Base de dados : LILACS
Pesquisa : SH1.010.006 [Categoria DeCS]
Referências encontradas : 30 [refinar]
Mostrando: 1 .. 10   no formato [Detalhado]

página 1 de 3 ir para página          

  1 / 30 LILACS  
              next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Texto completo
Id: biblio-911803
Autor: Organización Panamericana de la Salud.
Título: Construyendo una nueva agenda de recursos humanos en salud: los equipos de salud ante nuevos y renovados desafíos / Building a new agenda for human resources in health: Health teams facing new and renewed challenges.
Fonte: Buenos Aires; s.n; ago. 30 - 3 sept. 2015. 17 p. tab.
Idioma: es.
Conferência: Apresentado em: Reunión Regional de Recursos Humanos, Buenos Aires, ago. 30 - 3 sept. 2015.
Resumo: El Llamado a la Acción de Toronto y las 20 Metas Regionales de Recursos Humanos para la Salud acordadas en la 27ª Conferencia Sanitaria Panamericana han constituido un marco orientador para definir las agendas de trabajo de la Región de las Américas en materia de Recursos Humanos para la Salud (RHS), en el contexto de Sistemas de Salud inspirados en los principios de la Atención Primaria de Salud (APS) renovada y en el logro de la Salud Universal. Ambos, han posibilitado la instalación de una plataforma de trabajo común e incentivado la acción colaborativa entre los países de la Región. El proceso de medición de las metas regionales constituyó un elemento movilizador concreto para visibilizar los compromisos adquiridos; permitió articular esfuerzos con actores intrasector y convocar a actores externos, especialmente en el ámbito de la formación, y ayudó a generar, sistematizar y diseminar información, conocimiento y experiencias. Adicionalmente, propició el desarrollo de una cultura de rendición de cuentas de las políticas públicas adoptadas por los gobiernos, incorporando un método y una propuesta concreta de evaluación, diseñada específicamente para monitorear la evolución de la política en materia de RHS.
Descritores: Regionalização/métodos
Recursos Humanos em Saúde/tendências
-Regionalização/tendências
Capacitação de Recursos Humanos em Saúde
Governança/métodos
Governança
Limites: Seres Humanos
Responsável: BR1.1 - BIREME


  2 / 30 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Buss, Paulo Marchiori
Texto completo
Texto completo
Id: biblio-1047679
Autor: Quental, Cristiane Machado; Minayo, Miryam Souza; Paula, Danúzia Rocha; Amâncio, Rodrigo Teixeira; Galvão, Luiz Augusto; Bozza, Fernando Augusto; Buss, Paulo Marchiori.
Título: A saúde na Agenda 2030 de Desenvolvimento Sustentável na América Latina: quem está publicando? / Health in the Sustainable Development Agenda 2030 in Latin America: who is publishing? / La salud en la Agenda 2030 de Desarrollo Sostenible en América Latina: ¿Quién está publicando?
Fonte: RECIIS (Online);13(4):923-934, out.-dez. 2019. ilus.
Idioma: pt.
Resumo: Este artigo apresenta um trabalho que consistiu no levantamento quantitativo das publicações sobre a Agenda 2030 de Desenvolvimento Sustentável na América Latina, ou que foram escritas por autores afiliados às instituições da região, focando no tema saúde. Foram realizadas buscas em bancos de dados, para o período entre janeiro de 2009 e maio de 2017, e encontradas 127 publicações voltadas para o Objetivo de Desenvolvimento Sustentável 3 ­ Boa Saúde e Bem-Estar. A maior parcela dos resultados (92%) é constituída de artigos científicos que foram descritos segundo o ano e veículo de publicação, instituições de filiação dos autores e sua localização. Quase a metade das publicações (47%) foi feita sem a participação de organizações latino-americanas e em apenas 30% dos casos o primeiro autor pertence a uma organização latino-americana. Esse quadro se torna mais nítido quando se observa a concentração da produção latinoamericana em torno de organizações brasileiras: a produção científica sobre as resoluções da Agenda 2030 em relação à saúde ainda está ausente em grande parte do território latino-americano.

