Base de dados : LILACS
Pesquisa : M01.150.750 [Categoria DeCS]
Referências encontradas : 232 [refinar]
Mostrando: 1 .. 10   no formato [Detalhado]

página 1 de 24 ir para página                         

  1 / 232 LILACS  
              next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: biblio-1133524
Autor: Guijo, Laura Mochiatti; Programa de Pós-graduação em Ciências OtorrinolaringológicasHoriuti, Mirella Boaglio; Departamento de FonoaudiologiaCardoso, Ana Cláudia Vieira.
Título: Validação de conteúdo de um instrumento para mensuração do esforço auditivo / Content validation of an instrument to measure listening effort
Fonte: CoDAS;32(5):e20180272, 2020. tab.
Idioma: pt.
Resumo: RESUMO Objetivo: Validar o conteúdo de um instrumento para mensuração do esforço auditivo para indivíduos com perda auditiva. Método: Trata-se de um estudo de validação, desenvolvido em duas fases, sendo a fase 1 o planejamento e desenvolvimento da primeira versão do instrumento e a fase 2 a investigação das evidências de validade baseadas no conteúdo do instrumento e desenvolvimento da versão final para mensuração de esforço auditivo. Participaram dez profissionais com expertise na área audiológica, com mais de cinco anos de experiência. O instrumento a ser validado foi composto por três partes: I - "percepção de fala de logatomas e esforço auditivo"; II - "esforço auditivo e memória operacional"; e III - "percepção de sentenças sem sentido e memória operacional", apresentadas de forma monoaural no silêncio e nas relações sinal-ruído +5dB, 0dB e -5dB. Foi realizada a análise descritiva das sugestões do comitê de fonoaudiólogos e do índice de validade de conteúdo individual e total. Resultados: Os resultados mostraram que as partes I e III do instrumento proposto atingiram o índice de validade de conteúdo total acima de 0,78, ou seja, os itens apresentados não necessitaram de modificações em seu constructo. Conclusão: As evidências de validade estudadas permitiram relevantes modificações e tornaram esse instrumento adequado ao seu constructo.

ABSTRACT Purpose: To validate the content of an instrument to measure listening effort for hearing-impaired individuals. Method: This is a validation study, developed in two stages, which the Stage 1 is the planning and development of the first version of the instrument, and Stage 2 the investigation of the evidences of validity based on the content and development of the final version of the instrument to measure listening effort. Ten professionals with expertise in the field of audiology, with more than five years of clinical experience participated in this study. The instrument to be validated was composed of three parts: I - "speech perception of logatomes and listening effort"; II - "listening effort and working memory" and; III - "speech perception of meaningless sentences and working memory" and they were presented monoaurally, in quiet and in the signal-to-noise ratios + 5dB, 0dB and -5dB. It was conducted a descriptive analysis regarding the suggestions of the committee judge audiologists and the analysis of the individual and scale content validity index. Results: The results showed that parts I and III which constitute the proposed instrument reached a scale content validity index above 0.78, which means that the presented items did not need modification in their construct. Conclusion: The evidences of validity studied allowed relevant modifications and made this instrument adequate to its construct.
Descritores: Percepção da Fala
Pessoas com Deficiência Auditiva
-Percepção Auditiva
Razão Sinal-Ruído
Memória de Curto Prazo
Limites: Humanos
Responsável: BR1.1 - BIREME


