Base de dados : LILACS
Pesquisa : N01.400.425 [Categoria DeCS]
Referências encontradas : 449 [refinar]
Mostrando: 1 .. 10   no formato [Detalhado]

página 1 de 45 ir para página                         

  1 / 449 LILACS  
              next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Texto completo
Id: biblio-1145567
Autor: Casadei, Eliza Bachega; Kudeken, Victoria Sayuri Freire dos Santos.
Título: A masculinidade tóxica no discurso da saúde pública: estratégias de convocação dos homens em campanhas do SUS / Toxic masculinity in the public health discourse: strategies for exhorting men in campaigns carried out by SUS / Masculinidad tóxica en el discurso de la salud pública: estrategias de convocatoria de los hombres en campañas elaboradas por el SUS
Fonte: RECIIS (Online);14(4):912-925, out.-dez. 2020.
Idioma: pt.
Resumo: Posto que há um imbricamento entre os discursos públicos de saúde que classificam patologias e os modos de subjetivação que se materializam em discursos de consumo, o objetivo do presente artigo é mapear discursos sobre masculinidade que se entrecruzam no discurso da saúde pública sobre masculinidade tóxica. A partir dos pressupostos metodológicos da análise crítica do discurso, analisaremos os discursos que apelam para os modos de subjetivação em duas campanhas do SUS sobre masculinidade tóxica para que possamos explorar as formas de convocação do público masculino nelas presentes. É possível observar, em tais campanhas, a contraposição narrativa entre uma masculinidade saudável e outra doente, o deslocamento da responsabilidade pela saúde das instituições sociais para o indivíduo e elementos de legitimação do discurso que reforçam a masculinidade hegemônica nas mesmas peças (no caso, vídeos) que visam questioná-la.

Taking into account the overlap between the public health discourses classifying pathologies and the modes of subjectivation that are materialized in consumption discourses, the purpose of this article is to map discourses on masculinity that are intertwined in the public health discourse on toxic masculinity. Based on the methodological assumptions of the critical discourse analysis, we will analyze discourses that appeal to modes of subjectivation in two campaigns carried out by SUS against toxic masculinity so that we can explore the ways of exhorting male audience used by them. In these campaigns, it is possible to observe a narrative about healthy masculinity in contrast to a sick masculinity, the displacement of the responsibility for health from social institutions to an individual responsability, and elements to legitimate discourse reinforcing the hegemonic masculinity in the same videos that aim to question it.

Dado que existe una superposición entre los discursos de salud pública que clasifican las patologías y los modos de subjetivación que se materializan en los discursos de consumo, el objetivo de este artículo es mapear los discursos sobre la masculinidad que se entrelazan en el discurso de la salud pública sobre la masculinidad tóxica. Con base en los presupuestos metodológicos del análisis crítico del discurso, analizaremos los discursos que apelan a los modos de subjetivación en dos campañas elaboradas por el SUS sobre masculinidad tóxica para que podamos explorar las formas de convocatoria de la audiencia masculina presentes en ellas. Es posible observar, en tales campañas, la contraposición en cada narrativa entre una masculinidad sana y una masculinidad enferma, el desplazamiento de la responsabilidad de la salud de las instituciones sociales para el individuo y los elementos de legitimación del discurso que refuerzan la masculinidad hegemónica en lo mismo video que tiene el objetivo de cuestionar ese tipo de conducta.
Descritores: Sistema Único de Saúde
Comunicação
Masculinidade
Androcentrismo
-Comportamento Social
Violência
Saúde Pública
Comportamento Perigoso
Saúde do Homem
Política de Saúde
Promoção da Saúde
Limites: Humanos
Masculino
Responsável: BR526.1 - Biblioteca de Saúde Pública


