Base de dados : LILACS
Pesquisa : N01.400.548 [Categoria DeCS]
Referências encontradas : 44 [refinar]
Mostrando: 1 .. 10   no formato [Detalhado]

página 1 de 5 ir para página              

  1 / 44 LILACS  
              next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: biblio-1152646
Autor: Gomes, Marília Miranda Forte; Paixão, Luiz Alexandre Rodrigues da; Faustino, Andrea Mathes; Cruz, Rebeca Carmo de Souza; Moura, Leides Barroso Azevedo.
Título: Marcadores da autopercepção positiva de saúde de pessoas idosas no Brasil / Marcadores de la autopercepción positiva de la salud de personas mayores en Brasil / Positive self-perceived health markers in the older adult population in Brazil
Fonte: Acta Paul. Enferm. (Online);34:eAPE02851, 2021. tab.
Idioma: pt.
Resumo: Resumo Objetivo: Analisar os determinantes demográficos e socioeconômicos que podem influenciar a autopercepção positiva de saúde de pessoas idosas no Brasil. Métodos: Estudo quantitativo de natureza descritiva que utiliza dados da Pesquisa Nacional de Saúde realizada em 2013 que constituí uma amostra ponderada de 11,8 milhões de idosos residentes no Brasil. A variável desfecho analisada é a autopercepção de saúde e foi categorizada em positiva e negativa. As variáveis independentes contemplam três dimensões: sociodemográficas, estilo de vida e aspectos de saúde. As análises foram apresentadas em forma de razão de chances obtidas através da aplicação do modelo de regressão logístico binário. Resultados: Os resultados evidenciam, tanto para homens quanto para mulheres, que ter se autodeclarado branco, não apresentar doenças crônicas ou incapacidades funcionais, ter um estilo de vida mais saudável (nunca ter fumado e ter participado de atividades de interação social religiosa com maior frequência), e níveis de escolaridade mais elevados contribuem para que as chances sejam maiores de uma percepção positiva da saúde. Pessoas idosas com ensino médio completo e superior incompleto apresentaram três vezes maiores chances de percepção positiva da saúde em relação aos idosos sem o nível fundamental completo. Conclusão: O estudo identificou os determinantes sociais de saúde dos idosos e a relação com uma percepção positiva da saúde. Identificar e analisar estas associações são pontos importantes para a elaboração de políticas públicas específicas, visando a equidade e a promoção da saúde.

Resumen Objetivo: Analizar los determinantes demográficos y socioeconómicos que pueden influir en la autopercepción positiva de la salud de personas mayores en Brasil. Métodos: Estudio cuantitativo de naturaleza descriptiva que utiliza datos de la Encuesta Nacional de Salud realizada en 2013, que constituye una muestra ponderada de 11,8 millones de adultos mayores residentes en Brasil. La variable de resultado analizada es la autopercepción de la salud y fue categorizada en positiva y negativa. Las variables independientes contemplan tres dimensiones: sociodemográficas, estilo de vida y aspectos de la salud. Los análisis se presentaron en forma de razón de momios obtenidos mediante la aplicación del modelo de regresión logística binario. Resultados: Los resultados evidencian que, tanto en hombres como en mujeres, haberse autodeclarado blanco, no presentar enfermedades crónicas o incapacidades funcionales, tener un estilo de vida más saludable (nunca haber fumado y haber participado en actividades de interacción social religiosa con mayor frecuencia) y tener un nivel de escolaridad más elevado contribuyen para que las probabilidades de una percepción positiva de la salud sean mayores. Personas mayores con educación secundaria completa y educación superior incompleta presentaron probabilidades tres veces mayores de una percepción positiva de la salud con relación a los adultos mayores sin el nivel primario completo. Conclusión: El estudio identificó los determinantes sociales de salud de los adultos mayores y la relación con una percepción positiva de la salud. Identificar y analizar estas relaciones son puntos importantes para la elaboración de políticas públicas específicas, que busquen equidad y promoción de la salud.

