Base de dados : LILACS
Pesquisa : SH1.010.010.010 [Categoria DeCS]
Referências encontradas : 60 [refinar]
Mostrando: 1 .. 10   no formato [Detalhado]

página 1 de 6 ir para página                

  1 / 60 LILACS  
              next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: lil-729046
Autor: Costa, Taiane Bertoldi da; Cruz, Marly Marques da.
Título: A política de ciência, tecnologia e inovação em saúde no Brasil: o dilema na definição das prioridades para pesquisa / La política de la ciencia, tecnología y innovación en salud en Brasil: el dilema em el definición des las prioridades para la investigación / The national science, technology and innovation policy in Brazil: the diilemma of deffining research priorities
Fonte: Rev. baiana saúde pública;38(1), jan.-mar. 2014. tab, graf.
Idioma: pt.
Resumo: O financiamento de pesquisas no contexto da política de ciência, tecnologia e inovação em saúde possibilitam ampliar resultados em benefício da saúde da população. O objetivo deste estudo foi mapear as atividades do Departamento de Ciência e Tecnologia do Ministério da Saúde, o financiamento dos editais lançados no período 2004 a 2007 e verificar o atendimento às prioridades em saúde dispostas na Agenda Nacional de Prioridades de Pesquisa em Saúde. O estudo foi descritivo e compreendeu a análise de documentos oficiais e do portal eletrônico do Ministério da Saúde. A revisão bibliográfica de artigos científicos disponíveis nas bases de dados da Biblioteca Virtual em Saúde colaborou para a discussão. Este trabalho possibilitou verificar que a distribuição desigual de recursos por editais de pesquisa entre as subagendas, a ausência de clareza sobre a conclusão dos projetos e a aplicabilidade dos resultados favorece determinados setores e grupos, além de propiciar certo direcionamento das pesquisas do setor da saúde. Nesse sentido, é fundamental o compromisso e transparência na divulgação das pesquisas fomentadas.

Financing researches on science, technology and innovation health policies allow the extension of results to improve population health. The objective of the study was to map the activities of the Department of Science and Technology from the Brazilian Ministry of Health, the financing of notices issued from 2004 to 2007, and to assess the compliance with care priorities disposed in the National Agenda of Priorities in Health Research. The study was descriptive and comprised the analysis of official documents and the Ministry of Health website. The literature review in scientific articles available in the Virtual Library databases contributed to the discussion. This work allowed to verify that the unequal distribution of resources by research notices research among sub-agendas, the lack of clarity on the project completion and on the applicability of the results favors certain sectors and groups, besides providing some direction of research in the health sector. In this sense, commitment and transparency in the disclosure of fostered research is fundamental.

La financiación de la investigación en el contexto de la ciencia, la tecnología y la política de innovación permiten ampliar los resultados en beneficio de la salud de la población. El objetivo del estudio fue mapear las actividades del Departamento de Ciencia y Tecnología del Ministerio de Salud/MS, la financiación de los avisos públicos lanzados en 2004-2007 y verificar las prioridades de atención de salud dispuestos en la Agenda Nacional de Prioridades de Investigación en Salud. El estudio fue descriptivo e incluyó el análisis de documentos oficiales y de la página web de MS. La revisión bibliográfica en artículos científicos disponibles en la base de datos Biblioteca Virtual en Salud contribuyó a la discusión. Este trabajo nos ha permitido verificar que la distribución desigual de los recursos por avisos públicos de investigación entre los sub-programas, la falta de claridad en la finalización de los proyectos y la aplicabilidad de los resultados favorecen ciertos sectores y grupos, además de proporcionar un direccionamiento de las investigaciones en el sector de la salud. Por ende, es fundamental el compromiso y la transparencia en la divulgación de las investigaciones fomentada.
Descritores: Política Nacional de Ciência, Tecnologia e Inovação
Agenda de Prioridades em Saúde
Agenda de Pesquisa em Saúde
Gastos em Pesquisa
Limites: Humanos
Tipo de Publ: Relatos de Casos
Responsável: BR15.1 - Biblioteca de Ciências Biomédicas