This article presents a work that consisted of a quantitative research about publications on Agenda 2030 on Sustainable Development in Latin America, or written by authors affiliated with institutions in the region, focusing on health. A search using databases on the subject for the period between January 2009 and May 2017 was made, and 127 publications focusing on Sustainable Development Goal 3 ­ Good Health and Well-Being. The majority (92%) of the publications were scientific articles and were described in relation to the year and vehicle of publication, authors' affiliation institutions and their location. Almost half of the publications (47%) were made without the participation of Latin American organizations and only 30% of cases have the first author who belongs to a Latin American organization. This picture becomes clearer when we see the concentration of Latin American production at Brazilian organizations: scientific production onAgenda 2030 regarding health is still absent in much of the Latin American territory.

Este artículo presenta un trabajo que ha consistido en el levantamiento cuantitativo de las publicaciones sobre la Agenda 2030 en América Latina o que fueron escritas por autores afiliados a instituciones de la región con el foco en salud. Se realizaron búsquedas en bancos de datos para el período entre 2009 y mayo de 2017. Se encontraron 127 publicaciones sobre el Objetivos de desarrollo sostenible 3 ­ Salud y Bienestar. Constituyen la mayoría (92%) artículos científicos que fueron descritos según el año y el vehículo de publicación, las instituciones de filiación de los autores y su ubicación. En casi la mitad de las publicaciones (47%) no hubo participación de organizaciones latinoamericanas y solamente en 30% de los casos el primer autor pertenece a una organización latinoamericana. Este cuadro es más nítido cuando observada la concentración de la producción latinoamericana en organizaciones brasileñas: La producción científica sobrela Agenda 2030 en el área de la salud todavía está ausente en gran parte de la América Latina.
Descritores: Saúde Ambiental
Base de Dados
Governança
FREEDOMABATTOIRS
América Latina
-Nações Unidas
Revisão
Artigo de Revista
Academias e Institutos
Atividades Científicas e Tecnológicas
Comunicação Acadêmica
Política de Saúde
Limites: Seres Humanos
Responsável: BR526.1 - Biblioteca de Saúde Pública


  3 / 30 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Texto completo
Id: biblio-1047569
Autor: Prychodco, Robson Celestino; Bittencourt, Zelia Zilda Lourenço de Camargo.
Título: Redes sociais sobre Transtorno do Espectro Autista no Facebook como suporte interpessoal: implicações nos processos de governança em saúde / Social networks about Autism Spectrum Disorder on Facebook as an interpersonal support: implications in the processes of health governance / Redes sociales sobre el Trastorno del Espectro Autista en Facebook como apoyo interpersonal: implicaciones en los procesos de gobernanza de la salud
Fonte: RECIIS (Online);13(4):803-816, out.-dez. 2019. tab.
Idioma: pt.
Resumo: A formação de Redes Sociais Virtuais (RSVs) em comunidades como o Facebook tornou-se um importante instrumento de busca por socialização e informação. Este artigo apresenta dados sobre fontes de informação utilizadas por responsáveis de crianças com Transtorno do Espectro Autista (TEA) e como essas interferem na percepção de suporte interpessoal e nos processos de governança em saúde. No estudo quantitativo, participaram 90 membros das três maiores RSVs sobre TEA. Para a coleta de dados foi utilizado questionário semiestruturado, cujas respostas foram quantificadas para melhor visualização. Os resultados demonstraram que a participação nessas redes é a principal fonte de informação para metade dos participantes, especialmente para a parcela da população com menor renda; 70/90 voluntários informaram se sentir amparados pelos parceiros de RSV e 63/90 se sentem desamparados pela sociedade em geral. Este fenômeno pode ser explicado pela formação de laços sociais marcados pela reciprocidade de situações vividas.

