Base de dados : LILACS
Pesquisa : N03.540 [Categoria DeCS]
Referências encontradas : 826 [refinar]
Mostrando: 1 .. 10   no formato [Detalhado]

página 1 de 83 ir para página                         

  1 / 826 LILACS  
              next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: lil-603502
Autor: Gomes Menezes, Igor; Passos Gomes, Ana Cristina.
Título: Clima organizacional: uma revisão histórica do construto / Organizational climate: a historical review of the construct / Clima organizacional: una revisión histórica del constructo
Fonte: Psicol. rev. (Belo Horizonte);16(1):158-179, abr. 2010.
Idioma: pt.
Resumo: Clima organizacional pode ser caracterizado como um conjunto de percepções compartilhadas por trabalhadores sobre diferentes aspectos do ambiente organizacional, sendo um dos construtos mais investigados no campo do comportamento organizacional. Este trabalho objetivou sistematizar parte dos conhecimentos produzidos sobre clima organizacional ao longo dos anos, ao estabelecer um ordenamento histórico das pesquisas sobre o tema em três momentos: de 1930 a 1960, estudo da taxonomia, contexto e estrutura do construto; de 1970 a 1980, diferenciação entre os conceitos de clima e cultura organizacionais; e de 1990 à atualidade, estudos empíricos para testar a validade discriminante do clima organizacional em relação a outros construtos e desenvolvimento de novos métodos de análise. Ressaltase a premência pelo desenvolvimento de novos modelos teóricos que integrem o conjunto de descritores dos modelos já existentes e uma maior aplicação de técnicas psicométricas para validação desses modelos.

Organizational climate can be characterized as a set of perceptions, shared by workers, of different aspects that make up the organizational environment, being one of the most investigated constructs in the field of Organizational Behavior. This paper aims to organize part of the knowledge produced concerning organizational climate along years, establishing a historical order of research in three stages: from 1930 to 1960, studies of construct taxonomy, context and structure; from 1970 to 1980, distinction between the concepts of organizational climate and culture; and from 1990 on, empirical studies to assess the discriminant validity of organizational climate in relation to other constructs, and development of new analysis methods. The paper emphasizes the urgency of designing new theoretical models to integrate the set of descriptors of existing ones, as well as a wider use of psychometric techniques for the empirical validation of those models.

Clima organizacional puede ser caracterizado como un conjunto de percepciones compartidas por los trabajadores sobre diferentes aspectos del medio ambiente de la organización, siendo uno de los constructos más investigados en el ámbito del Comportamiento Organizacional. Este estudio tuvo como objetivo sistematizar el conocimiento producido sobre clima organizacional en los últimos años al establecer un orden histórico de la investigación sobre el tema en tres momentos: de 1930 a 1960, el estudio de la taxonomía, la estructura y el contexto del constructo, desde 1970 hasta 1980, la diferencia entre los conceptos de clima organizacional y cultura, y de 1990 a la actualidad, los estudios empíricos para poner a prueba la validez discriminante del clima organizacional en relación con otros constructos y el desarrollo de nuevos métodos de análisis. Se pone de relieve la urgente necesidad para el desarrollo de nuevos modelos teóricos que integran el conjunto de descriptores de los modelos existentes y una mayor aplicación de pruebas psicométricas para validar estos modelos.
Descritores: Cultura Organizacional
Organizações
-Organização e Administração
História
Responsável: BR370.1 - Biblioteca Central


  2 / 826 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Tamayo, Alvaro
Texto completo
Id: lil-353018
Autor: Tamayo, Alvaro; Mendes, Ana Magnólia; Paz, Maria Das Graças Torres Da.
Título: Inventário de valores organizacionais / Organizational values inventory
Fonte: Estud. psicol. (Natal);5(2):289-315, jul.-dez. 2000. ilus, tab, graf.
Idioma: pt.
Resumo: Foram postuladas três dimensões bipolares para representar os valores organizacionais. Um instrumento composto por 36 itens foi administrado a uma amostra de 1010 empregados de uma empresa pública. Os dados foram submetidos a análise multidimensional (ALSCAL), utilizando o modelo euclidiano. As medidas de fit foram: s-stress = 0,18319, Stress = 0,15985 e RSQ = 0,88563. As três dimensões postuladas (autonomia versus conservadorismo, hierarquia versus igualitarismo e domínio versus harmonia) foram confirmadas pela disposição dos valores no espaço semântico. Os coeficientes alpha foram superiores a 0,80 com exceção do alpha para conservadorismo que foi 0,77
Descritores: Psicometria
Valores Sociais
Organizações
Equipamentos e Provisões
-Brasil
Limites: Seres Humanos
Masculino
Feminino
Responsável: BR1274.1 - Biblioteca Central Zila Mamede


