Base de dados : LILACS
Pesquisa : N03.219.521.576.343.409 [Categoria DeCS]
Referências encontradas : 26 [refinar]
Mostrando: 1 .. 10   no formato [Detalhado]

página 1 de 3 ir para página          

  1 / 26 LILACS  
              next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: lil-565450
Autor: Miranda, J. Jaime; Rosales-Mayor, Edmundo; Gianella, Camila; Paca-Palao, Ada; Luna, Diego; Lopez, Luis; Huicho, Luis.
Título: Cobertura real de la ley de atención de emergencia y del seguro obligatorio contra accidentes de tránsito (SOAT) / Coverage of the emergency health care law and the compulsory insurance against road traffic crashes (SOAT)
Fonte: Rev. peru. med. exp. salud publica;27(2):179-186, abr.-jun. 2010. tab, graf.
Idioma: es.
Resumo: Objetivo. Determinar, desde la perspectiva de los pacientes, el grado de conocimiento y de cobertura real de la Ley de Atención de Emergencia y del Seguro Obligatorio Contra Accidentes de Tránsito (SOAT). Materiales y métodos. Estudio transversal de vigilancia activa en los servicios de emergencia de establecimientos de salud (EESS) de tres ciudades del país con heterogeneidad económica, social y cultural (Lima, Pucallpa y Ayacucho). Resultados. De 644 encuestados, 77% negaron conocer la Ley de Atención de Emergencia (81% en Lima, 64% en Pucallpa y 93% en Ayacucho; p < 0,001). Luego de explicarles dicha ley, 46% del total respondió que fueron atendidos bajo los preceptos de la ley. Con respecto al SOAT; en 237 personas (37,2%) los gastos de atención no fueron cubiertos por un seguro (74% Pucallpa, 34% en Ayacucho y 26% en Lima: p < 0,001). De los que contaban con un seguro (SOAT u otro), pero cuya atención no fue cubierta por éste, la mayoría estuvo en Lima (70%), seguido de Ayacucho (30%) y ninguno en Pucallpa. La mayoría (94%) procedió de establecimientos públicos. Las razones incluyeron problemas administrativos (25%), vencimiento del seguro o morosidad en el pago (21%), invalidez del seguro en el establecimiento (18%), no disponibilidad de la póliza (18%), o no cobertura de las lesiones por el seguro (9%). En estos casos, los gastos fueron asumidos por el mismo paciente, familiares o parientes, el chofer o dueño del vehículo, el servicio social del EESS, u otras personas o instituciones. Conclusiones. En este estudio se observó un gran desconocimiento de la Ley de Atención de Emergencia, y una cobertura de atención muy deficiente, pues casi la mitad de atenciones no fueron brindadas de acuerdo a uno o más puntos establecidos por dicha norma.

Objective. The aim of this study was to ascertain, from patients' perspective, the degree of knowledge and the actual coverage of the Emergency Health Care Law and the Compulsory Insurance against Road Traffic Crashes (SOAT). Material and methods. A cross-sectional, active surveillance of emergency wards of selected health facilities in three Peruvian cities (Lima, Pucallpa y Ayacucho) was conducted. Results. Out of 644 surveyed victims, 77% did not know about the law about provision of emergency health care (81% in Lima, 64% in Pucallpa y 93% in Ayacucho; p < 0,001). Following the explanation of what this law entails, 46% reported to have received care according to the law specifications. As for SOAT, the health care related costs of 237 persons (37.2%) were not covered by any insurance scheme (74% in Pucallpa, 34% in Ayacucho and 26% in Lima: p < 0,001). Conclusions. In this study, the lack of knowledge about the provision of emergency health care law was important, and the coverage of care was deficient as nearly half of participants reported not to be treated by one or more of the entitlements stated in such law. Road traffic injuriesrelated health care costs were not covered by any insurance scheme in one of three victims. Improvements on citizens' information about their rights and of effective law enforcement are badly needed to reach a universal and more equitable coverage in the health care of road traffic-related victims.
Descritores: Acidentes de Trânsito
Aplicação da Lei
Cobertura do Seguro
Seguro de Acidentes
Serviços Médicos de Emergência
-Estudos Transversais
Limites: Humanos
Masculino
Feminino
Responsável: PE1.1 - Oficina Universitária de Biblioteca


