Base de dados : LILACS
Pesquisa : M01.526.485.810.800 [Categoria DeCS]
Referências encontradas : 70 [refinar]
Mostrando: 1 .. 10   no formato [Detalhado]

página 1 de 7 ir para página                  

  1 / 70 LILACS  
              next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: biblio-1139473
Autor: Mendes, Lívia dos Santos; Almeida, Patty Fidelis de.
Título: Do primary and specialized care physicians know and use coordination mechanisms? / Médicos da atenção primária e especializada conhecem e utilizam mecanismos de coordenação?
Fonte: Rev. saúde pública (Online);54:121, 2020. tab.
Idioma: en.
Resumo: ABSTRACT OBJECTIVES: To analyze if primary and specialized care physicians know and use care coordination mechanisms between healthcare levels. METHODS: Cross-sectional survey study, with the application of the COORDENA-BR instrument to primary and specialized care physicians in a public heathcare network, medium-sized municipality, from June to October 2019. The questionnaire addresses knowledge, frequency of sending and receiving, purpose, characteristics and difficulties in using feedback or mutual adaptation and standardization mechanisms to promote coordination of care service between healthcare levels. RESULTS: Feedback instruments such as referral and reply letters, hospital discharge report and WhatsApp are widely known by professionals of both levels, without significant differences. Clinical sessions and protocols are not well-known, especially in specialized care, which supposes a low usage of standardization mechanisms to a better coordination between the healthcare levels. Despite being well-known and easy, traditional feedback instruments such as referral and reply letters are not widely used. Fewer physicians knew the protocols, mainly in specialized care. They pointed difficulties in their application, such as insufficient exams and unavailable supplies in the healthcare network. Clinical sessions were unknown and registered low participation frequency. Care overload, low institutionalization and time constraints were barriers identified for the incorporation of care coordination mechanisms in the work process in primary and specialized care, in addition to those related to the provision of health services in the network. CONCLUSION: We conclude the fragmentation of the system and care can be faced in the complementarity of measures that make it possible to know the mechanisms, develop professional skills, institutionalize and promote organizational conditions for the effective use of coordination mechanisms throughout the healthcare network.

RESUMO OBJETIVOS: Analisar se médicos da atenção primária à saúde e da atenção especializada conhecem e utilizam mecanismos de coordenação do cuidado entre níveis assistenciais. MÉTODOS: Estudo transversal, do tipo inquérito, com aplicação do instrumento COORDENA-BR a médicos da atenção primária e da atenção especializada da rede pública de um município de médio porte, no período de junho a outubro de 2019. Foi abordado o conhecimento, frequência de envio e recebimento, finalidade, características e dificuldades para a utilização dos mecanismos de feedback ou adaptação mútua e de padronização para promoção de coordenação do cuidado entre níveis assistenciais. RESULTADOS: Instrumentos de feedback como formulários de referência e contrarreferência, resumo de alta hospitalar e WhatsApp são amplamente conhecidos por profissionais dos dois níveis, sem diferenças significativas. Sessões clínicas e protocolos são pouco reconhecidos, sobretudo na atenção especializada, o que pressupõe baixa utilização de mecanismos de padronização para obtenção de maior coordenação do cuidado entre níveis assistenciais. Apesar do elevado reconhecimento e facilidade de uso, instrumentos de feedback tradicionais como guias de referência e contrarreferência não são amplamente utilizados. Menor frequência de médicos conhecia os protocolos, principalmente na atenção especializada, e destacaram dificuldades para sua aplicação, como insuficiência de exames e indisponibilidade de insumos na rede. As sessões clínicas eram pouco conhecidas e tinham baixa frequência de participação. Pressão assistencial, baixa institucionalização e falta de tempo foram barreiras identificadas para a incorporação dos mecanismos de coordenação do cuidado ao processo de trabalho na atenção primária e especializada, além daquelas relacionadas à oferta de serviços na rede. CONCLUSÃO: Argumenta-se que a fragmentação do sistema e dos cuidados poderá ser enfrentada na complementariedade de medidas que possibilitem conhecer, desenvolver habilidades profissionais, institucionalizar e promover condições organizacionais para a efetiva utilização de mecanismos de coordenação em toda rede de atenção à saúde.
Descritores: Médicos/psicologia
Médicos/estatística & dados numéricos
Especialização
Conhecimentos, Atitudes e Prática em Saúde
Atenção à Saúde/organização & administração
Médicos de Atenção Primária/psicologia
Médicos de Atenção Primária/estatística & dados numéricos
-Encaminhamento e Consulta
Brasil
Estudos Transversais
Pessoa de Meia-Idade
Limites: Humanos
Masculino
Feminino
Adulto
Responsável: BR1.1 - BIREME


