Base de dados : LILACS
Pesquisa : N02.278.215.110 [Categoria DeCS]
Referências encontradas : 8 [refinar]
Mostrando: 1 .. 8   no formato [Detalhado]

página 1 de 1

  1 / 8 LILACS  
              next record last record
seleciona
para imprimir
Marinho, Alexandre
Texto completo
Id: biblio-1044760
Autor: Marinho, Alexandre.
Título: Evidências e modelos sobre a coexistência de hospitais com fins lucrativos e hospitais sem fins lucrativos no Sistema Único de Saúde brasileiro / Texto para Discussão (TD) 1041: Evidências e modelos sobre a coexistência de hospitais com fins lucrativos e hospitais sem fins lucrativos no Sistema Único de Saúde brasileiro.
Fonte: Rio de Janeiro; IPEA; 2004. 46 p. graf. (Texto para Discussão / IPEA, 1041)).
Idioma: pt.
Resumo: "Apresenta alguns aspectos da presença e da atuação conjunta dos hospitais com fins lucrativos e dos hospitais sem fins lucrativos, contratados pelo Sistema Único de Saúde (SUS) no Brasil. Analisa as conseqüências de coexistência de hospitais com e sem finalidades lucrativas sobre o nível de atividade e a qualidade de serviços de internação hospitalar, dados os incentivos presentes no SUS. Apresenta um modelo para representar a oferta e a demanda por internação em hospitais, quando as variáveis observáveis são as que estão disponíveis no SUS e as taxas de mortalidade hospitalar são os resultados finais da atividade dos hospitais."
Descritores: Hospitais
Hospitais Filantrópicos
Hospitais com Fins Lucrativos
Hospitalização
Medidas, Métodos e Teorias
Serviços de Saúde
-Brasil
Responsável: BR1541.1 - Biblioteca
BR1541.1; 330.908, I59 TDI1041


  2 / 8 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Marinho, Alexandre
Texto completo
Id: biblio-991952
Autor: Marinho, Alexandre.
Título: Evidências e modelos sobre a coexistência de hospitais com fins lucrativos e hospitais sem fins lucrativos no Sistema Único de Saúde brasileiro / Texto para Discussão (TD) 1041: Evidências e modelos sobre a coexistência de hospitais com fins lucrativos e hospitais sem fins lucrativos no Sistema Único de Saúde brasileiro.
Fonte: Rio de Janeiro; IPEA; 2004. 46 p. graf. (Texto para Discussão / IPEA).
Idioma: pt.
Resumo: "Apresenta alguns aspectos da presença e da atuação conjunta dos hospitais com fins lucrativos e dos hospitais sem fins lucrativos, contratados pelo Sistema Único de Saúde (SUS) no Brasil. Analisa as conseqüências de coexistência de hospitais com e sem finalidades lucrativas sobre o nível de atividade e a qualidade de serviços de internação hospitalar, dados os incentivos presentes no SUS. Apresenta um modelo para representar a oferta e a demanda por internação em hospitais, quando as variáveis observáveis são as que estão disponíveis no SUS e as taxas de mortalidade hospitalar são os resultados finais da atividade dos hospitais."
Descritores: Hospitais
Hospitais Filantrópicos
Hospitais com Fins Lucrativos
Hospitalização
Medidas, Métodos e Teorias
Serviços de Saúde
Sistema Único de Saúde
-Brasil
Responsável: BR1541.1 - Biblioteca
BR1541.1; 330.908, I59 TDI1041


