Base de dados : LILACS
Pesquisa : N01.224.791 [Categoria DeCS]
Referências encontradas : 1053 [refinar]
Mostrando: 1 .. 10   no formato [Detalhado]

página 1 de 106 ir para página                         

  1 / 1053 LILACS  
              next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Almeida, Renan M. V. R
Texto completo
Id: lil-233980
Autor: Delgado-Rodriguez, Patrícia; Almeida, Renan M. V. R; Nobre, Flávio F.
Título: O SIG-APS: um sistema de informaçäo geográfica em atençäo primária em saúde / SIG-APS: geographic information system in primary health care
Fonte: In: Schiabel, Homero; Slaets, Annie France Frère; Costa, Luciano da Fontoura; Baffa Filho, Oswaldo; Marques, Paulo Mazzoncini de Azevedo. Anais do III Fórum Nacional de Ciência e Tecnologia em Saúde. Säo Carlos, s.n, 1996. p.784-784, ilus.
Idioma: pt.
Conferência: Apresentado em: Fórum Nacional de Ciência e Tecnologia em Saúde, 3 e Congresso Brasileiro de Engenharia Biomédica, 15 e Congresso Brasileiro de Físicos em Medicina , 6 e Congresso Brasileiro de Informática em Saúde, 5 e Encontro Brasileiro de Proteçäo Radiológica, Campos do Jordäo, 13-17 out. 1996.
Resumo: O presente trabalho apresenta o SIG-APS, uma ferramenta para apoio na tomada de decisões em nível de Sistemas Locais de Saúde, SILOS, no qual a análise estatística de dados é feita mediante a implementação de interfaces com aplicativos estatísticos convencionais. Como produto final é apresentada a distribuição espacial desses resultados. O SIG-APS foi desenvolvido para ser utilizado em ambiente Windows, para computadores pessoais constituindo-se assim em uma tecnologia de fácil acesso e baixo custo.
Descritores: Tecnologia de Baixo Custo
Atenção Primária à Saúde
Distribuição Espacial da População
Interpretação Estatística de Dados
Sistemas de Informação
Sistemas Locais de Saúde
Tomada de Decisões
-Cálculos
Mapas
Responsável: BR1.1 - BIREME
BR1.1/3012.172


  2 / 1053 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Vasconcellos, Miguel Murat
Texto completo
Id: lil-233920
Autor: Vasconcellos, Miguel Murat; Nobre, Flávio da Fonseca; Galväo, Roberto D.
Título: Modelos de localizaçäo e sistemas de informaçöes geográficas na assistência materna / Location models and geographical information systems in maternal care
Fonte: In: Schiabel, Homero; Slaets, Annie France Frère; Costa, Luciano da Fontoura; Baffa Filho, Oswaldo; Marques, Paulo Mazzoncini de Azevedo. Anais do III Fórum Nacional de Ciência e Tecnologia em Saúde. Säo Carlos, s.n, 1996. p.664-664.
Idioma: pt.
Conferência: Apresentado em: Fórum Nacional de Ciência e Tecnologia em Saúde, 3 e Congresso Brasileiro de Engenharia Biomédica, 15 e Congresso Brasileiro de Físicos em Medicina , 6 e Congresso Brasileiro de Informática em Saúde, 5 e Encontro Brasileiro de Proteçäo Radiológica, Campos do Jordäo, 13-17 out. 1996.
Resumo: Este trabalho discute as possibilidades do uso de modelos matemáticos de localização e sistemas de informações geográficas no apoio de decisões que envolvam a distribuição espacial de serviços de saúde, voltadas a grupos populacionais específicos. São tratados serviços de saúde maternos, sendo o modelo de localização utilizado o problema das p-medianas.
Descritores: Distribuição Espacial da População
Serviços de Saúde
Sistemas de Informação
-Mortalidade Infantil/tendências
Maternidades
Área Programática (Saúde)
Número de Leitos em Hospital
Regionalização/tendências
Responsável: BR1.1 - BIREME
BR1.1/3012.112