  2 / 60 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: biblio-1143911
Autor: Rodrigues, Diana Cruz; Vasconcellos Sobrinho, Mário; Vasconcellos, Ana Maria de Albuquerque.
Título: Advocacy coalition formation and key actors within the policy / Formación de coaliciones de defensa y actores clave dentro de la política / Formação de coalizão de defesa e atores chaves da política
Fonte: Rev. adm. pública (Online);54(6):1711-1728, Nov.-Dec. 2020. graf.
Idioma: en.
Resumo: Abstract The article discusses advocacy coalition formation and the roles of key actors in science, technology and innovation (ST&I) policies for social inclusion in a subnational context. The policy subsystem category and concept of advocacy coalition are used in the context of the advocacy coalition framework and address the need to understand the influences of key actors (policy broker and policy entrepreneur) on it. The policy subsystem was outlined using case-oriented research and the discourse was analyzed in order to understand the policy actors' beliefs. The analysis of two cases of ST&I policy processes for social inclusion (assistive technology and social technology) highlighted policy broker and policy entrepreneur key roles in the emergence of policy subsystems, but had different effects on advocacy coalition formation. The policy entrepreneur had a closer relationship with advocacy coalition building when setting up regular mechanisms to share beliefs and policy-oriented learning, as well as taking initiatives to coordinate the collective action of members in the early advocacy coalition. Although relevant in agenda setting and maintaining a specific social inclusion agenda in the policy process, the policy broker did not achieve a positive relationship with advocacy coalition building. The article corroborates the possibility of incorporating the concept of policy entrepreneur in analyses of the advocacy coalition framework and highlights this actor's characteristics through this analytical model.

Resumen El artículo analiza la formación de coaliciones de defensa y los roles de los actores clave en las políticas de ciencia, tecnología e innovación (PCTI) para la inclusión social en un contexto subnacional. Considerando el modelo de coalición de defensa (MCD), se utilizaron como referencia las categorías analíticas del subsistema de la política y de la coalición de defensa, para comprender las influencias de los actores clave, específicamente del policy broker (intermediario) y del emprendedor de políticas. El subsistema de la política se delimitó mediante el método de investigación basado en casos y se usó el análisis del discurso para comprender las creencias de los actores en la política. El análisis de dos casos del proceso de la PCTI para la inclusión social (tecnología social y tecnología de la rehabilitación) resaltó los roles de los actores clave en la aparición de subsistemas de la política, sin embargo tuvieron diferentes efectos en la formación de coaliciones de defensa. El emprendedor de políticas tuvo una mayor relación con la formación de una coalición de defensa al establecer mecanismos regulares para comunicar sus posiciones y aprendizajes orientados a la política, así como al tomar iniciativas para coordinar la acción colectiva en la naciente coalición de defensa. El policy broker no logró una relación positiva con la formación de las coaliciones de defensa analizadas, pero sí fue relevante para el establecimiento de la agenda y la permanencia de la pauta de inclusión social en el proceso de la política. Este trabajo corrobora la posibilidad de incorporar el concepto de emprendedor de política en los análisis de MDC y señala las características de este actor clave en el modelo analítico estudiado.

Resumo O artigo discute a formação de coalizão de defesa e o papel de atores chaves em políticas de Ciência, Tecnologia e Inovação (CT&I) para inclusão social em um contexto subnacional. No âmbito do Modelo de Coalizão de Defesa (MCD), utilizou-se as categorias analíticas do subsistema da política e da coalizão de defesa como referência e buscou-se compreender as influências de atores chaves nestas, especificamente o policy broker (mediador) e o empreendedor de política. O subsistema de política foi delimitado pelo método de pesquisa baseada em caso e a análise de discurso foi mobilizada para compreender as crenças dos atores da política. A análise de dois casos do processo de política de CT&I para inclusão social (tecnologia social e tecnologia assistiva) realçou os papéis de atores chaves na emergência dos subsistemas de política, porém estes tiveram diferentes efeitos sobre a formação de coalizões de defesa. O empreendedor da política teve maior relação com a formação de coalizão de defesa ao estabelecer mecanismos regulares para compartilhamento de crenças e aprendizados orientados para a política, bem como ao tomar iniciativas de coordenação da ação coletiva na coalizão de defesa nascente. O policy broker não alcançou relação positiva substancial com a formação das coalizões de defesa analisadas, embora tenha sido relevante para o agenda-setting e a permanência da pauta de inclusão social no processo da política. O artigo corrobora com a possibilidade de incorporação do conceito de empreendedor de política em análises do MDC e aponta características deste ator chave iluminadas pelo modelo analítico.
Descritores: Política Pública
Política Nacional de Ciência, Tecnologia e Inovação
Tecnologia Culturalmente Apropriada
Limites: Humanos
Masculino
Feminino
Responsável: BR67.1 - CIR - Biblioteca - Centro de Informação e Referência


