Base de dados : LILACS
Pesquisa : N04.590.374.034 [Categoria DeCS]
Referências encontradas : 39 [refinar]
Mostrando: 1 .. 10   no formato [Detalhado]

página 1 de 4 ir para página            

  1 / 39 LILACS  
              next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: biblio-1056568
Autor: Schorr, Vanessa; Sebold, Luciara Fabiane; Santos, José Luís Guedes dos; Nascimento, Keyla Cristiane do; Matos, Thaís Alves.
Título: Passagem de plantão em um serviço hospitalar de emergência: perspectivas de uma equipe multiprofissional / Shift turn in a hospital emergency service: perspectives of a multiprofessional team / Entrega del turno en el servicio de urgencia y emergencia: perspectivas de un equipo multiprofesional
Fonte: Interface (Botucatu, Online);24:e190119, 2020.
Idioma: pt.
Resumo: Objetivou-se conhecer a perspectiva da equipe multiprofissional sobre a passagem de plantão no serviço de emergência de um hospital universitário. Estudo exploratório e descritivo, com abordagem qualitativa. Foram entrevistados 15 integrantes da equipe multiprofissional. Por meio da técnica de análise de conteúdo, identificaram-se duas categorias: importância da participação ativa da equipe multiprofissional para o momento da passagem de plantão; e ausência de padronização das informações na passagem de plantão para a segurança do paciente na continuidade do cuidado. Os resultados apontam pouca contribuição da equipe multiprofissional na passagem de plantão, podendo estar relacionada com a cultura organizacional. A confiança interprofissional, a promoção de espaço que favoreça a contribuição da equipe multiprofissional com falas e momentos para tirar dúvidas e a assiduidade da equipe são aspectos abordados como facilitadores para uma passagem de plantão efetivamente multiprofissional.(AU)

The aim of the study was to learn more about the multiprofessional team's perspective on shift turn in the emergency service of a university hospital. This was an exploratory and descriptive study with qualitative approach. A total of 15 members of the multiprofessional team were interviewed. Using the content analysis technique, two categories were identified: importance of the multiprofessional team's active participation in the shift turn, and lack of information standardization in the shift turn for the patient's safety in the continuity of care. The results indicate low contribution of the multiprofessional team in the shift turn, being possibly related to the organizational culture. Interprofessional trust, promotion of a space that favors the multiprofessional team contribution to discourses and moments to answer questions, and the team's assiduity are considered facilitators of an effectively multiprofessional shift turn.(AU)

El objetivo del estudio fue conocer la perspectiva del equipo multiprofesional sobre el cambio de turno en el servicio de urgencias de un hospital universitario. Estudio exploratorio y descriptivo, con abordaje cualitativo. Fueron entrevistados 15 integrantes del equipo multiprofesional. Por medio de la técnica de análisis de contenido se identificaron dos categorías: Importancia de la participación activa del equipo multiprofesional para el momento del paso de turno; Ausencia de estandarización de las informaciones en el paso de turno para la seguridad del paciente en la continuidad del cuidado. Los resultados señalan poca contribución del equipo multiprofesional en el cambio de turno, pudiendo estar relacionado con la cultura organizacional. La confianza interprofesional, la promoción de espacio que favorezca la contribución del equipo multiprofesional con diálogos y momentos para solucionar duras y la asiduidad del equipo son aspectos abordados como facilitadores para un cambio de turno efectivamente multiprofesional.(AU)
Descritores: Equipe de Assistência ao Paciente
Comunicação
Plantão Médico/ética
Serviço Hospitalar de Emergência
-Brasil
Entrevistas como Assunto
Hospitais Universitários
Limites: Humanos
Responsável: BR33.1 - Divisão Técnica de Biblioteca e Documentação


  2 / 39 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Texto completo
Id: biblio-1340417
Autor: Macêdo, Shirley; Nunes, Ana Lícia Pessoa; Duarte, Milena Vitor Gama.
Título: Escuta clínica, triagem e plantão psicológico em um serviço-escola Pernambucano / Clinical listening, screening and psychological support on a school clinic in Pernambuco / Escucha clínica en clasificación y turno psicológico en un servicio escuela Pernambucano
Fonte: Psicol. ciênc. prof;41:e219706, 2021.
Idioma: pt.
Resumo: Resumo Esta pesquisa teve como objetivo geral compreender experiências de escuta clínica nas modalidades de triagem e plantão psicológico entre estudantes lotados em um serviço-escola de Pernambuco. Os objetivos específicos foram descrever sentidos dessas experiências, investigar como eles percebiam a formação recebida para ofertarem esses serviços, como também identificar dificuldades enfrentadas nos processos e estratégias utilizadas para dirimi-las. Utilizou-se o método da hermenêutica colaborativa, e 18 colaboradores, subdivididos em quatro grupos de discussão, responderam a uma entrevista aberta com pergunta disparadora. Os resultados foram analisados em uma perspectiva fenomenológica, revelando que os estudantes enfrentavam dificuldades como desarticulação entre teoria e prática, manejo do tempo, angústia e insegurança inicial, além de falta de suporte estrutural recebido pelo serviço-escola para ofertar tais serviços. No entanto era possível a eles desenvolver a escuta, deixando-a fluir na condução dos processos em direção às demandas dos clientes. Diante de estratégias como capacitação ofertada pelo serviço-escola, suporte emocional recebido pelas equipes de supervisão e seus próprios processos pessoais, conseguiam enfrentar as dificuldades encontradas durante a formação, sentindo-se, apesar de tudo, valorizados e reconhecidos pelo serviço prestado. Concluiu-se, principalmente, a importância de inserir estudantes em serviços-escola em práticas anteriormente ao estágio obrigatório e em diversas modalidades de porta de entrada, desde que tais estratégias estejam integradas ao projeto pedagógico do curso, cabendo à instituição oferecer uma formação que, efetivamente, articule teoria e prática nas experiências cotidianas do estudante no processo de vivenciar e aprimorar sua escuta clínica ao tornar-se psicólogo.(AU)

