Base de dados : LILACS
Pesquisa : N01.400.300 [Categoria DeCS]
Referências encontradas : 3674 [refinar]
Mostrando: 1 .. 10   no formato [Detalhado]

página 1 de 368 ir para página                         

  1 / 3674 LILACS  
              next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: biblio-1287725
Autor: Silva, Gabriela Kauana; Rocha-Brischiliari, Sheila Cristina; Miura, Aline Suelen; Martins, Wesley; Becker, Mariane; Santos, Marieta Fernandes.
Título: Violência por parceiro íntimo em região de tríplice fronteira / Violencia de pareja en una región triple frontera / Intimate partner violence in a region of the triple border
Fonte: REME rev. min. enferm;25:[e:1361], 2021. tab.
Idioma: pt.
Resumo: RESUMO Objetivo: analisar a prevalência da violência por parceiro íntimo contra mulheres e seus fatores associados. Método: estudo descritivo e transversal, quantitativo, com mulheres usuárias das unidades básicas de saúde de Foz do Iguaçu, análise realizada por meio de testes qui-quadrado de Mantel-Haenszel nos fatores de risco e proteção baseados na OddsRatio (OR). Resultados: foram realizadas 565 entrevistas com mulheres usuárias das unidades de saúde da família na atenção básica do município. A maior prevalência foi de violência psicológica (51,3%), seguida da física (36,5%) e sexual (22,8%). Com base nos dados, os maiores fatores de risco para a violência foram: idade; alto nível de escolaridade; estado civil divorciado; uso de drogas e antecedentes familiares de violência na família do parceiro; e temperamento do parceiro. Conclusão: conhecer os fatores associados ao agravo ajuda em sua identificação e melhor manejo na Estratégia Saúde da Família (ESF), bem como contribui para que o município estabeleça ações de educação continuada para profissionais do ESF, a fim de sensibilizar para uma abordagem da violência no cotidiano desses serviços.

RESUMEN Objetivo: analizar la prevalencia de violencia de pareja contra la mujer y sus factores asociados. Método: estudio descriptivo, transversal, cuantitativo con mujeres de unidades básicas de salud en Foz do Iguaçu, análisis realizado mediante pruebas de chi-cuadrado de Mantel-Haenszel sobre factores de riesgo y protección basados en OR (OddsRatio). Resultados: se realizaron 565 entrevistas a mujeres usuarias de unidades de salud familiar en atención primaria de la ciudad. La mayor prevalencia fue de violencia psicológica (51,3%), seguida de física (36,5%) y sexual (22,8%). Según los datos, los mayores factores de riesgo de violencia fueron: edad; alto nivel de educación; estado civil divorciado; uso de drogas y antecedentes familiares de violencia en la familia de la pareja; y temperamento de pareja. Conclusión: conocer los factores asociados a la enfermedad ayuda en su identificación y mejor manejo en la Estrategia de Salud de la Familia (ESF), así como también ayuda al municipio a establecer acciones de educación continua para los profesionales de ESF, con el fin de sensibilizar sobre un abordaje de la violencia en la vida diaria de estos servicios.

ABSTRACT Objective: to analyze the prevalence of intimate partner violence against women and its associated factors. Method: a descriptive, cross-sectional and quantitative study, conducted with women who are users of the Foz do Iguaçu Basic Health Units. Analysis was performed using Mantel-Haenszel chi-square tests in the risk and protection factors based on Odds Ratio (OR). Results: a total of 565 interviews were conducted with women who use Family Health Units in the primary care network of the municipality. The highest prevalence was that of psychological violence (51.3%), followed by physical (36.5%) and sexual (22.8%). Based on the data, the highest risk factors for violence were as follows: high schooling level; marital status: divorced; drug abuse and family history of violence in the partner's family; and partner's temper. Conclusion: knowing the factors associated with the problem helps in its identification and improves the management in the Family Health Strategy (Estratégia Saúde da Família - ESF), as well as it contributes so that the municipality establishes continuing education actions for ESF professionals, in order to raise awareness for an approach to violence in the routine of these services.
Descritores: Áreas de Fronteira
Saúde da Mulher
Violência Doméstica
Violência por Parceiro Íntimo
-Atenção Primária à Saúde
Saúde da Família
Fatores de Risco
Limites: Humanos
Feminino
Responsável: BR21.2 - BVS Enfermería