  3 / 60 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: biblio-831962
Autor: Bonatto , Maria Paula de Oliveira.
Título: A criação dos Centros Interativos de Ciência e Tecnologia e as Políticas Públicas no Brasil: uma contribuição para o campo das ciências da vida e da saúde / The creation of the Interactive Center of Science and Technology and Public policies in Brazil: a contribution to the field of Life and health sciences.
Fonte: Rio de Janeiro; s.n; 2012. 510 p.
Idioma: pt.
Tese: Apresentada a Fundação Oswaldo Cruz. Escola Nacional de Saúde Pública Sergio Arouca para obtenção do grau de Doutor.
Resumo: Esse trabalho investiga e analisa os processos que originaram os Centros Interativos de Ciência e Tecnologia (Science and Technology Centers), como conceito de museu e de práxis educativa voltada para a divulgação e popularização da ciência por meio de exposições interativas. Essa análise tem como base conceitual e método de trabalho a contribuição de Gramsci para o marxismo, enfocando a totalidade histórica: geral ̶ âmbito mundial; regional ̶ observando as particularidades da América Latina, e específica ̶ âmbito da realidade dos Centros Interativos de Ciência e Tecnologia (CICT), que hoje se espalham pelo Brasil sob o conceito ampliado de Museus e Centros de Ciência e Tecnologia. O foco do estudo está na compreensão dos processos de formação dos CICT no Brasil, buscando identificar que tipos de representações sobre a ciência e a tecnologia estes espaços têm gerado. A pesquisa procura responder às questões: 1. Quais são os perfis que caracterizam os Centros Interativos de Ciências Brasileiros criados nas décadas de 1970 a 2000 e a que instituições estão associados? 2. Quais são as diretrizes políticas que orientam a criação e organização dos CICT? 3. Quais as influências dessas diretrizes nas disputas por definições e abordagens de exposições e, portanto, no campo da educação/cultura em ciência e saúde? A hipótese levantada pelo estudo é a de que os CICT são instituições que, além de terem características e objetivos diferenciados dos Museus de Ciência e Tecnologia tradicionais, tem seu surgimento marcado por uma conjuntura sócio-política e econômica específica, a do neoliberalismo, adquirindo, mais tarde, os atributos das políticas da chamada "Terceira Via": a inclusão social, paz social, valorização das diversidades. Nesse processo as principais características e objetivos de CICT são frutos do apoio específico de políticas públicas criadas para direcionar seus temas e ações, o que os caracteriza como aparelhos que participam das modificações profundas que acontecem no direcionamento da educação/cultura científica da nação no período de sua criação. Esse fato passa sem uma reflexão específica, por parte de intelectuais de museus e de CICT, acerca das características da ciência que está sendo popularizada. Como consequência, intelectuais e instituições passam a trabalhar no sentido de uma nova sociabilidade científico-tecnológica embasada por um conceito superficial de ciência, que difunde a ciência como inovação/produto. Na América Latina, há um duplo papel para CICT como uma "nova pedagogia da hegemonia"(NEVES, 2005), agindo para o capitalismo mundializado(CHESNAIS): primeiro, funcionam como base para ampliar a sensação de acesso às informações científicas que a escola não consegue garantir para todos, enquanto preparam o trabalhador para uma crescente complexidade científico-tecnológica associada ao trabalho simples (MARX). Segundo, causam a sensação de que há uma democratização de acesso à atualização de uma ciência que muda velozmente sob a ilusão de um conceito de evolução positiva, ou seja, uma ciência que se tornaria cada vez melhor e homogeneamente distribuída. O que fica oculto é que a "melhoria" ou avanço técnico da ciência e tecnologia não corresponde necessariamente à melhoria da qualidade de vida de populações que estão diretamente expostas e implicadas nas condições de sua produção. Fica assim moldada a produção cultural de uma sociedade que assume como natural a divisão entre aqueles que celebram a ciência de forma permanente e alienada, legitimando a cidadania do consumo, e a maioria, que paga o ônus de uma economia tecnológico-desenvolvimentista, expropriada de condições mínimas de sobrevivência, moradia e saúde. Para enfrentar essa situação construindo uma hegemonia voltada para as classes trabalhadoras, é importante que profissionais de CICT se eduquem para avaliar a concepção de conhecimento que embasa o fomento da popularização da ciência por parte do Estado e das empresas que o financiam. Esse processo se dá criando bases para reflexões que levem a conhecimentos que interessem à classe trabalhadora discutir, se apropriar e divulgar. Para que isso aconteça é fundamental uma revisão no conceito de popularização da ciência que está sendo aplicado, tornando mais presentes os interesses, conhecimentos e saberes populares associados à ciência que está sendo exposta em CICT.
Descritores: Educação em Saúde
ERYTHROCYTES, ABNORMALABATTOIRS
Política Nacional de Ciência, Tecnologia e Inovação
Exposições Científicas
Centros Interativos e Exposições de Ciência e Tecnologia
-Brasil
Limites: Humanos
Tipo de Publ: Estudo de Avaliação
Responsável: BR526.2 - BVS - Carga de Doença
BR526.1; T370.115, B699c