The formation of Virtual Social Networks (RSVs) in communities as Facebook has become an important tool for searching for socialization and information. This article presents data on the sources of information used by those responsible for children with Autism Spectrum Disorder (ASD), and how they interfere in the perception of interpersonal support and health governance processes. In the quantitative study, 90 members from the 3 largest RSVs on ASD participated. For the data collection, a semi-structured questionnaire was used. Responses were quantified to facilitate visualization of the data. The results showed that participation in these networks is the main source of information for half of the participants, especially for the portion of the population with lower income; 70/90 volunteers reported feeling supported by RSV partners and 63/90 reported feeling helpless by society in general. A phenomenon that can be explained by the formation of social bonds marked by the reciprocity of lived situations.

La formación de Redes Sociales Virtuales (RSVs) en comunidades como Facebook se ha convertido en un importante instrumento de búsqueda de socialización e información. Este artículo presenta datos sobre fuentes de información utilizadas por responsables de niños con trastorno del espectro autista (TEA), y cómo interfieren en la percepción de soporte interpersonal y en los procesos de gobernanza en salud. Se trató de estudio cuantitativo, participaron 90 miembros de las 3 mayores RSVs sobre TEA. Para la recolección de datos se utilizó un cuestionario semiestructurado. Las respuestas se cuantificaron para facilitar la visualización de los datos. Los resultados demostraron que la participación en esas redes es la principal fuente de información para la mitad de los participantes, especialmente para la parcela de la población con menores ingresos; 70/90 voluntarios informaron sentirse amparados por los socios de RSV y 63/90 informaron sentirse desamparados por la sociedad en general. Fenómeno que puede ser explicado por la formación de lazos sociales marcados por la reciprocidad de situaciones vividas.
Descritores: Apoio Social
Governança Clínica
Rede Social
Transtorno do Espectro Autista
Relações Interpessoais
-Socialização
Comportamento
Criança
Inquéritos e Questionários
Adolescente
Pessoal de Saúde
Comunicação
Internet
Acesso à Informação
Mídias Sociais
Governança
Limites: Seres Humanos
Responsável: BR526.1 - Biblioteca de Saúde Pública


  4 / 30 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Texto completo
Id: biblio-1038651
Autor: Caldas, E. O. L; Lima, A. L. R; Lara, L. J. C.
Título: Viabilidade econômica da produção de frangos de corte sob diferentes estruturas de governança / Economic viability of broiler production under different governance structures
Fonte: Arq. bras. med. vet. zootec. (Online);71(5):1639-1648, set.-out. 2019. tab, graf.
Idioma: pt.
Resumo: Objetivou-se verificar a viabilidade econômica da produção de frangos de corte sob mecanismos de governança híbrida e hierárquica. Estudos de caso foram escolhidos para avaliação da atividade em núcleos de empresas integradoras e de produtores rurais integrados. Realizou-se pesquisa de campo para coleta de dados em 36 unidades de produção em Minas Gerais. Informações provenientes de 216 lotes produzidos entre agosto de 2015 e agosto de 2016 foram utilizadas nas análises econômicas. O cálculo dos custos baseou-se na metodologia proposta pela Embrapa - CNPSA e IEA - SP. As análises econômicas se realizaram conforme proposto pelo DAE - Ufla e pela Conab. Constatou-se que o custo com mão de obra causou maior impacto sobre o desempenho econômico de núcleos com estruturas de governança distintas. No modelo de produção via governança hierárquica, mesmo se considerando receitas secundárias ao processo de produção de aves, verificou-se prejuízo financeiro na atividade. Concluiu-se que a estrutura de governança híbrida representou melhor alternativa econômica que a internalização do processo de criação de frangos pelas empresas integradoras. Assim, sugere-se que empresas integradoras esgotem as possibilidades de produção via contrato de integração antes de investirem recursos em instalações próprias de criação.(AU)

