Base de dados : LILACS
Pesquisa : N03.540 [Categoria DeCS]
Referências encontradas : 831 [refinar]
Mostrando: 1 .. 10   no formato [Detalhado]

página 1 de 84 ir para página                         

  1 / 831 LILACS  
              next record last record
seleciona
para imprimir
Id: lil-230796
Autor: Brasil. Ministério da Saúde.
Título: Catálogo de Organizaçöes näo-governamentais / Catalogue of organization non-governamental.
Fonte: Brasília; Gráfica e Editora Brasil; 1997. 257 p.
Idioma: pt.
Descritores: Organizações
Síndrome de Imunodeficiência Adquirida
-Catálogos
Limites: Seres Humanos
Responsável: BR1.1 - BIREME
BR1.1/3319.00; BR66.1; WC308 M622c 1997


  2 / 831 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: biblio-986125
Autor: Valle, Carlos Guilherme do.
Título: Memórias, histórias e linguagens da dor e da luta no ativismo brasileiro de HIV/Aids / Memorias, historias y lenguajes del dolor y de la lucha en el activismo brasileño de VIH/Sida / Memories, stories and languages of pain and struggle in the HIV/Aids Brazilian activism
Fonte: Sex., salud soc. (Rio J.);(30):153-182, set.-dez. 2018.
Idioma: pt.
Resumo: Resumo Este artigo pretende discutir questões que vêm sendo abordadas e apresentadas publicamente por parte do ativismo social de HIV/Aids no Brasil. As questões de memória e história do movimento social e da sociedade civil estão presentes sempre que o ativismo sofre com dilemas e obstáculos de continuidade social e manutenção institucional. Assim, eventos e comemorações são organizados e expressam uma forte linguagem cultural das emoções, muitas vezes materializados através de objetos, cartazes e fotografias. Por meio de pesquisa antropológica baseada em etnografia e interpretação de documentos, pretendo discutir como se dá uma política de memória, a manutenção de uma tradição de conhecimento ativista e a produção de certos silenciamentos do passado, que encobrem e enquadram de um determinado modo a história das ONGs brasileiras e seus ativismos.

Resumen Este artículo pretende discutir asuntos que vienen siendo abordados y presentados publicamente por parte del activismo social de VIH/Sida en Brasil. Las cuestiones de memoria e historia del movimiento social y de la sociedad civil están presentes siempre que el activismo sufre con dilemas y obstáculos relativos a su continuidad social y sostenibilidad institucional. De esta forma, eventos y conmemoraciones son organizados y expresan un fuerte lenguaje cultural de las emociones, frecuentemente materializados por el uso de objetos, afiches y fotografías. A través de una investigación antropológica apoyada en etnografía e interpretación de documentos, pretendo discutir cómo se da una política de memoria, el mantenimiento de una tradición de conocimiento activista y la producción de determinados silenciamientos del pasado, que ocultan y encuadran de una determinada forma la historia de las ONGs brasileñas y sus activismos.

Abstract This article discusses issues that are approached and publicly presented by HIV/Aids social activism in Brazil. Questions on memory and history of this social movement and civil society are present when the activism suffers with dilemmas and obstacles related to its social continuity and institutional maintenance. Therefore, events and celebrations have been organized and express a strong cultural language of emotions, materialized by the use of objects, posters, and photographs. Through an anthropological research based on ethnography and the interpretation of documents, I discuss how a politics of memory is created, the maintenance of a tradition of activist knowledge, and the production of some silences regarding the past, which has been somehow occulted and framed by a certain perspective on the history of Brazilian ONGs and their activisms.
Descritores: Brasil
Organizações
Síndrome de Imunodeficiência Adquirida
HIV
Emoções Manifestas
Ativismo Político
FURSULTIAMINABATTOIRS
Memória
Limites: Seres Humanos
Tipo de Publ: Revisão
Narrativas Pessoais
Responsável: BR433.1 - CB/C - Biblioteca Biomédica C


