeteram ao exame micológico direto); jovens (mediana de 31 anos); pardos e pretos (3,7% acima do esperado para a amostra); tronco (73,4% dos locais anatômicos afetados). Lesões em locais raros (virilha, genitálias, pernas, pés e mãos) também foram observadas no estudo. Em conclusão, devido à diminuição da prevalência de pitiríase versicolor, estudos epidemiológicos de longo prazo são necessários para continuar o monitoramento da doença na região metropolitana de Porto Alegre, Brasil.
Descritores: Tinha Versicolor/epidemiologia
-Brasil/epidemiologia
Estudos Transversais
Prevalência
Estudos Retrospectivos
Distribuição por Sexo
População Urbana
Limites: Humanos
Masculino
Feminino
Recém-Nascido
Lactente
Pré-Escolar
Criança
Adolescente
Adulto
Pessoa de Meia-Idade
Idoso
Idoso de 80 Anos ou mais
Adulto Jovem
Tipo de Publ: Research Support, Non-U.S. Gov't
Responsável: BR1.1 - BIREME


  3 / 28869 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: lil-761162
Autor: TELES, Carolina Bioni Garcia; MEDEIROS, Jansen Fernandes; SANTOS, Ana Paula de Azevedo dos; FREITAS, Luís Antônio Rodrigues de; KATSURAGAWA, Tony Hiroshi; CANTANHÊDE, Lilian Motta; FERREIRA, Ricardo de Godoi Mattos; CAMARG, Luís Marcelo Aranha.
Título: Molecular charaterization of american cutaneou leishmaniasis in the tri-border border area of Assis Brasil, Acre State, Brazil / Caracterização molecular da leishmaniose tegumentar americana em área de tríplice fronteira, Assis Brasil, Estado do Acre,Brasil
Fonte: Rev. Inst. Med. Trop. Säo Paulo;57(4):343-347, July-Aug. 2015. tab, ilus.
Idioma: en.
Projeto: Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo.
Resumo: SUMMARYIn this study, Leishmaniaspecies were identified by Polymerase Chain Reaction (PCR). The epidemiology of patients suspected of having American Cutaneous Leishmaniasis in the municipality of Assis Brasil, Acre State, located in the Brazil/Peru/Bolivia triborder was also investigated. By PCR, the DNA of Leishmaniawas detected in 100% of the cases (37 samples) and a PCR-Restriction Fragment Length Polymorphism (RFLP) of the hsp 70gene identified the species in 32 samples: Leishmania (Viannia) braziliensis (65.6%) , L. (V.) shawi (28.1%) , L. (V.) guyanensis (3.1%) and mixed infection L. (V.) guyanensisand L. (Leishmania) amazonensis(3.1%)This is the first report of L. (V.) shawiand L. (L.) amazonensisin Acre. The two predominant species were found in patients living in urban and rural areas. Most cases were found in males living in rural areas for at least three years and involved in rural work. This suggests, in most cases, a possible transmission of the disease from a rural/forest source, although some patients had not engaged in activities associated with permanence in forestall areas, which indicate a possible sandflies adaptation to the periurban setting.

RESUMOO presente estudo caracterizou as espécies de Leishmaniapela Reação em Cadeia da Polimerase (PCR). Também descreveu os aspectos epidemiológicos de pacientes com suspeita de leishmaniose tegumentar americana do município de Assis Brasil, Estado do Acre, Brasil, localizado na tríplice fronteira Brasil/Peru/Bolívia. A PCR detectou DNA de Leishmaniaem 100% dos casos (37 amostras) e a PCR- Restriction Fragment Length Polymorfism(RFLP) do gene hsp 70identificou as espécies em 32 amostras: Leishmania (Viannia) braziliensis (65,6%) , L. (V.) shawi (28,1%) , L. (V.) guyanensis (3,1%) e infecção mista L. (V.) guyanensise L. (Leishmania) amazonensis(3,1%)Esse é o primeiro registro de L. (V.) shawie L. (L.) amazonensisno Acre. As duas espécies predominantes foram encontradas em indivíduos residentes em áreas rurais e urbanas. O maior número de casos foi notificado entre indivíduos de áreas rurais, sexo masculino, de ocupação rural e tempo de residência maior que três anos. Esses dados sugerem possível transmissão da doença em ambiente rural/florestal na maioria dos casos, no entanto alguns pacientes não tinham envolvimento com atividades relacionadas com a permanência na floresta, indicando possível adaptação de flebotomíneos no ambiente periurbano.
Descritores: Leishmania/classificação
Leishmaniose Cutânea/parasitologia
Leishmaniose Mucocutânea/parasitologia
-Brasil/epidemiologia
Leishmania/genética
Leishmania/isolamento & purificação
Leishmaniose Cutânea/diagnóstico
Leishmaniose Cutânea/epidemiologia
Leishmaniose Mucocutânea/diagnóstico
Leishmaniose Mucocutânea/epidemiologia
Reação em Cadeia da Polimerase
Polimorfismo de Fragmento de Restrição
Fatores de Risco
População Rural
População Urbana
Limites: Humanos
Animais
Masculino
Feminino
Recém-Nascido
Lactente
Pré-Escolar
Criança
Adolescente
Adulto
Adulto Jovem
Tipo de Publ: Research Support, Non-U.S. Gov't
Responsável: BR1.1 - BIREME