  2 / 70 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: biblio-1119882
Autor: Risso, Agostina.
Título: La mayor oferta de médicos de atención primaria se correlacionaría con una menor mortalidad de la población / The greater supply of primary care physicians would correlate with a lower population mortality
Fonte: Evid. actual. práct. ambul;23(3):e002061, 2020.
Idioma: es.
Descritores: Vigilância da População
Expectativa de Vida/tendências
Médicos de Atenção Primária/provisão & distribuição
-Fatores Socioeconômicos
Estados Unidos/epidemiologia
Taxa de Sobrevida/tendências
Estudos Multicêntricos como Assunto
Estudos Observacionais como Assunto
Promoção da Saúde/tendências
Limites: Humanos
Masculino
Feminino
Idoso
Tipo de Publ: Comentário
Responsável: AR2.1 - Biblioteca Central


  3 / 70 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: biblio-1015341
Autor: Spina, Silvia Marcela.
Título: Una intervención multimodal reduciría las prescripciones medicamentosas de alto riesgo / A complex intervention reduces high-risk prescriptions
Fonte: Evid. actual. práct. ambul;22(1):e001072, abr. 2019. tab..
Idioma: es.
Descritores: Informática Médica
Padrões de Prática Médica
Inibidores da Agregação Plaquetária/uso terapêutico
Anti-Inflamatórios não Esteroides/uso terapêutico
Educação em Farmácia
Prescrição Inadequada/prevenção & controle
Médicos de Atenção Primária/educação
-Escócia
Inibidores da Agregação Plaquetária/efeitos adversos
Anti-Inflamatórios não Esteroides/efeitos adversos
Análise de Intenção de Tratamento
Injúria Renal Aguda/epidemiologia
Prescrição Inadequada/estatística & dados numéricos
Insuficiência Cardíaca/epidemiologia
Hemorragia Gastrointestinal/induzido quimicamente
Hemorragia Gastrointestinal/epidemiologia
Hospitalização/estatística & dados numéricos
Limites: Humanos
Tipo de Publ: Comentário
Responsável: AR2.1 - Biblioteca Central


  4 / 70 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: biblio-896442
Autor: Basílio, Nuno; Cardoso, Sara; Nunes, José Mendes; Laranjo, Liliana; Antunes, Maria da Luz; Heleno, Bruno.
Título: Portuguese Primary Care physicians response rate in surveys: A systematic review / Taxa de respostas dos médicos de família portugueses a questionários: uma revisão sistemática
Fonte: Rev. Assoc. Med. Bras. (1992);64(3):272-280, Mar. 2018. tab, graf.
Idioma: en.
Resumo: Summary Introduction: Surveys are a useful tool in primary care. However, low response rates can introduce selection bias, impairing both external and internal validity. The aim of this study was to assess the average response rate in surveys with Portuguese general practitioners (GPs). Method: We searched the Medline, Web of Science, Scopus, Embase, PsychInfo, SciELO, IndexRMP, RCAAP, Revista Portuguesa de Medicina Geral e Familiar, Acta Médica Portuguesa and the proceedings of conferences of general practice from incepton to December 2016. We included all postal, e-mail, telephone and personal surveys to primary care physicians without language restrictions. We did not assess risk of bias of included studies, since the main outcome was survey response rate. We performed planned subgroup analyses of the use of monetary incentives, the use of non-monetary incentives, survey delivery modes and prior contact with participants. Results: A total of 1,094 papers were identified and 37 studies were included in this review. The response rate in surveys done to Portuguese GPs was 56% (95CI 47-64%). There was substantial heterogeneity among included studies (I2=99%), but subgroup analysis did not explain this heterogeneity. Conclusion: Consistent with other published studies, the average response rate in surveys done with Portuguese GPs was 56%, with substantial variation among studies. Use of monetary incentives, one of the most effective strategies to increase response rates, was not present in any of the included studies.