  3 / 1053 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: lil-233833
Autor: Muñoz, S. N. M; Hadler, J. C; Paulo, S. R.
Título: Influência da ventilaçäo na distribuiçäo espacial do Rn-222 e seus produtos de decaimento em ambientes de convívio humano / Influence of ventilation in spatial distribuition of Rn-222 and its decay products in human inhabited environments
Fonte: In: Schiabel, Homero; Slaets, Annie France Frère; Costa, Luciano da Fontoura; Baffa Filho, Oswaldo; Marques, Paulo Mazzoncini de Azevedo. Anais do III Fórum Nacional de Ciência e Tecnologia em Saúde. Säo Carlos, s.n, 1996. p.490-490, graf.
Idioma: pt.
Conferência: Apresentado em: Fórum Nacional de Ciência e Tecnologia em Saúde, 3 e Congresso Brasileiro de Engenharia Biomédica, 15 e Congresso Brasileiro de Físicos em Medicina , 6 e Congresso Brasileiro de Informática em Saúde, 5 e Encontro Brasileiro de Proteçäo Radiológica, Campos do Jordäo, 13-17 out. 1996.
Resumo: Para determinar a influência da ventilação (fluxo direcionado de ar produzido por um ventilador) sobre a distribuição espacial do Rn-222 e seus produtos de decaimento (filhos) presentes em ambientes de convívio humano, obteve-se um conjunto de resultados experimentais, por meio da técnica de traços nucleares deixados por partículas alfa sobre detetores plásticos adequados (CR-39). A exposição destes detetores foi realizada num ambiente fechado, considerando a influência da ventilação para diferentes ângulos, velocidades e distâncias do ventilador. Nesta pesquisa, os resultados mostram que uma quantidade relativa de filhos do Rn-222 são retirados do ambiente pelos efeitos de ventilação e "plate-out".
Descritores: Ecologia Humana
Distribuição Espacial da População
Radônio
Ventilação
-Saúde Pública
Responsável: BR1.1 - BIREME
BR1.1/3012.25


  4 / 1053 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Elucir, Gir
Texto completo
Id: lil-747171
Autor: Cunha, Gilmara Holanda da; Fiuza, Maria Luciana Teles; Gir, Elucir; Aquino, Priscila de Souza; Pinheiro, Ana Karina Bezerra; Galvão, Marli Teresinha Gimeniz.
Título: Quality of life of men with AIDS and the model of social determinants of health / Qualidade de vida de homens com AIDS e o modelo da determinação social da saúde / Calidad de vida de hombres con Sida y el modelo de la determinación social de la salud
Fonte: Rev. latinoam. enferm;23(2):183-191, Feb-Apr/2015. tab.
Idioma: en.
Projeto: Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico.
Resumo: OBJECTIVE: to analyze the quality of life (QoL) of men with AIDS from the perspective of the model of social determinants of health (MSDH). METHOD: cross-sectional study conducted in an outpatient infectious diseases clinic from a Brazilian university hospital over the course of one year with a sample of 138 patients. A form based on the MSDH was used to collect sociodemographic data addressing individual, proximal, intermediate determinants and the influence of social networks together with an instrument used to assess the QoL of people with HIV/AIDS. The project was approved by the Institutional Review Board (Protocol No. 040.06.12). RESULTS: according to MSDH, most men with AIDS were between 30 and 49 years old (68.1%), mixed race (59.4%), heterosexual (46.4%), single (64.5%), Catholic (68.8%), had a bachelor's degree (39.2%), had no children (61.6%), and had a formal job (71.0%). The perception of QoL in the physical, level of independence, environment, and spirituality domains was intermediate, while QoL was perceived to be superior in the domains of psychological and social relationship. A perception of lower QoL was presented by homosexual (p=0.037) and married men (p=0.077), and those with income below one times the minimum wage (p=0.042). A perception of greater QoL was presented by those without a religion (p=0.005), living with a partner (p=0.049), and those who had a formal job (p=0.045). CONCLUSION: social determinants influence the QoL of men with AIDS. .