  4 / 28869 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: lil-736362
Autor: Silveira, Lindon Johoson Diniz; Rocha, Thiago José Matos; Ribeiro, Sandra Aparecida; Pedrosa, Célia Maria Silva.
Título: Historical seriss of patients with visceral leihmaniasis treated with megluminne antimoniate in a hospital for tropical diseases, Maceió-AL, Brazil / Série histórica dos pacientes com leishmaniose visceral tratados com antimoniato de meglumina em hospital de Doenças Tropicais, Maceió-AL, Brasil
Fonte: Rev. Inst. Med. Trop. Säo Paulo;57(1):33-38, Jan-Feb/2015. tab, graf.
Idioma: en.
Resumo: Introduction: Visceral leishmaniasis is an endemic protozoan found in Brazil. It is characterized by fever, pallor, hepatosplenomegaly, lymphadenopathy, and progressive weakness in the patient. It may lead to death if untreated. The drug of choice for treatment is meglumine antimoniate (Glucantime®). The aim of this study was to evaluate patients with visceral leishmaniasis according to criteria used for diagnosis, possible reactions to Glucantime® and blood pressure measured before and after treatment. Methods: 89 patients admitted to the Teaching Hospital Dr. Hélvio Auto (HEHA) in Maceió-AL, in the period from May 2006 to December 2009 were evaluated. Data were collected on age, sex, origin, method of diagnosis, adverse effects of drugs, duration of hospitalization, duration of treatment and dosage up to the onset of adverse effects. Results: There was a predominance of child male patients, aged between one and five years old, from the interior of the State of Alagoas. Parasitological diagnosis was made by bone marrow aspirate; three (3.37%) patients died, 12 (13.48%) had adverse reactions and treatment was changed to amphotericin B, and 74 (83.14%) were cured. Changes that led to replacing Glucantime® were persistent fever, jaundice, rash, bleeding and cyanosis. Conclusion: During the study, 89 patients hospitalized for VL were analyzed: 74 were healed, 12 were replaced by amphotericin B treatment and three died. Most of them were under five years old, male and came from the interior. The dosage and duration of treatment with Glucantime® were consistent with that advocated by the Ministry of Health. Persistence of fever, jaundice, rash, cyanosis and bleeding were the reactions that led the physician to modify treatment. No change was observed in blood pressure before and after treatment. This study demonstrated the work of a hospital, a reference in the treatment of leishmaniasis, which has many patients demanding its services in this area. It demonstrates that this disease is still important today, and needs to be addressed properly to prevent injury and death due to the disease.