Abstract Objective: To analyze the demographic and socioeconomic determinants that can influence the positive self-perceived health of older adult people in Brazil. Method: A quantitative and descriptive study using data from the Brazilian National Health Survey conducted in 2013. This survey constituted a weighted sample of 11.8 million older people living in Brazil. The outcome variable analyzed is self-perceived health, and was categorized as positive and negative. The independent variables contemplate three dimensions: sociodemographic, lifestyle and health aspects. The analyzes were presented as Odds Ratio obtained by applying the binary logistic regression model. Results: The results show, for both men and women, that having declared themselves white, not having chronic illnesses or functional disabilities, having a healthier lifestyle (never having smoked and having participated in religious social interaction activities more frequently) and higher levels of education contribute to the chances of a better perception of health being greater. Older people with complete high school and incomplete higher education were three times more likely to have a positive perception of health than those without complete elementary school. Conclusion: This study identified the social determinants of health of older persons and the relationship with a positive perception of health. Identifying and analyzing these associations are important points for the elaboration of specific public policies, aiming at equity and health promotion.
Descritores: Política Pública
Autoimagem
Envelhecimento
Equidade em Saúde
Determinantes Sociais da Saúde
Saúde da População
Promoção da Saúde
-Brasil
Epidemiologia Descritiva
Estudos de Avaliação como Assunto
Limites: Humanos
Masculino
Feminino
Pessoa de Meia-Idade
Idoso
Responsável: BR1.2 - Biblioteca Central


  2 / 44 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Texto completo
Id: biblio-1145569
Autor: Waetge, Tatiana Sanjuan Ganem; Machado, Carlos José Saldanha.
Título: A realidade das informações da política de medicamentos especializados nos websites das Secretarias Estaduais de Saúde / The reality of the information of the specialized drug policy on the websites of the State Health Departments / La realidad de la información especializada sobre políticas de medicamentos en los sitios web del Departamento de Salud del Estado
Fonte: RECIIS (Online);14(4):926-941, out.-dez. 2020. ilus, graf.
Idioma: pt.
Resumo: O objetivo desse artigo é analisar como os sites das Secretarias Estaduais de Saúde da Paraíba, Bahia, Santa Catarina e Rio Grande do Sul disponibilizam informações sobre a política de medicamentos brasileira para os usuários do SUS. Com base em uma metodologia qualitativa, observa-se uma variedade de formas de organização e apresentação das informações estruturadas em uma linguagem predominantemente técnica, em desacordo com o nível de instrução da população, em oposição à uma comunicação pública que deve ser, segundo a norma legal, acessível e compreensível por gestores, profissionais e atores da sociedade civil, superando o linguajar do corpo técnico-burocrático para que a política pública seja apropriada pela sociedade. Ao identificar uma distância existente entre lei e realidade, conclui-se enunciando limites e desafios a serem superados pelos agentes políticos no aprofundamento e desenvolvimento de metodologias voltadas para a qualidade do acesso às informações da política pública de medicamentos pela população.

The objective of this article is to analyze how the websites of the State Health Departments of Paraíba, Bahia, Santa Catarina and Rio Grande do Sul provide information about the Brazilian drug policy for SUS users. Based on a qualitative methodology, a variety of forms of organization and presentation of structured information are observed in a predominantly technical language, in disagreement with the level of education of the population of these states, as opposed to a public communication that must be, according to the legal norm, accessible and understandable by managers, professionals and civil society actors, overcoming the language of the technical-bureaucratic body so that public policy is appropriated by society. When identifying a distance between law and reality, it concludes by stating a limits and challenges to be overcome by the political agents in the deepening and development of methodologies focused on the quality of access to information on public policy of medicines by the population.

El propósito de este documento es analizar cómo los sitios web de los Departamentos de Salud del Estado de Paraíba, Bahía, Santa Catarina y Rio Grande do Sul proporcionan información sobre la política de drogas de Brasil a los usuarios del SUS. Basado en una metodología cualitativa, se puede observar una variedad de formas de organización y presentación de información estructurada en un lenguaje predominantemente técnico, en desacuerdo con el nivel educativo de la población, en oposición a una comunicación pública que debe ser, según la norma, legal, accesible y comprensible para gerentes, profesionales y actores de la sociedad civil, superando el lenguaje del cuerpo técnico-burocrático para que la sociedad se apropie de las políticas públicas. Al identificar una distancia existente entre la ley y la realidad, concluimos estableciendo límites y desafíos que deben superar los agentes políticos en la profundización y el desarrollo de metodologías dirigidas a la calidad del acceso a la información de las políticas públicas sobre medicamentos por parte de la población.
Descritores: Redes de Comunicação de Computadores
Serviços de Informação sobre Medicamentos
Medicamentos do Componente Especializado da Assistência Farmacêutica
Política Nacional de Medicamentos
Acesso a Medicamentos Essenciais e Tecnologias em Saúde
Governo Eletrônico
-Sistema Único de Saúde
Características de Residência/estatística & dados numéricos
Alocação de Custos
Pesquisa Qualitativa
Escolaridade
Política de Saúde
Saúde da População
Limites: Humanos
Adolescente
Adulto
Responsável: BR526.1 - Biblioteca de Saúde Pública


