Base de dados : LILACS
Pesquisa : N02.278.216.500.968.565 [Categoria DeCS]
Referências encontradas : 186 [refinar]
Mostrando: 1 .. 10   no formato [Detalhado]

página 1 de 19 ir para página                         

  1 / 186 LILACS  
              next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: biblio-1177864
Autor: Presoto, Lucia Helena.
Título: Promoção da saúde e qualidade de vida do trabalhador em hospitais estaduais da cidade de São Paulo / Health promotion and quality of life of civil servants at stateowned hospitals in the city of Sao Paulo.
Fonte: São Paulo; s.n; 2008. 195 p.
Idioma: pt.
Tese: Apresentada a Universidade de São Paulo. Faculdade de Saúde Pública para obtenção do grau de Doutor.
Resumo: Este trabalho objetivou analisar as ações de Promoção da Saúde correlacionadas com a Qualidade de Vida dos trabalhadores de dois hospitais da rede pública estadual da cidade de São Paulo, realizado no período de 15 de janeiro a 30 de março de 2008. Tratou-se de estudo de caso, descritivo, do tipo corte transversal na linha da pesquisa qualitativa e quantitativa e contou com a participação de 233 trabalhadores. Os instrumentos utilizados foram: na etapa qualitativa, um questionário com perguntas abertas e, na quantitativa, o SF-36, na versão adaptada para o português, cuja confiabilidade foi avaliada pela consistência interna, através do alfa de Cronbach. Pelos dados pesquisados, pôde-se concluir: maioria era do sexo feminino (73%), faixa etária entre 30 - 50 anos (49,8%), predominância do ensino médio completo com (53,2%), casados (45,5%), regime de contratação estatutário (67,8%), tinha apenas um vinculo empregatício (75,5%), declarou jamais ter tirado licença (44,2%) e nem sofreu qualquer tipo de acidente de trabalho (88,4%). No levantamento dos programas foram identificados o SEESMT, COMSAT, PPRA, PCMSO e outros, sem registros suficientes que permitissem análise, evidenciando a pouca eficiência dos programas ou ações especificas que promovam a Qualidade de Vida do trabalhador. Quanto ao entendimento da Promoção da Saúde nestes programas, apesar dos esforços evidentes das Instituições pesquisadas em ampliar a atenção à Saúde do Trabalhador, constataram-se fragilidade na forma de divulgação e pouca ou nenhuma clareza dos entrevistados sobre o conceito de Promoção da Saúde, programas focados na doença atendendo à demanda e com inespressiva forma de planejamento, monitoramento ou avaliação, sugerindo urgentes mudanças neste sentido. Neste estudo, o SF-36 mostrou ser um instrumento confiável para avaliar o perfil da saúde geral em trabalhadores, constatado pelos valores do alfa de Cronbach, acima de 0,7, mostrando consistência interna entre os itens do instrumento, considerada satisfatória. Entre as dimensões, a amplitude média das pontuações obtidas foi de 66,5 pontos (dimensão vitalidade) a 83,8 (aspectos físicos), para pontuações padronizadas numa amplitude de 0-100 pontos. De forma geral, a Qualidade de Vida dos entrevistados analisada nesta pesquisa apresentou pontuações indicando percepção positiva desse constructo.

The study aims to analyze the Health Promotion actions concerning quality of life of workers at two state-owned hospitals in the city of Sao Paulo, from January 15 to March 30, 2008. It is a descriptive cohort case study, with qualitative and quantitative investigation of 233 workers. The instrument used in the qualitative stage was a questionnaire with open questions and, in the quantitative phase, the Portuguese version of SF-36, and its reliability was assessed by internal consistency through the Cronbach´s alpha. Most participants were female (73%), age range 30-50 years (49.8%), average schooling of complete high school (53.2%), married (45.5%), hired according to the statutory system (67.8%), had only one job entailment (75.5%), declared having never had any leave of absence (44.2%) or any type of occupational accident (88.4%). The following programs were identified in the survey: SEESMT, COMSAT, PPRA, PCMSO and others without enough records to enable analysis, which shows inefficiency of programs or specific actions that promote workers quality of life. As to understanding about Health Promotion in these programs, despite evident efforts made by the institutions to expand Worker Health, there is poor dissemination of information and little or no knowledge about the concept of Health Promotion; moreover, the programs are focused on diseases to meet the demands, and do not present any planning, monitoring or evaluation activities, thus requiring urgent changes. In this study, the SF-36 proved to be a reliable tool to assess the general health profile of workers, as demonstrated by the Cronbach´s alpha values above 0.7, indicating internal consistency among the instrument items, which was considered satisfactory. In the dimensions, the mean score amplitude ranged from 66.5 points (vitality) to 83.8 (physical functioning), for standardized scores in an 1-100 scale. By and large, the quality of life of the interviewees, presented scores that indicated a positive perception of this construct
Descritores: Administração de Recursos Humanos em Hospitais
Qualidade de Vida
Estudos Transversais
Saúde do Trabalhador
Promoção da Saúde
Responsável: BR67.1 - CIR - Biblioteca - Centro de Informação e Referência


