Base de dados : LILACS
Pesquisa : N04.452.706.477 [Categoria DeCS]
Referências encontradas : 1142 [refinar]
Mostrando: 1 .. 10   no formato [Detalhado]

página 1 de 115 ir para página                         

  1 / 1142 LILACS  
              next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: lil-767271
Autor: Martins, JM; Figueiredo, TP; Costa, SC; Reis, AMM.
Título: Medicamentos que podem induzir prolongamento do intervalo QT utilizados por idosos em domicílio / Medications that can induced QT prolongation used by elderly at home
Fonte: Rev. ciênc. farm. básica apl;36(2), jun. 2015. tab.
Idioma: pt.
Resumo: O intervalo QT (iQT), parâmetro eletrocardiográfico, é um biomarcador não invasivo da repolarização ventricular. O aumento do iQT é uma alteração que pode ser de considerável importância clínica, pois predispõe a torsade de pointes e morte cardíaca súbita. O objetivo do presente trabalho é identificar os medicamentos utilizados em domicílio por idosos, que podem induzir o prolongamento do iQT. Trata-se de um estudo quantitativo descritivo exploratório e retrospectivo, realizado em um hospital público de ensino. Foram incluídos 190 idosos com informação sobre uso domiciliar de medicamentos registrada em prontuário. A mediana da idade foi de 69,5 anos, sendo 99 (52,1%) mulheres. O número de medicamentos utilizados por paciente em domicílio apresentou mediana de 4,0. Foram identificados 159 fármacos, sendo que 23 (14,5%) apresentavam capacidade de induzir prolongamento do iQT. Entre os idosos, 39 (20,5%) usavam estes fármacos, sendo os mais prevalentes a amiodarona, amitriptilina, nortriptilina, citalopram e fluoxetina. A hipertensão arterial foi o fator de risco mais frequente dentre aqueles que predispõem a prolongamento do iQT. As utilizações de medicamentos que induzem prolongamento do iQT e a presença de fatores de risco predisponentes mostram que os idosos estão expostos ao risco de desenvolvimento de torsade de pointes. A identificação dos fármacos que induzem prolongamento do iQT, das interações medicamentosas e das condições clínicas que predispõem a esse prolongamento são importantes para garantia da segurança da farmacoterapia de idosos e para evitar eventos adversos graves.(AU)

The QT interval (QTi), an electrocardiographic parameter, is a noninvasive biomarker of ventricular repolarization. Increased QTi is a change that may have clinical importance because predisposes to torsade de pointes and sudden cardiac death. The objective of this study was to identify drugs used by elderly at home which may induce QTi prolongation. This is a quantitative, retrospective, descriptive, exploratory study conducted in a teaching hospital. A total of 190 elderly with information on the use of medications at home available in medical records were included in the study. The median age was 69.5 years, and 99 (52.1 %) were female. The median number of medications used per patient at home was 4.0. A variety of 159 drugs were identified including 23(14.5%) that may induce QTi prolongation. Among the 39 elderly (20.5%) using drugs that may induce QTi prolongation, the most frequent were: amiodarone, amitriptyline, nortriptyline, citalopram and fluoxetine. Hypertension was the most frequent risk factor for QTi prolongation. The use of these drugs and the presence of risk factors place the elderly at increased risk for developing torsade de pointes. The identification of drugs that may induce QTi prolongation, drug-drug interactions and clinical conditions that may lead to this adverse effect reinforces the need for actions to ensure the drug safety in the elderly population and to avoid serious adverse events.(AU)
Descritores: Síndrome do QT Longo/induzido quimicamente
Torsades de Pointes
Uso de Medicamentos
-Biomarcadores/metabolismo
Limites: Humanos
Masculino
Feminino
Idoso
Responsável: BR33.1 - Divisão Técnica de Biblioteca e Documentação