Abstract This research aims to understand experiences of clinical listening in the modalities of screening and psychological support among students at a school clinic in the state of Pernambuco, Brazil. With that, the study sought to describe the feelings arising from these experiences, investigating how students perceived the adequacy of the academic education to offer these services and identifying hardships faced in the processes, as well as strategies adopted for solving them. Using the collaborative hermeneutics method, 18 collaborators were subdivided into four discussion groups and submitted to an open interview with a triggering question. The results wereanalyzedin a phenomenologicalperspective, revealing that students experienced difficulties regarding disarticulation between theory and practice, time management, anguish, insecurity, and lack of structural support received from the school to offer such services. Despite these factors, the students managed to develop clinical listening skills, letting it flow according to patients' demands. The training offered by the school service, the emotional support received by supervisory teams, and their own personal processes enabled students to face the problems encountered during their formation, feeling valued and recognized for the service provided. The results denote the importance of promoting practices of clinical listening among students at school clinics before they attend the mandatory internship, provided that such strategies are integrated to the pedagogical project. Thus, the institution must offer a formation that effectively integrate theory and practice, improving students' process of clinical listening.(AU)

Resumen Esta investigación tuvo como objetivo general comprender experiencias de escucha clínica en las modalidades de clasificación y turno psicológico entre estudiantes de un servicio escolar en Pernambuco. Los objetivos específicos fueron desde exponer el sentido de estas experiencias, investigar cómo percibían la formación para ofrecer esos servicios, así como identificar las dificultades encontradas y estrategias para solucionarlas. Utilizándose el método de la hermenéutica colaborativa y 18 colaboradores, subdivididos en cuatro grupos de discusión, contestaron a una entrevista abierta con una pregunta desencadenante. Se analizaron los resultados de una perspectiva fenomenológica, revelando que enfrentaron dificultades como desarticulación entre teoría y práctica, manejo del tiempo, angustia e inseguridad inicial, además de la falta de soporte estructural recibido por la escuela. Sin embargo, les fue posible desarrollar la escucha, dejándola fluir en los procesos clínicos según la demanda del cliente. Se utilizó estrategias como capacitación ofrecida por la escuela, soporte emocional por la supervisión y sus procesos personales propios, lograron enfrentar las dificultades encontradas durante la formación; sintiéndose, a pesar de todo, valorados y reconocidos por el servicio realizado. Se concluyó, principalmente, en la importancia de añadir a los estudiantes en los servicios escolares con prácticas anteriores a las obligatorias y en varias modalidades de integración, siempre que esas estrategias se incorporen en el proyecto pedagógico del curso, correspondiendo a la institución ofrecer una formación que articule efectivamente la teoría y práctica en las experiencias diarias del alumno en el proceso de experimentar y mejorar su escucha clínica al convertirse en psicólogo.(AU)
Descritores: Prática Psicológica
Psicologia
Pesquisa
Triagem
Cuidados Médicos
Plantão Médico
-Ansiedade
Atenção Primária à Saúde
Estudantes
Tempo
Apoio ao Desenvolvimento de Recursos Humanos
Gerenciamento do Tempo
Emoções
Intervenção Psicossocial
Hospitais de Ensino
Limites: Humanos
Masculino
Feminino
Tipo de Publ: Relatos de Casos
Responsável: BR1552.1 - Biblioteca Central


  3 / 39 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: biblio-1354081
Autor: Ortolan, Maria Lúcia Mantovanelli; Sei, Maíra Bonafé.
Título: Plantão psicológico on-line: a experiência da Clínica Psicológica da UEL no contexto da Covid-19 / Online psychological emergency attendance: the experience of UEL's Psychological Clinic in the context of Covid-19
Fonte: Rev. Bras. Psicoter. (Online);23(3):21-31, 2021.
Idioma: pt.
Resumo: O mundo encontra-se em uma crise sanitária causada pela pandemia da Covid-19 que requer cuidados em todos os âmbitos: social, econômico, ambiental, político, educacional e de saúde, inclusive saúde mental. Por meio de um relato de experiência, este artigo objetivou evidenciar os alcances e limites do uso da tecnologia na oferta do serviço de Plantão Psicológico on-line da Clínica Psicológica da Universidade Estadual de Londrina. Os alcances desta prática se mostraram importantes para a escuta e o acolhimento do sofrimento psíquico ocasionado pela pandemia, principalmente aos estudantes da universidade que estão lidando com inseguranças e frustrações, tendo seus projetos de vida atravessados pelo novo cenário mundial. Alguns limites do Plantão Psicológico on-line foram elencados, principalmente em relação às intercorrências tecnológicas. Espera-se que esta experiência narrada inspire outros serviços a ofertarem esse tipo de atendimento, ou aprimorarem sua oferta, em tempos pandêmicos, a fim contribuir com a saúde mental da população.(AU)