  2 / 232 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: biblio-1133506
Autor: Delgado-Pinheiro, Eliane Maria Carrit; Bonbonati, Jéssica Caroline; Santos, Flávia Rodrigues dos; Fabron, Eliana Maria Gradim.
Título: Voz de crianças e adolescentes deficientes auditivos e pares ouvintes: influência da percepção auditiva da fala na produção vocal / Voice of hearing impaired children and adolescents and hearing peers: influence of speech auditory perception on vocal production
Fonte: CoDAS;32(4):e20180227, 2020. tab.
Idioma: pt.
Projeto: FAPESP.
Resumo: RESUMO Objetivo: Comparar os resultados acústicos e perceptivo-auditivos da voz de crianças e adolescentes deficientes auditivos com pares ouvintes e correlacionar estes resultados com o relato dos pais em relação à percepção auditiva da fala. Método: Os participantes foram divididos em dois grupos: grupo I, 20 crianças e adolescentes deficientes auditivos, e grupo II, 20 crianças e adolescentes ouvintes. Foi realizada análise acústica da vogal /a/ e avaliação perceptivo-uditiva da vogal /a/ e da fala. A percepção auditiva do GI foi avaliada utilizando a Escala de Integração Auditiva Significativa para Crianças Pequenas e a Escala de Integração Auditiva Significativa, com adaptação para participantes adolescentes. Os resultados acústicos e perceptivo-auditivos da voz de GI e GII foram comparados e, para o GI, estes resultados foram correlacionados com o desempenho na percepção auditiva. Resultados: Os grupos I e II apresentaram resultados similares, diferenciando-se estatisticamente nos parâmetros variação da frequência fundamental (vF0) e variação da amplitude (vAm) da vogal /a/ e ressonância da fala. Houve correlação negativa entre o desempenho na percepção auditiva com os parâmetros de jitter, vF0 e grau geral da vogal /a/. Conclusão: A qualidade vocal do GI foi semelhante em praticamente todos os parâmetros vocais analisados a dos seus pares ouvintes (G2). A percepção auditiva influenciou os parâmetros jitter, vF0 e grau geral do impacto da voz, em que crianças e adolescentes deficientes auditivos que apresentaram maiores escores para a percepção auditiva também foram capazes de manter a emissão vocal mais equilibrada.

ABSTRACT Purpose: To compare the acoustic and perceptual-auditory results of the hearing impaired children and adolescents with hearing pairs and to correlate these results with parents' reports regarding speech auditory perception. Method: The participants were divided into two groups: Group I, 20 hearing-impaired children and adolescents and Group II, 20 children and adolescents with normal hearing. Acoustic analysis of the vowel /a/ and perceptual-auditory assessment of the vowel /a/ and speech were performed. The speech auditory perception of the GI was assessed using the Infant-Toddler Meaningful Auditory Integration Scale and the Meaningful Auditory Integration Scale with adaptation for adolescent participants. The acoustic and perceptual-auditory voice results of the GI and GII were compared and these results were correlated with the performance in the auditory perception of the GI group. Results: The groups I and II presented similar results, differing statistically in the long-term frequency variation (vF0) and the long-term amplitude variation (vAm) parameters of the vowel /a/ and speech resonance parameter. It was found a negative correlation between auditory perception performance with jitter, vF0 and general degree of vowel /a/. Conclusion: The vocal quality in GI was similar to their hearing peers in almost all the vocal parameters that were analyzed. The auditory perception influenced jitter, vF0 and general degree of voice parameters, in which hearing-impaired children and adolescents who presented higher scores for auditory perception were also able to keep a more controlled vocal emission.
Descritores: Percepção Auditiva/fisiologia
Acústica da Fala
Percepção da Fala
Voz
Pessoas com Deficiência Auditiva/estatística & dados numéricos
-Fala
Limites: Humanos
Pré-Escolar
Adolescente
Responsável: BR1.1 - BIREME


  3 / 232 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: biblio-1249596
Autor: Moura, Maria Cecília de; Begrow, Desirée De Vit; Chaves, Adriana Di Donato; Azoni, Cíntia Alves Salgado.
Título: Fonoaudiologia, língua de sinais e bilinguismo para surdos / Language therapy, sign language and bilingualism for the deaf
Fonte: CoDAS;33(1):e20200248, 2021.
Idioma: pt.
Descritores: Multilinguismo
Pessoas com Deficiência Auditiva
Surdez
-Línguas de Sinais
Terapia da Linguagem
Limites: Humanos
Tipo de Publ: Editorial
Responsável: BR1.1 - BIREME


