Base de dados : LILACS
Pesquisa : N01.400.525 [Categoria DeCS]
Referências encontradas : 5382 [refinar]
Mostrando: 1 .. 10   no formato [Detalhado]

página 1 de 539 ir para página                         

  1 / 5382 LILACS  
              next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: biblio-1097300
Autor: Barbosa, Diogo Jacintho; Gomes, Márcia Pereira; Souza, abiana Barbosa Assumpção de; Gomes, Antônio Marcos Tosoli.
Título: Fatores de estresse nos profissionais de enfermagem no combate à pandemia da COVID-19: síntese de Evidências / Stress factors in nursing professionals in combating the COVID-19 pandemic: synthesis of evidence
Fonte: Comun. ciênc. saúde;31(suppl.1), 2020. ilus, tab.
Idioma: pt.
Resumo: A síndrome respiratória aguda grave causada pelo novo coronavírus (SARS-CoV-2)foi considerada pandêmica desde marçode 2020pela Organização Mundial de Saúde. Objetivo:identificar os principais efeitos psicológicos da pandemia da COVID-19 nos profissionais de enfermagem; descrever os principais fatores capazes de gerar estresse psicológico nos professionais de enfermagem;descrever as estratégias de copingpara o combate ao estresse emocional. Método:revisão da literatura, utilizando-se5artigos indexados no PubMed e LILACS. Resultados:o aumento da carga de trabalho, medo de contaminar os familiares e de se contaminar, desinformação e raiva do governo e dos sistemas de saúde são os principais fatores capazes de gerar estresse emocional nos profissionais de enfermagem. Conclusão:é de suma importância considerar as questões psicológicas, reconhecendo e acolhendo os receios e medos dos profissionais de enfermagem criando-se assim uma esfera de estabilidade em meio à crise.(AU)

The severe acute respiratory syndrome caused by the new coronavirus (SARS-CoV-2) has been considered pandemic since March2020by the World Health Organization. Objectives: to identify the main psychological effects of the COVID-19 pandemic on nursing professionals; describe the main factors capable of generating psychological stress in nursing professionals, describe the coping strategies to combat emotional stress. Methods: literature review, using 5 articles indexed in PubMed and LILACS.Results: fear of contaminating family members and of being contaminated, misinformation and anger from the government and health systems are the main factors capable of generating emotional stress in nursing professionals. Conclusion: it is extremely important to consider psychological issues, recognizing and welcoming the fears and fears of nursing professionals, thus creating a sphere of stability in the midst of the crisis.(AU)
Descritores: Saúde Mental
Saúde do Trabalhador
Infecções por Coronavirus/psicologia
Angústia Psicológica
Profissionais de Enfermagem/psicologia
Limites: Humanos
Tipo de Publ: Revisão
Responsável: BR1.1 - BIREME


  2 / 5382 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Robazzi, Maria Lúcia do Carmo Cruz
Texto completo
Id: biblio-1055965
Autor: Lanza, Kawana Lopes; Ribeiro, Benedita Gonçalves de Assis; Martins, Júlia Trevisan; Okubo, Caroline Vieira Cláudio; Galdino, Maria José Quina; Robazzi, Maria Lúcia do Carmo Cruz.
Título: Sentimentos de trabalhadores de limpeza de um hospital escola / Sentimientos de trabajadores de limpieza de unhospital de enseñanza / Feelings of workers of the cleaning staff of a teaching hospital
Fonte: Cogitare enferm;24:e62467, 2019.
Idioma: pt.
Resumo: RESUMO OBJETIVO: descrever os sentimentos de prazer e sofrimento de trabalhadores de limpeza em ambiente de trabalho de um hospital escola. METODOLOGIA: estudo descritivo-exploratório de abordagem qualitativa, realizado com 24 trabalhadores de limpeza de um hospital escola do Paraná. A coleta de dados foi realizada por meio de entrevista semiestruturada, no período de abril a julho de 2016 e os depoimentos foram submetidos à análise de conteúdo. Adotou-se como pressuposto teórico a psicodinâmica do trabalho Dejouriana. RESULTADOS: identificou-se a dualidade de sentimentos prazer e sofrimento. As vivências de prazer estiveram relacionadas ao trabalho em equipe e à valorização e reconhecimento profissional. Por outro lado, as vivências de sofrimento relacionaram-se à falta de reconhecimento e ao preconceito. Conclusão: conclui-se que os gestores, em conjunto com esses trabalhadores, necessitam buscar ações para diminuir os sentimentos de sofrimento e maximizar as de prazer, promovendo a saúde deles.

