Base de dados : LILACS
Pesquisa : SP1.001.017 [Categoria DeCS]
Referências encontradas : 2835 [refinar]
Mostrando: 1 .. 10   no formato [Detalhado]

página 1 de 284 ir para página                         

  1 / 2835 LILACS  
              next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: biblio-1058794
Autor: Nardi, Henrique Caetano; Guareschi, Neuza Maria de Fátima; Hamann, Cristiano.
Título: Reinventando territórios pela via da diferença: desafios para a Psicologia / Reinventing territories through difference: challenges for Psychology
Fonte: Rev. polis psique;8(2):1-6, maio-ago. 2018.
Idioma: pt.
Descritores: Política
Psicologia Social
Territorialidade
Pesquisa Científica e Desenvolvimento Tecnológico
Responsável: BR574.2 - Biblioteca


  2 / 2835 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: biblio-1053044
Autor: Jorge, Sabrina Behar.
Título: As bases filosóficas dos conhecimentos científicos em saúde ambiental na Fundação Oswaldo Cruz / Philosophical foundations of scientific knowledge in environmental health of Oswaldo Cruz Foundation.
Fonte: Rio de Janeiro; s.n; 2019. 144 p. ilus.
Idioma: pt.
Tese: Apresentada a Instituto Oswaldo Cruz para obtenção do grau de Mestre.
Resumo: Saúde ambiental é um campo recente no cenário da pesquisa brasileira. O objetivo desta dissertação é tornar visíveis as bases filosóficas da produção intelectual do campo da Saúde Ambiental desenvolvida em uma instituição de pesquisa e ensino superior de abrangência nacional, a Fundação Oswaldo Cruz. A hipótese de trabalho testada consiste no enunciado de que não existe uma única base filosófica para o discurso que emerge no meio científico acerca da Saúde Ambiental na Fiocruz, mas, ao contrário, múltiplas visões de mundo, implicando em perspectivas diversas que podem, ou não, ser convergentes em relação ao tema de interesse de cada pesquisador. METODOLOGIA: I - Pesquisa bibliográfica na Base Scielo, no site da OMS/OPAS e nos Anais dos dois Simpósios Brasileiros de Saúde Ambiental (2010 e 2014), identificando autores que produzem trabalhos na área de saúde ambiental. II - Catalogação das publicações disponíveis e seleção dos autores da Fiocruz que atendam a três (3) dos cinco (5) critérios: 1) produção anual sistemática (acima de dois artigos publicados anualmente ao longo de 10 anos (2007-2017); 2) vínculo institucional com programas de pós-graduação; 3) ser líder/vice líder ou pesquisador de grupo de pesquisa do CNPq; 4) ter bolsa de produtividade em pesquisa do CNPq; 5) ter registrado o termo "Saúde Ambiental" ou "Saúde e Ambiente" no CV Lattes. III ­ Identificação de termos descritores de 9 políticas públicas de Saúde Ambiental no Brasil no Lattes desses atores. IV ­ Levantamento de artigos, livros e capítulos de livros escritos em português pelos autores selecionados no período observado. V ­ Teste de verificação comparando a qualidade de uma análise automatizada das publicações de cada autor-alvo selecionado com a da de uma leitura pessoal. VI ­ Catalogação dos filósofos contidos nas referências bibliográficas em cada um dos textos inventariados.

VII ­ Uso do software CmapsTools para construir mapas conceituais da produção dos autores em relação às políticas públicas que estruturam os conhecimentos de Saúde Ambiental da Fiocruz. RESULTADOS: Com a metodologia mista, dividida em 4 níveis de abrangência do universo empírico, identificamos inicialmente 1190 nomes de autores desse campo. Um subconjunto de 221 de pesquisadores da Fiocruz atende a 3 dos 5 critérios. 28 possuem estudos em ao menos 70% das políticas públicas selecionadas para o estudo. Dentre esses, 7 pesquisadores foram privilegiados enquanto amostra para o trabalho. Dentre esses, 84 foram os filósofos referidos em seus textos, abordando principalmente temas como filosofia política, epistemologia, ética e direito. CONCLUSÃO: A partir da observação de pesquisadores da Fundação Oswaldo Cruz, confirmamos nossa hipótese de trabalho da pluralidade de bases filosóficas no conhecimento produzido no campo de Saúde Ambiental. Procuramos identificar conceitos predominantes trabalhados na literatura, a fim de compreender suas proposições-chave e o uso de filósofos por esses atores que dão luz à construção de conhecimento de um campo cientifico em contínuo processo de expansão e consolidação no país. (AU)
Descritores: Política
Saúde Ambiental
Conhecimento
Pesquisa Qualitativa
Limites: Seres Humanos
Responsável: BR15.1 - Biblioteca de Ciências Biomédicas


