Base de dados : LILACS
Pesquisa : N03.349.300 [Categoria DeCS]
Referências encontradas : 321 [refinar]
Mostrando: 1 .. 10   no formato [Detalhado]

página 1 de 33 ir para página                         

  1 / 321 LILACS  
              next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Camacho, Luiz Antonio Bastos
Texto completo
Id: biblio-962170
Autor: Oliveira, Luisa Gonçalves Dutra de; Natal, Sonia; Camacho, Luiz Antonio Bastos.
Título: Implementation contexts of a Tuberculosis Control Program in Brazilian prisons / Contextos de implantação do Programa de Controle da Tuberculose nas prisões brasileiras
Fonte: Rev. saúde pública (Online);49:66, 2015. tab, graf.
Idioma: en.
Projeto: Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico.
Resumo: OBJECTIVE To analyze the influence from context characteristics in the control of tuberculosis in prisons, and the influence from the program implementation degrees in observed effects.METHODS A multiple case study, with a qualitative approach, conducted in the prison systems of two Brazilian states in 2011 and 2012. Two prisons were analyzed in each state, and a prison hospital was analyzed in one of them. The data were submitted to a content analysis, which was based on external, political-organizational, implementation, and effect dimensions. Contextual factors and the ones in the program organization were correlated. The independent variable was the program implementation degree and the dependent one, the effects from the Tuberculosis Control Program in prisons.RESULTS The context with the highest sociodemographic vulnerability, the highest incidence rate of tuberculosis, and the smallest amount of available resources were associated with the low implementation degree of the program. The results from tuberculosis treatment in the prison system were better where the program had already been partially implemented than in the case with low implementation degree in both cases.CONCLUSIONS The implementation degree and its contexts - external and political-organizational dimensions - simultaneously contribute to the effects that are observed in the control of tuberculosis in analyzed prisons.

OBJETIVO Analisar a influência das características contextuais do controle da tuberculose nas prisões e a influência dos graus de implantação do programa nos efeitos observados.MÉTODOS Estudo de casos múltiplos, com abordagem qualitativa, realizado no sistema penitenciário de dois estados brasileiros em 2011 e 2012. As unidades de análise foram duas unidades prisionais em cada estado e um hospital penal em um deles. Os dados foram objeto de análise de conteúdo, que teve como eixo condutor as dimensões externa, político-organizacional, implantação e efeitos. Foi realizada correlação entre os fatores contextuais e da organização do programa que influenciaram a implantação das ações. A variável independente foi o grau de implantação do programa e a dependente, os efeitos do Programa de Controle da Tuberculose nas unidades prisionais.RESULTADOS O contexto com maior vulnerabilidade sociodemográfica, maior taxa de incidência de tuberculose e menor disponibilidade de recursos associou-se ao baixo nível de implantação do programa. Os desfechos do tratamento da tuberculose no sistema prisional, nos dois casos, foram melhores onde o grau de implantação verificado foi parcialmente implantado, do que no caso com baixo nível de implantação.CONCLUSÕES O grau de implantação e os contextos - dimensões externa e político-organizacional - contribuem simultaneamente para os efeitos observados no controle da tuberculose nas prisões analisadas.
Descritores: Prisões/estatística & dados numéricos
Tuberculose/prevenção & controle
Implementação de Plano de Saúde
-Tuberculose/epidemiologia
Brasil/epidemiologia
Avaliação de Programas e Projetos de Saúde
Pesquisa Qualitativa
Limites: Humanos
Tipo de Publ: Research Support, Non-U.S. Gov't
Responsável: BR1.1 - BIREME


