Base de dados : LILACS
Pesquisa : SP3.016 [Categoria DeCS]
Referências encontradas : 163 [refinar]
Mostrando: 1 .. 10   no formato [Detalhado]

página 1 de 17 ir para página                         

  1 / 163 LILACS  
              next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Texto completo
Id: biblio-898649
Autor: Guedes, Gilvan Ramalho; Barbieri, Alisson; Santos, Reinaldo; Ferreira, Vanessa.
Título: Composição demográfica domiciliar e dinâmica do uso do solo em Machadinho d'Oeste, Rondônia: evidências baseadas nos estágios iniciais da fronteira / Household demographic composition and land use dynamics in Machadinho d'Oeste, Rondônia: evidence from the frontier onset / Composición demográfica domiciliaria y dinámica del uso del suelo en Machadinho d'Oeste, Rondônia: evidencias basadas en las etapas iniciales de la frontera
Fonte: Rev. bras. estud. popul;34(2):271-299, mayo-agosto 2017. tab, graf.
Idioma: pt.
Resumo: Vários estudos sugerem a importância da mudança na composição demográfica domiciliar sobre a demanda e o uso da terra em fronteiras agrícolas. A maioria desses estudos, no entanto, analisa essa relação em estágios mais avançados do desenvolvimento das fronteiras, produzindo evidências conflitantes sobre o papel dos determinantes populacionais. Este artigo examina os efeitos da composição demográfica domiciliar (ciclo de vida domiciliar) e do tempo na propriedade (ciclo no lote) sobre a dinâmica de uso do solo em pequenas propriedades rurais em Machadinho d'Oeste, Rondônia. Foram utilizados dados de uma pesquisa censitária sobre os colonos do projeto de assentamento original, para 1987 e 1995. A relação entre os ciclos e as classes de uso do solo foi analisada por meio de modelos de regressão Beta e de Dirichlet. Observou-se uma relação consistente entre oferta de trabalho familiar e estoque desmatado no nível da propriedade rural. O tempo na propriedade também se mostrou associado ao desmatamento, embora seu efeito não linear sugira a experimentação com o ambiente biofísico local. Sugere-se que os efeitos do ciclo de vida e no lote se autodeterminam nos estágios iniciais da fronteira, indicando a importância dos efeitos da composição demográfica sobre a dinâmica de uso da terra.

Previous studies have found evidence of the importance of changes in household composition to explain land use choices in agricultural frontiers. Most of these studies, however, analyze these dynamics at later stages of the frontier development, rendering mixed evidence on the role of population drivers. This study examines the effects of household demographic composition (household life cycle) and time on property (property life cycle) on land use dynamics in small farms at Machadinho d'Oeste, Rondônia. Based on a unique dataset covering the agricultural frontier since its onset, the study analyzes these effects when their association with land cover dynamics is most likely. Data collected in 1987 and 1995 for a census survey regarding settlers on the original settlement area was used for the study. The relationship between cycles and types of land use was analyzed and modelled by means of Beta and Dirichlet regression models. A consistent relation between family labor supply and deforested stock was observed with regards to rural property. Time on the property was also associated with deforestation, although its non-linear effect suggests experimentation with the local biophysical environment. The effect of the life cycle and of the lot are self-determined in the initial stages of frontier development, indicating the relevance of the demographic dynamics of households for land use choices in agricultural frontiers.

Varios estudios sugieren la importancia de los cambios en la composición demográfica domiciliaria sobre la demanda y el uso de la tierra en fronteras agrícolas. La mayoría de esos estudios analiza sin embargo esa relación en etapas más avanzadas del desarrollo de las fronteras, y han producido evidencias conflictivas sobre el papel de los determinantes poblacionales. Este artículo examina los efectos de la composición demográfica del hogar (ciclo de vida domiciliaria) y del tiempo en la propiedad (ciclo en el lote) sobre la dinámica del uso del suelo en pequeñas propiedades rurales en Machadinho d'Oeste, Rondônia. Para ello fueron utilizados datos censales sobre los colonos del proyecto de asentamiento original para los años 1987 y 1995. La relación entre los ciclos y los tipos de uso del suelo fue analizada por medio de modelos de regresión Beta y de Dirichlet. Se observó una relación consistente entre la oferta de trabajo familiar y el stock deforestado en el nivel de la propiedad rural. El tiempo en la propiedad también aparece asociado a la deforestación, aunque su efecto no linear sugiera la experimentación con el ambiente biofísico local. Se sugiere que el efecto del ciclo de vida y en el lote se determina en las etapas iniciales de la frontera, indicando la importancia de los efectos de la composición demográfica sobre la dinámica del uso de la tierra.
Descritores: Áreas de Fronteira/estatística & dados numéricos
Dinâmica Populacional/estatística & dados numéricos
Ecossistema Amazônico/estatística & dados numéricos
-Brasil
Entrevistas como Assunto
Conservação dos Recursos Naturais
Economia Rural
Modelos Teóricos
Limites: Humanos
Recém-Nascido
Lactente
Pré-Escolar
Criança
Adolescente
Adulto
Pessoa de Meia-Idade
Responsável: BR526.1 - Biblioteca de Saúde Pública