The objective was to verify the economic feasibility in the production of broilers under hybrid and hierarchical governance mechanisms. Case studies were used to evaluate the activity of the integrating company and the integrated rural producers. The primary data about costs, income, and zootechnical indicators were collected in 36 poultry production units belonging to an integrated company and five rural producers, in state of Minas Gerais. Data from 216 batches of broilers produced between August 2015 and August 2016 were used in the economic analysis. Costs calculation was based on the methodology proposed by EMBRAPA - CNPSA and IEA - SP. The economic analyzes were carried out as proposed by DAE UFLA and CONAB. It was verified that the cost of labor caused the greatest impact on the economic performance of cores with different governance structures. In all breeding sites via hierarchical governance, even considering secondary revenues, there was a financial loss in the activity. It was concluded that the hybrid governance represented a better economic alternative than the internalization of the broiler production by integrating companies. Thus, it is suggested that integrating companies deplete the production possibilities through an integration contract before investing resources in their own breeding facilities.(AU)
Descritores: Aves Domésticas
Galinhas
Governança/economia
Governança/organização & administração
Governança/estatística & dados numéricos
Criação de Animais Domésticos/economia
Criação de Animais Domésticos/organização & administração
Criação de Animais Domésticos/estatística & dados numéricos
Responsável: BR68.1 - Biblioteca Virginie Buff D'Ápice


  5 / 30 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: biblio-1006431
Autor: Carignano, Fernando.
Título: Lo que corresponde vs. lo que conviene hacer... ¿un dilema? / what you have to do vs. what it suits you... a dilema?
Fonte: Rev. Asoc. Med. Bahía Blanca;18(1):[2], ene-mar, 2008.
Idioma: es.
Descritores: FURALDEHYDE0
-Política Pública
Governança
Limites: Seres Humanos
Tipo de Publ: Editorial
Responsável: AR393.1 - Centro de Información y Documentación Dr H. Urquiola


  6 / 30 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Texto completo
Id: biblio-1024725
Autor: Guatemala. Ministerio de Salud Pública y Asistencia Social. Dirección General del Sistema Integral de Atención en Salud.
Título: Metodología para la implementación de estrategia de intersectorialidad / Methodology for the implementation of intersectoral strategy.
Fonte: Guatemala; MSPAS, SIAS; abr. 2018. 59 p.
Idioma: es.
Resumo: Dirigida a las direcciones del área de salud, aporta la metodología necesaria para incentivar la gobernanza participativa, buscando la intervención coordinada de instituciones representativas de más de un sector social, en acciones destinadas, total o parcialmente, a tratar los problemas vinculados con la salud, el bienestar y la calidad de vida, tal es el sentido de la intersectorialidad. Entre los puntos que aborda la metodología, está la concepción de que el fenómeno salud-enfermedad, es un proceso dependiente de condiciones previas donde interactúan múltiples variables. Por todo ello, señala el documento "el sector de la salud no puede evitar tomar en cuenta a otros sectores sociales y gubernamentales para diseñar, planificar y/o ejecutar políticas, programas o acciones en este ámbito."
Descritores: Atenção Primária à Saúde/organização & administração
Políticas, Planejamento e Administração em Saúde/legislação & jurisprudência
Cooperação Técnica
Sistemas de Saúde
Avaliação de Programas e Projetos de Saúde/métodos
Colaboração Intersetorial
Governança/organização & administração
Política de Saúde
-Participação Social
Guatemala
Promoção da Saúde/organização & administração
Limites: Seres Humanos
Responsável: GT1.1 - Biblioteca y Centro de Información