A Leishmaniose visceral é doença infecciosa causada por protozoários das espécies chagasi e donovani sendo transmitida pela picada de insetos fêmea dos gêneros Lutzomyia e Phlebotomos. Constitui doença febril, determinando amplo aspecto de manifestações clínicas e prognóstico variável, que pode levar à morte se não for tratada. É doença endêmica encontrada no Brasil e nos últimos anos verificou-se intenso processo de urbanização da endemia e aumento da letalidade por leishmaniose visceral. O estudo teve como objetivo avaliar pacientes com leishmaniose visceral de acordo com os critérios utilizados para o diagnóstico, possíveis reações ao Glucantime® e pressão arterial, medidos antes e após o tratamento. Métodos: Foram avaliados 89 pacientes internados no Hospital Universitário Dr. Hélvio Auto (HEHA), em Maceió-AL, no período de maio de 2006 a dezembro de 2009. Foram coletados dados sobre idade, sexo, origem, método de diagnóstico, efeitos adversos da droga, duração da hospitalização, duração do tratamento e dose até o aparecimento de efeitos adversos. Resultados: Houve predomínio de crianças do sexo masculino, com idade entre um e cinco anos, a partir do interior do Estado de Alagoas. O diagnóstico parasitológico foi feito pelo aspirado de medula óssea, três (3,37%) pacientes morreram, 12 (13,48 %) apresentaram reações adversas e o tratamento foi alterado para anfotericina B, e 74 (83,14 %) foram curados. As alterações que levaram à substituição de Glucantime® foi febre persistente. A dosagem e duração do tratamento com Glucantime® foi seguido como preconizado pelo Ministério da Saúde. A persistência de febre, icterícia, prurido, cianose e sangramento foram as reações que levaram o médico a modificar o tratamento. Nenhuma mudança foi observada na pressão arterial antes e após o tratamento. O estudo realizado demonstrou o perfil de um Hospital, que recebe grande demanda de casos de leishmaniose visceral. Isso demonstra que essa doença continua sendo importante na atualidade, precisando ser abordada de maneira adequada, evitando assim agravos e mortes pela doença.
Descritores: Anfotericina B/uso terapêutico
Antiprotozoários/uso terapêutico
Leishmaniose Visceral/tratamento farmacológico
Meglumina/uso terapêutico
Compostos Organometálicos/uso terapêutico
-Anfotericina B/efeitos adversos
Antiprotozoários/efeitos adversos
Brasil
Estudos Transversais
Meglumina/efeitos adversos
Compostos Organometálicos/efeitos adversos
Resultado do Tratamento
Limites: Humanos
Masculino
Feminino
Lactente
Pré-Escolar
Criança
Adolescente
Adulto
Pessoa de Meia-Idade
Idoso
Adulto Jovem
Responsável: BR1.1 - BIREME


  5 / 28869 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Lemos, Marcílio Figueiredo
Moreira, Regina Celia
Texto completo
Id: lil-772614
Autor: Santos, Ana Paula de Torres; Levi, José Eduardo; Lemos, Marcilio Figueiredo; Calux, Samira Julien; Oba, Isabel Takano; Moreira, Regina Célia.
Título: An in-house real-time polymerase chain reaction: standardisation and comparison with the Cobas Amplicor HBV monitor and Cobas AmpliPrep/Cobas TaqMan HBV tests for the quantification of hepatitis B virus DNA
Fonte: Mem. Inst. Oswaldo Cruz;111(2):134-140, Feb. 2016. tab, graf.
Idioma: en.
Projeto: FAPESP.
Resumo: This study aimed to standardise an in-house real-time polymerase chain reaction (rtPCR) to allow quantification of hepatitis B virus (HBV) DNA in serum or plasma samples, and to compare this method with two commercial assays, the Cobas Amplicor HBV monitor and the Cobas AmpliPrep/Cobas TaqMan HBV test. Samples from 397 patients from the state of São Paulo were analysed by all three methods. Fifty-two samples were from patients who were human immunodeficiency virus and hepatitis C virus positive, but HBV negative. Genotypes were characterised, and the viral load was measure in each sample. The in-house rtPCR showed an excellent success rate compared with commercial tests; inter-assay and intra-assay coefficients correlated with commercial tests (r = 0.96 and r = 0.913, p < 0.001) and the in-house test showed no genotype-dependent differences in detection and quantification rates. The in-house assay tested in this study could be used for screening and quantifying HBV DNA in order to monitor patients during therapy.
Descritores: DNA Viral/isolamento & purificação
Técnicas de Genotipagem/normas
Vírus da Hepatite B/isolamento & purificação
Hepatite B Crônica/diagnóstico
Técnicas de Diagnóstico Molecular
Reação em Cadeia da Polimerase em Tempo Real/normas
-Primers do DNA/normas
Estudos de Avaliação como Assunto
Genótipo
Soropositividade para HIV/sangue
Soropositividade para HIV/diagnóstico
Vírus da Hepatite B/genética
Hepatite B Crônica/sangue
Hepatite C/sangue
Hepatite C/diagnóstico
Invenções/normas
Técnicas de Diagnóstico Molecular/instrumentação
Técnicas de Diagnóstico Molecular/métodos
Sensibilidade e Especificidade
Carga Viral
Limites: Humanos
Masculino
Feminino
Lactente
Pré-Escolar
Criança
Adolescente
Adulto
Pessoa de Meia-Idade
Idoso
Idoso de 80 Anos ou mais
Adulto Jovem
Tipo de Publ: Research Support, Non-U.S. Gov't
Estudo Comparativo
Responsável: BR1.1 - BIREME