  3 / 2835 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Texto completo
Id: biblio-1051019
Autor: Nascimento, Oromar Augusto dos Santos; Inácio, Humberto Luis de Deus; Lazzarotti Filho, Ari.
Título: O lazer nos projetos pedagógicos de cursos de licenciatura em Educação Física no estado de Goiás / The leisure in the pedagogical project of courses in physical education in the state of Goiás
Fonte: Licere (Online);22(4):392-414, dez.2019. tab, ilus.
Idioma: pt.
Resumo: A pesquisa apresentada neste artigo teve como objetivo compreender a presença do tema 'Lazer' nos Projetos Pedagógicos de Cursos (PPC) de licenciatura em Educação Física do Estado de Goiás. Desenvolveu-se uma pesquisa qualitativa, do tipo documental, na qual se realizou uma análise de conteúdo, com o apoio do software para análise qualitativa WebQDA®. Os resultados indicaram a existência de disciplinas específicas sobre lazer nos PPC, relacionadas com a educação, os jogos, os brinquedos e as brincadeiras; as mesmas utilizam obras de autores nacionais como principais fontes de referência. Concluiu-se que o lazer está presente nos PPC estudados, como campo de atuação profissional, estabelecendo relações com a educação, mas ainda é desenvolvido de forma breve e introdutória.

The researchpresented in this article had as objective to understand the presence of the theme 'Leisure' in the Pedagogical Projects of Courses (PPC) of degree in Physical Education of the State of Goiás. A qualitative, documentary type research was developed, in which a content analysis was carried out, with the support of WebQDA® qualitative analysis software. The results indicated the existence of specific disciplines ofleisure in PPC, related to education and games; they use works by national authors as main sources of reference. It was concluded that leisure is present in the PPCs studied, as a field of professional activity, establishing relations with education, but it is still developed in a brief and introductory way.
Descritores: Educação Física e Treinamento
Política
Prática Profissional
Ensino
Currículo
Atividades de Lazer
Responsável: BR21.1 - Biblioteca J Baeta Vianna- Campus Saúde UFMG


  4 / 2835 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: biblio-1005379
Autor: Almeida, Deybson Borba de; Silva, Gilberto Tadeu Reis da; Freitas, Genival Fernandes; Santos, Nívia Vanessa Carneiro dos; Almeida, Igor Ferreira Borba de; Silva, Deivison Oliveira da.
Título: As contribuições de Stella Barros para a enfermagem brasileira: trajetória de vida e militância política / Stella Barros' contributions to nursing in Brazil: life story and political activism / Las contribuciones de Stella Barros para la enfermería brasileña: trayectoria de vida y militancia política
Fonte: Rev. enferm. UERJ;27:e39003, jan.-dez. 2019.
Idioma: pt.
Resumo: Objetivo: analisar a trajetória de vida de Stella Barros e suas contribuições para a enfermagem brasileira. Método: pesquisa histórica, do tipo história de vida com enfoque biográfico. O referencial filosófico que respaldou a análise foi o foucaltiano; aplicada técnica de entrevista semiestruturada. Para organização e tabulação da história oral foi utilizado o software Nvivo 10. Para o trabalho de dados optou-se pelo método de análise de conteúdo e emergiram cinco categorias dos discursos. Resultados: desdobram-se, primeiramente, no fato de a professora mencionada ser considerada um ícone no cenário nacional e internacional, seu percurso é marcado pelo ativismo político, presente em diversas fases da vida. Conclusão: são relevantes estudos que abordem a contribuição de enfermeiras militantes, de forma a favorecer a discussão de problemas expressos pela alienação e ausência de identidade - aspectos imprescindíveis para valorização e reconhecimento profissional.

Objective: to examine the life story of Stella Barros and her contributions to Brazilian nursing. Method: this historical, biographical life-history type study, framed by the philosophy of Foucault, used the semi-structured interview technique. The oral history was organized and tabulated using NVivo 10 software. Data were treated by content analysis, from which five categories emerged. Results: first, the teacher in question was considered an icon nationally and internationally, and her trajectory bears the imprint of the political activism present at several stages of her life. Conclusion: studies that address contributions by militant nurses are important in prompting discussion of the problems of alienation and lack of identity, which are essential to the endeavor to gain recognition for the profession and its value.

