Base de dados : LILACS
Pesquisa : SP3.076.187.173.174 [Categoria DeCS]
Referências encontradas : 34 [refinar]
Mostrando: 1 .. 10   no formato [Detalhado]

página 1 de 4 ir para página            

  1 / 34 LILACS  
              next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: lil-571089
Autor: Galán-Rodas, Edén; Díaz-Vélez, Cristian; Villena, Juan; Maguiña, Ciro.
Título: Mortalidad de médicos que realizan el servicio rural (SERUMS) en Perú, 2006-2009: [carta al editor] / Mortality in young doctors doing the rural service in Peru, 2006-2009: [letter to the editor]
Fonte: Rev. peru. med. exp. salud publica;27(3):483-484, jul.-set. 2010. graf.
Idioma: es.
Descritores: Acidentes de Trânsito/mortalidade
Mortalidade Ocupacional
Médicos
Mortalidade
Limites: Humanos
Tipo de Publ: Carta
Responsável: PE14.1 - Biblioteca de la Sede Central


  2 / 34 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: biblio-1111694
Autor: Galán Rodas, Román Edén; Díaz Vélez, Cristian; Villena Vizcarra, Juan Octavio; Maguiña Vargas, Ciro Peregrino.
Título: Mortalidad de médicos que realizan el servicio rural (SERUMS) en Perú, 2006-2009 / Mortality in young doctors doing the rural service in Peru, 2006-2009
Fonte: Rev. peru. med. exp. salud publica;27(3):483-484, jul.-set. 2010. graf.
Idioma: es.
Descritores: Acidentes de Trânsito/mortalidade
Mortalidade
Mortalidade Ocupacional
Médicos
Limites: Humanos
Tipo de Publ: Carta
Responsável: PE14.1 - Biblioteca de la Sede Central


  3 / 34 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: biblio-1015511
Autor: Plata Casas, Laura inés.
Título: Mortalidad por accidentes laborales en del Departamento del Meta, años 2010-2015 / Occupational mortality in the Meta Department, 2010-2015 / Mortalidade por acidentes de trabalho no Departamento de Meta, anos 2010-2015Laura inés Plata-Casas*
Fonte: Rev. cienc. cuidad;16(2), 2019.
Idioma: es.
Resumo: Introducción:La mortalidad es considerada un factor de medición del estado de salud poblacional, por tanto, resulta indispensable reconocer su comportamiento epi-demiológico. Objetivo: Determinar la epidemiología de los casos de mortalidad por accidente laboral ocurridos en el Meta, durante el periodo comprendido entre 2010-2015. Materiales yMétodos: Estudio descriptivo y análisis de información del re-gistro único de afiliaciones, procesada en SPSS. Se utilizarán: estadística descriptiva, tasas de mortalidad y análisis de tendencias. Resultados: La tendencia en los casos de mortalidad por accidentes laborales ha disminuido, el 81% de la variabilidad de los casos de mortalidad, es explicada por su relación con los años. Conclusión: Los proyectos, programas y políticas de salud deben reflejar un seguimiento y monitoreo a los programas de promoción de la salud laboral. Igualmente, se debe evaluar su impacto, así como la realización de ajustes y su priorización.

Introduction: Mortality is considered a measuring factor of the population health; therefore, it is indispensable to recognize its epidemiological behavior. Objective:Determine the epidemiology of the occupational mortality cases in the Meta De-partment during the 2010-2015 period. Materials and Methods: Descriptive stu-dy and analysis of information from single affiliation records, processed in SPSS. Descriptive statistics, mortality rates and trend analysis will be used. Results: The tendency in occupational mortality has decreased, 81% of the variability in the oc-cupational mortality cases has been explained by its relation with age. Conclusion:The health projects, programs, and policies should reflect follow-up and monitoring of promotion programs in the occupational health area. Also, its impact must be eva-luated, as well as conducting adjustments and prioritization