  2 / 449 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: biblio-1152222
Autor: Malagodi, Bruno Marson; Greguol, Márcia; Carraro, Attilio; Cavazzotto, Timothy Gustavo; Serassuelo Junior, Helio.
Título: Effects of a multimodal physical exercise program on physical and mental health indicators in males with substance use disorder / Efeitos de um programa multimodal de exercícios físicos na saúde física e mental em homens com dependência química
Fonte: ABCS health sci;46:e021208, 09 fev. 2021. graf, tab.
Idioma: en.
Resumo: INTRODUCTION: Substance use disorder (SUD) is seen as a serious and growing public safety and health problem worldwide. Long-term sequelae may involve permanent damage to physical fitness, body balance, and coordination skills, with a severe motor, functional, and emotional consequences. OBJECTIVE: To verify the effect of 16 sessions of a multimodal physical exercise program on physical fitness, body balance, and internalized stigma of inpatients for the treatment of Substance use disorder. METHODS: Forty-three males with Substance use disorder (aged 33.9±12.4 years) were divided into an Intervention Group (IG, n=21) and Control Group (CG, n=22). The IG was submitted to eight weeks of training with physical exercises. Participants were submitted to the evaluation of internalized stigma, body balance, agility, and flexibility, before and after the intervention period. RESULTS: Positive results were observed in physical fitness (agility, p=0.001) and body balance variables (center of pressure path with closed eyes, p=0.050, and ellipse area with closed eyes, p=0.031). The time of substance use correlated with lower performance in agility and body balance tests. CONCLUSION: The data seem to support the potential benefit of physical exercise as an adjunct in Substance use disorder rehabilitation process, particularly for physical fitness and body balance variables.

INTRODUÇÃO: A dependência química (DQ) é vista como um problema grave e crescente de saúde e segurança pública ao redor do mundo. As sequelas a longo prazo podem envolver prejuízos à aptidão física, equilíbrio corporal e capacidades coordenativas, com consequências motoras, funcionais e emocionais severas. OBJETIVO: Verificar o efeito de 16 sessões de um programa multimodal de exercícios físicos na aptidão física, equilíbrio corporal e estigma internalizado em pacientes internados para o tratamento de dependência química. MÉTODOS: Foram avaliados 43 homens com dependência química (idade 33,9±12,4 anos), divididos em Grupo Intervenção (GI, n=21) e Grupo Controle (GC, n=22). O GI foi submetido a oito semanas de treinamento com exercícios físicos. Os participantes foram submetidos à avaliação do estigma internalizado, equilíbrio corporal, agilidade e flexibilidade, antes e após o período de intervenção. RESULTADOS: Resultados positivos foram observados na aptidão física (agilidade, p=0,001) e variáveis do equilíbrio corporal (centro de pressão com os olhos fechados, p=0,050, e área da elipse com os olhos fechados, p=0,031). O tempo de uso de substância correlacionou-se com os piores desempenhos nos testes de agilidade e equilíbrio corporal. CONCLUSÃO: Os dados parecem corroborar os potenciais benefícios do exercício físico como um adjuvante no processo de reabilitação da dependência química, particularmente para as variáveis da aptidão física e equilíbrio corporal.
Descritores: Exercício Físico
Aptidão Física
Transtornos Relacionados ao Uso de Substâncias
Equilíbrio Postural
Terapia por Exercício
Estigma Social
-Saúde Mental
Saúde do Homem
Pacientes Internados
Limites: Humanos
Masculino
Responsável: BR1342.1 - Biblioteca da Escola de Enfermagem BENF


  3 / 449 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Texto completo
Id: biblio-1147320
Autor: Silva, Maria Nauside Pessoa da; Lago, Eliana Campelo; Nery, Inez Sampaio; Almeida, Camila Aparecida Pinheiro Landim; Tapety, Fabrício Ibiapina; Maia, Aíka Barros Barbosa; Silva, Erisonval Saraiva da.
Título: Elderly health: professional training and performance in primary health care / Saúde do homem idoso: formação profissional e atuação na atenção primária à saúde
Fonte: Biosci. j. (Online);36(4):1454-1460, 01-06-2020. ilus.
Idioma: en.
Resumo: To identify the influences of the professional training process for action in the Family Health Strategy (FHS) related to the health of the elderly man. Exploratory descriptive research, carried out with 20 professionals, from a Brazilian Northeast municipality from October to December 2014. The data collection was performed through a questionnaire, following the statements were processed in the software IRaMuTeQ, analyzed by the Descending Hierarchical Classification. Three classes emerged: Influences of the professional training process on elderly health care; Health care for the elderly; Actions developed in the family health strategy in the implementation of the national policy of comprehensive health care for the elderly. The findings suggest improved knowledge, lack of resources and medical specialties, evidenced the complexity of the actions developed by health professionals