  3 / 831 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: biblio-1020948
Autor: Pereira, Georgia Martins Carvalho; Azize, Rogerio Lopes.
Título: Quem tomará a "pílula masculina"? Reflexões sobre a construção do usuário de contraceptivos para homens / ¿Quién tomará la "píldora masculina"? Reflexiones sobre la construcción del usuario de anticonceptivos para hombres / Who will take the "male pill"? Reflections on the construction of the contraceptive user for men
Fonte: Sex., salud soc. (Rio J.);(32):20-39, maio-ago. 2019.
Idioma: pt.
Resumo: Resumo O objetivo do artigo é analisar como é concebido o usuário de um anticoncepcional masculino por um ator relevante no campo, a organização não governamental estadunidense Male Contraception Initiative. A partir de uma abordagem socioantropológica, utilizamos a técnica de análise de documentos para compreender como ali se configuram a aceitação e o perfil dos possíveis consumidores de tal tecnologia. Observamos que a construção do homem usuário se realiza com base em uma concepção igualitária dos direitos reprodutivos, enfatizando o direito de os homens - assim como as mulheres - terem autonomia e controle sobre a própria fertilidade. Há uma expansão do perfil do usuário em relação a tentativas anteriores de disponibilização de uma "pílula masculina", mas, ao enfocar a noção dos homens como sujeitos de direitos reprodutivos, tal construção pode gerar conflitos com questões centrais dos movimentos feministas.

Resumen El objetivo del artículo es analizar cómo el usuario de un anticonceptivo masculino es concebido por un actor relevante en el campo, la ONG estadounidense Male Contraception Initiative. A partir de un enfoque socioantropológico, utilizamos la técnica de análisis de documentos para comprender cómo la ONG configura la aceptación y los consumidores de tal tecnología. Observamos que la construcción del hombre usuario se realiza con base en una concepción igualitaria de los derechos reproductivos, enfatizando el derecho de los hombres - así como las mujeres - tener autonomía y control sobre la propia fertilidad. Hay una expansión del perfil del usuario en relación a intentos anteriores de disponibilización de una "píldora masculina", pero, al enfocar la noción de los hombres como sujetos de derechos reproductivos, tal construcción puede generar conflictos con cuestiones centrales de los movimientos feministas.

Abstract This article analyzes how the American NGO Male Contraception Initiative - a relevant actor in the field - conceives the male contraceptive user. The ways this NGO is shaping both acceptance and consumers of that technology are examined from a social anthropological perspective and through document analysis. We observe that the construction of the male user is based on a concept of equality of reproductive rights, emphasizing the right of men as well as women to have autonomy and control over their own fertility. While there is an expansion of the user's profile compared to previous attempts to make a "male pill" available, a closer look on the notion of men as subject of reproductive rights reveals that such a construction may cause conflicts with central issues of feminist movements.
Descritores: Paternidade
Tecnologia
Organizações
Revisão
Anticoncepcionais Masculinos
Direitos Sexuais e Reprodutivos
Masculinidade
Identidade de Gênero
Limites: Seres Humanos
Masculino
Tipo de Publ: Revisão
Responsável: BR433.1 - CB/C - Biblioteca Biomédica C


  4 / 831 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Id: lil-119951
Autor: Academia Nacional de Medicina.
Título: Conferência do Rio de Saúde, Meio Ambiente e Desenvolvimento, ONGS Rio/92: anais / Rio Conference of Health, Environment and Development, ONGS/Rio: annals.
Fonte: s.l; Academia Nacional de Medicina; 1992. 323 p. ilus, tab.
Idioma: pt.
Conferência: Apresentado em: Conferência do Rio de Saúde, Meio Ambiente e Desenvolvimento, ONGS Rio/92, Rio de Janeiro, 18-20 maio 1992.
Descritores: Meio Ambiente
Desenvolvimento Econômico
Organizações
Saúde
-Brasil
Responsável: BR1.1 - BIREME
BR1.1/2176.00; BR67.1; 614.7*115


  5 / 831 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Texto completo
Id: biblio-981546
Autor: Silva, Junior Vagner Pereira da; Silva, Dirceu Santos; Sampaio, Tânia Mara Vieira.
Título: Políticas públicas de esporte em parques e a inclusão de pessoas com deficiência / Public policy of sport in parks and inclusion of persons with disabilities
Fonte: Licere (Online);21(4):i:339-f:358, dez2018. ilus.
Idioma: pt.
Resumo: O objetivo é analisar se as políticas públicas de esporte e lazer em parques de Campo Grande/MS promovem a acessibilidade metodológica e programática das pessoas com deficiência. Trata-se de uma pesquisa descritivo-exploratória, realizada em cinco parques esportivos de Campo Grande-MS, por meio de entrevistas estruturadas. Os resultados indicam que o poder público não tem promovido a acessibilidade programática e metodológica, a partir do momento que inexistem ações políticas para esse público. A inclusão de pessoas com deficiência foi verificada apenas em um parque, promovida por uma ONG. Os programas analisados não adaptaram as regras com ênfase na acessibilidade metodológica e inclusão de todas as pessoas. Dessa forma, conclui-se que o direito de acessibilidade programática e metodológica das pessoas com deficiências nas práticas de esporte e lazer de Campo Grande/MS tem sido violado.