  4 / 60 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Id: lil-644299
Autor: Osorio V., Julián.
Título: La relación investigación, educación, innovación / The relationship investigation, education and innovation
Fonte: Cult. cuid. enferm;8(1):60-70, jun. 2011.
Idioma: es.
Resumo: La presente reflexión acerca de la correspondencia entre los procesos de investigación, educación e innovación, a objetivar en la correlación docencia, investigación y proyección social se asumió como acercamiento a la comprensión del problema de la mediación de la educación para la formación científica o integral, en el relacionamiento de los procesos de investigación e innovación social. Meditación que llevó a advertir que esta reciprocidad se logra si se considera la necesidad de reconocer los diversos elementos que intervienen en una práctica pedagógica de la enseñanza aprendizaje del conocimiento científico, orientada a la formación de profesionales integrales. Se trata de un acercamiento al problema de la educabilidad que interpela a directivos y docentes conocer e involucrar los intereses y problemáticas del profesional en formación y de la sociedad en la cual se va a desempeñar profesionalmente aplicando los conocimientos de su formación disciplinar y humanística.

This reflection is about the correlation among investigation, education and innovation. The correlation of teaching,research and social projection is seen as an approach for the comprehension of the issue related to the mediation of education in the scientific or integral formation; in relation with processes of investigation and social innovation.This study led us to realize that this reciprocity is achieved if it is considered the need for recognizing the different elements that intervene in a pedagogical practice of the teaching-learning of the scientific knowledge, oriented towards the formation of integral professionals. It is about an approach to the problem of educability that demands teachers and administrators to know and acknowledge the interests and problems of the professionals in formation;and those of the society where he/she will perform as a professional, applying the knowledge of his/her disciplinary and humanistic formation.
Descritores: Comportamento Exploratório
Educação
Política Nacional de Ciência, Tecnologia e Inovação
Limites: Humanos
Tipo de Publ: Comentário
Responsável: CO637.9 - Secciónal Pereira


  5 / 60 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: biblio-1103946
Autor: Escobar-Roa, Carlos Felipe.
Título: La Innovación en salud y la formación del talento humano en salud. Reflexiones en medio de la pandemia / Innovation in health and the training of human talent in health. Reflections in the midst of the pandemic
Fonte: Rev. salud bosque;10(1):1-3, 2020.
Idioma: es.
Descritores: Educação
-Política Nacional de Ciência, Tecnologia e Inovação
Inovação
Capacitação Profissional
Limites: Humanos
Tipo de Publ: Editorial
Responsável: CO647.9 - Universidad El Bosque