  2 / 1142 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: biblio-1089474
Autor: Santana, Caroline Rocha; Oliveira, Márcio Galvão.
Título: Avaliação do uso de soros antivenenos na emergência de um hospital público regional de Vitória da Conquista (BA), Brasil / Evaluation of the use of antivenom sera in the emergency service of a regional public hospital in Vitória da Conquista (BA), Brazil
Fonte: Ciênc. Saúde Colet;25(3):869-878, mar. 2020. tab, graf.
Idioma: pt.
Resumo: Resumo O presente estudo tem como objetivo caracterizar o perfil epidemiológico de vítimas de acidentes escorpiônicos e ofídicos e avaliar a adequação das prescrições de soros antivenenos. Estudo transversal cujas fontes de dados foram as fichas de notificação de acidentes por animais peçonhentos do Sistema de Informação de Agravos de Notificação no município de Vitória da Conquista (BA), Brasil. Foram incluídas as informações de acidentes escorpiônicos ou ofídicos no período entre julho de 2016 e junho de 2017 atendidos no município. Os dados obtidos e as variáveis de interesse foram analisadas de acordo com as perguntas deste estudo. No período observado foram atendidas 293 vítimas de acidentes por animais peçonhentos. Destas, 149 (50,9%) foram homens e 114 (38,9%) possuíam entre 20 a 59 anos. Foram 235 (80,9%) casos de escorpionismo e 58 (19,1%) de ofidismo. Destes, 203 (69,3%) foram classificados como leves e em 200 (68,5%) casos foi prescrita soroterapia para estes pacientes. Quanto à adequação das prescrições, 172 (59,7%) foram julgadas inadequadas e destas, o uso de número de ampolas acima do indicado foi a mais frequente. A prescrição inapropriada de soros antivenenos ocorreu em aproximadamente em 60% dos casos avaliados. Apesar disso, a maioria dos acidentes foi classificada como leve, em homens jovens.

Abstract This study aims to characterize the epidemiological profile of victims of scorpion and snakebite envenomations and to evaluate the adequacy of antivenom sera prescriptions. This is a cross-sectional study whose data sources were the envenomation notification information sheets of the Notifiable Diseases Information System in the city of Vitória da Conquista (BA), Brazil. We included information on scorpion or snakebite envenomations attended in the municipality in the period between July 2016 and June 2017. The data obtained and the variables of interest were analyzed according to the questions of this study. In the observed period, 293 victims of envenomations were treated. Of these, 149 (50.9%) were men, and 114 (38.9%) were 20-59 years old. In total, 235 (80.9%) cases of scorpionism and 58 (19.1%) of ophidism were reported. Of these, 203 (69.3%) were classified as mild, and in 200 (68.5%) cases, serum therapy was prescribed for the patients. Regarding the adequacy of the prescriptions, 172 (59.7%) were considered inadequate, and of these, the use of some vials above than indicated was the most frequent. The inappropriate prescription of antivenom sera occurred in approximately 60% of the evaluated cases. Despite this, most accidents were classified as mild - in young men.
Descritores: Mordeduras de Serpentes/tratamento farmacológico
Picadas de Escorpião/tratamento farmacológico
Fatores Imunológicos/uso terapêutico
-Brasil
Antivenenos/uso terapêutico
Saúde da População Urbana
Estudos Transversais
Uso de Medicamentos/estatística & dados numéricos
Serviços Médicos de Emergência
Tratamento de Emergência
Hospitais Públicos
Pessoa de Meia-Idade
Limites: Humanos
Masculino
Feminino
Lactente
Pré-Escolar
Criança
Adolescente
Adulto
Adulto Jovem
Tipo de Publ: Estudo de Avaliação
Responsável: BR1.1 - BIREME


  3 / 1142 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Saúde Pública
Texto completo
Id: biblio-1101311
Autor: Sampaio, Juliana Vieira; Medrado, Benedito; Menezes, Jaileila Araujo.
Título: Consulte o seu médico: hormônios e medicalização da sexualidade / Consult your doctor: hormones and medicalization of sexuality
Fonte: Physis (Rio J.);30(1):e300104, 2020.
Idioma: pt.
Resumo: Resumo Este artigo apresenta parte dos resultados de uma pesquisa de doutorado, focalizando nossas análises nos agenciamentos produzidos pelos hormônios na sociedade contemporânea, especificamente em sua relação com o processo de medicalização da sexualidade. O estudo tem como corpus de análise 34 vídeos que abordam direta ou transversalmente o uso de hormônios. Esse material está disponibilizado via internet, em canais do YouTube de uma indústria farmacêutica multinacional de grande porte. Os vídeos são aqui concebidos como "documentos de domínio público", expressão cunhada por Peter Spink, para se referir às práticas discursivas que promovem circulação de saber-poder e modos de viver em nossa sociedade. Nossas análises evidenciam que os hormônios têm se articulado com uma série de elementos, em uma complexa rede, produzindo modos de subjetivação e causando controvérsias. Na condição de artefatos biossociais, os hormônios podem ser utilizados para garantir direitos sexuais e reprodutivos, mas também, antagonicamente, servem para promover a medicalização compulsória da sexualidade.