OBJETIVO: analisar a qualidade de vida (QV) de homens com AIDS, na perspectiva do modelo da determinação social da saúde (MDSS). MÉTODO: Estudo transversal, realizado em ambulatório de infectologia de um hospital universitário no Brasil durante um ano, com amostra de 138 pacientes. Para coleta de dados, utilizaram-se o formulário de caracterização sociodemográfica baseado no MDSS, envolvendo os determinantes individuais, proximais, intermediários e influência das redes sociais, além do instrumento de avaliação da QV de pessoas com HIV/AIDS. Projeto aprovado pelo comitê de ética sob protocolo no 040.06.12. RESULTADOS: segundo o MDSS, a maioria dos homens com AIDS possuíam faixa etária de 30-49 anos (68,1%), cor parda (59,4%), heterossexuais (46,4%), solteiros (64,5%), católicos (68,8%), nível superior (39,2%), sem filhos (61,6%) e com vínculo empregatício (71,0%). A percepção da QV foi intermediária nos domínios físico, nível de independência, meio ambiente e espiritualidade, e para domínios psicológico e relações sociais, foi superior. Houve menor percepção da QV para homossexuais (p=0,037), casados (p=0,077) e com renda menor que um salário mínimo (p=0,042). Houve maior percepção da QV para pessoas sem religião (p=0,005), que moravam com parceiro (p=0,049) e com vínculo empregatício (p=0,045). CONCLUSÃO: os determinantes sociais influenciam na QV de homens com AIDS. .

OBJETIVO: analizar la calidad de vida (CV) de hombres con Sida bajo la perspectiva del modelo de la determinación social de la salud (MDSS). MÉTODO: estudio transversal, realizado en ambulatorio de enfermedades infecciosas de un hospital universitario en Brasil, durante un año, con una muestra de 138 pacientes. Para recolección de datos se utilizaron el formulario de caracterización sociodemográfica basado en el MDSS, conteniendo los determinantes individuales, proximales, intermediarios y la influencia de las redes sociales, además del instrumento de evaluación de la CV de personas con HIV/Sida. Proyecto aprobado por el comité de ética con el protocolo n° 040.06.12. RESULTADOS: según el MDSS, la mayoría de los hombres con Sida se encontraba en el intervalo etario de 30 a 49 años (68,1%), color parda (59,4%), heterosexuales (46,4%), solteros (64,5%), católicos (68,8%), nivel superior (39,2%), sin hijos (61,6%) y con vínculo de empleo (71,0%). La percepción de la CV fue intermedia en los dominios: físico, nivel de independencia, medio ambiente y espiritualidad, y para los dominios psicológicos y relaciones sociales, fue superior. Hubo menor percepción de la CV para homosexuales (p=0,037), casados (p=0,077) y con renta menor que un salario mínimo (p=0,042). Hubo mayor percepción de la CV para personas sin religión (p=0,005), que vivían con compañero (p=0,049) y con vínculo de empleo (p=0,045). CONCLUSIÓN: los determinantes sociales influencian la CV de hombres con Sida. .
Descritores: Programas de Imunização/estatística & dados numéricos
Infecções por Papillomavirus/prevenção & controle
Vacinas contra Papillomavirus/administração & dosagem
Distribuição Espacial da População
-Área Programática (Saúde)
Coleta de Dados
Conhecimentos, Atitudes e Prática em Saúde
Disparidades em Assistência à Saúde
Cobertura do Seguro
Mães
Infecções por Papillomavirus/etnologia
Estados Unidos
Neoplasias do Colo do Útero/prevenção & controle
Limites: Seres Humanos
Feminino
Adolescente
Tipo de Publ: Research Support, Non-U.S. Gov't
Research Support, U.S. Gov't, P.H.S.
Research Support, N.I.H., Extramural
Responsável: BR1.1 - BIREME