  2 / 186 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Texto completo
Id: biblio-891669
Autor: Vasconcelos, Raíssa Ottes; Rigo, Denise de Fátima Hoffmann; Marques, Luis Guilherme Sbrolini; Nicola, Anair Lazzari; Tonini, Nelsi Salete; Oliveira, João Lucas Campos de.
Título: Dimensioning of hospital nursing personnel: study with brazilian official parameters of 2004 and 2017 / Dimensionamiento de personal de enfermería hospitalaria: estudio con parámetros oficiales brasileños de 2004 y 2017 / Dimensionamento de pessoal de enfermagem hospitalar: estudo com parâmetros oficiais brasileiros de 2004 e 2017
Fonte: Esc. Anna Nery Rev. Enferm;21(4):e20170098, 2017. tab.
Idioma: en.
Resumo: Abstract Objective: To investigate the dimensions of the nursing team of a hospital unit according to the official Brazilian parameters of 2004 and 2017 and compare the dimensioned conditions to the actual condition existing. Method: A cross-sectional study with data from patients (n = 325) hospitalized in the Neurology and Orthopedics unit of a university hospital in Paraná, Brazil. Data from the Patient Classification System related to nursing work, as well as sociodemographic and clinical variables of the clientele were compiled. The dimensioning of the nursing staff followed the Federal Nursing Council Resolutions of 2004 and 2017. Results: The profile of the patients showed predominantly men (66.46%) hospitalized for Orthopedics (49.58%). The negative difference of professionals dimensioned compared to the actual condition was more evident for the category of nurses, below both the parameters of 2004 (-8) and 2017 (-11). Conclusions: The number of nursing staff in the unit was insufficient.

Resumen Objetivo: Dimensionar el equipo de enfermería de una unidad hospitalaria según los parámetros oficiales brasileños de 2004 y 2017; comparar los cuadros dimensionados con lo real existente. Método: Estudio transversal, realizado entre junio y septiembre de 2016, en la unidade de Neurología y Ortopedia de un hospital universitario de Paraná, Brasil. Los datos fueron procesados en el Sistema de Clasificación de Pacientes, relativos al equipo de enfermería; y variables sociodemográficas y clínicas de la clientela (n = 325). El cálculo del personal de enfermería respondió a las resoluciones del Consejo Federal de Enfermería 2004 y 2017. Resultados: El perfil de los pacientes eran predominantemente hombres (66,46%) admitidos por Ortopedia (49,58%). La diferencia negativa de profesionales dimensionados en comparación con lo real fue más evidente para la categoría de enfermeros, tanto a los parámetros de 2004 (-8) como los de 2017 (-11). Conclusiones: El cuantitativo de enfermería en la unidad es insuficiente.

Resumo Objetivo: Dimensionar a equipe de enfermagem de uma unidade hospitalar segundo os parâmetros oficiais brasileiros de 2004 e de 2017 e, comparar os quadros dimensionados ao quadro real existente. Método: Estudo transversal realizado entre junho a setembro de 2016 na unidade de Neurologia e Ortopedia de um hospital universitário do Paraná, Brasil. Compilou-se dados do Sistema de Classificação de Pacientes, relativos à equipe de enfermagem; e, variáveis sociodemográficas e clínicas da clientela (n = 325). O dimensionamento de pessoal respondeu às Resoluções do Conselho Federal de Enfermagem nacional de 2004 e 2017. Resultados: O perfil dos pacientes era de homens (66,46%) internados pela Ortopedia (49,58%). A diferença negativa de profissionais dimensionados em comparação ao quadro real foi mais evidente para enfermeiros, tanto aos parâmetros de 2004 (-8) como de 2017 (-11). Houve superávit de técnicos de enfermagem (+6) pelos parâmetros antigos. Conclusões: O quadro de pessoal de enfermagem da unidade é insuficiente.
Descritores: Administração de Recursos Humanos em Hospitais/história
Administração de Recursos Humanos em Hospitais/estatística & dados numéricos
Enfermagem
Carga de Trabalho/estatística & dados numéricos
Downsizing Organizacional/história
Recursos Humanos de Enfermagem no Hospital/história
Recursos Humanos de Enfermagem no Hospital/estatística & dados numéricos
-Downsizing Organizacional/estatística & dados numéricos
Limites: Humanos
Adulto
Responsável: BR442.1 - Biblioteca Setorial de Pós-Graduação


