Base de dados : LILACS
Pesquisa : SP1.001.012.010.033 [Categoria DeCS]
Referências encontradas : 5782 [refinar]
Mostrando: 1 .. 10   no formato [Detalhado]

página 1 de 579 ir para página                         

  1 / 5782 LILACS  
              next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: biblio-876083 LILACS-Express
Autor: Berwig, Luana Cristina; Santos, Chariani Gugelmin Basso do; Carvalho, Fabiane Luz de; Jurach, Gabriela de Almeida; Pimenta, Lizandra Flores; Weiller, Teresinha Heck.
Título: CONSTRUÇÃO DE UMA LINHA DE CUIDADO NEONATAL: PERCEPÇÃO DOS PROFISSIONAIS DA ATENÇÃO BÁSICA À SAÚDE / THE BUILD OF A NEONATAL LINE OF CARE: PRIMARY HEALTH CARE PROFESSIONALS PERSPPECTIVE / CONSTRUCCIÓN DE UNA LÍNEA DE ATENCIÓN NEONATAL: PERCEPCIÓN DE LOS PROFESIONALES DE LA ATENCIÓN PRIMARIA DE SALUD
Fonte: Rev. baiana saúde pública;40 (2016)(4):https://doi.org/10.22278/2318-2660.2016.v40.n4.a1678, dez. 2017.
Idioma: pt.
Resumo: A linha de cuidado é uma estratégia que visa aos fluxos assistenciais seguros e garantidos ao usuário no Sistema Único de Saúde. O objetivo deste artigo foi analisar a percepção de profissionais da Atenção Básica à Saúde sobre a linha de cuidado neonatal. Realizou-se pesquisa qualitativa. Foram aplicadas entrevistas semiestruturadas a sete enfermeiros e cinco médicos pediatras de Unidades Básicas de Saúde do município de origem. Por meio da análise de conteúdo, emergiram duas categorias: percepção de profissionais sobre a linha de cuidado neonatal e construção da linha de cuidado neonatal. Os resultados mostraram que a Nota de Alta, instrumento utilizado na Unidade de Tratamento Intensivo Neonatal, que visava à continuidade do cuidado, não era efetiva para o que se propunha, uma vez que transferia aos pais a tarefa de buscar o acesso à rede. Também foi possível observar que existia um movimento de busca da comunicação entre os níveis primário e terciário de atenção à saúde. Concluiu- -se que, apesar da fragilidade observada nas redes de atenção no município, os profissionais da Atenção Básica possuíam a compreensão do que era uma linha de cuidado e já adotavam algumas práticas que procuravam o estabelecimento desta junto a um hospital do município.

The line of care is a strategy targeting safe and ensured assistance flow to the Unified Health System user. The objective of this article was to analyze the perception of Primary Health Care professionals on neonatal line of care. Semi-structured interviews with seven nurses and five physicians pediatricians of Basic Health Units from the city of origin were applied. By means of content analysis two categories emerged: perception of neonatal care line professionals and construction of neonatal care line. The results showed that the Discharge Note, an instrument used in the Neonatal Intensive Care Unit, aimed at the continuity of care, wasn't effective for its propose, since it transferred to the parents the task of seeking access to the network. It was also possible to observe that there was a movement to search for communication between the primary and tertiary levels of health care. In conclusion, despite the fragility observed in the care networks in the city, the Basic Care professionals had an understanding of what was a care line and already adopted some practices that sought to establish it alongside a hospital in the municipality.

La línea de atención es una estrategia que busca medios asistenciales seguros y garantizados al usuario en el Sistema Único de Salud. El objetivo de este artículo fue analizar la percepción de los profesionales de la atención primaria de salud sobre la línea de cuidado neonatal. Se realizó una investigación cualitativa. Se aplicaron entrevistas semiestructuradas a siete enfermeras y cinco médicos pediatras de Unidades Básicas de Salud en la ciudad de origen. En el análisis de contenido emergieron dos categorías: la percepción de los profesionales sobre la línea de atención neonatal y la construcción de la línea de cuidado neonatal. Los resultados mostraron que la Nota de Alta, instrumento utilizado en la Unidad de Tratamiento Intensivo Neonatal, que apunta a la continuidad del cuidado, no era efectiva para lo que se proponía, ya que transfería a los padres la tarea de buscar el acceso a la red. También fue posible observar que existía un movimiento de búsqueda de la comunicación entre los niveles primario y terciario de atención a la salud. Se concluyó que, a pesar de la fragilidad observada en las redes de atención en el municipio, los profesionales de la Atención Básica poseían la comprensión de lo que era una línea de cuidado y ya adoptaban algunas prácticas que buscaban el establecimiento de esta junto a un hospital del municipio.
Descritores: Atenção Primária à Saúde
Sistema Único de Saúde
Assistência Integral à Saúde
Neonatologia
Limites: Seres Humanos
Tipo de Publ: Relatos de Casos
Responsável: BR15.1 - Biblioteca de Ciências Biomédicas