  2 / 26 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: lil-711375
Autor: Melo, Luiz Eduardo Alcântara de.
Título: Previdência Social e Seguro Público contra Acidentes e Doenças do Trabalho: estudo metodológico da definição das alíquotas para contribuição patronal nas dimensões coletiva e individual / Social Security and Public Insurance against accidents and diseases of work: study on methodological for definition of employer contribution aliquots on individual and collective dimensions.
Fonte: Rio de Janeiro; s.n; 2013. 189 p. tab, graf.
Idioma: pt.
Tese: Apresentada a Fundação Oswaldo Cruz. Escola Nacional de Saúde Pública Sergio Arouca para obtenção do grau de Mestre.
Resumo: Este estudo faz um relato breve sobre a formação do sistema brasileiro de previdência social e sobre a evolução do seguro público de acidentes e doenças do trabalho neste sistema, contextualizando-a no âmbito das políticas públicas de atenção à saúde do trabalhador e segurança nos ambientes laborais, com enfoque especial nas ações e programas adotados pela política previdenciária. Considerando a expressiva evolução dos sistemas de informação acerca da acidentalidade, tanto no tocante aos registros de acidentes como nos respectivos desdobramentos, e a formação da agenda de Governo que conferiu relevância ao tema Saúde e Segurança no Trabalho – SST, a Previdência social promoveu a revisão do enquadramento dos graus de risco segundo as atividades econômicas, atualizando esta correlação de acordo com o cenário real dos padrões de acidentalidade. Em seguida, a implementação da individualização da tarifação para a formação do custeio para o pagamento dos benefícios de natureza acidentária e das aposentadorias especiais, para cada empresa, surge como um instrumento com forte potencial para estimular a adoção ou o aperfeiçoamento dos sistemas de gerenciamento de riscos laborais, pelos empregadores. Observando que alguns aspectos necessitam de atenção especial, tais como o estabelecimento de uma metodologia própria para os enquadramentos dos graus de risco, a definição de temporalidade e a extensão da cobertura do seguro aos trabalhadores de todas as categorias profissionais, propostas para tratamento e solução destas questões são apresentadas nesta dissertação.

This study is a brief account about the formation of the Brazilian social security system and the evolution of public insurance against accidents and occupational diseases in this system, contextualizing it within the public policy for worker health and safety, with special focus on actions and programs adopted by Social Security. Due to significant evolution of information systems about accidentality, and the relevance the topic Health and Safety at Work - OSH had achieved in the Government agenda, the Social Security had promoted the revision of degrees of risk according to economic activities using real scenarios patterns accidentality. The implementation of individual fare for contribution to financing the benefits related to workplaces risks appears as an instrument with strong potential to stimulate the adoption of better management systems workplace risks, by employers. Some aspects need special attention, such as the establishment of a proper methodology for framing degrees of risk, the definition of temporality and extent of insurance coverage to workers of all professional categories, and some proposals are presented for them in this dissertation.
Descritores: Prevenção de Acidentes
Cobertura do Seguro/tendências
Metodologia
Doenças Profissionais
Saúde do Trabalhador
Riscos Ocupacionais
Políticas Públicas de Saúde
Previdência Social
Seguro de Acidentes/economia
-Acidentes de Trabalho/classificação
Limites: Humanos
Tipo de Publ: Estudo de Avaliação
Responsável: BR526.1 - Biblioteca de Saúde Pública
BR526.1; T368.384, M528p


