Base de dados : LILACS
Pesquisa : SP1.011.112.128 [Categoria DeCS]
Referências encontradas : 136 [refinar]
Mostrando: 1 .. 10   no formato [Detalhado]

página 1 de 14 ir para página                         

  1 / 136 LILACS  
              next record last record
seleciona
para imprimir
Texto completo
Id: biblio-1050447
Autor: Nascimento, Cibele Sousa.
Título: Análise das competências desejáveis ao gestor do Sistema Único de Saúde / Analysis of the desirable Competencies of the Unified Health System (SUS) Manager.
Fonte: Rio de Janeiro; s.n; 2018. 25 f p.
Idioma: pt.
Resumo: A gestão em saúde é um dos grandes desafios para a consolidação do Sistema Único de Saúde (SUS). Por isso, o profissional que assume a posição de gestor em saúde pública, a nível municipal, estadual e federal, precisa desenvolver competências para atuar de forma efetiva e eficiente. Este trabalho tem o objetivo de discutir quais competências são necessárias ao gestor do SUS, a nível estadual e municipal, por meio da análise da publicação do Conselho Nacional de Secretários de Saúde (CONASS) denominada "A Gestão do SUS", parte da coleção "Para entender a Gestão do SUS ­ 2015" juntamente com uma revisão e análise crítica da literatura sobre o tema. Para isso foi realizada busca bibliográfica na Biblioteca Virtual em Saúde (BVS) e na "Scientific Electronic Library Online" (SciELO), entre os anos de 1988 a 2018, com os seguintes descritores: "gestão em saúde"; "gestão por competência"; "complexidade em gestão"; "papel do gestor no SUS". Foram incluídos 15 artigos por atenderem aos objetivos do presente trabalho. Tanto a literatura analisada como a publicação do CONASS, mostram que é necessário ao gestor ter conhecimento da Lei Orgânica do SUS, assim como suas alterações, pois todo seu trabalho é baseado nos princípios ali descritos. Assim como mostram que é fundamental a apropriação de conhecimentos administrativos e suas ferramentas específicas. Em relação às habilidades, tanto na literatura como na publicação do CONASS, o gestor precisa possuir visão sistêmica, compartilhar informações e conhecimentos, liderar equipes, gerenciar pessoas e ter capacidade de inovação. A publicação do CONASS aborda a gestão do SUS em um sentido mais técnico, sem esmiuçar habilidades e atitudes necessárias aos gestores, deixando-as implícitas, já a revisão de literatura permite ampliar o olhar sobre o papel do gestor de saúde do SUS, tornando mais visível a complexidade desta função

Health management is one of the major challenges for the consolidation of the Unified Health System (SUS). Therefore, the professional who assumes the position of manager in public health, at municipal, state and federal level, needs to develop competencies to act effectively and efficiently. This work has the objective of discussing what competencies are necessary to the SUS manager, at the state and municipal level, through the analysis of the publication of the National Council of Health Secretaries (CONASS), entitled "SUS Management", part of the collection "To understand SUS Management - 2015" together with a review and critical analysis of the literature on the subject. For this purpose, a bibliographic search was performed in the Biblioteca Virtual em Saúde (BVS) and "Scientific Electronic Library Online" (SciELO), from 1988 to 2018, with the following descriptors: "health management"; "Management by competence"; "Complexity in management"; "Role of the manager in SUS".A total of 15 articles were included which met the objectives of the study. A documentary analysis of the CONASS publication "Management of SUS" was also carried out, part of the collection "To understand SUS Management - 2015". Both the literature reviewed and the CONASS publication show that it is necessary for the manager to be aware of the SUS Organic Law, as well as its alterations, since all his work is based on the principles described there. Both sources showed its fundamental the appropriation of administrative knowledge and specific tools. Regarding skills, both in the literature and in the CONASS publication, the manager must have systemic vision, share information and knowledge, lead teams, manage people and be innovative. CONASS addresses the management of the SUS in a more technical sense, without scrutinizing skills and attitudes necessary for managers, leaving them implicit, since the literature review allows to a broader view on the role of SUS health manager, making visible the complexity function
Descritores: Competência Profissional
Sistema Único de Saúde
Brasil
Gestão em Saúde
Gestor de Saúde
Limites: Seres Humanos
Tipo de Publ: Revisão
Responsável: BR433.1 - CB/C - Biblioteca Biomédica C
BR433.1; 614.39(81), N244