Resumo Introdução: Questionários são úteis na investigação em cuidados de saúde primários. Contudo, baixas taxas de resposta podem introduzir um viés de seleção, prejudicando a validade externa e interna. O objetivo deste estudo foi identificar a taxa de resposta média a questionários aplicados a médicos de família (MF) portugueses. Método: Foram pesquisadas as bases de dados Medline, Web of Science, Scopus, Embase, PsychInfo, SciELO, IndexRMP, RCAAP, Revista Portuguesa de Medicina Geral e Familiar, Acta Médica Portuguesa e resumos em conferências de medicina familiar do início até dezembro de 2016. Incluiram-se estudos realizados a médicos de família portugueses independentemente de sua tipologia, do tipo de entrega (correio, e-mail, pessoalmente e por telefone) e do idioma do artigo. Não foi avaliado o risco de viés dos artigos porque o principal resultado considerado foi a taxa de resposta. Foram efetuadas análises de subgrupos sobre a utilização de incentivos monetários, de incentivos não monetários, o modo de entrega e o contato prévio com os participantes. Resultados: Foram identificados 1.094 artigos e incluídos 37 estudos. O número de participantes em cada estudo variou entre 13 e 2.815 participantes. A taxa de resposta média foi de 56% (IC95% 47-64%). Identificou-se uma heterogeneidade substancial (I2=99%) não explicável pela análise de subgrupos. Conclusão: A taxa de resposta média a inquéritos realizados a MF portugueses foi de 56%, o que corresponde aos valores identificados em revisões internacionais, apesar da variação significativa entre os estudos englobados nesta revisão. O uso de incentivos monetários, uma das estratégias mais eficazes para aumentar as taxas de resposta, não foi identificado em qualquer dos estudos incluídos.
Descritores: Pesquisas sobre Serviços de Saúde/estatística & dados numéricos
Médicos de Atenção Primária/estatística & dados numéricos
-Portugal
Reembolso de Incentivo/estatística & dados numéricos
Correspondência como Assunto
Comunicação
Limites: Humanos
Tipo de Publ: Revisão
Revisão Sistemática
Responsável: BR1.1 - BIREME


  5 / 70 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Texto completo
Id: lil-742903
Autor: Kubrusly, Luiz Fernando; Formighieri, Marina Simões; Lago, José Vitor Martins; Graça, Yorgos Luiz Santos de Salles; Sobral, Ana Cristina Lira; Lago, Marianna Martins.
Título: Comparison of polyurethane with cyanoacrylate in hemostasis of vascular injury in guinea pigs / Comparação do poliuretano com cianoacrilato na hemostasia de injúria vascular em cobaias
Fonte: Rev. bras. cir. cardiovasc = Braz. j. cardiovasc. surg. (impr.);30(1):119-126, Jan-Mar/2015. tab, graf.
Idioma: en.
Resumo: Objective: To evaluate the behavior of castor oil-derived polyurethane as a hemostatic agent and tissue response after abdominal aortic injury and to compare it with 2-octyl-cyanoacrylate. Methods: Twenty-four Guinea Pigs were randomly divided into three groups of eight animals (I, II, and III). The infrarenal abdominal aorta was dissected, clamped proximally and distally to the vascular puncture site. In group I (control), hemostasis was achieved with digital pressure; in group II (polyurethane) castor oil-derived polyurethane was applied, and in group III (cyanoacrylate), 2-octyl-cyanoacrylate was used. Group II was subdivided into IIA and IIB according to the time of preparation of the hemostatic agent. Results: Mean blood loss in groups IIA, IIB and III was 0.002 grams (g), 0.008 g, and 0.170 g, with standard deviation of 0.005 g, 0.005 g, and 0.424 g, respectively (P=0.069). The drying time for cyanoacrylate averaged 81.5 seconds (s) (standard deviation: 51.5 seconds) and 126.1 s (standard deviation: 23.0 s) for polyurethane B (P=0.046). However, there was a trend (P=0.069) for cyanoacrylate to dry more slowly than polyurethane A (mean: 40.5 s; SD: 8.6 s). Furthermore, polyurethane A had a shorter drying time than polyurethane B (P=0.003), mean IIA of 40.5 s (standard deviation: 8.6 s). In group III, 100% of the animals had mild/severe fibrosis, while in group II only 12.5% showed this degree of fibrosis (P=0.001). Conclusion: Polyurethane derived from castor oil showed similar hemostatic behavior to octyl-2-cyanoacrylate. There was less perivascular tissue response with polyurethane when compared with cyanoacrylate. .