  2 / 321 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: biblio-903218
Autor: Silva, Samuel Araujo Gomes da; Duarte, Roberto Gonzalez; Castro, José Márcio de.
Título: Transfer of knowledge in international cooperation: the Farmanguinhos - SMM case / Transferência de conhecimento na cooperação internacional: o caso Farmanguinhos - SMM
Fonte: Rev. saúde pública (Online);51:103, 2017. tab.
Idioma: en.
Projeto: Fundação de Amparo à Pesquisa de Minas Gerais.
Resumo: ABSTRACT OBJECTIVE To analyze the influence of four mechanisms of knowledge transfer (training, technical visits, expatriation, and standard operating procedures) on the different dimensions (potential and realized) of absorptive capacity in international technical cooperation. METHODS We examine the case of implementation of the Sociedade Moçambicana de Medicamentos. Data have been collected using semi-structured interviews (applied to 21 professionals of the Sociedade Moçambicana de Medicamentos, Farmanguinhos, FIOCRUZ, and Itamaraty) and official documents. The data of the interviews have been submitted to content analysis, using the software NVivo. RESULTS Training and technical visits directly influenced the acquisition and, partly, the assimilation of knowledge. Expatriation contributed with the transformation of this knowledge from the development and refinement of operational routines. Finally, the definition of standard operating procedures allowed the Mozambican technicians to be the actors of the transformation of the knowledge previously acquired and assimilated and, at the same time, it laid the foundations for a future exploration of the knowledge. CONCLUSIONS Training and technical visits mainly influence the potential absorptive capacity, while expatriation and standard operating procedures most directly affect the realized absorptive capacity.

RESUMO OBJETIVO Analisar a influência de quatro mecanismos de transferência de conhecimento (treinamentos, visitas técnicas, expatriação e procedimentos operacionais padrão) sobre as diferentes dimensões (potencial e realizada) da capacidade absortiva na cooperação técnica internacional. MÉTODOS Examina-se o caso da implementação da Sociedade Moçambicana de Medicamentos. Os dados foram coletados por meio de entrevistas semiestruturadas (aplicadas a 21 profissionais da Sociedade Moçambicana de Medicamentos, Farmanguinhos, Fiocruz e Itamaraty) e de documentos oficiais. Os dados das entrevistas foram submetidos à análise de conteúdo, com uso do software NVivo. RESULTADOS Os treinamentos e as visitas técnicas influenciaram diretamente a aquisição e, parcialmente, a assimilação do conhecimento. A expatriação contribuiu para a transformação desse conhecimento, por meio do desenvolvimento e refinamento das rotinas operacionais. Por fim, a definição dos procedimentos operacionais padrão permitiu que os técnicos moçambicanos fossem os atores da transformação do conhecimento adquirido e assimilado previamente e, ao mesmo tempo, criou as bases para uma futura exploração do conhecimento. CONCLUSÕES Os treinamentos e as visitas técnicas influenciam, principalmente, a capacidade absortiva potencial, enquanto a expatriação e os procedimentos operacionais padrão impactam mais diretamente a capacidade absortiva realizada.
Descritores: Transferência de Tecnologia
Disseminação de Informação
Indústria Farmacêutica/organização & administração
Gestão do Conhecimento
Cooperação Internacional
-Brasil
Indústria Farmacêutica/educação
Implementação de Plano de Saúde
Recursos em Saúde/organização & administração
Moçambique
Limites: Humanos
Responsável: BR1.1 - BIREME