  2 / 136 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: biblio-1014331
Autor: Domínguez Barrera, Constantino; Cervera Vallejos, Mirtha; León Jiménez, Franco; Ñique Carbajal, César.
Título: Educar en Bioética: el rol del directivo en el proceso de enseñanza del profesional de las ciencias de la salud / Educate in Bioethics: the role of the manager in the teaching process of the professional health sciences
Fonte: Rev. méd. hered;29(4):248-254, oct.-dic 2018. ilus.
Idioma: es.
Resumo: En función de las necesidades de investigación en formación de recursos humanos poco abordado en nuestro medio, y partiendo de la experiencia de vida dedicados a la docencia universitaria por parte de los autores, pretendemos realizar un análisis y propuesta sobre las cualidades profesionales y personales que debe poseer un directivo u autoridad académica en el campo de las ciencias de la salud. Para llegar a desarrollar un cargo de directivo dentro de la vida universitaria proponemos que la persona debe contar con una trayectoria académica y profesional reconocida y secuencial, con sólidos conocimientos en la gestión de la universidad a través de la certificación de un entrenamiento o programa de postgrado, así como también el haber plasmado en su quehacer académico la metodología de la investigación científica evidenciado en la publicación de obras que son consultadas por sus pares y estudiantes, asimismo es imprescindible que el directivo académico sea un ejemplo a seguir, sea ético, es decir que muestre coherencia entre su vida profesional y personal. En resumen, proponemos que para ser elegido autoridad en nuestro sistema universitario no basta cumplir con los requisitos que nos propone la ley, sino que deberíamos observar estas cualidades que a manera de propuesta creemos que sería determinantes para el buen gobierno de nuestras escuelas y/o facultades de ciencias de la salud. (AU)

Depending on the research needs in human resources training little addressed in our environment, and based on the experience of life dedicated to university teaching by the authors, we intend to carry out an analysis and proposal on the Professional and personal qualities that an executive or academic authority must possess in the field of health sciences. In order to develop an executive position within the university life we propose that the person must have an academic and professional trajectory recognized and sequential, with solid knowledge in the management of the university through the certification of a training or postgraduate program, as well as having reflected in his academic work the methodology of scientific research evidenced in the publication of works that are consulted by his peers and students, it is also imperative that the academic executive is an example to follow, be ethical, that is to show consistency between your professional and personal life. In summary we propose that to be elected authority in our university system is not enough to meet the requirements of the law, but we should observe these qualities that as a proposal we believe would be determinants for good governance of our schools and/or faculties of health sciences. (AU)
Descritores: Pesquisa
Bioética
Ciências da Saúde/educação
Gestor de Saúde
Governo
Tipo de Publ: Artigo Clássico
Responsável: PE1.1 - Oficina Universitária de Biblioteca


  3 / 136 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Saúde Pública
Texto completo
Id: biblio-895607
Autor: Andrade, Flávia Reis de; Narvai, Paulo Capel; Montagner, Miguel Ângelo.
Título: Implicações éticas de inquéritos populacionais epidemiológicos / Ethical implications of population-based health surveys
Fonte: Physis (Rio J.);27(3):475-489, Jul.-Set. 2017.
Idioma: pt.
Resumo: Resumo Objetivou-se identificar e analisar possíveis implicações de natureza ética decorrentes de inquéritos populacionais epidemiológicos, com base em depoimentos de gestores da Pesquisa Nacional de Saúde Bucal. Utilizou-se estudo de caso como método de pesquisa qualitativa. Foram 14 entrevistados de 11 estados e do Distrito Federal: nove membros do Grupo Gestor; três, do Comitê Técnico Assessor do Ministério da Saúde e dois coordenadores, um estadual, outro, municipal. Empregou-se a técnica do discurso do sujeito coletivo. Foram identificadas seis ideias centrais: gerar ações que beneficiem a população, pois os benefícios de um inquérito são indiretos; ser utilizado na geração de novos conhecimentos; estimular a elaboração de políticas públicas mais equânimes; proporcionar maior aproximação entre a academia e o serviço; contribuir para que os profissionais revejam as suas práticas; gerar memória, ou seja, registrar em termos epidemiológicos as mudanças nas condições de saúde da população. Para os entrevistados, os inquéritos têm algumas atribuições éticas, como contribuir para a superação das situações de iniquidade em saúde.