RESUMEN OBJETIVO: describir los sentimientos de placer y de sufrimiento de trabajadores de limpieza en ambiente laboral de un hospital de enseñanza. METODOLOGÍA: estudio descriptivo y exploratorio de abordaje cualitativo que se realizó con 24 trabajadores de limpieza de un hospital de enseñanza de Paraná. Se obtuvieron los datos por medio de entrevista semi estructurada, en el periodo de abril a julio de 2016 y se sometieron los testimonios al análisis de contenido. Se adoptó como presupuesto teórico la psicodinámica del trabajo de Dejours. RESULTADOS: se identificó la dualidad de sentimientos placer y sufrimiento. Las experiencias de placer se relacionaron al trabajo en equipo y a la valoración y al reconocimiento profesional. En cambio, las vivencias de sufrimiento se asociaron a la falta de reconocimiento y al prejuicio. Conclusión: se concluye que los gestores, en asociación con esos trabajadores, necesitan buscar acciones para disminuir los sentimientos de sufrimiento y maximizar los de placer, promoviendo la salud de ellos.

ABSTRACT OBJECTIVE: To describe the feelings of pleasure and suffering of workers of the cleaning staff of a teaching hospital. METHODOLOGY: Descriptive and exploratory study, with a qualitative approach, with 24 cleaning workers of a teaching hospital in the state of Paraná. Data collection was performed through semi-structured interviews from April to July 2016 and the statements were submitted to content analysis. The theoretical assumption was psychodynamics of work with the use of Dejourian methodology. RESULTS: The duality of pleasure and suffering was identified. The experiences of pleasure were related to teamwork and professional valuation and recognition. On the other hand, the experiences of suffering were related to lack of recognition and prejudice. Conclusion: It is concluded that both the managers and cleaners should implement actions to mitigate the feelings of suffering and maximize the experiences of pleasure, promoting the health of these workers.
Descritores: Saúde do Trabalhador
Hospitais Universitários/organização & administração
Serviço Hospitalar de Limpeza/ética
Satisfação no Emprego
-Desejabilidade Social
Limites: Humanos
Responsável: BR501.1 - Biblioteca de Ciências da Saúde / Sede Botânico


  3 / 5382 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: biblio-999328
Autor: Ayoub, Andrea Cotait; Sousa, Márcio Gonçalves.
Título: Prevalência do tabagismo em profissionais de enfermagem de um hospital cardiovascular / Prevalence of smoking in nursing professionals of a cardiovascular hospital
Fonte: Rev. bras. enferm;72(supl.1):173-180, Jan.-Feb. 2019.
Idioma: pt.
Resumo: OBJETIVO: identificar a prevalência do tabagismo em profissionais de enfermagem e determinar relações do hábito com características sociodemográficas e clínicas. MÉTODO: profissionais de enfermagem de um hospital cardiovascular responderam ao questionário sobre tabagismo e grau de dependência, características sociodemográficas, antecedentes pessoais e familiares, características do tabagismo, estágios motivacionais, depressão, estresse percebido e ocupacional. Investigou-se a relação entre as variáveis explicativas e tabagismo. RESULTADOS: dentre 656 participantes, identificaram-se 77,6% não tabagistas, 12,2% ex-tabagistas e 10,2% tabagistas. A maioria era mulher, com ensino médio completo, católica, casada, renda familiar entre três e cinco salários-mínimos, cargo de auxiliar de enfermagem, tinha dupla jornada e era responsável pela renda familiar. Tabagistas tinham dependência nicotínica de baixa a moderada. CONCLUSÃO: o estudo demonstrou baixa prevalência de tabagismo em profissionais de enfermagem. Escolaridade, religião, estado civil, cargo, responsabilidade pela renda familiar, história pessoal de depressão e etilismo, ter pais tabagistas, chiado no peito e outros sintomas associaram-se significativamente a ser tabagista e ex-tabagista. (AU)
Descritores: Tabagismo
Saúde do Trabalhador
Abandono do Uso de Tabaco
Enfermagem Cardiovascular
Profissionais de Enfermagem
Limites: Feminino
Responsável: BR79.1 - CIC - Centro de Informação Cardiovascular Mendonça de Barros