  4 / 232 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Id: biblio-1319276
Autor: Velasquez Sempertegui, Teodora Aida.
Título: integracion del niño sordo en el nivel primario de la escuela regular: diseño de un programa de capacitacion para maestros integradores de sordos / sss.
Fonte: Cochabamba; s.n; 2001. 142 p.
Idioma: es.
Tese: Apresentada a Universidad Mayor de San Simon. Facultad de Humanidades y Ciencias de la Informacion para obtenção do grau de Maestria en Educacion Especial.
Resumo: Las personas con discapidad auditiva (sordos) hasta antes de los años 60 habian sido marginados de la educacion regular, recibiendo su educacion formal en instituciones educativas especiales. La investigacion comprende una fase teorica y otra practica cuya interpretacion valorativa de los resultados del diagnostico permite afirmar que la educacion del sordo en las escuelas regulares se ve disminuida en cuanto a calidad ya que los actores como la familia, los profesores y el sistema regular tienen poca participacion en el proceso de eneseñanza-aprendizaje del niño sordo, siendo una de las consecuencias el marginamiento de este. Ante esta situacion se propone un modelo de capacitacion para maestros de aula integradores de sordos, cuyas areas son: comunicacion-lenguaje, biopsicofamiliar y didactica. Este modelo permitira atender de manera pertinenete el proceso enseñanza aprendizaje del sordo en el marco de la escuela regular...
Descritores: Educação Especial
Crianças com Deficiência
Pessoas com Deficiência Auditiva
Responsável: BO134.1 - Biblioteca
00646 HUM.P4026


  5 / 232 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: biblio-1287871
Autor: Programa de Pós-Graduação em Ciências FonoaudiológicasRezende, Regiane Ferreira; Programa de Pós-Graduação em Ciências FonoaudiológicasGuerra, Leonor Bezerra; Programa de Pós-Graduação em Ciências FonoaudiológicasCarvalho, Sirley Alves da Silva.
Título: The perspective of deaf patients on health care / A perspectiva do paciente surdo acerca do atendimento à saúde
Fonte: Rev. CEFAC;23(2):e0620, 2021. tab, graf.
Idioma: en.
Resumo: ABSTRACT Purpose: to learn the deaf people's perspective on the improvements needed in this population's health care. Methods: an observational, cross-sectional study conducted with 124 deaf people who answered a semi-structured questionnaire to characterize the sample (age, sex, and means of communication) and collect answers to the open question: "Do you have any suggestion to improve the health care for the deaf?" - which was answered either in writing or in the Brazilian Sign Language (Libras). A descriptive analysis was conducted to characterize the sample, as well as a quantitative and qualitative content analysis (thematic-categorical), to identify categories and occurrence frequency of the content in the answers to the open question. Results: the sample's mean age was 44 years (standard deviation 15, minimum 18, and maximum 70 years), 65% were women, and 78% used Libras to communicate. Most of the participants (83%) answered the open question in writing. Six theme categories were identified: 1) Needed improvements; 2) Communication barriers); 3) Health promotion; 4) Autonomy; 5) Achievements; and 6) Law. Conclusion: the results reveal a need for improvements in the health care of deaf people. The perspective of the studied deaf population is based on their desire to gain autonomy, overcome communication barriers, and have access to information, aiming at health promotion.

RESUMO Objetivo: conhecer a perspectiva do surdo quanto às melhorias necessárias no atendimento à saúde para essa população. Métodos: estudo observacional transversal realizado com 124 surdos que responderam a questionário semiestruturado, visando caracterizar amostra (idade, sexo e tipo de comunicação) e coletar resposta à questão aberta: "Você tem alguma sugestão para melhorar o atendimento de saúde ao surdo?, respondida nas modalidades escrita ou Língua Brasileira de Sinais (Libras). Realizou-se análise descritiva para caracterização da amostra e análise quanti-qualitativa de conteúdo (temático-categorial), para identificação de categorias e frequência de ocorrência dos conteúdos das respostas à questão aberta. Resultados: amostra apresentou média de idade de 44 anos (desvio padrão: 15, mínima de 18 e máxima de 70 anos), sendo 65% mulheres e 78% usuários de Libras. A maioria dos participantes (83%) respondeu à questão aberta na modalidade escrita. Foram identificadas seis categorias temáticas: 1) Necessidade de melhorias; 2) Barreiras de comunicação); 3) Promoção da saúde; 4) Autonomia; 5) Conquistas; e 6) Legislação. Conclusão: os resultados evidenciaram necessidade de melhorias no atendimento à saúde do usuário surdo. A perspectiva da população surda estudada é pautada no desejo de autonomia, de superação das barreiras de comunicação e de acesso à informação visando promoção da saúde.
Descritores: Línguas de Sinais
Barreiras de Comunicação
Pessoas com Deficiência Auditiva/estatística & dados numéricos
Acesso aos Serviços de Saúde
-Estudos Transversais
Inquéritos e Questionários
Promoção da Saúde
Limites: Humanos
Masculino
Feminino
Adolescente
Adulto
Pessoa de Meia-Idade
Idoso
Adulto Jovem
Tipo de Publ: Estudo Observacional
Responsável: BR1.1 - BIREME