  5 / 1053 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Marcon, Sônia Silva
Texto completo
Id: lil-758661
Autor: Cecilio, Hellen Pollyanna Mantelo; Higarashi, Ieda Harumi; Marcon, Sonia Silva.
Título: Opinião dos profissionais de saúde sobre os serviços de controle da tuberculose / Health professionals' opinion about services for tuberculosis control
Fonte: Acta paul. enferm;28(1):19-25, Jan-Feb/2015. tab.
Idioma: pt.
Projeto: Fundação Araucária de Apoio ao Desenvolvimento Científico e Tecnológico do Estado do Paraná.
Resumo: Analisar, na perspectiva dos profissionais de saúde, o desempenho dos serviços de controle a tuberculose em relação ao enfoque na família e a orientação para comunidade. Métodos Estudo transversal que incluiu 134 profissionais de saúde da atenção primária. Para cada variável foi determinado um escore médio, posteriormente, submetido à análise de variância. Resultados A dimensão enfoque na família obteve escore satisfatório e apenas a “variável entrega do pote de exame de escarro aos comunicantes” foi classificada como regular. A dimensão orientação para a comunidade foi classificada como insatisfatória, porém a “realização de trabalhos educativos” e a “busca de sintomáticos respiratórios na comunidade” atingiram escore regular. Conclusão De acordo com os profissionais, o desempenho dos serviços de saúde para o controle da tuberculose em relação ao enfoque na família é satisfatório, porém as ações de orientação para a comunidade são insatisfatórias...

To analyze, based on the perspective of health professionals, the performance of services for tuberculosis control in relation to focus on family and community guidance. Methods: This cross-sectional study included 134 primary care health professionals. For each variable a mean score was determined, and the results were then submitted to analysis of variance. Results: The dimension of focus on family had a satisfactory score, and only the variable “giving a sputum test container for contacts” was classified as fair. The dimension “community guidance” was classified as unsatisfactory; however, the dimensions “performance of educational actions” and “looking for respiratory symptoms in the community” were scored as fair. Conclusion: According to professionals, the performance of health services in tuberculosis control with relation to focus on family is satisfactory, but guidance actions for the community are unsatisfactory...
Descritores: Pesquisa sobre Serviços de Saúde
Distribuição Espacial da População
Enfermagem de Atenção Primária
Enfermagem em Saúde Pública
Família
Pessoal de Saúde
Tuberculose/epidemiologia
Tuberculose/prevenção & controle
-Análise de Variância
Estudos Transversais
Limites: Seres Humanos
Responsável: BR1.1 - BIREME