  3 / 186 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: biblio-956587
Autor: Kurcgant, Paulina; Passos, Andrea Rodrigues; Oliveira, Juliana Macedo Lima de; Pereira, Irene Mari; Costa, Taiza Florêncio.
Título: Absenteísmo do pessoal de enfermagem: decisões e ações de enfermeiros gerentes / Absentismo del personal de enfermeira: decisiones y acciones de las enfermeiras gestoras / Absenteeism of nursing staff: decisions and actions of nurse managers
Fonte: Rev. Esc. Enferm. USP;49(spe):35-41, fev. 2015. tab, graf.
Idioma: en; pt.
Resumo: RESUMO Objetivo Mensurar o absenteísmo dos enfermeiros técnicos/auxiliares de enfermagem em três instituições hospitalares e conhecer possíveis decisões gerenciais de enfermeiros gerentes frente a este evento. Método Quantiqualitativo, sendo que, na etapa quantitativa mediu as taxas mensais, média anual e taxa geral de absenteísmo dos enfermeiros e técnicos/auxiliares de enfermagem de 12 unidades de serviço dos hospitais, durante 12 meses, segundo a equação proposta pelo NAGEH. Na etapa qualitativa foram realizadas entrevistas com as 12 enfermeiras gerentes das 12 unidades. Resultados A etapa quantitativa mostra diferenças importantes em cada instituição e entre instituições com diversas taxas mensais acima da taxa mensal máxima preconizada pelo COFEN de 6,7%. Na etapa qualitativa foram resgatadas as decisões de impacto positivo, por elas tomadas, considerando o relacionamento com chefia, o diálogo, e o atendimento das demandas de ordem física e emocional dos profissionais como fatores importantes. Conclusão O absenteísmo mostrou-se como um evento presente no cotidiano do gerenciamento do pessoal de enfermagem, pois apresentou variações nos diferentes meses do ano e nas diferentes unidades de serviço sendo possível classificá-las frente à maior ou menor problemática, além disso, mostrou o adoecimento do trabalhador, insatisfação com as condições institucionais e o relacionamento interpessoal inadequado, o que orienta para decisões gerenciais próprias a realidade.

RESUMEN Objetivo Mensurar el absentismo de los enfermeros técnicos/asistentes de enfermería en tres instituciones hospitalarias y conocer las posibles decisiones de gestión de los enfermeros gestores frente a este evento. Método Estudios cuantitativos y cualitativos, siendo que, en la fase cuantitativa mide las tasas mensuales, y promedio anual tasa general de absentismo del personal de enfermería y técnicos/asistentes de enfermería de 12 unidades de servicio de los hospitales durante 12 meses, de acuerdo con la ecuación propuesta por NAGEH. En la etapa cualitativa fueron realizadas entrevistas con as 12 enfermeras gestoras de las 12 unidades. Resultados La etapa cuantitativa muestra diferencias importantes en cada institución y entre instituciones con distintas tasas mensuales por encima de la tasa máxima mensual abogada por el COFEN de 6,7%. En la etapa cualitativa fueron rescatadas las decisiones de impacto positivo, por ellas tomadas, considerando el relacionamiento con los superiores, el diálogo y el atendimiento de las demandas de orden física y emocional de los profesionales como factores importantes. Conclusión el absentismo resultó como un evento presente en el cotidiano del gerenciamiento del personal de enfermería, pues presentó variaciones en los distintos meses del año y en las distintas unidades de servicio siendo posible clasificar frente a la mayor o menor problemáticas, además, mostró la enfermedad del trabajador, insatisfacción con las condiciones institucionales y el relacionamiento interpersonal inadecuado, lo que orienta para decisiones gestoras propias a la realidad.

