Base de dados : LILACS
Pesquisa : N06.850.780.325 [Categoria DeCS]
Referências encontradas : 107 [refinar]
Mostrando: 1 .. 10   no formato [Detalhado]

página 1 de 11 ir para página                         

  1 / 107 LILACS  
              next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Texto completo
Id: biblio-963905
Autor: Pithon, Matheus Melo; Santos, Rogério Lacerda; Del Rey, Nathali Cafeseiro; Batista, Vanessa; Carneiro Júnior, Bráulio.
Título: Evaluation of decontamination methods of blood/saliva in the bonding of orthodontic accessories / Avaliação de métodos de descontaminação de sangue/saliva na colagem de acessórios ortodônticos
Fonte: Biosci. j. (Online);31(3):969-975, may./jun. 2015.
Idioma: en.
Resumo: This study aimed to evaluate the best method for decontaminating tooth enamel contaminated with blood/saliva before bonding orthodontic accessories, since such contamination is commonly present in surgical procedures of extrusion/orthodontics. 195 bovine incisors were used. Initially their vestibular faces received prophylaxis, H3PO4 at 37% and adhesive application. After this, the vestibular faces of all the teeth were contaminated with blood/saliva. The teeth were then randomly divided into 13 groups (n=15), Group C (Control - without contamination and bonded according to manufacturer's recommendations) and 12 experimental groups according to the decontamination method: Group WD- without decontamination, Group DW- washed with distilled water, Group PS- washed with physiologic solution, Group JA- jets of air, Group G- gauze, Group CW- cotton wool, Group DW+JA- distilled water + jets of air, Group DW+G- distilled water + gauze, Group DW+CW- distilled water + cotton wool, Group PS+JAphysiologic solution + jets of air, Group PS+G- physiologic solution + gauze, Group PS+CW- physiologic solution + cotton wool. After bonding the shear bond strength test was performed on all the samples at a speed of 0.5mm/min. Data were analyzed statistically by ANOVA and Tukey's test at 5% significance level. The results demonstrated absence of statistical differences between the Control and Groups DW+JA and PS+JA (P>0.05). The groups that presented the lowest bond strength values were Group WD, in which no decontamination was performed, and Group PS in which specimens were washed with physiologic solution only. The best methods of decontaminating enamel contaminated with blood/saliva were washing with distilled water or physiologic solution followed by drying with jets of air.

O presente estudo teve como objetivo avaliar o melhor método para descontaminação do esmalte dental contaminado com sangue/saliva antes da colagem de acessórios ortodônticos, uma vez que tal contaminação é comumente presente em procedimentos cirúrgicos de extrusão/ortodontia. Foram utilizados 195 incisivos bovinos. Inicialmente, suas faces vestibulares receberam profilaxia, H3PO4 a 37% e aplicação de adesivo. Em seguida, as faces vestibulares de todos os dentes foram contaminadas com sangue/saliva. Os dentes foram então divididos aleatoriamente em 13 grupos (n = 15), Grupo C (Controle - sem contaminação e colados de acordo com as recomendações do fabricante) e 12 grupos experimentais de acordo com o método de descontaminação: Grupo WD - sem descontaminação, Grupo DW - lavados com água destilada, Grupo PS - lavadas com solução fisiológica, Grupo JA - jatos de ar, Grupo G - gaze, Grupo CW - algodão, Grupo DW+JA - água destilada + jatos de ar, Grupo DW+G - água destilada + gaze, Grupo DW+CW - água destilada + algodão, Grupo PS+JA - solução fisiológica + jatos de ar, Grupo PS+G - solução fisiológica + gaze, Grupo PS+CW - solução fisiológica + algodão. Após a colagem o ensaio de resistência ao cisalhamento foi realizado em todas as amostras a uma velocidade de 0,5 mm/min. Os dados foram analisados estatisticamente por ANOVA e teste de Tukey com nível de significância de 5%. Os resultados mostraram ausência de diferenças estatísticas entre os grupos controle e Grupos DW+JA e PS+JA (P> 0,05). Os grupos que apresentaram os menores valores de resistência de união foram Grupo WD, em que nenhuma descontaminação foi executada, e Grupo PS em que as amostras foram lavadas apenas com solução fisiológica. Os melhores métodos de descontaminação esmalte contaminado com sangue/saliva foram lavados com água destilada ou solução fisiológica seguidos por secagem com jatos de ar.
Descritores: Ortodontia
Procedimentos Cirúrgicos Bucais
Resistência ao Cisalhamento
Materiais Dentários
-Saliva
Sangue
Descontaminação
Responsável: BR396.1 - Biblioteca Central