Identificar as influências do processo de formação profissional para atuação na Estratégia Saúde da Família (ESF) relacionada à saúde do homem idoso; expor ações desenvolvidas na ESF na implementação da Política Nacional de Atenção Integral à Saúde do Homem Idoso. Pesquisa descritiva exploratória, realizada com 20 profissionais, de um município do Nordeste brasileiro de outubro a dezembro de 2014. A coleta de dados foi realizada por meio de questionário, a seguir os depoimentos foram processados no software IRaMuTeQ, analisados pela Classificação Hierárquica Descendente. Emergiram três classes: Influências do processo de formação profissional na atenção à saúde do homem idoso; Assistência à saúde do homem idoso; Ações desenvolvidas na estratégia de saúde da família na implementação da política nacional de atenção integral à saúde do homem idoso. Os achados sugerem melhoria de conhecimento, dispõe sobre a falta de recursos e especialidades médicas, evidenciou a complexidade das ações desenvolvidas pelos profissionais de saúde.
Descritores: Atenção Primária à Saúde
Idoso
Capacitação Profissional
Saúde do Homem
Responsável: BR396.1 - Biblioteca Central


  4 / 449 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: lil-796037
Autor: Küçük, Uğur; Küçük, Hilal Olgun; Cüce, Ferhat; Balta, Sevket.
Título: Relationship Between Neck Circumference and Epicardial Fat Thickness in a Healthy Male Population / Relação Entre Circunferência do Pescoço e Espessura da Gordura Epicárdica em Uma População de Homens Saudáveis
Fonte: Arq. bras. cardiol;107(3):266-270, Sept. 2016. tab, graf.
Idioma: en.
Resumo: Abstract Background: Epicardial fat is an upper body visceral fat depot that may play a significant role in the development of adverse metabolic and cardiovascular risk profiles. There is a significant direct relationship between the amount of epicardial fat and general body adiposity (body mass index, BMI), but data regarding subcutaneous adiposity is limited. Objective: We conducted a study to determine the association between neck circumference and epicardial fat thickness in healthy young male individuals, and assess their individual correlations with general body adiposity and cardiometabolic risk factors. Methods: One hundred consecutive male patients aged 18 years or older with no known major medical conditions were included in the study. All participants underwent detailed physical examination including measurement of blood pressure, weight, height, waist/hip ratio, and neck circumference. Blood was collected to determine fasting glucose and lipid parameters. A standard echocardiographic examination was performed with additional epicardial fat thickness determination. Results: Among 100 study participants, neck circumference correlated significantly with weight, waist circumference, BMI, blood glucose, serum total cholesterol, low-density (LDL)-cholesterol, and triglycerides levels. No significant correlation was found between neck circumference and high-density lipoprotein (HDL)-cholesterol levels. Neck circumference correlated moderately and positively with echocardiographic epicardial fat thickness. Conclusion: Among patients with low cardiometabolic risk, increased neck circumference was associated with increased epicardial fat thickness.