ABSTRACT Objective Measure absenteeism among nurses and nursing technicians/aides in three hospitals and explore possible management decisions by nursing managers to deal with it. Method Quantitative, qualitative study. In the qualitative stage, monthly rates, annual average and overall rates of absenteeism were measured among nurses and nursing technicians/aides from 12 service units in the hospitals, over 12 months, according to the equation proposed by the Support Center for Hospital Management (NAGEH - Núcleo de Apoio à Gestão Hospitalar). In the qualitative stage, 12 nursing managers from 12 units were interviewed. Results The quantitative stage revealed important differences in each institution and between institutions, with various monthly rates exceeding the monthly rate of 6.7% recommended by the Federal Council of Nursing (COFEN - Conselho Federal de Enfermagem). The qualitative stage examined positive impact decisions taken by these institutions, where relationships with managers, dialogue, and meeting the physical and emotional demands of professionals were considered important factors. Conclusion Absenteeism was a reality in day-to-day nursing staff management. It varied according to the month of the year and in different service units, and it was possible to classify these units according to the degree of the problem. In addition, the results showed that employee illness, dissatisfaction with institutional conditions, and inadequate interpersonal relationships were key factors, enabling management decisions based on each hospital's particular reality.
Descritores: Administração de Recursos Humanos em Hospitais
Absenteísmo
Recursos Humanos de Enfermagem no Hospital
-Supervisão de Enfermagem
Indicadores de Gestão
Técnicos de Enfermagem
Enfermeiros
Limites: Humanos
Masculino
Feminino
Responsável: BR41.1 - Biblioteca Wanda de Aguiar Horta


  4 / 186 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: biblio-956598
Autor: Baptista, Patricia Campos Pavan; Pustiglione, Marcelo; Almeida, Mirian Cristina dos Santos; Felli, Vanda Elisa Andres; Garzin, Ana Claudia Alcantara; Melleiro, Marta Maria.
Título: Saúde dos trabalhadores de enfermagem e a segurança do paciente: o olhar de gerentes de enfermagem* / Salud de los trabajadores de enfermería y la seguridad del paciente: la percepción de las enfermeras gestoras / Nursing workers health and patient safety: the look of nurse managers*
Fonte: Rev. Esc. Enferm. USP;49(spe):122-128, fev. 2015.
Idioma: en; pt.
Resumo: RESUMO Objetivo Compreender a percepção de gerentes de enfermagem sobre a relação entre a saúde dos trabalhadores de enfermagem e a segurança dos pacientes. Método Trata-se de uma pesquisa qualitativa, com abordagem da fenomenologia social de Alfred Schütz, realizada por meio de entrevistas individuais, com nove gerentes de enfermagem de cinco hospitais universitários distribuídos no Brasil. Resultados A percepção dos gerentes de enfermagem sobre a relação entre a saúde dos trabalhadores de enfermagem e a segurança dos pacientes foi evidenciada nas categorias: "O sofrimento para equilibrar a saúde dos trabalhadores e a segurança dos pacientes" e "Intervenções no cotidiano de trabalho". Conclusão A vivência dos gerentes evidenciou um cotidiano de trabalho marcado por sofrimento e preocupação, devido aos altos índices de absenteísmo e presenteísmo decorrentes do adoecimento e incapacidade dos trabalhadores, e à necessidade de garantir a segurança dos pacientes por meio de uma assistência de enfermagem qualificada.

RESUMEN Objetivo Conocer la percepción de los gestores de enfermería sobre la relación entre la salud de los trabajadores de enfermería y la seguridad del paciente. Método Esta es una investigación cualitativa, con enfoque de la fenomenología social de Alfred Schütz, realizada por medio de entrevistas individuales con nueve gestores de enfermería de cinco hospitales universitarios distribuidos en Brasil. Resultados La percepción de los gestores de enfermería sobre la relación entre los trabajadores de enfermería y seguridad de los pacientes fue evidenciada en las categorías: "El sufrimiento para equilibrar la salud de los trabajadores y la seguridad de los pacientes" y "las intervenciones en el trabajo diario". Conclusión La experiencia de los gestores mostró una rutina diaria de trabajo marcado por el sufrimiento y la preocupación por los altos índices de absentismo y preceptismo resultantes de enfermedad y discapacidad en los trabajadores y la necesidad de garantizar la seguridad de los pacientes por medio de una asistencia de enfermería cualificada,