  6 / 28869 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Zanella, Rosemeire Cobo
Brandileone, Maria Cristina de Cunto
Brandäo, Angela Pires
Texto completo
Texto completo
Id: lil-763097
Autor: Zanella, Rosemeire Cobo; Brandileone, Maria Cristina de Cunto; Andrade, Ana Lúcia; Ogassavara, Cinthya Terumi; Fiório, Cleiton Eduardo; Brandão, Angela Pires; Almeida, Samanta Cristine Grassi; Lemos, Ana Paula Silva; Gorla, Maria Cecília; Carvalhanas, Telma Regina; Sato, Helena; Liphaus, Bernadete; Nerger, Maria Lígia; Conde, Monica; Ribeiro, Ana Freitas.
Título: Evaluation of Haemophilus influenzae type b carrier status among children 10 years after the introduction of Hib vaccine in Brazil
Fonte: Mem. Inst. Oswaldo Cruz;110(6):755-759, Sept. 2015. tab.
Idioma: en.
Projeto: MCCB; . ALA.
Resumo: The aim of the present study was to assess the prevalence of Haemophilus influenzaetype b (Hib) nasopharyngeal (NP) colonisation among healthy children where Hib vaccination using a 3p+0 dosing schedule has been routinely administered for 10 years with sustained coverage (> 90%). NP swabs were collected from 2,558 children who had received the Hib vaccine, of whom 1,379 were 12-< 24 months (m) old and 1,179 were 48-< 60 m old. Hi strains were identified by molecular methods. Hi carriage prevalence was 45.1% (1,153/2,558) and the prevalence in the 12-< 24 m and 48-< 60 m age groups were 37.5% (517/1,379) and 53.9% (636/1,179), respectively. Hib was identified in 0.6% (16/2,558) of all children in the study, being 0.8% (11/1,379) and 0.4% (5/1,179) among the 12-< 24 m and 48-< 60 m age groups, respectively. The nonencapsulate Hi colonisation was 43% (n = 1,099) and was significantly more frequent at 48-< 60 m of age (51.6%, n = 608) compared with that at 12-< 24 m of age (35.6%, n = 491). The overall resistance rates to ampicillin and chloramphenicol were 16.5% and 3.7%, respectively; the co-resistance was detected in 2.6%. Our findings showed that the Hib carrier rate in healthy children under five years was very low after 10 years of the introduction of the Hib vaccine.
Descritores: Portador Sadio/imunologia
Infecções por Haemophilus/prevenção & controle
Vacinas Anti-Haemophilus/uso terapêutico
Haemophilus influenzae tipo b/imunologia
Nasofaringe/microbiologia
-Resistência a Ampicilina/imunologia
Cápsulas Bacterianas/imunologia
Brasil/epidemiologia
Portador Sadio/microbiologia
Resistência ao Cloranfenicol/imunologia
Estudos Transversais
Infecções por Haemophilus/epidemiologia
Haemophilus influenzae tipo b/classificação
Esquemas de Imunização
Vacinação em Massa
Testes de Sensibilidade Microbiana
Reação em Cadeia da Polimerase
Prevalência
Inquéritos e Questionários
Limites: Humanos
Lactente
Pré-Escolar
Tipo de Publ: Research Support, Non-U.S. Gov't
Estudo de Avaliação
Responsável: BR1.1 - BIREME