  2 / 5782 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: biblio-876071 LILACS-Express
Autor: Tagliari, Aline Baseggio; Muraro, Caren Fernanda; Ferreira, Marcelo Gitirana Gomes.
Título: IMPACTO DA ESTRATÉGIA SAÚDE DA FAMÍLIA NAS INTERNAÇÕES HOSPITALARES POR CONDIÇÕES SENSÍVEIS À ATENÇÃO PRIMÁRIA / IMPACT OF THE FAMILY HEALTH STRATEGY IN HOSPITALS ADMISSIONS DUE TO PRIMARY CARE SENSITIVE CONDITIONS / IMPACTO DE LA ESTRATEGIA SALUD DE LA FAMILIA EN LOS INGRESOS HOSPITALARIOS PARA LA ATENCIÓN PRIMARIA
Fonte: Rev. baiana saúde pública;40 (2016)(4):https://doi.org/10.22278/2318-2660.2016.v40.n4.a1958, dez. 2017.
Idioma: pt.
Resumo: A Estratégia Saúde da Família reorganiza o modelo assistencial do Sistema Único de Saúde desde a atenção básica, garantindo ações individuais e coletivas de promoção, proteção e reabilitação da saúde, a integralidade da atenção e a responsabilidade da equipe da saúde sobre a população em seu território de referência. O objetivo foi correlacionar as taxas de internações por Condições Sensíveis à Atenção Primária e a implantação da Estratégia Saúde da Família no município de Passo Fundo, Rio Grande do Sul, nos anos de 1998 a 2007, avaliando as internações hospitalares por causas evitáveis. O delineamento do estudo foi ecológico, com os dados do Departamento de Informática do Sistema Único de Saúde. A análise dos indicadores foi baseada no período de 10 anos, separados em antes e depois da implantação da Estratégia Saúde da Família em Passo Fundo. Analisaram-se quatro períodos: 1998/1999-2000/2002, período anterior à Estratégia Saúde da Família; e o posterior à implantação, 2003/2004-2005/2007. Os resultados no período de implantação da Estratégia Saúde da Família apontaram aumento nas taxas de internações por Condições Sensíveis à Atenção Primária. Nas faixas etárias de >1 a 14 anos, quando ocorreu o aumento da cobertura das equipes, notou-se redução nas taxas de internação de todas as faixas etárias, porém destacou-se que o aumento não foi significativo quando se tratou das internações por Condições Sensíveis à Atenção Primária. Concluiu-se que, a cobertura das equipes de saúde deste local foi pouco significativa no que se referem a redução das taxas de internações por Condições Sensíveis à Atenção Primária. Neste sentido, para que futuramente essas taxas de internações sejam significativamente reduzidas, faz-se necessário a busca por melhorias na efetividade e eficácia da cobertura destas equipes.

The Family Health Strategy reorganizes the care model of the Unified Health System from basic care, ensuring individual and collective actions of promotion, protection and rehabilitation of health, the integrality of the attention and the responsibility of the health team towards the population in its territory of reference. The objective was to correlate the rates for hospitalization by Primary Health Care Sensitive Conditions and the implementation of the Family Health Strategy in the city of Passo Fundo, Rio Grande do Sul, from 1998 to 2007, evaluating the hospitalizations by preventable causes. The design of the study was ecological, with data from the Department of Informatics of the Unified Health System. The analysis of the indicators was based on the 10 years period, separated in before and after the Family Health Strategy implementation in Passo Fundo. Four periods were analyzed: 1998 / 1999-2000 / 2002, period prior to the Family Health Strategy; and the post-implementation, 2003 / 2004-2005 / 2007. The results from the implementation period of the Family Health Strategy indicated the increase of rates of hospitalizations by Primary Health Care Sensitives Conditions. For the age group > 1 to 14 years, when there was an increase to the coverage of the teams, there was a reduction in the hospitalization rates of all age groups, but it was pointed out that the increase was not significant when dealing with admissions by Primary Health Care Sensitive Conditions. In conclusion, the coverage of the health teams of this place was insignificant in relation to the reduction of the hospitalization rates for Primary Health Care Sensitive Conditions. In this sense, in order to significantly reduce hospitalization rates in the future, it is necessary to search for improvements for the effectiveness and efficiency of these teams coverage.