The world is in a health crisis caused by the Covid-19 pandemic that requires care in all areas: social, economic, environmental, political, educational and health, including mental health. Through an experience report, this article aimed to highlight the scope and limits of the use of technology in offering the online Psychological Emergency Attendance service of the Psychological Clinic of the State University of Londrina. The scope of this practice proved to be important for listening to and welcoming the psychological suffering caused by the pandemic, especially to university students who are dealing with insecurities and frustrations, with their life projects crossed by the new world scenario. Some service limits were listed, mainly in relation to technological complications. It is hoped that this experience will inspire other services to offer this type of care, or improve their offer, in times of pandemic, in order to contribute to the mental health of the population.(AU)

El mundo se encuentra en una crisis de salud provocada por la pandemia de Covid-19 que requiere atención en todos los ámbitos: social, económico, ambiental, político, educativo y sanitario, incluida la salud mental. A través de un relato de experiencia, este artículo tuvo como objetivo resaltar los alcances y límites del uso de la tecnología en la oferta del servicio de Guardia Psicológica en línea de la Clínica Psicológica de la Universidad Estatal de Londrina. El alcance de esta práctica resultó ser importante para escuchar y acoger el sufrimiento psicológico provocado por la pandemia, especialmente a los universitarios que enfrentan inseguridades y frustraciones, con sus proyectos de vida atravesados por el nuevo escenario mundial. Se enumeraron algunos límites de la Guardia Psicológica en línea, principalmente con relación a las complicaciones tecnológicas. Se espera que esta experiencia narrada inspire a otros servicios a ofrecer este tipo de atención, o mejorar su oferta, en tiempos de pandemia, con el fin de contribuir a la salud mental de la población.(AU)
Descritores: Psicologia Clínica
Saúde Mental
Telemedicina
COVID-19
-Plantão Médico
Tipo de Publ: Relatos de Casos
Responsável: BR556.1 - Biblioteca Centro de Estudos Luis Guedes


  4 / 39 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: biblio-1287641
Autor: Barbosa, Fabio; Casarini, Karin Aparecida.
Título: Intervenções em plantão psicológico humanista-fenomenológico: pesquisa em serviço-escola / Conductas terapéuticas en guardia psicológica humanista-fenomenológico: investigación en escuela clínica / Interventions in humanistic-phenomenological psychological duty: research in school-clinics
Fonte: Psicol. Estud. (Online);26:e46700, 2021.
Idioma: pt.
Resumo: RESUMO O plantão psicológico é uma modalidade de atenção clínica em psicologia que disponibiliza atendimentos imediatos sem restrição de demanda. Ainda, o trabalho especializado oferecido pelo psicólogo consegue identificar os recursos pessoais do cliente para lidar com sua demanda e promover sua saúde sem necessidade de assistência intensiva. Para os demais casos, encaminhamentos e orientações permitem acionar outros serviços apropriados. Este trabalho teve como objetivo identificar e compreender as intervenções empregadas por um plantonista. A partir de análise de conteúdo de registros documentais de seis casos atendidos na modalidade de plantão psicológico realizado em uma clínica-escola e utilizando as matrizes teóricas da psicologia humanista-fenomenológica, foram identificadas e discutidas três unidades significativas a respeito das intervenções empregadas, nomeadas de reflexão, cuidado e explicação. Foi possível, então, relacionar as intervenções a uma facilitação de processo terapêutico e de ajuda ao cliente, encaminhando-o para um posicionamento mais pessoal e consciente. Houve a configuração de um ambiente de empatia e de aceitação incondicional em que os afetos puderam ser recebidos pelo plantonista com uma postura coerente e sensível. Somado a isso, foi possível desenvolver uma relação de aproximação entre o cliente e suas experiências, favorecendo ressignificações e maior consciência sobre seus modos de estar no mundo, logo uma condição mais autônoma e autêntica de existência. Por fim, algumas contribuições foram apresentadas e alguns temas centrais problematizados para dar corpo e movimento às pesquisas acerca do plantão psicológico.

RESUMEN La guardia psicológica es una modalidad de atención clínica en psicología que ofrece atendimientos inmediatos sin restricción de demanda. Además, el trabajo especializado ofrecido por el psicólogo logra identificar los recursos personales del cliente para lidiar con su demanda y promover su salud sin necesidad de asistencia intensiva. Para los demás casos, las remisiones y las orientaciones permiten accionar otros servicios apropiados. En esta investigación se tuvo como objetivo identificar y entender las intervenciones empleadas por un psicólogo de guardia. A partir de análisis de contenido de registros documentales de seis casos atendidos en la modalidad de guardia psicológica realizado en una escuela clínica y utilizando el enfoque de la psicología humanista-fenomenológica, fueron identificadas y discutidas tres unidades significativas respecto de las intervenciones empleadas, denominadas de reflexión, cuidado y explicación. Es posible, entonces, relacionar las conductas a una facilitación de proceso terapéutico y de ayuda al cliente, encaminándolo hacia un posicionamiento más personal y consciente. Hubo la configuración de un ambiente de empatía y de consideración positiva incondicional en que los afectos pudieron ser recibidos por el psicólogo de guardia con una postura coherente y sensible. Al sumado a ello, fue posible desarrollar una relación de acercamiento entre el cliente y sus experiencias, favoreciendo resignificaciones y mayor conciencia sobre sus modos del estar en el mundo, luego una condición más autómata y auténtica de existencia. Por último, algunas contribuciones fueron presentadas y algunos temas centrales problematizados para dar cuerpo y movimiento a las investigaciones acerca de la guardia psicológica.