  6 / 1053 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: biblio-1011151
Autor: PESSOA, REBECA MENDES P; BOMFIM, ANA JULIA L; FERREIRA, BIANCA L. CAVALMORETTI; CHAGAS, MARCOS HORTES N.
Título: Diagnostic criteria and prevalence of mild cognitive impairment in older adults living in the community: a systematic review and meta-analysis
Fonte: Arch. Clin. Psychiatry (Impr.) = Rev. psiquiatr. clín. (São Paulo) = Psiquiatria clínica;46(3):72-79, May.-June 2019. tab, graf.
Idioma: en.
Projeto: Capes.
Resumo: Abstract Background Mild Cognitive Impairment (MCI) is a disorder in which the patient presents a cognitive decline, but without negative impact on the activities of daily living. Objective To carry out a systematic review of published studies that analyzed the prevalence of Mild Cognitive Impairment (MCI) in older adults living in the community, and the criteria used for the diagnosis of this disorder. Methods A search was carried out in May 2017 using the descriptors: "epidemiology" or "prevalence", "mild cognitive impairment", and "community" in the PubMed, PsycInfo, SciELO, Web of Science, and Scopus databases. Two independent researchers extracted and documented the data. We used a random effect model to calculate pooled prevalence of MCI for overall studies and for each subgroup divided by diagnostic criteria. Results We found initially 1996 articles, and we selected 35 studies. The prevalence of MCI in the selected studies ranged from 0.5% to 41.8%. The overall pooled prevalence of MCI was 17.3% (CI 95%, 13.8-20.8), with significant heterogeneity between estimates (I2 = 99.6%). Discussion The standardization of the diagnostic criteria for MCI, as well as the tests used in the cognitive evaluation, could allow the comparison between the studies and would be an important step in the researches of this area.
Descritores: Disfunção Cognitiva/diagnóstico
Disfunção Cognitiva/epidemiologia
-Distribuição Espacial da População
Prevalência
Limites: Seres Humanos
Idoso
Idoso de 80 Anos ou mais
Tipo de Publ: Metanálise
57788
Responsável: BR66.1 - Divisão de Biblioteca e Documentação


  7 / 1053 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: biblio-1002708
Autor: Esteves, Katharina Eichbaum; Silva, Marcelo Horikoshi Candido; Nanini-Costa, Maressa Helena; Petesse, Maria Letizia.
Título: Organization of fish assemblages in blackwater Atlantic Forest streams
Fonte: Neotrop. ichthyol;17(1):e180120, 2019. tab, graf.
Idioma: en.
Projeto: Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo; . Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior.
Resumo: This study aimed to determine whether fish species occupy different mesohabitats, as defined by specific criteria of substrate types in Atlantic Forest blackwater streams. We sampled fourteen coastal blackwater rivers along the coast of São Paulo State, Brazil, during the low-flow season (June-September/2016). For each stream, we selected three mesohabitat types (sand, leaf-litter and trunks) in a 100 m river stretch. We sampled 41 mesohabitats, 31 of which contained fish, resulting in 15 species. When multivariate analysis of variance (MANOVA) was applied to the mesohabitat abiotic variables, no significant differences were indicated between them. ANOSIM for species density and biomass and Redundancy Analyses (RDAs) for species density, biomass and fish community indexes showed similar patterns of community structure among mesohabitats. Nevertheless, fish biomass, diversity and richness were associated with such unique environmental features as low shading and shallow habitats. The observed dispersion among mesohabitats suggests that these communities are subject to some level of disturbance, which may affect the value of patches as refugia. Thus, the sharing of these mesohabitat patches among species may represent an opportunistic strategy to maximize the use of available resources for these low density populations living in these unique environments.(AU)

O objetivo do estudo foi testar se espécies de peixes ocupam diferentes mesohabitats definidos por critérios específicos de tipos de substrato em riachos de águas pretas de Mata Atlântica. Durante a estação de baixa vazão (junho-setembro/2016), foram amostrados quatorze riachos costeiros de águas pretas no litoral de São Paulo, Brasil. Para cada riacho, selecionamos três tipos de mesohabitats (areia, folhiço e troncos) em um trecho de rio de 100 m. Amostramos 41 mesohabitats, dos quais 31 com peixes, resultando em 15 espécies. A análise de variância multivariada (MANOVA) aplicada às variáveis abióticas dos mesohabitats, não indicou diferenças significativas entre estes. A ANOSIM para densidade de espécies e biomassa e as Análises de Redundância (RDAs) para densidade de espécies, biomassa e índices da comunidade indicaram padrões semelhantes da estrutura da comunidade entre mesohabitats. No entanto, a biomassa, a diversidade e a riqueza de peixes estiveram associadas a características ambientais específicas tais como habitats rasos e sombreados. Os resultados sugerem que estas comunidades estejam sujeitas a certo nível de perturbação, o que afeta o valor dos mesohabitats como refúgios. Assim, a utilização dos diferentes mesohabitats entre as espécies pode representar uma estratégia oportunista para maximizar o uso de recursos por essas populações de baixa densidade que vivem nestes ambientes peculiares.(AU)
Descritores: Distribuição Espacial da População
Organização Social
Peixes/classificação
Limites: Animais
Responsável: BR68.1 - Biblioteca Virginie Buff D'Ápice