  2 / 107 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: biblio-1008578
Autor: Martín-Pellicer, Ana; Gómez-Mediavilla, Karen; Cal, Miguel A. de la.
Título: Estado actual de la descontaminación digestiva selectiva / Current state of decontamination selective digestive
Fonte: Rev. am. med. respir;15(2):88-93, jun. 2015. tab.
Idioma: es.
Resumo: La descontaminación digestiva selectiva (DDS) es una estrategia preventiva cuyo objetivo es reducir la incidencia de infecciones en los pacientes críticos, principalmente la neumonía asociada a ventilación mecánica (NAVM). Fue descrita en 1984 por Stoutenbeek et al.1 . Desde entonces, se han realizado 66 ensayos clínicos aleatorizados (ECA) y 13 meta-análisis que consistentemente demuestran que la DDS reduce la incidencia de NAVM, bacteriemias, infección por Candida sp. y la mortalidad de los pacientes críticos. En esta breve puesta al día, se revisan los fundamentos de esta práctica y su impacto en el cuidado de los enfermos críticos. Se ha excluido el análisis de su efecto sobre grupos con patologías específicas tales como quemaduras, transplante hepático, pancreatitis, cirugía digestiva, etc
Descritores: Pneumonia
Descontaminação
Sistema Digestório
Responsável: AR423.1 - Biblioteca


  3 / 107 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: biblio-899198
Autor: Sadigursky, David; Pires, Henrique Santos; Rios, Saulo Américo Caldas; Rodrigues Filho, Francisco Luiz Borja; Queiroz, Gustavo Castro de; Lemos Azi, Mateus.
Título: Prophylaxis with nasal decolonization in patients submitted to total knee and hip arthroplasty: systematic review and meta-analysis / Profilaxia com descolonização nasal em pacientes submetidos a artroplastia total de joelho e quadril: revisão sistemática com metanálise
Fonte: Rev. bras. ortop;52(6):631-637, Nov.-Dec. 2017. tab, graf.
Idioma: en.
Resumo: ABSTRACT Despite the evolution of the total knee and hip arthroplasty surgery, high postoperative complication rates in the short and long term still persist. Infection is one of the most challenging complications; due to its gravity and treatment difficulties, prophylaxis protocols have been created to decrease its incidence. The objective of this study was to evaluate the impact of the prophylaxis protocol for methicillin-resistant Staphylococcus aureus decolonization of the nares in patients previously identified by swab cultures, who were to be submitted to a total joint arthroplasty. A systematic review with meta-analysis was conducted, following the PRISMA-2015 protocol, using the descriptors: "arthroplasty" and "nasal decolonization," or "joint arthroplasty" and "decolonization," or "joint arthroplasty" and "nasal decolonization," for final selection of four observational studies from 79 references identified. This study included a total sample of 10,179 patients, divided in two groups: the control group (4788 patients) and intervention group (5391 patients). It was observed that the intervention group, in which prophylaxis with nasal decolonization was used, 59 (1.09%) of the patients developed a surgical site infection, while in the control group there were 86 cases of surgical site infection (1.79%). This trend repeated itself in all articles, showing no publication biases, forming a homogeneous sample. The use of a prophylaxis protocol for decolonization of methicillin-resistant Staphylococcus aureus, reduced surgical site infection cases by approximately 39%.