ABSTRACT Psychological duty is a modality of clinical attention in psychology that makes available immediate appointments without restriction of requests. In addition, the specialized work offered by the psychologist is able to identify the personal resources of the client in order to deal with their request, and to promote their health without the need for intensive care. For the balance of the other cases, referral reports and guidance enable the activation of other appropriate services. This work aimed to identify and to understand the interventions employed by a psychologist on duty. Starting from the content cnalysis of records of six cases attended by the psychological duty schedule performed in a school-clinic, and by the use of the humanistic-phenomenological approach in psychology, three categories were identified and discussed regarding the interventions employed, namely reflections, care, and explanation. Thus, it was possible to relate the actions to a facilitator of the therapeutic process and help the attended person, leading them to a more personal and aware position. There is a setting of an empathic environment, and of unconditional positive regard in which the affections could be received by the psychologist on duty from a coherent and sensible posture. Added to this, it was possible to develop a proximity relationship between the attended person and their life experiences, favoring resignifications and a greater awareness of their ways of being in the world, so, a more autonomous and authentic condition of existence. Finally, some contributions were presented, and some core topics problematised in order to embody and give movement to the research about the psychological duty.
Descritores: Psicologia Clínica/métodos
Condutas Terapêuticas
Pacotes de Assistência ao Paciente/psicologia
-Psicologia
Afeto
Plantão Médico
Recursos em Saúde
Acontecimentos que Mudam a Vida
Limites: Humanos
Masculino
Feminino
Responsável: BR513.1 - Biblioteca Central


  5 / 39 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: biblio-1281500
Autor: Pena, Mileide Morais.
Título: Ocorrência de eventos adversos e sua relação com o fator comunicação em um hospital universitário / Occurrences of adverse events and their relation with the communication factor in a university hospital.
Fonte: São Paulo; s.n; 2015. 195 p.
Idioma: pt.
Tese: Apresentada a Universidade de São Paulo para obtenção do grau de Doutor.
Resumo: Anualmente, dezenas de milhões de pacientes sofrem lesões incapacitantes ou morte devido a eventos adversos no mundo. Inúmeros são os fatores que contribuem para tal, dentre eles, as falhas de comunicação. Objetivos: identificar as não conformidades referentes aos eventos adversos: erro de medicação, flebite, queda e úlcera por pressão (UPP) que causaram dano permanente ou temporário, no triênio 2011-2013; analisar as causas raízes dos eventos adversos; estratificar os eventos relacionados às falhas de comunicação e avaliar se eram evitáveis. Método: Estudo quantitativo e exploratório-descritivo com coleta retrospectiva dos dados, desenvolvido em um hospital universitário, cuja amostra foi de 263 Relatórios de Não Conformidade. A análise dos dados ocorreu pela estatística descritiva e testes específicos. Resultados: Os eventos foram distribuídos em 39,9% de flebites, 32,7% de erros de medicação, 16% de UPP e 11,4% de quedas. A média de idade dos pacientes foi de 52,04 anos. 39,5% dos eventos ocorreram no plantão da manhã, sendo 33,1% nas UTI. Na maioria dos eventos, houve o envolvimento de mais de um profissional e, na análise de causa raiz, a maioria dos eventos apresentou mais de uma causa. 98,9% dos eventos resultaram em dano temporário e 69,2% foram considerados evitáveis. Na análise do fator comunicação, 71% dos eventos evidenciaram falha de comunicação.No erro de medicação, a prevalência foi de 53,5% com falhas na comunicação verbal e escrita; nas quedas, 36,7% apresentaram falha na comunicação verbal; nas UPP, 52,4% com falhas na comunicação verbal e escrita; nas flebites, falha na comunicação escrita em 37,1% dos eventos. Os auxiliares/técnicos de enfermagem participaram de 98,1% dos eventos com falhas na comunicação escrita. 96,8% dos eventos relacionados aos profissionais apresentaram falhas de comunicação verbal e escrita. Dos eventos que apresentaram falha de comunicação verbal, 97,5% resultaram em danos temporários. Dentre os eventos que apresentaram falha de comunicação, 82,3% foram considerados evitáveis. Conclusões: Os achados deste estudo contribuem para o aperfeiçoamento dos processos de trabalho em saúde e enfermagem, ensino e pesquisa, direcionando as ações dos gestores para a implantação de melhores práticas e a capacitação contínua dos profissionais.