La Estrategia de Salud de la Familia reorganiza el modelo asistencial del Sistema Único de Salud desde la atención básica, garantizando acciones individuales y colectivas de promoción, protección y rehabilitación de la salud, la integralidad de la atención y la responsabilidad del equipo de salud sobre la población en su territorio de referencia. El objetivo fue correlacionar las tasas de internaciones por Condiciones Sensibles a la Atención Primaria y la implantación de la Estrategia Salud de la Familia en el municipio de Passo Fundo, Rio Grande do Sul, entre los años 1998 y 2007, evaluando las internaciones hospitalarias por causas evitables. El análisis de los indicadores se basó en el período de 10 años, separados en antes y después de la implantación de la ESF en Passo Fundo, con los datos del Departamento de Informática del Sistema Único de Salud. Se analizaron cuatro períodos: 1998 / 1999-2000 / 2002, período anterior a la Estrategia Salud de la Familia; y el posterior a la implantación, 2003 / 2004-2005 / 2007. Los resultados en el período de implantación de la Estrategia Salud de la Familia señalaron el aumento en las tasas de internaciones por Condiciones Sensibles a la Atención Primaria. En el grupo de edadde 1 a 14 años, cuando ocurrió el aumento de la cobertura de los equipos, se notó la reducción en las tasas de internación de todas las edades, pero se destacó que el aumento no fue significativo cuando se trató de las internaciones por Condiciones Sensibles a la Atención Primaria. Se concluye que la cobertura de los equipos de salud de este sitio fue poco significativa en lo que se refiere a la reducción de las tasas de internaciones por Condiciones Sensibles a la Atención Primaria. En este sentido, para que en el futuro estas tasas de internaciones sean significativamente reducidas, se hace necesaria la búsqueda de mejoras en la efectividad y eficacia de la cobertura de estos equipos.
Descritores: Atenção Primária à Saúde
Sistema Único de Saúde
Estratégia Saúde da Família
Hospitalização
Limites: Seres Humanos
Tipo de Publ: Relatos de Casos
Responsável: BR15.1 - Biblioteca de Ciências Biomédicas


  3 / 5782 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: biblio-1040192
Autor: Landgraf, Julia; Imazu, Nayara Emy; Rosado, Rosa Maris.
Título: Desafios para a Educação Permanente em Saúde Indígena: adequando o atendimento do Sistema Único de Saúde no sul do Brasil / Challenges for Continuing Education in Indigenous Health: adapting the assistance of the Brazilian National Health System in the south of Brazil / Desafíos para la Educación Permanente en la Salud Indígena: cómo adecuar la atención del Sistema Brasileño de Salud en el sur de Brasil
Fonte: Interface (Botucatu, Online);24:e190166, 2020.
Idioma: pt.
Resumo: Este relato de experiência visa qualificar a realização de atividades de Educação Permanente em saúde indígena no Sistema Único de Saúde (SUS) em prol da consolidação de direitos. Atividades de Educação Permanente foram realizadas em serviços do SUS. Os principais resultados deste artigo demonstram o desconhecimento a respeito dos povos indígenas na região e das especificidades da saúde indígena. Aspectos burocráticos e organizativos dos serviços são colocados como dificultadores, ainda que a equidade seja um princípio constitutivo do mesmo sistema. A presença de indígenas nas capacitações abriu espaço para uma construção conjunta com o público atendido. A atenção diferenciada é vista por muitos trabalhadores da saúde como um privilégio, sendo necessário que desigualdades étnico-raciais e diferenças culturais sejam compreendidas pelos profissionais em busca da efetivação da universalidade e equidade previstas no SUS e do fortalecimento da Política Nacional de Atenção à Saúde dos Povos Indígenas (PNASPI).(AU)