Objetivo: analizar la trayectoria de vida de Stella Barros y sus vínculos para la enfermería brasileña. Método: investigación histórica, del tipo historia de vida con enfoque biográfico. El referencial filosófico que respaldó el análisis fue el de Foucault; se aplicó la técnica de entrevista semiestructurada. Para la organización y tabulación de la historia oral se utilizó el software Nvivo 10. El análisis de datos fue realizado a través del método de análisis de contenido y de ahí surgieron cinco categorías de los discursos. Resultados: se desdoblan, primero, en el hecho de que la profesora es considerada un icono en el escenario nacional e internacional, su recorrido está marcado por el activismo político, presente en varias fases de la vida. Conclusión: son relevantes los estudios que aborden la contribución de enfermeras militantes, para favorecer una discusión de problemas expresos por la alienación y la ausencia de identidad - aspectos imprescindibles para la valorización y el reconocimiento profesional.
Descritores: Política
Enfermagem
História da Enfermagem
Liderança
Enfermeiras e Enfermeiros
-Biografia
Limites: Seres Humanos
Feminino
Adulto
Responsável: BR1366.1 - Biblioteca Biomédica B - CB/B (Odontologia e Enfermagem)


  5 / 2835 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Texto completo
Id: biblio-1050744
Autor: Galeano, Giovana Barbieri; Guareschi, Neuza Maria de Fátima; Scisleski, Andrea Cristina Coelho.
Título: Políticas de Pesquisa e Resistências em Tempos de Acirramento dos Processos de Violência / Research Policies and Resistance Policies in Times of Incitement of Violence Processes / Políticas de Investigación y Resistencia en Tiempos de Intensificación de los Procesos de Violencia
Fonte: Psicol. ciênc. prof;39(2,n.esp):19-32, ago.-nov. 2019. ilus.
Idioma: pt.
Resumo: Neste artigo, tomamos os estudos de Hannah Arendt, Walter Benjamin e Giorgio Agamben para problematizar a Psicologia e as demandas que lhe são dirigidas em termos de empreender a produção de estratégias contra práticas violentas que tem crescido no contexto brasileiro contemporâneo. Para a presente discussão, designamos três analisadores principais: o primeiro é uma cena vivenciada em um parque da cidade de Porto Alegre - RS, cuja função como cenário é discutir como a Psicologia aborda questões relacionadas ao cotidiano no que tange a produção de conhecimento; o segundo considera os movimentos realizados por diversos grupos em todo o Brasil sob a hashtag "#elenão"; finalmente, o terceiro focaliza o período após o primeiro turno das eleições presidenciais de 2018, quando o espaço público foi usado para dialogar sobre as propostas presidenciais dos candidatos para o segundo turno. A aposta ético-epistemológica e política de nossa pesquisa está ligada às lutas que constituem um espaço de resistência em relação às práticas violentas incitadas cotidianamente. Argumentamos que as lutas não dizem respeito apenas à afirmação da possibilidade de existência/vida, mas, principalmente, sobre a impossibilidade de não lutar...(AU)

In this article, we take Hannah Arendt, Walter Benjamin and Giorgio Agamben's studies to problematize psychology and the direct demands to produce strategies against violent practices that have been escalating in the contemporary Brazilian context. We designate three main analyzers to the present discussion: the first is a scene experienced in a park in the city of Porto Alegre - Rio Grande do Sul, which serves as an example to discuss how psychology approaches these daily-life issues of vulnerability related to knowledge production; the second regards to movements performed by several groups throughout Brazil, during the election period, under the hashtag "#elenão"; finally, the third analyzer focuses on the campaign period for the second term of the 2018's presidential election when the public space was used to discuss candidates' presidential proposals. The ethical-epistemological and political bet of our research is linked to daily struggles that constitute a space of resistance to violent practices incited on a daily basis. We argue that struggles are not only related to the affirmation of the possibility to exist in society, but also to the impossibility of not struggling...(AU)