Resumo Fundamentos: A gordura epicárdica é um depósito de gordura visceral na parte superior do organismo que pode desempenhar um papel importante no desenvolvimento de perfis cardiovasculares e metabólicos adversos. Há uma relação direta significativa entre a quantidade de gordura epicárdica e a adiposidade corporal geral (índice de massa corporal, IMC), mas dados sobre a adiposidade subcutânea são limitados. Objetivos: Realizamos um estudo para determinar a associação entre a circunferência do pescoço e a espessura da gordura epicárdica em jovens saudáveis do sexo masculino, além de avaliar as suas correlações individuais com a adiposidade corporal geral e fatores de risco cardiometabólicos. Métodos: Cem pacientes consecutivos do sexo masculino com idade igual ou superior a 18 anos e sem nenhuma condição médica importante e conhecida foram incluídos no estudo. Todos os participantes foram submetidos a um exame físico detalhado que incluiu medida da pressão arterial, peso, altura, razão cintura/quadril e circunferência do pescoço. Sangue foi coletado para determinação da glicemia de jejum e parâmetros lipídicos. Um exame ecocardiográfico padrão foi realizado com determinação adicional da espessura da gordura epicárdica. Resultados: Entre os 100 participantes do estudo, a circunferência do pescoço mostrou correlação significativa com o peso, circunferência de cintura, IMC, glicemia e níveis séricos de colesterol total, lipoproteína de baixa densidade (LDL-colesterol) e triglicerídeos. Não foi observada correlação significativa entre a circunferência do pescoço e níveis de colesterol de alta densidade (HDL-colesterol). A circunferência do pescoço correlacionou moderadamente e positivamente com a espessura da gordura epicárdica à ecocardiografia. Conclusão: Entre pacientes com baixo risco cardiometabólico, o aumento da circunferência do pescoço foi associado a um aumento da espessura da gordura epicárdica.
Descritores: Pericárdio/diagnóstico por imagem
Tecido Adiposo/diagnóstico por imagem
Tamanho Corporal/fisiologia
Adiposidade/fisiologia
Pescoço/anatomia & histologia
-Pericárdio/anatomia & histologia
Valores de Referência
Triglicerídeos/sangue
Ecocardiografia
Doenças Cardiovasculares/etiologia
Índice de Massa Corporal
Tecido Adiposo/anatomia & histologia
Colesterol/sangue
Valor Preditivo dos Testes
Fatores de Risco
Medição de Risco
Saúde do Homem
Doenças Metabólicas/etiologia
Limites: Humanos
Masculino
Adulto
Adulto Jovem
Responsável: BR1.1 - BIREME


  5 / 449 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Spíndola, Thelma
Texto completo
Id: biblio-1149301
Autor: Francisco, Márcio Tadeu Ribeiro; Fonte, Vinícius Rodrigues Fernandes da; Spindola, Thelma; Pinheiro, Carina DOnofrio Prince; Costa, Cristiane Maria Amorim; Rocha, Fabiana Cristina Silva da.
Título: Testagem para o HIV e profilaxia pós-exposição entre homens que fazem/ não fazem sexo com homens / Pruebas de VIH y profilaxis postexposición entre hombres que tienen/no tienen relaciones sexuales con hombres / HIV testing and post-exposure prophylaxis among men who have/ do not have sex with men
Fonte: Esc. Anna Nery Rev. Enferm;25(3):e20200236, 2021. tab.
Idioma: pt.
Resumo: Resumo Objetivos identificar a realização da testagem para o HIV e o conhecimento sobre profilaxia pós-exposição (PEP) entre homens; e comparar os dados entre homens que fazem (ou não) sexo com homens. Método estudo transversal realizado com 271 homens participantes do carnaval no Rio de Janeiro, selecionados através da amostragem por conveniência. Os dados foram coletados no sambódromo, com auxílio de um questionário em fevereiro de 2017. A análise foi realizada por meio do software SPSS. Resultados houve disparidades na realização de testagem para o HIV e conhecimentos sobre PEP entre homens que fazem (ou não) sexo com homens. Homens que fazem sexo com homens possuem comportamentos e conhecimento melhores de enfrentamento ao HIV. Conclusão e implicações para a prática as políticas de enfrentamento ao HIV têm conseguido alcançar uma das populações-chave da epidemia, os homens que fazem sexo com homens, contudo homens que não fazem sexo com homens continuam vulneráveis.

Resumen Objetivos identificar la realización de pruebas de VIH y el conocimiento sobre la profilaxis posterior a la exposición (PEP) entre hombres; y comparar datos entre hombres que tienen (o no) relaciones sexuales con hombres. Método estudio transversal llevado a cabo con 271 hombres que participan en el carnaval de Rio de Janeiro, seleccionados mediante muestra de conveniencia. Los datos fueron recolectados en el sambódromo (lugar de espectáculo de danza), con la ayuda de un cuestionario, en febrero de 2017. El análisis se realizó utilizando el software SPSS. Resultados hubo disparidades en las pruebas de VIH y el conocimiento sobre PEP entre hombres que tienen (o no) relaciones sexuales con hombres. Los hombres que tienen relaciones con hombres tenían mejores comportamientos y conocimientos para enfrentar el VIH. Conclusión e implicaciones para la práctica las políticas para combatir el VIH han logrado llegar a una de las poblaciones clave de la epidemia, los hombres que tienen relaciones con hombres, sin embargo, los hombres que no tienen sexo con hombres siguen vulnerables.