  7 / 28869 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Texto completo
Texto completo
Id: lil-735644
Autor: Assis, Felipe Artur Gomes de; Pinto, Maria Benegelania; Santos, Nathanielly Cristina Carvalho de Brito; Torquato, Isolda Maria Barros; Pimenta, Erika Acioli Gomes.
Título: A família da criança com necessidades especiais de saúde: o processo de enfrentamento e adaptação / Family child with special needs of health: the process of coping and adaptation / Niño familia con necesidades especiales de salud: el proceso de enfrentamiento y adaptación
Fonte: Ciênc. cuid. saúde;12(4):736-743, out.-dez. 2013. tab.
Idioma: pt.
Resumo: O estudo objetivou conhecer como se dá o processo de enfrentamento e de adaptação da família no cuidado à criança deficiente com necessidades especiais de saúde, a fim de contribuir para a elaboração de possíveis estratégias que facilitem o processo. Pesquisa descritiva de natureza qualitativa, realizada nas Unidades de Saúde da Família de uma cidade no interior da Paraíba. Os dados foram coletados nos meses de Março e Abril de 2012, por meio de entrevista aberta com oito mães de crianças com idade entre 1 ano e 11 meses e 10 anos de idade, com deficiências físicas auditivas e múltiplas com necessidades especiais. Para análise, seguiu-se à metodologia do Discurso do Sujeito Coletivo. As mães demonstraram um difícil e solitário enfrentamento e adaptação à realidade de cuidar de uma criança com necessidades especiais de saúde por não disporem do apoio necessário. Assim, faz-se imprescindível a existência de redes de apoio ao binômio criança-família como subsídio de enfrentamento.

The study aimed to know how to get the process of coping and adaptation of the family in the care of the disabled child with special health care needs, in order to contribute the development of possible strategies to facilitate the process. Descriptive research of qualitative nature, held in Family Health Units from a city of Paraíba interior. The data were collected in the months of March and April 2012, through open interview with eight mothers of children aged 1 year and 11 months and 10 years of age with auditory disabilities and multiple special needs. For analysis followed the methodology of the Collective Subject Discourse. Mothers demonstrated a hard and lonely coping and adaptation to the reality of caring for a child with special health needs for lack of necessary support. Thus, it is essential to the existence of support networks for the binomial-child family as coping allowance.

El estudio tuvo como objetivo conocer cómo ocurre el proceso de enfrentamiento y adaptación de la familia en el cuidado al niño discapacitado con necesidades especiales de salud, con el fin de contribuir para la elaboración de posibles estrategias que faciliten el proceso. Investigación descriptiva de naturaleza cualitativa, realizada en las Unidades de Salud de la Familia de una ciudad del interior de Paraíba. Los datos fueron recolectados en los meses de Marzo y Abril de 2012, a través de entrevista abierta con ocho madres de niños con edad entre 1 año y 11 meses y 10 años de edad, con discapacidades físicas auditivas y múltiples con necesidades especiales. Para el análisis, se siguió la metodología del Discurso del Sujeto Colectivo. Las madres demostraron un difícil y solitario enfrentamiento y adaptación a la realidad de cuidar a un niño con necesidades especiales de salud por no disponer del apoyo necesario. De esta manera, es imprescindible la existencia de redes de apoyo al binomio niño-familia como auxilio de enfrentamiento.
Descritores: Enfermagem Pediátrica
Adaptação Psicológica
Cuidado da Criança
Crianças com Deficiência
Limites: Humanos
Feminino
Recém-Nascido
Lactente
Adulto
Responsável: BR21.1 - Biblioteca J Baeta Vianna- Campus Saúde UFMG


  8 / 28869 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Texto completo
Texto completo
Id: lil-735646
Autor: Fernandes, Claudiane Amaro; Vieira, Viviane Cazetta de Lima; Scochi, Maria José.
Título: Mortalidade infantil e classificação de evitabilidade: pesquisando municípios da 15 Regional de Saúde Paraná / Infant mortality and avoidance classification: researching cities of the 15 Parana Health Regional / Mortalidad infantil y clasificación de evitación: investigando los municipios de la 15ª Regional de Salud Paraná
Fonte: Ciênc. cuid. saúde;12(4):752-759, out.-dez. 2013. graf, tab.
Idioma: pt.
Resumo: Este estudo avaliou o perfil da mortalidade infantil e a evitabilidade dos óbitos de crianças menores de um ano dos municípios da 15ª Regional de Saúde. Foram investigados 74 óbitos de crianças no ano de 2008, em 15 municípios da 15a Regional de Saúde do Estado do Paraná. Foram coletados dados dos registros do comitê de prevenção do óbito infantil e fetal, estes contabilizados por meio de frequência e porcentagens simples e apresentados na forma de tabela. Dos 74 óbitos investigados, 51 (69%) foram neonatais e 23 (31%) pós-neonatais, com destaque para os municípios com menos de 20 mil habitantes, onde a mortalidade neonatal ocorreu em maior percentual com 82%. Quanto à evitabilidade dos óbitos, 82%, poderiam ser evitados, com percentual maior nos municípios acima de 50 mil habitantes. As causas de morte encontradas foram relacionadas ao período perinatal e as malformações congênitas. Segundo as medidas de evitabilidade, em 30 (40,5%) dos óbitos assim classificados, as mais encontradas foram às relacionadas com atenção à mulher na gestação. As medidas mais indicadas pelo comitê foram as de promoção de saúde e prevenção primária, 84(34%) das recomendações, com destaque para ações de educação em saúde, avaliação do risco gestacional e planejamento familiar.