  2 / 163 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Brasil
Texto completo
Texto completo
Id: biblio-898655
Autor: Bacellar, Carlos de Almeida Prado.
Título: As famílias de povoadores em áreas de fronteira da Capitania de São Paulo na segunda metade do século XVIII / Families settlers in border areas of the captaincy of São Paulo during the second half of the 18th century / Las familias de colonos en las zonas fronterizas de la Capitanía de São Paulo durante la segunda mitad del siglo XVIII
Fonte: Rev. bras. estud. popul;34(3):549-566, set.-dez. 2017. tab.
Idioma: pt.
Resumo: Ao tomar posse do governo da capitania de São Paulo em 1765, o Morgado de Mateus instaurou um processo de expansão do povoamento. A crise da economia colonial e os conflitos com os castelhanos exigia a intervenção da Coroa, que buscava implantar novas atividades econômicas e preparar a defesa do território. Ao criar vilas e povoados, o governador buscou reunir indivíduos que classificava como desregrados e os enviou, algumas vezes à força, para serem os pioneiros nestas áreas de fronteira. Muitos desses povoadores eram indígenas, considerados vadios, e que deviam ser submetidos ao novo modelo de organização social proposto pela Coroa. Este esforço pode ser avaliado a partir das listas nominativas de habitantes de três destas iniciativas de povoamento: São Luiz do Paraitinga, Piracicaba e o Caminho de Goiás. A análise do perfil dos indivíduos instalados nestas novas povoações permite melhor entender as estratégias de organização da população colonial desejadas pela Coroa.

After assuming the Government of the captaincy of São Paulo in 1765, Morgado de Mateus established an expansion process of the settlement. The crisis of the colonial economy and conflicts with the Castilians demanded the intervention of the Crown, seeking to deploy new economic activities and preparing the defense of the territory. When creating towns and villages, the Governor would seek bringing together individuals classified as unruly and would send them, sometimes by force, to be the pioneers in border areas. Many of these settlers were indigenous people, considered as vagabonds, who should be submitted to the new model of social organization proposed by the Crown. This effort can be accessed through inhabitants lists of three settlement initiatives: São Luiz do Paraitinga, Piracicaba and the Caminho de Goiás. The profile analysis of the individuals installed in these new villages allows for a better understanding of the organizational strategies of the colonial population desired by the Crown.

Asumiendo el gobierno de la Capitanía de São Paulo en 1765, el Morgado de Mateus establece un proceso de expansión del asentamiento. La crisis de la economía colonial y los conflictos con los castellanos exigían la intervención de la Corona, buscando implementar nuevas actividades económicas y preparando la defensa del territorio. Cuando se instalaban ciudades y pueblos, el gobernador buscaba reunir individuos clasificados como indisciplinados y los enviaba, a veces utilizando fuerza, para ser los pioneros en las zonas fronterizas. Muchos de estos pobladores eran indígenas, considerados vagabundos, que debían ser sometidos al nuevo modelo de organización social propuesto por la Corona. Este esfuerzo puede ser evaluado utilizándose las listas de los habitantes de tres de estas iniciativas: São Luiz do Paraitinga, Piracicaba y el Caminho de Goiás. El análisis del perfil de los individuos en estas nuevas villas permite comprender mejor las estrategias de organización de la población deseada por la Corona.
Descritores: Áreas de Fronteira
Colonialismo/história
Censos/história
Economia/história
-Brasil
Índios Sul-Americanos/história
Características da Família/história
ABATTOIRSHEALTH SERVICES ACCESSIBILITY
Pessoas Escravizadas/história
Limites: Humanos
Masculino
Feminino
História do Século XVIII
História do Século XIX
Responsável: BR526.1 - Biblioteca de Saúde Pública