  8 / 1053 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: biblio-961002
Autor: Bolina, Alisson Fernandes; Tavares, Darlene Mara dos Santos.
Título: Living arrangements of the elderly and the sociodemographic and health determinants: a longitudinal study / Arranjo domiciliar de idosos e determinantes sociodemográficos e de saúde: um estudo longitudinal / Acomodación domiciliaria de ancianos y determinantes sociodemográficos y de salud: un estudio longitudinal
Fonte: Rev. latinoam. enferm. (Online);24:e2737, 2016. tab, graf.
Idioma: en.
Projeto: Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico; . Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de Minas Gerais FAPEMIG-MG.
Resumo: ABSTRACT Objectives: to describe the sociodemographic characteristics and the number of morbidities in the elderly, according to the dynamics of living arrangements and evaluate the sociodemographic and health determinants of the living arrangements. Methods: this is a household longitudinal survey (2005-2012), carried out with 623 elderly people. Descriptive statistical analysis and multinomial logistic regression were performed (p<0.05). Results: there was predominance of elderly living alone, accompanied and with change in the living arrangements, females, age range between 60├ 70 years, 1├ 4 years of study and with income between 1├┤ 3 minimum wages. During the development of this research, it was identified an increase in the incidence of elderly with 1├┤3 minimum wages. The number of morbidities increased in the three groups throughout the study, with the highest rates observed among the elderly with change in the dynamics of living arrangements. It was found that elderly men showed less chance of living alone (p=0.007) and having change in the living arrangements compared to women (p = 0.005). Incomes less than a minimum wage decreased the chances of change in the living arrangements compared to incomes above three salaries (p=0.034). Conclusion: the determining factors of the living arrangements were sex and income, and the variables functional capacity and number of morbidities were not associated with the outcome analyzed.

RESUMO Objetivos: descrever as características sociodemográficas e o número de morbidades de idosos, segundo a dinâmica do arranjo domiciliar; e verificar os determinantes sociodemográficos e de saúde do arranjo domiciliar. Métodos: trata-se de uma pesquisa domiciliar e longitudinal (2005-2012), conduzida com 623 idosos. Foi realizada análise estatística descritiva e regressão logística multinomial (p<0,05). Resultados: predominaram, idosos que moram sozinhos, acompanhados e com mudança do arranjo domiciliar, do sexo feminino, faixa etária 60├ 70 anos, 1├ 4 anos de estudo e com renda entre 1├┤ 3 salários mínimos. Durante o desenvolvimento dessa pesquisa, identificou-se uma elevação da distribuição de idosos com 1├┤3 salários mínimos. O número de morbidades aumentou nos três grupos ao longo do estudo, com maiores taxas entre os idosos que mudaram a dinâmica do arranjo domiciliar. Verificou-se que idosos do sexo masculino apresentaram menores chances de morar sozinhos (p=0,007) e mudar o arranjo domiciliar comparados às mulheres (p = 0,005). Ganhar menos de um salário mínimo diminuiu as chances de mudança do arranjo domiciliar em relação aos que ganham mais de três salários (p=0,034). Conclusão: os fatores determinantes do arranjo domiciliar foram o sexo e a renda, sendo que as variáveis capacidade funcional e número de morbidades não estiveram associadas ao desfecho analisado.