  4 / 5382 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Texto completo
Texto completo
Texto completo
Id: biblio-1094830
Autor: Gallasch, Cristiane Helena; Cunha, Márcia Lima da; Pereira, LarissiaAdmá de Souza; Silva-Junior, João Silvestre.
Título: Prevenção relacionada à exposição ocupacional do profissional de saúde no cenário de COVID-19 / Prevention related to the occupational exposure of health professionals workers in the COVID-19 scenario / Prevención relacionada cone la exposición ocupacional de profesionales de la salud en el escenario COVID-19
Fonte: Rev. enferm. UERJ;28:49596, jan.-dez. 2020.
Idioma: en; pt.
Resumo: Objetivo: descrever as principais recomendações sobre ações de prevenção de contágio relacionadas à exposição ocupacional dos profissionais de saúde atuantes frente à COVID-19, disponíveis até março de 2020. Conteúdo: A atual pandemia da doença causada pelo novo coronavírus SARS-CoV-2 tem transmissão favorecida pelo contato próximo e desprotegido com secreções ou excreções de pacientes infectados, principalmente por meio de gotículas salivares. Práticas organizacionais de prevenção devem ser previstas antes da chegada do paciente ao serviço de saúde, reduzindo o fluxo de atendimento, no primeiro atendimento e durante as ações assistenciais, para minimizar a exposição ocupacional ao agente biológico. Profissionais de saúde classificados como grupo de risco devem ser afastados de atividades de risco de contaminação. Aqueles contaminados ou adoecidos devem permanecer em quarentena para minimizar a propagação da COVID-19. Considerações finais: os cuidados para prevenção de contaminação de trabalhadores nesta pandemia pelo novo coronavírus devem ser priorizados, evitando impactos negativos na assistência à população que busca atendimento nos serviços de saúde.

Objective: to describe the main recommended actions on prevention actions related to occupational exposure of health professionals working at COVID-19, available until March 2020. Content: The current pandemic disease caused by the new SARS-CoV-2 coronavirus has its transmission favored by close and unprotected contact with secretions or excretions from infected patients, mainly through salivary droplets. Organizational prevention practices should be prioritized, since patient's arrival at the health service, optimizing the flow of care, the first care and during health care actions, to minimize occupational exposure to the biological agent. Health professionals classified as a risk group should be removed from activities at risk of contamination. Those contaminated or adulterated must remain in quarantine to minimize the spread of COVID-19. Final considerations: care to avoid contamination of workers in this pandemic by the new coronavirus must be prioritized, prevented from affecting the assistance to the population that seeks assistance in health services.

Objetivo: describir las principales acciones recomendadas sobre acciones de prevención relacionadas con la exposición ocupacional de los profesionales de la salud que trabajan en COVID-19, disponible hasta marzo de 2020. Contenido: La enfermedad pandémica actual causada por el nuevo coronavirus SARS-CoV-2 tiene su transmisión favorecida por contacto cercano y sin protección con secreciones o excreciones de pacientes infectados, principalmente a través de gotas salivales. Se deben priorizar las prácticas de prevención organizacional, desde la llegada del paciente al servicio de salud, optimizando el flujo de atención, la primera atención y durante las acciones de atención de salud, para minimizar la exposición ocupacional al agente biológico. Los profesionales de la salud clasificados como grupo de riesgo deben ser retirados de las actividades en riesgo de contaminación. Las personas contaminadas o adulteradas deben permanecer en cuarentena para minimizar la propagación de COVID-19. Consideraciones finales: se debe priorizar la atención para evitar la contaminación de los trabajadores en esta pandemia por el nuevo coronavirus, evitando que afecte la asistencia a la población que busca asistencia en los servicios de salud.
Descritores: Pneumonia Viral
Riscos Ocupacionais
Fatores de Risco
Saúde do Trabalhador
Pessoal de Saúde
Infecções por Coronavirus
Pandemias
Mão de Obra em Saúde
Profissionais de Enfermagem
-Condições de Trabalho
Enfermagem
Betacoronavirus
Limites: Humanos
Responsável: BR21.2 - BVS Enfermería