  3 / 163 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: biblio-1152236
Autor: Ferreira, Arthur Luiz de Campos; Carvalho, Fernanda Ferreira de; Nihei, Oscar Kenji; Nascimento, Isalina Ansilieiro; Shimabuku Junior, Reinaldo Santos; Fernandes, Rene Diomar; Moreira, Neide Martins.
Título: Prevalence of intestinal parasites in children from public preschool in the Triple Border Brazil, Argentina, and Paraguay / Prevalência de parasitos intestinais em crianças de pré-escolas públicas na Tríplice Fronteira Brasil, Argentina e Paraguai
Fonte: ABCS health sci;46:e021205, 09 fev. 2021. tab.
Idioma: en.
Resumo: INTRODUCTION: The prevalence of parasitosis in children from Brazilian border cities is unknown. OBJECTIVE: To identify the prevalence of intestinal parasites in children from public pre-school on the Brazilian border and their socioeconomic and health profile. METHODS:: Fecal samples were obtained from 178 children from public early childhood educational center (CMEI) in Brazilian border municipalities in Foz do Iguaçu, Brazil. Samples were processed by Hoffman sedimentation and zinc sulfate centrifugation and flotation methods. A questionnaire was administered to children´s parents or guardians regarding parasitic diseases, socioeconomic status, and sanitary habits. RESULTS: The prevalence of intestinal parasites was 26.9% (n=48). A high prevalence of Giardia duodenalis was found (16.3%), followed by Endolimax nana (8.4%), Enterobius vermiculares (1.7%), Ascaris lumbricoides, and Entamoeba coli (0.5%). Forty-seven children (26.4%) presented monoparasitism. The percentage of parasitosis was significantly higher among male children (33.7% - p<0.036) who exhibited weight loss (50.0%), were from low-income families (35.4% - p=0.05), and had mothers with a low education (54.0% - p=0.0001). The highest percentage of Giardia was in children who exhibited weight loss (42.9% - p<0.05) and had mothers with low education (35.0% - p=0.0001). Multivariate analysis indicated that in the variable gender (male gender), weight loss and low maternal education contributed to the variability of parasitosis in children from the surveyed MCEC. CONCLUSION: The higher prevalence of Giardia was due to child and family variables. The detection of Enterobius vermiculares and Ascaris lumbricoides, despite the low frequency, indicates the need for better basic sanitation policies.

INTRODUÇÃO: A prevalência de parasitoses em crianças de municípios brasileiros de fronteira é desconhecida. OBJETIVO: Identificar a prevalência de parasitos intestinais em crianças de pré-escola pública de fronteira brasileira e seu perfil socioeconômico e sanitário. MÉTODOS: Foram obtidas amostras fecais de 178 crianças de Centro Municipal de Educação Infantil (CMEI) de Foz do Iguaçu, Brasil. As amostras foram processadas pelos métodos de sedimentação de Hoffman e centrifugação e flutuação no sulfato de zinco. Foi aplicado questionário aos pais ou responsáveis, referente a doenças parasitárias, nível socioeconômico e hábitos sanitários. RESULTADOS: A prevalência de parasitos intestinais foi de 26,9% (n=48). Houve maior prevalência de Giardia duodenalis (16,3%), seguido por Endolimax nana (8,4%), Enterobius vermiculares (1,7%), Ascaris lumbricoides e Entamoeba coli (0,5%). 47 (26,4%) crianças apresentaram monoparasitismo. O percentual de parasitose foi significantemente maior nas crianças do sexo masculino (33,7% - p<0,036), perda de peso (50,0%), famílias de baixa renda (35,4% - p=0,05) e mães com baixa escolaridade (54,0% - p=0,0001), enquanto, o maior percentual de Giardia foi em crianças com perda de peso (42,9% - p<0,05) e mães com baixa escolaridade (35,0% - p=0,0001). Análise multivariada indicou que na variável gênero (sexo masculino), perda de peso e baixa escolaridade das mães refletem parte da variabilidade da condição de parasitado das crianças dos CMEI pesquisados. CONCLUSÃO: Presença de maior prevalência de Giardia foi decorrente de variáveis da criança e da família e a detecção de Enterobius vermiculares e Ascaris lumbricoides, apesar da baixa frequência, indica necessidade de melhores políticas de saneamento básico.
Descritores: Parasitos
Doenças Parasitárias/epidemiologia
Áreas de Fronteira
Brasil
Creches
Saúde da Criança
-Higiene dos Alimentos/estatística & dados numéricos
Estudos Transversais
Giardíase
Saúde na Fronteira
Higiene das Mãos/estatística & dados numéricos
Limites: Humanos
Masculino
Feminino
Pré-Escolar
Responsável: BR1342.1 - Biblioteca da Escola de Enfermagem BENF