RESUMEN Objetivos: describir las características sociodemográficas y el número de enfermedades concomitantes de ancianos, según la dinámica de la acomodación domiciliaria; y verificar los determinantes sociodemográficos y de salud del espacio domiciliario. Métodos: se trata de una investigación domiciliaria y longitudinal (2005-2012), realiza con 623 ancianos. Fue realizado análisis estadístico descriptivo y regresión logística multinomial (p<0,05). Resultados: predominaron, ancianos que viven solos, acompañados y con cambio de acomodación domiciliaria, del sexo femenino, intervalo etario 60├ 70 años, 1├ 4 años de estudio y con ingreso mensual entre 1├┤3 sueldos mínimos. Durante el desarrollo de la investigación, se identificó una aumento en la distribución de ancianos de 1├┤3 sueldos mínimos. El número de enfermedades concomitantes aumentó en los tres grupos a lo largo del estudio, con mayores tasas entre los ancianos que cambiaron la dinámica de la acomodación domiciliaria. Se verificó que ancianos del sexo masculino presentaron menores probabilidades de vivir solos (p=0,007) y de cambiar la acomodación domiciliaria, comparados a las mujeres (p = 0,005). Ganar menos de un salario mínimo disminuye las probabilidades de cambiar la acomodación domiciliaria en relación a los que ganan más de tres sueldos (p=0,034). Conclusión: los factores determinantes de la acomodación domiciliaria fueron el sexo y la ingreso mensual, siendo que las variables capacidad funcional y número de enfermedades concomitantes, no estuvieron asociadas al resultado analizado.
Descritores: Distribuição Espacial da População
Geriatria
-Estudos Longitudinais
Determinantes Sociais da Saúde
Limites: Seres Humanos
Masculino
Feminino
Meia-Idade
Idoso
Idoso de 80 Anos ou mais
Responsável: BR21.1 - Biblioteca J Baeta Vianna- Campus Saúde UFMG


  9 / 1053 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: biblio-955467
Autor: Marinho, Gerson L; Caldas, Aline Diniz Rodrigues; Santos, Ricardo Ventura.
Título: Indígenas residentes em domicílios "improvisados" segundo o Censo Demográfico 2010 / Indigenous residents in "improvised" households according to the 2010 Brazilian National Census
Fonte: Physis (Rio J.);27(1):79-102, jan.-mar. 2017. tab, graf.
Idioma: pt.
Projeto: Fundação Carlos Chagas Filho de Amparo à Pesquisa do Estado do Rio de Janeiro.
Resumo: Resumo Os censos nacionais brasileiros empregam uma classificação de domicílios que se baseia nas categorias de "permanente", "improvisado" e "coletivo". Tal categorização é relevante para o campo da saúde, pois informações detalhadas sobre saneamento são coletadas somente para domicílios classificados como "permanentes". Este estudo descreve características sociodemográficas dos indígenas (sexo, idade, alfabetização, rendimento e etnia) que residiam em domicílios "improvisados" segundo o Censo Demográfico de 2010. A ocorrência de indígenas em domicílios "improvisados" (3,3 por mil indígenas) foi o dobro daquela observada para o país como um todo (1,5 por mil pessoas). Comparados aos indígenas em domicílios "permanentes", aqueles em "improvisados" apresentaram menores proporções de pessoas alfabetizadas e menores rendimentos, sobretudo em áreas urbanas e fora de terras indígenas. Guarani Kaiowá e Kaingang residentes fora de terras indígenas apresentaram as mais expressivas ocorrências de residentes em domicílios "improvisados" (82,0 e 90,9 por mil, respectivamente). Argumenta-se que, ao mesmo tempo que a caracterização de uma moradia indígena como "improvisada" pode decorrer de problemas na definição e aplicação das categorias, é possível que, sobretudo no contexto urbano e fora de terras indígenas, os indígenas residentes em domicílios "improvisados" apresentem maior vulnerabilidade socioeconômica.