Abstract Objectives identify HIV testing and knowledge about post-exposure prophylaxis (PEP) among men; and compare data among men who have (or do not have) sex with men. Method A cross-sectional study was conducted with 271 men participating in Carnival in Rio de Janeiro, selected through convenience sampling. The data were collected in the Sambadrome, with the help of a questionnaire in February 2017. The analysis was performed through the SPSS software. Results There were disparities in HIV testing and knowledge about PEP among men who have (or do not have) sex with men. Men who have sex with men have better behaviors and knowledge of coping with HIV. Conclusion and implications for practice HIV policies have managed to reach one of the key populations of the epidemic, men who have sex with men, yet men who do not have sex with men remain vulnerable.
Descritores: Testes Sorológicos
HIV
Homossexualidade Masculina
Profilaxia Pós-Exposição/estatística & dados numéricos
-Comportamento Sexual/estatística & dados numéricos
Estudos Transversais
Síndrome de Imunodeficiência Adquirida/prevenção & controle
Síndrome de Imunodeficiência Adquirida/epidemiologia
Saúde do Homem/estatística & dados numéricos
Limites: Humanos
Masculino
Adulto
Adulto Jovem
Responsável: BR442.1 - Biblioteca Setorial de Pós-Graduação


  6 / 449 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: biblio-1149117
Autor: Lima, Edgley Duarte; Medrado, Benedito; Lyra, Jorge; Quirino, Túlio Romério.
Título: Masculinidades na publicidade governamental sobre saúde do homem no Brasil / Masculinities in government advertising on men's health in Brazil / Masculinidades en la publicidad gubernamental sobre la salud del hombre en Brasil
Fonte: Arq. bras. psicol. (Rio J. 2003);72(2):155-174, maio-ago. 2020. ilus.
Idioma: pt.
Resumo: Este trabalho tem como foco o estudo de práticas discursivas produzidas no processo de implantação da Política Nacional de Atenção Integral à Saúde do Homem, no Brasil. O objetivo é analisar repertórios discursivos sobre masculinidades na publicidade oficial do Ministério da Saúde. As análises apresentadas dialogam com os estudos sobre Psicologia Discursiva (PD) e sobre análise de práticas discursivas em psicologia social. Foram analisados os materiais disponíveis nas páginas virtuais do Ministério da Saúde e em seu perfil na plataforma do Facebook®. A análise está organizada em três eixos: 1) saúde como bem-estar, 2) cuidado e família nuclear, e 3) homens e violência. Em linhas gerais, buscamos dar visibilidade à recorrência de repertórios considerados hegemônicos sobre o masculino e o feminino, convivendo com outras linhas de produção de sentidos que explicitam contradições relevantes.

This paper focuses studies on discursive practices produced in the implementation process of the National Policy for Integral Attention to Men's Health. The objective of this study is to examine discursive repertoires on masculinities in the official publicity of the Ministry of Health. The analysis dialogues with the studies on Discursive Psychology and with the analysis of discursive practices in social psychology. We analyzed the materials available on the website of the Ministry of Health and its profile on the Facebook® platform. The analysis is organized in three axes: 1) health as well-being, 2) care and nuclear family, and 3) men and violence. In general terms, we give visibility to the recurrence of repertoires considered hegemonic about masculinity and femininity, living with other lines of production of meanings that explain relevant contradictions.

Este artículo se centra en el estudio de prácticas discursivas producidas en el proceso de implantación de la Política Nacional de Atención Integral a la Salud del Hombre, en Brasil. El objetivo es analizar los repertorios discursivos sobre masculinidades en la publicidad oficial del Ministerio de Salud brasileño. Los análisis presentados dialogan con los estudios sobre Psicología Discursiva (PD) y sobre análisis de prácticas discursivas en psicología social. Se analizaron los materiales disponibles en las páginas web del Ministerio de Salud y en su perfil en la plataforma de Facebook®. El análisis está organizado en tres ejes: salud como bienestar, 2) cuidado y familia nuclear y 3) hombres y violencia. En general, buscamos dar visibilidad a la recurrencia de repertorios considerados hegemónicos sobre lo masculino y lo femenino, conviviendo con otras líneas de producción de significado que explican contradicciones relevantes.
Descritores: Psicologia Social
Assistência Integral à Saúde
Publicidade
Saúde do Homem
Masculinidade
Responsável: BR1194.1 - BT - Biblioteca