  4 / 163 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: biblio-1151328
Autor: Leandro, Gustavo Cezar Wagner; Luz, Larissa Djanilda Parra da; Arenhart, Carlos Guilherme Meister; Izuka, Adriana Dias Lourenço; Doldan, Roberto Valiente; Bom, Carmensita Aparecida Gaievski; Britto, André da Silva.
Título: Intervenções não farmacológicas como medidas de enfrentamento à pandemia de Covid-19 em município de fronteira / Non-pharmaceutical interventions as measures to tackle Covid-19 pandemic in a border town
Fonte: Rev. Saúde Pública Paraná (Online);3(supl. 1):266-275, dez. 11, 2020.
Idioma: pt.
Resumo: As intervenções não farmacológicas são medidas de Saúde Pública que visam reduzir a transmissão de determinada doença. Em Foz do Iguaçu, fronteira entre Brasil, Paraguai e Argentina, a medida foi implementada como barreiras sanitárias objetivando identificar cidadãos sintomáticos respiratórios suspeitos de infecção por Covid-19. Realizou-se a implementação de 17 barreiras sanitárias em pontos estratégicos do município. O processo de monitoramento transcorreu a partir da elaboração de um formulário na ferramenta gratuita Epicollect5, tendo como resultado final o Painel de Monitoramento das Barreiras Sanitárias elaborado na plataforma Google Data Studio. Os resultados foram o aprimoramento da gestão na utilização de ferramentas livres de informação, a identificação dos casos sintomáticos no ato da abordagem nas barreiras sanitárias e a observação do fluxo transfronteiriço nesta região. Conclui-se que a estratégia de implementação e monitoramento das barreiras sanitárias utilizada é qualificada para sistematização e análise das informações em ferramentas livres de análise de dados. (AU)

The non-pharmaceutical interventions are public health measures that aim to reduce disease transmission. At Foz do Iguaçu, border city between Brazil, Paraguay, and Argentina, were implemented community measures as NPIs that aim to identify people with respiratory diseases symptoms suspected of coronavirus infection. Seventeen community measures were implemented in city strategic points. The monitoring process was carried out after data collection with a form created in the free tool Epicollect5, resulting in a Community Measure Monitoring Report developed in the Google Data Studio platform. The results were the management improvement in the use of information free tools, symptomatic cases identification in the inquiry and the cross-border flow observation in this region. In conclusion, implementation and monitoring strategies used are qualified to data analysis and systematization community measures data using free tools for data analysis. (AU)
Descritores: Áreas de Fronteira
Estratégias
Infecções por Coronavirus
Monitoramento
Limites: Humanos
Tipo de Publ: Relatos de Casos
Responsável: BR1961 - Biblioteca


  5 / 163 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: biblio-1151326
Autor: Murillo, Roberth Steven Guitérrez; Conde, Olga Lucía Mosquera; Leandro, Gustavo Cezar Wagner; Freitas, Hannalícia Bueno de; Souza, Erica Ferreira de.
Título: Atuação do sanitarista em município brasileiro de tríplice-fronteira: Covid-19 como emergência de saúde coletiva / Hygienist's practice in a triple-border Brazilian municipality: Covid-19 as a collective health emergency
Fonte: Rev. Saúde Pública Paraná (Online);3(supl. 1):250-265, dez. 11, 2020.
Idioma: pt.
Resumo: Em virtude da atual crise sociossanitária decorrente da nova manifestação do coronavírus, este relato de experiência buscou descrever a inserção do profissional sanitarista no Departamento de Vigilância Epidemiológica de Foz do Iguaçu/PR, no âmbito da prevenção e combate à Covid-19 em território brasileiro de tríplice- fronteira (Argentina-Brasil-Paraguai). O trabalho privilegiou o diálogo entre a prática profissional e a formação acadêmica na modalidade de Residência Multiprofissional em Saúde da Família, buscando destacar as potencialidades da aprendizagem no trabalho através da perspectiva do cuidado integral à saúde nos diferentes ciclos da vida familiar. O sanitarista possui um perfil de atuação que visa o fortalecimento do Sistema Único de Saúde na atual conjuntura sociossanitária, estando altamente capacitado para lidar com questões relativas à vigilância em saúde, gestão das redes de cuidado, comunicação e educação em saúde e análise e planejamento situacional. (AU)