  2 / 3674 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: biblio-953186
Autor: Cesar, Paulo Augusto Monteclaro; Liberal, Márcia Mello Costa De; Marvulle, Valdecir; Zucchi, Paola.
Título: Analysis of the indicators of the Family Health Program in the Metropolitan Region of São Paulo / Análise dos indicadores do Programa Saúde da Família na Região Metropolitana de São Paulo
Fonte: Einstein (Säo Paulo);16(3):eGS4174, 2018. tab.
Idioma: en.
Resumo: ABSTRACT Objective To analyze the Family Health Program replaced by the Family Health Strategy in 2011, based on health indicators and diseases classified as primary care sensitive. Methods This was a descriptive, analytical and documental study carried out in the Metropolitan Region of São Paulo between 2002 and 2007. We analyzed data from Health observatory for the Metropolitan Region of São Paulo. Pearson's correlation and the Statistical Package for the Social Sciences software version 17.0 were used to calculate data associations. Results We used 30 of the 31 health indicators of 24 from the 39 studied municipalities. A total of 720 (100%) health primary care sensitive indicators were analyzed in the Metropolitan Region of São Paulo. Conclusion Percentages of improvements and worsening were low. In addition, some data were not presented. The majority of indicators remained stable.

RESUMO Objetivo Analisar o Programa Saúde da Família, substituído pela Estratégia Saúde da Família em 2011, considerando os indicadores de saúde e as doenças classificadas como sensíveis à Atenção Primária. Métodos Trata-se de estudo descritivo, analítico e documental, realizado na Região Metropolitana de São Paulo, no período de 2002 a 2007. Foram analisados dados fornecidos pelo Observatório de Saúde da Região Metropolitana de São Paulo. Após a coleta, calcularam-se, com base na correlação de Pearson e por meio do software SPSS, versão 17.0, as associações entre os dados. Resultados Foram usados 30 dos 31 indicadores de saúde de 24 dos 39 municípios pesquisados. Foram analisados 720 (100%) indicadores de saúde sensíveis à Atenção Primária na Região Metropolitana de São Paulo. Conclusão Foram baixos os percentuais de melhoras e pioras, ou, ainda, os dados não foram apresentados. A maioria permaneceu estável.
Descritores: Atenção Primária à Saúde/estatística & dados numéricos
Saúde da Família/estatística & dados numéricos
-Fatores Socioeconômicos
População Urbana
Brasil
Características de Residência
Estudos Retrospectivos
Cidades
Acesso aos Serviços de Saúde/estatística & dados numéricos
Programas Nacionais de Saúde
Limites: Humanos
Responsável: BR1.1 - BIREME


  3 / 3674 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: biblio-891427
Autor: Rigo, Lilian; Garbin, Raíssa Rigo; Rodrigues, José Lucas Sani de Alcântara; Menezes-Júnior, Laerte Ribeiro; Paranhos, Luiz Renato; Barelli, Cristiane.
Título: Self-perceived quality of health and satisfaction by elderly seen by the Family Health Strategy team / Autopercepção da qualidade de saúde e satisfação de idosos acompanhados por equipe Estratégia Saúde da Família
Fonte: Einstein (Säo Paulo);15(4):428-434, Oct.-Dec. 2017. tab.
Idioma: en.
Resumo: ABSTRACT Objective: To verify the profile of elderly followed up by Family Health Strategy teams and the influence of self-reported chronic diseases on demographic variables, describing self-perception and satisfaction with quality of health. Methods: This is a cross-sectional population- based study carried out with 301 elderly residents in two areas of a city in southern Brazil. Data were collected through a questionnaire based on the Health, Well-Being, and Aging Study adapted by researchers, and a playful scale to assess satisfaction with health. For the statistical analysis, the χ2 test was used (p<0.05). Results: Regarding cognitive assessment, the majority was classified as independent (86.4%), not requiring caregiver assistance to answer the questionnaire. The population was predominantly female (55.8%), White (64.8%), married (51.2%), and catholic (82.1%). A total of 47.5% considered their current health status as regular. Regarding satisfaction with health, 72.4% were happy, even reporting having at least one chronic health problem (58.5%). Conclusion: The presence of chronic diseases was reported by most respondents, and the practice of self-medication is significantly more frequent among the aged. Nevertheless, the degree of satisfaction with their health status was predominantly positive, both related to the previous year and compared to others of the same age.