Introdução: A mortalidade é considerada um indicador do estado da saúde da população, porém, é fundamental reconhecer o seu comportamento epidemiológico. Objetivo: Determinar o compor-tamento epidemiológico da mortalidade por acidentes de trabalho que aconteceram no estado do Meta, durante o período entre 2010 e 2015. Materiais e métodos: Estudo descritivo com análise do registro único de afiliações processada no SPSS. Foi empregada a estatística descritiva, taxas de mortalidade e a análise de tendências. Resultados: A tendência dos casos de mortalidade por acidentes de trabalho tem diminuído, o 81% da variabilidade dos casos de mortalidade explica-se pela sua relação com os anos. Conclusão: Os projetos, programas e politicas de saúde devem mos-trar um acompanhamento e monitoramento aos programas de promoção da saúde do trabalhador. Entretanto, deve-se avaliar o impacto dessas ações assim como ser priorizados e realizados ajustes.
Descritores: Mortalidade Ocupacional
Acidentes de Trabalho
-Colômbia
Responsável: CO648.1


  4 / 34 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Souza, Maria de Fátima Marinho de
Id: lil-242499
Autor: Uehara, Marilia Keiko; Neves, Hélio; Souza, Maria de Fátima Marinho de.
Título: Estudo de mortes e incapacidades permanentes decorrentes de acidentes de trabalho na Estado de Säo Paulo / Deaths and permanent desabilities study decurrent of accidents, occupational at Säo Paulo State
Fonte: In: Säo Paulo (Estado). Secretaria da Saúde. Divisäo de Saúde do Trabalhador. Rede Especial - Revista do Projeto de Cooperaçäo Técnica Brasil-Itália: "Proteçäo à saúde nos ambientes de trabalho" - 1998. Säo Paulo, IMESP, 1998. p.20-4, ilus, tab.
Idioma: pt.
Conferência: Apresentado em: Seminário Internacional Brasil-Itália: Cooperaçäo Técnica em Saúde do Trabalhador no Estado de Säo Paulo, Säo Paulo, 1994-1998.
Descritores: Mortalidade Ocupacional
Acidentes de Trabalho
-Notificação de Acidentes de Trabalho
Responsável: BR91.2 - Centro de Documentação
BR91.2; U22e


  5 / 34 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Id: lil-881
Autor: Argentina. Ministerio de Salud y Acción Social; Organización Panamericana de la Salud; Organización Mundial de la Salud.
Título: Salud ocupacional / Occupational health
Fonte: In: Argentina. Ministerio de Salud y Acción Social; Organización Panamericana de la Salud; Organización Mundial de la Salud. Argentina: descripción de su situación de salud. s.l, Argentina. Ministerio de Salud y Acción Social, oct. 1985. p.130-130, ilus.
Idioma: es.
Resumo: En comparación con los avances producidos en otros países, la Argentina la logrado bajo nivel de desarollo en lo referente a Medicina Laboral y Seguridad e Higiene Ocupacional. Existe un subregistro inportante de accidentes y enfermedades profesionales. El decreto N. 351 de 1979, expresa la concreción de prestaciones sobre medicina, higiene y seguridad del trabajo por parte de los establecimientos a través de una estructura orgánica-funcional. Además contiene otras especificaciones de contaminación permitidas, exigencias para la construcción etc. En 3 capítulos del decreto se establecen pautas para organizar tareas de protección y prevención de accidentes y enfermedades ocupacionesles. Se aclara que uno de los mayores problemas es contar con personal idóneo para inspeccionar, regular y controlar el cumplimiento de la legislación laboral. Se ha hecho obligatorio el uso de carpetas que permiten el seguimiento del estado de salud del trabajador, por todas las empresas, independiente de su tamaño. En 1980, se ha realizado una encuesta en 2636 empresas de todo el país, de todos los sectores de actividad, que permite obtener información sobre accidentes de trabajo y sus diversas formas, y el tipo de enfermedades profesionales registradas. Se detallan las actividades desarrolladas en el ámbito nacional y provincial en materia de Salud Ocupacional
Descritores: Serviços de Saúde do Trabalhador/legislação & jurisprudência
-Argentina
Mortalidade Ocupacional
Acidentes de Trabalho
Responsável: BR1.1 - BIREME
BR1.1/126.05; US1.1; S ARG WB141.4.A1 1985