In view of the current sociosanitarian crisis caused by the new manifestation of the coronavirus, this experience report sought to describe the insertion of hygienist in the Department of Epidemiological Surveillance in Foz do Iguaçu/PR, in the scope of the prevention and fight against Covid-19 in a Brazilian triple-border municipality. This work privileged the dialogue between professional practice and academic training in the modality of Multiprofessional Residency in Family Health, seeking to highlight the potential of learning at work through the perspective of comprehensive health care in the different cycles of family life. The hygienist has a profile of action that aims to strengthen the Unified Health System in the current socio-health situation, being highly qualified to deal with issues related to health surveillance, management of healthcare networks, health communication and education and analysis and situational planning tasks. (AU)
Descritores: Prática Profissional
Áreas de Fronteira
Vigilância Sanitária
Saúde da Família
Infecções por Coronavirus
Assistência Integral à Saúde
Tipo de Publ: Relatos de Casos
Responsável: BR1961 - Biblioteca


  6 / 163 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: biblio-1150005
Autor: Silva-Sobrinho, Reinaldo Antonio; Zilly, Adriana; Silva, Rosane Meire Munhak da; Arcoverde, Marcos Augusto Moraes; Deschutter, Enrique Jorge; Palha, Pedro Fredemir; Bernardi, Angela Sobral.
Título: Coping with COVID-19 in an international border region: health and economy / Enfrentamento da COVID-19 em região de fronteira internacional: saúde e economia / Enfrentamiento de la COVID-19 en una región fronteriza internacional: salud y economía
Fonte: Rev. latinoam. enferm. (Online);29:e3398, 2021. tab.
Idioma: en.
Resumo: Objective: to analyze how the social isolation measures and closed borders affected the health and economy in an international border region. Method: descriptive cross-sectional study conducted in the western region of Paraná, Brazil, using an electronic form created using Google® forms. A sample of 2,510 people was addressed. Descriptive analysis and the Chi-square test were performed, with a level of significance established at 5%. This public opinion survey, addressing unidentified participants, is in accordance with Resolutions 466/2012 and 510/2016. Results: the participants were 41.5 years old on average, most were women and worked in the education sector; 41.9% reported that the closing of borders/commercial businesses negatively influenced income; 17.7% reported the possibility of losing their jobs; 89.0% consider that a larger number of people would be sick if the borders/commercial had not been closed; 63.7% believe the health services are not prepared to deal with the pandemic; 74.9% realize that the Brazilian Unified Health System may not have sufficient service capacity; 63.4% reported anxiety; and 75.6% of commercial workers will experience changes in their income level. Conclusion: the closing of international borders and commercial businesses was related to a perception of physical and mental changes, job loss, and decreased income.

Objetivo: analisar como o isolamento social e o fechamento das fronteiras repercutem na saúde e na economia em região de fronteira internacional. Método: estudo descritivo-transversal realizado no Oeste do Paraná, Brasil, por meio do questionário eletrônico Formulários Google®. Foi estudada uma amostra de 2.510 pessoas. Utilizou-se a análise estatística descritiva e o teste qui-quadrado, com nível de significância de 5%. Pesquisa de opinião pública, com participantes não identificados, que atende às Resoluções 466/2012 e 510/2016. Resultados: a média de idade foi de 41,5 anos, a maioria é do sexo feminino e composta por trabalhadores do setor de educação; 41,9% indicam que o fechamento das fronteiras/comércio influenciou negativamente a renda e, para 17,7%, existe a possibilidade de desemprego. Para 89,0%, o número de pessoas adoecidas seria maior caso as fronteiras/comércio não tivessem sido fechadas; 63,7% indicam que os serviços de saúde não estão preparados para enfrentar a pandemia; 74,9% percebem que o Sistema Único de Saúde pode não ter capacidade de atendimento; 63,4% sinalizam ansiedade e 75,6% dos trabalhadores do comércio terão alterações na renda. Conclusão: o fechamento das fronteiras internacionais e do comércio relacionou-se à percepção de alterações físicas e mentais, perda de emprego e de renda.