En este artículo, tomamos los estudios de Hannah Arendt, Walter Benjamin y Giorgio Agamben para problematizar la psicología y las demandas que se le dirigen en términos de emprender la producción de estrategias contra prácticas violentas que han crecido en el contexto brasileño contemporáneo. Para la presente discusión, designamos tres analizadores principales: el primero es una escena vivida en un parque de la ciudad de Porto Alegre ­ Rio Grande do Sul, cuya función como escenario es discutir cómo la psicología aborda temas relacionados con la vida cotidiana en términos de producción de conocimiento; el segundo analizador considera los movimientos realizados por diversos grupos en todo Brasil bajo el hashtag "#elenão"; Por último, el tercer analizador se centra en el período posterior a la primera votación de las elecciones presidenciales de 2018, cuando se utilizó el espacio público para dialogar sobre las propuestas presidenciales de los candidatos para la segunda votación. La apuesta ético-epistemológica y política de nuestra investigación está vinculada a las luchas que constituyen un espacio de resistencia en relación a las prácticas violentas incitadas cotidianamente. Argumentamos que las luchas no se refieren sólo a la afirmación de la posibilidad de existencia/vida, sino principalmente a la imposibilidad de no luchar...(AU)
Descritores: Psicologia
Psicologia Social
Comportamento Social
Violência
Poder (Psicologia)
Estado
Populações Vulneráveis
Marginalização Social
Relações Interpessoais
-Política
Relações Raciais
Violência Étnica
Limites: Seres Humanos
Masculino
Feminino
Tipo de Publ: 57788
Responsável: BR1552.1 - Biblioteca Central


  6 / 2835 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: biblio-846233 LILACS-Express
Autor: Edwards, Fernanda Carvajal.
Título: Sexopolítica en los inicios de la dictadura de Augusto Pinochet: el “cambio de sexo” de Marcia Alejandra en los discursos de la prensa / Sexopolítica no início da ditadura de Pinochet: a “mudança de sexo” de Marcia Alejandra nos discursos da imprensa / Sexpolitics in Pinochet's early Dictatorship: Marcia Alejandra's “sex change” in the press discourses
Fonte: Sex., salud soc. (Rio J.);(24):103-129, sept.-dic. 2016. graf.
Idioma: es.
Resumo: Resumen: El presente artículo aborda las condiciones de posibilidad de una serie de procedimientos médico-legales de “cambio de sexo” que tuvieron lugar bajo el Terrorismo de Estado en Chile. Considerando la cobertura de prensa de la historia de Marcia Alejandra, la primera mujer trans que obtuvo un cambio registral de sexo durante la dictadura de Pinochet, el presente texto se estructura en tres apartados. El primero toma como punto de partida la solicitud de “cambio de sexo” de Marcia Alejandra publicada en el Diario Oficial, para explicar el marco legal en el que el “cambio de sexo” fue posible en el período. El segundo aborda la proliferación de enunciados y categorías médicas que circularon en la prensa tomando como escusa el caso de Marcia Alejandra, dando cuenta del rol que tuvo la Sociedad Chilena de Sexología Antropológica en la configuración de los discursos sobre el “cambio de sexo”. El tercero analiza la inscripción del relato de la transición de Marcia Alejandra en la narrativa sociopolítica de la fractura entre Unidad Popular y Dictadura.

Resumo: Este artigo discute as condições de possibilidade de uma série de procedimentos médicos e legais de “mudança de sexo” durante o período de Terrorismo de Estado no Chile. Considerando a cobertura mediática da história de Marcia Alejandra, a primeira mulher trans que obteve “mudança de sexo” civil durante a ditadura de Pinochet, o artigo é dividido em três seções. No primeiro, analisamos o pedido de “mudança de sexo” de Marcia Alejandra, publicado no Jornal Oficial, para descrever o quadro legal em que as “mudanças de sexo” foram realizadas durante esse período. Em segundo lugar, centramo-nos na proliferação de declarações e categorias médicas que circulam na imprensa relacionadas com o caso de Marcia Alejandra e enfatizamos o papel da Sociedade Chilena de Sexologia Antropológica na formação de discursos sobre a “mudança de sexo”. Na terceira seção, analisamos a inscrição da história da transição de Marcia Alejandra na narrativa sociopolítica sobre a ruptura entre a Unidade Popular e a Ditadura.