Objetivo: Avaliar o comportamento hemostático e a reação tecidual do poliuretano, derivado da mamona, após injúria da aorta abdominal de cobaias e compará-lo com o 2-octil-cianoacrilato. Métodos: Vinte e quatro cobaias foram divididas aleatoriamente em três grupos de oito animais (I, II e III). A aorta abdominal infrarrenal foi dissecada, pinçada proximal e distalmente ao local que se procedeu à punção vascular. No grupo I (controle), a hemostasia foi feita com digitopressão; no grupo II (poliuretano), aplicou-se o selante vegetal e, no grupo III (cianoacrilato), aplicou-se o 2-octil-cianoacrilato. O grupo II foi subdividido em IIA e IIB, conforme o tempo de preparo do poliuretano. Resultados: A média de perda sanguínea nos grupos IIA, IIB e III foi 0,002 g, 0,008 g e 0,170 g, com desvios padrões de 0,005 g, 0,005 g e 0,424 g, respectivamente (P=0,069). O tempo de secagem do selante cianoacrilato foi em média 81,5 segundos (s) (desvio padrão: 51,5 s), enquanto o poliuretano B levou 126,1 segundos (desvio padrão: 23,0 s) (P=0,046). Entretanto, houve tendência (P=0,069) do cianoacrilato apresentar um tempo maior de secagem que o poliuretano A. Além disso, o poliuretano A teve um tempo de secagem menor que o poliuretano B (P=0,003), com média para o IIA de 40,5 segundos (desvio padrão: 8,6 s). No grupo III, 100% dos animais tiveram fibrose moderada/acentuada, enquanto no grupo II apenas 12,5% (P=0,001). Conclusão: O poliuretano derivado da mamona apresentou comportamento hemostático semelhante ao 2-octil-cianoacrilato. A cola vegetal demonstrou menor reação tecidual perivascular. .
Descritores: Doença das Coronárias/complicações
Depressão/complicações
Atenção Primária à Saúde
-Administração de Caso
Estudos de Coortes
Doença das Coronárias/terapia
Depressão/terapia
Estudos de Viabilidade
Reino Unido
Pacientes/psicologia
Percepção
Médicos de Atenção Primária/psicologia
Pesquisa Qualitativa
Projetos de Pesquisa
Limites: Humanos
Tipo de Publ: Research Support, Non-U.S. Gov't
Responsável: BR1.1 - BIREME


  6 / 70 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Texto completo
Id: biblio-1096264
Autor: Guatemala. Ministerio de Salud Pública y Asistencia Social.
Título: Lineamientos para la atención en el domicilio de pacientes con síntomas leves de COVID-19 y gestión de contactos / Guidelines for home care of patients with mild symptoms of COVID-19 and contact management.
Fonte: Guatemala; MSPAS; 25 mar 2020. 6 p. ilus.
Idioma: es.
Resumo: Da lineamientos para detectar rápidamente cualquier evidencia de transmisión de COVID-19 de persona a persona entre contactos para reducir la transmisión de persona a persona para prevención de brotes o retraso de la propagación de la enfermedad del coronavirus.
Descritores: Pneumonia Viral/diagnóstico
Infecções por Coronavirus/prevenção & controle
Infecções por Coronavirus/transmissão
Assistência ao Paciente/normas
-Isolamento de Pacientes/métodos
Técnicas e Procedimentos Diagnósticos
Médicos de Atenção Primária
Vigilância em Saúde Pública/métodos
Guatemala
Recursos Humanos de Enfermagem
Limites: Humanos
Responsável: GT5.1 - Biblioteca y Centro de Documentación Dr. Julio de León Méndez