  3 / 321 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo SciELO Saúde Pública
Texto completo
Texto completo
Id: biblio-903163
Autor: O'Dwyer, Gisele; Konder, Mariana Teixeira; Reciputti, Luciano Pereira; Lopes, Mônica Guimarães Macau; Agostinho, Danielle Fernandes; Alves, Gabriel Farias.
Título: The process of implementation of emergency care units in Brazil / O processo de implantação das unidades de pronto atendimento no Brasil
Fonte: Rev. saúde pública (Online);51:125, 2017. tab.
Idioma: en.
Projeto: Fundação de Apoio à Pesquisa do Estado do Rio de Janeiro (FAPERJ).
Resumo: ABSTRACT OBJECTIVE To analyze the process of implementation of emergency care units in Brazil. METHODS We have carried out a documentary analysis, with interviews with twenty-four state urgency coordinators and a panel of experts. We have analyzed issues related to policy background and trajectory, players involved in the implementation, expansion process, advances, limits, and implementation difficulties, and state coordination capacity. We have used the theoretical framework of the analysis of the strategic conduct of the Giddens theory of structuration. RESULTS Emergency care units have been implemented after 2007, initially in the Southeast region, and 446 emergency care units were present in all Brazilian regions in 2016. Currently, 620 emergency care units are under construction, which indicates expectation of expansion. Federal funding was a strong driver for the implementation. The states have planned their emergency care units, but the existence of direct negotiation between municipalities and the Union has contributed with the significant number of emergency care units that have been built but that do not work. In relation to the urgency network, there is tension with the hospital because of the lack of beds in the country, which generates hospitalizations in the emergency care unit. The management of emergency care units is predominantly municipal, and most of the emergency care units are located outside the capitals and classified as Size III. The main challenges identified were: under-funding and difficulty in recruiting physicians. CONCLUSIONS The emergency care unit has the merit of having technological resources and being architecturally differentiated, but it will only succeed within an urgency network. Federal induction has generated contradictory responses, since not all states consider the emergency care unit a priority. The strengthening of the state management has been identified as a challenge for the implementation of the urgency network.

RESUMO OBJETIVO Analisar o processo de implantação das unidades de pronto atendimento no Brasil. MÉTODOS Realizou-se análise documental, entrevistas com 24 coordenadores estaduais de urgência e um painel de especialistas. Analisaram-se questões relativas a: antecedentes e trajetória da política; atores envolvidos na implantação; processo de expansão; avanços, limites e dificuldades de implantação; e capacidade de coordenação estadual. Utilizou-se o referencial teórico da análise da conduta estratégica da teoria da estruturação de Giddens. RESULTADOS As unidades de pronto atendimento foram implantadas a partir de 2007, inicialmente na região Sudeste, e em 2016 existiam 446 unidades de pronto atendimento considerando todas as regiões. Atualmente, há 620 unidades de pronto atendimento em construção, indicando expectativa de expansão. O financiamento federal foi um forte indutor da implantação. Os estados planejaram suas unidades de pronto atendimento, mas a existência de negociação direta entre os municípios e a União contribuiu com o significativo número de unidades de pronto atendimento construídas que não funcionam. Em relação à rede de urgência, há tensão com o hospital pela insuficiência de leitos no país, gerando internação na unidade de pronto atendimento. A gestão das unidades de pronto atendimento é predominantemente municipal, com a maioria das unidades de pronto atendimento localizadas fora das capitais e classificadas como Porte III. Os principais desafios identificados foram: o sub-financiamento e a dificuldade de contratar médicos. CONCLUSÕES A unidade de pronto atendimento tem o mérito de ter recursos tecnológicos e ser arquitetonicamente diferenciada, mas só será bem-sucedida dentro de uma rede de urgência. A indução federal gerou respostas contraditórias, pois nem todos os estados consideram a unidade de pronto atendimento como prioritária. O fortalecimento da gestão estadual foi identificado como desafio para a implantação da rede de urgências.
Descritores: Serviços Médicos de Emergência/organização & administração
Implementação de Plano de Saúde/organização & administração
Política de Saúde
-Administração dos Cuidados ao Paciente/organização & administração
Brasil
Ambulâncias/organização & administração
Pesquisa Qualitativa
Serviço Hospitalar de Emergência/organização & administração
Acesso aos Serviços de Saúde/organização & administração
Limites: Humanos
Responsável: BR1.1 - BIREME


  4 / 321 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: lil-735796
Autor: Paula, Jayter Silva; Furtado, João Marcello; Souza, João Paulo; LanSingh, Van CharleS.
Título: Vision 2020: on the home stretch / Visão 2020: na reta final
Fonte: Arq. bras. oftalmol;77(6):5-6, Nov-Dec/2014.
Idioma: en.
Descritores: Organização Mundial da Saúde
Cegueira/prevenção & controle
Implementação de Plano de Saúde/tendências
-Avaliação de Programas e Projetos de Saúde
América Latina
Limites: Humanos
Responsável: BR1.1 - BIREME