Abstract This study aimed to identify and analyze the possible implications of an ethical nature arising from epidemiological population surveys based on the testimony of managers of the National Oral Health Survey. Case study was used as a qualitative research method. There were 14 respondents from 11 states and the Federal District: nine from the Steering Group, three from the Technical Advisory Committee of the Ministry of Health and two coordinators, one State, the other Municipal. The collective subject discourse technique was used. Six central ideas were identified: generate actions that benefit the people, as the benefits of a survey are indirect; use it to generate new knowledge; promote the drafting of more equitable public policies; provide closer ties between academia and the service; help towards having professionals review their practices; and generate memory, that is, register changes in the health status of the population in epidemiological terms. For the respondents, these investigations have certain ethical attributes, such as contributing towards overcoming iniquitous health situations.
Descritores: Sistema Único de Saúde
Direito à Saúde
Brasil
Saúde Bucal
Inquéritos Epidemiológicos
Gestão em Saúde
Pesquisa Qualitativa
Gestor de Saúde
Disparidades nos Níveis de Saúde
Ética
Sistemas de Informação em Saúde
FURSULTIAMIN9
Limites: Seres Humanos
Tipo de Publ: Relatos de Casos
Revisão
Entrevista
Responsável: BR433.1 - CB/C - Biblioteca Biomédica C


  4 / 136 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Id: biblio-1013063
Autor: Lima, Luciana Dias de; Scatena, João Henrique Gurtler; Albuquerque, Mariana Vercesi; Oliveira, Ricardo Antunes Dantas de; Martinelli, Nereide Lucia; Pereira, Adelyne Maria Mendes.
Título: Governance arrangements for specialized assistance in health regions in Brazil / Arranjos de governança da assistência especializada nas regiões de saúde do Brasil
Fonte: Rev. Bras. Saúde Mater. Infant. (Online);17(supl.1):S107-S119, 2017. tab.
Idioma: en.
Resumo: Abstract Objectives: to analyze the regional governance arrangements of specialized assistance in the Public Health System (SUS). Methods: Case studies were carried out which included seven health regions in the Brazilian territory, involving the secondary data systematization and 128 interviews with SUS leaders (2015 to 2016). The analysis was done in a comparative perspective, considering: public and private participation; assistance concentration; power relations and regional conflicts. Results: the public provision service and expenditure were high in the Medium Complexity and in the private, High Complexity. The main responsibility for the public provision service was in the cities so, that the specialized assistance was strongly concentrated in the pole cities. The level of influence from the providers in health decisions was high, and the offer considered to be insufficient and inadequate in relation to services and medical professionals. Conflicts were evident in the intergovernmental and public-private relations. Conclusions: the diversity of agents and arrangements - multilevel, hybrid and polarized - characterizes governance regionalization in SUS, which is conditioned by the scarcity and the inequality context in the distribution of services.

Resumo Objetivos: analisar os arranjos de governança regional da assistência especializada no SUS. Métodos: foram realizados estudos de caso que incluíram sete regiões de saúde no território brasileiro, envolvendo a sistematização de dados secundários e a realização de 128 entrevistas com dirigentes do SUS (2015-2016). A análise foi feita em perspectiva comparada, considerando: a participação pública e privada; a concentração da assistência; as relações de poder e os conflitos regionais. Resultados: a provisão e a despesa pública foram elevadas na Média Complexidade e a privada na Alta. Os municípios foram os principais responsáveis pela provisão pública, sendo que a assistência especializada se mostrou fortemente concentrada nos municípios polo. O grau de influência dos prestadores nas decisões de saúde foi alto, e a oferta considerada insuficiente e inadequada em relação aos serviços e profissionais médicos. Os conflitos se evidenciaram nas relações intergovernamentais e público-privadas. Conclusões: a diversidade de atores e arranjos - multiníveis, híbridos e polarizados - caracterizam a governança na regionalização do SUS, sendo esta condicionada pelo contexto de escassez e a desigualdade na distribuição de serviços.
Descritores: Sistema Único de Saúde/organização & administração
Gestor de Saúde
Disparidades nos Níveis de Saúde
Governança
FREEZING0
Serviços de Saúde
-Administração de Serviços de Saúde
Brasil
Gestão em Saúde
Modernização do Setor Público
Parcerias Público-Privadas
Política de Saúde
Tipo de Publ: Artigo Clássico
Responsável: BR663.1 - Biblioteca da Saúde da Mulher e da Criança