Abstract: This article discusses the conditions of possibility of a series of medical and legal procedures of “sex change” during the period of State Terrorism in Chile. Considering the media coverage of Marcia Alejandra’s story, the first trans woman who obtained civil “sex change” during Pinochet´s dictatorship, the article is divided in three sections. In the first one, we analyze Marcia Alejandra’s “sex change” request, published in the Official Journal, to describe the legal framework in which “sex changes” were undertaken during thtat period. Second, we focus on the proliferation of statements and medical categories that circulated in the press related to the case of Marcia Alejandra, and emphasize the role of the Chilean Society of Anthropological Sexology in shaping discourses regarding “sex change”. In the third section, we analyze the inscription of the story of Marcia Alejandra’s transition within the socio-political narrative about the rupture between Popular Unity and Dictatorship.
Descritores: Política
Chile
Conhecimento
Imprensa
Cirurgia de Readequação Sexual
Pessoas Transgênero
Fascismo
FRAUDTEMEFOS
Identidade de Gênero
Limites: Seres Humanos
Tipo de Publ: Revisão
Entrevista
Responsável: BR433.1 - CB/C - Biblioteca Biomédica C


  7 / 2835 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: biblio-846238 LILACS-Express
Autor: Gava, Thais; Villela, Wilza Vieira.
Título: Educação em Sexualidade: desafios políticos e práticos para a escola / Sexuality Education: political and practical challenges for school / Educación en Sexualidad: desafíos políticos y prácticos para la escuela
Fonte: Sex., salud soc. (Rio J.);(24):157-171, sept.-dic. 2016.
Idioma: pt.
Resumo: Resumo: O artigo aborda a temática da educação em sexualidade a partir das falas e das discussões apresentadas por profissionais da educação, tendo em vista o debate político e a necessidade de se pensar a distância entre o que é proposto nos documentos normativos sobre a educação em sexualidade no país, a realidade dos estudantes nos seus espaços sociais e os posicionamentos dos profissionais em relação ao tema.

Abstract: The article discusses sexuality education based on the discourses presented by education professionals, given the Brazilian political debate on this topic, and the strategical importance of thinking about the gap between what is proposed by normative documents on education, the reality of the students in their social space, and the professionals’ point of view.

Resumen: El artículo aborda el tema de la Educación en Sexualidad a través de discusiones presentadas por los profesionales de la educación, teniendo en cuenta el debate político y la necesidad de pensar la diferencia entre lo que se propone en los documentos normativos sobre la educación en Brasil, la realidad de estudiantes en su espacio social y el posicionamiento de los profesionales.
Descritores: Política
Política Pública
Instituições Acadêmicas
Educação Sexual
Brasil
Educação
Professores Escolares
Moral
Limites: Seres Humanos
Tipo de Publ: Revisão
Responsável: BR433.1 - CB/C - Biblioteca Biomédica C


  8 / 2835 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: biblio-846241 LILACS-Express
Autor: Brown, Josefina.
Título: El aborto en cuestión: la individuación y juridificación en tiempos de neoliberalismos / Aborto em questão: individualização e judicialização em tempos de neoliberalismos / Abortion in debate: individualization and juridification in neoliberalism times
Fonte: Sex., salud soc. (Rio J.);(24):16-42, sept.-dic. 2016.
Idioma: es.
Resumo: Resumen: Este artículo recoge algunas reflexiones teóricas ligadas a una investigación empírica en torno a los derechos sexuales y (no) reproductivos, en la intersección entre los discursos sociopolíticos y las experiencias personales, con el objetivo de contribuir a comprender las dificultades para discutir pública y políticamente sobre aborto, en Argentina en particular y en Latinoamérica en general. El debate se plantea en el marco de contextos neoliberales ligados a procesos de políticas de individuación y juridificación/judicialización de los problemas sociales, incluyendo la cuestión del aborto. La hipótesis planteada apunta a subrayar las complejidades que supone la concepción de individuo vigente en el marco del neoliberalismo, a diferencia del individuo de la “sociedad organizada”, así como a resaltar las dificultades particulares que devienen del pasaje del énfasis en un discurso biomédico a otro jurídico en torno de las sexualidades. Se trata de dos problemas nodales: uno, ligado con la cuestión de lo que supone la individuación; y el otro, lo que implica la solapada persistencia del sujeto abstracto, base del sujeto de derecho, y que oblitera todas las diferencias, incluidas las económicas y sociales entre las personas (mujeres, en este caso). Asimismo se enfatiza la insistencia en la conciencia, la voluntad, la libertad, pero sobre todo, la responsabilidad que se exige al individuo neoliberal (retomando la noción de individuo liberal clásica pero actualizada a los tiempos que corren) y que se traduce, en caso del aborto, en la dificultad para tolerar la “falla” que deviene de la imposibilidad de prevenir exitosamente todos los riesgos, en el marco del ejercicio de la sexualidad que se impone ahora como libre, voluntaria, consentida, responsable y placentera.