  7 / 30 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: biblio-1013063
Autor: Lima, Luciana Dias de; Scatena, João Henrique Gurtler; Albuquerque, Mariana Vercesi; Oliveira, Ricardo Antunes Dantas de; Martinelli, Nereide Lucia; Pereira, Adelyne Maria Mendes.
Título: Governance arrangements for specialized assistance in health regions in Brazil / Arranjos de governança da assistência especializada nas regiões de saúde do Brasil
Fonte: Rev. Bras. Saúde Mater. Infant. (Online);17(supl.1):S107-S119, 2017. tab.
Idioma: en.
Resumo: Abstract Objectives: to analyze the regional governance arrangements of specialized assistance in the Public Health System (SUS). Methods: Case studies were carried out which included seven health regions in the Brazilian territory, involving the secondary data systematization and 128 interviews with SUS leaders (2015 to 2016). The analysis was done in a comparative perspective, considering: public and private participation; assistance concentration; power relations and regional conflicts. Results: the public provision service and expenditure were high in the Medium Complexity and in the private, High Complexity. The main responsibility for the public provision service was in the cities so, that the specialized assistance was strongly concentrated in the pole cities. The level of influence from the providers in health decisions was high, and the offer considered to be insufficient and inadequate in relation to services and medical professionals. Conflicts were evident in the intergovernmental and public-private relations. Conclusions: the diversity of agents and arrangements - multilevel, hybrid and polarized - characterizes governance regionalization in SUS, which is conditioned by the scarcity and the inequality context in the distribution of services.

Resumo Objetivos: analisar os arranjos de governança regional da assistência especializada no SUS. Métodos: foram realizados estudos de caso que incluíram sete regiões de saúde no território brasileiro, envolvendo a sistematização de dados secundários e a realização de 128 entrevistas com dirigentes do SUS (2015-2016). A análise foi feita em perspectiva comparada, considerando: a participação pública e privada; a concentração da assistência; as relações de poder e os conflitos regionais. Resultados: a provisão e a despesa pública foram elevadas na Média Complexidade e a privada na Alta. Os municípios foram os principais responsáveis pela provisão pública, sendo que a assistência especializada se mostrou fortemente concentrada nos municípios polo. O grau de influência dos prestadores nas decisões de saúde foi alto, e a oferta considerada insuficiente e inadequada em relação aos serviços e profissionais médicos. Os conflitos se evidenciaram nas relações intergovernamentais e público-privadas. Conclusões: a diversidade de atores e arranjos - multiníveis, híbridos e polarizados - caracterizam a governança na regionalização do SUS, sendo esta condicionada pelo contexto de escassez e a desigualdade na distribuição de serviços.
Descritores: Sistema Único de Saúde/organização & administração
Gestor de Saúde
Disparidades nos Níveis de Saúde
Governança
FREEZING0
Serviços de Saúde
-Administração de Serviços de Saúde
Brasil
Gestão em Saúde
Modernização do Setor Público
Parcerias Público-Privadas
Política de Saúde
Tipo de Publ: Artigo Clássico
Responsável: BR663.1 - Biblioteca da Saúde da Mulher e da Criança


  8 / 30 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: biblio-889580
Autor: Santaiana, Rochele da Silva; Forell, Leandro.
Título: Nine-year elementary school: of children's government strategies in educational policies / Ensino fundamental de nove anos: das estratégias do governo dos infantis nas políticas educacionais
Fonte: Cad. CEDES;37(102):179-200, maio-ago. 2017. tab.
Idioma: pt.
Resumo: RESUMO: O Ensino Fundamental de Nove Anos pode ser entendido como política educacional que, estrategicamente, constituiu um governamento dos infantis. Metodologicamente, este artigo se insere na perspectiva dos Estudos Pós-Estruturalistas, fazendo uma análise dos discursos das publicações do Ministério da Educação. Problematiza a infância que emerge por uma vontade de poder, instituída por uma política operacionalizada pelo Estado. Entendemos que o Ensino de Nove Anos pode ser visto como condição de possibilidade para políticas gestadas contemporaneamente.