  5 / 136 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Texto completo
Id: biblio-884984
Autor: Ministerio de Salud - IDREH - Dirección General de Formación y Perfeccionamiento.
Título: Estudio de casos: experiencias en la gestión de recursos humanos en salud / Case study: experiences in the management of human resources in health.
Fonte: Lima; Instituto de Desarrollo de Recursos Humanos; 2006. 128 p. graf, tab, ilus.
Idioma: es.
Resumo: A diferencia de otros sectores en salud, los recursos humanos definen los servicios que serán roducidos; cuándo y dónde y en qué cantidad serán consumidos, y en consecuencia es factible de determinar cuál es el impacto que tendrán dichos servicios sobre la condición de salud de las personas, por todo ello el recurso humano tiene que contar con una solvencia técnica, científica y ética conceptualizados en competencias.
Descritores: Administração de Recursos Humanos
Capacitação
Recursos Humanos em Saúde
Serviços de Saúde
-Capacitação/métodos
Gestor de Saúde
Recursos Humanos em Saúde/organização & administração
Serviços de Saúde
Serviços de Saúde/estatística & dados numéricos
Limites: Seres Humanos
Masculino
Feminino
Responsável: BR1.1 - BIREME


  6 / 136 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Saúde Pública
Bosi, Maria Lúcia Magalhäes
Texto completo
Id: biblio-984779
Autor: Araujo Neto, João Dutra de; Albuquerque, Izabelle Mont'alverne Napoleão; Lira, Geison Vasconcelos; Bosi, Maria Lúcia Magalhães.
Título: Aspectos restritivos à integralidade nos Núcleos de Apoio à Saúde da Família: o olhar dos stakeholders / Restrictive aspects of comprehensive healthcare in the Family Health Supporting Nuclei: the stakeholders' viewpoint
Fonte: Physis (Rio J.);28(4):e280417, 2018.
Idioma: pt.
Resumo: Resumo Os Núcleos de Apoio à Saúde da Família (Nasf) visam ampliar e qualificar ações junto à Estratégia de Saúde da Família (ESF), contribuindo para consolidar os princípios do Sistema Único de Saúde (SUS), a exemplo da integralidade, que ainda se depara com muitos desafios, um dos quais é a cultura organizacional. O objetivo deste estudo foi analisar os aspectos restritivos ao princípio da integralidade. Trata-se de um estudo avaliativo, orientado pelo enfoque de quarta geração, tendo como cenário um município do Nordeste do Brasil; envolveu gestores, profissionais do Nasf, profissionais da ESF e usuários, totalizando 27 participantes. Para a construção do material discursivo, utilizamos entrevistas semiestruturadas, operacionalizando o Círculo Hermenêutico-Dialético. O material empírico deu origem a quatro categorias: fragilidade do vínculo com o território; desafios do trabalho em equipe multidisciplinar; falta de competências para a atuação no Nasf; e deficiência de apoio logístico. Evidencia-se como fator restritivo de destaque à atuação do Nasf concernente à integralidade a fragilidade do vínculo entre as equipes de saúde e destas com a população, além da falta de competências dos profissionais, cuja importância se expressa nos resultados.

Abstract The Family Health Supporting Nuclei (FHSN) aim to expand and qualify health actions along with the Family Health Strategy (FHS), to consolidate the principles of the Unified Health System (SUS), as an example of comprehensiveness that still faces many challenges, among which there is the organizational culture. This study aimed to analyze the restrictive aspects of the principle of integral care. It is an evaluative study, guided by the fourth-generation approach, in the scenario of a municipality in the Northeastern Brazil. It involved managers, FHSN professionals, FHS professionals and users, totaling 27 participants. For the construction of the discursive material we used semi-structured interviews, operating the Hermeneutic-Dialectic Circle. The empirical material gave rise to four categories: Fragility of the link with the territory; Challenges of multidisciplinary teamwork; Lack of competencies for FHSN performance and Logistic Support Disability. The study evidences as a restrictive factor of importance FHSN's actions concerning integral care, the fragility of the link between health teams and those with the population, as well as the lack of skills of professionals, whose importance is expressed in the results.
Descritores: Atenção Primária à Saúde
Avaliação em Saúde
Sistema Único de Saúde
Brasil
Saúde Pública
Estratégia Saúde da Família
Pesquisa Qualitativa
Gestor de Saúde
Integralidade em Saúde
Limites: Seres Humanos
Tipo de Publ: Revisão
Responsável: BR433.1 - CB/C - Biblioteca Biomédica C