Abstract This article presents part of the results of a doctoral research, focusing our analyzes on the hormone-producing assemblages in contemporary society, specifically in its relation with the process of medicalization of sexuality. This study has as corpus of analysis 34 videos that directly or transversally approach the use of hormones, available through the Internet, on Youtube channels of a large multinational pharmaceutical industry. The videos are here conceived as "public domain documents", an expression coined by Peter Spink, to refer to discursive practices that promote circulation of know-how and ways of living in our society. Our analyzes show that hormones have been articulated with a series of elements in a complex network, producing modes of subjectivation and performing controversies. In the condition of biossocial artifacts, hormones can be used to guarantee sexual and reproductive rights, but also, antagonistically, serve to promote the compulsory medicalization of sexuality.
Descritores: Sexualidade
Direitos Sexuais e Reprodutivos
Indústria Farmacêutica
Comunicação em Saúde
Medicalização
Hormônios
-Saúde da Mulher
Anticoncepção
Uso de Medicamentos
Saúde Sexual
Limites: Humanos
Tipo de Publ: Revisão
Responsável: BR433.1 - CB/C - Biblioteca Biomédica C


  4 / 1142 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Saúde Pública
Cecilio, Luiz Carlos de Oliveira
Texto completo
Id: biblio-1101312
Autor: Maximo, Samuel Amano; Andreazza, Rosemarie; Cecilio, Luiz Carlos de Oliveira.
Título: Assistência farmacêutica no cuidado à saúde na Atenção Primária: tão perto, tão longe / Pharmaceutical care in Primary Health care: so close, so far
Fonte: Physis (Rio J.);30(1):e300107, 2020. tab.
Idioma: pt.
Resumo: Resumo A expansão da Atenção Primária à Saúde (APS) exigiu mudanças na Assistência Farmacêutica, de maneira a aumentar a cobertura da distribuição gratuita de medicamentos e reforçando a necessidade do uso racional de medicamentos. O objetivo deste trabalho foi estudar a Assistência Farmacêutica na produção do cuidado na APS, contribuindo para o entendimento do uso racional de medicamentos. Método: Optou-se por analisar o material de uma investigação de natureza etnográfica, realizada no ano de 2014 em sete Unidades Básicas de Saúde. Além disso, realizou-se um seminário com atores institucionais das Unidades estudadas, de forma a aumentar a lateralidade dos resultados. Resultados: Foi possível identificar cenas e falas, que se conectavam e davam visibilidades a elementos micropolíticos relacionados ao uso de medicamentos, a autonomia profissional − o papel do médico na prescrição dos medicamentos e o usuário prescritor do seu cuidado. Conclusão: O que acontece depois que o usuário deixa a Unidade com seus medicamentos retirados na farmácia parece ainda ficar oculto aos olhos dos profissionais de saúde. O estudo produz indicações de algumas falhas na atuação da Assistência Farmacêutica e mostra o quanto estamos distantes de uma gestão do cuidado que inclua o uso racional de medicamentos em suas múltiplas racionalidades.

Abstract The expansion of Primary Health Care required changes in Pharmaceutical Care, in order to increase the coverage of the free distribution of medicines and reinforcing the need for the rational use of medicines. This work aimed to study Pharmaceutical Care in the production of care in Primary Health Care, contributing to the understanding of rational use of medicines. Method: We chose to analyze the material of an ethnographic investigation, carried out in 2014 in seven Basic Health Units. In addition, a seminar was held with institutional actors from the Units studied, in order to increase the laterality of the results. Results: It was possible to identify scenes and speeches, which connected and gave visibility to micropolitical elements related to the use of medicines, professional autonomy - the role of the physician in the prescription of medicines and the user who prescribes their care. Conclusion: What happens after the user leaves the UBS with his medicines taken at the pharmacy still seems to be hidden from the eyes of health professionals. The study produces indications of some flaws in the performance of Pharmaceutical Care and shows how far we are from a care management that includes the rational use of medicines in its multiple rationalities.
Descritores: Assistência Farmacêutica
Papel do Médico
Atenção Primária à Saúde
Autocuidado
Autonomia Profissional
Uso de Medicamentos
-Prescrições de Medicamentos
Antropologia Cultural
Tipo de Publ: Revisão
Responsável: BR433.1 - CB/C - Biblioteca Biomédica C