The aim is to analyse if the public policies of sport and leisure in parks of Campo Grande/MS promote the methodological and programmatic accessibility of people with disabilities. It is a descriptive-exploratory research, through structured interviews. The results indicate that the government has not promoted programmatic and methodological accessibility, from the moment that there is no political actions for this audience. An inclusion of people with disabilities only in a park was verified (promoted by a Non-Governmental Organization). The programs analysed did not adapt the rules with an emphasis on methodological accessibility and inclusion of all people. Thus, it concludes that the right of programmatic and methodological accessibility of people with disabilities in the sports and leisure practices of Campo Grande / MS has been violated.
Descritores: Estruturas de Acesso
Política Pública
Organizações
Pessoas com Deficiência
Áreas Verdes
Esportes para Pessoas com Deficiência
Parques Recreativos
Atividades de Lazer
Limites: Seres Humanos
Tipo de Publ: Artigo Clássico
Responsável: BR21.1 - Biblioteca J Baeta Vianna- Campus Saúde UFMG


  6 / 831 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: biblio-895220
Autor: Feijó, Marianne Ramos; Goulart Júnior, Edward; Nascimento, Jéssica Mendes do; Nascimento, Nashila Beatriz do.
Título: Conflito trabalho-família: um estudo sobre a temática no âmbito brasileiro / Work-family conflict: a study on the subject in the Brazilian context
Fonte: Pensando fam;21(1):105-119, jul. 2017.
Idioma: pt.
Resumo: O texto tece considerações sobre o conflito trabalho-família, elaborado após revisão narrativa. Foram acessados 18 artigos, publicados entre 2010 e 2015, na base de dados Scielo, utilizando-se os descritores "trabalho", "família" e "conflito" e seis dos artigos trataram do tema central. O estudo revela que, embora ainda em pouca quantidade e aprofundamento, há importantes discussões teóricas e intervenções relacionadas ao conflito no Brasil, sendo que parte destas aborda a desigualdade de gênero e o fator tempo como entraves frequentes ao equilíbrio trabalho-família. A revisão dos papéis de gênero presentes na sociedade atual é necessária, sobretudo considerando que as mulheres ganham mais espaço em cargos de gestão, que as organizações atuam cada vez mais em ambientes instáveis e competitivos e que as condições econômicas geram pressão sobre as famílias para buscarem novas fontes de renda, sem a divisão de tarefas domésticas necessárias à permanência da mulher no mercado de trabalho.(AU)

This text makes considerations about work-family conflict and it was elaborated after a narrative review. Eighteen articles published between 2010 and 2015 were accessed in Scielo database. Descriptors "work", "family" and "conflict" were used, and six of these articles treated about the main issue. Study reveals that, even though a small amount and deepening, there are relevant theoretical discussions and interventions related to this referred conflict in Brazil, and a part of them treats genre inequality and time factor as frequent constraints to work-family balance. Review of current genre roles in contemporary society is necessary mainly because women have been achieving more space in management positions, organizations increasingly have acted in an unstable and competitive environment and the economic conditions have generated more pressure over families, in order to they obtain new income sources, without a division of necessary household tasks for the woman's stay in the labour market.(AU)
Descritores: Relações Profissional-Família
Mulheres Trabalhadoras
Organizações
Saúde do Trabalhador
Conflito (Psicologia)
Limites: Seres Humanos
Tipo de Publ: Revisão
Responsável: BR1.1 - BIREME


  7 / 831 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: biblio-984870
Autor: Amado, Gilles.
Título: A "loucura" ordinária das instituições / The ordinary « craziness ¼ of institutions / La «locura¼ ordinaria de instituciones
Fonte: Psicol. rev. (Belo Horizonte);23(1):312-338, jan. 2017.
Idioma: pt.
Resumo: Com base numa intervenção em uma sociedade de psicanálise em crise, este artigo discute uma série de fenômenos psicossociais que contribuem para o desenvolvimento da « loucura ¼ ordinária de instituições. Aqui são evidenciados: os processos psíquicos inconscientes e preconscientes de ressonância, de colusão grupal e de alianças defensivas, que se articulam com processos organizacionais tóxicos ou, por vezes, têm neles a sua origem. No interior desses processos, a natureza e a estrutura do trabalho têm um papel central. Discute-se também uma abordagem transicional da intervenção, capaz de ajudar a superar diversos obstáculos à vitalidade individual e coletiva