This article is an experience report that aims to discuss the performance of Continuing Education activities about indigenous health in the Brazilian National Health System (SUS) in favor of the consolidation of rights. Continuing Education activities were carried out in SUS services. The main results show lack of knowledge about indigenous peoples in the region and about the specificities of indigenous health. Bureaucratic and organizational aspects of the services are viewed as hindrances, although equity is a constitutive principle of SUS. The presence of indigenous individuals in the activities opened space for a joint construction with the assisted population. Care provided according to different needs is seen by many health workers as a privilege; therefore, it is necessary that ethnic-racial inequalities and cultural differences are understood by professionals so that the SUS principles of universality and equity are brought into effect and the National Healthcare Policy for Indigenous Peoples (PNASPI) is strengthened.(AU)

Este artículo es un relato de experiencia cuyo objetivo es calificar la realización de actividades de Educación Permanente sobre Salud Indígena en el Sistema Brasileño de Salud (SUS) en pro de la consolidación de derechos. Se realizaron actividades de Educación Permanente en servicios del SUS. Los principales resultados de este artículo demuestran el desconocimiento con relación a los pueblos indígenas en la región y los aspectos específicos de la salud indígena. Aspectos burocráticos y organizativos de los servicios se plantean como dificultadores, aunque la equidad sea un principio constitutivo del mismo sistema. La presencia de indígenas en las capacitaciones abrió espacio para una construcción conjunta con el público atendido. La atención diferenciada es vista por muchos trabajadores de la salud como un privilegio, siendo necesario que los profesionales comprendan las desigualdades étnico-raciales y las diferencias culturales para que busquen hacer efectiva la universalidad y la equidad previstas en el SUS y el fortalecimiento de la PNASPI.(AU)
Descritores: Sistema Único de Saúde
Educação Continuada
Saúde de Populações Indígenas
-Brasil
Responsável: BR33.1 - Divisão Técnica de Biblioteca e Documentação


  4 / 5782 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: biblio-1009977
Autor: Pitilin, Érica de Brito; Bedin, Rafaela; Gasparin, Vanessa Aparecida; Zuge, Samuel Spiegelberg; Potrich, Tassiana.
Título: Doença inflamatória do colo do útero: indicador indireto da saúde reprodutiva da mulher / Inflammatory disease of cervix uteri: indirect indicator of women's reproductive health / Cervicitis: indicador indirecto de la salud reproductiva de las mujeres
Fonte: Rev. enferm. UERJ;27:e21680, jan.-dez. 2019. tab.
Idioma: pt.
Resumo: Objetivo: analisar as internações por doença inflamatória do colo do útero e os fatores que influenciam a sua ocorrência. Método: estudo seccional, prospectivo, baseado em um inquérito de morbidade hospitalar realizado em 2013, com amostra de 429 mulheres internadas em hospitais no município de Guarapuava. Os dados foram analisados por meio de análise bivariada e regressão logística. O projeto foi aprovado por Comitê de Ética em Pesquisa. Resultados: do total de mulheres internadas, 45 (10,4%) foram por doença inflamatória do colo do útero. Pertencer ao público alvo, ter realizado o exame no mínimo uma vez, procurar o serviço regularmente para o controle de saúde e apresentar o resultado dentro dos limites de normalidade em 1 ano atuaram como fatores de proteção contra a ocorrência dessas internações. Conclusão: o conhecimento dos fatores que se relacionam ao desfecho fornece subsídios para a readequação dos serviços que prestam assistência às mulheres, a fim de prevenir as internações.

Objective: to examine hospital admissions for inflammatory disease of the cervix uteri and the related factors. Method: this prospective, cross-sectional study based on a hospital morbidity survey was conducted in 2013 with a sample of 429 women admitted to hospitals in the city of Guarapuava. Data were analyzed by bivariate analysis and logistic regression. The project was approved by the institution's research ethics committee. Results: 45 (10.4%) of the women were hospitalized for inflammatory disease of the cervix uteri. Protective factors against the occurrence of such hospitalizations included belonging to the target public, having performed the examination at least once, attending the service regularly for a health check and returning a result within normal limits in the prior year. Conclusion: knowledge of the factors relating to the outcome provides input for adjusting women's care services in order to prevent hospitalizations.