  5 / 321 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Shimizu, Helena Eri
Texto completo
Id: biblio-962264
Autor: Arantes, Luciano José; Shimizu, Helena Eri; Merchán-Hamann, Edgar.
Título: Ambulatory care sensitive hospitalizations after implementation of the master plan in Minas Gerais / Internações sensíveis à atenção primária após implantação do Plano Diretor em Minas Gerais
Fonte: Rev. saúde pública (Online);52:78, 2018. tab, graf.
Idioma: en.
Resumo: ABSTRACT OBJECTIVE To describe the rate of ambulatory care sensitive hospitalizations in groups of cities according to population size and to analyze its association with the coverage of the Family Health Strategy after the implementation of the Master Plan for Primary Health Care in Minas Gerais, Brazil. METHODS This is an ecological study with 452 cities grouped according to population size, with data from 2004 to 2007 and 2010 to 2013. We used the Kolmogorov-Smirnov test to verify the distribution of the data in the groups. We used the Wilcoxon test for paired data or the paired Student's t-test to compare the rate of ambulatory care sensitive hospitalizations before and after the Master Plan for Primary Health Care. We used the simple linear regression test to analyze the association between variables. We performed statistical analyses using the Statistical Package for the Social Sciences, with a significance level of 5%. RESULTS The rate of ambulatory care sensitive hospitalizations decreased significantly after the Master Plan for Primary Health Care in the large and mid-sized groups (p < 0.05). There were positive correlations between coverage with Family Health Strategy and the rate of ambulatory care sensitive hospitalizations in the mid-sized and large groups (p < 0.05). CONCLUSIONS Actions were carried out to implement the Master Plan for Primary Health Care. However, more investments are needed to improve the effectiveness of the Primary Health Care, with permanent confrontation of complex issues that affect the quality of services, which can lead to a significant reduction of the rates of ambulatory care sensitive hospitalizations.

RESUMO OBJETIVO Descrever a taxa de internação por condição sensível à atenção primária à saúde em grupos de municípios conforme o porte populacional e analisar sua associação com a cobertura pela Estratégia Saúde da Família após a implantação do Plano Diretor da Atenção Primária à Saúde em Minas Gerais. MÉTODOS Estudo ecológico com agrupamento de 452 municípios segundo o porte populacional, comparando dados de 2004 a 2007 e 2010 a 2013. O teste de Kolmogorov Smirnov foi utilizado para verificar a distribuição dos dados nos grupos. O teste de Wilcoxon para dados pareados ou teste t Student pareado foi usado para comparação da taxa de internação por condição sensível à atenção primária à saúde antes e após o Plano Diretor da Atenção Primária à Saúde. O teste de regressão linear simples foi utilizado para analisar a associação entre as variáveis. Foram realizadas análises estatísticas pelo Statistical Package for the Social Sciences, com nível de significância de 5%. RESULTADOS A taxa de internação por condição sensível à atenção primária à saúde diminuiu significativamente após o Plano Diretor da Atenção Primária à Saúde no grupo com grande e médio porte populacional (p < 0,05). Houve correlações positivas entre a cobertura com Estratégia Saúde da Família e a taxa de internação por condição sensível à atenção primária à saúde nos grupos com porte populacional médio e grande (p < 0,05). CONCLUSÕES Foram empreendidos esforços com a implantação do Plano Diretor da Atenção Primária à Saúde. Entretanto, é preciso que mais investimentos sejam realizados para contribuir para a melhoria da efetividade da Atenção Primária à Saúde, com enfrentamento permanente de questões complexas que incidem sobre a qualidade dos serviços, gerando redução significativa das taxas de internação por condição sensível à atenção primária à saúde.
Descritores: Atenção Primária à Saúde/estatística & dados numéricos
Assistência Ambulatorial/estatística & dados numéricos
Implementação de Plano de Saúde/estatística & dados numéricos
Hospitalização/estatística & dados numéricos
-Fatores de Tempo
Brasil
Avaliação de Programas e Projetos de Saúde
Modelos Lineares
Sistemas de Informação Hospitalar
Densidade Demográfica
Estatísticas não Paramétricas
Pesquisa em Sistemas de Saúde Pública
Programas Nacionais de Saúde/estatística & dados numéricos
Limites: Humanos
Responsável: BR1.1 - BIREME