  5 / 5382 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Araújo, Tânia Maria de
Texto completo
Id: biblio-976673
Autor: Cardoso, Mariana de Castro Brandão; Araújo, Tânia Maria de.
Título: Atenção aos transtornos mentais relacionados ao trabalho nas regiões do brasil / Atención a los trastornos mentales relacionado con el trabajo en las regiones de brasil / Attention to work-related mental disorders per brazilian regions
Fonte: Psicol. soc. (Online);30:e163746, 2018. tab, graf.
Idioma: pt.
Resumo: Resumo Este estudo descreve as características da atenção à saúde dos trabalhadores com Transtornos Mentais Relacionados ao Trabalho (TMRT) acompanhados pelos Centros de Referência em Saúde do Trabalhador (Cerest) por região brasileira. Realizou-se inquérito on-line, do qual participaram 161 Cerest (80,1% do total no país). As ações de assistência aos casos suspeitos de TMRT estavam sendo realizadas apenas por 46,9% dos Cerest; entre esses, predominantemente, a própria equipe estabelecia o diagnóstico dos casos (67,8%) e o nexo da sua relação com o trabalho (63,3%). Já os tratamentos aconteciam principalmente nos Centros de Atenção Psicossocial (Caps) (69,9%) e ambulatórios em saúde mental (47,1%); mas apenas 37,8% dos Cerest acompanhavam a evolução desses casos. Os resultados evidenciam a necessidade de incremento e fortalecimento das ações de atenção integral em saúde mental e trabalho, bem como de implementação de políticas públicas que possam garantir e incentivar essas ações, principalmente nas regiões Norte, Centro-Oeste e Sul do país.

Resumen Este estudio describe las características de atención a la salud de los trabajadores con Trastornos Mentales Relacionados con el Trabajo (TMRT) acompañados por los Centros de Referencia en la Salud del Trabajador (Cerest) por región brasileña. Se realizó una encuesta on-line, en la cual participaron 161 Cerest (80,1% del total en el país). Las acciones de asistencia a los casos sospechosos de TMRT estaban siendo realizadas solamente en 46,9% de los Cerest; entre estos, predominantemente, el mismo equipo establecía el diagnóstico de los casos (67,8%) y su nexo laboral (63,3%). Los tratamientos se realizaron principalmente en los Centros de Atención Psicosocial (Caps) (69,9%) y en ambulatorios de salud mental (47,1%); pero apenas el 37,8% de los Cerest acompañaban la evolución del tratamiento de esos casos. Los resultados evidencian la necesidad de incremento y fortalecimiento de las acciones de atención integral en salud mental y trabajo, así como de implementación de políticas públicas que puedan garantizar e incentivar esas acciones, principalmente en las regiones Norte, Centro Oeste y Sur del país.

Abstract The current study describes characteristics of attention to the health of workers with Work-related Mental Disorders (WMD) followed in the Reference Centers for Occupational Health (CEREST) per Brazilian regions. An online survey was conducted and 161 Cerest participated (80.1% of the total in the country). Assistance actions to suspected cases of WMD were being held by only 46.9% of the CERESTs, among them, predominantly, the team itself establishing diagnosis of the cases (67.8%) and linking them to work (63.3%). The treatments were carried out mainly in Psychosocial Care Centers (CAPS) (69.9%) and mental health clinics (47.1%); however, only 37.8% of the CERESTs accompanied the evolution of treatment of these cases. The results highlight the need to increase and strengthen the actions of integral attention in mental health and work, as well as the implementation of public policies that can guarantee and encourage these actions, mainly in the North, Midwest and South regions.
Descritores: Sistema Único de Saúde
Saúde Mental
Saúde do Trabalhador
Transtornos Mentais
-Brasil
Responsável: BR1896.1 - Biblioteca