  6 / 60 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Cuba
Texto completo
Id: biblio-1094091
Autor: García Herrera, Arístides Lázaro.
Título: Influencia de la formación doctoral en el Sistema de salud en la Seguridad Nacional Científico Tecnológica del país / Health System PhD formation influence in the Country National Scientific Technological Security
Fonte: Rev. medica electron;41(4):820-823, jul.-ago. 2019.
Idioma: es.
Descritores: Competência Profissional
Medidas de Segurança
Seguridade Social
Política Nacional de Ciência, Tecnologia e Inovação
Programas de Pós-Graduação em Saúde
Desenvolvimento Sustentável
-Educação de Pós-Graduação
Estratégias de eSaúde
Planejamento em Saúde
Limites: Humanos
Tipo de Publ: Editorial
Responsável: CU424.1 - Centro Provincial de Información de Ciencias Médicas


  7 / 60 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Cuba
Texto completo
Id: biblio-1094088
Autor: Semper González, Abel Iván.
Título: Los Consejos Científicos y la ética de la investigación científica en salud / The Scientific Councils and the ethics of scientific research in health
Fonte: Rev. medica electron;41(3):791-793, mayo.-jun. 2019.
Idioma: es.
Descritores: Comitês de Ética em Pesquisa
Política Nacional de Ciência, Tecnologia e Inovação
Instrumentos para a Gestão da Atividade Científica
Projetos de Desenvolvimento Tecnológico e Inovação
Validade Social em Pesquisa
-Faculdades de Medicina
Universidades
Gestão da Qualidade
Ética em Pesquisa
Atividades Científicas e Tecnológicas
Limites: Humanos
Tipo de Publ: Carta
Responsável: CU424.1 - Centro Provincial de Información de Ciencias Médicas


  8 / 60 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: biblio-1060348
Autor: Heimann, Luiza Sterman.
Título: Editorial / Editorial
Fonte: BIS, Bol. Inst. Saúde (Impr.);13(1):4-4, abr. 2011.
Idioma: pt.
Descritores: Projetos de Pesquisa
Projetos de Pesquisa e Desenvolvimento
Sistema Único de Saúde
-Brasil/epidemiologia
Desenvolvimento Tecnológico
Política Nacional de Ciência, Tecnologia e Inovação
Projetos
Tecnologia
Limites: Masculino
Feminino
Humanos
Tipo de Publ: Artigo Clássico
Responsável: BR1764.1 - Núcleo de Informação e Documentação


  9 / 60 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Id: lil-608850
Autor: Paraguay Ministerio de Salud y Bienestar Social.
Título: Política nacional de investigación desarrollo tecnológico e innovación para investigación para la salud / National policy of investigation technological development and innovation for investigación for the salud.
Fonte: Asunción; Organización Panamericana de la Salud; nov. 2010. 46 p. ilus.
Idioma: es.
Descritores: Equidade em Saúde
Política
Política Nacional de Ciência, Tecnologia e Inovação
Sistemas de Saúde
-Paraguai
Responsável: PY2.1 - Centro de Documentación
PY2.1; 614, 2241


  10 / 60 LILACS  
              first record previous record
seleciona
para imprimir
Texto completo
Id: biblio-913866
Autor: Paraguay Ministerio de Salud Pública y Bienestar Social.
Título: Política nacional de investigación e innovación en salud 2016-2021 / National policy on health research and innovation 2016-2021.
Fonte: [Asunción]; OPS; mar. 2017. 39 p. ilus, tab.
Idioma: es.
Resumo: OBJETIVO: La Política esta cimentada en valores y principios a fines a lo establecidos en la Política Nacional de Salud 2015-2030; y esta estructurada en seis lineas estratégicas. El Ministerio de Salud Pública y Bienestar Social se ha propuesto el desafío de fortalecer la investigación científica en salud, para la mejora de la calidad de vida, de la expectativa de vida y del bienestar social de la población, en armonía con el ambiente, el entorno social y cultural.
Descritores: Política Nacional de Ciência, Tecnologia e Inovação
Política de Pesquisa em Saúde
-Perfil de Saúde
Equidade em Saúde
Agenda de Pesquisa em Saúde
Limites: História do Século XX
Tipo de Publ: Guia
Responsável: PY40.1 - Biblioteca



página 1 de 6 ir para página                
   


Refinar a pesquisa
  Base de dados : Formulário avançado   

    Pesquisar no campo  
1  
2
3
 
           



Search engine: iAH v2.6 powered by WWWISIS

BIREME/OPAS/OMS - Centro Latino-Americano e do Caribe de Informação em Ciências da Saúde