  3 / 26 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Codo, Wanderley
Id: lil-540671
Autor: Todeschini, Remígio(org); Codo, Wanderley(org).
Título: O novo seguro de acidente e o novo FAP / The new accident insurance and the new accident prevention factor.
Fonte: São Paulo; LTr; 2009. 288 p. tab, graf.
Idioma: pt.
Resumo: O que é o FAP – Fator Acidentário de Prevenção (tarifação individual por empresa)? O que é o RAT – Risco de Acidente de Trabalho (tarifação coletiva por setor econômico)? O que muda para as empresas e para os trabalhadores com o FAP? Como faço para calcular o FAP da empresa? Como essa política de prevenção funciona em outros países? Qual é a legislação básica do novo Seguro de Acidente e do novo FAP? Estas são algumas perguntas que clamam por respostas desde o lançamento do FAP, em setembro de 2009. Esta obra traz amplas informações sobre ambos: o FAP, que incidirá ano a ano para as empresas a partir de 2010, e o RAT, que é o ponto de partida para o FAP. Juntos, esses dois instrumentos orientarão as políticas de saúde e segurança no trabalho e, portanto, precisam ser amplamente conhecidos por empresários, trabalhadores, advogados, médicos, gestores públicos, engenheiros, pesquisadores, técnicos na área de saúde ocupacional e por todos os que atuam no campo da saúde e segurança no trabalho. Tornar conhecidos o FAP e o RAT é o objetivo deste livro. Aqui, estão descritos a metodologia do FAP e do RAT e o histórico da legislação previdenciária que deu origem a esses instrumentos e também é feita uma comparação com o que acontece em outros países, quanto à tarifação coletiva e individual para o financiamento do custo da acidentalidade no trabalho. Os resultados do RAT e do FAP também são apresentados, mostrando o impacto desses instrumentos em cada um dos grandes setores da economia: indústria, comércio, construção, saúde, transporte, bancos, serviços... Como está cada uma dessas atividades econômicas quanto aos acidentes de trabalho? Como o FAP altera as alíquotas das empresas nos diversos setores? Que impactos são esperados para o campo de saúde e segurança no trabalho a partir das mudanças efetuadas? As respostas para essas e outras perguntas podem ser obtidas pela leitura deste livro.
Descritores: Acidentes de Trabalho/legislação & jurisprudência
Prevenção de Acidentes/legislação & jurisprudência
Seguro de Acidentes/economia
Seguro de Acidentes/legislação & jurisprudência
Indenização aos Trabalhadores
-Brasil
Previdência Social/história
Trabalho/legislação & jurisprudência
Limites: Humanos
Responsável: BR526.1 - Biblioteca de Saúde Pública
BR526.1; 368.384, T637n


  4 / 26 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: lil-468869
Autor: Jiménez P., Ángela María; Londoño V., Oscar B.; Restrepo V., Olga Lucía.
Título: Diseño del proceso de estudio de cuentas de cobro por S.O.A.T. en Seguros del Estado S.A., 1998 / Study process design on billing to S.O.A.T. (Traffic Accidents Mandatory Insurance) in Seguros del Estado S.A. 1998
Fonte: CES med;12(1):20-25, ene.-jun. 1998.
Idioma: es.
Resumo: Seguros del Estado S.A. maneja en la actualidad el 30 por ciento del mercado Seguro Obligatorio de Accidente de Tránsito (SOAT), volumen que ha causado en la empresa un atraso en los pagos a los diferentes acreedores, esto hace que surja la necesidad de revisar el proceso y elaborar el rediseño del mismo para optimizarlo. Para su desarrollo se siguieron los siguientes pasos: revisión del marco teórico, análisis de la organización, levantamiento del proceso actual, rediseño del proceso, presentación de la propuesta a la gerencia y elaboración del informe final. El análisis del proceso detectó múltiples falencias tales como, falta de delegación, duplicación de actividades, manual de funciones inadecuado, subutilización del talento humano, etc. Se incluyó que se debe rediseñar el proceso y elaborar un nuevo manual de funciones.
Descritores: Revisão da Utilização de Seguros
Seguro de Acidentes
Seguro Saúde
-Seguro
Formulário de Reclamação de Seguro
Responsável: CO83.1 - Biblioteca Fundadores


  5 / 26 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Id: lil-425945
Autor: García, Martha Kenia.
Título: La seguridad social de cara al nuevo sistema de pensiones y reforma / The social security of face to the new system of pensions and it reforms.
Fonte: Managua; Instituto Nicaraguense de Seguridad Soocial; sept. 2003. 46 p. ilus.
Idioma: es.
Resumo: El documento da a conocer el quehacer del Instituto Nicaraguense de Seguridad Social de cara al nuevo sistema de pensiones y reforma, la misión y visión, los principios y valores, los indicadores generales del 2003, las ramas de seguro y cobertura, las etapas relevantes del seguro social y la reforma, La gestion durante el período comprendido del 2002 al 2003, los logros y resultados financieros, las reformas en seguro de pensiones y el Sistema de ahorro y pensiones (SAP) así como las estrategias institucional durante el período del 2003 al 2005
Descritores: Seguro de Acidentes
Reembolso de Seguro de Saúde
Controle de Qualidade
Gestão de Recursos
Previdência Social
-Nicarágua
Responsável: NI1.1 - BNS - Biblioteca Nacional de Salud
NI1.1; NHD7090, 0399