  3 / 826 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: lil-666001
Autor: Morais, Normanda Araújo de; Koller, Silvia Helena.
Título: Um estudo com egressos de instituições para crianças em situação de rua: percepção acerca da situação atual de vida e do atendimento recebido / A study on street children who have left institutions: perceptions of current life situations and received treatment
Fonte: Estud. psicol. (Natal);17(3):405-412, set.-dez. 2012. tab.
Idioma: pt.
Resumo: Este artigo objetiva identificar a situação atual de vida de egressos de uma instituição de atendimento para crianças e adolescentes em situação de rua, a avaliação que fazem do momento atual de vida, bem como compreender a sua percepção acerca da referida instituição e do atendimento recebido. Participaram nove adolescentes do sexo masculino (18-20 anos). Utilizou-se uma entrevista semi-estruturada, a qual foi analisada a partir do procedimento de análise de conteúdo. Os resultados mostraram uma variedade de situações de vida. O momento atual de vida foi descrito como satisfatório e a instituição frequentada no passado também foi avaliada de forma positiva. Os resultados são discutidos à luz da trajetória de vinculação institucional (TVI), das modalidades de saída da rua descritas na literatura e da importância da vinculação educador - criança/adolescente. Implicações para as políticas públicas de atendimento a essa população são discutidas.

This article aims to identify the life situations of street children and adolescents after leaving care institutions; note how they evaluate their current life; and understand how they perceive the institution in which they stayed and the treatment they received there. Nine male adolescents participated (18-20 years old). A semi-structured interview script, evaluated through content analysis, was used. The results revealed a variety of life situations. The participants tended to describe their current life situation as satisfactory and they also positively evaluated the institution in which they stayed. The results are discussed in the context of Institutional Tie Trajectory (ITT); the modalities for leaving the streets as described in the literature; and the importance of the relationship between educator and child/adolescent. The implications for public policies treating this population are discussed.
Descritores: Psicologia Social
Política Pública
Criança
Jovens em Situação de Rua/psicologia
Abrigo
-Serviço Social
Brasil
Organizações
Entrevista
Pesquisa Qualitativa
Limites: Seres Humanos
Masculino
Adolescente
Adulto
Tipo de Publ: Entrevista
Responsável: BR1274.1 - Biblioteca Central Zila Mamede


  4 / 826 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: biblio-1020226
Autor: Galvão, Pollianna; Araujo, Claisy Maria Marinho.
Título: ONGs no Brasil: contextualização histórica do cenário para atuação em psicologia escolar / NGOs in Brazil: historical contextualization of the scenario for acting in educational psychology / ONGs en Brasil:
Fonte: Psicol. rev. (Belo Horizonte);24(1):101-123, jan.-abr. 2018. ilus.
Idioma: pt.
Resumo: Este artigo oferece uma contextualização histórica sobre o percurso de desenvolvimento das organizações não governamentais (ONGs) no Brasil. Atualmente, esses espaços vêm se ampliando no cenário do Terceiro Setor como novo agente social para o atendimento das demandas públicas. O texto parte de uma breve descrição sobre as ONGs educativas no País, como um campo de trabalho emergente ao psicólogo escolar. Em seguida, abordase a caracterização histórica sobre as transformações das políticas de Estado, os impactos nas formas de exercício da democracia pela sociedade civil organizada e os desdobramentos à história de origem e consolidação dessas instituições no Brasil. Apresenta-se o atual cenário das ONGs, sinalizando as características político-econômicas que alavancaram o crescimento do número e tipos de serviços prestados por essas entidades nos últimos tempos. Nessa seção, discute-se uma proposta de atuação do psicólogo escolar como possibilidade de trabalho nas ONGs educativas. Por fim, são feitas algumas reflexões sobre os desafios educacionais que se colocam ao psicólogo escolar diante desse novo contexto socioeducativo com potencial para o desenvolvimento humano.