  6 / 5382 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Roso, Adriane
Texto completo
Id: biblio-895299
Autor: Rubin, Aline Librelotto; Roso, Adriane.
Título: Trabalho e depressão: tendências na produção de conhecimento / Work and depression: trends in knowledge production / Trabajo y depresión: tendencias en la producción de conocimiento
Fonte: Pesqui. prát. psicossociais;12(3):1-18, set.-dez. 2017. graf, tab.
Idioma: pt.
Resumo: O objetivo deste estudo foi identificar algumas possíveis tendências na produção de conhecimento acadêmico sobre depressão e trabalho, especialmente no campo da Psicologia, buscando produções nessa área que tratem a díade depressão-trabalho sob uma perspectiva psicossocial. Foi realizada uma análise bibliométrica por meio de pesquisa sistemática em duas Bibliotecas Científicas Eletrônicas de referência nacional. Na primeira base de dados, 1.136 artigos foram levantados. Destes, 58 trabalhos são da área da Psicologia, os quais foram submetidos a uma leitura cuidadosa e uma análise descritiva, no sentido de buscar por uma abordagem psicossocial da depressão no mundo do trabalho. Na segunda base, foram coletados 2.776 artigos. Destes, 398 textos foram analisados de acordo com os subassuntos: depressão, saúde mental, antidepressivos, Psicanálise, psicopatologia e saúde do trabalhador. Os resultados indicam que a primazia da produção de conhecimento biomédico e psiquiátrico nesse assunto ainda persiste, mas há uma construção inicial e emergente de conhecimento pela Psicologia sobre depressão relacionando-a com trabalho.

The objective of this study was to identify some possible trends in the production of academic knowledge about depression and work, especially in the field of Psychology, seeking productions in this area that deal with the depression-work dyad from a psychosocial perspective. A bibliometric analysis was carried out through the systematic research in two National Electronic Scientific Libraries. In the first database, 1.136 articles were collected. Of these, 58 works are in the area of Psychology, which were subjected to a careful reading and a descriptive analysis, in the sense of searching for a psychosocial approach to depression in the world of work. In the second base, 2,776 articles were collected. Of these, 398 texts were analyzed according to the sub-subjects: Depression, mental health, antidepressants, psychoanalysis, psychopathology and worker health. The results indicate that the primacy of the production of biomedical and psychiatric knowledge in this subject still persists, but there is an initial and emerging construction of knowledge by psychology about depression relating it to work.

El objetivo de este estudio fue identificar algunas posibles tendencias en la producción de conocimiento académico sobre depresión y trabajo, especialmente en el campo de la Psicología, buscando producciones en esa área que traten la diade depresión-trabajo desde una perspectiva psicosocial. Se realizó un análisis bibliométrico, a través de la investigación sistemática en dos Bibliotecas Científicas Electrónicas de referencia nacional. En la primera base de datos, se levantaron 1.136 artículos. De ellos, 58 trabajos son del área de la Psicología, los cuales fueron sometidos a una lectura cuidadosa y un análisis descriptivo, en el sentido de buscar por un abordaje psicosocial de la depresión en el mundo del trabajo. En la segunda base, se recolectaron 2.776 artículos. De estos, 398 textos fueron analizados de acuerdo con los sub-asuntos: Depresión, salud mental, antidepresivos, psicoanálisis, psicopatología y salud del trabajador. Los resultados indican que la primacía de la producción de conocimiento biomédico y psiquiátrico en ese asunto aún persiste, pero hay una construcción inicial y emergente de conocimiento por la psicología sobre depresión relacionándola con trabajo.
Descritores: Trabalho
Depressão
-Psicologia Social
Saúde Mental
Saúde do Trabalhador
Tipo de Publ: Relatos de Casos
Responsável: BR378.1 - Biblioteca Central


  7 / 5382 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Texto completo
Id: biblio-1095775
Autor: Brasil. Ministério da Saúde. Secretaria de Atenção Primária à Saúde.
Título: Orientações gerais sobre a atuação do ACS frente à pandemia de COVID-19 e os registros a serem realizados no e-SUS APS / General guidance on the role of the ACS in the face of the COVID-19 pandemic and the records to be performed in the e-SUS APS.
Fonte: Brasília; Brasil. Ministério da Saúde; 2020.
Idioma: pt.
Descritores: Saúde do Trabalhador/normas
Infecções por Coronavirus/prevenção & controle
Infecções por Coronavirus/epidemiologia
Agentes Comunitários de Saúde/normas
-Brasil
Limites: Humanos
Tipo de Publ: Guia
Responsável: BR1.1 - BIREME