Objetivo: analizar las internaciones por cervicitis y los factores que influencian su ocurrencia. Método: estudio seccional, prospectivo basado en una encuesta de morbilidad hospitalaria realizada en 2013, con muestra de 429 mujeres internadas en hospitales en el municipio de Guarapuava. Los datos se analizaron por medio de análisis bivariado y regresión logística. El estudio fue aprobado por Comité de Ética en Investigación. Resultados: del total de mujeres internadas, 45 (10,4%) lo fueron por cervicitis. Pertenecer al público objetivo, haber realizado el examen al menos una vez, buscar el servicio regularmente para el control de salud y presentar el resultado dentro de los límites de la normalidad en 01 año actuaron como factores de protección respecto a la ocurrencia de estas hospitalizaciones. Conclusión: el conocimiento de los factores que se relacionan al desenlace propo
Descritores: Atenção Primária à Saúde
Doenças do Colo do Útero
Doenças do Colo do Útero/terapia
Colo do Útero/patologia
Saúde da Mulher
Hospitalização
-Sistema Único de Saúde
Brasil
Doenças Sexualmente Transmissíveis
Doenças do Colo do Útero/diagnóstico
Colo do Útero/lesões
Limites: Seres Humanos
Feminino
Adolescente
Adulto
Meia-Idade
Idoso
Idoso de 80 Anos ou mais
Responsável: BR1366.1 - Biblioteca Biomédica B - CB/B (Odontologia e Enfermagem)


  5 / 5782 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: lil-676066
Autor: Amorim, Camila Rego; Rocha, Saulo Vasconcelos; Nascimento, Maria Ângela do; Cardoso, Jefferson Paixão; Ribeiro, Fernanda de Brito; Carneiro, Lélia Renata das Virgens.
Título: Participação e mobilização social no SUS: entraves, desafios e perspectivas / Social participation and mobilization in the unified health system (SUS): challenges and prospects
Fonte: Rev. APS;15(3), set. 12.
Idioma: pt.
Resumo: O Controle Social no Sistema Único de Saúde (SUS) traduz o resultado da luta histórica dos segmentos sociais na construção do sistema de saúde através da participação da sociedade. O objetivo deste estudo é discutir o processo de participação e mobilização social no SUS, considerando a conjuntura atual, seus entraves, perspectivas e avanços. Os estudos têm ressaltado diversos aspectos que dificultam o exercício do Controle Social, consequentemente são observadas ações que não defendem o bem comum. Todavia, acreditamos que a participação social é uma conquista cuja valorização dos sujeitos e dos direitos deva ser assegurada através de políticas de saúde que atendam os anseios da sociedade.

Consumer Participation in the Unified Health System (SUS) reflects the outcome of the historical struggle of social groups in building a health system through the participation of society. The aim of this study is to discuss the process of social mobilization and participation in the SUS, considering the current situation, the barriers, prospects, and progress. Studies have highlighted several aspects that hinder the exercise of Consumer Participation, hence actions are observed that do not uphold the common good. However, we believe that social participation is an achievement, valuing individuals and rights, which should be guaranteed by health policies that meet the aspirations of society.
Descritores: Sistema Único de Saúde
Participação da Comunidade
-Política Pública
Participação Social
Tipo de Publ: Relatos de Casos
Responsável: BR378.1 - Biblioteca Central


  6 / 5782 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: lil-676065
Autor: Costa, Josiane Moreira; Pereira, Mariana Linhares.
Título: Implantação da atenção farmacêutica em uma unidade de atenção primária à saúde do Brasil: avaliação qualitativa por uma equipe multiprofissional / Implementation of pharmaceutical care in a primary care unit of the unified health system in Brazil: qualitative evaluation by a family health team
Fonte: Rev. APS;15(3), set. 12.
Idioma: pt.
Resumo: Introdução: A Atenção Farmacêutica é uma prática centrada no paciente cujo propósito é a redução de morbimortalidades associadas ao uso de medicamentos. Mesmo com o reconhecimento do seu impacto clínico positivo, o oferecimento dessa pelos sistemas públicos de saúde tem sido discutido em diferentes instâncias e não se encontra consolidado. Este trabalho propôs, a partir da experiência de uma equipe multiprofissional, avaliar a implantação de um serviço de Atenção Farmacêutica em uma Unidade de Atenção Primária à Saúde do Sistema Único de Saúde do Brasil. Utilizou-se análise qualitativa de entrevistas elaboradas a partir de um roteiro semiestruturado. Foram identificadas três fases de avaliação do serviço: período pré-implantação, implantação e pós-implantação. Os profissionais descrevem as descobertas do serviço e avaliam a implantação do mesmo no Sistema Único de Saúde e a importância da inserção do profissional farmacêutico em uma equipe multiprofissional.