RESUMO Apesar da evolução dos resultados após a artroplastia total de joelho (ATJ) e quadril (ATQ), a infecção ainda é uma das causas mais desafiadoras para o cirurgião. Em virtude da gravidade e dificuldade do tratamento da infecção articular periprotética, foram criados protocolos de profilaxia para esse tipo de complicação. O objetivo deste estudo foi avaliar a profilaxia infecciosa com a descolonização nasal prévia contra Staphylococcus aureus resistente à meticilina (MRSA), identificados por meio da coleta de material da nasofaringe por swabs em pacientes com programação cirúrgica de ATJ e ATQ. Foi elaborado um estudo de revisão sistemática com metanálise que usou o protocolo PRISMA-2015, no qual foram utilizados os descritores: arthroplasty e nasal decolonization ou joint arthroplasty e decolonization ou joint arthroplasty e nasal decolonization na língua inglesa. Foram selecionados quatro estudos observacionais dentre as 79 referências identificadas. A amostra total foi de 10.179 pacientes, divididos em dois grupos: controle (4.788 pacientes) e intervenção (5.391 pacientes). Foi observado que, no grupo de intervenção, no qual a profilaxia com descolonização nasal foi aplicada, 59 (1,09%) dos pacientes desenvolveram infecção do sitio cirúrgico (ISC), enquanto a ISC foi observada em 86 (1,79%) dos pacientes no grupo controle. Essa tendência se repetiu em todos os artigos estudados, não sendo observador viés de publicação, constituindo em uma amostra homogênea. A profilaxia pré-operatória com descolonização nasal para MRSA, reduz em 39% os casos de infecção pós-artroplastias do joelho, devendo ser considerada como um protocolo complementar pelos cirurgiões.
Descritores: Antibioticoprofilaxia
Artroplastia
Descontaminação
Infecção
Tipo de Publ: Revisão
Responsável: BR26.1 - Biblioteca Central


  4 / 107 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Id: biblio-874713
Autor: Zapata, Huascar Fernando Nunes; Salmeron, Samira; Silva, André Luís da; Damante, Carla Andreotti; Sant'Ana, Adriana Campos Passanezi; Rezende, Maria Lúcia Rubo de.
Título: Análise microbiológica do efeito da terapia fotodinâmica antimicrobiana na descontaminação de superfície de titânio / Microbiological analysis of the effect of antimicrobial photodynamic therapy in the decontamination of titanium surface
Fonte: Full dent. sci;3(11):279-284, abr.-jun. 2012. tab, ilus, graf.
Idioma: pt.
Resumo: Diversos métodos de descontaminação de superfícies de implantes têm sido propostos para o tratamento da peri-implantite, como uso de clorexidina, ácidos e lasers. Até o momento, nenhum método foi totalmente estabelecido como ideal para o tratamento da doença. Diante disso, este estudo objetivou avaliar a capacidade de descontaminação da terapia fotodinâmica antimicrobiana em superfície de titânio. Discos de titânio de superfície rugosa foram divididos em 3 grupos de 5 discos cada um: a PDT, constituído por discos contaminados por placa dentobacteriana e descontaminados pela terapia fotodinâmica antimicrobiana; E, discos estéreis (controle negativo) e C, discos contaminados por placa dentobacteriana e não tratados (controle positivo). A avaliação do potencial descontaminante da terapia fotodinâmica antimicrobiana foi feita através da quantificação do crescimento bacteriano pela contagem das unidades formadoras de colônia após semeadura em ágar sangue. Aos resultados, foram aplicados ANOVA a um critério e pós-teste de Tukey com nível de significância de 5%. O grupo a PDT demonstrou potencial descontaminante significativo em relação ao grupo C, embora tenha permanecido inferior ao grupo E. A terapia fotodinâmica antimicrobiana apresentou apenas potencial bacteriostático nas primeiras 8 horas, quando não foi possível visualizar crescimento bacteriano. Concluiu-se que, ainda não existem evidências suficientes para que a terapia fotodinâmica antimicrobiana possa ser definida como um adjuvante no tratamento para os casos de peri-implantite