  6 / 232 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: biblio-1287544
Autor: Romano, Bruna; Serpa Jr, Octavio Domont de.
Título: Singularidades da comunicação no encontro de pessoas surdas e profissionais de saúde mental / Communication singularities in the meeting between deaf people and mental health professionals
Fonte: Physis (Rio J.);31(2):e310208, 2021.
Idioma: pt.
Resumo: Resumo Parte da luta dos movimentos das pessoas com deficiência tem sido, não apenas o reconhecimento da diversidade humana, mas a compreensão de que pessoas com a mesma deficiência, por exemplo a surdez, não são um grupo homogêneo. Os profissionais da saúde, diante dessa diversidade podem sentir-se despreparados e com conhecimentos insuficientes. O objetivo deste estudo é apresentar as diferentes formas de comunicação que podem acontecer quando surdos são atendidos em serviços de saúde mental, por meio de um Estudo de Casos Múltiplos. Os resultados apontam para a diversidade nas formas de comunicação, convocando os profissionais a criarem novas formas de trabalho e cuidado no encontro com surdos usuários dos serviços de saúde mental. É no cotidiano do trabalho, com cada usuário que as formas de cuidado singulares que levam em conta a diversidade ganham vida e para que isso aconteça, é importante incluir a diversidade na comunicação. A criação de formas de comunicação que incluam a diversidade e as necessidades singulares, somente serão possíveis com apoio aos profissionais de saúde através de espaços informativos e de educação permanente.

Abstract Part of the struggles of people with disabilities and their movements has been, not only the recognition of human diversity but the understanding that people with the same disability, like deafness, are not a homogeneous group. Health professionals, when facing that diversity, generally feel unprepared and with insufficient knowledge. The objective of this study is to present different forms of communication that may happen when deaf subjects meet these professionals in mental health services, using Multiple Case Study. The results point to diversity in ways of communicating, calling the professionals to create new forms of work and care in the meeting with users in mental health services. It is in the daily work, with every different service user, that suggestions of care which take diversity into account, gain life. And for that, it is also important to include diversity in the way of communicating. The creation of unique forms of communication demanded of health professionals is only possible with the support of informational spaces and continuing education.
Descritores: Atitude do Pessoal de Saúde
Conhecimentos, Atitudes e Prática em Saúde
Comunicação
Pessoas com Deficiência Auditiva/psicologia
Surdez
Serviços de Saúde Mental
-Barreiras de Comunicação
Educação Continuada
Acesso aos Serviços de Saúde
Individualidade
Limites: Humanos
Masculino
Feminino
Tipo de Publ: Relatos de Casos
Responsável: BR433.1 - CB/C - Biblioteca Biomédica C


  7 / 232 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Uruguai
Texto completo
Id: biblio-1088699
Autor: Suárez, Hamlet; Ferreira, Enrique D.
Título: Rol de la información auditiva en el control motor del sistema del equilibrio en pacientes con implantes cocleares / Role of auditory information in motor control of the balance system in patients with cochlear implants / Papel das informações auditivas no controle motor do sistema de equilíbrio em pacientes com implante coclear
Fonte: An. Facultad Med. (Univ. Repúb. Urug., En línea);6(2):8-24, dic. 2019. ilus, graf.
Idioma: es.
Resumo: Revisión de nuestros hallazgos experimentales sobre la relación entre audición y control motor del equilibrio en usuarios de implantes cocleares (UIC). Se realizó posturografía en 34 UIC en dos condiciones sensoriales:1- Implante encendido (ON). 2- Implante apagado (OFF) Se usó como medida el consumo de energía (CE) de la señal del centro de presión corporal. La marcha se analizó mediante la prueba de 10 m, implementada con: A - implante ON y ruido ambiental (EN), B - Implante ON, EN y Tarea dual cognitiva (DT) y C-implante OFF. Se registró la velocidad de marcha (GV) usando acelerómetros en los pies y la región retrosacra. Estadística: Se utilizaron las pruebas de Wilcoxon y Mann-Whitney y el nivel de significación fue p = 0.05. El análisis de la postura en la adolescencia mostró un ajuste adaptativo, disminuyendo la CE con el IC-ON.p = < 0,05, mientras con el CI-OFF no hubo disminución p => 0,05. En adultos, CI- OFF tuvieron valores más altos de CE en edades mayores, mientras que el CE no se incrementó con la edad con el CI-ON. En la marcha, la GV con el implante ON en EN solo disminuyó en UIC solo en aquellos que estaban implantado después de los 3 años. La UIC implantada antes de esta edad mostró un comportamiento de la marcha similar en comparación con los sujetos con audición normal como control. La información auditiva interviene en la postura y el comportamiento motor de la marcha, hechos que se analizan en esta revisión.