The objective of this study was to evaluate the profile of infant mortality and avoidable deaths of children under one year old in the municipalities of the 15th Regional Health. There were investigated 74 deaths of children in 2008, in 15 cities of the 15th Heath Regional of the Paraná State. The data were collected from the records of the infant and fetal death prevention committee; these accounted for by means of frequency and simple percentages and presented in the form of table. Of the 74 investigated deaths, 51(69%) were neonatal and 23 (31%) were post-neonatal, highlighting the cities with less than 20 thousand inhabitants, where the neonatal mortality occurred in higher percentage, with 82%. Regarding the death avoidance, 82% could have been avoided, with higher percentage in cities with more than 50 thousand inhabitants. The causes of death found were related to the perinatal period and congenital malformations. According to the avoidance measures, in 30 (40,5%) of the classified deaths, the causes most found were those related to the attention provided to the pregnant woman. The main measures indicated by the committee were the promotion of health and primary prevention, 84 (34%) of the recommendations, highlighting actions towards health education, evaluation of gestational risk and family planning.

El objetivo de este estudio fue evaluar el perfil de la mortalidad infantil y la evitabilidad de los óbitos de niños menores de un año en los municipios de la 15ª Regional de Salud. Fueron investigados 74 óbitos de niños en el año de 2008, en 15 ciudades de la 15a Regional de Salud del Estado de Paraná. Fueron recolectados datos de los registros del comité de prevención del óbito infantil y fetal; éstos contabilizados por medio de frecuencia y porcentajes simples y presentados en la forma de tabla. De los 74 óbitos investigados, 51 (69%) fueron neonatales y 23 (31%) post neonatales, resaltando las ciudades con menos de 20 mil habitantes, donde la mortalidad neonatal ocurrió en mayor porcentaje, con 82%. En cuanto a la evitabilidad de los óbitos, 82% podrían ser evitados, con porcentaje mayor en las ciudades con más de 50 mil habitantes. Las causas de muerte encontradas fueron relacionadas al periodo perinatal y a las malformaciones congénitas. De acuerdo con las medidas de evitabilidad, en 30 (40,5%) de los óbitos así clasificados, las más encontradas fueron las relacionadas con la atención a la mujer embarazada. Las medidas más indicadas por el comité fueron las de promoción a la salud y prevención primaria, 84 (34%) de las recomendaciones, con destaque para las acciones de educación en salud, evaluación del riesgo gestacional y planificación familiar.
Descritores: Atenção Primária à Saúde
Avaliação em Saúde
Mortalidade Infantil
Limites: Humanos
Lactente
Responsável: BR21.1 - Biblioteca J Baeta Vianna- Campus Saúde UFMG


  9 / 28869 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Texto completo
Id: lil-765523
Autor: Herrera-Toro, Natalia; Gómez-Gil, Jean Paul.
Título: Fibrohistiocitoma profundo benigno peritoneal en un niño de 14 meses de edad. Reporte del caso / Deep benign fibrous peritoneal histiocytoma in a 14 month-old child. Case report / Fibrohistiocitoma profundo benigno peritoneal numa criança de 14 meses de idade. Reporte do caso
Fonte: Iatreia;28(4):443-448, oct.-dic. 2015. ilus, tab.
Idioma: es.
Resumo: El fibrohistiocitoma benigno es un tumor raro en niños y más frecuente en adultos, que afecta principalmente la piel de las extremidades; su tamaño es usualmente pequeño. Según datos de la Organización Mundial de la Salud, menos del 1 % de los fibrohistiocitomas benignos son profundos. No se ha informado previamente su presencia en el peritoneo de niños. Por su gran interés, presentamos el caso de un niño de 14 meses con fibrohistiocitoma benigno peritoneal irresecable.