Pharmaceutical Care is a patient-centered practice whose purpose is the reduction of morbidity and mortality associated with medication use. Even with the recognition of the positive clinical impact of this practice, its offering by the public health systems has been discussed on various levels and is not yet consolidated. This work proposes, based on the experience of a multidisciplinary team, to evaluate the implementation of a Pharmaceutical Care service in a Primary Health Unit of the Unified Health System in Brazil. We used qualitative analysis of interviews conducted from a semi-structured script. Three stages of evaluating the service were identified: pre-deployment, deployment, and post-deployment. The scholars describe the findings of the service, and conduct assessments on its deployment in the Unified Health System and on the importance of inclusion of the pharmacist in a multidisciplinary team.
Descritores: Assistência Farmacêutica
Atenção Primária à Saúde
-Prática Profissional
Avaliação em Saúde
Sistema Único de Saúde
Pesquisa Qualitativa
Tipo de Publ: Relatos de Casos
Responsável: BR378.1 - Biblioteca Central


  7 / 5782 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: biblio-1052831
Autor: Mattos, Julio Cesar de Oliveira; Balsanelli, Alexandre Pazetto.
Título: A liderança do Enfermeiro na atenção primária à saúde: revisão integrativa / Nurses' leadership in primary health care: an integrative review
Fonte: Enferm. foco (Brasília);10(4):164-171, 2019. ilus.
Idioma: pt.
Resumo: Objetivo: identificar como a liderança do enfermeiro tem sido estudada na atenção primária à saúde. Método: Trata-se de uma revisão integrativa realizada nas bases de dados: Scientific Electronic Library Online, Literatura Latino-Americana e do Caribe em Ciências da Saúde, Base de dados em Enfermagem, Portal Periódicos da Comissão de Aperfeiçoamento de Pessoal de Ensino Superior e Base de Dados Bibliográficas em Medicina, utilizando os descritores: "liderança" and "Enfermagem" and "Atenção Primária à Saúde" no qual foram selecionados 13 artigos em português, inglês e espanhol, no período de 2007 a 2018. Resultados: A liderança na Atenção Primária é abordada considerando os seguintes aspectos: trabalho em equipe, gerenciamento da unidade, tomada de decisão, condutas assistenciais e supervisão da equipe. Conclusão: Concluiu-se que os enfermeiros exercem papel fundamental na Atenção Primária e a liderança é uma competência que precisa ser mais estudada neste contexto. (AU)

Objective: to identify how nurse leadership has been studied in primary health care. Methodology: This is an integrative review conducted in the databases: Scientific Eletronic Library Online, Latin American and Caribbean Health Sciences Literature, Nursing Database, Periodical Portal of the Commission for the Improvement of Higher Education Personnel and Bibliographic Database in Medicine, using the keyword "leadership" and "Nursing" and "Primary Health Care" in which 13 articles were selected in Portuguese, English and Spanish from 2007 to 2018. Results: Leadership I Primary Care is approached considering the following aspects: teamwork, unit management, decision making, care management and team supervision. Conclusion: It was concluded that nurses play a fundamental role in Primary Care and leadership is a competence that needs further study in this context. (AU)

Objetivo: identificar cómo se ha estudiado el liderazgo de enfermería en la atención primaria de salud. Metodología: Esta es una revisión integradora realizada en las bases de datos: Biblioteca electrónica científica en línea, Literatura de ciencias de la salud en América Latina y el Caribe, Base de datos de enfermería, Portal periódico de la Comisión para la mejora del personal de educación superior y Base de datos bibliográfica en medicina, utilizando las palabras clave "liderazgo" y "Enfermería" y "Atención primaria de salud" en los que se seleccionaron 13 artículos en portugués, inglés y español, de 2007 a 2018. Resultados: liderazgo en La atención primaria se aborda considerando los siguientes aspectos: trabajo en equipo, gestión de la unidad, toma de decisiones, gestión de la atención y supervisión del equipo. Conclusión: se concluyó que las enfermeras desempeñan un papel fundamental en la atención primaria y el liderazgo es una competencia que necesita más estudio en este contexto. (AU)
Descritores: Liderança
-Atenção Primária à Saúde
Sistema Único de Saúde
Enfermagem
Responsável: BR1898.2 - Biblioteca