Review of publications of our group about the relationship between the auditory input and the balance motor control in subjects with profound hearing loss and cochlear implant users (UIC). A population of 34 UIC in which posturography in two different sensory information was performed, 1-Implant turned on (ON) giving acoustic information. 2-Implant turned off (OFF) and without auditory input. Energy consumption (CE) of the body center of pressure signal was used as measurement. Gait assessment was analyzed by the 10 m test, implemented with: A- Implant turned ON and environmental noise (EN). B- Implant ON, EN and cognitive dual task (DT) and C- Implant OFF with accelerometers in the feet and sacrum region to measure the gait velocity (GV). Statistics: Wilcoxon and Mann-Whitney test were used and significance level was p=0.05. Posture analysis for different ages in adolescence showed an adaptive adjustment, decreasing the EC significantly when the CI is ON (p<0.05). With the implant turned OFF, changes were not significant (p>0.05). In adults, (implant OFF) had higher values of CE related with age, while the CE did not show increment of CE with age when receiving auditory input with the implant ON. UIC implanted after being 3 years old showed a significant decrease in GV. The UIC implanted before this age showed similar gait behavior compared to normal hearing subjects as control. The auditory information intervenes in posture and gait motor behavior, facts which are analyzed in this review.

Revisão de publicações de nosso grupo sobre a relação entre a entrada auditiva e o controle motor do equilíbrio em indivíduos com perda auditiva profunda e usuários de implante coclear (UIC). Uma população de 34 UIC em que foi realizada a posturografia em duas informações sensoriais diferentes, o 1-Implant ativado (ON) fornece informações acústicas. 2-O implante foi desativado (OFF) e sem entrada auditiva. O consumo de energia (CE) do sinal do centro de pressão corporal foi utilizado como medida. A avaliação da marcha foi analisada pelo teste de 10 m, implementado com: A- Implante ligado e ruído ambiental (EN). B- Implante ON, EN e tarefa dupla cognitiva (TD) e C- Implante OFF com acelerômetros na região dos pés e sacro para medir a velocidade da marcha (GV). Estatísticas: Foram utilizados os testes de Wilcoxon e Mann-Whitney e o nível de significância foi de p = 0,05. A análise da postura para diferentes idades na adolescência mostrou um ajuste adaptativo, diminuindo significativamente a CE quando o IC está ligado (p <0,05). Com o implante desligado, as alterações não foram significativas (p> 0,05). Nos adultos, o (implante OFF) apresentou maiores valores de EC relacionados à idade, enquanto o CE não apresentou incremento do CE com a idade ao receber entrada auditiva com o implante ON. A UIC implantada após os 3 anos de idade mostrou uma diminuição significativa no GV. A UIC implantada antes dessa idade mostrou comportamento de marcha semelhante em relação aos indivíduos com audição normal como controle. As informações auditivas intervêm no comportamento motor da postura e da marcha, fatos analisados nesta revisão.
Descritores: Estimulação Acústica/psicologia
Implantes Cocleares
Pessoas com Deficiência Auditiva/reabilitação
Equilíbrio Postural/fisiologia
Análise da Marcha
-Adaptação Fisiológica
Estudos Controlados Antes e Depois
Velocidade de Caminhada/fisiologia
Posição Ortostática
Limites: Humanos
Criança
Adolescente
Adulto
Pessoa de Meia-Idade
Tipo de Publ: Revisão
Estudo Observacional
Responsável: UY1.1 - BINAME - Biblioteca Nacional de Medicina