  5 / 1142 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: biblio-1100190
Autor: Lucchetta, Rosa Camila; Mastroianni, Patricia de Carvalho.
Título: Rational use of chloroquine and hydroxychloroquine in times of COVID-19
Fonte: Rev. ciênc. farm. básica apl;40, 01/01/2019. tab.
Idioma: en.
Resumo: Considering the COVID-19 pandemic declared, part of the researchers' efforts has been in studies of repurposing chloroquine (CQ) and hydroxychloroquine (HCQ), cheap medicines that have been used for decades with indication for malaria, rheumatoid arthritis and systemic lupus erythematosus. Chinese and South Korean health officials recommended the use of QC and HCQ for prophylaxis and treatment of COVID-19, encouraging researchers around the world to assess the potential of these medicines as antivirals. To date, results of three clinical trials have been released. Two studies show divergent results for virological clearance, while the third suggests a benefit in terms of radiological and clinical improvement. The three studies have methodological limitations and low overall quality of evidence, in view of the absence of randomization, allocation concealment, blinding patients, health care providers, and outcome assessors, missing data and/or selective reporting of results, as well as probable heterogeneity of patients and treatments, imprecision due to the reduced statistical power of the studies, indirect evidence for patients with severe form of the disease or patients with high severity comorbidities. The irresponsible self-medication of these medicines is of concern both for the potential risk of shortages, as well as for the adverse events and potentially fatal intoxications. Thus, in the USA, Europe and Brazil, regulatory agencies have positioned themselves in an emergency, authorizing the use of CQ and HCQ under medical criteria and/or in the context of clinical trials. In Brazil, to restrict irresponsible self-medication and possible shortages, Anvisa included the drugs in a special control list. Evidence on the efficacy and safety of QC and HCQ remains uncertain, so the results of ongoing studies are needed to adequately guide public policy and clinical practice. Evidence-based health assumptions must be maintained even in times of international emergency due to the risk of having to deal with future complications from the irrational use of these medicines.(AU)
Descritores: Cloroquina/uso terapêutico
Infecções por Coronavirus
Uso de Medicamentos/legislação & jurisprudência
Hidroxicloroquina/uso terapêutico
Limites: Humanos
Responsável: BR33.1 - Divisão Técnica de Biblioteca e Documentação


  6 / 1142 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Texto completo
Id: biblio-1146077
Autor: Silva, Aliny Fernanda; Freitas, Canuto; Tormas, Daniele Prado; Paula, Gabriela Neves; Santos, Débora Aparecida Silva; Goulart, Letícia Silveira.
Título: Utilização de medicamentos por hipertensos e/ou diabéticos cadastrados em uma Estratégia Saúde da Família / Use of medicines for hypertension and diabetics registered in a Family Health Strategy / Utilización de medicamentos por hipertensos y/o diabéticos catastrados en una Estrategia de Salud de la Familia
Fonte: Rev. Pesqui. (Univ. Fed. Estado Rio J., Online);13:57-64, jan.-dez. 2021. tab.
Idioma: en; pt.
Resumo: Objetivo: analisar o perfil de utilização de medicamentos por hipertensos e/ou diabéticos de uma Estratégia de Saúde da Família do Sul de Mato Grosso. Métodos: trata-se de uma pesquisa quantitativa e transversal com usuários cadastrados em uma Unidade Básica de Saúde. Os dados foram coletados em visitas domiciliares. Resultados: os usuários consumiram uma média de 2,9 medicamentos. Não houve diferença estatística no consumo médio de medicamentos entre homens e mulheres. Os idosos utilizavam mais medicamentos. Os fármacos que atuam no sistema cardiovascular foram os mais consumidos. Conclusão: os resultados apontam para a necessidade da promoção do uso racional de medicamentos, sobretudo na população idosa