Abstract Brazilian national censuses classify households according to three categories: "permanent", "improvised", and "collective". This classification scheme is relevant for analysis of health profiles because detailed sanitation data are only collected for the subset of "permanent" households. Based on data from the 2010 Brazilian National Census, in this paper we investigate sociodemographic characteristics (sex, age, literacy, per capita income, and ethnic affiliation) of Indigenous persons residing in households classified as "improvised". The occurrence of indigenous residents in "improvised" households (3.3 per thousand Indigenous individuals) was twice that observed for non Indigenous persons (1.5 per thousand individuals). Indigenous persons residing in "improvised" households presented lower literacy rates and per capita income, especially in urban areas and outside Indigenous reserves. Guarani Kaiowá e Kaingang in urban areas and outside Indigenous reserves had greater proportions of individuals residing in "improvised" households (82.0 and 90.9 per thousand, respectively). While the higher frequencies of Indigenous persons living in "improvised" households may involve problems in defining and applying these categories, it is possible that Indigenous persons living in "improvised" households, especially in urban areas and outside indigenous reservations, are more socioeconomically vulnerable.
Descritores: Brasil
Distribuição Espacial da População
Saneamento
Censos
Saúde de Populações Indígenas
Iniquidade Social
Habitação
Limites: Seres Humanos
Tipo de Publ: Revisão
Responsável: BR433.1 - CB/C - Biblioteca Biomédica C


  10 / 1053 LILACS  
              first record previous record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: biblio-908840
Autor: Dias, Ewerton Naves; Pais-Ribeiro, José Luís.
Título: Qualidade de vida: comparação entre idosos de uma comunidade brasileira e idosos institucionalizados / Quality of life: comparison between the elderly in a Brazilian community and the institutionalized elderly / Calidad de vida: comparación entre los ancianos de una comunidad brasileña y mayores institucionalizados
Fonte: Rev. Kairós;21(1):37-54, mar. 2018. tab.
Idioma: pt.
Resumo: O objetivo deste estudo foi comparar a qualidade de vida entre idosos que vivem em uma comunidade brasileira, e idosos que vivem em instituições de longa permanência (ILPI). Trata-se de um estudo comparativo, transversal e quantitativo. Os idosos institucionalizados apresentaram escores menores estatisticamente significativos em todos os domínios de qualidade de vida, quando comparados aos idosos que vivem em comunidade Viver em uma instituição de longa permanência para idosos parece ser um fator que compromete a qualidade de vida dos idosos que lá vivem.

The objective of this study was to compare the quality of life among elderly people living in a Brazilian community, and elderly people living in long - term care institutions. It is a comparative, cross-sectional and quantitative study. The institutionalized elderly showed statistically significant lower scores in all domains of quality of life when compared to the elderly living in the community. Living in a long-term institution seems to be a factor that compromises the quality of life of the elderly living there.

El objetivo de este estudio fue comparar la calidad de vida entre personas mayores que viven en una comunidad brasileña, y mayores que viven en instituciones de larga permanencia. Se trata de un estudio comparativo, transversal y cuantitativo. Los ancianos institucionalizados presentaron escores menores estadísticamente significativos en todos los ámbitos de calidad de vida en comparación con los ancianos que viven en la comunidad. Vivir en una institución de larga permanencia parece ser un factor que compromete la calidad de vida de los mayores que viven allí.
Descritores: Qualidade de Vida
Idoso
Distribuição Espacial da População
Instituição de Longa Permanência para Idosos
Limites: Seres Humanos
Masculino
Feminino
Meia-Idade
Idoso
Idoso de 80 Anos ou mais
Responsável: BR195.3 - Biblioteca Nadir Gouvêa Kfouri



página 1 de 106 ir para página                         
   


Refinar a pesquisa
  Base de dados : Formulário avançado   

    Pesquisar no campo  
1  
2
3
 
           



Search engine: iAH v2.6 powered by WWWISIS

BIREME/OPAS/OMS - Centro Latino-Americano e do Caribe de Informação em Ciências da Saúde