  6 / 321 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Saúde Pública
Texto completo
Id: biblio-1124773
Autor: Schuelter-Trevisol, Fabiana; Iser, Betine Pinto Moehlecke; Marcon, Chaiana Esmeraldino Mendes; Mello, Rogério Sobroza de; Souza, Kellen Meneghel de; Baldessar, Maria Zélia; Trevisol, Daisson José.
Título: Parceria de serviços de saúde públicos e privados com a academia, no combate à COVID-19: relato de experiência em Tubarão, Santa Catarina / Colaboración entre los servicios de salud pública y privados con la academia en el combate contra el COVID-19: relato de experiencia en Tubarão, Santa Catarina, Brasil / Partnership between the academy and public and private health systems to fight COVID-19: an experience report in Tubarão, Santa Catarina, Brazil
Fonte: Epidemiol. serv. saúde;29(4):e2020499, 2020. graf.
Idioma: en; pt.
Resumo: Apresenta-se o relato de experiência da integração entre serviços de saúde públicos e privados, gestores e universidade, para a vigilância e controle da epidemia de COVID-19 em Tubarão, SC, Brasil. A cidade, universitária, cenário de grande fluxo de pessoas de diferentes locais do país, foi um dos primeiros municípios do estado catarinense com transmissão comunitária do SARS-CoV-2. São detalhadas as medidas adotadas com a criação do Comitê de Monitoramento da COVID-19, do Centro de Operações de Emergências Municipais em Saúde, e do Plano de Contingência da Doença. Passados 100 dias de pandemia, foram 5.979 casos notificados e 431 (7,2%) confirmados, dos quais 5 (1,2%) foram a óbito. Decisões precoces - suspensão imediata das atividades de comércio e eventos com aglomeração - podem ter limitado a propagação do vírus. As parcerias estabelecidas trazem inovação e subsidiam a gestão pública nas tomadas de decisão pautadas em evidências científicas.

Se presenta la experiencia de la integración entre los servicios de Salud Pública y privados, los administradores y la universidad para la vigilancia y el control de la epidemia de COVID-19 en Tubarão, Santa Catarina, Brasil. La ciudad universitaria, con un gran flujo de personas de diferentes partes del país, fue uno de los primeros municipios del estado con transmisión comunitaria de SARS-CoV-2. Las medidas adoptadas se detallan con la creación del Comité de Monitoreo COVID-19, el Centro de Operaciones Municipales de Emergencia en Salud y un Plan de Contingencia de la Enfermedad. Después de 100 días de pandemia, se reportaron 5,979 casos, 431 (7,2%) confirmados, de los cuales cinco (1,2%) murieron. Las decisiones precoces, la suspensión inmediata de las actividades comerciales y de los eventos con aglomeración han reducido la propagación del virus. Las asociaciones establecidas aportan innovación y subsidian la gestión pública en la toma de decisiones basadas en evidencia científica.

This article presents an experience report about integration between public and private health services, health service managers and the academy, for surveillance and control of the COVID-19 epidemic, in the municipality of Tubarão, Santa Catarina, Brazil. The city is home to a university and has a large flow of people from different parts of the country, as well as being one of the first municipalities in the state of Santa Catarina to report cases of community transmission of SARS-CoV-2. The measures adopted included the implementation of the COVID-19 Monitoring Committee, the Municipal Health Emergency Operations Center, and the COVID-19 Contingency Plan. After 100 days of pandemic, 5,979 cases had been reported, 431 (7.2%) had been confirmed, of which five (1.2%) died. Early decisions, such as the immediate suspension of business activities and crowded events, may have reduced the spread of the virus. The partnerships put into place have provided innovation and supported public service management in decision-making based upon scientific evidence.
Descritores: Infecções por Coronavirus/prevenção & controle
Infecções por Coronavirus/transmissão
Infecções por Coronavirus/epidemiologia
Parcerias Público-Privadas/organização & administração
Implementação de Plano de Saúde
Relações Interinstitucionais
-Brasil/epidemiologia
Comitês Consultivos
Pandemias
Vigilância em Saúde Pública
Monitoramento Epidemiológico
Limites: Humanos
Responsável: BR275.1 - Biblioteca