RESUMO Objetivo: Verificar o perfil de idosos acompanhados por equipes Estratégia Saúde da Família e a influência de doenças crônicas autorreferidas nas variáveis sociodemográficas, descrevendo a autopercepção e a satisfação com a qualidade de sua saúde. Métodos: Pesquisa transversal, de base populacional, realizada com 301 idosos residentes em duas áreas de um município do sul do Brasil. Os dados foram coletados por um questionário baseado no questionário do estudo Saúde, Bem-Estar e Envelhecimento, adaptado pelos pesquisadores, e um escala lúdica, para avaliar a satisfação com a saúde. Para a análise estatística, foi utilizado o teste χ2 (p<0,05). Resultados: Com relação à avaliação cognitiva, a maioria da população foi classificada como independente (86,4%), não necessitando de auxílio de cuidador para responder o questionário. A população foi predominantemente feminina (55,8%), branca (64,8%), casada (51,2%) e católica (82,1%). Ainda, 47,5% consideraram seu estado de saúde atual como regular. Com relação à satisfação com a saúde, 72,4% sentiam-se felizes, mesmo tendo relatado possuir, no mínimo, um problema de saúde crônico (58,5%). Conclusão: A presença de doenças crônicas foi relatada pela maioria dos entrevistados, com a prática de automedicação significativamente mais frequente nestes idosos. Apesar disto, o grau de satisfação com suas condições de saúde foi referido de forma predominantemente positiva, tanto em relação ao ano anterior quanto quando comparado a outras pessoas da mesma idade.
Descritores: Satisfação Pessoal
Qualidade de Vida
Avaliação Geriátrica
Saúde da Família
Doença Crônica/psicologia
Autoavaliação Diagnóstica
-Fatores Socioeconômicos
Brasil
Avaliação de Programas e Projetos de Saúde
Estudos Transversais
Inquéritos Epidemiológicos
Distribuição por Idade
Pessoa de Meia-Idade
Limites: Humanos
Feminino
Gravidez
Idoso
Idoso de 80 Anos ou mais
Responsável: BR1.1 - BIREME


  4 / 3674 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: lil-721225
Autor: Vásquez-Rojas, Rafael; Quijano-Serrano, Margarita.
Título: Cuando el intento de suicidio es cosa de niños / When a Suicide Attempt is Kid's Stuff
Fonte: Rev. colomb. psiquiatr;42(supl.1):36-46, oct.-dic. 2013. ilus, tab.
Idioma: es.
Resumo: Introducción: El intento de suicidio en niños es un tema preocupante y doloroso para los pacientes, sus familias y tratantes. La literatura médica provee poca información acerca de los pacientes menores de edad que intentan suicidarse, posiblemente debido a que existe un subregistro de esta condición como diagnóstico; o a que en ocasiones se considera que el intento de suicidio es una manera del menor de llamar la atención. Objetivo: Mostrar la experiencia del Departamento de Psiquiatría de la Universidad Nacional en el Hospital de la Misericordia, desde el 2003 hasta el 2013. Métodos: Estudio retrospectivo observacional, con la revisión de 213 casos de menores de edad atendidos por intento de suicidio en el Hospital Infantil de la Misericordia desde el 1 de enero de 2003 al 31 de octubre de 2013, que recibieron atención intrahospitalaria o por consulta externa en el servicio de Psiquiatría Infantil. Resultados: Se realizó una revisión de los diagnósticos, el número de intentos de suicidio, los meses de mayor consulta por este motivo y los métodos; así como una descripción detallada del grupo de pacientes menores de 12 años y de aquellos a los que se logró hacer seguimiento por consulta externa. Conclusión: El paciente promedio es una adolescente que se intoxica con medicamentos. Lo más frecuente es que los pacientes no regresen a seguimiento por consulta externa. Los que se han seguido tienen psicopatologías múltiples y un nivel de sufrimiento alto. Los métodos usuales, aparte de la intoxicación medicamentosa, son el ahorcamiento y el lanzamiento desde alturas. Los pacientes menores de 12 años generalmente presentan el primer intento y el método es la intoxicación medicamentosa. Hay un predominio de trastorno de ansiedad y depresión, con una fuerte asociación con disfunción cognitiva como factor de vulnerabilidad.