ABSTRACT Objective To understand the perception of nurse managers about the relationship between nursing workers health and patient safety. Method A qualitative survey was conducted using the social phenomenology approach of Alfred Schütz, accomplished through individual interviews with nine nurse managers from five Brazilian university hospitals. Results Nurse managers' perception of the relationship between nursing workers health and patient safety was evidenced in the following categories: "The suffering to balance workers health and patient safety" and "Interventions in everyday work life". Conclusion Managers' experience showed an everyday work life marked by suffering and concern, due to high rates of absenteeism and presenteeism resulting from illness and incapability of workers, and the need to ensure patient safety through qualified nursing care.
Descritores: Percepção
Saúde do Trabalhador
Segurança do Paciente
Enfermeiras Administradoras
Recursos Humanos de Enfermagem no Hospital/organização & administração
-Administração de Recursos Humanos em Hospitais
Pesquisa Qualitativa
Hospitais de Ensino
Limites: Humanos
Tipo de Publ: Relatos de Casos
Responsável: BR41.1 - Biblioteca Wanda de Aguiar Horta


  5 / 186 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Texto completo
Id: biblio-1120528
Autor: Zatti, Maria Laura Rebouças.
Título: Vínculos empregatício e comprometimento da enfermeira no trabalho hospitalar / Employment bonds and commitment of nurses in hospital work.
Fonte: Salvador; s.n; 2007. 199P p.
Idioma: pt.
Tese: Apresentada a Universidade Federal da Bahia para obtenção do grau de Mestre.
Resumo: Este trabalho objetiva descrever o grau de comprometimento das enfermeiras com diferentes vínculos empregatícios, em relação à organização hospitalar e a profissão/carreira. Analisa-se o comprometimento na vertente organizacional, buscando-se identificar como os indivíduos podem comprometer-se a partir de diferentes processos psicológicos que lhes dão embasamento, nas bases afetiva, instrumental e normativa atitudinais. A análise da perspectiva atitudinal permite compreender como se articulam os vínculos dos indivíduos com diferentes focos (organização, trabalho, carreira). Trata-se de um estudo de caso, de abordagem quantitativa, com método descritivo, analítico - dedutivo desenvolvido em um hospital público, de grande porte, situado em Feira de Santana, Bahia ­ Brasil. De um universo constituído de 146 enfermeiras, selecionou-se uma amostra de 90 enfermeiras, sendo 45 com contrato de trabalho permanente, denominadas estatutárias, e 45 com contrato de trabalho por prazo determinado, denominadas contratadas pelo Regime Especial de Direito Administrativo (REDA). O instrumento de coleta de dados foi o questionário, composto de nove itens que integram o Organizational Commitment Questionnaire (OCQ), acrescentandose dados pessoais e profissionais para identificar o perfil de cada grupo. A análise deu-se com a utilização do programa Statistical Porckarge for Social Science (SPSS) versão 11.0, submetendo-se à prova estatística teste t de Student para a comparação entre os grupos. Os resultados demonstram que nos dois grupos analisados predominam moderados escores de comprometimento. Com a organização hospitalar, as enfermeiras com vínculo de estatutárias apresentam-se mais comprometidas do que com vínculo de contrato REDA, sendo que dentre as estatutárias, as com idade maior, casadas, sem pós-graduação, que trabalham na assistência, com jornada de trabalho de 30 horas semanais, e com um único vinculo de trabalho apresentaram as maiores médias de comprometimento. Ao se caracterizarem as bases afetiva, instrumental e normativa do comprometimento das enfermeiras com a organização, observase que as contratadas são mais comprometidas com a base instrumental, enquanto que as estatutárias comprometem-se mais com a base normativa, comprovando-se uma das hipoteses deste estudo. Em relação à carreira, as enfermeiras contratadas apresentam-se mais comprometidas do que as estatutárias, embora estes resultados não revelem diferenças estatisticamente significantes entre os dois grupos, na maioria das variáveis estudadas. Os resultados delineiam o perfil dos grupos, encontrando respaldo na literatura examinada e em algumas semelhanças com estudos realizados sobre a temática. Ao se investigar o micro espaço organizacional hospitalar, conclui-se que os resultados do presente estudo podem contribuir na formulação de Políticas de Gestão do Trabalho em Servi;os de Saúde que estimulem o comprometimento das trabalhadoras da enfermagem com a organização hospitalar, o que significa remover possíveis entraves na consolidação do Sistema Único de Saúde brasileiro.(AU)
Descritores: Administração de Recursos Humanos em Hospitais
Categorias de Trabalhadores
Enfermeiras e Enfermeiros
Recursos Humanos de Enfermagem no Hospital
-Enfermagem do Trabalho/organização & administração
Limites: Humanos
Responsável: BR342.1 - Biblioteca Universitária de Saúde