This article provides a historical overview of the development of nongovernmental organizations (NGOs) in Brazil. Currently, these areas have been expanding in the Third Sector as a new social actor to meet public demands. The study starts from a brief description of the educational NGOs in the country as an emerging field of work for the school psychologist. Afterwards, it deals with the historical characterization of the transformations of the country's state policies, the impact on the exercise of democracy by civil society and the unfolding history towards the origin and consolidation of these institutions in Brazil. It presents the current situation of NGOs, signaling the political-economic features that boosted the growth in the number and types of services provided by these entities in recent times. In this section, we discuss a proposal for performance of the school psychologist as a possibility to work in educational NGOs. Finally, some reflections on the educational challenges faced by the school psychologist at this new socio-educational context with the potential for human development are highlighted.

En este artículo se ofrece una visión histórica de la trayectoria de desarrollo de las Organizaciones no Gubernamentales en el país. En la actualidad, estos espacios se han expandido en el escenario del Tercer Sector como un nuevo agente social para atender las demandas públicas. El texto parte de una breve descripción de las ONG de educación en el país, como un campo de trabajo emergente para el psicólogo escolar. A continuación, se ocupa de la caracterización histórica de las transformaciones de las políticas del Estado, el impacto en las formas del ejercicio de la democracia por la sociedad civil organizada y las consecuencias de la historia de origen y consolidación de estas instituciones en Brasil. Se presenta el escenario actual de las ONGs, destacando las características político-económicas que impulsaron el crecimiento del número y tipos de servicios prestados por estas entidades en los últimos tiempos. En esta sección, se discute una propuesta de actuación del psicólogo de la escuela como una posibilidad de trabajo en ONG educativas. Por último, se realizan algunas reflexiones sobre los retos educativos que enfrenta el psicólogo de la escuela en este nuevo contexto socio-educativo con potencial para el desarrollo humano.
Descritores: Psicologia Educacional
-Política Pública
Organizações
Responsável: BR370.1 - Biblioteca Central


  5 / 826 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Texto completo
Texto completo
Id: lil-217009
Autor: Brasil. Ministério da Saúde. Coordenaçäo Nacional de DST e Aids.
Título: Sobre valores e fatos: a experiência das ONG que trabalham com Aids no Brasil / Upon value and facts: experience of NGO that working with SIDA in Brazil.
Fonte: Brasília; Brasil. Ministerio da Saúde; 1997. 40 p. tab.
Idioma: pt.
Descritores: Doenças Sexualmente Transmissíveis/prevenção & controle
Organizações
Síndrome de Imunodeficiência Adquirida/prevenção & controle
-Brasil
Administração Pública
Inquéritos e Questionários
Limites: Seres Humanos
Responsável: BR1.1 - BIREME
BR1.1/3109.00; BR599.1; WC503, B823s, 1997


  6 / 826 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Texto completo
Texto completo
Id: lil-361049
Autor: Abramson, Wendy B.
Título: Partnerships between the Public Sector and Non-governmental Organizations: contracting for primary health care services. A state of the practice paper.
Fonte: s.l; PAHO; Aug. 1999. 46 p. tab. (LAC-HSR. Health Sector Reform Initiative, 25).
Idioma: en.
Projeto: USAID. Partnerships for Health Reform.
Descritores: Comportamento Cooperativo
Contratos
Organizações
Assistência à Saúde
Setor Público
-Colômbia
Costa Rica
Guatemala
Negociação
Peru
República Dominicana
Limites: Seres Humanos
Tipo de Publ: Research Support, U.S. Gov't, Non-P.H.S.
Responsável: BR1.1 - BIREME
BR1.1/3774.00


  7 / 826 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Texto completo
Texto completo
Id: lil-361048
Autor: Putney, Pam.
Título: Partnerships between the Public Sector and Non-governmental Organizations: the NGO role in health sector reform.
Fonte: s.l; PAHO; Mar. 2000. 24 p. tab. (LAC-HSR. Health Sector Reform Initiative, 26).
Idioma: en.
Projeto: USAID. Partnerships for Health Reform.
Descritores: Comportamento Cooperativo
Organizações
Reforma dos Serviços de Saúde
Setor Público
-América Latina
Região do Caribe
Limites: Seres Humanos
Tipo de Publ: Research Support, U.S. Gov't, Non-P.H.S.
Responsável: BR1.1 - BIREME
BR1.1/3776.00


  8 / 826 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: lil-330582
Autor: Borges-Andrade, Jairo E.
Título: Trajetória da Psicologia Organizacional e do Trabalho nos Simpósios da Associaçäo Nacional de Pesquisa e Pós-graduaçäo em Psicologia, antes de 2000 / Trajectory of Organizational and Work Psychology at the Symposiums of the National Association for Research and Postgraduate Studies in Psychology, before 2000
Fonte: Estud. psicol. (Natal);7(esp):7-10, 2002.
Idioma: pt.
Descritores: Psicologia
Trabalho/psicologia
Organizações
Educação de Pós-Graduação
-Brasil
Responsável: BR1274.1 - Biblioteca Central Zila Mamede