  7 / 70 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Cuba
Texto completo
Id: biblio-978685
Autor: Arreddondo Bruce, Alfredo Enrique; Pérez Ojeda, Irisbel; Santana Gutiérrez, Odalis.
Título: La fibromialgia con una visión desde la atención primaria / Fibromyalgia, a vision from the primary care
Fonte: Rev. medica electron;40(5):1507-1535, set.-oct. 2018.
Idioma: es.
Resumo: RESUMEN La fibromialgia es una enfermedad crónica, definida por dolor generalizado, a menudo acompañado de fatiga y alteraciones del sueño, la cual afecta a uno de cada 20 pacientes en la atención primaria. Aunque la mayoría de los pacientes con fibromialgia se manejan en la atención primaria, el diagnóstico y tratamiento continúan presentando un desafío, y los pacientes se envían a menudo las consultas de otros especialistas. Las investigaciones exhaustivas, la prescripción de múltiples drogas para tratar los diferentes síntomas, los retrasos en el diagnóstico, y el aumento de la invalidez, necesita de un conocimiento más profundo y un tratamiento basado en el médico de la atención primaria. Se hizo una revisión de diferentes publicaciones actualizadas sobre la epidemiología, patofisiología y tratamiento de la fibromialgia aparecidas en PubMed, Scielo, Hinari y Medline, además de artículos pertinentes, hasta comienzos del año 2017, de donde se seleccionaron diferentes artículos en base a la calidad, relevancia e importancia en cuanto a las nuevas directrices de esta enfermedad. La aplicación de novedosos sistemas de diagnóstico y enfrentamiento al dolor crónico aplicable en la atención primaria disminuiría el tiempo de diagnóstico, costosas pruebas, demora en el diagnóstico y mejores resultados terapéuticos en estos pacientes. El tratamiento centrado en el paciente desde la atención necesita de un grupo multidisciplinario con una alta preparación en esta enfermedad. Aunque se mantienen algunas barreras para la aplicación de un sistema de atención médica de la fibromialgia, esto permitiría un cambio muy favorable en el tratamiento de esos pacientes (AU).

ABSTRACT Fibromyalgia is a chronic disorder defined by widespread pain, frequently accompanied by fatigue and sleep disturbance, affecting up to one in 20 patients in the primary care. Although most of the patients with fibromyalgia are managed in the primary care, its diagnosis and treatment are still a challenge and the patients are often referred to the consultation of other specialists. The exhaustive research, the prescription of several drugs to treat the different symptoms, the diagnosis retardation, and the increase of disability, require deeper knowledge and a treatment led by the health professional of the primary care. We reviewed the epidemiology, pathophysiology and management of fibromyalgia by searching PubMed, Scielo, Hinari and Medline, and references from relevant articles published until the beginning of 2017, choosing them on the basis of quality, relevance to the illness and importance in illustrating current management pathways and the potential for future improvements. The implementation of a framework for diagnosis and chronic pain management in the primary care would reduce diagnostic time consumption, costly tests, and diagnostic delays, and will achieve better therapeutic outcomes in these patients. The patient-centred treatment from the primary care needs a multi disciplinary team highly trained in this disease. Although there are still several barriers for the application of a medical care system in fibromyalgia, It would allow a favourable change in the treatment of these patients (AU).
Descritores: Atenção Primária à Saúde/métodos
Fibromialgia/epidemiologia
-Pacientes
Fibromialgia/diagnóstico
Fibromialgia/prevenção & controle
Fibromialgia/tratamento farmacológico
Fibromialgia/reabilitação
Doença Crônica/tratamento farmacológico
Doença Crônica/reabilitação
Médicos de Atenção Primária
Limites: Humanos
Masculino
Feminino
Tipo de Publ: Revisão
Responsável: CU424.1 - Centro Provincial de Información de Ciencias Médicas