Every year, tens of millions of patients suffer incapable hurting or they die from adverse events all over the world. Several factors are the causes of the events and the miscommunication is one of them. Objectives: to identify the no-conformities related to the adverse events: medication error, phlebitis, fall and pressure ulcer which caused permanent or temporary damage from 2011 to 2013; to analyze the root causes of the adverse events; to stratify the events related to miscommunication and to evaluate if they could be avoided. Methodology: Exploratory-descriptive-quantitative-study with retrospective data collection developed in a university hospital whose sample was provided by 263 Non Compliance Reports. The analysis was based on descriptive statistics and specific tests. Results: The events were divided up into 39.9 % of phlebitis, 32.7% of medication errors, 16% of pressure ulcer and 11.4% of falls. The average age of the patients was 52.04 years old. 39.5% of the events took place in the morning, 33.1% of them in intensive care units. In the most part of the events, there were at least two professionals involved. About the root cause, the most part of the events had more than one cause. 98.9% of the events resulted in temporary damages and 69.2% were considered avoidable. Analyzing the communication factor, 71% of the events revealed miscommunication existence.For errors in medication, 53.5% represent verbal and written communication failure; 36.7 % of the cases of falls presented verbal communication failure; 52.4% of the pressure ulcer had verbal and written communication failures; 37.1% of the phlebitis cases had written communication failures. The nursing assistants/technicians participated in 98.1% of the events with written communication failures. 96.8% of the events related to workers had verbal and written communication failures. There were temporary damages in 97.5% of the events in which there was the verbal communication failure. 82.3% of the events with verbal communication failure could be avoided. Conclusions: The findings resulted from this study can improve working, teaching and researches in health and nursing and also guide the managers for better practices and training of their staffs.
Descritores: Plantão Médico
-Comunicação
Hospitais Universitários
Responsável: BR41.1 - Biblioteca Wanda de Aguiar Horta
BR41.1


  6 / 39 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: biblio-897460
Autor: Gonçalves, Mariana Itamaro; Rocha, Patrícia Kuerten; Souza, Sabrina de; Tomazoni, Andréia; Paz, Bruno Pereira Dal; Souza, Ana Izabel Jatobá de.
Título: Segurança do paciente e passagem de plantão em unidades de cuidados intensivos neonatais / Seguridad del paciente y cambio de turno en unidades de cuidados intensivos neonatales / Patient safety and change-of-shift reporting in neonatal intensive care units
Fonte: Rev. baiana enferm;31(2):e17053, 2017. graf.
Idioma: pt.
Resumo: Objetivo identificar como a segurança do paciente é contemplada na passagem de plantão de equipes de Enfermagem em Unidades de Cuidados intensivos neonatais. Método pesquisa quantitativa, exploratório-descritiva realizada entre 2012 e 2014. Amostra constituída por 51 observações não participantes em três Unidades de Cuidados Intensivos Neonatais, mediante formulário de observação, notas de campo e gravações em áudio. Para análise de dados, utilizou-se frequência absoluta e relativa. Resultados foram verificados comportamentos não benéficos à segurança do paciente durante a passagem de plantão, como os atrasos, saídas antecipadas, conversas paralelas e não utilização de recursos tecnológicos. Conclusão existe o reconhecimento, por parte dos profissionais de Enfermagem, da importância da passagem de plantão de forma que se garanta a continuidade e a segurança das ações de cuidado instituídas. No entanto, algumas práticas mostraram-se frágeis e mudanças são necessárias para garantir segurança e nortear as práticas de cuidados realizadas.

Objetivo identificar como la seguridad del paciente es chequeada en el cambio de turno de equipos de enfermería en Unidades de Cuidados Intensivos Neonatales. Método investigación cuantitativa, exploratorio-descriptiva, efectuada entre 2012 y 2014. Muestra compuesta por 51 observaciones no participantes en tres Unidades de Cuidados Intensivos Neonatales, mediante formulario de observación, notas de campo y grabaciones en audio. Se utilizaron frecuencias absolutas y relativas para analizar los datos. Resultados se verificaron comportamientos no benéficos a la seguridad del paciente durante el cambio de turno, como retrasos, salidas tempranas, conversaciones paralelas y no utilización de recursos tecnológicos. Conclusión hay el reconocimiento, por parte de los profesionales de enfermería, de la importancia del cambio de turno de forma que se garantice la continuidad y la seguridad de las acciones de cuidado establecidas. Sin embargo, algunas prácticas se mostraron frágiles, lo que requiere cambios para garantizar seguridad y orientar las prácticas de cuidado.

Objective to identify how patient safety is contemplated in shift reporting of nursing teams in Neonatal Intensive Care Units. Method quantitative, exploratory-descriptive study conducted between 2012 and 2014. The sample consisted of 51 non-participant observations in three Neonatal Intensive Care Units using an observation form, field notes and audio recordings. Absolute and relative frequencies were used in data analysis. Results non-beneficial behaviors such as delays, early departures, parallel conversations and non-use of technological resources were observed during the shifts. Conclusion nursing professionals recognize the importance of change-of-shift reporting to ensure the continuity and the safety of care actions. However, some practices proved to be fragile and changes are necessary to ensure safety and to guide the care practices performed.
Descritores: Enfermagem Neonatal
Plantão Médico
Segurança do Paciente
-Unidades de Terapia Intensiva Neonatal
Limites: Humanos
Recém-Nascido
Responsável: BR21.2 - BVS Enfermería