  9 / 826 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Zanelli, José Carlos
Texto completo
Id: lil-330581
Autor: Borges-Andrade, Jairo E; Zanelli, José Carlos.
Título: Desafios metodológicos da pesquisa em Psicologia Organizacional e do Trabalho / Methodological challenges of research in Organizational and Work Psychology
Fonte: Estud. psicol. (Natal);7(esp):3-5, 2002.
Idioma: pt.
Descritores: Trabalho/psicologia
Organizações
Editorial
Tipo de Publ: Editorial
Responsável: BR1274.1 - Biblioteca Central Zila Mamede


  10 / 826 LILACS  
              first record previous record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Texto completo
Id: biblio-1015480
Autor: Bonfim, Flavia.
Título: Psicanálise e Reabilitação Física / Psychoanalysis and Physical Rehabilitation
Fonte: Psicol. ciênc. prof;39:1-11, jan.-mar.2019.
Idioma: pt.
Resumo: Este ensaio é fruto da experiência de trabalho desenvolvido na Associação Fluminense de Reabilitação. O trabalho no campo da reabilitação é realizado por meio de equipe multidisciplinar e baseia-se em um modelo adaptativo e normatizador. Tendo em vista que cada sujeito tem uma relação subjetiva própria com seu corpo, logo, reage e lida de maneira particular com o adoecimento, a psicanálise se insere na tentativa de conferir uma escuta e uma forma de abordar o paciente que não olha o doente, mas o sujeito, o particular. O comprometimento do corpo se apresenta como uma perda de objeto e como consequências não é difícil constatar reações psíquicas que vão do luto à depressão. Nesse sentido, a função do psicanalista neste campo acaba tendo em seu horizonte o favorecimento do processo de elaboração das perdas, além de produzir deslocamentos sobre um possível congelamento da identidade do sujeito aos significantes "doente", "deficiente"....(AU)

This article is the result of an experience of work at Associação Fluminense de Reabilitação. The work in the field of rehabilitation is performed by a multidisciplinary team and is based on an adaptive model and normative practice. Given that each individual has a subjective relationship with his own body, and then, reacts and deals in a particular way with illness, psychoanalysis is part of the attempt to give a listening and a way to address the patient not looking at the sick person, but at the subject, the individual. The physical damage presents itself to the subject as a loss of the object and, as a result, it is not hard to see psychic reactions ranging from grief to depression. In this sense, the role of the psychoanalyst in this field ends up favoring the process of elaboration of losses, as well as producing displacements about a possible freezing and restriction of the identity of the subject to the significants: "sick" or "disabled" person....(AU)

Este ensayo es fruto de la experiencia de trabajo desarrollado en la "Asociación Fluminense de Rehabilitación". El trabajo en el campo de la rehabilitación es realizado por medio de un equipo multidisciplinario y se basa en un modelo adaptativo y normalizador. El psicoanálisis se inserta en el intento de conferir una escucha y una forma de abordar al paciente que no mira al enfermo, teniendo en vista que cada sujeto tiene una relación subjetiva propia con su cuerpo, luego, reacciona y lee de manera particular con el enfermo, el psicoanálisis se inserta en el intento de conferir una escucha y una forma de abordar al paciente que no mira al enfermo, pero el sujeto, el particular.. El compromiso del cuerpo se presenta como una pérdida de objeto y como consecuencia no es difícil constatar reacciones psíquicas que van del luto a la depresión. En este sentido, la función del psicoanalista en este campo acaba teniendo en su horizonte el favorecimiento del proceso de elaboración de las pérdidas, además de producir desplazamientos sobre un posible congelamiento de la identidad del sujeto a los significantes "enfermo", "discapacitado"....(AU)
Descritores: Psicanálise
Luto
Organizações
Terapia por Exercício
-Psicologia
Responsável: BR1552.1 - Biblioteca Central



página 1 de 83 ir para página                         
   


Refinar a pesquisa
  Base de dados : Formulário avançado   

    Pesquisar no campo  
1  
2
3
 
           



Search engine: iAH v2.6 powered by WWWISIS

BIREME/OPAS/OMS - Centro Latino-Americano e do Caribe de Informação em Ciências da Saúde