Objetivo: analizar cómo el aislamiento social y el cierre de las fronteras afectan la salud y la economía en una región fronteriza internacional. Método: estudio descriptivo transversal desarrollado en el occidente de Paraná, Brasil, utilizando el cuestionario electrónico Formularios Google®. Se estudió una muestra de 2.510 personas. Se utilizó análisis estadístico descriptivo, prueba de chi-cuadrado con nivel de significancia del 5%. Encuesta de opinión pública, con participantes no identificados, que cumple con las Resoluciones 466/2012 y 510/2016. Resultados: el promedio de edad fue de 41,5 años, mayoritariamente mujeres y trabajadores del sector educativo; el 41,9% indicó que el cierre de las fronteras/comercio afectó negativamente los ingresos y que, para el 17,7%, existe la posibilidad de desempleo. Para 89,0%, el número de personas enfermas habría sido mayor si las fronteras/comercio no se hubieran cerrado; 63,7% indica que los servicios de salud no están preparados para enfrentar la pandemia; 74,9% percibe que el Sistema Único de Salud puede no ser capaz de brindar atención; 63,4% informó ansiedad; y 75,6% de los trabajadores del comercio tendrán cambios en los ingresos. Conclusión: el cierre de las fronteras internacionales y el comercio se relacionó con la percepción de cambios físicos y mentales, pérdida de empleo e ingresos.
Descritores: Ansiedade
Isolamento Social
Áreas de Fronteira
Adaptação Psicológica
Saúde Pública
Estudos Transversais
Análise Estatística
Inquéritos e Questionários
Infecções por Coronavirus
Afeto
Saúde na Fronteira
Economia
Pandemias
Serviços de Saúde
Categorias de Trabalhadores
Limites: Humanos
Masculino
Feminino
Adulto
Pessoa de Meia-Idade
Idoso
Responsável: BR26.1 - Biblioteca Central


  7 / 163 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: biblio-1149306
Autor: Pedro, Camilla Barbosa; Casacio, Gabriela Dominicci de Melo; Zilly, Adriana; Ferreira, Helder; Ferrari, Rosângela Aparecida Pimenta; Silva, Rosane Meire Munhak da.
Título: Fatores relacionados ao planejamento familiar em região de fronteira / Factores relacionados con la planificación familiar en una región fronteriza / Factors related to family planning in border region
Fonte: Esc. Anna Nery Rev. Enferm;25(3):e20200180, 2021. tab.
Idioma: pt.
Projeto: CNPq.
Resumo: RESUMO Objetivo identificar fatores que potencializam ou interferem no planejamento familiar em região de fronteira. Método pesquisa descritiva, de coorte, transversal e quantitativa, realizada com 280 puérperas, Paraná, Brasil. Para a coleta de dados, aplicou-se um instrumento estruturado com variáveis socioeconômicas, antecedentes obstétricos e planejamento familiar. Para análise, utilizou-se o teste de associação Qui-Quadrado ou o teste G complementado pela análise de resíduos ajustados, com nível de significância de 5% (p<0,05). Resultados idade inferior a 19 anos (66%), baixa renda (65,3%), escolaridade (62,6%), ausência de companheiro (95,6%) e multiparidade (74,4%) foram as características que interferiram no planejamento familiar. Maior escolaridade e acesso a métodos contraceptivos apresentaram-se favoráveis ao planejamento familiar. Mulheres que não planejaram a gravidez aderiram mais aos métodos contraceptivos após seis meses do nascimento do filho. Conclusão e implicações para a prática as baixas condições sociodemográficas interferem na adesão ao planejamento familiar em região de fronteira, o que remete para ajustes no serviço de atenção primária.

RESUMEN Objetivo identificar factores que mejoran o interfieren con la planificación familiar en una región fronteriza. Método investigación descriptiva, de cohorte, transversal y cuantitativa, realizada con 280 puérperas, Paraná, Brasil. Para la recolección de datos se aplicó un instrumento estructurado con variables socioeconómicas, antecedentes obstétricos y planificación familiar. Para el análisis se utilizó la Prueba de Chi-Cuadrado o la Prueba G, complementada con el análisis de residuos ajustados, con un nivel de significancia del 5% (p<0,05). Resultados edad menor de 19 años (66%), bajos ingresos (65,3%), educación (62,6%), ausencia de pareja (95,6%) y multiparidad (74,4%) fueron las características que interfirieron en la planificación familiar. La mayor escolarización y el acceso a métodos anticonceptivos favorecieron la planificación familiar. Las mujeres que no planificaron el embarazo se adhirieron más a los métodos anticonceptivos después de seis meses de parto. Conclusiones e implicaciones prácticas las bajas condiciones sociodemográficas interfieren con la adherencia a la planificación familiar en una región fronteriza, lo que se refiere a ajustes en el servicio de atención primaria.