  8 / 70 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Chile
Texto completo
Id: biblio-1014269
Autor: Rodríguez, María Victoria; Prieto, Florencia; Pantoja, Tomás; Letelier, Francisco.
Título: Percepciones y actitudes de médicos de atención primaria respecto de las Guías de Práctica Clínicas en el Régimen de Garantías en Salud / Perceptions and attitudes of Chilean primary care physicians toward clinical practice guidelines
Fonte: Rev. méd. Chile;147(5):602-611, mayo 2019. tab, graf.
Idioma: es.
Resumo: Background: Clinical practice guidelines (CPGs) promote better quality and equity in health care and potentially they could improve patients' outcomes. However, their implementation is hindered by a number of factors including some related to health care professionals. Aim: To assess the perceptions and attitudes of primary care physicians regarding CPGs developed by the Chilean Ministry of Health in the context of the Health Sector Reform. Material and Methods: An adaptation of the survey "Knowledge, perceptions and attitudes towards Clinical Practice Guidelines" was sent to 1,264 primary care physicians in Chile and answered completely by 354. The analysis assessed the attitudes towards CPG, their use in primary care and their relationship with socio demographic features of respondents. Results: Eighty two percent of respondents reviewed the flowcharts of the guidelines, 85% consulted their online version. The classification of evidence levels and the strength of recommendations generated a high level of confidence with the guidelines in 70 and 64% of respondents. Eighty five percent considered that CPG could help to standardize clinical practice. The most relevant barrier hindering CPG use was the lack of a brief, simple and easy to access format in 63% of respondents. The three dimensions of the theory of planned behavior (attitude toward behavior, subjective norms, and perceived behavioral control) were associated with a greater frequency of guideline use. A higher age and not being Chilean were associated with a lower frequency of use. Conclusions: The identified factors associated with CPG use should be considered in future guideline design.
Descritores: Atenção Primária à Saúde/normas
Padrões de Prática Médica/normas
Conhecimentos, Atitudes e Prática em Saúde
Guias de Prática Clínica como Assunto
Médicos de Atenção Primária/normas
-Padrões de Prática Médica/estatística & dados numéricos
Atitude do Pessoal de Saúde
Chile
Estudos Transversais
Inquéritos e Questionários
Fidelidade a Diretrizes/normas
Fidelidade a Diretrizes/estatística & dados numéricos
Médicos de Atenção Primária/estatística & dados numéricos
Limites: Humanos
Masculino
Feminino
Adulto
Responsável: CL1.1 - Biblioteca Central


  9 / 70 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Campos, Gastäo Wagner de Souza
Texto completo
Texto completo
Id: biblio-881249
Autor: Capozzolo, Angela Aparecida; Campos, Gastão Wagner de Souza.
Título: No olho do furacão. Trabalho Médico e o Programa Saúde da Família / In the middle of the windstorm: the physician?s work and the Family Health Program
Fonte: Rev. bras. med. fam. comunidade;3(9):62-63, nov. 2007.
Idioma: pt.
Descritores: Médicos de Família
-Atenção Primária à Saúde
Saúde da Família
Estratégia Saúde da Família
Medicina de Família e Comunidade
Médicos de Atenção Primária
Responsável: BR408.1 - Biblioteca da Faculdade de Medicina - BFM