Through a consultation to a psychoanalytic society in crisis, the article presents a series of phenomena which contribute to the ordinary « craziness ¼ of institutions. Are enlightened here: psychic unconscious and preconscious processes of resonance, group collusion, defensive alliances that are linked to (or sometimes are at the source of ) organisational ones among which the nature and structure of work play a central part ; a specific « transitional ¼ approach of intervention likely to help overcome numerous obstacles to individual and collective vitality

Con base en una intervención en una sociedad de psicoanálisis en crisis, este artículo discute una serie de fenómenos psicosociales que contribuyen al desarrollo de la «locura¼ ordinaria de instituciones. Aquí se evidencian: los procesos psíquicos inconscientes y preconscientes de resonancia, de colusión grupal y de alianzas defensivas, que se articulan con procesos organizacionales tóxicos o, a veces, tienen en ellos su origen. En el interior de estos procesos, la naturaleza y la estructura del trabajo desempeñan un papel central. Se discute también un enfoque transicional de la intervención, capaz de ayudar a superar diversos obstáculos a la vitalidad individual y colectiva
Descritores: Psicanálise
Inconsciente (Psicologia)
-Trabalho
Organizações
Responsável: BR370.1 - Biblioteca Central


  8 / 831 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: lil-603502
Autor: Gomes Menezes, Igor; Passos Gomes, Ana Cristina.
Título: Clima organizacional: uma revisão histórica do construto / Organizational climate: a historical review of the construct / Clima organizacional: una revisión histórica del constructo
Fonte: Psicol. rev. (Belo Horizonte);16(1):158-179, abr. 2010.
Idioma: pt.
Resumo: Clima organizacional pode ser caracterizado como um conjunto de percepções compartilhadas por trabalhadores sobre diferentes aspectos do ambiente organizacional, sendo um dos construtos mais investigados no campo do comportamento organizacional. Este trabalho objetivou sistematizar parte dos conhecimentos produzidos sobre clima organizacional ao longo dos anos, ao estabelecer um ordenamento histórico das pesquisas sobre o tema em três momentos: de 1930 a 1960, estudo da taxonomia, contexto e estrutura do construto; de 1970 a 1980, diferenciação entre os conceitos de clima e cultura organizacionais; e de 1990 à atualidade, estudos empíricos para testar a validade discriminante do clima organizacional em relação a outros construtos e desenvolvimento de novos métodos de análise. Ressaltase a premência pelo desenvolvimento de novos modelos teóricos que integrem o conjunto de descritores dos modelos já existentes e uma maior aplicação de técnicas psicométricas para validação desses modelos.

Organizational climate can be characterized as a set of perceptions, shared by workers, of different aspects that make up the organizational environment, being one of the most investigated constructs in the field of Organizational Behavior. This paper aims to organize part of the knowledge produced concerning organizational climate along years, establishing a historical order of research in three stages: from 1930 to 1960, studies of construct taxonomy, context and structure; from 1970 to 1980, distinction between the concepts of organizational climate and culture; and from 1990 on, empirical studies to assess the discriminant validity of organizational climate in relation to other constructs, and development of new analysis methods. The paper emphasizes the urgency of designing new theoretical models to integrate the set of descriptors of existing ones, as well as a wider use of psychometric techniques for the empirical validation of those models.

Clima organizacional puede ser caracterizado como un conjunto de percepciones compartidas por los trabajadores sobre diferentes aspectos del medio ambiente de la organización, siendo uno de los constructos más investigados en el ámbito del Comportamiento Organizacional. Este estudio tuvo como objetivo sistematizar el conocimiento producido sobre clima organizacional en los últimos años al establecer un orden histórico de la investigación sobre el tema en tres momentos: de 1930 a 1960, el estudio de la taxonomía, la estructura y el contexto del constructo, desde 1970 hasta 1980, la diferencia entre los conceptos de clima organizacional y cultura, y de 1990 a la actualidad, los estudios empíricos para poner a prueba la validez discriminante del clima organizacional en relación con otros constructos y el desarrollo de nuevos métodos de análisis. Se pone de relieve la urgente necesidad para el desarrollo de nuevos modelos teóricos que integran el conjunto de descriptores de los modelos existentes y una mayor aplicación de pruebas psicométricas para validar estos modelos.
Descritores: Cultura Organizacional
Organizações
-Organização e Administração
História
Responsável: BR370.1 - Biblioteca Central