  7 / 321 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Chile
Texto completo
Id: biblio-1058082
Autor: Hernández-Gómez, Cristhian; Hercilla, Luis; Mendo, Fernando; Pérez-Lazo, Giancarlo; Contreras, Elias; Ramírez, Eresvita; Flores, Wilfredo; Julca, Ángela; Chuquiray, Nancy; Arenas, Berenice; Abarca, Susan; Viñas, Mario; Linares, Elba; Villegas, María Virginia; Illescas, Luis Ricardo.
Título: Programas de optimización del uso de antimicrobianos en Perú: un acuerdo sobre lo fundamental / Antimicrobial Stewardship programs in Peru: a fundamental agreement
Fonte: Rev. chil. infectol;36(5):565-575, oct. 2019. tab, graf.
Idioma: es.
Resumo: Resumen Introducción: La resistencia a los antimicrobianos (RAM) es una amenaza para la salud pública mundial. Los programas de optimización del uso de antimicrobianos (PROAs) son programas que promueven su adecuado uso, mejoran los resultados clínicos, económicos y contribuyen a contener la RAM. Objetivos: Evaluar las fases de diagnóstico e implementación temprana de los PROAs en tres hospitales de alta complejidad pertenecientes al Sistema de Seguridad Social del Perú. Materiales y Métodos: Estudio multicéntrico, cuasi experimental. La estructuración de los programas, las líneas de base microbiológicas, el consumo de antimicrobianos y los consensos fueron evaluadas durante los períodos de diagnóstico inicial y durante la implementación temprana de los PROAs. Resultados: Con posterioridad a la implementación, los hospitales duplicaron la puntuación de recursos disponibles para los programas (6,75 vs 13,75). La prevalencia de enterobacterias portadoras de β-lactamasas de espectro extendido era de 50-60%, mientras que la resistencia a carbapenémicos en Pseudomonas aeruginosa promedió el 69%. La dosis diaria definida de ceftriaxona fue de 13,63, de 7,35 para vancomicina y 6,73 para meropenem en promedio. Los hospitales A y C disminuyeron el uso de antimicrobianos en 30 a 50%. Discusión: A través de estrategias diseñadas por equipos multidisciplinarios para implementar los PROAs, se logró disminuir tempranamente el consumo de antimicrobianos de amplio espectro.

Background. Antimicrobial resistance (AMR) is a global threat to public health. Antibiotic stewardship programs (AMSP) promote the proper use of antimicrobials, improve clinical and economic outcomes, and helps containing the AMR. Aim: To evaluate the diagnostic phase of the AMS programs and early implementation of AMS at three high complexity hospitals that belong to the social security system in Peru. Methods: A quasi-experimental multicenter study was implemented. The construction of the AMSP, microbiological baselines, antimicrobial consumption and consensus on AMS activities were evaluated at the diagnosis and early implementation periods of the AMSP. Results: Following implementation, hospitals doubled their score of resources and processes available for the AMS program from 6.75 to 13.75. The prevalence of extended spectrum beta-lactamase producing enterobacteria was 50-60% while Pseudomonas aeruginosa averaged 69% resistance to carbapenems. The defined daily dose (DDD) of ceftriaxone was 13.63, vancomycin 7.35 and meropenem 6.73 in average. Hospitals A and C decreased the use of antimicrobials (30-50%). Discussion: The implementation of the AMSP in the three hospitals was achieved through diverse strategies designed by multidisciplinary teams, which in addition to its articulation, reduce the consumption of broad spectrum antimicrobials at an early stage.
Descritores: Avaliação de Programas e Projetos de Saúde/métodos
Gestão de Antimicrobianos/métodos
Anti-Infecciosos/administração & dosagem
-Peru
Previdência Social
Fatores de Tempo
Resistência Microbiana a Medicamentos
Ensaios Clínicos Controlados não Aleatórios como Assunto
Implementação de Plano de Saúde
Hospitais/estatística & dados numéricos
Limites: Humanos
Tipo de Publ: Estudo Multicêntrico
Responsável: CL1.1 - Biblioteca Central