  3 / 44 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Texto completo
Id: biblio-1048077
Autor: Duque, Graciela Paula do Nascimento; Coelho, Angélica da Conceição Oliveira.
Título: Doenças infecciosas: epidemiologia, terapêutica e controle / Infectious diseases: epidemiology, therapy and control
Fonte: HU rev;44(3):287-287, 2018.
Idioma: pt.
Resumo: A HU Revista com a iniciativa inédita de publicar edições especiais de tópicos atuais e inovadores na saúde, busca reunir conhecimentos de diversas áreas para fornecer à comunidade científica trabalhos de qualidade para a saúde da população e para a divulgação de pesquisas de impacto científico.A terceira edição temática da HU Revista, "Doenças Infecciosas: epidemiologia, terapêutica e controle", reúne trabalhos de pesquisadores renomados em torno deste tema relevante para a população brasileira. O estudo das doenças infecciosas no país é realizado há anos e tem evoluído com novos métodos e avanços tecnológicos que visam a prevenção, o controle e tratamento destes agravos.Nessa edição temática, buscamos abordar os avanços tecnológicos relacionados à terapia medicamentosa e vacinal; resposta imune; educação em saúde; epidemiologia e controle de doenças infecciosas como a Hanseníase, o HIV, a Leishmaniose, a Síflis e a Tuberculose; além de focar na epidemiologia das Infecções Relacionadas à Assistência à Saúde (IRAS).Assim, a discussão dessa temática proporciona ao leitor agregar conhecimento sobre as inovações na área, além de acompanhar as pesquisas em desenvolvimento e expectativas para futuros estudos relevantes.Convidamos os leitores a prestigiarem os artigos aqui apresentados, acreditando que essa Edição possa contribuir na melhoria do atendimento aos acometidos por esses agravos e impactar positivamente nas ações de enfrentamento dessas doenças, além de gerar conhecimento científico e estimular a reflexão sobre a temática.
Descritores: Doenças Transmissíveis
-Desenvolvimento Tecnológico
Gestão da Qualidade
Atenção à Saúde
Criatividade
Prevenção de Doenças
Saúde da População
Tipo de Publ: Editorial
Responsável: BR378.1 - Biblioteca Central


  4 / 44 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: lil-574683
Autor: Fischer, Christina; Malta, José Celso de Oliveira; Varella, Angela Maria Bezerra.
Título: A fauna de parasitas do tambaqui, Colossoma macropomum (Cuvier, 1818) (Characiformes: Characidae) do médio rio Solimões, Estado do Amazonas (AM) e do baixo rio Amazonas, Estado do Pará (PA), e seu potencial como indicadores biológicos / The fauna of parasites of the tambaqui, Colossoma macropomum (Cuvier, 1818) (Characiformes: Characidae) from middle Solimões River and lower Amazonas River and their potential as biological indicators
Fonte: Acta amaz;33(4):651-662, Dec. 2003. graf, tab.
Idioma: pt.
Resumo: Foram examinados brânquias, fossas nasais e intestinos de tambaquis (Colossoma macropomum) capturados em duas localidades na Amazônia, próximas aos municípios de Tefé/Coari, no médio rio Solimões, Estado do Amazonas e de Santarém no baixo rio Amazonas, Estado do Pará. Nove espécies de parasitas foram encontradas: três da classe Monogenoidea; Anacanthorus spathulatus, Linguadactyloides brinkmanni e Notozothecium sp.; uma de Trematoda da família Paramphistomidae; uma do filo Acanthocephala, Neoechinorhynchus buttnerae, duas do filo Nematoda, Spirocamallanus sp. e Procamallanus sp. e duas da subclasse Copepoda, Gamidactylus jaraquensis e Perulernaea gamitanae. Foram registradas pela primeira vez parasitando o tambaqui, o monogenético Notozothecium sp., espécimens imaturos da família Paramphistomidae, larvas do nematóide Procamallanus sp. e o copépodo Gamidactylus jaraquensis. Os paranfistomídeos e Procamallanus sp. foram encontrados apenas nos hospedeiros da região de Tefé/Coari. Foi observada pouca variabilidade na composição da parasitofauna do tambaqui, entre os dois locais estudados. As espécies Anacanthorus spathulatus, Notozothecium sp., Neoechinorhynchus buttnerae e Perulernaea gamitanae, apresentaram bom potencial como indicadores biológicos para o tambaqui.

