Base de dados : LILACS
Pesquisa : N02.421.726 [Categoria DeCS]
Referências encontradas : 479 [refinar]
Mostrando: 1 .. 10   no formato [Detalhado]

página 1 de 48 ir para página                         

  1 / 479 LILACS  
              next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: biblio-1053183
Autor: Alfie, José.
Título: Editorial / Editorial
Fonte: Rev. Hosp. Ital. B. Aires (2004);37(2):51-51, jun. 2017.
Idioma: es.
Descritores: Educação em Saúde
Promoção da Saúde
-Serviços Preventivos de Saúde
Saúde Pública
Hospitais Universitários
Limites: Seres Humanos
Tipo de Publ: Editorial
Responsável: AR2.1 - Biblioteca Central


  2 / 479 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: biblio-983739
Autor: Sanches Júnior, José Antonio.
Título: Participation and responsibility
Fonte: An. bras. dermatol;94(1):8-8, Jan.-Feb. 2019.
Idioma: en.
Descritores: Serviços Preventivos de Saúde
Neoplasias Cutâneas/prevenção & controle
Sociedades Médicas
Dermatologia
-Brasil
Limites: Seres Humanos
Tipo de Publ: Editorial
Responsável: BR1.1 - BIREME


  3 / 479 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Texto completo
Id: biblio-1052663
Autor: Rovere, Mario; Sacchetti, Laura.
Título: La salud pública en las relaciones internacionales: cañones, mercancías y mosquitos / Public health in international relations: cannons, merchandise and mosquitoes.
Fonte: Córdoba; El Ágora; 2011. 86 p.
Idioma: es.
Resumo: Este libro propone a sus lectores un recorrido histórico por algunos escenarios que fueron afectados por grandes epidemias de fiebre amarilla: Buenos Aireas (1871), Memphis (1878), el descubrimiento del origen vectorial de la enfermedad en La Habana (1898-1902) y la campaña de saneamiento durante la construcción del Canal de Panamá (1904-06). El objetivo de tal recorrido es poder identificar la genealogía de los dispositivos que intervinieron en la construcción de medidas de salud pública, especialmente de puertos y fronteras, que marcaron las relaciones internacionales en el continente y que de alguna manera extienden su influencia hasta nuestros días
Descritores: Serviços Preventivos de Saúde
Febre Amarela
Medicina Preventiva
Saúde Pública
Prevenção de Doenças
-Cooperação Internacional
Limites: Seres Humanos
Tipo de Publ: Livros de Texto
Responsável: AR381.1 - Centro de Documentación de Excelencia en Salud
AR381.1; aSALPUBL80 ELEC207


  4 / 479 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: biblio-1050057
Autor: Oscar, Raquel Cardoso.
Título: Pílulas diárias anti-HIV: a construção de uma narrativa antropológica sobre a Profilaxia de Pré-Exposição ao HIV (PrEP) / Daily anti-HIV drugs: the construction of an anthropological narrative on HIV Pre-Exposure Prophylaxis (PrEP).
Fonte: Rio de Janeiro; s.n; 2019. 186 f p. tab, graf, fig.
Idioma: pt.
Tese: Apresentada a Universidade do Estado do Rio de Janeiro, Instituto de Medicina Social para obtenção do grau de Doutor.
Resumo: Esta tese efetua uma análise antropológica sobre o fenômeno das Profilaxias Medicamentosas da Aids, em especial a PrEP (Profilaxia de Pré-Exposição ao HIV). O recorte incide sobre as narrativas hegemônicas em torno desta modalidade de prevenção sexual e a noção de sujeito subjacente às mesmas, bem como os fundamentos ideológicos dessa tecnologia, definida como uma "nova saída" preventiva do HIV. Foi empreendida uma análise documental de guias e diretrizes internacionais produzidas pela OMS e UNAIDS para a adoção global da PrEP, conjuntamente ao exame do protocolo brasileiro. Foram também realizadas entrevistas com atores-chave que participam ou participaram do processo de implementação nacional da PrEP. Os enunciados elaborados no âmbito das estratégias de escolha e legitimação da dita profilaxia foram descritos de modo a elucidar seu papel no processo, aqui definido como acirramento do individualismo contemporâneo. Tal feitio ocorre às expensas de determinados pressupostos centrais dos discursos preventivos e em meio a um contexto de biomedicalização da epidemia, quando são produzidas noções particulares de autonomia e gestão dos riscos e da sexualidade