Introduction: Attempted suicide in children and adolescents is a disturbing and painful issue for patients, their families and physicians. Current medical literature provides little information about minors who attempt suicide, possibly because there is under-reporting of this condition as a diagnosis, or maybe because it is sometimes considered as a way for the child to draw attention. Objective: To present the experience of the Department of Psychiatry (Universidad Nacional de Colombia) at the Hospital Infantil de La Misericordia, from 2003 to 2013. Methods: An observational retrospective study was conducted by reviewing 213 cases of children and adolescents treated for attempted suicide at the Hospital Infantil de La Misericordia from January 1, 2003 to October 31, 2013, and who received hospital or outpatient care in Child Psychiatry. Results: A review was performed of the diagnosis, the number of suicide attempts, the peak months of consultation for this reason, and the methods selected, as well as a detailed description of the group of patients under 12 years old, and those managed with outpatient follow-up. Conclusion: The average patient is a female teenager who becomes intoxicated with drugs. Most often, patients do not return to outpatient follow-up. Those with follow-up have multiple psychopathologies and a high level of suffering. The most common methods, other than poisoning by drugs, are hanging and jumping from heights. Patients under 12 years old gene-rally have their first attempt by drug poisoning. There is a predominance of anxiety disorder and depression, with a strong association with cognitive dysfunction, as a vulnerability factor.
Descritores: Tentativa de Suicídio
-Ansiedade
Suicídio
Criança
Saúde da Família
Adolescente
Afeto
Angústia Psicológica
Limites: Humanos
Masculino
Feminino
Pré-Escolar
Criança
Adolescente
Responsável: CO78 - Asociación Colombiana de Psiquiatría


  5 / 3674 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Texto completo
Id: biblio-1178195
Autor: Paraguay. Ministerio de Salud Pública y Bienestar Social; .Dirección General de Vigilancia de la Salud.
Título: Manual de funciones de las unidades de salud de la familia (USF) / Manual of functions of family health units.
Fonte: Asunciòn; MSPBS; DGAPS; 2016. 71 p p.
Idioma: es.
Resumo: Constituye en un instrumento de apoyo al que hacer institucional para la coordinación, dirección y evaluación y para consultas en el desarrollo cotidiano de las actividades del equipo de de la salud de la familia.
Descritores: Atenção Primária à Saúde
Saúde da Família
Imagem de Contraste de Manchas a Laser
-Paraguai
Saúde Pública
Limites: Humanos
Tipo de Publ: Manual de Referência
Responsável: PY40.1 - Biblioteca


  6 / 3674 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Texto completo
Id: biblio-1178194
Autor: Paraguay. Ministerio de Salud Pública y Bienestar Social; .Dirección General de Atención Primaria de la Salud.
Título: Guía de trabajo en atención primaria de la salud / Work guide in primary health care.
Fonte: Asunciòn; MSPBS; DGAPS; Enero 2017. 88 p p.
Idioma: es.
Resumo: La Guía de trabajo en Atención Primaria de la Salud documento fundamental para la coordinación, dirección y evaluación de las funciones de los Equipos de Salud de la Familia (ESF), y Equipos de los Departamentos Regionales de Atención Primaria de la Salud. Se constituye en un material de consulta para el mejor desempeño de las funciones del Equipo de Salud de la Familia (ESF), por lo que se considera como un instrumento que apoya a la implementación de la estrategia de la Atención Primaria de la Salud (APS) para el mejoramiento de la funciones y la revisión constante y actualizadas de las funciones, estructuras y procedimientos de trabajo en las Unidades de Salud de la Familia (USF).
Descritores: Atenção Primária à Saúde
Imagem de Contraste de Manchas a Laser
-Paraguai
Saúde da Família
Promoção da Saúde
Limites: Humanos
Tipo de Publ: Guia
Responsável: PY40.1 - Biblioteca