  8 / 232 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Texto completo
Id: biblio-1147877
Autor: Guimarães, Valéria Maria Azevedo; Silva, Joilson Pereira da.
Título: Sexualidade e Surdez: uma Revisão Sistemática / Sexuality and Deafness: a Systematic Review / Sexualidad y Sordera: una Revisión Sistemática
Fonte: Psicol. ciênc. prof;40:1-16, jan.-maio 2020. ilus.
Idioma: pt.
Resumo: A existência de mitos e tabus que envolvem a sexualidade pode dificultar a disseminação de informações adequadas para a sociedade. Sabe-se que a população surda, por não ter os esmos meios de aquisição de informações dos ouvintes, lida com limitações no acesso a essa temática. O objetivo desta pesquisa foi realizar uma revisão sistemática de artigos científicos sobre sexualidade e surdez. Para isso, no período de setembro a novembro de 2017, foi feita uma busca utilizando os descritores sexualidade, surdez, surdo e deficiente auditivo, nas línguasportuguesa, inglesa e espanhola, em cinco bases de dados. A busca teve o período delimitado entre 2000 e 2017, e o resultado final selecionou quinze artigos. A sexualidade por meio de experiências sexuais, mitos e relacionamentos e a violência e/ou abuso sexual foram os assuntos com maior prevalência. A questão da homossexualidade foi menos evidente nas produções científicas. A revisão mostrou que o conjunto de estudos avaliados retrata a sexualidade de forma abrangente e com temas atuais. Além disso, são escassos os estudos científicos referentes a sexualidade e surdez, sendo necessários mais estudos com a participação das pessoas surdas no intuito de compreendê-las, orientá-las e informá-las sobre o assunto em questão....(AU)

The existence of myths and taboos about sexuality may lead to challenges in spreading adequate information to society. It is a known fact that the deaf population faces a lack of information about this theme caused by the absence of means to acquire the same information that listeners have. Thus, this systematic review of scientific articles about sexuality and deafness was conducted. Between September 2017 and November 2017, we searched in five databases (SciELO, PePSIC, LILACS, PsycINFO and Scopus) for the descriptors sexuality, deafness, deaf and hearing impaired, in Portuguese, English and Spanish, for the period between 2000-2017, rendering 15 articles. Sexuality through sexual experiences, mythos and relationships, as well as violence and/or sexual abuse were the subjects with highest prevalence. However, the matter of homosexuality was less evident in scientific productions. The review showed that the set of evaluated studies portrayed sexuality in an embracing manner and involved current themes. In addition, there is a lack of scientific articles about sexuality and deafness, and so more studies with deaf people to understandd them, guide them and inform them about the subject in question are required ...(AU)

La existencia de mitos y tabúes que envuelven la sexualidad puede dificultar la diseminación de informaciones adecuadas para la sociedad. Se sabe que la población sorda por no poseer los mismos medios de adquisición de informaciones que los oyentes pasa por limitaciones de informaciones sobre esa temática. El objetivo de esta investigación fue realizar una revisión sistemática de artículos científicos sobre sexualidad y sordera. Para ello, se realizó una búsqueda de septiembre a noviembre de 2017 utilizando los descriptores "sexualidad", "sordera", "sordos y deficiente auditivo", en portugués, inglés y español, en cinco bases de datos. La búsqueda tuvo el período delimitado entre 2000-2017 y en el resultado final se seleccionó 15 artículos. La sexualidad a través de las experiencias sexuales, de los mitos y relaciones y la violencia y/o abuso sexual fueron los asuntos con mayor prevalencia. Pero el tema de la homosexualidad fue el menos evidente en las producciones científicas. La revisión mostró que el conjunto de los estudios evaluados retratan la sexualidad de forma integral y con temas actuales. Además, hay escasez de estudios científicos referentes a la sexualidad y sordera y son necesarios más estudios con la participación de las personas sordas con el fin de comprenderlas, orientarlas e informarlas sobre el asunto en cuestión....(AU)
Descritores: Sexualidade
Pessoas com Deficiência Auditiva
Surdez
Audição
-Disseminação de Informação
Tipo de Publ: Revisão
Responsável: BR1552.1 - Biblioteca Central