ABSTRACT: Nine-year elementary school can be understood as an educational policy that composes a children's government strategically. Methodologically this article is inserted in the perspective of Post-structuralist studies, analyzing the speeches of the publications of the Ministry of Education. It problematizes the childhood that emerges from a will of power, established by a policy operationalised by the State. It is understood that the nine-year elementary school can be seen as a condition of possibility for policies conceived contemporarily.
Descritores: Ensino Fundamental e Médio
Governança
Limites: Seres Humanos
Criança
Responsável: BR67.1 - CIR - Biblioteca - Centro de Informação e Referência


  9 / 30 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: biblio-897232
Autor: Bertholini, Frederico; Pereira, Carlos.
Título: Pagando o preço de governar: custos de gerência de coalizão no presidencialismo brasileiro / Pagando el precio de gobernar: costos del manejo de coalición en el presidencialismo brasileño / The price of governing: coalition management costs in Brazil's presidential system
Fonte: Rev. adm. pública (Online);51(4):528-550, jul.-agosto 2017. tab, graf.
Idioma: pt.
Resumo: Resumo Este artigo analisa os efeitos das estratégias do presidente de como gerir sua coalizão sobre os custos de governar ao longo do seu mandato. Foi desenvolvido um Índice inédito de Custo de Governo (ICG) considerando as transferências políticas e monetárias feitas pelo presidente aos partidos da sua coalizão. O ICG foi calculado a partir de análise de componentes principais. As relações entre as variações de estratégias de gerência e seus custos foram estimadas por meio de um painel não balanceado em primeiras diferenças, tendo como variável dependente o ICG e como variáveis explicativas o tamanho da coalizão, a heterogeneidade ideológica e a alocação proporcional de poder entre parceiros. Os resultados indicam que coalizões grandes, ideologicamente heterogêneas e desproporcionais tendem a ser mais caras ao longo do tempo. As decisões presidenciais de como gerenciar suas coalizões influenciam os custos de governo, mesmo controlando por aspectos exógenos, como fragmentação partidária na Câmara dos Deputados e popularidade presidencial. Além disso, gastar mais recursos políticos e financeiros com os aliados da coalizão não significa necessariamente maior apoio político no Legislativo.

Resumen Este artículo analiza los efectos de las decisiones presidenciales del manejo de la coalición en los costos para gobernar. Se utiliza el análisis de componentes principales para crear el Índice de Costo de Gobierno (ICG) y se utiliza un panel de primeras diferencias para estimar la relación entre el índice y las variables de gestión de la coalición: el tamaño de la coalición, la heterogeneidad ideológica y proporcionalidad de poder con aliados. Los resultados indican que coaliciones demasiado grandes, desproporcionadas y ideológicamente heterogéneas tienden a ser más costosas a lo largo del tiempo. Los resultados también sugieren que las decisiones presidenciales sobre cómo manejar las coaliciones influyen en los costos, aún controlando por las limitaciones exógenas como fragmentación partidaria y popularidad presidencial. Además, gastar más recursos políticos y financieros con los aliados de la coalición no implica necesariamente un mayor apoyo político para el Presidente en el Congreso.

Abstract: This paper examines the effects of a president's coalition management decisions on the costs of governing. An innovative Governing Costs Index (GCI) was developed, taking into consideration political and financial transfers made by the president to coalition parties. GCI is calculated employing a principal component analysis. The relationship between the variations on the management strategies and the costs were estimated using a first-differences panel. GCI was considered as the dependent variable and the coalition size, ideological heterogeneity, and cabinet proportionality among partners as the explanatory variables. Results indicate that large, ideologically heterogeneous coalitions and disproportional cabinets tend to be more expensive over time. The results also suggest that presidential decisions about how to manage coalitions influence governing costs in important ways, even when controlling exogenous constraints like party fragmentation at the Congress and presidential popularity. In addition, spending more political and financial resources with coalition allies does not necessarily lead to greater political support for the president in the Congress.
Descritores: Organização e Administração
Poder Executivo
Governança
-Poder Legislativo
Limites: Seres Humanos
Masculino
Feminino
Responsável: BR67.1 - CIR - Biblioteca - Centro de Informação e Referência