  9 / 831 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Tamayo, Alvaro
Texto completo
Id: lil-353018
Autor: Tamayo, Alvaro; Mendes, Ana Magnólia; Paz, Maria Das Graças Torres Da.
Título: Inventário de valores organizacionais / Organizational values inventory
Fonte: Estud. psicol. (Natal);5(2):289-315, jul.-dez. 2000. ilus, tab, graf.
Idioma: pt.
Resumo: Foram postuladas três dimensões bipolares para representar os valores organizacionais. Um instrumento composto por 36 itens foi administrado a uma amostra de 1010 empregados de uma empresa pública. Os dados foram submetidos a análise multidimensional (ALSCAL), utilizando o modelo euclidiano. As medidas de fit foram: s-stress = 0,18319, Stress = 0,15985 e RSQ = 0,88563. As três dimensões postuladas (autonomia versus conservadorismo, hierarquia versus igualitarismo e domínio versus harmonia) foram confirmadas pela disposição dos valores no espaço semântico. Os coeficientes alpha foram superiores a 0,80 com exceção do alpha para conservadorismo que foi 0,77
Descritores: Psicometria
Valores Sociais
Organizações
Equipamentos e Provisões
-Brasil
Limites: Seres Humanos
Masculino
Feminino
Responsável: BR1274.1 - Biblioteca Central Zila Mamede


  10 / 831 LILACS  
              first record previous record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: lil-666001
Autor: Morais, Normanda Araújo de; Koller, Silvia Helena.
Título: Um estudo com egressos de instituições para crianças em situação de rua: percepção acerca da situação atual de vida e do atendimento recebido / A study on street children who have left institutions: perceptions of current life situations and received treatment
Fonte: Estud. psicol. (Natal);17(3):405-412, set.-dez. 2012. tab.
Idioma: pt.
Resumo: Este artigo objetiva identificar a situação atual de vida de egressos de uma instituição de atendimento para crianças e adolescentes em situação de rua, a avaliação que fazem do momento atual de vida, bem como compreender a sua percepção acerca da referida instituição e do atendimento recebido. Participaram nove adolescentes do sexo masculino (18-20 anos). Utilizou-se uma entrevista semi-estruturada, a qual foi analisada a partir do procedimento de análise de conteúdo. Os resultados mostraram uma variedade de situações de vida. O momento atual de vida foi descrito como satisfatório e a instituição frequentada no passado também foi avaliada de forma positiva. Os resultados são discutidos à luz da trajetória de vinculação institucional (TVI), das modalidades de saída da rua descritas na literatura e da importância da vinculação educador - criança/adolescente. Implicações para as políticas públicas de atendimento a essa população são discutidas.

This article aims to identify the life situations of street children and adolescents after leaving care institutions; note how they evaluate their current life; and understand how they perceive the institution in which they stayed and the treatment they received there. Nine male adolescents participated (18-20 years old). A semi-structured interview script, evaluated through content analysis, was used. The results revealed a variety of life situations. The participants tended to describe their current life situation as satisfactory and they also positively evaluated the institution in which they stayed. The results are discussed in the context of Institutional Tie Trajectory (ITT); the modalities for leaving the streets as described in the literature; and the importance of the relationship between educator and child/adolescent. The implications for public policies treating this population are discussed.
Descritores: Psicologia Social
Política Pública
Criança
Jovens em Situação de Rua/psicologia
Abrigo
-Serviço Social
Brasil
Organizações
Entrevista
Pesquisa Qualitativa
Limites: Seres Humanos
Masculino
Adolescente
Adulto
Tipo de Publ: Entrevista
Responsável: BR1274.1 - Biblioteca Central Zila Mamede



página 1 de 84 ir para página                         
   


Refinar a pesquisa
  Base de dados : Formulário avançado   

    Pesquisar no campo  
1  
2
3
 
           



Search engine: iAH v2.6 powered by WWWISIS

BIREME/OPAS/OMS - Centro Latino-Americano e do Caribe de Informação em Ciências da Saúde