  3 / 8 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: lil-751437
Autor: Bognar, Cinthia Leite Frizzera Borges; Simon, Sergio Daniel; Gansl, Rene Claudio; Abramoff, Roberto; Aisen, Marcelo; Lopes Junior, Gilberto de Lima; Smaletz, Oren; Peres, Stela Verzinhasse; Tabacof, Jacques.
Título: The impact of erlotinib use in non-small-cell lung cancer patients treated in a private reference general hospital and in a private cancer clinic from 2005 to 2011 / O impacto do uso do erlotinibe em pacientes portadores de neoplasia de pulmão de não pequenas células tratados em um hospital geral de referência e clínica particular de oncologia no período de 2005 a 2011
Fonte: Einstein (Säo Paulo);13(2):215-220, Apr-Jun/2015. tab, graf.
Idioma: en.
Resumo: ABSTRACT Objective: To report the demographic data and clinical outcomes of non-small-cell lung cancer patients exposed to erlotinib in any line of treatment. Methods: This was a retrospective cohort study of nonsmall-cell lung cancer patients from a reference general hospital and a private oncology clinic, who received erlotinib from 2005 to 2011. Statistical analysis was performed and we evaluated demographic data and response to treatment, by correlating the results of this first cohort published in Brazil with results of current literature. Results: A total of 44 patients were included; 65.9% were diagnosed with adenocarcinoma, and 63.6% had metastatic disease. The mean age was 63.3 years. The median follow-up was 47.9 months. Epidermal growth factor receptor mutation screening was performed in 22.7% of patients (n=10), with mutation present in 30% of patients. The median overall survival was 46.3 months, and there was a higher probability of survival at 60 months for females compared to males (29.4% versus 15.8%; p=0.042). The other variables did not present significant statistical difference. Conclusion: We collected the largest cohort of patients with non-small-cell lung cancer who have used erlotinib in Brazil to date, and demonstrated that outcomes of patients treated at our clinic during the study period were consistent with the results of current literature in similar patients. .

RESUMO Objetivo: Relatar as características demográficas e a evolução de pacientes com neoplasia de pulmão de não pequenas células que receberam erlotinibe em qualquer linha de tratamento. Métodos: Coletamos retrospectivamente dados de pacientes portadores de neoplasia de pulmão de não pequenas células que receberam erlotinibe em qualquer linha de tratamento em um hospital geral de referência e em uma clínica particular de oncologia em São Paulo, no período de 2005 a 2011. Foi realizada a análise estatística e foram avaliados aspectos demográficos e resposta ao tratamento estabelecido, correlacionando os resultados dessa primeira coorte publicada no Brasil com resultados da literatura vigente. Resultados: Foram avaliados 44 pacientes, dos quais 65,9% eram portadores de adenocarcinoma e 63,6% tinham doença metastática. A média de idade foi de 63,3 anos. O seguimento mediano foi de 47,9 meses. A pesquisa de mutação do receptor do fator de crescimento epidérmico foi realizada em 22,7% dos pacientes (n=10), resultando positiva em 30% dos avaliados. A sobrevida global mediana foi de 46,3 meses, e observou-se uma probabilidade maior de sobrevida em 60 meses para o grupo feminino, quando comparado ao grupo masculino (29,4% versus 15,8%; p=0,042). As demais variáveis não apresentaram diferença estatística significativa. Conclusão: Coletamos a maior sequência de pacientes com neoplasia de pulmão de não pequenas células que fizeram uso de erlotinibe no Brasil até a data vigente e demonstramos que a evolução dos pacientes tratados no período avaliado teve resultados concordantes com os da literatura vigente em pacientes semelhantes. .
Descritores: Carcinoma Pulmonar de Células não Pequenas/tratamento farmacológico
Neoplasias Pulmonares/tratamento farmacológico
Inibidores de Proteínas Quinases/uso terapêutico
Quinazolinas/uso terapêutico
-Adenocarcinoma/tratamento farmacológico
Adenocarcinoma/mortalidade
Adenocarcinoma/secundário
Brasil
Carcinoma Pulmonar de Células não Pequenas/mortalidade
Carcinoma Pulmonar de Células não Pequenas/secundário
Cloridrato de Erlotinib
Seguimentos
Hospitais Gerais
Hospitais com Fins Lucrativos
Neoplasias Pulmonares/mortalidade
Neoplasias Pulmonares/secundário
Mutação/genética
Estudos Retrospectivos
Receptores ErbB/genética
Distribuição por Sexo
Taxa de Sobrevida
Resultado do Tratamento
Limites: Adulto
Idoso
Idoso de 80 Anos ou mais
Feminino
Humanos
Masculino
Pessoa de Meia-Idade
Responsável: BR1.1 - BIREME