  7 / 3674 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: biblio-1004061
Autor: Amarijo, Cristiane Lopes; Barlem, Edison Luiz Devos; Acosta, Daniele Ferreira; Marques, Sérgio Correa.
Título: Assimilação teórica e prática da violência doméstica: profissionais de enfermagem atendendo vítimas na atenção primária / Assimilating the theory and practice of domestic violence: nursing professionals providing primary care for victims / Asimilación teórica y práctica sobre la violencia doméstica: profesionales de la enfermería atendiendo a víctimas en la atención primaria
Fonte: Rev. enferm. UERJ;26:e33874, jan.-dez. 2018. graf.
Idioma: pt.
Resumo: Objetivo: analisar a assimilação teórica e prática acerca da violência doméstica contra a mulher (VDCM) entre profissionais de enfermagem, considerando o atendimento às vítimas em unidade de saúde da família. Método: pesquisa qualitativa, fundamentada na Teoria das Representações Sociais, realizada com 25 profissionais de enfermagem. Os dados foram coletados através de entrevista semiestruturada, inseridos no software Nvivo 10 e tratados a partir da análise de conteúdo. Resultados: foram elaboradas duas categorias analíticas: Os componentes da VDCM: conceito, imagem e atitude e Detecção dos casos de VDCM. Conclusão: a representação estruturada contendo imagem, conceito e atitude expõe a influência do contexto profissional. Acredita-se que a articulação, em rede, dos serviços de proteção e assistência às vítimas, tornariam o atendimento mais efetivo, resolutivo e integral às mulheres assistidas na atenção básica.

Objective: to examine how nursing professionals in a family health unit assimilate the theory and practice of domestic violence against women (DVAW). Method: in this qualitative study, based on Social Representations Theory, data were collected from 25 nursing professionals by semi-structured interview, entered into Nvivo 10 software and treated by content analysis. Results: two analytical categories were elaborated: the components of DVAW (concept, image and attitude); and detection of cases of DVAW. Conclusion: the structured representation (containing image, concept and attitude) reveals the influence of the professional context. It is believed that articulating victim protection and care services in a network would render primary care for women more effective, decisive and comprehensive.

Objetivo: analizar la asimilación teórica y práctica acerca de la violencia doméstica contra la mujer (VDCM) entre profesionales de enfermería, considerando la atención a las víctimas en unidad de salud de la familia. Método: investigación cualitativa, fundamentada en la Teoría de las Representaciones Sociales, realizada junto a 25 profesionales de enfermería. Los datos fueron recolectados por medio de entrevistas semiestructuradas, insertadas en el software Nvivo 10 y tratados a partir del análisis de contenido. Resultados: se elaboraron dos categorías analíticas: Los componentes de la VDCM: concepto, imagen y actitud y Detección de los casos de VDCM. Conclusión: la representación estructurada que contiene imagen, concepto y actitud expone la influencia del contexto profesional. Se cree que la articulación, en red, de los servicios de protección y asistencia a las víctimas, volvería la atención más efectiva, resolutiva e integral a las mujeres asistidas en la atención básica.
Descritores: Atenção Primária à Saúde
Saúde da Família
Enfermagem
Violência Doméstica
Violência contra a Mulher
-Violência
Pesquisa Metodológica em Enfermagem
Agressão
Limites: Animais
Feminino
Adulto
Pessoa de Meia-Idade
Responsável: BR1366.1 - Biblioteca Biomédica B - CB/B (Odontologia e Enfermagem)


  8 / 3674 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: biblio-1004054
Autor: Silva, Sabrina Bezerra da; Souto, Rafaella Queiroga; Alves, Fábia Alexandra Pottes; Morais, Tibério Gambarra; Araújo, Gleicy Karine Nascimento de; Honorato, Mikellayne Barbosa.
Título: Características de mulheres obesas assistidas pelo Núcleo de Apoio à Saúde da Família / Characteristics of obese women receiving care from a Family Health Support Unit / Características de mujeres obesas asistidas por el Núcleo de Apoyo a la Salud de la Familia
Fonte: Rev. enferm. UERJ;26:e22565, jan.-dez. 2018. tab.
Idioma: pt.
Resumo: Objetivo: descrever a eficácia do grupo de reeducação alimentar e controle de peso do Núcleo de Apoio à Saúde da Família (NASF) no município de Santa Luzia-PB. Método: trata-se de um ensaio comunitário, realizado no período de abril a setembro de 2015. As participantes foram avaliadas por meio de uma consulta e avaliação nutricional antes e depois da realização das atividades educativas. A população é composta por 15 pacientes do sexo feminino, com Índice de Massa Corporal (IMC) acima de 30Kg/m2. Temas como hábitos saudáveis e práticas de atividades físicas foram discutidos em palestras expositivas e rodas de conversas. Resultado: verificou-se redução significativa no IMC das pacientes (p=0,000), de 36,22 Kg/m² (antes da intervenção) para 32,94 Kg/m² (depois), evidenciando a importância do grupo na melhoria da qualidade de vida dos usuários. Conclusão: a redução do IMC foi satisfatória, reforçando a relevância da equipe do NASF e manutenção do grupo.