  6 / 186 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Mondini, Cleide Carolina da Silva Demoro
Texto completo
Id: biblio-1125561
Autor: Trettene, Armando dos Santos; Razera, Ana Paula Ribeiro; Beluci, Marli Luiz; Prado, Priscila Capelato; Mondini, Cleide Carolina da Silva Demoro; Spiri, Wilza Carla.
Título: Absenteeism and the Technical Safety Index of a tertiary hospital nursing team / Absentismo e ndice de seguridad tcnica del equipo de enfermera de un hospital terciario / Absentesmo e ndice de segurana tcnica da equipe de enfermagem de um hospital tercirio
Fonte: Rev. Esc. Enferm. USP;54:e03585, 2020. tab, graf.
Idioma: en; pt.
Resumo: Abstract Objective: To identify the nursing team absenteeism rate, calculate the Technical Safety Index and compare them to the percentage established by the Federal Nursing Council. Method: A descriptive, analytical, and retrospective study which included nursing professionals working in a public and tertiary hospital. The Human Resources Department database of the Institution was used for data collection. Absenteeism was considered as any unplanned absence. Results: Ninety-nine (99) professionals participated, of which 21 were nurses and 78 were nursing technicians. Weekly days off prevailed among the expected absences, with 17% for both categories. Maternity leave prevailed among nurses and medical leave among nursing technicians regarding absenteeism, with averages of 12% and 9%, respectively. The Technical Safety Index was 42% for nurses and 38% for nursing technicians. Conclusion: The nursing teams absenteeism rate was 21.5%, while the Technical Safety Index was 40%, thus constituting higher values than those established by the Federal Nursing Council.

Resumen Objetivo: Identificar el ndice de absentismo del equipo de enfermera, calcular el ndice de Seguridad Tcnica y compararlos al porcentual establecido por el Consejo Federal de Enfermera. Mtodo: Estudio descriptivo, analtico, retrospectivo, que incluye a profesionales enfermeros actuantes en un hospital pblico y terciario. Para la recoleccin de datos, se emple el banco de datos del Departamento de Recursos Humanos del Centro. Se consideraron como absentismo las ausencias no previstas. Resultados: Participaron 99 profesionales, siendo 21 enfermeros y 78 tcnicos. Los das libres semanales prevalecieron entre las ausencias previstas, siendo el 17% para ambas categoras. En cuanto al absentismo, prevaleci la licencia de maternidad entre enfermeros y la licencia mdica entre tcnicos de enfermera, cuyos promedios fueron del 12% y el 9%, respectivamente. El ndice de Seguridad Tcnica fue del 42% para enfermeros y del 38% para tcnicos de enfermera. Conclusin: El ndice de absentismo del equipo de enfermera fue del 21,5%, mientras que el ndice de Seguridad Tcnica fue del 40%, por lo tanto, superiores a las cifras establecidas por el Consejo Federal de Enfermera.

Resumo Objetivo: Identificar a taxa de absentesmo da equipe de enfermagem, calcular o ndice de Segurana Tcnica e compar-los ao percentual estabelecido pelo Conselho Federal de Enfermagem. Mtodo: Estudo descritivo, analtico, retrospectivo, que incluiu profissionais de enfermagem, atuantes em um hospital pblico e tercirio. Para a coleta de dados, foi utilizado o banco de dados do Departamento de Recursos Humanos da Instituio. Consideraram-se como absentesmo as ausncias no previstas. Resultados: Participaram 99 profissionais, sendo 21 enfermeiros e 78 tcnicos. As folgas semanais prevaleceram entre as ausncias previstas, sendo 17% para ambas as categorias. Quanto ao absentesmo, prevaleceu a licena maternidade entre enfermeiros e a licena mdica entre tcnicos de enfermagem, cujas mdias foram de 12% e 9%, respectivamente. O ndice de Segurana Tcnica foi de 42% para enfermeiros e 38% para tcnicos de enfermagem. Concluso: A taxa de absentesmo da equipe de enfermagem foi de 21,5%, enquanto o ndice de Segurana Tcnica foi de 40%, portanto, superiores aos valores estabelecidos pelo Conselho Federal de Enfermagem.
Descritores: Absenteísmo
Indicadores de Gestão
Recursos Humanos de Enfermagem no Hospital
Equipe de Enfermagem
-Administração de Recursos Humanos em Hospitais
Estudos Retrospectivos
Centros de Atenção Terciária
Limites: Humanos
Masculino
Feminino
Responsável: BR41.1 - Biblioteca Wanda de Aguiar Horta