Resumo: Este artigo é baseado em análises teóricas e pesquisas empíricas sobre direitos sexuais e não reprodutivos na interseção entre discursos sociopolíticos e experiências individuais. O objetivo principal é compreender os impedimentos nos debates públicos e políticos sobre o aborto na Argentina e na América Latina de forma mais ampla, associando-os aos processos políticos de individualização e judicialização dos problemas sociais nos contextos neoliberais. A hipótese proposta destaca as complexidades subjacentes ao conceito neoliberal de individualidade em relação ao mesmo conceito na “sociedade organizada”, bem como as dificuldades específicas em relação às sexualidades que emergem da ênfase em um discurso biomédico em vez de um jurídico. É exigido do indivíduo neoliberal: consciência, vontade, liberdade e especialmente responsabilidade (atualizando a noção liberal clássica de individualidade). No caso do aborto, essas novas exigências sociais se traduzem em uma intolerância ao que é concebido como um “erro” ou uma incapacidade de prevenir os riscos no exercício de uma sexualidade que deve ser livre, voluntária, consensual, responsável e prazerosa,

Abstract: This paper is based on theoretical analysis and empirical research on sexual and (non) reproductive rights on the intersection between sociopolitical discourses and individual experiences. The main objective is to understand the impediments on public and political debates on abortion in Argentina, and in Latin America more broadly, associating them to political processes of individualization and juridification/judicialisation of social problems in neoliberal contexts. The proposed hypothesis highlights the complexities underlyng the neoliberal concept of individuality vis-a-vis the same concept in the “organized society”, as well as the specific difficulties regarding sexualities which emerge from the emphasis on a biomedical discourse instead of a juridical one. It is required of the neoliberal individual: conscience, will, freedom, and especially responsibility (updating the classical liberal notion of individuality). In the case of abortion, these new social demands translate into an intolerance towards what is conceived as a “mistake” or an inability to prevent risks in the exercise of a sexuality which must be free, voluntary, consensual, responsible and pleasurable,
Descritores: Argentina
Política
Delitos Sexuais
Mulheres
Feminismo
Sistema de Justiça
Direitos Sexuais e Reprodutivos
Aborto
Identidade de Gênero
Limites: Seres Humanos
Feminino
Gravidez
Tipo de Publ: Revisão
Entrevista
Responsável: BR433.1 - CB/C - Biblioteca Biomédica C


  9 / 2835 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Id: lil-608850
Autor: Paraguay Ministerio de Salud y Bienestar Social.
Título: Política nacional de investigación desarrollo tecnológico e innovación para investigación para la salud / National policy of investigation technological development and innovation for investigación for the salud.
Fonte: Asunción; Organización Panamericana de la Salud; nov. 2010. 46 p. ilus.
Idioma: es.
Descritores: Equidade em Saúde
Política
Política Nacional de Ciência, Tecnologia e Inovação
Sistemas de Saúde
-Paraguai
Responsável: PY2.1 - Centro de Documentación
PY2.1; 614, 2241


  10 / 2835 LILACS  
              first record previous record
seleciona
para imprimir
Id: lil-329661
Autor: Paraguay. Ministerio de Salud Pública y Bienestar Social.
Título: Descentralización estatal del sector salud: seminario-taller / State decentralization of the sector health: seminar-worshop.
Fonte: Asunción; Organización Pnamericana de la Salud; nov. 1999. 71 p.
Idioma: es.
Resumo: Reune lo desarrollado en el seminario taller "Descentralización estatal del sector salud, incluye lo siguiente: marcos conceptuales de la descentralización, las opciones de la descentralización del estado en el sector salud : experiencias internacionales, , descentralización del estado : conceptualización y práctica en latinoamérica, porpuesta de un modelo de descentralización en la administración en la admininistración y prestación de servicios asistenciales básicos de salud, y la visiones institucionales sobre el proceso en el Paraguay
Descritores: Política
Modernização do Setor Público
Saúde Pública
Serviços Básicos de Saúde
-Paraguai
Responsável: PY40.1 - Biblioteca
PY40.1; Py351.5



página 1 de 284 ir para página                         
   


Refinar a pesquisa
  Base de dados : Formulário avançado   

    Pesquisar no campo  
1  
2
3
 
           



Search engine: iAH v2.6 powered by WWWISIS

BIREME/OPAS/OMS - Centro Latino-Americano e do Caribe de Informação em Ciências da Saúde