Several methods for decontamination of implant surfaces have been proposed to the treatment of peri- -implantitis, including the use of chlorhexidine, acids, and lasers. Until this moment, no method is fully established as a gold standard to the treatment of the peri-implantitis. Therefore, this study aimed to evaluate the potential of antimicrobial photodynamic therapy for decontamination on titanium surface. Rough surface titanium discs were divided into 3 groups of 5 discs each: a PDT, which consisted of discs contaminated by dental plaque and decontaminated by antimicrobial photodynamic therapy; E, sterile discs (negative control) and C, discs contaminated by dental plaque and untreated (positive control). The evaluation of the potential of antimicrobial photodynamic therapy for decontamination was made through the quantification of bacterial growth by counting the colony forming units after sowing in agar-blood. On the results was applied one way ANOVA and Tukey post-test with 5% of significance. The PDT group showed significant potential for decontamination in relation to the C group, although the a PDT remained insufficient in relation to the E group. The antimicrobial photodynamic therapy presented bacteriostatic potential only at the first 8 hours, when it was impossible to see bacterial growth. It was concluded that there is no sufficient evidence to establish antimicrobial photodynamic therapy as an adjuvant to the treatment of peri-implantitis cases
Descritores: Descontaminação/métodos
Fotoquimioterapia/métodos
Fotoquimioterapia
Implantes Dentários
Microbiologia
Titânio
-Análise de Variância
Técnicas In Vitro
Responsável: BR1264.1 - Biblioteca Setorial Prof Alberto M Campos


  5 / 107 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Torriani, Dione Dias
Texto completo
Id: biblio-873868
Autor: Damé, Josiane Luzia Dias; Torriani, Dione Dias; Demarco, Flávio Fernando; Goettems, Marília Leão; Rodrigues-Junior, Sinval Adalberto; Piva, Evandro.
Título: Effect of blood contamination and decontamination procedures on marginal adaptation and bond strength of composite restorations / Efeito da contaminação com sangue e de procedimentos de descontaminação na adaptação marginal e na resistência de união de restaurações de resina composta
Fonte: Rev. odonto ciênc;24(3):283-289, July-Sept. 2009. graf, ilus, tab.
Idioma: en.
Resumo: Purpose: To evaluate the effect of blood contamination and different decontamination procedures on marginal adaptation and bond strength of a two-step total-etch adhesive system to dentin. Methods: A total of 135 bovine incisors had the labial surfaces ground to receive cylindrical cavities, and were randomly divided into a control and 8 experimental groups (n=15) according to contamination and decontamination procedures. Freshly collected human blood was applied onto the cavity either before or after light-curing of the adhesive. Four decontamination protocols were tested (drying with paper, water rinsing, phosphoric acid etching, and 10% NaOCl rinsing). The cavities were restored with Adper Single Bond and Filtek Z250 (3M ESPE). The specimens were subjected to thermal cycling before the dye staining test. The cavity floor was removed and the restorations were subjected to a push-out test. Data were analyzed by two-way ANOVA and Tukey's test (α=0.05). Results: Blood contamination after adhesive light-curing increased marginal gap and yielded lower push-out bond strength values (P<0.01). Conclusion: Water rinsing seems to be a reliable procedure for cavity decontamination. The decontamination procedures tested do not recover marginal sealing and bond strength when blood contamination occurs after light-curing of the adhesive.

Objetivo: Avaliar o efeito da contaminação com sangue e de procedimentos de descontaminação na adaptação marginal e resistência de união de um adesivo convencional de dois passos à dentina. Metodologia: Um total de 135 incisivos bovinos receberam cavidades cilíndricas na superfície vestibular, previamente desgastada. Os dentes foram divididos em grupo controle e 8 grupos experimentais (n=15), com base no momento da contaminação e nos procedimentos de descontaminação. Sangue recém-coletado foi aplicado nas cavidades, antes ou após a fotoativação do adesivo. Quatro procedimentos de descontaminação foram testados: secagem com papel, lavagem com água, condicionamento com ácido fosfórico e lavagem com hipoclorito de sódio a 10%. As cavidades foram restauradas com Adper Single Bond e Filtek Z250 (3M ESPE). Os espécimes foram submetidos à termociclagem antes da marcação com corante. O assoalho das cavidades foi removido e as restaurações foram submetidas ao teste de push-out. Os dados foram analisados por two-way ANOVA e teste de Tukey (α=0,05). Resultados: A contaminação após fotoativação do adesivo gerou fendas marginais maiores e resistência de união menor (P<0,001). Conclusão: A lavagem com água parece ser um método confiável de descontaminação. Os procedimentos testados não recuperam o selamento marginal e a resistência de união quando a contaminação ocorre após fotoativação do adesivo.
Descritores: Adaptação Marginal Dentária
Sangue
Resinas Compostas
Contaminação
Restauração Dentária Permanente
Adesivos Dentinários
Descontaminação/métodos
-Resistência à Tração
Limites: Animais
Bovinos
Responsável: BR97.1 - Serviço de Documentação Odontológica