  7 / 136 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Saúde Pública
Cunha, Rivaldo Venâncio da
Texto completo
Id: biblio-984795
Autor: Costa, Elisângela Martins da Silva; Costa, Edgar Aparecido da; Cunha, Rivaldo Venâncio da.
Título: Desafios da prevenção e controle da dengue na fronteira Brasil/Bolívia: representações sociais de gestores e profissionais da saúde / Challenges of the prevention and control of dengue fever in Brazil/Bolivia border: social representations of health managers and professionals
Fonte: Physis (Rio J.);28(4):e280415, 2018. tab.
Idioma: pt.
Resumo: Resumo Este estudo tem por objetivo identificar e analisar as representações sociais dos gestores e profissionais da saúde sobre os desafios da prevenção e controle da dengue em Corumbá, Mato Grosso do Sul, fronteira Brasil/Bolívia. Trata-se de uma pesquisa qualitativa fundamentada na teoria das representações sociais. Para a coleta de dados foram entrevistados cinco gestores e 63 profissionais da saúde atuantes na estratégia Saúde da Família e na Santa Casa de Misericórdia de Corumbá; a análise do conteúdo se fez pela técnica do Discurso do Sujeito Coletivo. Os resultados apontam que o município possui grandes dificuldades de enfrentamento da dengue pelo fato de ficar na fronteira. Na análise dos discursos foram identificadas quatro ideias centrais: insuficiência de recursos financeiros, mobilidade transfronteiriça, reduzida cooperação fronteiriça e cultura dos bolivianos. O estudo reforça a necessidade de cooperação bilateral ou multilateral para melhor atendimento à saúde nos territórios de fronteira.

Abstract This study aims to identify and analyze the social representations of health managers and professionals on challenges of combating dengue fever in Corumba, Mato Grosso do Sul state, Brazil/Bolivia border. It is a qualitative research based on the theory of social representations. For data collection were interviewed five managers and 63 health professionals active in the Family Health Strategy and Santa Casa de Misericordia, whose content analysis was done using the Collective Subject Discourse technique. The results indicate that the municipality has great difficulties to combat dengue fever because it is a border. In the discourse analysis, four main ideas were identified: insufficient financial resources, cross-border mobility, border cooperation reduced and Bolivian culture. The study reinforces the need for bilateral or multilateral cooperation for better health care in border areas.
Descritores: Atenção Primária à Saúde
Áreas de Fronteira
Bolívia
Brasil
Saúde Pública
Pessoal de Saúde
Planejamento Sanitário
Dengue/prevenção & controle
Pesquisa Qualitativa
Gestor de Saúde
Limites: Seres Humanos
Adulto
Meia-Idade
Tipo de Publ: Revisão
Entrevista
Responsável: BR433.1 - CB/C - Biblioteca Biomédica C