Specimens of Colossoma macropomum, an Amazonian characoid, captured at two different sites, one near the towns of Tefé and Coari in the middle Solimões River, state of Amazonas, and the other near the town of Santarém, lower Amazon River, state of Pará, were examined for parasites. Nine parasite species were found. Three belong to the class Monogenoidea: Anacanthorus spathulatus, Linguadactyloides brinkmanni and Notozothecium sp. Immature specimens belonging to class Trematoda, family Paramphistomidae were found. One belongs to the phylum Acanthocephala, Neoechinorhynchus buttnerae. Two belong to the phylum Nematoda, Spirocamallanus sp. and Procamallanus sp. Two belong to the subclass Copepoda, Gamidactylus jaraquensis and Perulernaea gamitanae. The monogenetic Notozothecium sp., the immature specimens of paramphistomids, the larvae of Procamallanus sp. and the copepod Gamidactylus jaraquensis were found on C. macropomum for the first time. The paramphistomids and Procamallanus sp. were found only in hosts from the Tefé/Coari area. There was little variability between the two sites in the parasite fauna of C. macropomum. The results of this study indicate that Anacanthorus spathulatus, Notozothecium sp., Neoechinorhynchus buttnerae and Perulernaea gamitanae may be as potential biological indicators for C. macropomum populations.
Descritores: Parasitos
Biomarcadores
Copépodes
Acantocéfalos
Peixes
Saúde da População
Nematoides
Responsável: BR6.1 - BCS - Biblioteca de Ciências da Saúde


  5 / 44 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Cuba
Texto completo
Id: biblio-961281
Autor: Martínez Pérez, Misleny.
Título: Modelo de promoción de salud dirigido a la población con riesgo de cardiopatía isquémica / Model of health promotion directed to population at risk of ischemic heart disease
Fonte: Rev. medica electron;40(4):1070-1082, jul.-ago. 2018. ilus.
Idioma: es.
Resumo: Introducción: para el desarrollo de esta investigación se partió de reconocer la importancia que tiene la reducción de los factores de riesgo de cardiopatía isquémica y la necesidad de fortalecer las acciones de promoción de la salud y la educación para la salud en el contexto cubano, sustentada en el principio del mejoramiento y desarrollo continuo de los procesos. Se dispone de modelos y teorías internacionales que abordan esta problemática; pero no se ajustan completamente a la impronta cubana. Objetivo: diseñar un modelo de promoción de la salud dirigido a la población con factores de riesgo de cardiopatía isquémica. Materiales y métodos: se utilizó la triangulación metodológica, los grupos focales y encuestas con expertos, usuarios, líderes formales, informales, sujetos con factores de riesgo de cardiopatía isquémica y familias. Resultados: el modelo tiene una estructura que define dos dimensiones y seis categorías que se interrelacionan en forma dinámica. Conclusiones: se demostró la factibilidad y pertinencia del modelo de promoción de salud dirigido a la población con factores de riesgo de cardiopatía isquémica en la atención primaria de salud (AU).