  8 / 321 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Id: biblio-1182504
Autor: Perú. Ministerio de Salud. Programa de Fortalecimiento de los Servicios de Salud.
Título: Componente de apoyo a la red de establecimientos de Salud: Plan operativo 1998 / Component to support the network of Health: 1998 Operating Plan.
Fonte: Lima; Perú. Ministerio de Salud; 1997. s/p p. ilus, tab.
Idioma: es.
Resumo: En el contexto mundial, la globalización de la economía y el desarrollo de las telecomunicaciones han contribuido a replantear las exigencias de la sociedad civil sobre el Estado y en particular sobre el sector salud para su pronta modernización. Este documento detalla: Marco operativo: objetivos, líneas de acción, organización, interrelaciones; actividades: resumen, descripción; presupuesto, cronograma
Descritores: Implementação de Plano de Saúde
Instalações de Saúde
Planos e Programas de Saúde
Serviços de Saúde
Responsável: PE18.4 - Centro de Documentación
[{"text": "PE18.1 PFSS 0095"}]


  9 / 321 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Texto completo
Id: biblio-1182228
Autor: Perú. Ministerio de Salud. Dirección General de Promoción de la Salud.
Título: Programa de municipios y comunidades saludables / Program of healthy municipalities and communities.
Fonte: Lima; Perú. Ministerio de Salud. Dirección General de Promoción de la Salud; 2005. 47 p.
Idioma: es.
Descritores: Cidade Saudável
Implementação de Plano de Saúde
Legislação como Assunto
Participação da Comunidade
Planos e Programas de Saúde
Promoção da Saúde
-Peru
Responsável: PE18.1 - Biblioteca Central
[{"text": "PE18.1 PROM 0033"}]


  10 / 321 LILACS  
              first record previous record
seleciona
para imprimir
Texto completo
Id: biblio-1181993
Autor: Perú. Ministerio de Salud. Dirección General de Promoción de la Salud. Dirección de Educación para la Salud.
Título: Directiva sanitaria para la implementación de la estrategia educativa en salud "Plan cuido a mi familia" / Health directive for the implementation of health education strategy \"Plan care for my family\".
Fonte: Lima; Perú. Ministerio de Salud. Dirección General de Promoción de la Salud. Dirección de Educación para la Salud; Set. 2011. 20 p. ilus.
Idioma: es.
Resumo: El presente documento detalla el desarrollo de procesos de implementación en donde la estrategia considera dos escenarios: La institución educativa y el hogar, para lo cual el personal de salud, a través de la asistencia técnica orientará el desarrollo de las "Actividades" de sensibilización y animación que motivan el inicio de una sesión de aprendizaje en temas de salud, programada por el o la docente. Asimismo, facilita la información de desarrollo de las actividades de "extensión a la familia", proponiendo tareas que propician el cuidado y autocuidado de la salud en el hogar, fomentando la participación y corresponsabilidad de la familia
Descritores: Diretrizes para o Planejamento em Saúde
Educação em Saúde/organização & administração
Estratégia Saúde da Família
Estratégias de Saúde
Família
Implementação de Plano de Saúde
Instalações de Saúde
Promoção da Saúde
-Peru
Responsável: PE18.1 - Biblioteca Central
[{"text": "PE18.1", "_a": "MS/PROM 0054"}]



página 1 de 33 ir para página                         
   


Refinar a pesquisa
  Base de dados : Formulário avançado   

    Pesquisar no campo  
1  
2
3
 
           



Search engine: iAH v2.6 powered by WWWISIS

BIREME/OPAS/OMS - Centro Latino-Americano e do Caribe de Informação em Ciências da Saúde