  4 / 8 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: lil-523182
Autor: Loyola, Cristina Maria Douat; Vieira, Marcus André.
Título: Prestadores de serviço no campo da saúde mental: o público, o privado e o inefável da loucura / Care-givers in the mental health field: public, private and the inescapability of madness
Fonte: Rev. latinoam. psicopatol. fundam;9(1):114-125, mar. 2006.
Idioma: pt.
Resumo: Abordamos nossa própria visão, muitas vezes turva, sobre a realidade dos hospitais psiquiátricos no Brasil. Ela escora-se em um discurso que, por vezes, ofusca-se pelo ideal da desospitalização. Visando uma nova realidade, esquece que a clínica muitas vezes é pesada e resistente, e lastreia nossas pretensões com a presença maciça da impossibilidade. A análise e a discussão foram realizadas a partir de dois registros de dados: notas de diário de campo, realizadas pelos autores quando em função pública de gestão estadual de saúde mental, e dois casos de supervisão clínica em instituição psiquiátrica pública municipal no Rio de Janeiro; todos os dados colhidos em 2004. A análise das anotações nos levou a concluir que podemos contribuir para mudar o estado de coisas encontrado nos dados empíricos e que temos algo a fazer para não reproduzir o mesmo passado dos hospitais psiquiátricos. No plano da equipe de profissionais é preciso que ela não se transforme neste agente de horror banalizado que constrange a esperança. Entre o público, o privado e o inefável da loucura é preciso acolher a resposta do sujeito, aquele pequeno elemento que assinala a estranheza e irredutibilidade de alguém que, no caso da loucura encontra-se em ruptura com o coletivo.

We present our viewpoint, confusing though it may be, of the reality in psychiatric hospitals in Brazil. The approach is based on a discourse that is sometimes influenced by the ideal of de-hospitalización. In the search for a new reality, many forget that clinical work is often difficult and may even verge on the impossible. The analysis and discussion presented here were based on two sets of data, namely, notes from a field diary written by the authors when working as public employees in the coordination of mental health programs and on two cases of clinical supervision in a public municipal psychiatric hospital in Rio de Janeiro, Brazil, both of which occurred in 2004. The analysis of the notes led us to the conclusion that something can be done to effect changes in the current situation described in the notes, and that the past need not be repeated. It is important that health teams avoid becoming agents of the banalized terror that reduces hope. Between the public, private and the ineffable of madness, the subject's response must be heard and accepted. This is the tiny element that reminds us of the uncanniness and irreducibility of someone who, in the case of madness, is separated from the collectivity.
Descritores: Hospitais com Fins Lucrativos
Hospitais Públicos
Unidade Hospitalar de Psiquiatria
-Saúde Mental
Saúde Pública
Responsável: BR734.5 - Biblioteca Prof. Joel Martins


  5 / 8 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Id: lil-334275
Autor: Veloso, Renato José Furtado.
Título: Dirigentes de hospitais lucrativos e participaçäo social: como a democratizaçäo do setor saúde é percebida por dirigentes de hospitais lucrativos paulistanos contratados pelo SUS / Managers os lucrative hospitals and social participation: how are the perception of lucrative hospitals managers of Säo Paulo contracted by SUS.
Fonte: Säo Paulo; s.n; 1998. 108 p.
Idioma: pt.
Tese: Apresentada a Escola de Administraçäo de Empresas de Säo Paulo para obtenção do grau de Mestre.
Resumo: Investiga como os dirigentes de entidades hospitalares lucrativas, que prestam serviços ao Sistema Unico de Saúde, percebem as alteraçöes que estäo havendo no setor saúde. Se serve de um referencial histórico que narra a construçäo de um modelo político-administrativo, ao longo dos anos de regime militar, e sua evoluçäo propiciada pelo processo de redemocratizaçäo da sociedade brasileira nas décadas de 1970-80. Respaldando-se na legislaçäo em vigor, busca dados que permitam definir quais aspectos, implicados na referida trajetória democratizante, sensibilizam os dirigentes de hospitais lucrativos e motivam suas açöes na conduçäo dos serviços médicos-hospitalares em questäo.
Descritores: Pessoal Administrativo
Comportamento
Percepção
Pensamento
-Relações Comunidade-Instituição
Conselhos de Planejamento em Saúde
Política de Saúde
História
Hospitais com Fins Lucrativos
Filosofia
Relações Profissional-Paciente
Sistemas de Saúde/organização & administração
Percepção Social
Sistema Único de Saúde
Limites: Humanos
Masculino
Feminino
Responsável: BR939.1 - Biblioteca Karl A Boedecker
BR939.1; 64.024.8(81)*V443d,Dis