  6 / 26 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Id: lil-407985
Autor: Solimano, Giorgio.
Título: La salud de los trabajadores en Chile / Worker's health in Chile
Fonte: Rev. chil. salud pública;8(3):123-125, 2004.
Idioma: es.
Descritores: Acidentes de Trabalho/prevenção & controle
Doenças Profissionais/prevenção & controle
Saúde do Trabalhador/legislação & jurisprudência
Seguro de Acidentes/legislação & jurisprudência
-Chile
Limites: Humanos
Tipo de Publ: Editorial
Responsável: CL3.1 - Biblioteca


  7 / 26 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Id: lil-387958
Autor: Mesa Mesina, Francisco R.
Título: Modelos de contraloría de licencias médicas curativas en ISAPRES / Sick leave controlling models in ISAPRES
Fonte: Rev. chil. salud pública;7(1):33-39, 2003. tab.
Idioma: es.
Descritores: Absenteísmo
Controle de Custos
Instituições Privadas de Saúde
Licença Médica
Previdência Social
-Chile
Seguro de Acidentes
Seguro por Invalidez
Auxílio-Maternidade
Licença Parental
Limites: Humanos
Responsável: CL3.1 - Biblioteca


  8 / 26 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Id: lil-377250
Autor: Soto Perez, Carlos J.
Título: El seguro de riesgos de trabajo: Reflexiones sobre las reformas en la seguridad social / The occupational risks insurance.
Fonte: México; CISS/CEDESS; 1997. 388 p. tab. (CISS/CEDESS. Serie Estudios, 34).
Idioma: es.
Conferência: Apresentado em: Reunión Internacional de Expertos en Seguridad Social, 2, México, 7-9 mayo 1997.
Descritores: Seguro de Acidentes
Riscos Ocupacionais
-México
Responsável: US1.1 - HQ Library
US1.1, SINAR/0323


  9 / 26 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Id: lil-374740
Autor: Alvarez Garcia, Maria del Carmen(com).
Título: La seguridad social en Brasil / The social security in Brazil.
Fonte: México; Conferencia Interamericana de Seguridad Social. Secretaría General; 1995. 219 p. ilus. (CISS. Serie Monografias, 16).
Idioma: es.
Descritores: Acidentes de Trabalho
Evolução Biológica
Diagnóstico
Seguro de Acidentes
Assistência Pública
Previdência Social
-Brasil
Responsável: US1.1 - HQ Library
US1.1, GEN BRA W275.DB8.A473s 1995


  10 / 26 LILACS  
              first record previous record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: lil-349250
Autor: Schubert, Baldur.
Título: Um novo modelo do seguro de acidentes do trabalho no Brasil: acidentes do trabalho sob a ótica da previdência social / A new model for workers' compensation in Brazil: occupational accidents from the standpoint of social security
Fonte: Brasília méd;37(3/4):114-118, 2000.
Idioma: pt.
Resumo: A saúde e a segurança dos trabalhadores constituem ou deveriam constituir tema de máxima importância. O presente artigo tece considerações sobre pontos inadequados do atual modelo brasileiro, assim como itens que deveriam compor uma agenda de discussão, em uma visão muito mais de possibilidades alternativas do que soluções prontas. A ênfase situa-se: 1) na prevenção; 2) na abordagem global da prestação de benefícios e serviços aos segurados e 3) na participação de empregadores e empregados na gestão e operacionalização do sistema, sob controle do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS), do Ministério da Previdência e Assistência Social (MPAS)
Descritores: Acidentes de Trabalho
Seguro de Acidentes
Limites: Humanos
Masculino
Feminino
Tipo de Publ: Comentário
Responsável: BR396.3 - Biblioteca Setorial Umuarama



página 1 de 3 ir para página          
   


Refinar a pesquisa
  Base de dados : Formulário avançado   

    Pesquisar no campo  
1  
2
3
 
           



Search engine: iAH v2.6 powered by WWWISIS

BIREME/OPAS/OMS - Centro Latino-Americano e do Caribe de Informação em Ciências da Saúde