  6 / 107 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Cardoso, Eduardo Seixas
Texto completo
Id: biblio-873558
Autor: Vieira, Luiz Fernando Nemer; Cardoso, Eduardo Seixas; Vidigal Junior, Guaracilei Maciel.
Título: Estágio atual dos métodos de descontaminação das superfícies de implante / Current stage of surface decontamination methods
Fonte: ImplantNews;5(2):155-158, mar.-abr. 2008.
Idioma: pt.
Resumo: O sucesso clínico de implantes dentários é orientado em parte pelas propriedades de superfície e suas interações com os tecidos circundantes e a microbiota oral. A longevidade da osseointegração dos implantes pode ser comprometida pela sobrecarga oclusal e/ou pela periimplantite induzida por biofilme bacteriano. Salienta-se também o fumo, doenças sistêmicas e a má higiene bucal como fatores predisponentes ao aumento do risco de periimplantite. O objetivo deste artigo é rever as técnicas de descontaminação da superfície de implantes osseointegráveis, utilizados na reabilitação de pacientes parcialmente ou totalmente edêntulos.
Descritores: Descontaminação
Implantação Dentária
Titânio
-Propriedades de Superfície
Responsável: BR243.1 - Serviço Técnico de Biblioteca e Documentação


  7 / 107 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Id: biblio-873507
Autor: Fagundes, Flávia Sens; Leonardi, Denise Piotto; Haragushiku, Gisele Aihara; Baratto Filho, Flares; Tomazinho, Luiz Fernando; Tomazinho, Paulo Henrique.
Título: Eficiência de diferentes soluções na descontaminação de cones de guta-percha expostos ao Enterococcus faecalis / Effectiveness of different solutions in decontamination of gutta-percha cones exposed to Enterococcus faecalis
Fonte: RSBO (Impr.);2(2):7-11, nov. 2005. ilus, tab.
Idioma: pt.
Resumo: Os cones de guta-percha são os principais materiais obturadores dos canais radiculares. O objetivo deste estudo foi avaliar a eficácia de alguns produtos na descontaminação desses cones. No trabalho em questão, utilizaram-se 80 cones de guta-percha #40, separados em 8 grupos (10 cones). Contaminaram-se 70 cones com Enterecoccus faecalis por imersão em solução salina contendo 10 a 10 células bacterianas/mL. Os grupos sofreram descontaminação por G1: álcool 70% ; G2: álcool 70% + iodo 1%; G3: álcool 70% + clorexidina 4%; G4: clorexidina 4%; G5: NaOCl 2,5%; G6: NaOCl 5,25%; G7: solução salina; G8: não foi contaminado e não sofreu descontaminação (controle). Após 1 minuto em contato com cada produto, cinco (5) cones foram retirados, lavados em solução salina estéril e introduzidos individualmente em tubos contendo caldo BHI. Os cones restantes foram retirados após 5 minutos em contato com as soluções, repetindo o mesmo processo dos anteriores. O conjunto de tubos foi agitado por 1 minuto e levado à estufa a 37ºC por 48 horas. Os tubos que apresentavam turbidez do caldo BHI foram considerados positivos. Observou-se que no tempo de 1 minuto houve crescimento bacteriano nos grupos 1,2,5 e 7, e no tempo de 5 minutos somente os grupos 5 e 7 apresentaram crescimento bacteriano. O grupo 8 teve um cone contaminado. Com a metodologia empregada, concluímos que a associação de álcool 70% com clorexidina 4%, solução aquosa de clorexidina 4% e NaOCl 5,25% não permitiu o desenvolvimento de E. faecalis, promovendo portanto boa desinfecção dos cones de guta-percha num tempo adequado para prática clínica
Descritores: Compostos Químicos
Descontaminação
Guta-Percha
Responsável: BR39.2 - Biblioteca Professora Maria Dilma de Oliveira Gonçalves