  7 / 449 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: biblio-1011804
Autor: Bibiano, Alana Maiara Brito; Moreira, Rafael da Silveira; Tenório, Marília Martina Guanaany de Oliveira; Silva, Vanessa de Lima.
Título: Fatores associados à utilização dos serviços de saúde por homens idosos: uma revisão sistemática da literatura / Factors associated with the use of the health services by elderly men: a systematic review of the literature
Fonte: Ciênc. Saúde Colet;24(6):2263-2278, jun. 2019. tab, graf.
Idioma: pt.
Resumo: Resumo Foi conduzida uma revisão sistemática da literatura de estudos epidemiológicos analíticos sobre os fatores associados à utilização dos serviços de saúde por homens idosos. Foram utilizadas quatro bases de dados, PubMed, Scopus, Web of Science e Lilacs, e os seguintes descritores "serviços de saúde", "serviços de saúde para idosos", "idoso", "idoso de 80 anos ou mais", "homem" e "saúde do homem" e seus correspondentes na língua inglesa. Foram encontrados 1.782 artigos, e após seleção com leitura independente de resumos e artigos completos, oito foram incluídos na revisão. O modelo de Utilização dos Serviços de Saúde guiou a apresentação dos resultados. Foram identificados como fatores predisponentes associados ao uso: local de residência, hábitos de vida, faixa etária, história familiar, educação e estado civil; fatores de capacitação: utilização de serviço privado de saúde e posse de seguro de saúde; por fim, fatores de necessidade: percepção do estado de saúde, susceptibilidade percebida ao stress, histórico médico, comorbidades e status funcional. A temática do envelhecimento da população masculina ainda é pouco estudada e merece atenção especial para reconhecer como os homens idosos expressam suas necessidades e como estão sendo absorvidos pelos sistemas de cuidado em saúde.

Abstract A systematic review of the literature on analytical epidemiologic studies about factors associated with the use of health services by elderly men was conducted. Four databases were researched, namely PubMed, Scopus, Web of Science and Lilacs and the following key words "health services," "health services for the aged," "aged," "aged 80 and over," "men" and "men's health" and their corresponding expressions in Portuguese were used. After independent reading and selection of the abstracts and full texts of the 1782 articles located, only eight were included in this review. The Health Services Utilization model assisted in the presentation of the results. Predisposing factors associated with regard to the use of the healthcare services were identified: place of residence; lifestyle habits; age bracket; family history; education and marital status; training factors: private health services use and affiliation to a health insurance plan; effective factors of need; perception of health status; perceived susceptibility to stress; medical history; comorbidities; and functional status. The issue of aging among the male population is still poorly studied and deserves special attention to establish how elderly men express their needs and how they are being assisted by healthcare systems.
Descritores: Assistência à Saúde/estatística & dados numéricos
Serviços de Saúde/estatística & dados numéricos
Serviços de Saúde para Idosos/estatística & dados numéricos
-Nível de Saúde
Fatores Etários
Saúde do Homem
Limites: Humanos
Masculino
Idoso
Idoso de 80 Anos ou mais
Responsável: BR1.1 - BIREME