Objective: to analyze the profile of drug use by hypertensive and diabetic people from a Family Health Strategy of Southern Mato Grosso. Methods: this is a quantitative and cross-sectional research with users registered at a Basic Health Unit. The data were collected in home visits. Results: the users consumed an average of 2.9 drugs. There was no statistical difference in the mean consumption between men and women. The elders used more drugs. The most used drugs were the ones that work in the cardiovascular system. Conclusion: the results show the need for promoting the rational use of drugs, especially in the elderly population

Objetivo: analizar el perfil de utilización de medicamentos por hipertensos y/o diabéticos de una Estrategia de Salud de la Familia del Sur de Mato Grosso. Métodos: se trata de una investigación cuantitativa y transversal con usuarios registrados en una Unidad Básica de Salud. Los datos fueron colectados en visitas domiciliarias. Resultados: los usuarios consumieron una media de 2,9 medicamentos. No habia diferencia estadística en el consumo medio de medicamentos entre hombres y mujeres. Los ancianos utilizaban más medicamentos. Los fármacos que actúan en el sistema cardiovascular fueron los más consumidos. Conclusión: los resultados apuntan a la necesidad de la promoción del uso racional de medicamentos, sobre todo en la población anciana
Descritores: Estratégia Saúde da Família
Diabetes Mellitus/tratamento farmacológico
Uso de Medicamentos/estatística & dados numéricos
Hipertensão/tratamento farmacológico
-Estudos Epidemiológicos
Visita Domiciliar
Hipertensão
Limites: Humanos
Masculino
Feminino
Adulto
Pessoa de Meia-Idade
Idoso
Idoso de 80 Anos ou mais
Responsável: BR1208.1 - BSEN - Biblioteca Setorial de Enfermagem e Nutrição


  7 / 1142 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: biblio-897499
Autor: Rosa, Bibiane Moura da; Abreu, Daiane Porto Gautério; Santos, Silvana Sidney Costa; Silva, Bárbara Tarouco da; Ilha, Silomar; Martins, Nidia Farias Fernandes.
Título: Associação entre risco de quedas e uso de medicamentos em pessoas idosas / Asociación entre riesgo de caídas y uso de medicamentos en personas mayores / Association between fall risks and medication use in the elderly
Fonte: Rev. baiana enferm;31(4):e22410, 2017. tab.
Idioma: pt.
Resumo: Objetivo verificar a associação entre o risco de quedas e o uso de medicamentos em pessoas idosas. Método estudo transversal realizado no setor de atendimento ambulatorial de um hospital universitário do sul do Brasil, com 99 pessoas idosas. A coleta ocorreu em outubro de 2013, por meio de entrevista na qual foram utilizados: um instrumento de caracterização sociodemográfica, o Miniexame do Estado Mental e a Escala de Risco de Quedas de Downton. Foram realizadas análise estatística descritiva e inferencial. Resultados evidenciou-se que 55,6% das pessoas idosas apresentaram alto risco para quedas. Houve associação estatística entre o uso de medicamentos para o sistema cardiovascular e nervoso central e o risco de quedas. Houve diferença significativa entre o número de medicamentos utilizados por pessoas idosas com alto e com baixo risco de quedas. Conclusão o risco de quedas apresenta associação com número de medicamentos e com as classes medicamentosas utilizadas pelas pessoas idosas.

Objetivo verificar la asociación entre el riesgo de caídas y el uso de medicamentos en personas mayores. Método estudio transversal realizado en el sector de atención ambulatoria de un hospital universitario del sur de Brasil, con 99 personas mayores. La recolección ocurrió en octubre de 2013, por medio de una entrevista en la que se utilizaron: un instrumento de caracterización socio demográfica, el Mini examen del Estado Mental y la Escala de Riesgo de Caídas de Downton. Se realizaron análisis estadísticos descriptivos e inferenciales. Resultados se evidenció que 55,6% de las personas mayores presentaron alto riesgo para caídas. Hubo asociación estadística entre el uso de medicamentos para el sistema cardiovascular y nervioso central y el riesgo de caídas. Se observó una diferencia significativa entre el número de medicamentos utilizados por personas mayores con alto y con bajo riesgo de caídas. Conclusión el riesgo de caídas presenta asociación con el número de medicamentos y con las clases medicamentosas utilizadas por las personas mayores.