This thesis presents an anthropological analysis on the Medical Prophylaxis of AIDS, in particular, the HIV Pre-Exposure Prophylaxis (PrEP). Regarding this studied object, our framework falls on hegemonic narratives concerning this mode of sexual prevention and its underlying notions of subject as well as the respective technology's fundamental ideologies. In this sense, such technology is defined as a new preventive solution for HIV infection. To achieve our conclusions, we undertake a documental analysis of international guidelines and policies from WHO and UNAIDS toward global adoption of PrEP, along with the Brazilian protocol. In addition, we conducted interviews with key actors who have performed a role in PrEP's implementation process in Brazil. Within the scope of HIV prophylaxis choice and legitimation strategies, we show the exacerbating ­ as we conclude ­ role played by the contemporary individualism. With specific notions of autonomy, risk control, and sexuality management at the core of it, this phenomenon occurs in the context of biomedicalization of the Aids epidemic at the expense of central assumptions in the preventive discourses
Descritores: Serviços Preventivos de Saúde
Comportamento Sexual
Síndrome de Imunodeficiência Adquirida/prevenção & controle
HIV
Fármacos Anti-HIV
Limites: Seres Humanos
Tipo de Publ: Revisão
Responsável: BR433.1 - CB/C - Biblioteca Biomédica C
BR433.1; 616.98:578.828, O81, T1779


  5 / 479 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Id: lil-516274
Autor: Báez Maldonado, Eugenio(edt).
Título: VIH/SIDA: diagnósico, tratamiento y prevención de la infección por el VIH y sus complicaciones / AIDS: diagnos, treatment and prevention of the infection by AIDS and its complications.
Fonte: Asunción; Instituto de Previsión Social; 2005. 204 p. tab.
Idioma: es.
Resumo: Propone brindar de manera seria, clara y precisa a los médicos, en especial a aquellos que no tienen un amplio acceso a la información oportuna, para que desde sus lugares de trabajo, entiendan la enfermedad, puedan realizar el diagnóstico, tengan las bases para usar los recursos de labpratorio y estén capacitados para ofrecer la asesoría necesária a las personas infectadas por el VIH/SIDA y sus familiares.
Descritores: HIV
Doença
Promoção da Saúde
Serviços Preventivos de Saúde
Síndrome de Imunodeficiência Adquirida
-Assistência Médica
Serviço Social
Paraguai
Responsável: PY2.1 - Centro de Documentación
Py2.1; 616, 1803


  6 / 479 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: biblio-1038419
Autor: Méndez Ribas, José M.
Título: Atención primaria de la patología ginecológica en la etapa adolescente / Primary care in the adolescent gynecological pathology
Fonte: Arch. argent. pediatr;116(2):156-159, abr. 2018. ilus.
Idioma: es.
Resumo: La medicina para adolescentes ya es una verdadera especialidad y la ejercen, sobre todo, médicos capacitados en Pediatría, clínicos de familia y ginecólogos que se hayan formado debidamente en su adecuada atención y con vocación por hacerlo. Basado en la experiencia como miembro fundador y director por más de 20 años del Programa de Adolescencia del Hospital de Clínicas (Universidad de Buenos Aires), presento una metodología de atención con el objetivo de mostrar un abordaje integral de las adolescentes haciendo énfasis en la promoción de la salud y prevención de enfermedades en general y en salud reproductiva en particular.