  7 / 186 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: lil-701529
Autor: Schmoeller, Roseli; Gelbcke, Francine Lima.
Título: Indicativos para o dimensionamento de pessoal de enfermagem em emergência / Indicators for the measurement of emergency nursing personnel / Indicativos para el dimensionamiento de personal de enfermería en urgencia
Fonte: Texto & contexto enferm;22(4):971-979, out.-dez. 2013.
Idioma: pt.
Resumo: Trata-se de um estudo exploratório-descritivo qualitativo, com o objetivo de levantar indicativos para o dimensionamento de pessoal de enfermagem em serviços de emergência. Os dados foram coletados utilizando-se observação do trabalho de enfermagem e entrevista semiestruturada com enfermeiros, sendo analisados à luz da teoria do processo de trabalho, originando as categorias: processo de trabalho e dimensionamento de pessoal de enfermagem e indicativos para o dimensionamento de pessoal de enfermagem em emergência. O estudo aponta indicativos quantitativos e qualitativos para subsidiar o dimensionamento de pessoal, entre os quais, a necessidade de se avaliar a organização do trabalho, o grau de cuidado dos usuários para além dos aspectos biológicos e a própria característica do serviço de emergência, que congrega internação e atendimento das urgências.

This exploratory-descriptive study was performed with a qualitative approach, aiming at finding indicators for the measurement of nursing personnel in adult emergency services. Data were collected using nursing work observation and a semi-structured interview with nurses; data were analyzed based upon the theory of working process, originating the following categories: working process and nursing personnel measurement, and indicators for the measurement of nursing personnel in emergency. The study presents both quantitative and qualitative indicators to ground personnel measurement, amongst which the need to evaluate the working organization, the degree of users' care besides biological aspects and the emergency service characteristic itself, which encompasses hospitalization and urgency care.

Estudio exploratorio-descriptivo con abordaje cualitativa, con el objetivo de obtener indicativos para el dimensionamiento de personal de enfermería en urgencia adulto. Los datos fueron colectados utilizando-se la observación del trabajo de enfermería y entrevista semiestructurada con enfermeros, y analizados de acuerdo con la teoría del trabajo, originando las categorías: proceso de trabajo y dimensionamiento de personal de enfermería, e indicativos para el dimensionamiento de personal de enfermería en urgencia. Apunta indicativos cuantitativos y cualitativos para subsidiar el dimensionamiento de personal, entre los cuales la necesidad de evaluarse la organización del trabajo, el grado de cuidado de los usuarios bien como de los aspectos biológicos e la propia característica del servicio de urgencia, que congrega internación y atendimiento de las urgencias.
Descritores: Administração de Recursos Humanos em Hospitais
Enfermagem em Emergência
Downsizing Organizacional
Limites: Humanos
Responsável: BR17.1 - Biblioteca Setorial Centro de Ciências da Saúde (BSCCSM)


  8 / 186 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: lil-521968
Autor: Hospital de Pediatría Juan P. Garrahan. Grupo de Autogestión de Enfermería.
Título: Autogestión, una alternativa al servicio de los trabajadores de la salud / Self management: An alternative for health workers
Fonte: Med. infant;8(4):315-317, dic. 2001.
Idioma: es.
Descritores: Administração Hospitalar
Administração de Recursos Humanos em Hospitais
Medidas de Segurança
Modernização do Setor Público
Riscos Ocupacionais
Saúde do Trabalhador
Responsável: AR94.1 - Centro de Información Pediatrica


  9 / 186 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Anselmi, Maria Luiza
Texto completo
Id: lil-581989
Autor: Iwamoto, Helena Hemiko; Anselmi, Maria Luiza.
Título: Rotatividade dos trabalhadores de enfermagem nos hospitais do município de Uberaba, Minas Gerais / Nursing staff turnover rate in hospitals of Uberaba, Minas Gerais
Fonte: Rev. gaúch. enferm;27(3):443-453, 2006.
Idioma: pt.
Resumo: Este estudo descritivo mensura e descreve a rotatividade dos trabalhadores de enfermagem em 11 hospitais do Município de Uberaba, Minas Gerais, Brasil, em 2003. Em toda rede hospitalar foram admitidos 327 trabalhadores de enfermagem e desligaram-se, 276. De modo geral, a taxa de admissão dos trabalhadores foi superior a de desligamento, exceto para auxiliares de enfermagem; a taxa líquida de substituição foi de 24,3, e o quadro de trabalhadores seria totalmente renovado no prazo de 3,6 anos. Pelos indicadores utilizados, identificou-se maior estabilidade e menor rotatividade dos trabalhadores do hospital público e maior rotatividade nos hospitais privados.