  8 / 5782 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: lil-764177 LILACS-Express
Autor: Lermen, Helena Salgueiro; Gil, Bruna Laudissi; Cúnico, Sabrina Daiana; Jesus, Luciana Oliveira de.
Título: Saúde no cárcere: análise das políticas sociais de saúde voltadas à população prisional brasileira / Health in prison: analysis of health social policies targeting the Brazilian prison population
Fonte: Physis (Rio J.);25(3):905-924, jul.-set. 2015.
Idioma: pt.
Resumo: ResumoEste estudo se propõe a realizar uma análise das terminologias utilizadas em três marcos fundamentais das políticas sociais de saúde voltadas à população prisional, a saber: a Lei de Execução Penal (LEP), o Plano Nacional de Saúde no Sistema Penitenciário (PNSSP) e a Política Nacional de Atenção Integral à Saúde das Pessoas Privadas de Liberdade no Sistema Prisional (PNAISP). Realizamos uma reflexão teórica das terminologias utilizadas nessas legislações, bem como uma contextualização do momento sócio-histórico em que foram implementadas. A LEP, de 1984, surge no período de redemocratização brasileira e prevê pela primeira vez saúde aos "presos e condenados". O PNSSP, de 2003, instituído no primeiro ano do governo Lula, preconiza o acesso à saúde à "população privada de liberdade" no sistema penitenciário. Já a PNAISP, de 2014, garante o acesso integral a toda população prisional, ou seja, todas as pessoas que se encontrem sob custódia do Estado. A partir dessas análises, entendemos que os marcos aqui descritos foram fundamentais para o avanço na ampliação dos direitos para a população privada de liberdade, avanço este que só foi possível em função do momento histórico em que a sociedade se encontrava.

AbstractThis study aims at conducting an analysis of the terminologies used in three fundamental milestones of health social policies targeting the prison population, namely: the Brazilian National Prison Law (Lei de Execução Penal - LEP), the National Plan for Health in the Prison System (Plano Nacional de Saúde no Sistema Penitenciário - PNSSP) and the National Policy of Comprehensive Health Care to People Deprived of Liberty in the Prison System (Política Nacional de Atenção Integral à Saúde das Pessoas Privadas de Liberdade no Sistema Prisional- PNAISP). We carried out a theoretical reflection of the terminologies used in these pieces of legislation, as well as a contextualization of the socio-historical moment in which they were adopted. The LEP, from 1984, arises in the period of Brazil's redemocratization and for the first time provides for health care to "prisoners and convicted people". The PNSSP, of 2003, instituted in the first year of Lula da Silva's government, advocates access to health care for the "population deprived of liberty" in the penitentiary system. The PNAISP (2014), in turn, guarantees full health care access to the prison population, that is, to all people under the custody of the State. From these analyses, we understand that the aforementioned milestones were critical to the headway made in the expansion of rights to the population deprived of liberty. A progress that was only rendered possible in view of the suitable historical moment in which society stood.
Descritores: Atenção Primária à Saúde
Prisões
Sistema Único de Saúde
Brasil
Saúde
Vulnerabilidade Social
Iniquidade Social
Política de Saúde
Limites: Seres Humanos
Masculino
Feminino
Tipo de Publ: Revisão
Responsável: BR433.1 - CB/C - Biblioteca Biomédica C