  8 / 449 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Texto completo
Texto completo
Id: biblio-1141102
Autor: Mychaszula, Sonia.
Título: Algunas singularidades de los cambios de la mortalidad en la Ciudad de Buenos Aires entre 1980 y 2001 / Some singularities of mortality changes in the City of Buenos Aires between 1980 and 2001.
Fonte: Buenos Aires; GCBA. Dirección General de Estadística y Censos; abr. 2006. a) f: 31 l:41 p. tab, graf. (Población de Buenos Aires, 3, 3).
Idioma: es.
Resumo: La llamativa evolución seguida por el nivel de la mortalidad en la Ciudad de Buenos Aires, entre los períodos 1980-1991 y 1991-2001, es el objetivo central de esta nota, en particular, la mortalidad de los varones adultos jóvenes, cuyo nivel en el año 2001 fue más alto que el alcanzado en 1980. Mediante una serie de indicadores extraídos de las tablas de mortalidad disponibles se documentan los cambios ocurridos. Por otra parte, se hace referencia a varios trabajos que analizan la evolución de la mortalidad en la ciudad por sexo, edad y causa de muerte en el período 1980-1995, los que claramente señalan la necesidad de más investigación sobre las causas de muerte. Lamentablemente, la difícil tarea de profundizar el análisis de las causas tiene que enfrentar otra clase de dificultades: desde 1997 se utiliza en la Argentina una nueva Clasificación Internacional de Enfermedades (CIE-10). ¿Cómo responder eficientemente a las preguntas que emergen de esta nota?
Descritores: Estatísticas Vitais
Mortalidade/etnologia
Mortalidade/tendências
Causas de Morte/tendências
Tábuas de Vida
Expectativa de Vida ao Nascer
Saúde do Homem/tendências
Saúde do Homem/estatística & dados numéricos
Limites: Humanos
Masculino
Adolescente
Adulto
Responsável: AR494.1 - Centro de Documentación en Salud
AR494.1; CEDOS/CD 6, SP5.006.052_04


  9 / 449 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Texto completo
Id: biblio-1150410
Autor: Moraes, Maria Cecília Leite de; Hodge, Sirlei Aparecida Novato; Oliveita, Robson da Costa; Camargo, Climene Laura de.
Título: Com quem vou ao médico? Um estudo com homens da zona Sul de São Paulo / Who do I go to the doctor with? A study with men from the south of São Paulo / ¿Con quién voy al médico? Un estudio con hombres del sur de São Paulo
Fonte: Nursing (Säo Paulo);24(273):5325-5332, fev.2021.
Idioma: pt.
Resumo: O objetivo do estudo foi conhecer com quem os homens comparecem aos serviços de saúde e quem seriam os acompanhantes. O cenário da pesquisa foi um ambulatório localizado na zona sul da cidade de São Paulo e contou com a participação de 51 indivíduos. Tratou-se de um estudo exploratório e descritivo, com abordagem quanti-qualitativa. A coleta dos dados foi feita por meio de um questionário semiestruturado. Os dados numéricos foram organizados em temas, agrupados em tabelas. As informações foram analisadas utilizando-se o método do Discurso do Sujeito Coletivo. Os resultados mostraram que 65% dos homens comparecem sós ao serviço, 27% citaram a esposa, destacando a parceria existente, 4% mencionaram a mãe, denotando vínculo materno, e 4% declararam a presença dos filhos. Constata-se que os homens vêm assumindo o protagonismo nos seus cuidados. Mesmo diante de um trabalho incipiente, vislumbra-se uma possibilidade de mudança.(AU)

The aim of the study was to find out with whom men attend health services and who would be the companions. The research scenario was an outpatient clinic located in the south of the city of São Paulo and had the participation of 51 individuals. It was an exploratory and descriptive study, with a quantitative and qualitative approach. Data collection was performed using a semi-structured questionnaire. The numerical data were organized into themes, grouped in tables. The information was analyzed using the Collective Subject Discourse method. The results showed that 65% of men attend the service alone, 27% mentioned the wife, highlighting the existing partnership, 4% mentioned the mother, denoting a maternal bond, and 4% declared the presence of their children. It appears that men have assumed the leading role in their care. Even in the face of incipient work, there is a possibility of change.(AU)

El objetivo del estudio fue conocer con quiénes acuden los hombres a los servicios de salud y quiénes serían los acompañantes. El escenario de investigación fue un ambulatorio ubicado en el sur de la ciudad de São Paulo y contó con la participación de 51 personas. Fue un estudio exploratorio y descriptivo, con enfoque cuantitativo y cualitativo. La recolección de datos se realizó mediante un cuestionario semiestructurado. Los datos numéricos se organizaron en temas, agrupados en tablas. La información se analizó mediante el método del Discurso Colectivo del Sujeto. Los resultados mostraron que el 65% de los hombres asisten solos al servicio, el 27% mencionó a la esposa, destacando la asociación existente, el 4% mencionó a la madre, denotando vínculo materno, y el 4% declaró la presencia de sus hijos. Parece que los hombres han asumido el papel principal en su cuidado. Incluso ante un trabajo incipiente, existe la posibilidad de cambio.(AU)
Descritores: Saúde do Homem
Masculinidade
Promoção da Saúde
-Serviços de Saúde
Limites: Humanos
Masculino
Responsável: BR21.2 - BVS Enfermería