Objective to verify the association between fall risks and medication use in the elderly. Method cross-sectional study carried out in ambulatory care sector of a university hospital in southern Brazil, with 99 elderly people. Collection occurred in October, 2013, through an interview in which were used: one sociodemographic characterization instrument, the mini-mental state examination and the Downton Fall Risk Scale. Inferential and descriptive statistical analysis were made. Results it was demonstrated that 55.6% of the elderly people present high fall risk. There was statistical association between the use of medication for cardiovascular and central nervous systems and the fall risk. There was significant difference between the number of medication taken by the elderly with high and low fall risk. Conclusion fall risk is associated with the number of medicines and with the medicament classes taken by the elderly.
Descritores: Acidentes por Quedas
Fatores de Risco
Uso de Medicamentos
Enfermagem Geriátrica
-Saúde do Idoso
Limites: Humanos
Idoso
Responsável: BR21.2 - BVS Enfermería


  8 / 1142 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: biblio-1013414
Autor: Monje, Beatriz; Giménez-Manzorro, Álvaro; Ortega-Navarro, Cristina; Herranz-Alonso, Ana; Sanjurjo-Sáez, María.
Título: Trends in hospital consumption of analgesics after the implementation of a pain performance improvement plan / Tendências no consumo hospitalar de analgésicos após a implantação de plano de melhoria do controle da dor
Fonte: Rev. bras. anestesiol;69(3):259-265, May-June 2019. tab, graf.
Idioma: en.
Resumo: Abstract Background: Pain management committee established a pain performance improvement plan in 2012. Objectives: The aim of the study was to assess the trends in analgesic consumption in a tertiary teaching hospital and the associated economic impact. Methods: A descriptive, retrospective study was conducted between 2011 and 2015. The analysis included: anti-inflammatory and antirheumatic products non-steroids, opioid analgesics and other analgesics and antipyretics. Data are converted into DDD/100 bed-days to analyze consumption trends. Main outcome measure: assessment of the analgesic consumption after the implementation of a pain performance improvement plan. Results: Overall, non-steroidal anti-inflammatory and antirheumatic products consumption decreased in 24.8 DDD/100 bed-days (-28.3%), accounting for most of the total analgesic consumption decrease (-13%) and total cost (-44.3%). Opioid consumption increased markedly from 22.3 DDD/100 bed-days in 2011 to 26.5 DDD/100 bed-days in 2015 (+18.9%). In 2011, the most consumed opioid was morphine (8.6 DDD/100 bed-days). However, there was an increasing trend in fentanyl consumption (from 8.1 to 12.1 DDD/100 bed-days in 2015), which resulted in fentanyl replacing morphine from the most consumed opioid in 2015 (12.1 DDD/100 bed-days). In 2015, the group of other analgesics and antipyretics represented 46.2% of the total analgesic consumption. Acetaminophen was the most commonly consumed analgesic drug (53.2 DDD/100 bed-days in 2015) and had the highest total cost, it represented 55.4% of the overall cost in 2015. Conclusion: Opioid consumption showed an increasing trend during the 5 year period, with fentanyl replacing morphine as the most used opioid. In general, analgesics diminished use was due to the decreasing trend of consumption of non-steroidal anti-inflammatory and antirheumatic products.