Introduction: the basis to carry out this research was recognizing the importance of reducing the risk factors of ischemic heart disease and the necessity of strengthening the health promotion and educative actions in the Cuban context, on the principle of the continuous improvement and development of the processes. There are international models and theories approaching this topics, but they are not completely adjusted to the Cuban reality. Objective: to design a model of health promotion directed to the population with risk factors of ischemic heart disease. Materials and methods: we used the methodological triangulation, focal groups and surveys with experts, users, formal and informal leaders, persons with heart disease risk factors and relatives. Results: the model has a structure defining two dimensions and six categories interrelated in a dynamical way. Conclusions: the feasibility and pertinence of the health promotion model, directed to the population with risk factors of ischemic heart disease in the primary health care, was showed (AU).
Descritores: Isquemia Miocárdica/diagnóstico
Promoção da Saúde/métodos
-Atenção Primária à Saúde/métodos
Inquéritos e Questionários/normas
Fatores de Risco
Saúde da População
Limites: Humanos
Tipo de Publ: Estudo de Avaliação
Responsável: CU424.1 - Centro Provincial de Información de Ciencias Médicas


  6 / 44 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: biblio-1056556
Autor: Faqueti, Amanda; Grisotti, Marcia; Risson, Ana Paula.
Título: Saúde de imigrantes haitianos: revisão de estudos empíricos qualitativos / Haitian immigrants' health: review of qualitative empirical studies / Salud de inmigrantes haitianos: revisión de estudios empíricos cualitativos
Fonte: Interface (Botucatu, Online);24:e190311, 2020. ilus.
Idioma: pt.
Resumo: Este artigo tem por objetivo investigar como o tema saúde de imigrantes haitianos vem sendo abordado em estudos empíricos qualitativos. Realizou-se revisão sistemática nas bases de dados PubMed, Scielo, Scopus e Web of Science, entre 2007 e 2019. Esta revisão orientou-se por princípios da revisão sistemática quantitativa, aplicados à pesquisa qualitativa. Os 17 artigos selecionados foram revisados criticamente e os dados relevantes extraídos e sintetizados utilizando-se preceitos da síntese temática. Os resultados apontam que percepções e saberes sobre saúde e doença estiveram presentes em todos os trabalhos. Os estudos incluídos demonstram motivos pelos quais os participantes não acessam serviços de saúde, no entanto, não exploram como ocorrem as trajetórias de cuidado. Recomenda-se que trabalhos futuros reconheçam a necessidade do diálogo intercultural, avançando no sentido de compreender a lógica e os significados que dão sustentação às representações socioculturais do cuidado à saúde.(AU)

This article aims to investigate how the theme Haitian immigrants' health has been approached in qualitative empirical studies. A systematic review was carried out in the databases PubMed, Scielo, Scopus and Web of Science between 2007 and 2019. This review was guided by principles of quantitative systematic review applied to qualitative research. The 17 selected articles were critically reviewed and relevant data were extracted and synthesized using thematic synthesis precepts. Results show that perceptions and knowledge about health/disease were present in all the aticles. The selected studies demonstrate reasons why research participants do not access health services, but do not explore how care paths occur. It is recommended that further studies should recognize the need of intercultural dialog and advance towards understanding the logic and meanings that support sociocultural representations of healthcare.(AU)

El objetivo de este artículo es investigar el tema de la salud de inmigrantes haitianos que se ha abordado en estudios empíricos cualitativos. Se realizó la revisión sistemática en las bases de datos PubMed, Scielo, Scopus y Web of Science, entre 2007 y 2019. Esta revisión se orientó por principios de la revisión sistemática cuantitativa, aplicados a la investigación cualitativa. Los 17 artículos seleccionados se revisaron críticamente y los datos relevantes se extrajeron y sintetizaron utilizándose preceptos de la síntesis temática. Los resultados señalan que percepciones y saberes sobre salud/enfermedad estuvieron presentes en todos los trabajos. Los estudios incluidos demuestran motivos por los cuales los participantes no realizan el acceso a los servicios de salud, pero no exploran cómo ocurren las trayectorias de cuidado. Se recomienda que trabajos futuros reconozcan la necesidad del diálogo intercultural avanzando en el sentido de comprender la lógica y los significados que dan sustentación a las representaciones socioculturales del cuidado de la salud.(AU)
Descritores: Conhecimentos, Atitudes e Prática em Saúde/etnologia
Emigrantes e Imigrantes
Saúde da População
-Pesquisa Qualitativa
Indicadores Bibliométricos
Haiti/etnologia
Acesso aos Serviços de Saúde
Limites: Humanos
Tipo de Publ: Revisão Sistemática
Responsável: BR33.1 - Divisão Técnica de Biblioteca e Documentação