  10 / 449 LILACS  
              first record previous record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Texto completo
Id: biblio-1150400
Autor: Glutter, Felipe dos Santos; Mota, Cristina Portela da; Lima, Jorge Luiz da Silva; Messias, Cláudia Maria; Mouta, Ricardo José de Oliveira; Abreu, Larissa Murta.
Título: Representação da masculinidade de homens acadêmicos e sua implicação para o campo da saúde / Representation of the masculinity of academic men and its implications for the health field / Representación de la masculinidad de los hombres académicos y sus implicaciones para el campo de la salud
Fonte: Nursing (Säo Paulo);24(273):5311-5324, fev.2021.
Idioma: pt.
Resumo: Objetivo: conhecer a representação da masculinidade dos homens acadêmicos da Universidade Federal Fluminense e analisar suas implicações para o campo da saúde. Método: trata-se de um estudo descritivo, exploratório, de natureza qualitativa que teve como referencial metodológico a hermenêutica-dialética. Foi submetido ao Comitê de Ética do Hospital Universitário Antônio Pedro sob o CAAE 0264.0.258.000-10. Os participantes da pesquisa foram quinze acadêmicos do gênero masculino, de diferentes cursos de graduação da universidade. Utilizou-se o questionário de dados sociodemográficos e um instrumento de entrevista semiestruturada. Resultados: os depoimentos mostraram a importância de conhecer a representação que cada indivíduo possui acerca de sua masculinidade, para que melhor se compreenda o homem e suas expectativas. Conclusão: o reduzido envolvimento dos acadêmicos com os cuidados em saúde decorre em função dos modelos de masculinidade estabelecidos ao longo da vida do homem.(AU)

Objective: to know the representation of masculinity of academic men at Universidade Federal Fluminense and analyze its implications for the health field. Method: this is a descriptive, exploratory, qualitative study that used the hermeneutic-dialectic methodological framework. Submitted to the Ethics Committee of Hospital Universitário Antônio Pedro under CAAE 0264.0.258.000-10. The participants were fifteen male academics, from different undergraduate courses in university. The socio-demographic data questionnaire and a semi-structured interview instrument were used. Results: the testimonies showed the importance of knowing the representation that each individual has about his masculinity, in order to better understand the man and his expectations. Conclusion: the reduced involvement of academics in health care is due to the masculinity models established throughout the life of men.(AU)

Objetivo: conocer la representación de la masculinidad de los académicos en la Universidade Federal Fluminense y analizar sus implicaciones para el campo de la salud. Método: se trata de un estudio descriptivo, exploratorio y cualitativo que utilizó el marco metodológico hermenéutico-dialéctico. Fue presentado al Comité de Ética del Hospital Universitario Antonio Pedro bajo CAAE 0264.0.258.000-10. Los participantes de la investigación fueron quince académicos masculinos, de diferentes cursos de pregrado en la universidad. Se utilizó el cuestionario de datos sociodemográficos y un instrumento de entrevista semiestructurada. Resultados: los testimonios mostraron la importancia de conocer la representación que cada indivíduo tiene sobre su masculinidad, para comprender mejor al hombre y sus expectativas. Conclusión: la menor participación de los académicos en la atención médica se debe a los modelos de masculinidad establecidos a lo largo de la vida de los hombres.(AU)
Descritores: Saúde do Homem
Masculinidade
Identidade de Gênero
-Homens
Limites: Humanos
Masculino
Responsável: BR21.2 - BVS Enfermería



página 1 de 45 ir para página                         
   


Refinar a pesquisa
  Base de dados : Formulário avançado   

    Pesquisar no campo  
1  
2
3
 
           



Search engine: iAH v2.6 powered by WWWISIS

BIREME/OPAS/OMS - Centro Latino-Americano e do Caribe de Informação em Ciências da Saúde