  8 / 136 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: biblio-1007320
Autor: Gonçalves, Roberta Lima.
Título: O prescrito e o cotidiano da Rede Cegonha de um município do agreste paraibano / The prescribed and daily life of the Stork Network of a municipality of the Paraiba agreste.
Fonte: Belo Horizonte; s.n; 2019. 153 p. ilus.
Idioma: pt.
Tese: Apresentada a Universidade Federal de Minas Gerais. Escola de Enfermagem para obtenção do grau de Doutor.
Resumo: No Brasil, a política pública que respalda o cuidado à mulher e a criança até os dois anos de idade é norteado pela Rede Cegonha, que tem proposto mudanças a fim de superar a fragmentação do cuidado e desarticulação das ações de saúde direcionadas a esse grupo. Entretanto, existem lacunas vivenciadas por usuárias, profissionais de saúde e gestores que sinalizam que o arcabouço normativo desta rede temática norteia como seus preceitos devem ser seguidos, mas que o pluralismo das pessoas, da coletividade e as relações que se estabelecem que são definidoras do funcionamento dessa rede temática. O objetivo deste estudo foi compreender o cotidiano da Rede Cegonha de um município do Agreste Paraibano, na perspectiva das usuárias, profissionais de saúde e gestores. Trata-se de um Estudo de Caso de abordagem qualitativa fundamentado na Sociologia Compreensiva do Cotidiano. Os cenários foram as maternidades e as Unidades Básicas de Saúde (UBS) de Campina Grande/PB, que é o segundo município do estado com maior demanda obstétrica, por ser referência regional nesse tipo de atenção. Participaram do estudo os atores sociais envolvidos na Rede Cegonha, sendo 15 usuárias, 31 profissionais de saúde e 13 gestores. Para a coleta de dados realizaram-se entrevistas semiestruturadas e observação. Posteriormente os dados foram triangulados e em seguida foram submetidos à Análise de Conteúdo Temática, emergindo três categorias empíricas: 1. Cenas cotidianas do cuidado: a Rede Cegonha em construção; 2. (Des)conexões entre os pontos de atenção da Rede Cegonha; 3. O olhar das mulheres, dos profissionais de saúde e dos gestores sobre o cuidado nas maternidades da Rede Cegonha. Os resultados indicam que a Rede Cegonha é (re)construída no cotidiano, nas interações que ocorrem entre os atores sociais envolvidos e, deste modo, apesar dos obstáculos, as usuárias, os profissionais e gestores (re)inventam formas de operacionalizar o cuidado, tanto no contexto sistêmico, quanto no assistencial. Neste sentido, até mesmo nos cenários em que o parto ocorre já há, mesmo que incipiente, a introdução de mudanças para a garantia das boas práticas. Também foi possível apreender as fragilidades da Rede Cegonha. O sistema logístico oferta uma quantidade insuficiente de insumos, medicamentos e também existe uma fragilidade na interação dos pontos de atenção, principalmente pela falta de compreensão dos profissionais da média e alta complexidade do seu papel na rede. Ademais, as maternidades frequentemente estão superlotadas, pois existe uma insuficiência dos leitos obstétricos para atender todos os municípios regionalmente pactuados na Rede Cegonha de Campina Grande/PB. Os relatos de violência obstétrica foram comuns, apesar disso e das dificuldades evidenciadas durante o pré-natal, as mulheres sentiam-se satisfeitas com o atendimento recebido. Conclui-se que o cotidiano é dinâmico e a Rede Cegonha é viva e, por isso, o cuidado se materializa com diversas possibilidades e peculiaridades devido à heterogeneidade de atravessamentos de várias naturezas que estão presentes na socialidade entre os atores sociais. Sugere-se que novos estudos sejam realizados em outros municípios a fim de aprofundar as questões apresentadas e analisadas, visto que a Rede Cegonha é uma estratégia recente do SUS no cuidado às mulheres e seus filhos, necessitando, assim, ampliar as discussões sobre a dinamicidade dos fenômenos sociais que ocorrem no cotidiano.(AU)