Objective: to describe the efficacy of the eating re-education and weight control group of the Family Health Support Center (FHSC) in the city of Santa Luzia, Paraíba. Method: in this community trial, conducted from April to September 2015, participants were evaluated by nutritional consultation and nutritional assessment before and after the educational activities. The population comprised 15 female patients, with body mass index (BMI) above 30 kg/m². Issues such as healthy habits and physical activities were discussed in lectures and conversation circles. Results: significant reduction was observed in participants' BMI (p = 0.000), from 36.22 kg/m² (before the intervention) to 32.94 kg/m² (afterwards), evidencing the importance of the group in improving the quality of users' lives. Conclusion:BMI reduction was satisfactory, underlining the importance of the FHSC team and of maintaining the group.

Objetivo: describir la eficacia del grupo de reeducación alimentaria y control de peso del Núcleo de Apoyo a la Salud de la Familia (NASF) en el municipio de Santa Luzia-Paraíba. Método: se trata de un ensayo comunitario, realizado en el período de abril a septiembre de 2015. Las participantes fueron evaluadas por medio de consulta y evaluación nutricional antes y después de la realización de las actividades educativas. La población se compone de 15 pacientes del sexo femenino, con Índice de Masa Corporal (IMC) superior a 30 Kg/m². Los temas como hábitos saludables y prácticas de actividades físicas se discutieron en charlas expositivas y ruedas de conversación. Resultados: se observó una reducción significativa en el IMC de las pacientes (p=0,000), de 36,22 Kg/m² (antes de la intervención) a 32,94 Kg/m² (después), evidenciando la importancia del grupo en la mejora de la calidad de la vida de los usuarios. Conclusión: la reducción del IMC fue satisfactoria, reforzando la relevancia del equipo del NASF y el mantenimiento del grupo.
Descritores: Atenção Primária à Saúde
Índice de Massa Corporal
Saúde da Família
Sobrepeso
Obesidade/enfermagem
-Educação em Saúde
Doenças não Transmissíveis
Limites: Humanos
Feminino
Adulto
Pessoa de Meia-Idade
Responsável: BR1366.1 - Biblioteca Biomédica B - CB/B (Odontologia e Enfermagem)


  9 / 3674 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: biblio-1284257
Autor: Neves Filho, José Moura.
Título: Saúde mental, atenção primária e a estratégia Saúde da Família: a implantação de unidades básicas de apoio em saúde mental na região sul do município de São Paulo - um estudo de caso / Mental health, primary attention and Family Health Strategy: the implantation of basic units as a support for mental health in the south region of São Paulo municipality a case study.
Fonte: São Paulo; s.n; 2010. 330 p.
Idioma: pt.
Tese: Apresentada a Universidade de São Paulo. Faculdade de Saúde Pública para obtenção do grau de Mestre.
Resumo: Introdução Dada a sua crescente relevância epidemiológica e seu grande impacto na saúde das populações, diversos governos e entidades no mundo inteiro têm se preocupado com o tema da Saúde Mental. O relevante investimento em estudos epidemiológicos realizado no Brasil vem comprovando os índices alarmantes encontrados no mundo todo, especialmente na Atenção Primária da Saúde. No contexto da Reforma Sanitária Brasileira com a implantação do Sistema Único de Saúde, outro movimento, o da Reforma Psiquiátrica, ganhou alcance político e consolidou se como política pública de saúde no âmbito governamental e implantou importantes mudanças no modelo assistencial, deslocando a centralidade hospitalar anterior para um modelo assistencial de base comunitária. A implantação do SUS trouxe importantíssimas mudanças no modelo tecnoassistencial da saúde conformando outros arranjos na chamada Atenção Primária da Saúde, com o desenvolvimento da Estratégia Saúde da Família. Reconheceu-se a necessidade de maior presença e articulação de ações de Saúde Mental nesse nível de atenção. Objetivo: Analisar, na percepção dos profissionais envolvidos, a implantação de um Programa de Apoio à Saúde Mental na Atenção Primária de Saúde, articulada na Estratégia Saúde da Família. Métodos: Estudo de caso, de abordagem qualitativa. Utilizou-se pesquisa documental, entrevistas, discussão em grupo e observação em campo. Os dados foram submetidos à análise de conteúdo, agrupados em categorias, expostos à triangulação e discutidos à luz de seus pressupostos teóricos. Resultados: Foram observados resultados favoráveis, impasses e desafios na integração de ações de saúde mental na Estratégia Saúde da Família. Conclusões: A necessidade de ampliação do programa para se alcançar um maior grau de implantação, foi constatada. Mudanças na Estratégia de Saúde da Família deveriam ser sugeridas com o intuito de contemplar e integrar ações de saúde mental em seu âmbito, principalmente para conseguir alcançar - se o princípio da Integralidade