  8 / 5382 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: biblio-1096600
Autor: Pires, Ariane da Silva.
Título: Perspectivas de docentes universitários e as implicações para a sua saúde: a importância do reconhecimento e da valorização / Perspectives of university teachers and the implications for worker's; health: the importance of recognition and appreciation.
Fonte: Rio de Janeiro; s.n; 2019. 160 p. ilus, tab.
Idioma: pt.
Tese: Apresentada a Universidade do Estado do Rio de Janeiro para obtenção do grau de Doutor.
Resumo: O objeto desta pesquisa trata do reconhecimento e da valorização do trabalho docente universitário, bem como as situações de prazer e de sofrimento decorrentes da vivência laboral. Os objetivos foram: I) identificar as situações geradoras de prazer e/ou de sofrimento no trabalho docente; II) analisar a percepção dos docentes sobre o reconhecimento e a valorização de sua atividade laboral; III) discutir as repercussões do trabalho docente no processo saúde-doença deste coletivo profissional; e IV) elencar os fatores limitadores e as situações potencializadoras para o reconhecimento do trabalho docente universitário. O pressuposto foi que apesar de todos os profissionais serem docentes universitários da área da saúde e atuarem em contextos muito parecidos, as percepções de reconhecimento e de valorização do trabalho são heterogêneas, considerando o contexto social, histórico e político das profissões e a conjuntura contemporânea do mundo do trabalho e seus efeitos sob tais profissões. A partir desse pressuposto, elencou-se a seguinte tese: considera-se que os profissionais da Medicina e da Odontologia apresentam uma melhor percepção acerca do reconhecimento e da valorização do trabalho docente universitário. Tais profissões, diferentemente da Biologia, Enfermagem e Nutrição, --elas-- são profissões de caráter autônomo, detentoras do domínio sobre o seu processo de trabalho no contexto da saúde e são carreiras mais antigas, com tradições e status consolidado na sociedade. Metodologia: trata-se de uma pesquisa de caráter qualitativo, descritivo e exploratório. O cenário do estudo foi o Centro Biomédico de uma universidade pública no Estado do Rio de Janeiro. Ressalta-se que foram respeitados os aspectos éticos e a pesquisa foi cadastrada na Plataforma Brasil e aprovada pelo Comitê de Ética em Pesquisa, sob o número 2.842.807. Os participantes foram 30 docentes universitários, sendo 06 de cada curso do Centro Biomédico, a saber: Biologia, Enfermagem, Medicina, Nutrição e Odontologia. A coleta de dados ocorreu de agosto a outubro de 2018 através da entrevista semiestruturada. Os dados foram examinados por meio da análise temática de conteúdo, que fez emergir quatro categorias empíricas intituladas: "Dialética do mundo do trabalho: prazer e sofrimento na prática laboral de docentes universitários; Concepções de docentes universitários acerca do reconhecimento e da valorização do trabalho; Dinamicidade e complexidade do mundo do trabalho e as implicações na saúde de docentes universitários; e Facilidades e adversidades no cotidiano laboral: dilemas e desafios. Em relação à tese que considerava que os profissionais da Medicina e da Odontologia apresentariam uma melhor percepção acerca do reconhecimento e da valorização do trabalho docente universitário houve divergências. -Pois- diferentemente do imaginado, parte dos docentes da Medicina tiveram uma percepção de desprestígio do profissional Médico e desvalorização ao longo dos anos. Além disso, esses docentes e os da Biologia e parte dos docentes da Enfermagem não se consideraram reconhecidos e valorizados pela sociedade. Em contrapartida, os docentes da Nutrição referiram ao aumento do reconhecimento e da valorização da profissão ao longo dos anos.