The Medicine for adolescents is a true specialty mostly exercised by doctors trained in pediatrics, family clinicians and gynecologists properly trained in their care and with the vocation for that. Based on my experience as a Founding Member and Director for more than 20 years of the Adolescence Program of the Hospital de Clínicas (University of Buenos Aires), I presented a methodology of attention with the objective of showing a comprehensive approach of the adolescents with an emphasis on general health promotion and prevention of diseases, and on reproductive health in particular.
Descritores: Serviços Preventivos de Saúde
Atenção Primária à Saúde
Adolescente
Saúde Reprodutiva
Ginecologia
Medicina
Limites: Seres Humanos
Feminino
Adolescente
Tipo de Publ: Relatório Técnico
Responsável: AR94.1 - Centro de Información Pediatrica


  7 / 479 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: biblio-840278
Autor: Pini, Danielle de Moraes; Fröhlich, Paula Cristina Gil Ritter; Rigo, Lilian.
Título: Oral health evaluation in special needs individuals / Avaliação da saúde bucal em pessoas com necessidades especiais
Fonte: Einstein (Säo Paulo);14(4):501-507, Oct.-Dec. 2016. tab, graf.
Idioma: en.
Resumo: ABSTRACT Objective To identify the prevalence of the main oral problems present in special needs children and to relate the underlying conditions with the clinical and demographic variables. Methods The study was based on the physical examination of 47 students from the Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais diagnosed as Down syndrome, cerebral palsy and intellectual deficit. For data collection, we used a self-administered questionnaire that included indices of dental caries and oral hygiene, Angle classification, malposition of dental groups and oral hygiene habits. Results The predominant age group was 12-25 years (46.8%) and most patients were male (55.3%). Regarding daily brushing, 63.8% reported brushing their teeth three times a day, and 85.1% did it by themselves. A total of 48.9% were rated as Angle class I, and 25.5% had no type of malocclusion. A high dental carries index (decayed, missing, filled >10) was observed in 44.7%, and 53.2% had inadequate oral hygiene (zero to 1.16). There was a statistically significant difference between cerebral palsy and the act of the participants brushing their teeth by themselves. Conclusion There was a high decayed-missing-filled teeth index and malocclusion class I, as well as inadequate oral hygiene. The type of underlying condition of the participants influenced the act of brushing teeth by themselves.

RESUMO Objetivo Conhecer a prevalência dos principais problemas bucais em crianças com necessidades especiais, e relacionar as doenças de base com variáveis clínicas e demográficas. Métodos O estudo foi realizado a partir de exame clínico em 47 alunos da Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais com diagnóstico médico de síndrome de Down, paralisia cerebral e deficit intelectual. Para a coleta de dados, foi utilizado um questionário autoaplicativo com índices de cárie dentária e higiene oral, classificação de Angle, malposição de grupos dentários e hábitos de higiene oral. Resultados A faixa etária predominante foi de 12 a 25 anos (46,8%) e a maioria era do sexo masculino (55,3%). Em relação à escovação dentária, 63,8% relataram escovar os dentes três vezes ao dia, sendo que 85,1% realizavam-na sozinhos. Constatou-se que 48,9% dos examinados apresentavam uma classificação de Angle tipo I e 25,5% não apresentavam qualquer tipo de maloclusão. Os avaliados (44,7%) apresentaram alto índice de cárie dentária (cariados, perdidos e obturados >10) e 53,2% apresentaram higiene oral inadequada (zero a 1,16). Houve diferença estatisticamente significativa entre a paralisia cerebral e o ato de escovar os dentes sozinho. Conclusão Constataram-se altos índices de cárie e de maloclusão classe I, além de inadequada higiene oral. Houve influência do tipo de patologia de base na realização do ato de escovar os dentes sozinhos.
Descritores: Higiene Bucal/normas
Odontopatias/epidemiologia
Paralisia Cerebral
Saúde Bucal
Síndrome de Down
Promoção da Saúde/organização & administração
Deficiência Intelectual
-Serviços Preventivos de Saúde
Odontopatias/prevenção & controle
Índice CPO
Estudos Transversais
Assistência Odontológica para Pessoas com Deficiências/psicologia
Limites: Seres Humanos
Masculino
Feminino
Criança
Adolescente
Adulto
Meia-Idade
Adulto Jovem
Responsável: BR1.1 - BIREME