Introduction Due to its increasing epidemiological relevance and its great impact on the populations health, various governments and worldwide entities have been concerned about Health Mental themes. The relevant investment on epidemiological studies carried out in Brazil proved the alarming index found all over the world, especially on Primary Attention of Health. In the context of the Brazilian Sanitary Reform with the implantation of the Health Unique System, the Psychiatric Reform movement got a political reach and consolidation as public politics of health in the governmental ambit besides implanting expressive changes in the assistance models, moving the former hospital centrality to an assistance model of community base. The implantation of SUS has brought important changes to the techno-assistance model of health, adjusting other arrangements in the Primary Attention of Health with the development of the Family Health Strategy. It has been recognized the need of more presence and more articulation of Mental Health actions on this level of attention. Objective: To analyze, from the involved professionals perception, the implantation of a Supporting Program for the Mental Health in the Primary Attention of Health, linked to the Family Health Strategy. Methods: Case study of qualitative approach. Documental research, interviews, group discussion have been used as well as field observation. Data have been submitted to content analysis, clustered into categories, exposed to triangulation and discussed under the sight of their theoretical pretexts. Results: Favorable results, impasses and challenges in the integration of mental health actions in the Family Health Strategies have been noticed. Conclusions: The need of the program enlargement in order to reach a higher degree of implantation has been verified. Changes in the Family Health Strategy should be suggested with the purpose of contemplating actions and integrating mental health actions in its ambit, mainly to get to reach the principle of integrality
Descritores: Atenção Primária à Saúde
Política Pública
Saúde Mental
Saúde da Família
Política de Saúde
Programas Nacionais de Saúde
Responsável: BR67.1 - CIR - Biblioteca - Centro de Informação e Referência


  10 / 3674 LILACS  
              first record previous record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Cuba
Texto completo
Id: biblio-1251758
Autor: Aquino Canchari, Christian Renzo.
Título: Anemia infantil en el Perú: un problema aún no resuelto / Children anemia in Peru: a problem not yet solved
Fonte: Rev. cuba. pediatr;93(1):e924, ene.-mar. 2021. fig.
Idioma: es.
Resumo: La anemia es un mal endémico en el mundo que afecta a 1620 millones de personas equivalente a 24,8 por ciento de la población, según la Organización Mundial de la Salud (OMS) y que afecta más a niños en edad preescolar (47 por ciento).El Perú no es ajeno a esta realidad, en el 2018, el 46,6 por ciento de niños menores de 3 años padecía de anemia según la Encuesta Demográfica y de Salud Familiar (ENDES)(AU)
Descritores: População
Saúde da Família
Menores de Idade
Anemia
Limites: Humanos
Tipo de Publ: Editorial
Carta
Responsável: CU1.1 - Biblioteca Médica Nacional



página 1 de 368 ir para página                         
   


Refinar a pesquisa
  Base de dados : Formulário avançado   

    Pesquisar no campo  
1  
2
3
 
           



Search engine: iAH v2.6 powered by WWWISIS

BIREME/OPAS/OMS - Centro Latino-Americano e do Caribe de Informação em Ciências da Saúde