  9 / 5782 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: lil-686951
Autor: Villari, Ana Paula Silva; Souto, Bernardino Geraldo Alves.
Título: A organização funcional da rede de saúde de um município de São Paulo na percepção de um usuário / Functional organization of the public health service of a city in sao paulo state, from a user experience
Fonte: Rev. APS;15(4), 2012.
Idioma: pt.
Resumo: O Sistema Único de Saúde vem desenvolvendo políticas públicas preocupadas com o cuidado integral à saúde das pessoas. É importante, pois, verificar o andamento da aplicação de tais políticas, no sentido de avaliar o alcance dos seus objetivos. Portanto, com o fim de desbravar um caminho epistemológico para conhecer e avaliar a experiência do SUS de São Carlos, SP, com sua rede de cuidados à saúde, decodificou-se exploratoriamente a experiência de uma pessoa que procurou por assistência nessa rede. Tal decodificação se deu por meio da análise ideográfica da história de vida focal dessa pessoa sobre o cuidado que recebera. Detectou-se que o modelo assistencial em implantação ainda é pouco ágil, tem qualificação insuficiente para prover cuidado ampliado e integral, mas distribui seus recursos de modo democrático. Ademais, sustenta sua construção na Estratégia de Saúde da Família, na proposta de humanização do cuidado, na agonia do que ainda resta do antigo modo de assistência e na incapacidade do sistema privado local em prover cuidado numa dimensão além da já alcançada pelo SUS. Sua maior dificuldade é com a gestão operacional de suas propostas.

The Unified Health System (SUS) has been developing public policies directed to the total care of people?s health. Thus it is important to follow the efforts to apply these policies and evaluate the achievement of objectives. In order to clear an epistemological path toward gaining and analyzing experience with the SUS health care network in São Carlos, SP, an exploratory decoding was done on the experience of an individual that requested assistance from this public service system. This decoding was done through an ideographic analysis of the individual?s narrative history about what was experienced when assistance was required. This revealed that the assistance model being implemented here is still not agile, has insufficient qualification to offer enhanced and total care, and instead allocates its resources in a democratic manner. Moreover, this model is sustained in turning to the Family Health Strategy, in the proposal for the humanization care, in the throes of what remains of the old system of care, and in the inability of the local private system to provide care in a dimension beyond what has been already achieved by the SUS. Its major obstacle involves the operational management of its various proposals.
Descritores: Assistência Integral à Saúde
Serviços de Saúde
-Sistema Único de Saúde
Assistência à Saúde
Tipo de Publ: Relatos de Casos
Responsável: BR378.1 - Biblioteca Central


  10 / 5782 LILACS  
              first record previous record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: lil-764181 LILACS-Express
Autor: Carvalho, Maria de Nasaré; Franco, Tulio Batista.
Título: Cartografia dos caminhos de um usuário de serviços de saúde mental: produção de si e da cidade para desinstitucionalizar / Mapping a user's paths of mental health services: his own production and the city's to deinstitutionalize
Fonte: Physis (Rio J.);25(3):863-884, jul.-set. 2015.
Idioma: pt.
Resumo: ResumoCom base na cartografia proposta neste estudo, procurou-se analisar a rede de cuidados à saúde mental, tomando um usuário como analisador dessa própria rede. A produção de dados se deu com observação do cenário de trabalho e cuidado, anotações em caderno de campo, acompanhamento do usuário e entrevistas com este e com seu principal cuidador. O achado do estudo que mais chama atenção é o fato de que o usuário é um grande protagonista na construção da sua rede, do seu cuidado, criando, a partir disso, novas possibilidades de existência e produzindo sua própria desinstitucionalização, levando a crer ser possível a construção de outras cidades no mundo da loucura.

AbstractBased on the mapping proposed in this study, we tried to analyze the mental health care network, taking a user as analyzer of his own network. The production data was observing the work and care setting, notes in a diary, user's monitoring and interviews with him and with his primary caregiver. The finding of the study that draws more attention is the fact that the user is a major player in building his network, his care, creating from it, new possibilities of existence and producing its own institutionalization, leading us to believe the construction of other cities in the world of madness is possible.
Descritores: Sistema Único de Saúde
Brasil
Distribuição Espacial da População
Saúde Mental
Cuidadores
Mapas
Assistência à Saúde
Serviços de Saúde
Limites: Seres Humanos
Tipo de Publ: Revisão
Entrevista
Responsável: BR433.1 - CB/C - Biblioteca Biomédica C



página 1 de 579 ir para página                         
   


Refinar a pesquisa
  Base de dados : Formulário avançado   

    Pesquisar no campo  
1  
2
3
 
           



Search engine: iAH v2.6 powered by WWWISIS

BIREME/OPAS/OMS - Centro Latino-Americano e do Caribe de Informação em Ciências da Saúde