  6 / 8 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Id: lil-306185
Autor: Medeiros, Valéria Alvarenga.
Título: Aprendizagem organizacional do enfermeiro no cotidiano de um hospital privado / The nurse organization learning process on the day by day of a private hospital.
Fonte: belo Horizonte; s.n; 2001. 156 p.
Idioma: pt.
Tese: Apresentada a Universidade Federal de Minas Gerais. Escola de Enfermagem para obtenção do grau de Mestre.
Resumo: Inovaçäo tem sido a palavra de ordem diante das grandes necessidades de mudança impostas às organizaçöes em sua luta para superar os novos e constantes desafios. Impöem-se às organizaçöes nelas inseridas modificar seus comportamentos, de tal forma a se manterem abertas para aprender a aprender, individual e coletivamente. A aprendizagem organizacional, a partir da proposta de Peter Senge, pode ser uma importante diretriz para as empresas e profissionais desenvolverem seus potenciais na busca de adequaçäo à nova realidade. Este estudo buscou compreender o processo de aprendizagem organizacional do enfermeiro no cotidiano de trabalho de um hospital geral, privado, de médio porte e em processo de mudança...
Descritores: Hospitais com Fins Lucrativos
Aprendizagem
Enfermagem
-Ambiente de Instituições de Saúde
Inovação Organizacional
Limites: Humanos
Responsável: BR21.1 - Biblioteca J Baeta Vianna- Campus Saúde UFMG
BR21.1; T-WY105, MEAP


  7 / 8 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: lil-292217
Autor: Sámano Guerra, A. Francisco J; Fernández González, Héctor; Minjarez, José Luis.
Título: Los derechos de los pacientes en los nuevos modelos de atención a la salud / Patients rights in the new models of health care
Fonte: An. méd. Asoc. Méd. Hosp. ABC;45(2):93-5, abr.-jun. 2000. CD-ROM.
Idioma: es.
Descritores: Instituições Privadas de Saúde/legislação & jurisprudência
Instituições Privadas de Saúde/tendências
Hospitais com Fins Lucrativos/legislação & jurisprudência
Legislação Hospitalar/normas
Defesa do Paciente/legislação & jurisprudência
-Legislação
Responsável: MX1.1 - CENIDSP - Centro de Información para Decisiones en Salud Pública


  8 / 8 LILACS  
              first record previous record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Id: lil-33262
Autor: Pavón, Salvador Jorge; Montenegro, Jorge A; Alvarez, Manuel; Giraldi, Haydée S.
Título: El hospital privado de comunidad de Mar del Plata: una experiencia en administración y financiación de la salud / The private hospital of Mar del Plata a experience in health administration and financing
Fonte: Med. & soc;7(5):147-57, sept.-oct. 1984. tab.
Idioma: es.
Resumo: Se describen los antecedentes de la Fundación Médica y del Hospital Privado de Comunidad. Se expresan los objetivos fijados por el grupo iniciador. Se describe la organización y conducción de la Fundación Médica de Mar del Plata. Se analiza la integración del Cuerpo Profesional. Se expone la forma de retribución del trabajo profesional. Se describe la planta física del Hospital, la dotación de camas y su equipamiento. Se analizan las características de su organización y funcionamiento del Hospital. Se describe la organización de la atención médica según niveles de la atención. Se describe y analiza la actividad docente del Hospital. Se estudia la producción de rendimiento del Hospital en internación y consultorio externo, incluyéndose las tasas de uso observado para poblaciones incorporadas a contratos por capitación y planes de prepago. Se hace referencia a los aspectos económicos y financieros del Hospital. Se sacan conclusiones
Descritores: Administração Hospitalar
Hospitais com Fins Lucrativos
-Argentina
Responsável: BR1.1 - BIREME



página 1 de 1
   


Refinar a pesquisa
  Base de dados : Formulário avançado   

    Pesquisar no campo  
1  
2
3
 
           



Search engine: iAH v2.6 powered by WWWISIS

BIREME/OPAS/OMS - Centro Latino-Americano e do Caribe de Informação em Ciências da Saúde