The object of this research is the recognition and appreciation of university teaching work, as well as the situations of pleasure and suffering resulting from the work experience. The objectives were: I) to identify the situations generating pleasure and / or suffering in the teaching work; II) to analyze the teachers' perception about the recognition and appreciation of their work activity; III) to discuss the repercussions of teaching work on the health-disease process of this professional group; and IV) to list the limiting factors and the potential situations for the recognition of university teaching work. The assumption was that although all professionals are university health professions and work in very similar contexts, perceptions of recognition and valorization of work are heterogeneous, considering the social, historical and political context of the professions and the contemporary context of the the world of work and its effects under such professions. Based on this assumption, the following thesis was listed: it is considered that medical and dental professionals present a better perception about the recognition and appreciation of university teaching work. These professions, unlike Biology, Nursing and Nutrition, are the professions of an autonomous nature, which hold mastery over their work process in the context of health and are older careers with traditions and consolidated status in society. Methodology: this is a qualitative, descriptive and exploratory research. The study scenario was the Biomedical Center of a public university in the State of Rio de Janeiro. It is noteworthy that the ethical aspects were respected and the research was registered in the Brazil Platform and approved by the Research Ethics Committee under number 2,842,807. The participants were 30 university professors, being 06 of each course of the Biomedical Center, namely: Biology, Nursing, Medicine, Nutrition and Dentistry. Data collection took place from August to October 2018 through the semi-structured interview. The data were examined through the thematic analysis of content, which gave rise to four empirical categories: "Dialectics of the world of work: pleasure and suffering in the work practice of university professors; Conceptions of university teachers about the recognition and appreciation of work; Dynamicity and complexity of the world of work and the health implications of university teachers; and Facilities and adversities in daily work: dilemmas and challenges. In relation to the thesis that considered that the professionals of Medicine and Dentistry would present a better perception about the recognition and the valorization of university teaching work there were differences. -Pois- unlike the imagined, some of the medical professors had a perception of the medical professional's deprestige and devaluation over the years. In addition, these teachers and those of Biology and part of the Nursing teachers were not considered recognized and valued by society. On the other hand, Nutrition professors referred to the increase in recognition and appreciation of the profession over the years.
Descritores: Trabalho
Saúde do Trabalhador
Pessoal de Saúde
Educação Superior
Docentes
-Biologia/educação
Pesquisa Metodológica em Enfermagem
Enfermagem
Odontologia
Ciências da Nutrição/educação
Medicina
Limites: Humanos
Masculino
Feminino
Responsável: BR1366.1 - Biblioteca Biomédica B - CB/B (Odontologia e Enfermagem)
BR1366.1; 614.253.5, P667. TE767


  9 / 5382 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: biblio-956687
Autor: Silva, Thaís Pereira Dias da; Araújo, Wildo Navegantes de; Stival, Marina Morato; Toledo, Aline Martins de; Burke, Thomaz Nogueira; Carregaro, Rodrigo Luiz.
Título: Desconforto musculoesquelético, capacidade de trabalho e fadiga em profissionais da enfermagem que atuam em ambiente hospitalar / Musculoskeletal discomfort, work ability and fatigue in nursing professionals working in a hospital environment / Incomodidad musculoesquelética, capacidad laboral y fatiga en profesionales de la enfermería que actúan en ambiente hospitalario
Fonte: Rev. Esc. Enferm. USP;52:e03332, 2018. tab, graf.
Idioma: en; es; pt.
Projeto: Ministério da Educação. Programa de Extensão Universitária (PROEXT 2014).
Resumo: RESUMO Objetivo Avaliar o desconforto musculoesquelético, a capacidade para o trabalho e a fadiga residual em profissionais de enfermagem que atuam em Hospital. Método Estudo transversal com profissionais de um hospital público de médio porte. Foram utilizados o questionário nórdico de sintomas, o índice de capacidade para o trabalho e a escala de necessidade de descanso (fadiga). Os dados foram analisados descritivamente e aplicaram-se testes inferenciais com o intuito de verificar a associação da fadiga e a capacidade para o trabalho e comparar a fadiga entre os setores analisados. Resultados Participaram da pesquisa 110 profissionais. Um total de 86,24% dos trabalhadores relatou desconforto osteomuscular, com maior prevalência na coluna cervical, torácica e lombar. Aproximadamente 43% dos profissionais apresentaram fadiga residual. Verificou-se associação significante entre fadiga e redução da capacidade para o trabalho (p<0,003), assim como associação entre menor idade e maior fadiga (p<0,03). Conclusão Os resultados mostraram uma alta prevalência de desconforto osteomuscular no último ano e uma quantidade considerável de profissionais que apresentaram fadiga residual instalada. Destaca-se também uma importante parcela dos trabalhadores com moderada capacidade de trabalho, que requer atenção em médio prazo.