  9 / 232 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Almeida, Paulo Cesar de
Texto completo
Id: biblio-1279597
Autor: Áfio, Aline Cruz Esmeraldo; Leite, Sarah de Sá; Carvalho, António Luís Rodrigues Faria de; Almeida, Paulo César de; Rebouças, Cristiana Brasil de Almeida; Pagliuca, Lorita Marlena Freitag.
Título: Construção de vídeo sobre uso dos preservativos para surdos e ouvintes / Construction of a video about condom use for deaf and hearing people
Fonte: Rev Rene (Online);22:e62438, 2021. graf.
Idioma: pt.
Projeto: Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico.
Resumo: RESUMO Objetivo: construir tecnologia assistiva, no formato de vídeo, para surdos e ouvintes sobre saúde sexual e o uso do preservativo. Métodos: estudo metodológico constituído das etapas de pré-produção, produção e pós-produção. Na pré-produção construiu-se roteiro, storybord e cenas, seguindo os princípios da Teoria da Aprendizagem de Lev Semenovich Vygotsky. Na produção houve o desenvolvimento da animação e gravação das cenas pelo intérprete de Libras. Na pós-produção ocorreu a edição final do vídeo. Resultados: o vídeo "Preservativo: aprenda a usar corretamente", com duração de nove minutos e 25 segundos discorre sobre o sistema sexual e reprodutivo do homem e da mulher; modo de ação, benefícios e cuidados com o uso do preservativo. Diante da escassez de materiais educativos sobre o tema, empregaram-se recursos de acessibilidade para construir um vídeo para surdos e ouvintes. Conclusão: a construção do vídeo como tecnologia assistiva dirigida aos surdos foi realizada com êxito.

ABSTRACT Objective: to build assistive technology, in video format, for deaf and hearing people about sexual health and condom use. Methods: methodological study consisting of the stages of pre-production, production and post-production. In pre-production we built the script, storyboard and scenes, following the principles of Lev Semenovich Vygotsky's Theory of Learning. In production there was the development of the animation and recording of the scenes by the Libras interpreter. In post-production the final editing of the video took place. Results: the video "Condom: learn to use correctly", lasting nine minutes and 25 seconds discusses the sexual and reproductive system of man and woman; mode of action, benefits and care with the use of condoms. Given the scarcity of educational materials on the subject, accessibility resources were used to build a video for deaf and hearing people. Conclusion: the construction of the video as an assistive technology directed to the deaf was successfully accomplished.
Descritores: Enfermagem
Preservativos
Tecnologia Educacional
Pessoas com Deficiência Auditiva
Responsável: BR6.1 - BCS - Biblioteca de Ciências da Saúde


  10 / 232 LILACS  
              first record previous record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: biblio-1058878
Autor: Fuentes-López, Eduardo; Fuente, Adrian.
Título: Access to healthcare for deaf people: a model from a middle-income country in Latin America
Fonte: Rev. saúde pública (Online);54:13, 2020. tab, graf.
Idioma: en.
Resumo: ABSTRACT OBJECTIVE To determine if there are existing healthcare access inequities among the deaf Chilean population when compared to the general Chilean population. METHODS Data were obtained from a population-based national survey in Chile. In total, 745 prelingually deaf individuals were identified. The number of times the person used the healthcare system was dichotomized and analyzed using a multivariate logistic regression model. RESULTS Prelingually deaf people had lower incomes, fewer years of education, and greater rates of unemployment and poverty when compared with the general population. Moreover, they visited more general practitioners, mental health specialists, and other medical specialists. On average, they attended more appointments for depression but had fewer general checkups and gynecological appointments than the general population. CONCLUSIONS Deaf people in Chile have a lower socioeconomic status than the rest of the Chilean population. The results from this study are similar to the findings reported for high-income countries, despite differences in the magnitude of the associations between being deaf and healthcare access. Further studies should be conducted to determine the health status of deaf people in Chile and other Latin American countries and what factors are associated with a significantly lower prevalence of gynecological appointments among deaf women when compared with non-deaf women.
Descritores: Pessoas com Deficiência Auditiva/estatística & dados numéricos
Acesso aos Serviços de Saúde/estatística & dados numéricos
-Fatores Socioeconômicos
Chile/epidemiologia
Prevalência
Disparidades nos Níveis de Saúde
Pessoa de Meia-Idade
Limites: Humanos
Masculino
Feminino
Recém-Nascido
Lactente
Pré-Escolar
Criança
Adolescente
Adulto
Adulto Jovem
Responsável: BR1.1 - BIREME



página 1 de 24 ir para página                         
   


Refinar a pesquisa
  Base de dados : Formulário avançado   

    Pesquisar no campo  
1  
2
3
 
           



Search engine: iAH v2.6 powered by WWWISIS

BIREME/OPAS/OMS - Centro Latino-Americano e do Caribe de Informação em Ciências da Saúde