  10 / 30 LILACS  
              first record previous record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: biblio-897226
Autor: Gonçalves, Luciano Gomes; Funchal, Bruno; Bezerra Filho, João Eudes.
Título: A influência dos ciclos políticos nos investimentos públicos em infraestrutura: um estudo nos estados brasileiros no período de 2003 a 2014 / La influencia de los ciclos políticos en la inversión pública en infraestructura: un estudio en los estados brasileños de 2003 a 2014 / The Influence of Political Cycles on Public Investments in Infrastructure: A Study of Brazilian States from 2003 to 2014
Fonte: Rev. adm. pública (Online);51(4):462-481, jul.-agosto 2017. tab.
Idioma: pt.
Resumo: Resumo Este artigo tem como objetivo avaliar se os ciclos políticos em conjunto com viés ideológico impactam significativamente as decisões de alocação de recursos públicos em investimentos de infraestrutura nos estados brasileiros. Para atingir tal objetivo, utilizamos informações em nível estadual de 2003 a 2014 para capturar três ciclos eleitorais. Como abordagem metodológica utilizamos regressão em painel com efeitos fixos, com o objetivo de detectar características estaduais não observáveis e invariantes no tempo. Os resultados encontrados mostram a existência de influência do ciclo eleitoral se considerarmos as diferenças ideológicas interagindo com os ciclos eleitorais. Os resultados apontam que partidos de esquerda e de centro tendem a investir mais em infraestrutura em períodos pré-eleitorais se comparados com partidos de direita. Esse resultado contribui para a literatura evidenciando que ciclos podem ser mais influenciados dependendo do partido que está governando. Foi identificado adicionalmente um resultado contraintuitivo relativo ao impacto negativo nos gastos em infraestrutura quando o governador é do mesmo partido do presidente. Para essa variável, esperava-se um impacto positivo.

Resumen Este estudio tiene como objetivo evaluar si los ciclos políticos, teniendo en cuenta el sesgo ideológico de los gobiernos, tienen un impacto significativo en la toma de decisiones sobre la asignación de inversiones públicas en infraestructura en los estados de Brasil. El estudio utilizó información de los estados brasileños del período comprendido entre 2003 y 2014 para cubrir tres ciclos políticos. El método utilizado fue la regresión de efectos fijos de panel que permite identificar las características de los estados que no son claras y constantes en el tiempo. Los resultados muestran que hay influencia del ciclo electoral, si se considera que las diferencias ideológicas están vinculadas a los ciclos electorales. Los partidos de izquierda y de centro tienden a invertir más en infraestructura en los períodos preelectorales en comparación con los partidos de derecha. Este resultado también contribuye a la literatura porque muestra que los ciclos pueden ser más influenciados dependiendo del partido que gobierna. Un resultado contraintuitivo digno de mención es el impacto negativo de los gastos en infraestructura cuando el gobernador pertenece al mismo partido político que el presidente. Para esta variable, se esperaba un impacto positivo.

Abstract This study aims to evaluate whether political cycles together with the government's ideological bias have a significant impact on decision making regarding the allocation of public investments in infrastructure in the states of Brazil. This study uses information for Brazilian states for the period from 2003 and 2014 in order to cover three political cycles. It utilizes a fixed effects panel data regression which makes it possible to identify state characteristics that are unobserved and constant over time. The results show that the electoral cycle does exert an influence, if we consider that ideological differences are linked to electoral cycles. Left-wing and centrist parties tend to invest more in infrastructure in pre-election periods in comparison with right-wing parties. This result also contributes to the literature because it shows that cycles can be more influential depending on the party that is governing. A counter-intuitive result worth mentioning is the negative impact on infrastructure investment that occurs when the governor belongs to the same political party as the president. A positive impact had been expected.
Descritores: Política Pública
Estado
Economia
Governança
FREEDOMABATTOIRS
-Brasil
Limites: Seres Humanos
Masculino
Feminino
Responsável: BR67.1 - CIR - Biblioteca - Centro de Informação e Referência



página 1 de 3 ir para página          
   


Refinar a pesquisa
  Base de dados : Formulário avançado   

    Pesquisar no campo  
1  
2
3
 
           



Search engine: iAH v2.6 powered by WWWISIS

BIREME/OPAS/OMS - Centro Latino-Americano e do Caribe de Informação em Ciências da Saúde