  8 / 479 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Texto completo
Id: biblio-1005798
Autor: Perú. Ministerio de Salud; .Dirección General de Gestión de Riesgo de Desastres y Defensa Nacional de Salud.
Título: Plan de reducción de la vulnerabilidad ante la temporada de bajas temperaturas del Ministerio de Salud, 2019-2021 / Plan for reducing vulnerability to the low-temperature season of the Ministry of Health, 2019-2021.
Fonte: Lima; Perú. Ministerio de Salud; 20190500. 98 p. graf, ilus, tab.
Idioma: es.
Resumo: El documento contiene los objetivos, las líneas de acción y actividades que prioritariamente se deben realizar, a fin de implementar acciones ante la temporada de baja temepraturas.
Descritores: Planos de Emergência
Populações Vulneráveis
Frio Extremo
-Serviços Preventivos de Saúde
Responsável: PE18.1 - Biblioteca Central


  9 / 479 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: biblio-974835
Autor: Bezerra, Valéria Peixoto; Serra, Maria Angélica Pinheiro; Almeida, Sandra Aparecida de; Pereira, Ivoneide Lucena; Chaves, Rebeca Bezerra; Nogueira, Jordana de Almeida.
Título: Ações de prevenção do hiv e de promoção à saúde no contexto da aids pela estratégia saúde da família em joão pessoa-pb / Acciones de prevención del vih y promoción de la salud en el contexto del sida por la estrategia salud de la familia en joão pessoa-pb / Actions of prevention of hiv and health promotion in the context of aids by strategy health of the family in joão pessoa-pb
Fonte: Ciênc. cuid. saúde;15(2):343-349, Abr.-Jun. 2016. graf.
Idioma: pt.
Resumo: RESUMO O estudo objetivou analisar as ações de prevenção do HIV e promoção à saúde no contexto da Aids desenvolvidas pela Estratégia Saúde da Família (ESF), em João Pessoa-PB. Trata-se de um estudo descritivo, com abordagem qualitativa, realizado com 16 enfermeiros atuantes na ESF. Para a obtenção dos dados, utilizouse um roteiro de entrevista semiestruturado e seguiu-se as etapas de análise de conteúdo temática. Os enfermeiros atuam no contexto da Aids com ações em educação em saúde e contextos do cuidar, além de vivenciar facilidades e dificuldades para que essas ações sejam implementadas com êxito. Concluiu-se que as ações voltadas para a prevenção do HIV e promoção à saúde no contexto da Aids estão presentes nas atividades dos profissionais enfermeiros atuantes na ESF, no entanto, não se constituem ações cotidianas e préestabelecidas, acontecendo, em sua maioria, em momentos pontuais e nas demandas durante as consultas de enfermagem.

RESUMEN El estudio tuvo como objetivo analizar las acciones de prevención del VIH y promoción de la salud en el contexto del SIDA desarrolladas por la Estrategia Salud de la Familia (ESF) en João Pessoa-PB. Se trata de un estudio descriptivo, con enfoque cualitativo, realizado con 16 enfermeros que trabajan en la ESF. Para la recogida de datos, se utilizó un guión de entrevista semiestructurado y fueron seguidos los pasos del análisis de contenido temático. Los enfermeros actúan en el contexto del SIDA con acciones en educación para la salud y contextos de la atención, además de vivir facilidades y dificultades para que esas acciones sean implementadas con éxito. Se concluyó que las acciones dirigidas a la prevención del VIH y promoción de la salud en el contexto del SIDA están presentes en las actividades de los profesionales de enfermería que trabajan en la ESF, sin embargo no se constituyen acciones cotidianas y preestablecidas, ocurriendo, sobre todo, en momentos puntuales y en las demandas durante las consultas de enfermería.