  7 / 39 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: biblio-1037976
Autor: Corpolato, Roselene de Campos.
Título: Proposta de padronização da passagem de plantão em unidade de terapia intensiva geral adulto / Proposal for the standardization of the shift in an adult general intensive care unit.
Fonte: Curitiba; s.n; 20170720. 93 p. ilus.
Idioma: pt.
Tese: Apresentada a Universidade Federal do Paraná para obtenção do grau de Mestre.
Resumo: A passagem de plantão é uma atividade da equipe de enfermagem que possibilita o planejamento do cuidado e a continuidade da assistência, além de promover a comunicação efetiva entre os membros da equipe e a segurança do paciente. A utilização de instrumentos padronizados para auxiliar esta atividade, pode minimizar falhas e garantir que informações essenciais, referentes aos cuidados, sejam transmitidas. Nesta pesquisa objetivou-se padronizar a passagem de plantão em uma Unidade de Terapia Intensiva (UTI) adulto por meio da elaboração e validação de um instrumento de registro de informações e um Procedimento Operacional Padrão (POP). Trata-se de uma Pesquisa-Ação realizada no período de agosto de 2015 a junho de 2017. Os participantes foram 15 enfermeiros, sendo 11 atuantes no serviço e quatro enfermeiros especialistas em Cuidados Intensivos e Urgências e Emergências. Para a coleta de dados utilizou-se um questionário semiestruturado com questões acerca da temática de interesse, foram realizadas reuniões com os participante e validação com especialistas. Nesta etapa foi utilizada Técnica Delphi on-line modificada. Para o tratamento dos dados foi utilizado Discurso do Sujeito Coletivo (DSC), análise descritiva e Índice de Validade de Conteúdo. Foi desenvolvido três DSC, com as ideias centrais: "A passagem de plantão como garantia da continuidade da assistência", "A passagem de plantão como meio para o planejamento da assistência de enfermagem" e "A passagem de plantão como ferramenta para a organização do trabalho". Foi elaborado um checklist que após testagem, resultou em um instrumento semiestruturado. O instrumento foi validado em aparência, clareza, adequabilidade e conteúdo com IVC=1,0. Os itens que compuseram o instrumento foram, identificação, diagnóstico, estado clínico, medicações, dieta, eliminações, pele, dispositivos, drenos, cateteres, observações e intercorrência, também foi desenvolvido um POP que definiu a modalidade, o tempo dispendido para a atividade e quais informações administrativas e organizacionais da unidade deveriam ser transmitidas na passagem de plantão. Concluiu-se que o instrumento auxilia na transmissão de informações durante a passagem de plantão fortalecendo a segurança do paciente mediante a padronização dessa atividade. O instrumento de passagem de plantão vem ao encontro do objetivo do estudo e das necessidades do serviço. Acredita-se que se utilizada corretamente, essa ferramenta pode melhorar o processo de passagem de plantão da UTI, minimizando os riscos de falhas no processo comunicativo.

The shift handover is a nursing team activity that makes possible the patient care planning and patient care continuity, still It can promote the effective communication among team members and patient safety. The utilization of standardized tools to help this activity, can minimize errors and ensure that essential information related to patient care, is communicated. The aim of this research was to standardize the shift handover in an adult Intensive Care Unit (ICU) through the elaboration and validation of an information record instrument and a Standard Operational Procedure (SOP). It is a research-action carried out from August 2015 to June 2017. The participants were fifteen nurses, of whom 11 were assistants and four were specialists in Intensive Care and Urgencies and Emergencies. For the data collection, a semi-structured questionnaire was used with questions about the theme of interest, meetings were held with the participants and validation with specialists, in this stage it was used the Modified Online Delphi Technique. For the data treatment It was used the Discourse of the Collective Subject (DCS), descriptive analysis and the Content Validity Index. Three DCS's were developed, with the main ideas: "The shift handover as a way to guarantee the continuity of care", "The shift handover as a way for the planning of nursing care" and "The shift handover as a tool for the organization of the duty". A checklist was created which, after testing, resulted in a semi-structured instrument. The instrument was validated in appearance, clarity, suitability and content with IVC = 1.0. The items that composed the instrument were: identification, diagnosis, clinical status, drugs, diet, eliminations, skin, devices, drains, catheters, observations and intercurrence, a SOP was also developed that defined the modality, the time spent for the activity and which administrative and organizational information from the unit should be communicated on the shift handover. It was concluded that the instrument helps in the transmission of information during the shift handover, enhancing patient safety through the standardization of this activity. The instrument of shift handover meets the aim of the study and the needs of the service. It is believed that using correctly, this tool can improve the ICU shift handover process, minimizing the risks of communicative process failures.
Descritores: Plantão Médico
Enfermagem
Equipe de Enfermagem
Segurança do Paciente
Unidades de Terapia Intensiva
-Continuidade da Assistência ao Paciente
Comunicação
Cuidados de Enfermagem
Qualidade da Assistência à Saúde
Limites: Humanos
Masculino
Feminino
Adulto
Responsável: BR501.1 - Biblioteca de Ciências da Saúde / Sede Botânico
BR501.1; 610.73, C822


  8 / 39 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: biblio-977632
Autor: Boska, Gabriella de Andrade; Oliveira, Márcia Aparecida Ferreira de; Claro, Heloísa Garcia; Araujo, Thalita Silva Gomes de; Pinho, Paula Hayasi.
Título: Night beds in psychosocial attention care centers for alcohol and drugs: analysis and characterization / Camas en centros de atención psicosocial alcohol y drogas: análisis y caracterización / Leitos em centro de atenção psicossocial álcool e drogas: análise e caracterização
Fonte: Rev. bras. enferm;71(supl.5):2251-2257, 2018. tab.
Idioma: en.
Resumo: ABSTRACT Objective: To analyze and characterize the use of night beds in a Psychosocial Attention Care Center for Alcohol and Drugs (Centro de Atenção Psicossocial Álcool e Drogas - CAPS ad). Method: It is a quantitative, documental, descriptive and retrospective study. Data were gathered from 565 medical records. An analysis of continuous variables was performed. Results: When admitted to the beds, most users (87.6%) consumed multiple substances daily and were vulnerable, specially in street situation (68.3%). These users were admitted on an average of two times, undergoing a previous evaluation by the nurse (85.8%), usually for detoxication or due to the vulnerable condition. They stayed in the center for an average of seven days and 31.1% did not finish what was proposed. For a few cases, hospital support was needed. Overall, discharges were planned, but the return happened without booking. Conclusion: Social issues cut through the use of night beds, however, it is a therapeutic resource that meets significant demands and is present in the daily lives of vulnerable users as a comprehensive care.