ABSTRACT Objective to identify factors that enhance or interfere with family planning in border region. Method this descriptive, cohort, cross-sectional, quantitative study was performed with 280 puerperal women in Paraná State, Brazil. For data collection, a structured instrument with socioeconomic variables, obstetric antecedents and family planning was applied. For analysis, the chi-square test or the G test complemented by adjusted residual analysis was used, with a significance level of 5% (p <0.05). Results age below 19 years (66%), low income (65.3%) and education (62.6%), absence of a partner (95.6%) and multiparity (74.4%) were the characteristics that interfered with family planning. Greater education level and access to contraceptive methods were favorable to family planning. Women who did not plan for pregnancy more adhered to contraceptive methods six months after the birth of their child. Conclusion and implications for practice low sociodemographic conditions interfere with adherence to family planning in a border region, which refers to adjustments in the primary care service.
Descritores: Áreas de Fronteira
Planejamento Familiar
-Fatores Socioeconômicos
Estudos Transversais
Anticoncepção/estatística & dados numéricos
Limites: Humanos
Feminino
Adulto
Adulto Jovem
Responsável: BR442.1 - Biblioteca Setorial de Pós-Graduação


  8 / 163 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: biblio-996686
Autor: Rodrigues, Leandra dos Santos; Scherer, Andréia Aparecida; Moreira, Neide Martins.
Título: Intervenção educativa com agentes comunitários de saúde sobre giardíase em região de fronteira - Foz do Iguaçu / Educational intervention with health community agents regarding giardiasis in border region - Foz do Iguaçu
Fonte: Arq. ciências saúde UNIPAR;23(2):89-95, maio-ago. 2019.
Idioma: pt.
Resumo: O objetivo deste estudo foi comparar o conhecimento prévio e a assimilação das informações sobre giardíase pelos Agentes Comunitários de Saúde (ACS) de Foz do Iguaçu após intervenção educativa. Trata-se de um estudo comparativo de abordagem quantitativa com 55 ACS, do distrito sanitário Norte de Foz do Iguaçu. Foi utilizado um questionário contendo 10 questões fechadas sobre a giardíase que foi aplicado em dois momentos sequenciais da pesquisa. Inicialmente, foi aplicado um questionário para a avaliação do conhecimento prévio dos ACS sobre a giardíase. Em seguida, foi ministrada uma palestra sobre a doença para esse público e, aplicado novamente o questionário para a avaliação da assimilação das informações sobre a giardíase. Os dados coletados foram analisados pelo programa BioEstat 5.0® e utilizado o teste de Poisson, com significância de 5%. Foram identificadas fragilidades no conhecimento dos ACS na avaliação prévia para as variáveis investigadas (p<0,05). Após a intervenção educativa, observou-se aumento na média de acertos em todas as variáveis estudadas (p<0,05). A intervenção educativa favorece conhecimento aos ACS, possibilitando mudança no panorama da giardíase e, consequentemente melhora na qualidade de saúde da população.

The objective of this study was to compare the prior knowledge and assimilation of information regarding giardiasis by the Health Community Agents (HCA) from Foz do Iguaçu after educational intervention. This is a comparative study of the quantitative approach using 55 HCA from the northern health district in Foz do Iguaçu. A questionnaire containing 10 yes-or-no questions about giardiasis that was applied in two sequential moments of the research. Initially, a questionnaire was applied for assessing the HCA's prior knowledge regarding giardiasis. Then, the subjects attended a lecture on the disease and then, the questionnaire was applied again for assessing the assimilation of information on giardiasis. The data collected were analyzed using BioEstat 5.0® and the Poisson test with 5% significance. Weak points in the knowledge of the HCA were identified in the previous assessment for the investigated variables (p<0.05). After the educational intervention, there was an increase in the average number of correct answers in all variables studied (p<0.05). The educational intervention favors the retention of knowledge by the HCA, allowing a change in the panorama of giardiasis and, consequently, an improvement in the health quality of the population.
Descritores: Áreas de Fronteira
Giardíase/prevenção & controle
Agentes Comunitários de Saúde/educação
-Doenças Parasitárias/prevenção & controle
Atenção Primária à Saúde
Poluição da Água/prevenção & controle
Higiene/educação
Saneamento Básico/prevenção & controle
Aula
Diarreia/parasitologia
Coliformes/análise
Saúde da População
Limites: Humanos
Masculino
Feminino
Tipo de Publ: Estudo Comparativo
Responsável: BR513.1 - Biblioteca Central