ABSTRACT The study aimed to analyze the prevention of the actions of HIV and health promotion in the context of AIDS developed by the Strategy Family Health (ESF) in João Pessoa-PB. This search is a descriptive study with qualitative approach, performed with 16 nurses working in the ESF, using a semi-structured interview guide and followed the steps of content analysis. Nurses work in the context of AIDS with actions in health education and care contexts, additionally ease and difficulties in these experiences for these actions are implemented successfully. It was concluded that the actions aimed at prevention of HIV and health promotion in the context of AIDS are present in the activities of professional nurses who are working in the ESF, however not constitute everyday actions and pre-established, happening mostly in special moments and the demands during nursing visits.
Descritores: Serviços Preventivos de Saúde
Síndrome de Imunodeficiência Adquirida
HIV
-Estratégia Saúde da Família
Limites: Seres Humanos
Tipo de Publ: Relatos de Casos
Responsável: BR513.1 - Biblioteca Central


  10 / 479 LILACS  
              first record previous record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Saúde Pública
Texto completo
Id: biblio-961740
Autor: Ouellette-Kuntz, Hélène; Smith, Glenys; Fulford, Casey; Cobigo, Virginie.
Título: Are we making a difference in primary care for adults with intellectual and developmental disabilities? / ¿Estamos logrando un cambio en la atención primaria a adultos con discapacidades intelectuales y del desarrollo? / Estamos conseguindo uma mudança na atenção primária para adultos com deficiências intelectuais e de desenvolvimento?
Fonte: Rev. panam. salud pública = Pan am. j. public health;42:e154, 2018. tab, graf.
Idioma: en.
Projeto: Partnerships in Health Systems Improvement.
Resumo: ABSTRACT Objectives To examine the impact of the dissemination of guidelines to physicians and of a population-level health communication intervention on the percentage of adults with intellectual and developmental disabilities (IDD) receiving preventive care through primary care. Methods Noninstitutionalized adults with IDD in the province of Ontario, Canada, aged 40 to 64 years were matched to Ontarians without such disabilities each fiscal year (FY) from 2003 to 2016. Health administrative data were used to create a composite measure of receipt of recommended preventive primary care. Age-adjusted rates were used to assess trends, and average two-year rate ratios (RRs) and confidence intervals (CIs) were used to evaluate the effectiveness of the interventions. Results The number of adults with IDD identified ranged from 20 030 in FY 2003 to 28 080 in FY 2016. The percentage of adults with IDD receiving recommended preventive primary care ranged from 43.4% in 2003 to 55.7% in 2015. Men with IDD had a 53.7% increase across the 13 years, while women with IDD only had a 30.9% increase. When evaluating the impact of the interventions, men with IDD were 4% more likely (RR: 1.04; 95% CI: 1.02-1.05) to receive recommended primary care in FY 2015 and FY 2016 as compared to FY 2009 and FY 2010; in contrast, women with IDD were 5% less likely (RR: 0.95; 95% CI: 0.93-0.98). A comparable drop was observed among women without IDD. Conclusions Nearly 45% of adults with IDD in Ontario still do not receive recommended preventive care through primary care. Long-term impacts of the interventions introduced in the province may still occur over time, so ongoing monitoring is warranted. Special attention should be given to the preventive care needs of women with IDD.