RESUMEN Objetivo: Analizar y caracterizar la utilización de las camas de acogida nocturna en un Centro de Atención Psicosocial Alcohol y Drogas (CAPS ad). Método: Estudio de enfoque cuantitativo, documental, descriptivo y retrospectivo. Los datos fueron recogidos en 565 prontuarios y se realizó un análisis de las variables continuas. Resultados: En el momento de la admisión en cama, la mayoría de los usuarios consumía diariamente (87,6%) múltiples sustancias y se encontraba en vulnerabilidad, principalmente en situación de calle (68,3%). Fueron admitidos en promedio dos veces, con evaluación previa del enfermero (85,8%), generalmente para desintoxicación o por la propia condición vulnerable. Tuvieron una media de siete días de permanencia y el 31,1% no concluyó lo propuesto. En pocos casos se necesitó soporte hospitalario. En general, se planearon las altas, pero el retorno ocurrió sin programación. Conclusión: Cuestiones sociales pasan por el uso de las camas, sin embargo, es un recurso terapéutico que atiende demandas significativas y está presente en el cotidiano de los usuarios en vulnerabilidad como un cuidado integral.

RESUMO Objetivo: Analisar e caracterizar a utilização dos leitos de acolhimento noturno em um Centro de Atenção Psicossocial Álcool e Drogas (CAPS ad). Método: Estudo de abordagem quantitativa, documental, descritivo e retrospectivo. Dados coletados em 565 prontuários. Realizou-se análise das variáveis contínuas. Resultados: No momento da admissão em leito, a maioria dos usuários consumia diariamente (87,6%) múltiplas substâncias e encontrava-se em vulnerabilidade, principalmente em situação de rua (68,3%). Esses foram admitidos em média duas vezes, com avaliação prévia do enfermeiro (85,8%), geralmente para desintoxicação ou pela própria condição vulnerável. Tiveram uma média de sete dias de permanência e 31,1% não concluíram o proposto. Em poucos casos houve necessidade de suporte hospitalar. No geral as altas foram planejadas, mas o retorno ocorreu sem agendamento. Conclusão: Questões sociais perpassam o uso dos leitos, contudo é um recurso terapêutico que atende demandas significativas e está presente no cotidiano dos usuários em vulnerabilidade como um cuidado integral.
Descritores: Ocupação de Leitos/estatística & dados numéricos
Centros de Tratamento de Abuso de Substâncias/métodos
Plantão Médico/estatística & dados numéricos
-Brasil
Estudos Retrospectivos
Centros de Tratamento de Abuso de Substâncias/estatística & dados numéricos
Transtornos Relacionados ao Uso de Substâncias/terapia
Plantão Médico/métodos
Hospitalização/estatística & dados numéricos
Pessoa de Meia-Idade
Limites: Humanos
Masculino
Feminino
Adolescente
Adulto
Idoso
Responsável: BR1.1 - BIREME


  9 / 39 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: biblio-1127523
Autor: Aquino, Nayara Cristiny Gonçalves; Sei, Maíra Bonafé.
Título: Fatores terapêuticos em grupos abertos: um estudo qualitativo / Therapeutic factors in open groups: a qualitative study / Factores terapéuticos en grupos abiertos: un estudio cualitativo
Fonte: Vínculo;17(1):97-118, jan.-jun. 2020. ilus.
Idioma: pt.
Resumo: Os serviços-escola de Psicologia são espaços vinculados à formação de futuros psicólogos. Oferecem à população atendimentos psicológicos a baixos custos e/ou gratuitos e, com isso, filas de espera e abandono do tratamento. Entende-se, assim, ser relevante o desenvolvimento de estratégias de acolhimento imediato dos interessados tais como grupos abertos e plantão psicológico. A partir desse contexto, objetivou-se compreender a visão de usuários em relação a um grupo aberto para adultos realizado em um serviço-escola de Psicologia de uma universidade pública. Trata-se de uma pesquisa qualitativa, empreendida por meio de entrevistas semi dirigidas, com indivíduos que tivessem frequentado o grupo por um período mínimo de dois meses. Os resultados foram analisados e categorizados a partir dos Fatores Terapêuticos propostos por Yalom e Leszcz. Percebeu-se, a despeito de não possuírem uma finalidade psicoterapêutica a priori, a presença de fatores terapêuticos em operação nos grupos abertos investigados, sinalizando a importância quanto ao desenvolvimento de intervenções psicológicas dessa natureza nos serviços-escola de Psicologia.

Psychology school services are spaces linked to the formation of future psychologists. They offer low-cost and/or free psychological care to the population, thereby waiting lines and treatment abandonment. Thus, it is understood to be relevant the development of strategies for immediate reception of stakeholders such as open groups and psychological duty. From this context, the objective was to understand the view of users in relation to an open group for adults held in a psychology school service of a public university. This is a qualitative research, conducted through semi-directed interviews with individuals who had attended the group for a minimum of two months. The results were analyzed and categorized from the Therapeutic Factors proposed by Yalom and Leszcz. Despite the lack of a priori psychotherapeutic purpose, the presence of therapeutic factors at work in the open groups investigated, indicating the importance of the development of psychological interventions of this nature in the Psychology school services.