Resumo Justificativa: A Comissão para o Manejo da Dor estabeleceu um plano de melhoria no controle da dor em 2012. Objetivo: Avaliar as tendências do consumo de analgésicos em um hospital de ensino terciário e o impacto econômico associado. Métodos: Estudo descritivo, retrospectivo, feito entre 2011 e 2015. A análise incluiu: produtos anti-inflamatórios e antirreumáticos não esteroides, analgésicos opioides e outros analgésicos e antipiréticos. Os dados foram convertidos em DDD/100 leitos-dia para analisar as tendências de consumo. Principal medida do desfecho: avaliação do consumo de analgésicos após o estabelecimento de um plano de melhoria no controle da dor. Resultados: O consumo total de produtos anti-inflamatórios e antirreumáticos não esteroides diminuiu em 24,8 DDD/100 leitos-dia (-28,3%), representando a maior parte da redução total do consumo de analgésicos (-13%) e o custo total (-44,3%). O consumo global de opioides aumentou acentuadamente de 22,3 DDD/100 leitos-dia em 2011 para 26,5 DDD/100 leitos-dia em 2015 (+18,9%). Em 2011, o opioide mais consumido foi a morfina (8,6 DDD/100 leitos-dia). No entanto, houve uma tendência crescente no consumo de fentanil (de 8,1 para 12,1 DDD/100 leitos-dia em 2015), o que resultou na substituição de morfina por fentanil como o opioide mais consumido em 2015 (12,1 DDD/100 leitos-dia). Em 2015, o grupo dos outros analgésicos e antipiréticos representou 46,2% do consumo total de analgésicos. Acetaminofeno foi o analgésico mais consumido (53,2 DDD/100 leitos-dia em 2015) e teve o maior custo total, representou 55,4% do custo total em 2015. Conclusão: O consumo de opioides mostrou uma tendência crescente durante o período de cinco anos, fentanil substituiu morfina como o opioide mais usado. Em geral, o uso diminuído de analgésicos foi devido à tendência decrescente do consumo de produtos anti-inflamatórios e antirreumáticos não esteroides.
Descritores: Dor/tratamento farmacológico
Analgésicos/administração & dosagem
Analgésicos Opioides/administração & dosagem
Anti-Inflamatórios/administração & dosagem
-Anti-Inflamatórios não Esteroides/administração & dosagem
Fentanila/administração & dosagem
Estudos Retrospectivos
Antirreumáticos/administração & dosagem
Relação Dose-Resposta a Droga
Uso de Medicamentos/tendências
Hospitais de Ensino
Morfina/administração & dosagem
Limites: Humanos
Responsável: BR1.1 - BIREME


  9 / 1142 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: biblio-828132
Autor: Bonella, Gislaine Ferraresi; Fontes, Astrídia Marília de Souza; Jorge, Miguel Tanús; Silveira, Alexandre Barcelos Morais da.
Título: Assessment of an intervention aimed at early discontinuation of intravenous antimicrobial therapy in a Brazilian University hospital
Fonte: Braz. j. infect. dis;20(5):462-467, Sept.-Oct. 2016. tab.
Idioma: en.
Resumo: Abstract Many interventions demonstrate success in adapting the duration of intravenous antibiotic therapy, but few studies have been conducted in developing countries. The aim of this study was to evaluate the effectiveness of an intervention in the induction of early discontinuation of intravenous antimicrobial therapy and/or its switch to oral therapy. The study employed a before–after intervention design that consisted of displaying a message in the computerized prescription on the third day and suspension of the prescription on the fifth day of intravenous antimicrobial therapy. A total of 465 patients were followed during the control period (CP) and 440 in the intervention period (IP). The intravenous therapy was switched to oral therapy for 11 (2.4%) patients during the CP and 25 (5.7%) in the IP (p = 0.011), and was discontinued for 82 (17.6%) patients during the CP and 106 (24.1%) in the IP (p = 0.017). During the IP there was a significant increase of patients who had their antimicrobial treatment discontinued before the seventh day of intravenous treatment, 37.40% (49/131) in the IP and 16.13% (15/93) in the CP (p = 0.0005). The duration of intravenous antimicrobial therapy decreased by one day, but it was not significant (p = 0.136). It is concluded that the proposed intervention is effective in promoting the early discontinuation of antimicrobial treatment and/or switch to oral therapy. As long as a computerized system for prescription already exists, it is easy and inexpensive to be implemented, especially in hospitals in developing countries.
Descritores: Administração Intravenosa/métodos
Hospitais Universitários
Antibacterianos/administração & dosagem
-Prescrições de Medicamentos
Fatores de Tempo
Brasil
Esquema de Medicação
Administração Oral
Estudos Prospectivos
Reprodutibilidade dos Testes
Resultado do Tratamento
Estatísticas não Paramétricas
Uso de Medicamentos/estatística & dados numéricos
Tempo de Internação
Limites: Humanos
Masculino
Feminino
Adulto
Pessoa de Meia-Idade
Idoso
Adulto Jovem
Tipo de Publ: Estudo de Avaliação
Responsável: BR1.1 - BIREME