  9 / 163 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Texto completo
Texto completo
Id: biblio-1121272
Autor: Piauí. Secretaria de Saúde. DIVISA/Vigilância Epidemiológica/CIEVS.
Título: Controle do fluxo de pessoas nas divisas do estado do Piauí e pessoas oriundas de outras regiões e estados, visando à prevenção e controle do SARS-CoV-2 (COVID-19) / flow control of people on the borders of the state of Piauí and people from other regions and states, aimed at the prevention and control of SARS-CoV-2 (COVID-19).
Fonte: Teresina; s.n; 20 mar. 2020. 3 p. (Nota técnica: SESAPI/DIVISA, 006).
Idioma: pt.
Descritores: Pneumonia Viral/prevenção & controle
Áreas de Fronteira
Infecções por Coronavirus/prevenção & controle
Prevenção de Doenças
Pandemias
-Vigilância Sanitária
Limites: Humanos
Tipo de Publ: GOVERNMENT PUBLICATIONS
Responsável: BR1897.1 - Biblioteca Professor Joaquim Borges Leal


  10 / 163 LILACS  
              first record previous record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: biblio-1058925
Autor: Priotto, Elis Maria Teixeira Palma; Silva, Marta Angelica Iossi.
Título: Consumo de álcool e drogas e participação em violência por adolescentes de uma região trinacional / Consumption of alcohol and drugs and youth violence in a tri-national region / Consumo de alcohol y drogas y participación en violencia por adolescentes de una región trinacional
Fonte: SMAD, Rev. eletrônica saúde mental alcool drog;15(3):1-9, jul.-set. 2019. tab.
Idioma: pt.
Resumo: OBJETIVO: identificar a associação entre o consumo de drogas e álcool e a participação em violência de adolescentes da tríplice fronteira, de três municípios/países: Brasil, Paraguai e Argentina. MÉTODO: estudo descritivo transversal com 2788 adolescentes estudantes, com amostragem aleatória. RESULTADOS: consumo elevado de tabaco e álcool nos três municípios/países. As meninas consomem mais álcool, adolescentes argentinos consomem mais drogas. Os paraguaios como vítimas tem maiores chances para o consumo de álcool e drogas, os brasileiros como vítimas e vítimas/agressores tendem para o consumo de bebidas alcoólicas. CONCLUSÃO: a exposição à violência entre os adolescentes é alta quando é associada ao uso de álcool. Há a necessidade de intervenções como prevenção e educação em saúde nas escolas de uma região trinacional.

OBJECTIVE: to identify the association between consumption of drugs and alcohol and the violence amongst teenagers of the frontier of Brazil, Paraguay and Argentina. METHOD: cross-sectional descriptive study, with 2788 students teenagers, with random sampling. RESULTS: The heightened consumption of tobacco and alcohol in the three mentioned cities/countries. Girls consume more alcohol. Argentinian teenagers consume more drugs. Paraguayans as victims have increased chances of consumption of alcohol and drugs, and, brazilians as victims and victims/aggressors by consumption of alcohol. CONCLUSION: that the exposition of violence between teenagers is high, and is associated with the use of alcohol. Interventions such as prevention and health education in schools of a tri-national frontier region are needed.

OBJETIVO: identificar la asociación entre el consumo de drogas y alcohol y la participación en violencia de adolescentes de tres municipios/ países: Brasil, Paraguay y Argentina. MÉTODO: Estudio descriptivo transversal con 2788 adolescentes, con muestreo aleatorio. RESULTADOS: consumo elevado de tabaco y alcohol en los tres municipios/países. Las niñas consumen más alcohol, los adolescentes argentinos consumen más drogas. Los paraguayos como víctimas tienen más posibilidades para el consumo de alcohol y drogas, los brasileños como víctimas y víctimas/agresores propenden para el consumo de bebidas alcohólicas. CONCLUSIÓN: Altos índices de violencia asociados al uso de alcohol. Hay la necesidad de intervenciones como prevención y educación en salud en las escuelas de una región trinacional.
Descritores: Violência
Áreas de Fronteira
Consumo de Bebidas Alcoólicas
Drogas Ilícitas
Alcoolismo
Comportamento de Procura de Droga
Exposição à Violência
Limites: Humanos
Masculino
Adolescente
Responsável: BR26.1 - Biblioteca Central



página 1 de 17 ir para página                         
   


Refinar a pesquisa
  Base de dados : Formulário avançado   

    Pesquisar no campo  
1  
2
3
 
           



Search engine: iAH v2.6 powered by WWWISIS

BIREME/OPAS/OMS - Centro Latino-Americano e do Caribe de Informação em Ciências da Saúde