Los servicios de escuela de psicología son espacios vinculados a la formación de futuros psicólogos. Se ofrece atención psicológica gratuita o de bajo costo a la población, lo que genera colas y abandono del tratamiento. Por lo tanto, se entiende que es relevante el desarrollo de estrategias para la recepción inmediata de las partes interesadas, como los grupos abiertos y la guardia psicológica. Desde este contexto, el objetivo era comprender la opinión de los usuarios de un grupo abierto a adultos en un servicio escolar de psicología de una universidad pública. Esta es una investigación cualitativa, realizada a través de entrevistas semi direccionadas con personas que habían asistido al grupo durante un mínimo de dos meses. Los resultados fueron analizados y categorizados a partir de los factores terapéuticos propuestos por Yalom y Leszcz. A pesar de la falta de un propósito psicoterapéutico a priori, se investigó la presencia de factores terapéuticos en funcionamiento en los grupos abiertos, lo que indica la importancia del desarrollo de intervenciones psicológicas de esta naturaleza en los servicio de escuela de psicología.
Descritores: Terapia Psicanalítica
Psicologia
Instituições Acadêmicas
Terapêutica
Apoio ao Desenvolvimento de Recursos Humanos
Universidades
Estágio Clínico
Plantão Médico
Acolhimento
Limites: Humanos
Masculino
Feminino
Adulto
Pessoa de Meia-Idade
Responsável: BR26.1 - Biblioteca Central


  10 / 39 LILACS  
              first record previous record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: lil-576987
Autor: Penaforte, Maria Helena de Oliveira; Martins, Maria Manuela Ferreira Pereira da Silva.
Título: The visibility of hygiene self-care in nurse-to-nurse shift change reports / A visibilidade do autocuidado relativo à higiene na passagem de plantão dos enfermeiros / La visibilidad del autocuidado higiene en el cambio de turno de los enfermeros
Fonte: Rev. latinoam. enferm;19(1):131-139, Jan.-Feb. 2011.
Idioma: en.
Resumo: This study aimed to understand the visibility of hygiene care related to inpatients with compromised self-care through the nurse-to-nurse shift change report. A qualitative approach was used and data were collected through observation and semi-structured interviews. A total of 33 nurses from medical and surgical units were observed and eight of them were interviewed. The results indicate that the nurse-to-nurse shift change report is a cyclically recreated practice that results in group coherence in updating information and in the continuity of care, and keeps nurses united. Hygiene care activities are present in the shift change reports; they are frequent in the shift change from morning to afternoon and less frequent in the remaining. Information concerning these activities helps to determine the type of aid necessary to the continuity of hygiene and of many other care activities and the rhythm of the following shifts.

Objetivou-se compreender a visibilidade dos cuidados de higiene na informação da passagem de plantão, inerentes à pessoa internada com o autocuidado comprometido. Recorreu-se à abordagem qualitativa, utilizando-se a observação e a entrevista semiestruturada. Foram observados 33 enfermeiros, 8 dos quais foram entrevistados, provenientes de um serviço de medicina e outro de cirurgia. Dos achados, pode-se salientar que a passagem de plantão é prática recriada ciclicamente e aponta para o sentido de coerência do grupo na reatualização da informação, na continuidade dos cuidados e mantém unidos os enfermeiros. Os cuidados de higiene marcam presença nos relatos da passagem de plantão, com vínculo explícito na do turno das 14h30min e implícito nas restantes passagens. A informação sobre esses proporciona orientações para determinar o tipo de ajuda à sua continuação e a muitos outros cuidados, atividades e ritmo do turno seguinte.

El objetivo fue comprender la visibilidad de los cuidados de higiene en la información del cambio de turno, inherentes a la persona internada con el autocuidado comprometido. Se recurrió al abordaje cualitativo, utilizando la observación y la entrevista semiestructurada. Fueron observados 33 enfermeros, 8 de los cuales fueron entrevistados, provenientes de un servicio de medicina y otro de cirugía. De los hallazgos, se puede destacar que el cambio de turno es una práctica recreada cíclicamente y apunta para el sentido de coherencia del grupo en la reactualización de la información, la continuidad de los cuidados y mantiene unidos a los enfermeros. Los cuidados de higiene muestran su presencia en los relatos del cambio de turno, con vínculo explícito en el turno de las 14h30min e implícito en los restantes cambios. La información sobre estos proporciona orientaciones para la continuación de dichos cuidados, así como de los restantes cuidados, actividades y ritmo del próximo turno.
Descritores: Equipe de Enfermagem
Higiene
Pacientes Internados
Percepção
Plantão Médico
Limites: Humanos
Feminino
Responsável: BR26.1 - Biblioteca Central



página 1 de 4 ir para página            
   


Refinar a pesquisa
  Base de dados : Formulário avançado   

    Pesquisar no campo  
1  
2
3
 
           



Search engine: iAH v2.6 powered by WWWISIS

BIREME/OPAS/OMS - Centro Latino-Americano e do Caribe de Informação em Ciências da Saúde
WXIS|fatal error|unavoidable|recxref/read|