  7 / 44 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: lil-728995
Autor: Teixeira, Carmen Fontes; Araújo, Marcos Vini­cius Ribeiro de.
Título: Formulação da política de saúde da população negra em Salvador: atores e propostas / Formulación de la política de salud de la población negra en Salvador: actores y propuestas / Formulation of the health policy of the black population in Salvador: actors and proposals
Fonte: Rev. baiana saúde pública;37(4), out.-dez. 2013. graf, tab.
Idioma: pt.
Resumo: O reconhecimento da problemática da saúde da população negra tem subsidiado a mobilização social em torno da formulação de políticas e programas específicos nas três esferas de gestão do Sistema Único de Saúde (SUS). O objetivo deste artigo é descrever e analisar o processo de formulação da Política de Saúde da População Negra ocorrido em Salvador, no período 2005­2006, com base em extensa revisão documental e análise de entrevistas realizadas com informantes-chave que participaram direta ou indiretamente do processo. Os resultados incluem a caracterização do contexto, a identificação dos atores e a descrição do processo político-institucional desenvolvido pelo Grupo de Trabalho de Saúde da População Negra, criado no âmbito da Secretaria Municipal de Saúde em 2005, bem como a análise dos problemas identificados e as propostas elaboradas e formalizadas no Plano Municipal de Saúde 2006­2009.

The recognition of the health problem of the black population has subsidized social mobilization around the formulation of specific policies and programs in the three spheres of management of the Unified Health System (SUS). The purpose of this article is to describe and analyze the process of formulating the Health Policy of the Black Population that took place in Salvador, in the 2005­2006 period, based on an extensive document review and analysis of interviews with key informants who participated directly or indirectly in the process. The results include the characterization of the context, the identification of the actors and the description of the political-institutional process developed by the Black Population Health Working Group, created within the scope of the Municipal Health Secretariat in 2005, as well as the analysis of the problems identified and the proposals prepared and formalized in the 2006­2009 Municipal Health Plan.

El reconocimiento del problema de salud de la población negra ha subsidiado la movilización social en torno a la formulación de políticas y programas específicos en los tres ámbitos de gestión del Sistema Único de Salud (SUS). El propósito de este artículo es describir y analizar el proceso de formulación de la Política de Salud de la Población Negra que tuvo lugar en Salvador, en el período 2005-2006, a partir de una extensa revisión documental y análisis de entrevistas con informantes clave que participaron directa o indirectamente en la proceso. Los resultados incluyen la caracterización del contexto, la identificación de los actores y la descripción del proceso político-institucional desarrollado por el Grupo de Trabajo de Salud de la Población Negra, creado en el ámbito de la Secretaría Municipal de Salud en 2005, así como el análisis de los problemas identificados y las propuestas elaboradas y formalizadas en el Plan Municipal de Salud 2006-2009.
Descritores: Sistema Único de Saúde
Grupo com Ancestrais do Continente Africano
Saúde da População
Política de Saúde
Limites: Humanos
Tipo de Publ: Relatos de Casos
Responsável: BR15.1 - Biblioteca de Ciências Biomédicas


  8 / 44 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: biblio-1099973
Autor: Hora, Kenia Oliveira Barbosa da; Martins, Jussara Regina; Valadares, Glaucia Valente.
Título: Desafios do cuidado para o advento da saúde sustentável / Challenges of care regarding the advent of sustainable health / Desafíos del cuidado para el advenimiento de la salud sostenible
Fonte: Rev. enferm. UERJ;27:e44070, jan.-dez. 2019.
Idioma: pt.
Resumo: Objetivo: analisar a saúde sustentável com o cuidado nas práticas de saúde na enfermagem. Conteúdo: um dos objetivos da Agenda 2030 para o desenvolvimento sustentável é a saúde, e o conceito desta vem se transformando a partir dos momentos históricos vivenciados, com reflexos no aparecimento de novas formulações e propostas de mudanças nos modelos assistenciais de saúde. Faz-se necessário reassumir os compromissos éticos na revalorização do cuidado holístico e na responsabilidade pela vida. Conclusão: não é possível mais admitir que a saúde seja vista somente na forma objetiva e o cuidado do outro possa ser situação estanque e não geradora de reflexões no tocante ao cuidar de si. Ainda que estudos possam garantir avanços inúmeros no combate eficaz a uma doença que acomete de forma implacável toda a sociedade, é preciso ampliar também as questões que possam reforçar os cuidados relacionados à subjetividade.