  10 / 1142 LILACS  
              first record previous record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Texto completo
Id: biblio-1048520
Autor: Oliveira, Aline Maria de; Lopes, Alana Gail; Magalhães, Taís Chaves; Carlo, Hugo Lemes; Carvalho, Fabíola Galbiatti de.
Título: Os medicamentos infantis podem causar erosão na superfície de dentes decíduos? Revisão sistemática da literatura / Can child medications cause erosion on the surface of deciduous teeth? A systematic review of literature
Fonte: HU rev;45(1):65-75, 2019.
Idioma: pt.
Resumo: Introdução: A erosão dentária é caracterizada por uma perda progressiva e irreversível dos tecidos dentários mineralizados que ocorre sem envolvimento bacteriano. Acredita-se que o uso frequente de medicamentos líquidos orais, em crianças, possa desenvolver erosão dentária visto que esses medicamentos apresentam, em sua maioria, pH ácido, que pode atuar como fator predisponente ao desenvolvimento da erosão dentária. Objetivo: O presente estudo avaliou os efeitos do uso de medicamentos líquidos orais na estrutura de dentes decíduos por meio de revisão sistemática da literatura. Material e Métodos: Foi realizada pesquisa de artigos científicos, em março de 2018, nas bases de dados PubMed e Web of Science utilizando descritores específicos para a pesquisa, de modo a avaliar, descritivamente, a seguinte pergunta "Os medicamentos infantis de uso contínuo podem causar erosão na superfície de dentes decíduos?" Foram encontrados 278 artigos na base de dados Pubmed e 41 na base Web of Science, dos quais 18 artigos eram coincidentes, assim 301 títulos e resumos foram lidos e analisados. Destes, 293 foram excluídos de modo que 8 artigos foram selecionados para análise crítica. Resultados: Os medicamentos líquidos de uso contínuo, geralmente utilizados para o tratamento de condições crônicas em crianças, promovem efeito erosivo sobre a estrutura dentária, principalmente quando relacionado ao pH e acidez titulável dos medicamentos, por avaliação de estudos conduzidos "in vitro". Conclusão: Torna-se necessária a realização de estudos clínicos para avaliação mais adequada do efeito erosivo de medicamentos infantis na superfície de dentes decíduos.

Introduction: Dental erosion is characterized by a progressive and irreversible loss of mineralized dental tissues that occurs without bacterial involvement. It is believed that the frequent use of oral liquid medicines in children can develop dental erosion since the majority of these medications has acidic pH, which can act as a predisposing factor for dental erosion development. Objective: The present study evaluated the effects of the use of liquid oral medications on the structure of deciduous teeth by a systematic review of literature. Material and Methods: We conducted a survey of scientific articles in PubMed and Web of Science databases on March 2018, using specific descriptors for the research, in order to evaluate descriptively the following question: "Children's medicines for continuous use may cause erosion on the surface of deciduous teeth?". We found 278 articles in the PubMed database and 41 in the Web of Science database, of which 18 articles were matched, so 301 titles and abstracts were read and analyzed. Of these, 293 were excluded. Thus, 8 articles were selected for the critical analysis. Results: Liquid medications of continuous use, generally used for the treatment of chronic conditions in children, promoted erosive effect on dental structure, especially when related to pH and titratable acidity of the drugs in in vitro studies. Conclusion:It is necessary to carry out clinical studies for a more adequate evaluation of the erosive effect of children's medicines on the surface of deciduous teeth.
Descritores: Dente Decíduo
Erosão Dentária
Preparações Farmacêuticas
Criança
Administração Oral
Desmineralização do Dente
Assistência Odontológica para Crianças
Uso de Medicamentos
Limites: Humanos
Masculino
Feminino
Pré-Escolar
Criança
Tipo de Publ: Revisão Sistemática
Responsável: BR378.1 - Biblioteca Central



página 1 de 115 ir para página                         
   


Refinar a pesquisa
  Base de dados : Formulário avançado   

    Pesquisar no campo  
1  
2
3
 
           



Search engine: iAH v2.6 powered by WWWISIS

BIREME/OPAS/OMS - Centro Latino-Americano e do Caribe de Informação em Ciências da Saúde