  10 / 70 LILACS  
              first record previous record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: biblio-1139764
Autor: Leitão, Maria Helena de Azevedo; Silva, Maria Vanessa Dias da; Bento, Aguyda Naiara de Lima Pereira; Sampaio, Aletheia Soares; Vasconcelos, Ana Lucia Ribeiro de; Oliveira, Sydia Rosana de Araujo.
Título: Provimento médico na atenção primária à saúde no estado da Paraíba por meio do Programa Mais Médicos / Provision of physicians in primary health care in the state of Paraíba, Brazil, according to the More Doctors Program / Proveimiento de médicos en la atención primaria de salud en el estado de Paraíba, Brasil, según el Programa Más Médicos
Fonte: Trab. educ. saúde;18(2):e00287119, 2020. tab, graf.
Idioma: pt.
Resumo: Resumo A provisão médica tem sido fruto de debates internacionais há décadas, inclusive no Brasil, onde há um cenário de déficit e má distribuição de médicos. Esta pesquisa objetivou descrever o perfil dos médicos inseridos no Programa Mais Médicos a fim de avaliar a qualidade do provimento médico. Trata-se de um estudo quantitativo do tipo transversal, descritivo, seguido de estudo de caso baseado em informações de 272 questionários, no período de 2015 e 2016.Os dados foram analisados com o programa estatístico IBM SPSS v.22.0. A idade média dos entrevistados foi de 38,2 anos, sendo 50,7% do sexo feminino, 11% estavam no primeiro emprego, 51,1% tinham entre 1 e 5 anos de formado e 85% disseram ter experiência de trabalho na Atenção Primária à Saúde. Observou-se que, com a implantação do Programa na Paraíba, houve uma mudança não apenas no quantitativo de médicos, como também no número de postos de trabalho, na interiorização e redistribuição desses profissionais. Todavia, há 22 municípios paraibanos sem médico, e 85,3% dos médicos inseridos no Programa sem título de especialista. Denota-se que as condições de acesso e a qualidade dos serviços prestados constituem um grande desafio a ser superado, com fundamental participação reguladora do Estado.

Abstract The provision of physicians has been the object of international discussions for decades, and the same is true for Brazil, where there is a situation of shortage and bad distribution of physicians. The present research had the aim of describing the profile of the physicians included in the 'More Doctors' Program (Programa Mais Médicos, in Portuguese). It is a quantitative, cross-sectional, descriptive study, followed by a case study with information from 272 questionnaires. The data were analyzed using the SPSS statistical software, version 22.0. The average age of the interviewees was 38.2 years, and 50.7% of them were female, 11% were in their first jobs, 51.1% had graduated between 1 and 5 years prior to the study, and 85% reported having experience working in primary health care. We observed that, with the implementation of the 'More Doctors' Program in the state of Paraíba, Northeastern Brazil, there was a change not only in the amount of doctors, but also in the number of job posts, in the number of physicians who go work on the countryside, and in the redistribution of these professionals. However, the results indicate that there still are 22 municipalities in Paraíba without physicians, and that 85.3% of the physicians included in the Program still did not have a specialist title. The conditions of access and the quality of the services provided still constitute a great challenge yet to be overcome.

Resumen Hace décadas que se discute internacionalmente el proveimiento de médicos, y la situación no es distinta en Brasil, donde hay un escenario de déficit y mala distribución de médicos. Esta investigación tuvo el objetivo de describir el perfil de los médicos integrantes del Programa "Más Médicos". Se trata de un estudio cuantitativo del tipo transversal, descriptivo, seguido de estudio de caso con informaciones de 272 cuestionarios. Los datos fueron analizados con el programa estadístico SPSS, versión 22.0. La edad media de los entrevistados fue de 38,2 años, y 50,7% era del sexo femenino, 11% estaban en su primer empleo, 51,1% tenían entre 1 y 5 años de egresados, y 85% afirmaron tener experiencia de trabajo en la atención primaria. Se observó que, con la implantación del Programa en Paraíba, hubo un cambio no sólo en la cantidad de médicos, sino que también en el número de puestos de trabajo, en la interiorización, y en la redistribución de estos profesionales. Sin embargo, los resultados indican que todavía hay 22 municipios de Paraíba sin médico, y 85,3% de los médicos integrantes del Programa aún no tenían el título de especialista. Las condiciones de acceso y la calidad de los servicios prestados aún son un gran reto por superar.
Descritores: Atenção Primária à Saúde
Saúde Pública
Médicos de Atenção Primária
Política de Saúde
Área Carente de Assistência Médica
Limites: Humanos
Tipo de Publ: Artigo Clássico
Responsável: BR15.3 - Biblioteca Emília Bustamante



página 1 de 7 ir para página                  
   


Refinar a pesquisa
  Base de dados : Formulário avançado   

    Pesquisar no campo  
1  
2
3
 
           



Search engine: iAH v2.6 powered by WWWISIS

BIREME/OPAS/OMS - Centro Latino-Americano e do Caribe de Informação em Ciências da Saúde