Objective: to analyze sustainable health with care in nursing health practices. Content: one of the objectives of the 2030 Agenda for sustainable development is health, and the concept of this has been changing from the historical moments experienced, with reflexes in the appearance of new formulations and proposals for changes in health care models. It is necessary to resume ethical commitments in the revaluation of holistic care and responsibility for life. Conclusion: it is no longer possible to admit that health is seen only in an objective way and the care of the other can be a watertight situation and not generating reflections regarding self-care. Although studies can guarantee countless advances in the effective fight against a disease that relentlessly affects the whole of society, it is also necessary to expand the issues that can reinforce the care related to subjectivity.

Objetivo: analizar la salud sostenible con cuidado en las prácticas de salud de enfermería. Contenido: uno de los objetivos de la Agenda 2030 para el desarrollo sostenible es la salud, y el concepto de esto ha ido cambiando desde los momentos históricos experimentados, con reflejos en la aparición de nuevas formulaciones y propuestas para cambios en los modelos de atención médica. Es necesario retomar los compromisos éticos en la revaluación del cuidado holístico y la responsabilidad por la vida. Conclusión: ya no es posible admitir que la salud se ve solo de manera objetiva y que el cuidado del otro puede ser una situación estanca y no generar reflexiones sobre el autocuidado. Aunque los estudios pueden garantizar innumerables avances en la lucha efectiva contra una enfermedad que afecta implacablemente a toda la sociedad, también es necesario ampliar los problemas que pueden reforzar la atención relacionada con la subjetividad.
Descritores: Sistema Único de Saúde
Enfermagem
Atenção à Saúde
Indicadores de Desenvolvimento Sustentável
Saúde da População
Desenvolvimento Sustentável
Cuidados de Enfermagem
-Brasil
Responsável: BR1366.1 - Biblioteca Biomédica B - CB/B (Odontologia e Enfermagem)


  9 / 44 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: biblio-996686
Autor: Rodrigues, Leandra dos Santos; Scherer, Andréia Aparecida; Moreira, Neide Martins.
Título: Intervenção educativa com agentes comunitários de saúde sobre giardíase em região de fronteira - Foz do Iguaçu / Educational intervention with health community agents regarding giardiasis in border region - Foz do Iguaçu
Fonte: Arq. ciências saúde UNIPAR;23(2):89-95, maio-ago. 2019.
Idioma: pt.
Resumo: O objetivo deste estudo foi comparar o conhecimento prévio e a assimilação das informações sobre giardíase pelos Agentes Comunitários de Saúde (ACS) de Foz do Iguaçu após intervenção educativa. Trata-se de um estudo comparativo de abordagem quantitativa com 55 ACS, do distrito sanitário Norte de Foz do Iguaçu. Foi utilizado um questionário contendo 10 questões fechadas sobre a giardíase que foi aplicado em dois momentos sequenciais da pesquisa. Inicialmente, foi aplicado um questionário para a avaliação do conhecimento prévio dos ACS sobre a giardíase. Em seguida, foi ministrada uma palestra sobre a doença para esse público e, aplicado novamente o questionário para a avaliação da assimilação das informações sobre a giardíase. Os dados coletados foram analisados pelo programa BioEstat 5.0® e utilizado o teste de Poisson, com significância de 5%. Foram identificadas fragilidades no conhecimento dos ACS na avaliação prévia para as variáveis investigadas (p<0,05). Após a intervenção educativa, observou-se aumento na média de acertos em todas as variáveis estudadas (p<0,05). A intervenção educativa favorece conhecimento aos ACS, possibilitando mudança no panorama da giardíase e, consequentemente melhora na qualidade de saúde da população.