Benign fibrous histiocytoma is very rare in children, and more frequent in adults. It is commonly found in the skin, especially in the limbs. Usually it is small. According to the World Health Organization, less than 1 % of benign fibrous histiocytomas are found in deep tissues. Peritoneal location of this kind of tumor has not been previously reported in children. Due to its great interest, we report the case of a 14 month-old male with a peritoneal benign fibrous histiocytoma. No resection of the lesion was feasible.

O fibrohistiocitoma benigno é raro em crianças e mais frequente em adultos. Afeta mais a pele das extremidades e seu tamanho é pequeno. Segundo dados da Organização Mundial da Saúde, menos de 1 % dos fibrohistiocitomas benignos são profundos. Não se informou previamente sua presença no peritônio de crianças. Por seu grande interesse, apresentamos o caso de uma criança de 14 meses com fibrohistiocitoma benigno peritoneal irressecável.
Descritores: Peritônio
Histiocitoma Fibroso Benigno
-Neoplasias
Limites: Lactente
Tipo de Publ: Relatos de Casos
Responsável: CO332 - Facultad de Medicina


  10 / 28869 LILACS  
              first record previous record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Texto completo
Id: lil-765524
Autor: Sepúlveda-Otálvaro, Cristian; Morales-Múnera, Olga Lucía; Palacio-Petri, Silvia.
Título: Tuberculosis multisistémica: una forma inusual de presentación / Multisystemic tuberculosis: An unusual form of presentation / Tuberculose multisistêmica: uma forma infrequente de apresentação
Fonte: Iatreia;28(4):449-455, oct.-dic. 2015. ilus, tab.
Idioma: es.
Resumo: En todo el mundo la tuberculosis continúa siendo una causa inaceptablemente alta de enfermedad y muerte en los niños. Ellos son particularmente vulnerables a la enfermedad diseminada y grave. Los dos principales factores de riesgo para su progresión son el estado inmunológico y la edad: con mayor frecuencia se afectan los neonatos y lactantes. La enfermedad diseminada, que a menudo es consecuencia de una primoinfección en la infancia, puede ser fatal o dejar secuelas permanentes. El tratamiento apropiado mejora la supervivencia y reduce la mortalidad a largo plazo. Por la importancia de esta forma de presentación de la TB en niños y por el bajo índice de sospecha, describimos el caso de una lactante indígena colombiana con enfermedad tuberculosa extensa, y discutimos acerca de los factores de riesgo y las manifestaciones clínicas de la tuberculosis diseminada en esta población.

Worldwide, tuberculosis is still an important cause of illness and death among children. They are particularly vulnerable to this disease when it is disseminated and severe. The two main risk factors for the progression of the disease are age and the immune status; neonates and infants are most frequently affected. Disseminated disease is often the result of a primary infection in childhood and may be fatal or leave permanent sequelae. Proper treatment improves survival and reduces long-term mortality. Given the importance of this type of tuberculosis in children, and the low index of suspicion, the description of clinical cases is important in order to get a better understanding of its mechanisms. We report the case of a Colombian indigenous infant with an extensive tuberculosis; risk factors and clinical manifestations of disseminated tuberculosis in this population are discussed.

Em todo mundo a tuberculose continua sendo uma causa inaceitavelmente alta de doença e morte nos meninos. Eles são particularmente vulneráveis à doença disseminada e grave. Os dois principais fatores de risco para sua progressão são o estado imunológico e a idade: com maior frequência se afetam os neonatos e lactantes. A doença disseminada, que com frequência é consequência de uma primo-infeção na infância, pode ser fatal ou deixar sequelas permanentes. O tratamento apropriado melhora a sobrevivência e reduz a mortalidade a longo prazo. Pela importância desta forma de apresentação da TB em meninos e pelo baixo índice de suspeita, descrevemos o caso de uma lactente indígena colombiana com doença tuberculosa extensa, e discutimos a respeito dos fatores de risco e as manifestações clínicas da tuberculose disseminada nesta população.
Descritores: Sinais e Sintomas
Tuberculose
Antituberculosos
Limites: Feminino
Lactente
Tipo de Publ: Relatos de Casos
Responsável: CO332 - Facultad de Medicina



página 1 de 2887 ir para página                         
   


Refinar a pesquisa
  Base de dados : Formulário avançado   

    Pesquisar no campo  
1  
2
3
 
           



Search engine: iAH v2.6 powered by WWWISIS

BIREME/OPAS/OMS - Centro Latino-Americano e do Caribe de Informação em Ciências da Saúde