In Brazil, the public policy that supports the care of women and children up to two years of age is guided by the Stork Network, which has proposed changes in order to overcome the care fragmentation and disarticulation of health actions directed to this group. However, there are gaps experienced by users, health professionals and managers who signal that the normative framework of this thematic network guides how their precepts should be followed, but that the people pluralism, of the collectivity and the relationships that are established that are defining this thematic network functioning. This study objective was to understand the daily life of the Stork Network of an Agreste Paraibano municipality, from the users, health professionals and managers perspective. This is a Case Study with a qualitative approach based on the Comprehensive Sociology of Everyday Life. The scenarios were the maternities and the Basic Health Units of Campina Grande / PB, which is the second municipality of the state with the highest obstetric demand, being a regional reference in this type of care. The social actors involved in the Stork Network participated in the study, with 15 users, 31 health professionals and 13 managers. For data collection, semi-structured interviews and observation were carried out. Subsequently the data were triangulated and then submitted to the Thematic Content Analysis, emerging three empirical categories:1. Day-to-day care scenes: 1. the Stork Network under construction; 2. Disconnections and connections between the attention points of the Stork Net; 3. The women, health professionals and managers view on care in the maternity hospitals of the Stork Network. The results indicate that the Stork Network is reconstructed / constructed in daily life, in the interactions that occur among the social actors involved, and, in spite of obstacles, users, professionals and managers reinvent / invent ways to operationalize care, both in the systemic and in the care context. In this sense, even in the scenarios in which childbirth occurs, there is already, even if incipient, the introduction of changes to guarantee good practices. It was also possible to apprehend the fragility of the Stork Net. The logistics system offers an insufficient amount of inputs, medicines and there is also a fragility in the interaction of the attention points, mainly due to the lack of understanding of the medium and high complexity professionals of their role in the network. In addition, maternity wards are often overcrowded, as there is an insufficiency of obstetric beds to attend all the municipalities regionally agreed upon in the Stork Network of Campina Grande / PB. The reports of obstetric violence were common, despite this and the difficulties evidenced during prenatal care, the women felt satisfied with the care received. It is concluded that daily life is dynamic and the Stork Network is alive and, therefore, care materializes with several possibilities and peculiarities due to the heterogeneity of crossings of various natures that are present in sociality among social actors. It is suggested that new studies be carried out in other municipalities in order to deepen the issues presented and analyzed, since the Stork Network is a recent Unified Health System strategy in the women and their children care, thus needing to broaden the discussions on the dynamicity of social phenomena that occur in daily life.(AU)
Descritores: Pessoal de Saúde
Políticas Públicas de Saúde
Gestor de Saúde
Serviços de Saúde Materno-Infantil
-Fatores Socioeconômicos
Sistema Único de Saúde
Brasil
Centros de Saúde
Inquéritos e Questionários
Dissertações Acadêmicas
Pesquisa Qualitativa
Maternidades
Limites: Animais
Masculino
Feminino
Adulto
Meia-Idade
Idoso
Responsável: BR21.1 - Biblioteca J Baeta Vianna- Campus Saúde UFMG
BR21.1; T-WA310, GO PR


  9 / 136 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Thofehrn, Maira Buss
Texto completo
Id: lil-647389
Autor: Amestoy, Simone Coelho; Milbrath, Viviane Marten; Cestari, Maria Elisabeth; Thofehrn, Maira Buss.
Título: Educação permanente e sua inserção no trabalho da enfermagem / Permanent education and its insertion in nursing / Educación permanente y su inserción en el trabajo de la enfermería
Fonte: Ciênc. cuid. saúde;7(1):83-88, jan.-mar. 2008.
Idioma: pt.
Resumo: Em fevereiro de 2004, conforme a Portaria 198/GM/MS, o Ministério da Saúde implantou a Política Nacional deEducação Permanente, com a finalidade de formar e capacitar profissionais da saúde para atenderem às reais necessidades populacionais, conforme os princípios do Sistema Único de Saúde. Neste estudo propomos umareflexão crítica sobre sua utilização nas instituições hospitalares. A educação permanente é entendida como um processo educativo, o qual possibilita o surgimento de um espaço para pensar e fazer no trabalho, destacandoseo papel fundamental das instituições de saúde no desenvolvimento permanente das capacidades dos trabalhadores, contribuindo para o bem-estar social. Também, pode ser compreendida como uma ação quepossibilita ao indivíduo maior capacidade de atuar no mundo do trabalho, como ser que constrói e destrói, norteado por valores políticos, culturais e éticos. Assim, acreditamos na necessidade da criação e adoção depolíticas públicas educativas que contribuam positivamente para a promoção da saúde, colaborando para otrabalho em equipe entre professores, alunos, profissionais, gestores e comunidade, com vistas ao bem-estarindividual e coletivo.

In February 2004, according to the Law 198/GM/MS, the Federal Health Department implemented a NationalPolicy for Permanent Education, aiming to provide formation and continuous training to health professionals inorder to attend the actual needs of the population, according to the principles of the United System of HealthCare. In this study we propose a critical reflection regarding its use in hospital institutions. Permanent education isunderstood as an educative process which allows a space for thinking and accomplishment at the work,highlighting the fundamental role of health institutions for the permanent development of the workers abilities,contributing for their social well-being. It can also be understood as an action which gives to the individualsgreater capacity of interfere in his/her work environment, as a human being who builds and destroys, oriented bypolitical, cultural and moral values. Thus, we believe in the need of creating and implementing public educationalpolicies that contribute positively for the promotion of health, motivating collaborative work among teachers,students, professionals, managers and community, aiming at the well-being of the individual and the group.