  6 / 34 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo SciELO Saúde Pública
Texto completo
Id: biblio-961722
Autor: Lefio, Álvaro; Bachelet, Vivienne C; Jiménez-Paneque, Rosa; Gomolán, Patricio; Rivas, Katherinne.
Título: A systematic review of the effectiveness of interventions to reduce motor vehicle crashes and their injuries among the general and working populations / Revisión sistemática de la efectividad de las intervenciones para reducir las colisiones de vehículos de motor y lesiones Asociados Resultantes en la población general y la población económicamente activa / Revisão sistemática da efetividade de intervenções para reduzir os acidentes de trânsito e ferimentos na população geral e na população ativa
Fonte: Rev. panam. salud pública = Pan am. j. public health;42:e60, 2018. tab, graf.
Idioma: en.
Resumo: ABSTRACT Objective To summarize the best available international scientific evidence on the effectiveness of interventions to reduce motor vehicle collisions and their consequences among the working and general populations. Methods A broad and systematic review was conducted of the literature available in biomedical databases and grey literature. At least two investigators working in parallel performed data extraction, synthesis, and risk of bias analysis. Results Forty-one studies with low to moderate risk of bias were included. Of these, 18 had an ecological design (time series), 10 were quasi-experimental, one was a population survey, one was a randomized clinical trial, and 11 were systematic reviews. Conclusions The interventions that most consistently show a positive effect on incidence, morbidity, and mortality due to motor vehicle collisions are national policies or programs that: regulate, enforce, and penalize driving under the influence of alcohol; improve driving safety and driver conditions; improve road infrastructure with the purpose of preventing collisions; and educate and penalize drivers with a history of road violations.

RESUMEN Objetivo Resumir la mejor evidencia disponible a nivel internacional sobre la efectividad de las intervenciones para reducir el número de colisiones de vehículos de motor y sus consecuencias en la población general y la población económicamente activa. Métodos Revisión amplia y sistemática de la bibliografía contenida en las bases de datos biomédicas y la literatura gris. Al menos dos investigadores trabajando en paralelo realizaron la extracción de datos, la síntesis y el análisis del riesgo de sesgo. Resultados Se incluyeron 41 estudios con un riesgo de sesgo bajo o moderado. De ellos, 18 tenían un diseño ecológico (series de tiempo), 10 eran cuasiexperimentales, 1 era una encuesta poblacional, 1 era un ensayo clínico aleatorizado y 11 eran revisiones sistemáticas. Conclusiones Las intervenciones que muestran más sistemáticamente un efecto positivo sobre la incidencia, la morbilidad y la mortalidad por colisiones de vehículos de motor son las políticas o programas nacionales que reglamentan, hacen cumplir los reglamentos y sancionan a quienes conducen bajo los efectos del alcohol; mejoran la seguridad al conducir y con respecto a los conductores; mejoran la infraestructura vial a fin de prevenir las colisiones; y educan y sancionan a los conductores con antecedentes de infracciones de las leyes de tránsito.

RESUMO Objetivo Sintetizar as melhores evidências científicas internacionais disponíveis sobre a efetividade das intervenções para reduzir os acidentes de trânsito e suas consequências na população geral e na população ativa. Métodos Foi realizada uma ampla revisão sistemática da literatura em bases de dados biomédicas e da literatura cinzenta. A extração e a síntese dos dados e a análise de risco de viés foram conduzidas em paralelo por, pelo menos, dois pesquisadores. Resultados Foram selecionados para análise 41 estudos com risco de viés baixo a moderado. Destes, 18 possuíam design ecológico (série temporal), 10 eram estudos quase-experimentais, um estudo era um levantamento populacional, um era um estudo clínico randomizado e 11 eram revisões sistemáticas. Conclusões As intervenções que sistematicamente demonstraram um efeito positivo na incidência, morbidade e mortalidade de acidentes de trânsito são as políticas ou programas nacionais para regulamentar, cumprir as leis e aplicar sanções aos condutores que dirigem sob influência de álcool, melhorar a segurança e condições para condução de veículos, melhorar a infraestrutura viária visando evitar acidentes e educar e multar os condutores com histórico de infrações.
Descritores: Mortalidade Ocupacional
Acidentes de Trânsito
Traumatismos Ocupacionais
Dirigir sob a Influência/prevenção & controle
Limites: Humanos
Responsável: BR1.1 - BIREME