The objective of this study was to compare the prior knowledge and assimilation of information regarding giardiasis by the Health Community Agents (HCA) from Foz do Iguaçu after educational intervention. This is a comparative study of the quantitative approach using 55 HCA from the northern health district in Foz do Iguaçu. A questionnaire containing 10 yes-or-no questions about giardiasis that was applied in two sequential moments of the research. Initially, a questionnaire was applied for assessing the HCA's prior knowledge regarding giardiasis. Then, the subjects attended a lecture on the disease and then, the questionnaire was applied again for assessing the assimilation of information on giardiasis. The data collected were analyzed using BioEstat 5.0® and the Poisson test with 5% significance. Weak points in the knowledge of the HCA were identified in the previous assessment for the investigated variables (p<0.05). After the educational intervention, there was an increase in the average number of correct answers in all variables studied (p<0.05). The educational intervention favors the retention of knowledge by the HCA, allowing a change in the panorama of giardiasis and, consequently, an improvement in the health quality of the population.
Descritores: Áreas de Fronteira
Giardíase/prevenção & controle
Agentes Comunitários de Saúde/educação
-Doenças Parasitárias/prevenção & controle
Atenção Primária à Saúde
Poluição da Água/prevenção & controle
Higiene/educação
Saneamento Básico/prevenção & controle
Aula
Diarreia/parasitologia
Coliformes/análise
Saúde da População
Limites: Humanos
Masculino
Feminino
Tipo de Publ: Estudo Comparativo
Responsável: BR513.1 - Biblioteca Central


  10 / 44 LILACS  
              first record previous record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Chile
Texto completo
Id: lil-626718
Autor: Ferrer Lues, Marcela.
Título: Equidad y justicia en salud: implicaciones para la bioética / Equiy and justicce in health: implications for bioethics / Equidade e jstiçia em saúde: implicações para a bioética
Fonte: Acta bioeth;9(1):113-126, 2003.
Idioma: es.
Resumo: Lograr la equidad en salud es un desafío ético a nivel mundial. Si bien se sabe que la salud depende de diversos factores, la bioética se ha centrado en la equidad en los servicios de salud. El conocimiento de los macrodeterminantes de la salud y sus efectos en las prácticas y análisis, como también los principios de autonomía y justicia, legitiman a la equidad en salud como un área sustantiva de la bioética. Algunos temas son: relación entre macrodeterminantes de la salud y estilos de vida; distribución social de la libertad de elección; tensiones éticas de las políticas de promoción de la salud; justicia en los servicios de salud; apreciación ética de la construcción de indicadores y su evaluación; definición de "salud" y "equidad en salud". El análisis de la equidad en salud abre nuevos campos de reflexión y práctica para una bioética centrada en la salud de la población.

Achieving equity in health is an ethical challenge worldwide. Although it is known that health depends on diverse factors, bioethics has been focused on equity in health care. The knowledge of the macro-determinants of health and their effects in the practices and analysis, as well as the principles of autonomy and justice, legitimize equity in health as a substantive area of bioethics. Some relevant issues are: relation between macro-determinants of health and lifestyles; social distribution of freedom of choice; ethical tensions in health promotion policies; justice in health care; ethical appreciation of construction of indicators and their evaluation; definition of "health" and "equity in health". The analysis of equity in health opens new fields of reflection and practice towards a bioethics centered in population health.

Alcançar a equidade em saúde é um desafio ético universal. Considerando-se que a saúde depende de diversos fatores, a Bioética tem se centrado na busca de equidade nos serviços de saúde. O conhecimento dos macro-determinantes de saúde e seus efeitos práticos e analíticos, assim como os princípios da autonomia e justiça legitimam a equidade em saúde como área essencial de atenção da Bioética. Alguns temas de interesse são: relação entre macro-determinantes de saúde e estilos de vida: distribuição social da liberdade de escolha; tensões éticas relativas às políticas de promoção de saúde; justiça nos serviços de saúde; apreciação ética na elaboração de indicadores e suas avaliações; definição de "saúde" e "equidade em saúde". A análise de equidade em saúde abre novos campos de reflexão e prática para uma Bioética centrada na saúde da população.
Descritores: Bioética
Equidade em Saúde
Justicia, Planta
Saúde da População
Limites: Humanos
Responsável: CL58.1 - Biblioteca



página 1 de 5 ir para página              
   


Refinar a pesquisa
  Base de dados : Formulário avançado   

    Pesquisar no campo  
1  
2
3
 
           



Search engine: iAH v2.6 powered by WWWISIS

BIREME/OPAS/OMS - Centro Latino-Americano e do Caribe de Informação em Ciências da Saúde