En febrero de 2004, conforme la Resolución 198/GM/MS, el Ministerio de la Salud implantó la Política Nacionalde Educación Permanente, con la finalidad de formar y capacitar profesionales de salud para atender a las realesnecesidades poblacionales, conforme los principios del Sistema Único de Salud. En este estudio proponemosuna reflexión crítica sobre su utilización en las instituciones hospitalarias. La educación permanente es entendidacomo un proceso educativo, lo cual posibilita el surgimiento de un espacio para pensar y hacer en el trabajo,destacándose el papel fundamental de las instituciones de salud en el desarrollo permanente de las capacidadesde los trabajadores, contribuyendo para el bienestar social. También, puede ser comprendida como una acciónque posibilita al individuo mayor capacidad de actuar en el mundo del trabajo, como ser que construye ydestruye, norteado por valores políticos, culturales y éticos. Así, creemos en la necesidad de la creación yadopción de políticas públicas educativas que contribuyan positivamente para la promoción de la salud,colaborando para el trabajo en equipo entre profesores, alumnos, profesionales, gestores y comunidad, a favor albienestar individual y colectivo.
Descritores: Educação Continuada em Enfermagem
Educação Continuada/legislação & jurisprudência
Equidade em Saúde
Gestor de Saúde
Humanização da Assistência
Política de Saúde
SETIMMEDIATE$0.HIPPURATESARTERITISCALCIUM SULFATEFOREIGN PROFESSIONAL PERSONNEL$9
Limites: Seres Humanos
Responsável: BR1.1 - BIREME


  10 / 136 LILACS  
              first record previous record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Saúde Pública
Texto completo
Id: biblio-979218
Autor: Morais, Maria Silvia de; Lopes, José Carlos; Rocha, Luciani Maria Vieira; Chiaravalloti, Rafael Morais; Brienz, Vânia Maria Sabadoto.
Título: Retrato de uma região: impacto da indústria sucroalcooleira, indicadores de saúde e a percepção dos gestores / Pictures from a region: impact of the sugarcane industry, health indicators and managers' perception
Fonte: Saúde Soc;27(3):922-928, jul.-set. 2018.
Idioma: pt.
Resumo: Resumo Este artigo analisa indicadores de saúde dos municípios da região de São José do Rio Preto e a demanda da população segundo os gestores diante do processo de expansão da cana de açúcar. Dez municípios da região que possuem usinas de cana de açúcar e outros 10 municípios com o mesmo número de habitantes, mas sem usinas, foram selecionados. Os dados foram coletados por meio de entrevistas e em bancos de dados do Ministério da Saúde. Observou-se que, independentemente da presença de usinas sucroalcooleiras, houve melhora nos indicadores de saúde. Entretanto, para os gestores entrevistados, independentemente da presença ou ausência de usinas, a presença de migrantes para o corte da cana piorou os indicadores de saúde. Assim, constatou-se que a presença de usinas nos municípios não interferiu nos indicadores de saúde, mas os gestores consideram que a qualidade da saúde do município teve queda.

Abstract This article analyzes health indicators in the municipalities of the São José do Rio Preto region (state of São Paulo, Brazil) and the demand of the population according to the managers regarding the sugar cane expansion process. Ten municipalities in the region that have sugar cane mills and 10 other municipalities with the same number of inhabitants, but without the presence of plants, were selected. Data were collected through interviews and Ministry of Health databases. It was observed that, regardless of the presence of sugar and alcohol plants, there was an improvement in health indicators. However, to the interviewed managers, despite there being plants or not, the presence of migrants to cut sugarcane worsened health indicators. Therefore, it was observed that the presence of plants in the municipalities did not interfere in health indicators, but managers perceived a drop in health quality in the municipality.
Descritores: Qualidade da Assistência à Saúde
Sistemas de Saúde
Indicadores Básicos de Saúde
Cidades
Saccharum
Agroindústria
-Migrantes
Gestor de Saúde
Limites: Seres Humanos
Masculino
Feminino
Responsável: BR67.1 - CIR - Biblioteca - Centro de Informação e Referência



página 1 de 14 ir para página                         
   


Refinar a pesquisa
  Base de dados : Formulário avançado   

    Pesquisar no campo  
1  
2
3
 
           



Search engine: iAH v2.6 powered by WWWISIS

BIREME/OPAS/OMS - Centro Latino-Americano e do Caribe de Informação em Ciências da Saúde