ABSTRACT Objective To evaluate the musculoskeletal discomfort, work ability and residual fatigue in nursing professionals working in the hospital setting. Method Cross-sectional study with professionals from a medium-sized public hospital. The Nordic symptom questionnaire, the work ability index, and the need for recovery scale (fatigue) were used. Data were analyzed descriptively and inferential tests were applied in order to verify the association of fatigue and work ability, and compare the fatigue among sectors analyzed. Results Participation of 110 professionals in the study. A total of 86.24% of workers reported musculoskeletal discomfort, with a higher prevalence in the cervical, thoracic and lumbar spine. Approximately 43% of professionals presented residual fatigue. There was a significant association between fatigue and reduction of work ability (p<0.003), as well as association between younger age and greater fatigue (p<0.03). Conclusion Results demonstrated a high prevalence of musculoskeletal discomfort in the previous year and a considerable number of professionals with residual fatigue. There was a substantial portion of workers with moderate work ability and requiring attention in the medium term.

RESUMEN Objetivo Evaluar la incomodidad musculoesquelética, la capacidad laboral y la fatiga residual en profesionales de la enfermería que actúan en Hospital. Método Estudio transversal con profesionales de un hospital público de mediano porte. Fueron utilizados el cuestionario nórdico de síntomas, el índice de capacidad laboral y la escala de necesidad de descanso. Los datos fueron analizados descriptivamente y se aplicaron pruebas inferenciales con el fin de verificar la asociación de la fatiga y la capacidad laboral y comparar la fatiga entre los sectores analizados. Resultados Participaron en la investigación 110 profesionales. Un total del 86,24% de los trabajadores relató incomodidad osteomuscular, con mayor prevalencia en la columna cervical, torácica y lumbar. Un 43% de los profesionales presentaron fatiga residual. Se verificó asociación significativa entre fatiga y reducción de la capacidad laboral (p<0,003), así como asociación entre menor edad y mayor fatiga (p<0,03). Conclusión Los resultados mostraron una alta prevalencia de incomodidad osteomuscular en el último año y una cantidad considerable de profesionales que presentaron fatiga residual instalada. Se destaca también una importante parte de los trabajadores con moderada capacidad laboral, que requiere de atención a mediano plazo.
Descritores: Condições de Trabalho
Fatores de Risco
Saúde do Trabalhador
Equipe de Enfermagem
-Estudos Transversais
Hospitais Públicos
Limites: Humanos
Masculino
Feminino
Adulto
Pessoa de Meia-Idade
Idoso
Responsável: BR41.1 - Biblioteca Wanda de Aguiar Horta


  10 / 5382 LILACS  
              first record previous record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: biblio-1096237
Autor: Colombia. Ministerio de Salud y Protección Social. Subdirección de Riesgos Laborales.
Título: Prevención de riesgos ocupacionales en la gestión de expedición de licencias de seguridad y salud en el trabajo y la gestión de los prestadores de servicios de seguridad y salud en el trabajo, frente al SARSCoV-2 COVID-19 / Prevention of occupational risks in the management of issuance of occupational health and safety licenses and the management of providers of occupational health and safety services, compared to SARSCoV-2 COVID-19.
Fonte: Bogotá; Minsalud; abr. 2020. 9 p. (GPSG07).
Idioma: es.
Símbolo: GPSG07.
Descritores: Pneumonia Viral/prevenção & controle
Saúde do Trabalhador/normas
Gestão da Segurança/organização & administração
Infecções por Coronavirus/prevenção & controle
Pandemias/prevenção & controle
Betacoronavirus
Serviços de Saúde do Trabalhador/organização & administração
-Isolamento Social
Exposição Ocupacional/prevenção & controle
Colômbia
Limites: Humanos
Tipo de Publ: Guia de Prática Clínica
Responsável: BR1.1 - BIREME



página 1 de 539 ir para página                         
   


Refinar a pesquisa
  Base de dados : Formulário avançado   

    Pesquisar no campo  
1  
2
3
 
           



Search engine: iAH v2.6 powered by WWWISIS

BIREME/OPAS/OMS - Centro Latino-Americano e do Caribe de Informação em Ciências da Saúde