  7 / 34 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: lil-690449
Autor: Nomellini, Patrícia Ferreira; Alves, Marta Maria Malheiros; Santos, Gessi Carvalho de Araújo.
Título: Óbitos por acidentes e violências relacionados ao trabalho no município de Palmas, Estado do Tocantins, Brasil, 2010 e 2011: série de casos e investigação por meio de autópsia verbal* / Deaths from work-related accidents and violence in Palmas-TO, Brazil, 2010-2011: case series and investigation through verbal autopsy
Fonte: Epidemiol. serv. saúde;22(3):413-422, set. 2013. ilus, tab.
Idioma: pt.
Resumo: Objetivo: descrever os óbitos por acidentes e por violências relacionadas ao trabalho e verificar a aplicabilidade da autópsia verbal para melhoria da qualidade da informação sobre esses óbitos no município de Palmas, Estado do Tocantins, Brasil, em 2010 e 2011. Métodos: estudo descritivo de série de casos, sobre óbitos por acidentes e violências relacionados ao trabalho entre trabalhadores com 18 anos ou mais de idade, com dados do Sistema de Informações sobre Mortalidade (SIM) e investigação mediante autópsia verbal. Resultados: dos 74 óbitos investigados, 14 foram relacionados ao trabalho, dos quais 4 foram por acidentes típicos, 5 por acidentes de trajeto, 2 não puderam ser classificados e 3 foram resultantes de violências relacionadas ao trabalho; a subnotificação de acidentes fatais no SIM foi 100 por cento. Conclusão: os óbitos por causas relacionadas ao trabalho não eram identificados na declaração de óbito e a autópsia verbal mostrou-se aplicável para aprimorar as informações sobre esses óbitos no SIM.

Objective: to describe deaths from work-related accidents and violence in Palmas-TO, Brazil, 2010-2011 and to verify the applicability of verbal autopsy for improving the quality of information on such deaths. Methods: descriptive case series study of deaths from work-related accidents and violence in workers aged 18 or over using Mortality Information System (SIM) data and investigation through verbal autopsy. Results: 14 of the 74 deaths investigated related to work. 4 of them were typical accidents, 5 resulted from commuting injuries, 2 could not be classified and 3 resulted from work-related violence. Fatal injuries at work were 100 per cent underreported on the SIM. Conclusion: workrelated deaths were not identified on death certificates and verbal autopsy proved to be instrumental in enhancing information about such deaths on the SIM.
Descritores: Epidemiologia Descritiva
Causas Externas
Mortalidade Ocupacional
Saúde do Trabalhador/estatística & dados numéricos
Sistemas de Informação
Limites: Humanos
Masculino
Feminino
Adolescente
Adulto
Pessoa de Meia-Idade
Idoso de 80 Anos ou mais
Responsável: BR275.1 - Biblioteca


  8 / 34 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Texto completo
Id: lil-682085
Autor: Alves, Marta Maria Malheiros; Nomellini, Patrícia Ferreira; Pranchevicius, Maria Cristina da Silva.
Título: Mortalidade por acidente de trabalho no Estado do Tocantins, Brasil: estudo descritivo, 2000-2010 / Occupational mortality in Tocantins State, Brazil: a descriptive study 2000-2010
Fonte: Epidemiol. serv. saúde;22(2):243-254, 2013. graf, tab.
Idioma: pt.
Resumo: Objetivo: descrever os acidentes de trabalho (AT) fatais no Estado do Tocantins, Brasil, e avaliar a qualidade das informações contidas no Sistema de Informações sobre Mortalidade (SIM). Métodos: estudo ecológico descritivo com dados do SIM, no período 2000-2010. Resultados: foram identificados 400 óbitos por AT, com predomínio de trabalhadores do sexo masculino, entre 20 e 49 anos de idade, ocupados nos setores agropecuário, dos transportes e da construção civil; o coeficiente de mortalidade manteve-se estável (p=0,56) no período, equivalente a 6,7 e 9,6/100 mil trabalhadores, em 2000 e 2010, respectivamente; apesar da diminuição da proporção de óbitos por causas mal definidas (de 21,1 por cento em 2000 para 2,7 por cento em 2010), a completitude da informação sobre a relação do óbito com o trabalho permaneceu inferior a 20 por cento no período. Conclusão: o perfil apresentado pode não refletir o real universo dos óbitos por AT, evidenciando a necessidade de aprimorar a qualidade da informação.