  8 / 107 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: biblio-866845
Autor: Esteban Florez, Fernando Luis.
Título: Terapia fotodinâmica em microorganismos cariogênicos: estudo in vitro / Photodynamic therapy in cariogenic microorganisms. in vitro study.
Fonte: Araraquara; s.n; 2012. 152 p. ilus.
Idioma: pt.
Tese: Apresentada a Universidade Estadual Paulista. Faculdade de Odontologia para obtenção do grau de Doutor.
Resumo: O uso indiscriminado dos antibióticos e seu mecanismo de ação levaram ao desenvolvimento de cepas bacterianas altamente resistentes e de maior virulência. Estas cepas causam doenças muito mais agressivas e de difícil tratamento, constituindo-se um dos principais desafios enfrentados por profissionais da área da saúde. Como a terapia fotodinâmica antimicrobiana (TFDA) baseia seu mecanismo de ação em reações oxidativas não especificas, esta passou a ser uma alternativa interessante para o tratamento de todas as doenças de origem microbiana, uma vez que, nem bactérias, nem vírus ou fungos tem capacidade de desenvolver resistência a TFDA. Considerando que a carie dental é uma doença de origem bacteriana especifica e que a eficácia da TFDA depende do tipo e dose de energia luminosa utilizada, do fotossensibilizador e da taxa de oxigênio nos tecidos a serem tratados, decidimos investigar a viabilidade da TFDA para prevenção e tratamento da cárie dental. Para tal, foram realizados 3 estudos: 1) Revisão critica da literatura sobre fotossensibilizadores utilizados para controle antimicrobianos de Streptococcus mutans. 2) Avaliação do efeito antibacteriano de três fotossensibilizadores (curcumina, hipericina e hematoporfirina) sobre Streptococcus mutans em suspensões planctônicas e 3) Avaliação do efeito antibacteriano de três fotossensibilizadores (curcumina, hipericina e photogem®) Esteban Florez FL. Terapia Fotodinâmica em microrganismos cariogênicos – Estudo in vitro. [Tese de doutorado]. Araraquara: sobre biofilme maduro formado a partir de cepa de Streptococcus mutans. Dos fotossensibilizadores utilizados a hipericina foi a que apresentou maior efeito antimicrobiano sobre suspensão planctônica. Foi comprovado que a eficácia da TFDA esta diretamente relacionada com o tipo...

The indiscriminate use of antibiotics and its mechanisms of action led to the development of highly resistant bacterial strains and more virulent ones. This strains can cause diseases much more aggressive and difficult to treat, and in that way they consist in one of the major challenges to the health care professionals. As the antimicrobial photodynamic therapy (APDT) it is based on non-specific oxidative reaction, this is now considered as an interesting alternative to treat all diseases from bacterial origins, once that, neither bacterias, neither viruses nor fungi can develop acquired resistance from the therapy. Taking into consideration that dental caries is a specific bacterial disease and that the APDT's efficiency is directed related to factors as, wavelength, energy dose, photosensitizer used, and with the oxygen present in the target tissue, we have decided to investigate the APDT to prevent and treat dental decay. To accomplish that, it was realized three studies: 1) Critical Literature revision about photosensitizers used to control S.mutans. 2) Evaluation of the antimicrobial effect of three different photosensitizers (Curcumin, Hypericin and Hematoporfirin) over Streptococcus mutans in planktonic cultures and 3) Evaluation of the antimicrobial effect of three photosensitizers (Curcumin, Hypericin and Hematoporfirin) over mature biofilms obtained from Streptococcus mutans strains. From the photosensitizers used Hypericin was the one that showed the most antibacterial observed effect on the planktonic cultures. It was demonstrated by our data that the APDT efficacy is directly related to the time of irradiation of the samples, with the kind of photosensitizer used, its concentration and with the energy dose delivered. None of the proposed protocols were able to show any significant effect over the microorganisms when in biofilm...
Descritores: Curcumina
Descontaminação
Cárie Dentária
Microbiologia
Fotoquimioterapia
Streptococcus mutans
Limites: Seres Humanos
Responsável: BR39.2 - Biblioteca Professora Maria Dilma de Oliveira Gonçalves
BR39.2