RESUMEN Objetivos Examinar el impacto de la diseminación de guías para médicos y de una intervención de comunicación de salud para la población sobre el porcentaje de adultos con discapacidades intelectuales y del desarrollo (DID) que reciben asistencia preventiva a través de la atención primaria. Métodos Se compararon adultos de 40 a 64 años con DID no institucionalizados de la provincia de Ontario, Canadá, con habitantes de Ontario sin discapacidad en cada año fiscal (AF) desde 2003 hasta 2016. Se utilizaron datos administrativos de salud para crear una medida compuesta indicadora de haber recibido la atención primaria preventiva recomendada. Se usaron tasas ajustadas por edad para evaluar las tendencias y los índices de frecuencia (RR) e intervalos de confianza (IC) promedio de dos años para evaluar la efectividad de las intervenciones. Resultados El número de adultos con DID identificados varió de 20 030 en el AF 2003 a 28 080 en el AF 2016. El porcentaje de adultos con DID que recibieron la atención primaria preventiva recomendada varió del 43,4% en 2003 al 55,7% en 2015. Los varones con DID presentaron un aumento del 53,7% a lo largo de los 13 años, mientras que las mujeres con DID solo tuvieron un aumento del 30,9%. Al evaluar el impacto de las intervenciones, los varones con DID mostraron un 4% más de probabilidades (RR: 1,04; IC 95%: 1,02-1,05) de recibir la atención primaria recomendada en los AF 2015 y 2016 en comparación con los AF 2009 y 2010; en comparación, las mujeres con DID presentaron un 5% menos de probabilidad (RR: 0,95; IC 95%: 0,93-0,98). Se observó una disminución comparable entre las mujeres sin DID. Conclusiones Aproximadamente el 45% de los adultos con DID en Ontario aún no reciben la atención preventiva recomendada a través de la atención primaria. Los impactos a largo plazo de las intervenciones introducidas en la provincia aún pueden ocurrir a lo largo del tiempo, por lo que se requiere un monitoreo continuo. Se debe prestar especial atención a las necesidades de atención preventiva de las mujeres con DID.

RESUMO Objetivos Examinar o impacto da disseminação de diretrizes para médicos é da intervenção de comunicação em saúde em nível populacional sobre a porcentagem de adultos com deficiência intelectual e de desenvolvimento (DID) que recebem cuidados preventivos por meio de atenção primária. Métodos Adultos não institucionalizados com DID na província de Ontário, Canadá, com idades entre 40 e 64 anos foram comparados com os habitantes de Ontário sem deficiência, em cada exercício fiscal (AF) desde 2003 a 2016. Dados de saúde administrativos foram usados para criar uma medida de ter recebeu cuidados preventivos recomendados. As taxas ajustadas por idade foram usadas para avaliar as tendências, e as razões de frequência (RR) e os intervalos de confiança média (IC) de dois anos foram utilizados para avaliar a eficácia das intervenções. Resultados O número de adultos com DID identificados variou de 20 030 no AF 2003 para 28 080 no AF 2016. A percentagem de adultos com DID que recebeu cuidados preventivos recomendados variou de 43,4% em 2003 para 55,7% em 2015. Homens com DID mostraram um aumento de 53,7% ao longo dos 13 anos, enquanto as mulheres com DID só apresentaram aumento de 30,9%. Ao avaliar o impacto das intervenções, os homens com DID mostraram uma probabilidade 4% maior (RR: 1,04, IC 95%: 1,02-1,05) de receber cuidados primarios recomendados em os AF 2015 e 2016 em comparação com os AF 2009 e 2010; em contraste, as mulheres com DID tiveram uma probabilidade 5% menor (RR: 0,95, IC 95%: 0,93-0,98). Uma diminuição comparável foi observada entre as mulheres sem DID. Conclusões Aproximadamente 45% dos adultos com DID em Ontário ainda não recebem cuidados preventivos recomendados através da atenção primária. Os impactos a longo prazo das intervenções introduzidas na província podem ainda ocorrer ao longo do tempo, pelo que é necessária uma monitorização contínua. Atenção especial deve ser dada às necessidades de cuidados preventivos das mulheres com DID.
Descritores: Serviços Preventivos de Saúde
Atenção Primária à Saúde/organização & administração
Deficiência Intelectual
-Canadá
Limites: Seres Humanos
Responsável: BR1.1 - BIREME



página 1 de 48 ir para página                         
   


Refinar a pesquisa
  Base de dados : Formulário avançado   

    Pesquisar no campo  
1  
2
3
 
           



Search engine: iAH v2.6 powered by WWWISIS

BIREME/OPAS/OMS - Centro Latino-Americano e do Caribe de Informação em Ciências da Saúde