Este estudio descriptivo mide y describe (analiza) la rotación de los trabajadores de enfermería de once hospitales del Municipio de Uberaba, Minas Gerais, Brasil, en 2003. En toda la red hospitalaria se admitieron 327 profesionales de enfermería y se despidió , 276. En general, la tasa de admisión de los trabajadores fue superior a la de despido, excepto para auxiliares de enfermería; la tasa líquida de substitución fue del 24,3% y, la plantilla de trabajadores sería totalmente renovada en el plazo de 3,6 años. Por los indicadores utilizados se identificó mayor estabilidad y menor rotación de los trabajadores del hospital público y, mayor rotación en los hospitales privados.

This article measures and describes nursing staff turnover in eleven hospitals located in the city of Uberaba, Minas Gerais, Brazil, in 2003. The entire hospital network hired 327 nursing professionals and dismissed 276. Therefore, employment rate was higher than dismissal rate, with the exception of nursing assistants. Net replacement rate was of 24.3%. Entire nursing staff would be completely replaced in approximately 3,6 years. The indexes used indicated higher stability and lower staff turnover rate in public hospitals as compared to private hospitals.
Descritores: Administração de Recursos Humanos em Hospitais
Recursos Humanos de Enfermagem no Hospital
-Administração Hospitalar
Limites: Humanos
Responsável: BR546.1 - Biblioteca


  10 / 186 LILACS  
              first record previous record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Rocha, Adelaide de Mattia
Texto completo
Id: lil-560809
Autor: Rocha, Adelaide de Mattia; Felli, Vanda Elisa Andrés.
Título: A saúde do trabalhador de enfermagem sob a ótica da gerência / The nursing worker's health under the view of the management / La salud del trabajador de enfermería bajo laóptica de la gerencia
Fonte: Rev. bras. enferm;57(4):453-458, jul.-ago. 2004.
Idioma: pt.
Resumo: Trata-se de um estudo qualitativo realizado com o objetivo de analisar as ações gerenciais desenvolvidas pelas enfermeiras, implicadas no processo saúde-doença dos trabalhadores de enfermagem. O cenário foi um hospital universitário e os sujeitos foram enfermeiras gerentes. Os resultados mostraram que a saúde dos trabalhadores de enfermagem é determinada pela forma como o processo de trabalho está organizado no Hospital. As possibilidades de transformação estão postas em novas formas de organizar o trabalho, privilegiando o desenvolvimento das quatro dimensões da gerência, com a adoção de processos participativos de gestão e o investimento em educação continuada que privilegie a emancipação dos sujeitos.

This is a qualitative study with the objective to analyze the managemental actions developed by the nurses, implied in the health-desease process of the nursing workers. It was carried through in a university hospital and the citizens had been managers nurses of the Hospital. The results had shown that the nursing worker's health is determined by the form as the processes of work are organized in the Hospital. The transformation possibilities are organized in new forms to organize the work, privileging the development of the four dimensions of the management, with the adoption of management process and the investment in continued education that privileges the emancipation of the citizens.

Este es un estudio cualitativo con el objetivo de analizar las acciones gerenciales desarrolladas por las enfermeras, implicadas en el proceso salud-enfermedad de los trabajadores de enfermería. Fue realizado en un hospital universitario y los sujetos fueron enfermeras gerentes del Hospital. Los resultados mostraron que la salud de los trabajadores de enfermería es determinada por la forma como el proceso de trabajo está organizado en el Hospital. Las posibilidades de transformación están postas en nuevas formas de organizar el trabajo, privilegiando el desarrollo de las cuatro dimensiones de la gerencia, con la adopción de procesos participativos de gestión y la inversión en educación continuada que privilegie la emancipación de los sujetos.
Descritores: Serviço Hospitalar de Enfermagem/organização & administração
Recursos Humanos de Enfermagem no Hospital
Saúde do Trabalhador
-Hospitais Universitários
Processo de Enfermagem
Inovação Organizacional
Administração de Recursos Humanos em Hospitais
Avaliação de Processos em Cuidados de Saúde
Limites: Humanos
Responsável: BR1.1 - BIREME



página 1 de 19 ir para página                         
   


Refinar a pesquisa
  Base de dados : Formulário avançado   

    Pesquisar no campo  
1  
2
3
 
           



Search engine: iAH v2.6 powered by WWWISIS

BIREME/OPAS/OMS - Centro Latino-Americano e do Caribe de Informação em Ciências da Saúde