  9 / 107 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Id: biblio-851585
Autor: Araújo, Marcelo Silvieri de; Thedei Júnior, Geraldo; Carneiro, Wilsione José; Lobato, Sheila Mara Parreira.
Título: Descontaminação de escovas dentais: desenvolvimento e padronização de método para uso doméstico / Disinfection of toothbrushes: development and standardizaztion of method for domestic use
Fonte: JBC j. bras. clin. odontol. integr;10(52):71-79, jan.-mar. 2006. ilus, graf.
Idioma: pt.
Resumo: O objetivo deste estudo foi analisar a presença de microorganismos em 50 escovas dentais em uso superior a 30 dias, imersas em solução diluída de água sanitária em tempos predeterminados, a fim de detectar qual o tempo de imersão seria eficaz na eliminação dos microorganismos presentes nas escovas dentais. Os resultados demonstraram que a imersão da região das cerdas das escovas dentais na solução diluída de água sanitária por um tempo mínimo de 8 horas é um método válido na descontaminação das cerdas impregnadas por inúmeros microorganismos, podendo ser considerado como um método sanitizante de uso doméstico
Descritores: Descontaminação/métodos
Hipoclorito de Sódio
Escovação Dentária
-Contagem de Colônia Microbiana
Estomatite/complicações
Streptococcus mutans
Tipo de Publ: Estudos de Avaliação
Responsável: BR501.1 - Biblioteca de Ciências da Saúde / Sede Botânico


  10 / 107 LILACS  
              first record previous record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Id: biblio-851100
Autor: Nicoletti, Maria Aparecida; Baeza López, Marcos Fabián; Magalhães, João Fernandes.
Título: Determinação do prazo de validade de soluções comerciais de hipoclorito de sódio expostas a níveis variáveis de luminosidade / Shelf life study of the chlorine water when submitted to different degrees of luminosity
Fonte: J. Health Sci. Inst = Rev. Inst. Ciênc. Saúde;13(2):59-62, jul.-dez. 1995. tab.
Idioma: pt.
Resumo: Soluções comerciais de hipoclorito de sódio (água sanitária) apresentam amplo espectro de utilização e são indicados preferencialmente na desinfecção de alimentos e água de uso doméstico. São instáveis frente a fatores como temperatura, pH, presença de matéria orgânica e luz. Soluções comerciais provenientes de três diferentes fabricantes foram submetidas a níveis variáveis de luminosidade e através dos dados obtidos, foram calculados os respectivos prazos de validade nas condições empregadas no estudo. Em ausência de luz, a diminuição de cloro residual livre foi insuficiente para obtenção dos elementos necessários ao cálculo da equação reta. Em luminosidade ambiente, as amostras apresentaram-se dentro das especificações exigidas para este tipo de solução. A presença de luz promoveu significativa diminuição na concentração, gerando assim sua instabilidade química
Descritores: Descontaminação
Hipoclorito de Sódio/análise
-Ácido Hipocloroso/análise
Desinfetantes/administração & dosagem
Desinfetantes/análise
Técnicas In Vitro
Cloro Residual
Tipo de Publ: Artigo de Revista
Estudo Comparativo
Responsável: BR501.1 - Biblioteca de Ciências da Saúde / Sede Botânico



página 1 de 11 ir para página                         
   


Refinar a pesquisa
  Base de dados : Formulário avançado   

    Pesquisar no campo  
1  
2
3
 
           



Search engine: iAH v2.6 powered by WWWISIS

BIREME/OPAS/OMS - Centro Latino-Americano e do Caribe de Informação em Ciências da Saúde