Objective: to characterize fatal occupational accidents in the Brazilian State of Tocantins and evaluate Mortality Information System (SIM) information quality. Methods: descriptive ecological study of SIM data between 2000 and 2010. Results: 400 fatal occupational accidents were reported in this study, predominantly males aged 20 to 49 working in the farming, transport and civil construction sectors. The mortality coefficient was stable (p=0.56) in the period at 6.7 and 9.6/100,000 workers in 2000 and 2010 respectively. Despite the reduction in the proportion of deaths with ill-defined causes, the completeness of information on the relationship between death and occupation remained below 20 per cent in the period. Conclusion: the profile found may not reflect the actual universe of fatal occupational accidents, demonstrating the need to improve information quality.
Descritores: Mortalidade Ocupacional
Saúde do Trabalhador/estatística & dados numéricos
Sistemas de Informação
Distribuição Temporal
Limites: Humanos
Masculino
Feminino
Pré-Escolar
Criança
Adolescente
Adulto
Pessoa de Meia-Idade
Responsável: BR275.1 - Biblioteca


  9 / 34 LILACS  
              first record previous record next record last record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Machado, Jorge Mesquita Huet
Id: lil-638201
Autor: Waldvogel, Bernadette Cunha.
Título: Quantos acidentes do trabalho ocorrem no Brasil?: proposta de integração de registros administrativos / How many work-related injuries occur in Brazil?: proposal for integration of administrative records
Fonte: In: Minayo Gomes, Carlos; Machado, Jorge Mesquita Huet; Pena, Paulo Gilvane Lopes. Saúde do trabalhador na sociedade brasileira contemporânea. Rio de Janeiro, Editora Fiocruz, 2011. p.227-244, tab, graf.
Idioma: pt.
Descritores: Acidentes de Trabalho/estatística & dados numéricos
Acidentes de Trabalho/mortalidade
Doenças Profissionais/epidemiologia
Saúde do Trabalhador
Mortalidade Ocupacional
-Atestado de Óbito
Hospitalização
Sistemas de Informação
Estatísticas de Sequelas e Incapacidade
Limites: Humanos
Responsável: BR526.1 - Biblioteca de Saúde Pública
BR526.1; 363.110981, M663s


  10 / 34 LILACS  
              first record previous record
seleciona
para imprimir
Fotocópia
Id: lil-619517
Autor: Melo, Marilia Cortes Gouveia de.
Título: Saúde e trabalho / Health and work.
Fonte: Rio de Janeiro; s.n; 1991. 35 p. tab.
Idioma: pt.
Tese: Apresentada a Universidade do Estado do Rio de Janeiro. Instituto Medicina Social para obtenção do grau de Mestre.
Resumo: Este estudo objetivou investigar o perfil de morbimortalidade da população usuária de um serviço de saúde pública, localizado no município do Rio de Janeiro. Esse perfil foi levantado através dos dados coletados dos prontuários do referido serviço. Observou-se que a distribuição dos agravos à saúde e dos acidentes está correlacionado com as diversas categorias sócio-ocupacionais dessa população.
Descritores: Acidentes de Trabalho/estatística & dados numéricos
Saúde do Trabalhador
Mortalidade Ocupacional
Saúde Pública
-Brasil
Limites: Humanos
Adulto
Responsável: BR433.1 - CB/C - Biblioteca Biomédica C
BR433.1; T987



página 1 de 4 ir para página            
   


Refinar a pesquisa
  Base de dados : Formulário avançado   

    Pesquisar no campo  
1  
2
3
 
           



Search engine: iAH v2.6 powered by WWWISIS

BIREME/OPAS/OMS - Centro Latino-Americano e do Caribe de Informação em Ciências da Saúde